Home Populares Avaliação completa do Renault Logan automático

renault logan automatico 2 Avaliação completa do Renault Logan automático




Assim como ocorreu com ar-condicionado, direção hidráulica e trio elétrico, o câmbio automático gradativamente deixa de ser visto como item de luxo para se tornar um aliado contra o tédio do tráfego lento e congestionado das grandes cidades brasileiras.

As fabricantes de automóveis estão de olho nos consumidores que buscam a comodidade das transmissões que dispensam o pedal da embreagem. É o caso da Renault, que estendeu o câmbio automático a alguns modelos de sua gama de compactos, como Sandero e Logan. No caso do sedã, o câmbio automático é ofertado como opcional na versão Expression com motor 16V.

A Renault resgatou o câmbio automático de quatro velocidades que já havia aparecido por aqui em modelos da segunda geração da linha Mégane equipados com motor 2.0 litros 16V. A transmissão, antigamente batizada de Proactive, foi acoplada ao motor 1.6 litro 16V flex, que entrega 112/107 cv de potência a 5.750 rpm e 15,5/15,1 kgfm torque a 3.750 rpm, quando abastecido com etanol e gasolina.

O câmbio automático do Logan é auto-adaptativo e avalia a marcha mais adequada para cada situação, a partir de uma central eletrônica. Segundo a Renault, o mecanismo se ajusta ao estilo de condução do motorista, de uma direção mais suave até um desempenho mais esportivo.

renault logan automatico 1 Avaliação completa do Renault Logan automático

Em relação ao motor 1.6 8V que equipa o Logan Expression com câmbio manual, o ganho de potência fica em 17 cv, graças à adoção do cabeçote com quatro válvulas por cilindro. A potência extra, no entanto, compensa a presença do câmbio automático – este tipo de transmissão costuma diminuir o desempenho do propulsor.

Com isso, os números das duas versões ficam bastante próximos: 11,7 segundos na aceleração de zero a 100 km/h e 171 km/h de velocidade máxima para o Logan automático abastecido com etanol, contra 11,8 segundos e 175 km/h do sedã com câmbio manual.

O Logan Expression Automatic parte de R$ 41.950, equipado com motor 1.6 litro 16V flex. A versão Expression com o tradicional câmbio manual e motor 1.6 litro 8V sai por R$ 38.450. O câmbio automático de quatro marchas, com opção de troca sequencial na alavanca, e o motor 16V agregam R$ 3.500 ao valor do carro. O Logan automático emplaca, em média, 165 unidades por mês e responde por 5% das vendas do modelo da Renault desde setembro.

Entre os itens de série da versão Expression – que é a configuração intermediária, acima da Authentique e abaixo da Avantage – estão direção hidráulica, ar-condicionado, computador de bordo, detalhes cromados na carroceria e vidros dianteiros elétricos.

renault logan automatico 3 Avaliação completa do Renault Logan automático

Airbag duplo, freios com ABS, volante em couro, CD player com MP3, rodas de liga leve de 15 polegadas e vidros traseiros elétricos constam apenas como itens de um pacote de opcionais, vendido por R$ 3.650. Completo, o Logan automático sai por R$ 45.600.

No segmento dos sedãs compactos automáticos, o modelo da Renault sustenta vantagem expressiva diante de seu principal concorrente – o Peugeot 207 Passion – quando o assunto é preço. O sedã da Peugeot com transmissão automática de quatro velocidades com o mesmo nível de equipamentos custa R$ 51.990.

O recém-lançado Chevrolet Cobalt se juntará à categoria no segundo trimestre de 2012, quando a versão com motor 1.8 litro e transmissão automática de seis velocidades chegar ao mercado nacional. Os automatizados também reforçam a oferta.

Em configurações semelhantes, o Fiat Siena Dualogic custa R$ 49.622, e o Volkswagen Voyage i-Motion sai por R$ 51.290. Além da comodidade, o Logan automático também quer atrair o consumidor pelo espaço interno, uma das características que destacam o modelo da Renault entre os sedãs compactos nacionais.

renault logan automatico 4 Avaliação completa do Renault Logan automático

O porta-malas do Logan comporta até 510 litros, marca superior à dos principais rivais. O Siena, por exemplo, recebe 500 litros de bagagem, enquanto 207 Passion e Voyage trazem 420 e 480 litros, respectivamente.

Ponto a ponto

Desempenho – O conjunto mecânico do Logan não esbanja potência, mas sabe utilizar bem o que o motor 1.6 litro com 16V oferece. No trânsito pesado e lento, o câmbio automático é eficiente e apresenta trocas suaves. A transmissão só peca quando o condutor precisa de ganho de potência imediato, por causa do escalonamento longo demais das marchas. O câmbio automático de quatro velocidades não é totalmente eficaz em situações de ultrapassagem, mas tem comportamento muito superior aos concorrentes automatizados no tráfego intenso das grandes metrópoles. Nota 7.

Estabilidade – O sedã compacto não surpreende o condutor em curvas mais acentuadas. A aderência ao solo é adequada no caso de manobras mais agressivas. A carroceria do sedã tende a sair de frente se a curva for feita em alta velocidade – em velocidades civilizadas, o comportamento é bem mais amigável. A suspensão macia filtra bem as imperfeições do piso, mas não chega a ser “molenga”. A performance dos freios agrada e o trabalho conjunto com a transmissão automática garante uma condução sem transtornos. Nota 8.

Interatividade – Os comandos da cabine são bem posicionados e o painel de instrumentos é bastante intuitivo e simples de ser utilizado. O volante e o banco do motorista têm regulagem de altura de série. O motorista, no entanto, não conta com a opção por comandos no volante. Outro ponto fraco é o sistema de trocas manuais na alavanca, que precisa ser posicionada para a esquerda, o que faz com que a perna direita do motorista fique em contato com a manopla e incomode durante a condução. Nota 7.

renault logan automatico 5 Avaliação completa do Renault Logan automático

Consumo – O Renault Logan automático marcou uma média de 7,8 km/l com etanol em circuito com 2/3 de percurso urbano e 1/3 em estrada. Essa versão do sedã da marca francesa ainda não foi incluído no Programa Brasileiro de Etiquetagem do Inmetro. Nota 8.

Conforto – Quem anda nos bancos de trás do Logan não repete críticas que são recorrentes em outros modelos compactos. O espaço para as pernas nos bancos traseiros é suficiente para receber bem os ocupantes e conferir um aspecto de habitáculo de segmentos superiores. Os passageiros da frente também andam bem. Outro quesito elogiável é o isolamento acústico. Ruídos e vibrações são discretos em velocidades baixas. A visibilidade e a posição de dirigir também reforçam a sensação agradável da vida a bordo do Logan. Nota 8.

