Home Avaliações Avaliação NA – Volvo S60 T4 (3) – Comportamento e consumo na...

volvo s60 t4 cidade Avaliação NA   Volvo S60 T4 (3)   Comportamento e consumo na cidade




Motor de carro premium de entrada não é motor de entrada. É o que vemos no caso do Volvo S60, ainda mais do que acontece em outras marcas premium. Temos 180 cavalos vindos de um motor 1.6 turbo, bem mais do que em certos modelos de entrada alemães.

O desempenho do S60 T4 é bem interessante, compensando alguns detalhes que muitos não gostam, como bancos em tecido por exemplo. Andando com ele na cidade vemos que o foco do sedã sueco é certamente esportivo.

Temos alguns detalhes que lembram bastante o Jetta TSI. Se você já andou nele, certamente notará uma certa semelhança. Não que o S60 T4 ande tanto quanto ele, o desempenho é um pouco inferior, pois são 20 cavalos a menos e também 4 kgfm de torque.

A pegada do S60 não é tão forte em todas as faixas de rotação como no Jetta, seu ponto de melhor desempenho é entre 2.000 e 3.000 giros. Abaixo disso o motor 1.6 pode decepcionar um pouco. E em rotações bem altas também lhe falta um pouco de fôlego.

Mas, por outro lado, se compararmos os 180 cavalos do S60 T4 com a potência de outros sedãs médios mais fracos, certamente não existe comparação. Quem saltar de um médio comum para este sedã premium vai ficar com um belo sorriso no rosto.

Assim como vemos em outros modelos da Volvo, prazer ao dirigir é um dos destaques desta marca. E a versão T4 do S60 não é exceção. A suspensão dele é mais suave do que a do Jetta TSI, ainda aproveitando a comparação que fizemos anteriormente. Os bancos dele também são mais macios, ou seja, ele mostra que dá pra fazer uma combinação melhor entre conforto e potência do que o Jetta faz.

E o consumo do Volvo S60 T4 na cidade? Lembra que no vídeo detalhado dele mostramos que existe um sistema chamado EcoDrive? Pois bem, com o sistema desligado, o consumo que conseguimos foi de 6,5 km/l, com ar-condicionado ligado.

Com o EcoDrive ligado, o consumo passou a ser de 7,2 km/l, também com ar-condicionado ligado, ou seja, um bom consumo para um carro desse nível de potência, ainda mais levando em conta que quando você tem um carro forte assim, pisadas ocasionais são cada vez mais frequentes.

Eu, pessoalmente, deixaria este sistema desligado, pois ele capa um pouco do prazer que o S60 entrega. Parece que ele teve a potência cortada para algo como 160 ou 165 cavalos.

Você pode ter um carro mais forte por menos? Sim, claro, mas o Volvo S60 T4 é premium, um carro com qualidade de construção bem superior e também um modelo muito mais seleto, que você não vê em cada esquina que passa. Uma boa opção para quem faz questão de uma marca renomada.


  • HugoLange

    cada vez mais impressionado com o carro… os detalhes que o faltam, nao me tiraria ele da minha garagem, considerei um consumo muito bom para o carro…

    • Lucciani

      É complicado dizer que é bom ou ruim o consumo, tenho um xc60 T6 e só ando no modo esportivo e o consumo fica na casa dos 6.0 km/l redondo, mas já consegui com cambio no drive normal o recorde de 6.7 km/l mesmo tendo 1400 cilindradas a mais e 45 kg de torque, além dos dois cilindros extras; o meu sim acho econômico para o que oferece, já o gol G5 1.6 do meu pai faz 7km/l na cidade ou 8km/l com o pe muito leve na gasolina por que praticamente quase não faz diferença o consumo do alcool para gasolina (por incrivel que pareça) então por dedução acho que o que realmente pode ser considerado econômico para tudo que oferece é o modelo S60 T6 que faz a mesma média de consumo do XC60 só que é consideravelmente mais leve sendo mais explosivo.

    • RicardoSuroieck

      Meu Passat tem motor 2.0 de 211 cavalos e consigo fazer 7,5km/L na cidade de São Paulo, que também tem bastante sobe e desce, e entre 11 e 12km/L na estrada.
      O consumo desse 1.6 turbo injeção direta da Volvo está regular para um motor com injeção direta. É melhor se comparado a maioria dos outros carros do Brasil, pois a maioria não tem injeção direta, mas para os motores de injeção direta, o consumo não está bom não, poderia ser melhor.

