Audi está preocupada com a crise e Q2 fica em compasso de espera

04/03/2016

novo-audi-q2-1

A Audi declarou que quer fabricar o Q2 no Brasil, mas está preocupada com a crise atual no mercado interno. O novo utilitário esportivo da marca alemã é feito sobre a plataforma MQB, a mesma do Golf e A3, medindo 4,19 m de comprimento, 1,79 de largura, 1,51 de altura e 2,60 de entre-eixos.

A empresa considerava fabrica-lo em São José dos Pinhais/PR junto com a dupla A3/Q3, mas a situação econômica não é favorável no momento e o Q2 ficou em compasso de espera. A Audi aguarda que o panorama nacional melhore para então retomar o projeto.

novo-audi-q2-3

Neste momento, a Audi explica que não há nem como importar o Q2 para o Brasil, devido aos custos elevados que deixariam o crossover na mesma faixa de preço do Q3, que começou a ser montado no Paraná. Por isso, a ideia mais viável é fabrica-lo aqui, justamente por conta da MQB já presente, assim como pelo motor 1.0 TSI do up! TSI, que deverá entregar 115 cv (10 cv a mais).

Com preços a partir de R$ 127.190, o Audi Q3 segue seu curso no Brasil junto com o A3 Sedan, mas inicialmente será vendido apenas com gasolina. Se a situação melhorar, o Q2 deve se juntar aos dois com preços abaixo do irmão maior, provavelmente começando abaixo de R$ 100.000 e batendo de frente com os tops de linha de HR-V e Renegade. O modelo é fundamental para que a Audi alcance a meta de vender 30 mil carros por ano no Brasil.

[Fonte: UOL]













  • zekinha71

    Então aqui só em 2020 ou nunca.

    • !Marcelo Surf!

      Depende, já tivemos o sinal que se o câncer sumir a economia volta a girar e as empresas voltam a investir.

  • GPE

    Pra usar um motor de menos de 120cv esse carro vai ter que ser bem leve… No máximo, coisa de 1200kg.

    • Leonel

      O mais importante é o torque, que é acima de muito 1.6, então, será suficiente para puxar o Q2. Aposto que vai andar mais que o Renegade 1.8 FLEX.

      • HiperBrasill

        Que aposta difícil! ; )

      • GPE

        Kkkkkkk só carro 1.0 perde p Renegade

        • duhehe

          Me da um Mille 2p pelado bem amaciado, até 160 quero ver Renagade me passar.

          • GPE

            Kkkkkkkkk verdade! Briga difícil

      • Edson Fernandes

        MAis que 1.6? Dá para dizer tranquilamente se for o 1.4, que é acima de 2.0. Já o 1.0 TSI no Golf de fora, dá para dizer que ele é muito similar aos 1.8 e 2.0.

    • Gustavo73

      É um compacto, altinho fo futuro A1, 115cv e 20kgfm move muito bem o Golf Bluemotion.

      • th!nk.t4nk

        E econômico pra caramba. Ah e mais: de brinde ainda paga menos imposto no Brasil, o que num carro caro dá uma grana razoável. Isso dá à Audi a possibilidade de trabalhar melhor seu preço, com mais gordura pra queimar se necessário.

      • GPE

        O peso fara a diferença entre ter um desempenho aceitável ou vergonhoso

        • Gustavo73

          O Golf Bluemotion pesa 1211 com o 1.0tsi no cofre. O Q2 é menor, provavelmente com a mesma largura. Ele é um compacto usa a MQB-A0 que é menor que a do Golf. Logo será mais leve. Lembrando que no Golf o 1.0 Tsi tem 115cv e 20kgfm, aqui já surgem números com 125 cv. São números muito parecidos com o 1.4 que vinha no A3 sedan 122cv e 22 kgfm. Então dá pra ter uma ideia. Dev fazer de 0/100 em 11 seg ou ligeiramente menos.

          • GPE

            É. Fazendo de 11 p baixo ta razoável. Não é o ideal, mas frente ao consumo baixo, vale a pena. O preço é q vai dizer se vale a pena ou não

            • Gustavo73

              O preço não será camarada. Disso eu tenho certeza.

            • Edson Fernandes

              Não é o ideal para um motor 1.0 turbo?

              Ele simplesmente andaria similar aos 2.0 de nosso mercado com uma economia absurdamente maior.

    • ricmoriah

      parece que vai ser 1.205 kg, o mesmo peso do golf.