Tecnologia – A plataforma do Logan, desenvolvida pela subsidiária romena Dacia, foi bem adaptada à realidade brasileira e se mostra moderna. A versão intermediária Expression conta com bom nível de equipamentos, como computador de bordo e direção hidráulica com regulagem de altura do volante. Mas a adição do pacote de opcionais se torna quase obrigatória para fazer jus ao nível de exigência do perfil de consumidor que a Renault quer atrair. De série, o Logan traz sistema de travamento das portas em velocidades acima de 60 km/h, mas os itens de segurança mais importantes, como airbag duplo e freios com ABS, só estão disponíveis no pacote, por mais R$ 3.650. Sensor de estacionamento traseiro não consta nem como opcional. Nota 6.

Habitabilidade – O porta-malas de 510 litros só é superado pelo recém-lançado Chevrolet Cobalt, que comporta 563 litros. A maior inconveniência é o sistema de abertura por alças metálicas, que dificulta a organização das bagagens. A distância entre-eixos, com 2,63 metros, aliada à disposição eficiente dos elementos da cabine, garante conforto para todos os ocupantes. Até o passageiro do meio usufrui de espaço suficiente, apesar de o túnel central sacrificar o conforto. O apoio de cabeça para o terceiro passageiro também está incluído no pacote de opcionais. Nota 7.

Acabamento – O acabamento da versão topo de linha do Logan é apenas correto. Assim como os outros sedãs compactos do segmento de entrada, não há requinte e esmero. Mas os plásticos rígidos e os revestimentos simples dos bancos são arrematados com o mínimo de qualidade, sem rebarbas expostas. Nota 7.

renault logan automatico 6 Avaliação completa do Renault Logan automático

Design – Este é, sem dúvida, o ponto fraco do Logan. O carro foi lançado pela Dacia, subsidiária romena da aliança Renault-Nissan, em 2004. O modelo que estreou no Brasil em 2007 passou por uma reestilização em 2010, mas os retoques na grade dianteira e na traseira não foram suficientes para livrar o sedã de seu visual antiquado. O friso cromado na traseira até empresta certa elegância, mas não consegue remediar o anacronismo generalizado das formas. Nota 5.

Custo/benefício – O Logan Expression automático briga em um segmento ainda embrionário no mercado brasileiro. Até a chegada do Chevrolet Cobalt automático, o rival mais próximo é o Peugeot 207 Passion, que atinge os R$ 51.990. Neste caso, a versão intermediária do Logan, incrementada com o pacote de adicionais, chega a R$ 45.600, e se mostra como opção mais em conta que o sedã da Peugeot. Os automatizados Fiat Siena Dualogic e Volkswagen Voyage i-Motion custam R$ 49.622 e R$ 51.290, mas não oferecem o mesmo espaço interno nem o desempenho amistoso da transmissão automática do Logan. Nota 8.

Total – O Renault Logan Expression automático somou 71 pontos em 100 possíveis.

Impressões ao dirigir – Redutor de estresse

O Logan Expression Automatic reforça a oferta de sedãs compactos com câmbio automático, segmento até então formado pelo Peugeot 207 Passion e pelos automatizados Fiat Siena e Volkswagen Voyage. A incorporação da transmissão automática no Renault Logan explora o potencial de um novo nicho de mercado e se mostra uma aposta acertada.

Ao contrário da caixa automatizada que equipa Fiat Siena e Volkswagen Voyage, o câmbio automático do Logan prima por trocas de marchas eficientes, principalmente no trânsito lento das grandes cidades. A mesma agilidade não aparece quando o motorista tem a pista livre e quer exigir mais do motor. A transmissão de quatro velocidades leva mais tempo que o desejável para encontrar a marcha adequada e ganhar potência.

O comportamento do câmbio automático não deixa o motorista com saudade da embreagem. Mas quando o condutor quer mais agilidade nas respostas do câmbio, encontra alguns empecilhos pelo caminho. As trocas manuais na manopla do câmbio são inconvenientes, porque a alavanca precisa ser deslocada para a esquerda e passa a encostar na perna direita do motorista.

renault logan automatico 7 Avaliação completa do Renault Logan automático

A experiência chega a ser desagradável e faz a ideia de dirigir de modo manual ser aposentada rapidamente. No uso cotidiano, a praticidade do Logan automático compensa os R$ 3.500 cobrados a mais na versão Expression Automatic. A suspensão acertada filtra as imperfeições do asfalto sem parecer macia em excesso, e também contribui para o conjunto mecânico se mostrar bem adequado à cidade.

O primeiro contato com o Renault Logan é marcado pela frieza, uma vez que o design não contribui em nada para aumentar a expectativa de dirigir o sedã da marca francesa. O visual pouco inspirador pode até criar alguma barreira inicial.

Mas o desempenho satisfatório do câmbio automático ameniza as primeiras impressões visuais. O contato segue positivo em relação ao habitáculo, que se destaca principalmente pelo bom aproveitamento do espaço interno. Os ocupantes também encontram comandos dispostos de maneira eficiente.

O pacote de opcionais disponibilizado para a versão Expression, por R$ 3.650, inclui volante em couro, que valoriza consideravelmente o aspecto geral do acabamento.

renault logan automatico 8 Avaliação completa do Renault Logan automático

renault logan automatico 9 Avaliação completa do Renault Logan automático

Ficha técnica – Renault Logan Expression Automático

Motor: A etanol e gasolina, dianteiro, transversal, 1.598 cm³, com quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro e comando simples no cabeçote. Acelerador eletrônico e injeção eletrônica multiponto sequencial.

Transmissão: Câmbio automático de quatro marchas à frente e uma a ré. Tração dianteira.

Potência máxima: 112 cv e 107 cv a 5.750 rpm com etanol e gasolina.

Aceleração 0-100 km/h: 11,7 segundos com etanol e 11,9 segundos com gasolina.

Velocidade máxima: 171 km/h e 169 km/h com etanol e gasolina.

Torque máximo: 15,5 kgfm e 15,1 kgfm a 3.750 rpm com etanol e gasolina.

Diâmetro e curso: 79,5 mm X 80,5 mm. Taxa de compressão: 10:1.

Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson, com triângulos inferiores, amortecedores hidráulicos telescópicos com molas helicoidais e barra estabilizadora. Traseira com rodas semi-independentes, molas helicoidais e amortecedores hidráulicos telescópicos verticais com barra estabilizadora

Pneus: 185/65 R15.

Freios: Dianteiros com discos sólidos de 259 mm de diâmetro e traseiros com tambores de 203 mm de diâmetro. Oferece ABS como opcional.