  • Helmuth82k

    Não sei, mas acho que o consumo não é tão bom assim não. Mas não deixa de ser maravilhoso esse carro!!!

    • HugoLange

      colocando no papel o motor e o carro (peso/tamanho) creio q seja um bom consumo…. não exelente, maravilhoso, mas bom… tem carro 1.0 andando por ai q nao faz isso hein… rsrsrs

      • Stark

        1.0 não bebe assim não amigo! Só se for em muitos morros etc, etc e ainda no etanol pois se botar um 1.0 pra fazer esse mesmo percurso q o volvo aí fez o 1.0 sempre será mais economico na cidade. A história muda na rodovia que os 1.4 e até 1.6 bebem praticamente a mesma coisa q o 1.0…

        • Edson Roberto

          Eu concordo com o consumo urbano. Porém eu ressalto que consigo fazer uma média de quilometragem superior no meu 1.4 do que em muitos 1.0, considerando a media com etanol.

          • fioduma

            Na verdade o carro não bebe gasolina, ele queima a mesma.

          • AlexandreCE

            Também consigo fazer o mesmo… aliás, no meu 1.33 consigo média de 9 Km/L de gasolina, com AC ligado, aqui na minha cidade travada, enquanto que no meu antigo Classic, sempre que fazia isso soltava fogos…

    • Dragoniten

      Meu Ka 1.6 na cidade pisando forte faz 7,6km/l na gasolina e com o pé leve, 9,5km/l. AC sempre desligado.

      Pros padrões Brasil de tecnologia e motores jurássicos como o Zetec, o consumo tá lindão!

      • Helmuth82k

        P*rra!! Então tá. Realmente o Volvo é economico!!

        • Dragoniten

          HAHAHAHAHAHAHHA Para ô!

    • blindzector

      Vale ressaltar a tipografia da cidade e o tipo de percurso q Eber faz… Acho q o consumo é otimo! Aki na cidade utopia… rs como alguns dizem de Brasilia, aki deve fazer redondo uns 10/12km/l

    • simoloko

      Salvo engano, o Cruze e Civic fizeram consumos melhores nos testes do Eber – e eles são flex!

      • Stark

        Com o tal do EcoDrive ligado fez um consumo praticamente igual ao Civic e Cruze, porém sem o EcoDrive bebeu que nem o Jetta TSi. Aqui alguns dos melhores números de cada um que foi testado aqui no NA:

        Cruze – 7.1 km/l
        Civic – 7.0 km/l
        Volvo S60 T4 – 7.2 km/l
        Corolla – 7.8 km/l
        Jetta 2.0 8v – 8.6 km/l

        • Tejolo

          Pois é, mas lembre-se que existe uma diferença enorme na potência e torque deste Volvo para todos os demais comparados… principalmente no Jetta (potência) e Cruze (torque).

      • Tejolo

        Flex, mas beeem menos potentes….. mesmo com ecodrve ligaado, o Volvo ainda é muito mais forte que ambos.

  • JosemarFloripa

    é um belo e bom carro, mas o preço é bem salgado…Custo/benefício/prazer de dirigir igual ao jetta turbo não existe no mercado

    • dorovanius

      Status meu caro… Volvo da mais status que o Jetta.
      Claro que Mercedes daria ainda mais status (consegue chamar mais atenção pelo status). Fulano tem uma Mercedes, Beltrano tem um Volvo e Cicrano tem um Jetta. Adivinha quem chama mais atenção na chegada ao restaurante.

      • THX

        Ótimo argumento pra se ter um Jetta TSI então…hh…Aqui na baixada Santista se tem um I30 ja estão te assaltando ou sequestrando…

  • JosemarFloripa

    olha dizer que 6,5 e 7.2km/l é bom, vocês estão gozação né…pra mim é péssimo para um motor Turbo 1.6, é só comparar com outros Turbos que temos no mercado, ou quem andou com ele andou com o pé atolado para justificar esse consumo

    • Stark

      Eu também achei o Consumo Péssimo!
      Quero entender porquê os motores jurássicos e ultrapassados conseguem fazer 7~8 por litro na cidade e um 1.6 Turbo todo moderno no mesmo percurso acaba bebendo o mesmo (nem conheço esse motor, nem procuro saber, mas deve ter aí injeção direta, comando variavel, bloco em aluminio e por aí vai….)

