Home Usado da semana Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0

chevrolet prisma lt 1.0 1 620x348 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0




Meu nome é Ivan Grego Lemos, tenho 21 anos, sou leitor constante do NA e vi a oportunidade de apresentar a avaliação do meu veículo Prisma, para que os leitores possam ver os prós e os contras do veículo, com o intuito de quem sabe tirar a dúvida da cabeça de alguns que pensam em adquiri-lo.

Adquiri o Prisma no mês de abril em troca de um Corsa 1.4, pensando em um veículo com um porta malas espaçoso, já que tenho aparelhagem de som e gosto de viajar, e mais seguro com air bag e ABS, pesquisei muito antes de comprar, considerando novo Palio, Onix, HB20, Siena, Classic, Etios Sedã.

Nenhum deles me agradou tanto quanto o Prisma, o Onix me agradou também, mas o porta malas é pequeno, seria como se trocasse “6 por meia dúzia”. Meu Prisma é o modelo 1.0 LT com pacote R8H, adicionei o som ao meu gosto, recentemente adquiri o kit de faróis de neblina original e as calhas de chuva.

Abaixo vocês poderão ver a minha opinião sobre todos os pontos, positivos e negativos, do veículo e quais são minhas impressões ao dirigi-lo.

chevrolet prisma lt 1.0 5 620x348 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0

Impressões ao Dirigir

A GM, depois de muito tempo, resolveu renovar a gama de seus produtos, para tentar melhorar sua imagem diante do mercado automotivo e dos consumidores, que estava desgastada, diante de toda essa renovação, a que surpreendeu a muitos e a mim, foi o Prisma, que antes de sua divulgação oficial, era chamado por muitos de Onix Sedã, para substituir o Corsa Sedã e não o velho Prisma irmão do Celta.

A minha impressão do veículo é muito boa, me surpreendeu positivamente, apesar de ter trocado um carro com motor 1.4 por um com motor 1.0, querendo ou não, há diferenças e algumas dificuldades do motor 1.0, mas a GM sabe muito bem escalonar as marchas para que se aproveite bem a potência e torque, com o Prisma não foi diferente, apesar de às vezes “arranhar” para engatar a Ré, a troca de marchas é suave e precisa.

O motor é valente quando está acima das 2.000 rpm, é bom para a cidade e até para viagens, é um carro que até as 4.000 rpm não apresenta grande ruído, o que mostra o bom isolamento acústico do veículo. Apesar de estar satisfeito com seu desempenho, ainda é um veículo 1.0 que possui limitações, como em subidas ou retomadas, é necessário à redução de marchas ou mesmo desligar o ar condicionado para que ele retome o “fôlego” e transponha a dificuldade.

É um veículo acertado dinamicamente, não senti perda de estabilidade em situações diversas e nem aquaplanar com chuva extrema, mesmo com a suspensão acertada mais para o conforto e os pneus com perfil um tanto alto. Os bancos acomodam bem o corpo diferente do Corsa que eram lisos e quando se fazia uma curva com certa velocidade você “escorregava” no banco. Os freios são bem ajustados e quando exigidos, com ajuda do ABS, param o veículo sem esforço algum.

chevrolet prisma lt 1.0 2 620x348 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0

Como qualquer outro veículo, ele possui seus defeitos, como encaixe das peças do painel, plástico rígido por todo o veículo, possui poucos itens de série em um carro da faixa de preço e um motor antigo com atualizações apenas.

Gosto muito do painel analógico digital, apesar de muitas pessoas não gostarem, é de fácil leitura e compreensão com uma ótima luminosidade, no mais, poderia ser de serie o computador de bordo em qualquer versão.