Carroceria: Sedã em monobloco com quatro portas e cinco lugares. Com 4,28 metros de comprimento, 1,74 m de largura, 1,53 m de altura e 2,63 m de distância entre-eixos. Oferece airbags frontais como opcional.

Peso: 1.132 kg.

Capacidade do porta-malas: 510 litros.

Tanque de combustível: 50 litros.

Produção: São José dos Pinhais, Paraná.

Lançamento mundial: 2004.

Lançamento no Brasil: 2011.

Itens de série: Ar-quente, ar-condicionado, banco do motorista com regulagem de altura, computador de bordo, conta-giros, direção hidráulica, travas elétricas das portas, vidros dianteiros elétricos.

Itens opcionais da versão testada: Airbag duplo, freios com ABS, volante em couro, CD player com MP3, rodas de liga leve de 15 polegadas e vidros traseiros elétricos.

Preço inicial: R$ 41.950.

Preço da versão testada: R$ 45.600.

Por Auto Press


  • Henrique

    Prefiro nem começar a listar os carros usados que eu posso comprar com 45 mil
    Mas posso afirmar que todos são melhores do que esse Logan ou qualquer outro sedan popular B)

    • DOUGLAS_DANIEL

      Com 45 mil eu compro um Palio Sporting Manual completo, amarelo e novo.

      • TTropicthunder

        Não sei qual é pior!

        • http://lucrobrasil.wordpress.com/2011/07/12/campanha-contra-lucro-brasil/ lucrobrasil_boicote

          Categorias totalmente diferentes, com propostas distintas. Alias o Palio 1.6 automatico custa 40mil, mas a proposta do Logan é espaço interno, e porta malas. Só sei que os valores do Siena e Voyage se configurar com menos gula sai mais em conta. Montei aqui um Siena Auto, e saiu por R$46800,00.

          • Romulo_Max

            O único porém é que tanto os carros da Fiat quanto os da VW utilizam câmbio automatizado e não automático, que tem funcionamento inferior e preço mais em conta, mesmo assim na hora de fechar a conta acabam saindo mais caros que o Logan AT. Além do mais o grande diferencial do Logan é o custoxbeneficio aliado ao espaço interno, o entre-eixos é de 2,63m, é maior do que de sedans médios.

          • granrs78

            Mas não se esqueça que o Siena e Palio não são automaticos, são automatizados e com certeza não chegam aos pés dos automaticos de verdade.

      • Armando_Perez

        e dai você fugiu totalmente da proposta deste carro.

      • pablo

        45k, Palio e manual. Se você acha melhor do que esse Logan eu nem tenho o que falar.

        • p_h

          Além disso, o Logan tem 3 anos de garantia.

          Garantia de 1 ano é coisa de seminovo com 5 anos de uso, de quem não garante o que vende.

          Aliás, se não me engano, tem uma das quatro grandes que oferece 1 ano de garantia para seus seminovos…

          • diogo_rs6

            E ainda há o espaço tanto para os passageiros quanto para a bagagem!

        • Ricardo_Alves

          tem doido pra tudo nesta vida

      • TvaxQuivax

        com 39 mil pode-se comprar renaulr grand tour automático.. Acho loucura pagar tanto caro num carro aqui no brasil, mas como 98%* da população acha normal os preços aqui, mesmo o dos usados, só vejo vendedor safado.

        • MajorAutomotivo

          Na minha cidade as lojas de usados têm vários Meganes por um preço muito interessante.
          O problema, penso eu, é justamente o fato de ele não mais ser fabricado e a dificuldade para encontrar peças o que torna a manutenção cara.
          Quanto à Grand Tour, muitos não a conhecem, além do fato de não ser um sedan.
          E como é manutenção dela?

          • TvaxQuivax

            Infelizmente desconheço a manutenção da GT, crieo que seja parecida com os meganes antigos vendidos por aqui. mesmo a manutenção sendo cara, prefiro ter carros como twingo à classe A e pagar a diferença em manutenção preventiva à comprar "populares com suposta manutenção barata" A vantagem desse populares é a facilidade de se emcontrar determinadas peças jah a manutenção ach tão cara, se não mais frequênte do que carros muito bem construídos como disse anteriormente. Abraços.

            • Louis

              Twingo e Classe A ??Afe, vc é corajoso hein ??
              Estes 2 eu não quero nem de graça!!!

          • p_h

            O motor do Grand Tour é o mesmo da maioria dos Renault nacionais (1.6 16v).

        • Ricardo_Alves

          mas este valor e sem frete.

      • subzero99

        Bem, como o câmbio AT não faz falta, prefiro muito mais o Nissan Versa por R$ 43.000. Pode não ter o AT, mas tem ABS com EBA e BA e é um projeto muito mais moderno e confiável (vide mercado norte americano).

        • DOUGLAS_DANIEL

          Pra mim AT não só não faz falta como prefiro câmbio manual , e prefiro o Palio Sporting manual, completo e amarelo do que o Versa, o Palio Sporting tem vários aprimoramentos em relação as outras versões, como diferencial reduzido, suspensão mais rígida, barra estabilizadora mais grossa, caixa de direção com menor redução, acelerador de abertura mais rápida e todos aqueles adereços estéticos tanto dentro como fora do carro. Mas o que acho melhor na versão Sporting são os aprimoramentos mecânicos que eu citei.

          • Edson Roberto

            E novamente vc está fugindo da proposta do modelo. Um é para causar uma impressão de esportivo e outro é de uso familiar ou no minimo com bagagem e pessoas.

            Portanto, novamente, não faz sentido essa comparação.

            É o mesmo que eu falar que um 206 1.6 é melhor que um Corsa sedan porque ele é um hatch com motor mais forte. Só isso não basta para dizer que um carro é melhor. Portanto, compare com carros que dão a mesma proposta e nesse caso, só existiria o Sandero GT Line, que por enqto na versão atual não é oferecida.

        • MajorAutomotivo

          Esse é o preço inicial do Versa SL. Na página da NIssan não dá para ver o preço final dele todo equipado.
          Já o mesmo Logan Expression 1.6, manual, completo, com AB2 e ABS, rodas de liga, fica por R$ 43.160,00.
          Entre um e outro, pesaria na minha decisão o fato da montagem ser no Brasil.

      • JosephParkBR

        Na minha cidade por 45K vc compra um Ford Fusion usado, automatico sem teto;
        Moro em Teresina-PI

      • Y07

        Pagar 45 paus num Palio é pior do que pagar isso num Logan. O Palio, mesmo o novo, é tão apertado quanto um Corsa 94!

    • BCA_83

      New civic lxs 2008, corolla xei 2008, megane top 2008/09, etc, etc, etc…

      • Louis

        Sentra AT !!!!!!!