      A maioria do público do volvo s60 pode não importar com consumo mas tem uma pequena parcela que deve importar sim.

      • Edson Roberto

        A explicação é simples: Qualidade de combustivel.

        Não é problema da distribuidora mas o que chega nas bombas de nossos postos. Além disso, depende da calibração do motor que certamente, esse turbo do Volvo prioriza desempenho.

        Não a toa, possui um modo economico para "segurar a onda" no consumo. Eu creio que no uso cotidiano, ele deva fazer melhor consumo. Pois onde o Eber mora, é propicio para ter um rendimento baixo. Ele é obrigado a ficar rodando em lugares da sua cidade que são de trechos ingrimes e isso deteriora o consumo. Além do que, o Eber não esta exatamente preocupado com o consumo, só marca aquilo que ele fez.

        Além disso, creio que ele use gasolina comum ou aditivada. E esse motor certamente deve render melhor na Premium.

        • nightwishjp

          Outra coisa importante pra frisar, Edson, é o peso do S60. Ele é BEM mais pesado do que os populares que temos, por isso o consumo maior.

        • thales_sr

          Mas os outros carros testados aqui não usam o mesmo combustível nos testes?

          • Edson Roberto

            Thales,
            Olhando testes estrangeiros inclusive com o Volvo vc ve melhor consumo. (e bem gritante).

            Considerando que o Eber é imparcial e usa combustivel comum, acredito que nesse caso uma gasolina podium poderia fazer a diferença no consumo não?

        • Stark

          Sim mas comparando os números com os outros carros que foram testados na mesma cidade do NA aí, o consumo tá semelhante aos 1.6/1.8/2.0 Aspirados e por ser um Downsized e muito moderno, era de se esperar uns 8 km/l não concorda? Seria 20% melhor! – Compare:

          Cruze – 7.1 km/l
          Civic – 7.0 km/l
          Volvo S60 T4 – 7.2 km/l modo Ecodrive
          Corolla – 7.8 km/l
          Jetta 2.0 8v – 8.6 km/l

          Agora olhando outro ponto, irônico mesmo é o Jetta Comfortline com esse motor jurássico sem nenhuma tecnologia conseguir beber o mesmo e até menos que os modernos, quem explica? aushsahusauhas

          • Edson Roberto

            O mesmo que acontece com o Vectra com o motor de 140cv.

            Mas veja que, olhando diretamente os citados, ele é o unico que é 8v que obviamente aproveita sem duvida a rotação em baixa para rodar e ter maior economia. Creio que nesse ponto ele tem a obrigação de ser economico. Acho até que ele agrada nos itens de serie que ele oferece.

            Para mim, faz falta um carro com motor mais forte por conta de usar para trabalhos fora de São Paulo e o Jetta me deixaria inseguro (e considere ainda que acho meu atual 1.4 mais seguro para ter controle do meu carro).

            Mas como eu disse ao Thales, eu acho que é o tipo de combustivel. Creio que ele deva ser bem mais economico com gasolina podium (por causa da injeção direta inclusive, pois com o ajuste atual, ele precisa de ter uma mistura mais rica de combustivel acabando com qualquer advento do uso da injeção direta).

            • rpasini1

              Motor no Brasil tem que ser jurássico mesmo. Meu astra 2.0 8v na mijolina eu faço tranquilamente 9 km/l na cidade, e cidade tranqueira. Na estrada se manter média de 80- 100 km/h é fácil bater nos 14 km/l.
              Não adianta nós exigirmos motores melhores se o nosso combustível vai ferrar com tudo.

              • JottaElle

                Parece que os "jurássicos" se dão bem aqui no Brasil, pois ontem fiz um trajeto de 40 km aqui na cidade do Rio de Janeiro com o carro (2.0 8v flex) lotado e carregado com malas e obtive uma média 15,5 km/l (gasolina aditivada). Nem quando o trânsito está muito ruim chego a médias tão ruins quanto 7,2 km/l, aliás essa média ainda é inferior a que eu obtenho com álcool.

                • rpasini1

                  Bem nessa. Tem muitos que enchem a boca pra falar "MODERRRNO, alumínio, comando variável, etc", dai eu penso "tudo isso e resultado pratico = grande bosta". Claro que temos que melhorar os motores, mas temos que ser coerente, se a melhora traz resultado prático blz, do contrário não adianta de nada.

                  • JottaElle

                    Disse tudo! Tecnologia sem resultado não vale nada, mas para o pessoal de marketing é um prato cheio.