  • Ramon Oliveira

    Pode trazer dona Audi, só com a ida do Lula pra PF o dólar foi operar na caixa de 3,66 e bolsa subindo. Daqui a alguns meses quando esse bando de lixo que está no governo sair a situação melhora

    • Louis

      A meu ver, o movimento é meramente especulativo. Mesmo que a quadrilha saia, a economia real não melhora em menos de 3 anos.
      Quanto à Audi, meta de vender 30 mil carros na Banânia, quem sabe daqui 80 anos ela consiga…

      • Ramon Oliveira

        Claro que a economia reage de forma lenta aos estímulos/fatos, mas uma guinada do câmbio no curto/médio prazo pra faixa de 3 reais já melhora e muito a situação de importados. Ninguém (empresas, investidores locais e estrageiros, etc etc) confia mais nesse governo, por isso o mercado dá graças a Deus quando sai uma notícia desse tipo

    • pedro rt

      o dolar so vai cair e a economia voltar a ser boa qdo nao so o LULA e a DILMA forem presos mas todos os politicos, afinal e tudo igual

  • beto

    Nas concessionárias Audi no 1° trimestre de 2017, pode apostar.

  • Leonel

    Dentro do que eu havia falado, deve ficar abaixo dos 100 mil (chuto um inicial de 95 mil) e com o motor 1.4 TSI. Na topo de linha, deve colocar o 1.4 TSI, haja visto que o Q3 tem o 2.0 TSI na topo.

    Com um bom plano de valores nas revisões e seguro, pode tirar fácil fácil o lugar de HR-V, Renegade (Flex) e o futuro SUV da Toyota (se vir, claro).

  • Gustavo73

    A Q3 já começou a ser montada aqui? Falando da Q2, nem na Europa começou a ser feita. Deve chegar até o final do ano, aqui chuto em algum momento de 2017. A VWB já falou que o T-Cross irmão do Q2 vem.

    • ricmoriah

      provavelmente os dois serão feitos em SJP. a questão é mais custo e posicionamento. o T-Cross com freio de estacionamento mecânico, detalhes mais simples e corte de tecnologias, ficará abaixo do Q2, partindo quem sabe de 70 mil reais. enquanto o Q2 teria mais itens e atributos para cobrar mais, além do nome.

      • Gustavo73

        O sistema MQB que permite usar peças comuns já está aqui assim como os motores que são os mais caros. Agora 70 mil você está sendo muito otimista com a nossa economia e com a VWB. Até porque na melhor das hipótese eles chegam no ano que vem. O Q2 na faixa dos 100mil. O TCross na faixa dos 80 mil.

  • fbl

    Depois do estrago que o PT esta fazendo, pode postergar bem Audi.

  • thi

    Burra , vai perder uma boa fatia ..do mercado

  • foradilma

    como se conserta fraude diesel gate?

  • Gurgelando

    Essa trazerinha de Gol que não ajuda… hahaha

  • kravmaga

    Nem o Q3 com motor 2.0 turbo de 180 cv me convenceu a dar 150 mil nele no ano passado. O carro tem um espaço interno apenas razoável e o desempenho, embora bom, me frustrou um pouco quando fiz test drive nele. Esperava mais de um carro premium. Com motor 1.4 TSI eu imagino que seja bem pior.

    Esse Q2 nem dimensões de crossover/SUV vai ter. Vai ser mais um carro explorando a crescente modinha de crossovers que cada vez menos têm aparência e altura de SUV (a razão pela qual muitos optam por esse tipo de carroceria) e motorizações cada vez menores e comuns.

    Já tive crossover médio e voltei atrás porque percebi que essa tendência é uma furada. Até gostei da maior altura de dirigir em certos casos, mas só teria um carro assim de novo no dia em que precisar mesmo e puder comprar um crossover que tenha tração 4×4 com reduzida e um motor V6 ou V8 a gasolina ou ainda um diesel.

  • Senhora Liberdade

    um minicooper alemao esse Q2

  • BuffyDawn Summers

    Evoque. É você?

  • Gran RS 78

    Seria uma boa a Audi fabricar esse modelo no Brasil, especialmente se ele custasse no máximo 100 mil reais, pois iria vender muito e muitos clientes que querem um modelo premium e não querem gastar uma fortuna, poderia compra-lo, ainda mais sendo um suv/crossover, modelos que estão na moda e vendem bastante por aqui.