    • Dallossi

      Pelo o equivalente em dólares a R$45.000,00, nem vou começar a listar os carros que um primo que mora nos Estados Unidos pode comprar. Com o equivalente a R$38.000,00, comprou um Honda Accord (4 cilindros) 0Km. Acho que não cabe este tipo de comparação, tem mesmo é que ver o que se compra aqui 0km, sedã, e com os mesmos equipamentos deste Logan avaliado.

      • Kokokil

        Também acho que não cabe a comparação, se não vão começar a falar em carros no Chile, Paraguai, Mongólia…

    • kikofar

      É meu amigo! Penso exatamente como vocÊ!!!!! Que bom que vejo tantos aqui que também sabem que o dinheiro não nasce em pé na lavoura!!!

  • Gabriel_Nint

    É um carro justo. Na versão de entrada é mais barato que um Uno duas portas. Apesar de ser pesado pagar 45 mil reais em um Logan automático, os concorrentes são bem mais caros ou nem possuem essa opção.

    Esse carro é mais para quem tem necessidade de espaço e custo x beneficio, do que pra quem quer beleza e conforto.

    • Giorgio

      Isso mesmo. Comparado com seus concorrentes, é a melhor compra, mas é de longe um preço bom para um carro desses. Sem dizer que por um pouco mais se leva um Sentra manual.

      • p_h

        A questão toda é o câmbio automático… se você eliminar o custo do câmbio automático, o degrau entre um Logan e um Sentra será maior. Assim como, se considerar o preço do Logan automático contra o preço de um Sentra automático, o degrau também será grande.

        • DOUGLAS_DANIEL

          Não sei o mmotivo dessa preferência por câmbio automático, prefiro muito mais o manual.

          • thales_sr

            É a opção de alguns, simples assim…

          • diogo_rs6

            Só pra sua informação, câmbio automático pra mim é pré-requisito em um carro…….

            E pra mim, esta história que câmbio manual é mais prazeroso é conversa. Eu consigo controlar muito bem as marchas do meu carro com câmbio automático só com o acelerador, fora a questão de retomadas de velocidade muito mais ageis e principalmente SUAVIDADE de condução que não existe no mecânico!

          • MajorAutomotivo

            Quando eu fiz uma viagem longa até outra cidade, no carro automático de um amigo, e ao chegar lá ter enfrentado um trânsito infernal, na volta, eu prometi que o meu próximo carro seria automático.
            Mas, é uma questão de gosto individual.

          • p_h

            Conforto, simples. É como optar por um modelo macio ao invés de um duro.

            Eu gosto bastante de cambiar, mas não vejo prazer algum em cambiar um carro no dia-a-dia das cidades brasileiras. O trânsito é um saco, as cidades são mal construídas, a pavimentação é péssima, o motor de quase todos os carros é fraco… cambiar nessa situação serve só para encher o saco. Por isso, resolvi meu problema comprando um automático. Quando tiver condições de comprar um segundo carro apenas para o final de semana, volto a ter carro mecânico. Até lá, não largo o automático.

    • WorthWRT

      Exato, pra categoria ta num preço bom, lembro que montei um voyage na internet por 52mil com imotion completao. Dizem que com 45mil e mais um pouco se compra um sentra, mas os 52mil do voyage são abusivos. E as vezes 5-8mil reais fazem diferença. Fora economia de combustivel, uso (eu nao compraria um sentra pra deixar estacionado na rua o tempo todo), manutenção, seguro, desvalorização, e outros.

      Em custoXbenefício quipados com opcionais equivalentes:
      Comparado a Voyage Imotion, ponto pro logan
      Comparado a Siena DL, ponto pro logan
      E o 207 passion Poxa nem preciso comentar, é comoo siena. mais de 10 anos e só mudou a aparencia (sendo o passion não existia antigamente, veio com o 207 hatch. Porém não deixa de ser o mesmo carro (206) com uma mala maior e uma roupagem nova. Antes que os haters fiquem fazendo cricricrI)

      • andre_0102

        Ainda tem baixo custo de manutenção, o projeto foi desenvolvido para redução de custo e baixa manutenção, ou seja no minimo 207 e Siena já saem perdendo, de novo.

      • diogo_rs6

        E ainda tem o espaço interno!

    • DiMais

      justo no Brasil não dá pra dizer que é, mas eu considero uma compra racional, porque o bichinho pode ser feio que dói e simples demais, mas conheço algumas pessoas próximas que tem e estão muito satisfeitas..

  • diegowyvern

    Me corrijam se estiver errado, mas acho que a versão aut. tem menos de 2 anos na europa.

    Precisa corrigir essa informação da data do lançamento do carro, pois ela considera o ano de lançamento do carro no mundo, e o ano de lançamento da versão automática no Brasil.

    Enfim, acho um bom carro, mas se eu estivesse pensando em compra-lo, preferiria gasta 5mil a mais e levar a Grand Tour mesmo sendo manual, o nível de conforto e acabamento é outra história!

    • Giorgio

      Mas daí o perfil do consumidor também é outro. Mas eu também iria de Grand Tour.

      • AutoIng

        Aí que está, não dá pra comparar carro manual com automático. Se o cara quer um automático, não adianta oferecer um manual, mesmo que seja de um segmento acima.

    • diogo_rs6

      Uma informação extra

      A fábrica de São José fazia a versão de exportação para o México como Nissn Aprio e tinha o mesmo câmbio que este Logan

  • Giorgio

    Um bom carro da Renault quando comparado com seus concorrentes. Se eu procurasse por um sedã zero km nessa faixa de preço, seria minha escolha. Mas ainda prefiro procurar um usado mais completo por esse preço, ou pagar um pouco mais por um Sentra manual.

    • DOUGLAS_DANIEL

      Se esqueceu do Linea? é uma ótima opção.

      • Giorgio

        Realmente, mas entre os dois, ainda sou mais o Nissan. Linea custa a partir de 56, manual, e por esse preço daí consigo um Sentra CVT. Mas não deixa de ser uma opção a ser considerada.

    • Corvo

      Concordo com vc Giorgio, mas e o assunto da manutenção do Sentra como fica ? Cognito pegar um usado quase zerado, mas a manutenção desse carro é cara (tirando o seguro que é barato) fora que não sabemos a procedencia, e ademais está chegando a nova geração o que vai desvalorizar muito mais a atual. Ademais quem procura um automático (no meu caso) desconsidera uma versão manual desse ou outro modelo

  • Leandro1978

    Pelo preço menor que os dos concorrentes, esse Logan acaba sendo a opção mais racional. E racional mesmo, pois seu design não é dos melhores. Seu desempenho me pareceu prejudicado pelo câmbio ser de 4 marchas, aliás, o que as montadoras têm contra a adoção de uma marcha a mais neste tipo de câmbio? Tem modelo aí custando quase R$ 90.000 com câmbio deste tipo…

  • JCsr

    Pra quem precisa de um sedã espaçoso que não seja uma barca e quer um automático, é a melhor opção dentre os concorrentes. É superior ao Siena e Voyage por ser automático de verdade e superior ao Passion, que tem o "câmbio Porsche" que só vive pra dar defeito. Não vou entrar no mérito do carro usado porque se seguirmos a linha de raciocínio de muitos aqui o mercado brasileiro seria igual ao cubano de um passado recente, com vendas quase que exclusivas somente de carros usados.