    • RicardoSuroieck

      Pois é, para um motor 1.6 com injeção direta, deveria fazer um pouco mais.

  • RafaelPimenta

    Eu nao ficaria com sorriso no rosto de pagar 100mil num sedã medio mesmo sendo volvo. por esse preço ja pego um sedã grande e nao estou falando dos pseudo-sedãs grandes como optima e elantra mas sim de azera, cadenza e fusion por exemplo. no caso do cadenza e azera fica dificil mas o fusion é possivel.

    • Pedro_Rocha

      Colocaria o 508 nessa lista de opções também.

      • RafaelPimenta

        acho q até um citroen c5 tmb.

    • Stark

      Fusion SEL 2.5 e ainda sobra pra gasolina!! asuhsauhsau
      Mais espaço, mais bonito, mais equipamentos e ainda mais barato..

      • RafaelPimenta

        pelo preço desse volvo da pra pegar um v6 eu acho

  • RicLuthor

    Eu não achei esse consumo bom, por ser um motor de pequena cilindrada (ainda que turbo), com bom torque e moderno. Talvez seja bom comparado ao motores 1.8 e 2.0 nacionais que tem consumo perto disso em percurso similar e possuem bem menos potência e torque disponível. Mas quando se compara ao seu próprio Azera (motor V6 com muito mais torque e potência) que faz 5 km/l na cidade, nota-se que o consumo do S60 deixa a desejar, nada que vá afetar o bolso de que compra um carro acima de R$ 100 mil, mas pelo valor pago, devem existir carros com motores tão potentes quanto ou até mais, e com o consumo mais coerente.

  • Luiz FMS

    Realmente o carro impressiona cade vez mais. Só achei esse consumo está meio alto, mas acho que quem tem dinheiro pra comprar um carro desse não se importa muito com o consumo.

  • Edson Roberto

    É complicado mesmo.

    E eu reforço em cada teste que vemos desses modelos, o quanto o 408 THP da Peugeot, tem hoje de custo x beneficio. Pode ser um carro ruim de revenda, ruim de pós-venda, mas é sem duvida um produto bem interessante e atrativo pelo que custa e oferta.

    Continua…

  • Edson Roberto

    Os parametros citados pelo Eber, demonstram exatamente como o 408 THP tem de tocada. Só que com um porém: Ele é LISO até o fim de giro. Porém é meior moroso abaixo de 1500rpm. E isso é sentido no arranque principalmente porque a Peugeot foi muito conservadora em permitir um arranque com destracionamento. (e não existe forma de desabilitar o controle de tração) o que tira um pouco do prazer de quem espera uma saida bem forte. Mas está longe de ser fraca, mas é que a sensação de quem pode andar com um modelo sem esse controle, vai considerar que o 408 THP anda menos por esse ponto.

    Sem duvida que julgando todos os itens oferecidos, eu optaria pensando em tecnologia, segurança e conforto no 408 THP.

    E antes que me critiquem, não estou rebaixando o Volvo, que não tem o que questiojnar sua qualidade, só que não considero pagar "mais" por ser premium. Pois o Peugeot citado também é seguro.

    • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

      Só acho, que mesmo sendo bom o Peugeot continua sendo uma categoria mais abaixo. Os concorrentes mesmos, Classe C, Azera, Cadenza, 508 (aí sim), oferecem mais que o Volvo.

      • Edson Roberto

        Concordo contigo.

        Mas ainda que, na minha opinião, não acho que valha a pena optar pelo irmão maior da Peugeot. A diferença é muito grande de preços entre um e outro.

        Além do que, a melhoria do 508, está em utiliza chapas mais finas (mas com estrutura mais elaborada, sendo mais leve inclusive), tem um coeficiente aerodinamico pouco superior e por fim, tem um entre-eixos maior. Eu penso que, se o 408 tem um comprimento digno de sedan medio-grande, imaginou o que é ter o 508? Nesse ponto talvez o tamanho seja fator negativo para mim. Mas que viria a calhar o parabrisa com dupla proteção acustica, luzes espalhadas pelo carro, diversos alto falantes fariam a diferença. Mas ainda não me convence como produto, o preço que ele custa.

        E nesse caso, eu optaria pelo alemão citado (mesmo sendo menor, tem um arranjo superior) ou os coreanos citados (nesse caso eu pensaria bem sério no Cadenza colocando uma central multimidia posteriormente).

