Home Avaliações Avaliação NA: JAC J3S

avaliação jac j3s 3 620x412 Avaliação NA: JAC J3S




Dois anos depois de a JAC Motors chegar ao Brasil e avaliarmos o JAC J3, estamos novamente com um J3 aqui no NA, mas desta vez a versão é a J3S, que é colocada como esportiva. É claro que como sempre acontece no Brasil, versões esportivas não são lá muito esportivas, mas neste mundo de falsos esportivos, pelo menos a JAC colocou um motor mais forte no JAC J3S.

O J3 usa um motor 1.4 16v de até 108 cavalos de potência que na verdade não é 1.4, ele tem 1.332 centímetros cúbicos de deslocamento, o que faz dele um 1.3. Já o JAC J3S conta com o mesmo motor 1.5 16v que equipa o JAC J5, só que com a diferença de que agora este motor é flex, e ao invés de contar apenas com 125 cavalos rodando com gasolina, ele tem a opção de entregar 127 cavalos se abastecido com álcool.

avaliação jac j3s 24 620x412 Avaliação NA: JAC J3S

A diferença de potência não é tão grande, são no máximo 19 cavalos, mas o torque sobe de 14 para 15,7 kgfm, o que já é suficiente para uma condução mais agradável no dia-a-dia. E quanto a JAC cobra por isso? O J3S custa exatos 2.500 reais a mais que a versão normal. Ele salta de 34.990 para 37.490 reais. O preço caiu desde seu lançamento, quando era vendido por 39.990 reais.

Não é uma diferença muito grande de preço, se pensamos no que o carrinho entrega a mais, mas é claro que em um mercado recheado de modelos de marcas tradicionais nesta faixa de preço, fica bem complicado para a JAC emplacar um hatch compacto de mais de 37.000 reais. Afinal, não estamos mais falando daquela faixa de preço habitada por modelos populares.

avaliação jac j3s 1 620x412 Avaliação NA: JAC J3S

Além do motor mais forte, o J3S entrega faróis com máscara negra, rodas diferentes, adesivos na lateral e identificação própria na traseira. Dentro da cabine, é tudo igual ao J3 comum, com exceção da iluminação vermelha no lugar da azul e também algumas costuras vermelhas nos bancos. O modelo também tem alavanca de câmbio com acabamento escuro e pedais esportivos.

Nesta avaliação vamos nos ater a comentar a respeito das novidades que o J3S traz em relação ao J3. Não vamos falar extensamente sobre as qualidades e defeitos do modelo, pois isso já foi mostrado na avaliação do J3, que continua disponível para análise tanto aqui no NA quanto em nosso canal do Youtube.

avaliação jac j3s 7 620x412 Avaliação NA: JAC J3S

JAC J3S – Impressões do interior e qualidade de acabamento

avaliação jac j3s 13 620x412 Avaliação NA: JAC J3S

Sobre o interior não temos muito o que falar. O carro continua o mesmo, com exceção da iluminação interna vermelha, que assim como a azul do J3 fica um pouco cansativa em viagens noturnas. O bom é que para um carro chinês o J3S está bem acima do que vemos por aí no mercado. Ele entrega um acabamento correto, bancos confortáveis e um bom espaço interno.

JAC J3S – Vídeo de detalhes

JAC J3S – Comportamento e consumo na cidade

O bom do JAC J3S é que ele não é um esportivo apenas de adesivo. É claro que um hatch 1.5 não é um esportivo puro, mas em comparação com o J3 normal, ele é sim. E com essa diferença, a condução dele na cidade fica bem mais agradável.

Pra começar, em uma arrancada naquela subida onde fazemos nossos vídeos na cidade, ele nem reclamou. Subiu tranquilamente. Ao contrário do J3, onde relatamos algumas ressalvas a respeito de seu desempenho, o J3S passa esse teste com louvor.

O JAC J3S se mostra um carro bem gostoso de guiar, arrancando forte em saídas de cruzamento e semáforos. Temos um hatch compacto que não é premium (como são chamados C3, 208, Sonic, etc) mas seu desempenho é bem melhor do que desses. E isso por um preço menor.