    • AutoIng

      Apesar que nessa faixa de preço até prefiro o câmbio automatizado mesmo. Praticamente não há trancos (recomendo o test-drive), não prejudica o desempenho e ainda por cima deixa o carro mais econômico. Passei a respeitar os automatizados depois de andar em um, acho um câmbio muito interessante pra modelos abaixo dos 50 mil.

      • diogo_rs6

        Discordo de vc com relação aos trancos de um automatizado. Dirigi um Siena Dualogic e ele dá trancos sim, há uma certa lerdeza nas arrancadas e para manobras é extremamente irritante. Sou muito mais a transmissão automática convencional que, mesmo com suas perdas, é muito mais suave

      • p_h

        Não foi o que vi no dia em que fiquei com um Dualogic. Câmbio absurdamente indeciso (chegava a quase parar em ladeiras, pois não sabia jogar a marcha certa) e dava muitos trancos. Aliviando o pedal, dá menos tranco, mas não se compra carro automático para ficar lembrando a hora de trocar marcha, nem aliviando pedal toda hora.

        • AutoIng

          Que carro era? Estranho, experiência bem diferente da minha. Ou você está exagerando um bocado, ou pegou algum dos primeiros modelos automatizados, que dizem ser bem mais problemáticos mesmo.

          • p_h

            Fiquei um dia com um Idea 1.8 Dualogic (motor Etorq), mas já dirigi o 500 polonês (motor Fire 16v) e o Polo (mesmo sistema, mas com ajuste da Volkswagen). Achei horrível nos três casos. Também não gostei da imobilidade depois de se tirar o pé do freio. Não estou exagerando, nunca vi um proprietário de carro automático gostar do Dualogic.

  • DOUGLAS_DANIEL

    Bom é o Dualogic, 5 marccha, modo espotivo, e o + e – são invertidos, + para trás e – para a frente. Sem falar que não tem o chato conversor de torque.

  • Dallossi

    É disparado, pelo conjunto e pelo custo/benefício, a melhor opção entre todos os concorrentes que podem vir com air-bags, abs, e câmbio automático ou automatizado.

  • SRoberto

    Caro hein!
    Estou numa viagem com amigos pela europa, e agora estamos em barcelona.
    Vemos pela tv e outdoor propagandas de carros e precos:

    vejam so: duster a 10.000 euros e sandero a 5900 euros (euro a 2,53)

    Sei q Brasil è brasil e europa è europa, mas vejamos_ è uma sacanagem o q pagamos ai no brasil por umcarro.

    Dà raiva e como dà!

    • andre_0102

      Não estraga tua viagem, fecha os olhos. Olha a arquitetura!

  • W_Santos

    O Logan é todo quadradão e as saidas de ar do painel são redondas. Nunca consegui entender isso….

    Tirando o design cabuloso é uma excelente opção com custo beneficio mo mercado, e oferece o diferencial de cambio automatico. Ponto para o logan.

    • diogo_rs6

      O Logan nasceu para ser um carro prático e a saída de ar redonda é o que há de mais simples e prático

    • DiMais

      tudo em nome dos menores custos, chapas retas e vidros planos são mais baratos, já as saídas de ar circulares são as mais baratas que existem por serem feitas em peça única.. o Uno também é todo quadrado e as saídas de ar são redondas..

      • W_Santos

        Porem o design interno do Uno demarca a utilização de varias peças e desenhos circulares, como o proprio painel, bancos e portas. Quanto ao custo, não tenho dúvidas que esse é o principal motivo da utilização em demasia.

  • guilhermeluizsp

    Putz, essa maçaneta de câmbio automático da Renault é de matar… =p

    • MajorAutomotivo

      Mas acredite, ergonomia dela é perfeita.
      Éber já havia falado sobre a alavanca da versão manual. Ele também gostou.

      • AutoIng

        Pior que devo concordar com ambos. A alavanca é horrível, talvez a mais feia que já vi, porém a "pegada" é incrivelmente boa. A aparência não faz jus a ela, e aliás, pode-se dizer isso do Logan como um todo. Patinho feio na aparência, talvez, mas o conjunto do carro supera os adversários com grande folga.

      • p_h

        É verdade. É a mesma alavanca do Mégane, assusta na primeira vez que se entra no carro, mas é muito mais intuitiva.

  • Antonio_Sergio

    Tudo bem que com 45 mil se compra um carro usado com melhor projeto, com melhor estilo, melhor acabamento. Ou seja, melhor em tudo.
    A questão é o histórico do carro usado que, geralmente, ninguém conhece. A não ser que seja de um conhecido seu e que você esteja com ele em todos os momentos em que ele utilize o carro.
    Ontem, dia 18, o Notícias Automotivas publicou um post que trazia a notícia sobre sobre a apreensão de carros de luxo que estavam participando de racha em João Pessoa. Contei ali três Honda Civic, um dos carros queridinhos de todos aqueles que preferem comprar um "excelente" carro usado em detrimento de um veículo novo, só porque ele é, vamos dizer, feio.
    Fica também a pergunta: será que os autores deste tipo de comentário ao menos tem $45 mil disponíveis?

    • p_h

      Concordo. Particularmente só compro seminovos, mas entendo perfeitamente o teu argumento. Além disso, carro usado no Brasil é tão caro quanto o zero quilômetro. O preço mais baixo serve só como degrau de acesso a um carro melhor, não necessariamente é uma maneira de melhorar o mercado, como muitos acreditam.

    • thales_sr

      Se for botar usado na jogada, sempre vai aparecer uma opção mais antiga e de segmento superior. Além do que, pra ter carro usado, alguém tem que comprar o novo uma hora.

    • lorim_ce

      E o que dizer daquele papo de vendedor de carro de mulher unica dona? minha amiga comprou um clio e no 2º mês bateu motor…
      o que dizer ?

  • biopaulo

    Atenção!!! Atenção!!! Funcionários públicos!!! Se optarem por Renault, ao visitarem Concessionárias da marca, procurem a venda direta. Minha esposa é funcionária pública. Compramos o melhor Logan 1.6 que havia naquele momento, menos roda de liga, por R$36.081,00 à seis meses atras. O carro tem tudo quanto à opcionais, é muito confortável, seguro e espaçoso. Já estou sonhando com o automático…

    • WorthWRT

      Sério? Se for assim…..vale a pena ver então, não sabia que funcionário publico podia comprar com venda direta.