      • marciors01

        Eu vi o 508 ao vivo e o interior é superior ao de cadenza, azera e classe c básicos, é impressionante a beleza e qualidade do acabamento, então não vejo como não considerar o 508 digno de carro premium.
        Motor e câmbio são de primeiro mundo, é bonito e espaçoso, muito equipado e com interior que não deve nada para nenhum premium, nesta categoria ficaria com o 508, mas isso considerando estes critérios, claro que precisaria andar nas crianças.

  • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

    Mesmo um pouco mais fraco, o Classe C ainda seria minha opção. Além de status, entrega algo esperado para um carro desses, requinte, design interior e exterior, e um excelente acabamento, com mais equipamento tbm.

    • Edson Roberto

      Olha, eu ouso dizer que o desempenho deve ser parelho pois apesar "de apenas" 156cv, o cambio de 7 marchas e o motor casam perfeitamente.

      Além do que, acho o interior do C180 maravilhoso. Esse confesso, foi paixão a primeira vista. Se eu fosse endinheirado, esse seria meu carro.

  • AmmmmmP

    Eu gostaria de ver as pessoas que criticam consumo contra-argumentando divulgando o consumo de seus próprios carros… enriqueceria a discussão e não ficaraia somente no gostei/não gostei… O meu Fiesta faz 14,5 na estrada e na cidade não tenho a menor idéia.. rsrsrs mas deve ser uns 10km/l…

    Eu me decepcionei com 7,2km/l desse Volvo… se por ser GDi a calibração do motor exige esse sacrifício para rodar no Brasil… lamento mas acabo de desisitir da idéia de ter um Volvo. O Audi A1 tem uma campanha super forte no pós-venda e se esbalda na capacidade de consumo do Audinho… que fica por volta de 20km/l.

    Gostei muito da análise da sensação de potência que se tem ponto a ponto das rotações por minuto. Realmente, existe uma faixa ótima onde o motor rende mais (com menor consumo e maior força) e depois a potência diminui mesmo com o RPM ascendendo.

    Agora é aguentar o gostinho de quero mais com a divulgação do consumo em estrada, meu foco principal.

    • mho

      Sim, é um consumo muito alto. Mas uma comparação mais justa seria com o A4 TFSI.

      • AmmmmmP

        Pensei no A1 porque é turbo também e 1.4 não é tao distante assim de um 1.6, teoricamente. E o preço dá quase no mesmo… Esse A4 é bem mais caro… acho que está em 150 mil reais. E quem pensa num A4… 1.6 é coisa do passado. rs

        Uma boa era fazer uma comparação entre o consumo na estrada com a famosa gasolina premium podium e outra aferição com gasolina comum…

        Aí veríamos se realmente a gasolina faz diferença, mesmo… mas como a qualidade da gasolina é uma loteria… fica uma idéia para uma próxima análise no NA.

        • thales_sr

          O 1.4 do A1 tem só 122 cv, e o A1 é menor e mais leve… Mas mesmo comparando com o Mercedes C180 e Jetta TSi, o consumo do Volvo é alto…

    • Leandro1978

      Pelo que alguns têm comentado, a cidade em que o Eber vive e, consequentemente, testa os modelos, é uma cidade com muitas subidas e descidas, o que acaba piorando o consumo. Além disso, a qualidade do combustível e forma de dirigir influenciam. Só para comparar, o Civic testado com gasolina ficou em torno dos 7,0 km/l. O Cruze, 7,1 km/l com gasolina. O Corolla com 7,8 km/l. Todos com motores maiores em termos de cilindrada, porém menos potentes devido à ausência do turbo, além de serem flex. Assim não me parece tão ruim. Talvez o seja quando comparado com o Jetta TSI, mais potente, cuja melhor marca foi em torno dos 7,2 km/l (sem pisar forte).

  • GuilhermeTucson

    esse carro com o eco ativado a 100 por hora sem ar deve fazer uns 14 km/l mais quem tem um turbão desse qué mais é fechar o vidro ligar o ar e dar aquelas esticadas! Eu faria isso!

  • Adriano_Silva

    Depois de conhecer um Sedã básico da Volvo, o que dizer dos sedãs tops do nosso mercado? Kkkkkkkkkkkkk.