Em todas as situações que você usa o J3S na cidade, ele entrega potência e torque de sobra, agradando ao motorista mesmo que ele não queira um carro “esportivo”. É só tirar as faixas laterais e pronto. Já no J5, primeiro modelo que no Brasil chegou com esse motor 1.5 da JAC, o desempenho é bem pior. Temos uma diferença de uns 300 quilos.

E no ponto de o J3S agradar qualquer tipo de motorista, chegamos à suspensão dele, que é macia e confortável. Isso distoa do comportamento que um hatch esportivo deve ter, mas contribui para uma condução interessante no dia-a-dia.

Os bancos dele também são macios, então aí se completa o conjunto confortável do carrinho. O consumo aferido na cidade foi de 5,6 km/l com álcool e 9,5 km/l com gasolina, sempre com o ar-condicionado ligado o tempo todo.

Foi um consumo bem alto, e pior do que o mesmo motor 1.5 se mostrou ser no J5, mesmo o sedã sendo 300 quilos mais pesado. E isso, podemos atribuir à conversão deste motor para flex, que se mostra não muito bem feita, principalmente no consumo com álcool.

JAC J3S – Comportamento e consumo na estrada

Faça uma aceleração de 0-100 com o JAC J3S e você vai gostar do que ver e ouvir. O ronco do modelo é agradável, e seu desempenho também. Temos uma faixa de potência e torque que é difícil encontrar em hatches compactos concorrentes dele.

Andando a 100 km/h temos em torno de 2.800 rotações, conseguindo equilibrar bem um ponto de rotações onde o torque está sempre presente, mesmo em subidas um pouco mais fortes. Muitos leitores falam que não existe nada de errado em ter de reduzir marchas na estrada, mas é claro que se você tem um carro onde isso não é necessário, a viagem se torna mais confortável e menos cansativa.

A suspensão, como já comentamos, é macia e inclina um pouco nas curvas, mas isso não chega a representar qualquer preocupação para o motorista. Fazemos curvas um pouco mais fechadas em 110 km/h de forma tranquila.

Um ponto negativo que notamos é o alto ruído aerodinâmico nas portas. Elas deixam claro que não tem uma boa forração, e isso incomoda um pouco depois de algumas horas dirigindo.

E o consumo do J3S, ficou pior na estrada assim como aconteceu na cidade? Sim, infelizmente. O J5, bem mais pesado, conseguiu 14,5 km/l na estrada com gasolina. Usando o mesmo combustível, o J3S ficou em 13,4 km/l. Apenas com álcool que o resultado foi bem mais interessante: 11,8 km/l. Sempre andando a 110 km/h com ar-condicionado ligado.

JAC J3S – Ficha técnica

Modelo J3_Sport_Flex
Versão 1.5 VVT 16V_Flex
Dimensões totais – Comp.XLarg.XAlt.(mm) 3965×1650×1465
Entre eixos (mm) 2400
Peso em ordem de marcha (kg) 1070
Capacidade do porta-malas (Lts) 350
Capacidade do tanque de combustível (l) 48
Tipo de motor Quatro cilindros em linha
Deslocamento volumétrico (cc) 1499
Diâmetro (mm) 75
Curso (mm) 84,8
Comando de válvulas DOHC 16V VVT
Potência Máxima (cv/rpm) 125/6000 (Gasolina) 127/6000 (Etanol)
Torque Máximo (Nm/rpm) 152/4000 (Gasolina) 154/4000 (Etanol)
Taxa de compressão 10:1
Transmissão Manual de Cinco Velocidades
Suspensão dianteira independente, tipo McPherson com molas helicoidais
Suspensão traseira independente, tipo Dual Link com molas helicoidais
Freios Dianteiro a disco ventilado e traseiro a tambor com sapatas auto-ajustáveis
Pneus 185/60 R15
Rodas Em liga de alumínio 15″
Velocidade máxima 197 km/h
Aceleração de 0 a 100 km/h 9,7 segundos

Fotos Fabio Aro





Se você não está vendo os comentários, desabilite extensões do tipo Adblock (que impedem a exibição dos comentários), ou adicione nosso site como exceção.