    • p_h

      biopaulo, poderia me explicar como funciona a venda direta para funcionário público?

  • bedotRJ

    Prá quem exige câmbio automático e não quer gastar muito, não tem prá onde correr. Esse é o carro.

    Mas hoje eu fui conhecer o Versa. Modelo SL top de linha, ar, direção elétrica, trio elétrico, airbag duplo, ABS c/ EBD, faróis de neblina e rodas de liga-leve: R$ 42.990,00. Também tem 3 anos de garantia e motor 1.6 16v, o espaço para as pernas é até maior do que o do Logan (fica devendo na largura e na altura) e o acabamento é superior. É a minha opção de sedan compacto no momento. A Nissan tem que considerar oferecê-lo com câmbio AT (ou, de preferência, CVT), pro carro não ficar devendo nada a nenhum concorrente.

  • Dcyno

    Pagar mais de 40 k num sedan compacto é deixar ser roubado. Acorda brasilerada .

    • DOUGLAS_DANIEL

      Verdade, o maior roubo é o Veloster, o menor talvéz o Sentra(50 mil o básico) ou então os Palio 1.6(Essence e Sporting)

    • marciors01

      Qual o nosso sedã médio mais barato? Não seria o sentra por 52k? Então 10k a menos em um sedã compacto não está dentro do normal?
      O problema é que todos os nossos carros são caros.

      • Pedro_Rocha

        Lifan 620, que custa cerca de 40K. Pelo que andei lendo sobre esse carro na internet, inclusive relatos de pessoas que se acidentaram com o carro e compraram outro igual depois da PT, parece ser bastante interessante. Ao vivo é bem mais bonito que qualquer Polo Sedan.

    • W_Santos

      Carro no Brasil é caro, fato. Talvez este seja um menos caro, só isso.

  • MajorAutomotivo

    Esse preço é sem a pintura metálica. Com ela o valor final fica em R$ 46.560,00.
    Comprei um, completo. Com desconto de produtor rural (11%) ficou por em R$ 41.438,40.
    Estou gostando do carro, mas o consumo tem sido elevado.

    • DOUGLAS_DANIEL

      kkk, eu vou plantar pitanga aqui no condomínio onde moro.

    • MajorAutomotivo

      Tem que ter comprovante de ITR.
      Se você não tiver imóvel rural pode comprar como pessoa jurídica, basta um CNPJ.

    • marcio233

      Tem umas empresas que possuem convênios de desconto. E eles são generosos como este, é só consultar. Várias marcas possuem convênios com empresas, mas não são tão divulgados por razões óbvias…
      Talvez troque um dos carros de casa por um Logan ou Sandero automático com estes descontos. Senão, vou de seminovo, de novo.

  • sergio_masa

    pois é, ele é todo quadradão, e o volante é redondo né. doidera. ah, as rodas tb.

    • W_Santos

      Pois é sergio, o desenho dos instrumentos também são circulares, que coisa não? Que tal começar a desenhar circulos e quadrados para desenvolver a criatividade? Quem sabe comece a elaborar comentarios mais criativos ainda!

  • MajorAutomotivo

    Deve ser pq não dá trancos.

    • Sias

      Acho que a palavra "chato' não é a mais adequada, mas deve ser pelo fato dele roubar potência…

      • p_h

        Inserindo no contexto, acho que é isso mesmo. Ainda assim, antes o conversor do que a indecisão e os trancos do Dualogic. Até porque, nenhum carro desta categoria é exemplo de diversão ao volante…

        • AutoIng

          Olha p_h, tem câmbios com conversor de torque muito mais indecisos que o Dualogic, e até com mais trancos. A meu ver as pessoas repetem muito o que leram na imprensa, sem avaliar o produto. Eu mudei de idéia quanto aos automatizados depois de andar no Siena de um colega algumas vezes, onde simplesmente não senti os trancos que tanto falam aqui.

          • p_h

            AutoIng, o Dualogic tem lá suas vantagens: no modo manual é praticamente como estar em um carro manual sem embreagem, não há roubo de potência por parte do conversor, o consumo de combustível tende a ser menor, mas no quesito conforto e praticidade ao dirigir, fica devendo e muito ao automático convencional.

          • Sias

            Eu também já dirigi um Idea Dualogic e não senti nenhum tranco. Em compensação já a Tucson tem um câmbio bem "indeciso".

    • DOUGLAS_DANIEL

      Também isso, mas o pior é ter aquela aceleração deslizante.

      • p_h

        Tu nunca dirigiu um automático moderno, já? No Cruze e no Cerato o câmbio praticamente nem patina.

  • RicRB

    Acho o Logan um sedan muito justo!!
    É verdade que de acabamento simples, mas honesto!!
    Acho que quem precisa tomar cuidado é a Ford!! A Renault não está de brincadeira!! E em 2012, não duvidaria que a passasse em vendas!!

    • luidlh

      mas o consumo, 7,8 km/l achei bem baixo…

  • MeekeeB

    Nessa categoria de preços, defendo a utilização de cambios automatizados para não encarecer o produto, como aconteceu com o Logan.

    Falem o que quiser, mas pra mim é não ter amor ao dinheiro pagar todo esse preço num Logan.

    • p_h

      MeekeeB, só que o Logan automático é mais barato do que os automatizados (o câmbio em si). O que encareceu mesmo o carro foi o pacote de opcionais, já que o câmbio automático só é disponibilizado no catálogo mais caro do Logan (Expression 1.6).

      Salvo engano, a Renault está pedindo R$ 3 mil pelo câmbio automático mais o motor 16v no Logan.
      Isso é o que Fiat e VW pedem apenas pelo câmbio (robotizado).

      Essa redução do custo do automatizado, para mim, é balela… só a fábrica que economiza ao optar por um câmbio destes. Para o consumidor, não há vantagem, já que este tipo de câmbio está saindo pelo mesmo preço de um automático convencional, quando deveria custar metade ou menos do que isso.

      • aprs

        Exemplo é o 500 Dualogic que nem tem as trocas atrás do volante. Realmente câmbio automatizado que não é de dupla embreagem tem fama e preço ruins.

  • Passarimbsb

    Creeeedo… caríssimo para um carro com visual dos anos 80 e lotado de plástico vagabundo em seu interior.

    Triste, que pelo que vi, tem um monte de gente achando bom :/

    Por isso o Brasil está assim :(

    • DOUGLAS_DANIEL

      Não ví problemas no visual quadradão, ví problemas foi no preço altíssimo, isso sim.