  • Turbo_Car

    Pow, NA, vocês têm acesso às fotos originais, muito provavelmente, com tamanhos generosos, ricas em detalhes, e nos colocam fotografia diminutas para visualizarmos. Eu sei que existe um limite de transmissão de dados imposto pelo servidor, mas um blog do tamanho do NA não pode deixar os seus leitores sedentos por notícias como ilustrações tão pequenas. Falo isso pois quando vocês postam tabelas vazadas pelos fabricantes, por exemplo, são, quase sempre, impossíveis de se ler (e olha que o meu monitor tem 19"!). As fotos do novo Punto também estão deixando a desejar. Queremos ver os DETALHES do interior e não temos acesso porque vocês reduziram o tamanho da imagem. Peço que considerem esse meu recado como uma sugestão de um leitor assíduo do NA e que é apaixonado pelo mundo automotivo.
    Atenciosamente,
    Turbo_Car.

    • dougkmt

      Boa sugestão! Se fosse possível colocar fotos com maiores resoluções seria mais um diferencial do NA! :D

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Roxmmp

    Sinceramente, sou fã da Volvo e de seus carros. Se pudesse comprar um carro desse nível o S60 entraria na lista por: ser um carro seguro, ser um carro bem construído, ter um design externo lindo, interior simples e completamente funcional, desempenho satisfatório. Claro que na ponta do lápis as coisas poderiam mudar, mas quem derá um S60 na garagem…

  • RafaelSumy

    Achei o consumo condizente com a potência e peso do carro! Meu carro, um Galant 2.5 V6 com seus 163cv's, 1,3ton e câmbio auto de 4 marchas não faz mais de 7Km/L na cidade nem andando como uma velha de 80 anos!

  • chrcamargo

    Gostei da matéria, possuo esse carro desde Janeiro de 2012 e adoro!
    Só não concordo com o consumo, eu faço 10.5 Km/L na cidade e 14 Km/L na estrada, mesmo dando umas pisada inevitáveis, como o Eber falou. Realmente o prazer de dirigir este carro é incrível. Eu acho que não da para comparar ele em preço com o Mercedes Classe C180, pois são quase 30 mil de diferença, daí a comparação é com o S60 T5 que é bem superior ao C180.

    • bauboni

      Ou a cidade q o Eber mora é só morro, ou ele tem o pé pesado demais (or both).
      Pq em todas as avaliações de consumo que ele faz, é sempre bem mais doq ouvimos ou lê-mos por aí.
      Então eu acredito em vc hehe

    • Stark

      Que cidade você mora?

      • chrcamargo

        São José dos Campos

  • josenum

    O carro gasta rios, faz 6~7km/l de gasolina, e ainda dizem que é economico por causa que é da volto, vo nem comentar. o jetta é mt mais economico sendo 2.0 e mais potente

    • dorovanius

      Este motor da VW e Audi atualmente é um dos melhores (se não for o melhor) 2.0 Turbo considerando a relação potenciaxtorquexconsumo, nem o do Evoque que tem 240cv é tão bom

      • RicardoSuroieck

        Sem falar que o motor 2.0TSi, somado ao câmbio DSG, torna a experiência de guiar tanto o Jetta TSi quanto o Passat extremamente deliciosa.

        • dorovanius

          Pois é, comparando meu carro atual: Audi Q5 que usa este mesmo motor 2.0 TSi 214 cv + cambio Stronic 7 marchas com dupla embreagem as trocas são realmente mais rápidas que a BMW X1 28i que tinha, com cambio automático de 6 velocidades.

  • diogo_rs6

    Sejamos francos, o consumo deste Volvo poderia ser melhor, ainda mais com toda a modernidade técnica embaixo do capô.

    Agora não duvido que os 180cv do motor sejam bem agradáveis de conduzir, o modelo com 304cv deve ser mais divertido ainda…. pra não mencionar o Polestar de 515cv

  • markinmoura

    Sério, 1km/L a mais ou a menos vtá fazendo um monte de gente que "ia" comprar o s60 que postou aqui desistir da compra? O carro custa mais de 100k e a galera atras de economizar 50 contu? Lógico que se consumisse menos seria melhor, mais bonito e ecológico, mas o consumo desse carro nao é nem a pau um "deal breaker"!

  • dougkmt

    Que diferença de consumo!!

    E o seu consumo com o EcoDrive ligado? Como fica?

  • chrcamargo

    O meu é 2011/12 e não tem EcoDrive

  • dougkmt

    Valeu pela resposta. Não sabia deste detalhe!

    Mas o seu consumo está ótimo, pelo motor!! :)