    • brunopromano

      Bem isso msmo…. tem gente achando justo pagar R$ 42.000,00 em um carro cheio de plástico e sem conforto…

      ahhhh, para quem quer espaço compra uma kombi ou um SUV!!!

    • mottervictor

      plastico vagabundo ??? já entrou em um celta ou prisma ????

  • MajorAutomotivo

    PARTE 1
    Algumas considerações de um proprietário do modelo quanto ao texto da Auto Press.
    “… o câmbio automático gradativamente deixa de ser visto como item de luxo para se tornar um aliado contra o tédio do tráfego lento e congestionado das grandes cidades brasileiras.”
    Exatamente. Aqui na minha cidade tem sido um sufoco enfrentar o trânsito pela manhã e no início da noite. Depois desse automático eu não quero carro com câmbio manual. O próximo também será automático ou CVT.
    “A transmissão só peca quando o condutor precisa de ganho de potência imediato, por causa do escalonamento longo demais das marchas. O câmbio automático de quatro velocidades não é totalmente eficaz em situações de ultrapassagem.”
    Não observei esse problema relatado. Use o sistema kick down. A demora é normal e decorre do conversor de torque. Use a opção modo sequencial e estique a 2ª ou 3ª marcha.

  • MajorAutomotivo

    PARTE 2
    “A aderência ao solo é adequada no caso de manobras mais agressivas. A carroceria do sedã tende a sair de frente se a curva for feita em alta velocidade – em velocidades civilizadas, o comportamento é bem mais amigável.”
    Devo confessar que estou aprendendo a guiar um sedan, pois sempre tive carros hatchs e estes tinham um centro de gravidade bem mais baixo. O Logan é alto e fico com a impressão que vou capotar.
    “ … o sistema de trocas manuais na alavanca, que precisa ser posicionada para a esquerda, o que faz com que a perna direita do motorista fique em contato com a manopla e incomode durante a condução.”
    Estou acima do peso ideal e mesmo assim a minha perna não esbarra na alavanca. Não sei se é pelo fato que uso o banco sem nenhuma elevação. De toda forma, ressalto que ergonomia da feia alavanca é excelente.

    • p_h

      Olha, tenho de concordar com a questão da alavanca. Não dirigi o Logan, mas já o Mégane, que usa essa mesma alavanca. É gigante e feia, mas realmente muito ergonômica. Boa e bem confortável, não se precisa deslocar muito o braço para posicioná-la. Boa sorte com o Logan! Espero que atenda às suas expectativas.

  • MajorAutomotivo

    PARTE 3
    “De série, o Logan traz sistema de travamento das portas em velocidades acima de 60 km/h …”
    Acho que houve um erro. As portas travam assim que o veículo se move. Seriam 6 km/h?
    Por fim, acho que o repórter não percebeu que o sistema de som tem ampla conectividade com celulares Bluetooth, sendo possível receber e fazer ligações, com viva-voz. O pessoal da concessionária Renault também não me informou isso.
    Estou satisfeito, espero não ser frustrado com o pós-venda da Renault.

    • Passarimbsb

      Pelo menos no modelo antes da restilização… as portas travavam depois de 3 segundos que você virasse a chave. Nem precisava andar.

      • MajorAutomotivo

        Isso acontece com o Fiesta da minha esposa.
        Tem um incoveniente.
        Naqueles dias de grande calor que você liga o carro, mas não entra imediatamente e deixa os vidros fechados com o ar-condicionado ligado para esfriar o interior.
        Sim, aconteceu.
        O Fiesta travou-se com a chave no contato. A nossa sorte é que estavamos perto de casa.
        De toda forma, acho que os fabricantes deveriam pensar em sistema que trastavasse o veículo em caso de acidente.

        • DOUGLAS_DANIEL

          Em caso de acidente não seria para destravar?

          • MajorAutomotivo

            Deveria destravar, foi o que eu disse. Mas nem todos têm isso.
            Quem efetua o resgate, às vezes, tem que quebrar os vidros.

        • Passarimbsb

          Uia… nem tinha pensado nessa de não poder ligar o carro e sair dele, deixando ele ligado pro ar ir congelando quando andei no Logan antigo.
          Deve ser por isso que mudaram então :)

          • AutoIng

            Você pode, desde que dê a partida com a porta fechada. Se ligar o carro com a porta aberta, ele não terá como saber que você estava fora dele, e poderá trancar automaticamente. Mas no caso do Logan ele trava assim que se começa a locomover (me parece que é aos 20 km/h que trava, mas certamente não é aos 60 km/h não). Outros carros da Renault usam o mesmo esquema, inclusive (a menos que tenham mudado algo agora).

            • p_h

              O Scenic usava este mesmo esquema… trava assim que se começa a locomover, mas também trava automaticamente depois de alguns segundos de dada a partida. Não me recordo muito bem, mas acredito que se ele travar com a chave na ignição, a porta do motorista ainda fica acessível por fora.

  • AndredeAzambuja

    Eu acho o Logan um dos carros mais feios disponíveis no mercado.

    • DOUGLAS_DANIEL

      Já eu acho o Elantra. ô troço feio.

    • nunes_01

      no começo ate achava bem feio msm… mais agora deu pra acostumar com o visual…
      ta ate bonitinho…sr

    • AutoIng

      Comparado com Cobalt e Agile, o Logan ficou lindo de repente…

  • ricpts

    Um show de horrores essas fotos!
    A 4ª então…

    • MajorAutomotivo

      Considerei:
      A minha necessidade por um sedan.
      O espaço interno, pois não gosto de estar em um carro com os joelhos raspando na lateral e no painel.
      Tamanho do porta-malas, pois quando viajo destesto ter que acomodar bolsas dentro do habitáculo.
      Garantia maior que um ano.
      O máximo de equipametos e comodidades que o meu suado dinheiro permitia comprar, leia-se: custo versus benefício.

  • DOUGLAS_DANIEL

    Por ter aquela aceleração deslizante, é como se a relação de determinada marcha não fosse fixa.

  • http://ideiasvazias.tumblr.com/ @TiagoJL

    O mercado automotivo brasileiro faz qualquer um perder a vontade de comprar um carro, aqui você não escolhe o melhor e sim o menos ruim, parece eleição.

  • zeuslinux

    Eu acho besteira usar um câmbio automático num carro desta categoria. Quem procura um carro barato, com pouco motor e só quer espaço, sem se importar com a beleza, é melhor que compre um carro com câmbio manual mesmo.

    Esse câmbio automatizado sem dupla embreagem é uma gambiarra para tentar vender a ideia de um carro automático para carros baratos e com motorização fraca. Eu não compraria um. Se a pessoa não tem muito dinheiro e não abre a mão do conforto, faz melhor negócio comprar um sedã médio usado maior, com motor mais potente e com câmbio automático de verdade.

    • eduardo82br

      Besteira não é. Veja pelo lado de alguém que é portador de deficiência e não tem dinheiro sobrando para comprar um sedã médio AT. Com todos os descontos pertinentes, o portador de deficiência deve pagar algo em torno de 30k no Logan AT.

    • AutoIng

      Mas o câmbio do Logan não é automatizado, é um automático tradicional. E outra, o que tem a ver "não se importar com beleza" com "não precisar de câmbio automático"? Não vi relação alguma. Ou você está querendo dizer que câmbio automático é um luxo que só deveria estar presente somente em carros mais caros? Pois não vejo nada de luxo em um. Pra mim é tão básico quanto a direção hidráulica e o ar-condicionado.

      • p_h

        Também não vejo nada de luxuoso. Muito pelo contrário, é uma das coisas mais básicas em qualquer carro, já que define o estilo de dirigir. No sudeste asiático é muito comum ver modelos pé-de-boi, com motores fraquissimos e câmbio automático.

  • alvarovalves

    Acho besteira querer comparar o preço de um Logan 1.6 16v Automático, que na prática é vendido por R$ 42 mil nas concessionárias completo com Air-Bag e ABS, com um Fusion usado. Se eu precisar trocar a suspensão dianteira de um Logan (depois de um tempo, porque o carro é 0 Km) eu vou trocar pois consigo pagar. Agora vai ver o preço da de um Fusion 2006, que vai precisar trocar mais cedo, e custa mais do que o dobro. Tem que pensar nisso também, além da economia de combustível, seguro, enfim são muitas coisas. O Logan é nitidamente um produto para a classe média, e o Fusion é para aquela classe que acha barato pagar R$ 1000,00 na primeira revisão de um Sportage.
    Além disso, dentro da categoria dele, ele é imbatível, pois 207 Passion, Voyage, e Siena se aproximam de carros como o Sentra, que tem a sua versão manual mais barata do que a automática dos 3 carros citados, e a versão automática, com o bom câmbio CVT por uns R$ 1500 a R$ 2000 mais caro.
    Eu optaria pelo Logan pois o motor 1.6 16v da Renault é valente, tem manutenção barata, sobra espaço no carro e no porta-malas, além dos 3 anos de garantia.

    • brunopromano

      Difícil eu ouvir alguém falando bem da Renault…. no momento que escrevo não faço ideia…

      • marciors01

        Bruno, todos os anos clio, sandero e logan tem vencido os eleitos da QR onde os carros recebem pontuações em diversos itens com votos dos proprietários, e mais, o pós venda da renault fica atrás apenas de honda e toyota, é superior a todos os outros.

  • Porcodio

    Sem entrar nos outros méritos do carro mas, sério, certeza que durante o projeto perceberam que o carro tinha um ótimo custo benefício, espaço interno e tal, então o chefe do design entrou no estúdio e gritou pra todos os designers: "Quem fizer o projeto mais feio ganha um aumento" Pra compensar as outras qualidades do carro.

  • FordCorcel

    Acho que já está mais do que na hora de termos opção de cambio automatico (e não automatizado, pois estes, não oferecem o real conforto que se espera, acredito que o automatizado c/ dupla embreagem seja melhor, mas nunca testei um…apenas "ouço falar") em qualquer versão de qualquer modelo. Falar em "carro na mão" ou "direção esportiva" nas joças fabricadas aqui, francamente! De fato uma Ferrari automática deve ser meio sem sal, mas falar em Celta, Uno, Siena, Cruze…..francamente, automático em todos urgente!!

  • Absinthe666

    Acho válido adicionar o câmbio AT em modelos mais baratos, agora é tenso um carro custar 29 básico e 45mil completo, puts é quase o dobro do carro somente com opcionais.
    vamos ver se aumentando a oferta um dia poderemos optar por câmbio AT sem mudar o valor do carro.

    Mas com 45 mil da pra comprar muito carrão no mercado de usados ou até com bem menos da pra pegar um Fit CVT ou Sentra CVT

    • Corvo

      Eu concordo, pegaria um Sentra CVT mas e a manutenção como fica ? Um carro usado desses nao tem mais garantia e não sabemos a procedencia, fora que se quebrar uma peça desse carro se prepara !

      • Absinthe666

        com cerca de 38~39 da pra pegar um sentra com 2~3 anos de uso, basta procurar um com a manutenção em dia, quem sabe uma KM baixa, com os 7mil economizados (se duvidar até mais porque um carro usado não paga as taxas provenientes do emplacamento) da pra manter a manutenção em dia tranquilo por um tempo, os câmbios automatico e CVT se forem bem cuidados duram a vida inteira.

  • duhehe

    45 mas quando se chega na CSS é bem mais barato …

    temos que levar isso em consideração.

    Temos muitos carros que a tabela é uma e a pratica é bem outra.

  • TvaxQuivax

    Se tivessem wagon pra logan.. http://img.autoweek.ru/images/catalog/gallery/ren… seria o mair e mais barato carro familiar 0km do Brasil.

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Roxmmp

    Só sei que me assustei com o travamento automático das portas aos 60km/h de resto um carro honesto, "barato" e grande, que está se multiplicando no trânsito das grandes cidades.

  • lfbraz

    O carro realmente não é o dos mais lindos .. mas já fui ver esta versão 2012 e achei ela aceitável.
    Entre os modelos de sedan creio que seja o melhor custo X beneficio (lembrando que estamos no Brasil). Levando em consideração também que a Renault dá 3 anos de garantia (a ford dá apenas 1 para o fiesta 0km).
    O duhehe tem razão, cheguei na CSS e o preço que estava marcado era R$ 41.000 (com ar e direção), após 20 minutos de conversa ele chegou no mesmo preço do fiesta (R$ 35.900). Se eu fizesse uma proposta creio que ainda dava para espremer alguma coisa.
    Não perguntei do cambio aut. vou ver se volto na CSS para um test drive e pergunto, mas perto dos outros modelos disponíveis continuo achando um bom custo x beneficio. Também sou bastante reticente à carro usado, quem garante a procedencia ? e a falta de garantia ? Sou mais pegar um 0KM não tão bonito porém confortável e que não me dará dor de cabeça por pelo menos 3 anos.

  • luiz carlos

    eu tenho um logan 2013 automatico,e faz na media 12 km com gasolina na estrada

  • Roberto

    Eu comprei um logan 1.6 16v expressiom automatico so que eu comprei com isenções por ter problemas na coluna e paguei 31.000, por enquanto estou achando o carro muito bom, com espaço bom, pra mim o custo beneficio foi bom.