O veículo possui uma direção precisa e macia para manobras, para estrada tem um acerto para que não tenha sensação de insegurança, a visibilidade é muito boa por conta dos grandes retrovisores, o conjunto óptico ilumina muito bem, tendo em vista que preciso muito que eles sejam eficientes porque utilizo constantemente a Rodovia Imigrantes no período noturno, como todos sabem não é muito iluminada no planalto, o limpador de para-brisa é ótimo porem poderia contar com o sensor de chuva.

chevrolet prisma lt 1.0 4 620x348 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0

Ponto a ponto

Desempenho – No geral o motor e câmbio do Prisma 1.0 é um conjunto muito acertado, não sofre tanto quanto outros 1.0 mesmo com o ar condicionado devido ao bom escalonamento das marchas, o motor trabalha muito bem quando está acima das 2.000 rpm, vale ressaltar que continua sendo um motor 1.0, por este motivo em algumas subidas, retomadas e ultrapassagens se faz necessário reduzir uma marcha ou mesmo desligar o ar condicionado.

Estabilidade – O Prisma me surpreendeu positivamente neste quesito, é um carro estável, claro que não se deve entrar nas curvas muito forte ou exigir muito do conjunto, porém é um carro dinamicamente estável e que passa sensação de segurança ao condutor em todos os momentos.

Interatividade e Habitabilidade – Possui muitas facilidades, porta objetos espalhados pelo veículo inteiro, apesar do porta luvas ser pequeno. Os comandos sempre estão à mão, sem precisar ficar desviando o olhar para mexer no ar condicionado, a direção é precisa e leve no momento das manobras, que são facilitadas pelo sensor de estacionamento de serie, algo que faz falta é um botão para abrir o porta malas dentro do veículo sem precisar da chave ou utilizar o botão da chave canivete.

Consumo – O Inmetro não fez o teste de consumo do Prisma, porem meu veículo está com quase 5.000 km rodados e obtive médias consideráveis para o meu trajeto, utilizo parte estrada (16 km) e parte cidade (18 km) totalizando uma média diária de 34 km, abastecendo com gasolina obtive 12,1 Km/litro e com etanol 10,4 Km/litro, sempre com ar condicionado ligado.

Conforto – O Prisma possui um bom espaço interno para a categoria, na minha opinião é acima da concorrência, ocupa muito bem os passageiros dos bancos dianteiros e não tirando o conforto dos passageiros dos bancos traseiros, 4 adultos e 1 criança viajam sem apertos e com conforto, os bancos são confortáveis e acomodam muito bem os passageiros, o ponto forte do prisma é o porta malas, com 500 litros, é acima da concorrência e até de alguns sedãs médios, como por exemplo Civic (449 litros) e Corolla (470 litros). Outro ponto forte é a posição de dirigir, que presa o conforto que todos gostam em um sedã. A suspensão absorve bem as irregularidades do piso com ajuda dos pneus com perfil alto, dando conforto aos ocupantes sem tirar a estabilidade.

Tecnologia – O Prisma não é bom neste quesito, poderia ter ganhado um motor mais moderno, com 16V e bloco de alumínio, apesar de ter ganho uma pequena atualização, ainda é o velho conhecido da família corsa, celta e classic. Poderia ter mais itens de série, como vidros elétricos traseiros e retrovisores elétricos, mesmo assim já conta de serie com air bag duplo e freios abs.

Acabamento – O interior do Prisma é bonito e com cores mais conservadoras que o seu irmão Onix, que possui um apelo mais esportivo, porem compartilha os plásticos rígidos e acabamento razoável para o valor do veículo, poderia ter encaixes mais precisos e revestimento no painel melhor do que apenas plástico, o único revestimento de tecido que se vê é no apoia braço das portas dianteiras e ainda sim são duros, sem espuma alguma para deixar mais confortável.

Design – O exterior do Prisma é bem acertado, é um carro bonito e com um design “esporte”, na minha opinião o design do Prisma é mais harmonioso do que o do Onix.

chevrolet prisma lt 1.0 3 620x348 Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0

Conclusão

Em minha opinião é um veículo muito confortável e não faz feio frente ao Voyage, HB20S e outros concorrentes diretos da mesma categoria, tem sim suas limitações por se tratar de um veículo 1.0 com ar condicionado, mas é muito agradável de guiar, possui muitos porta objetos, o espaçoso porta malas, que se torna o verdadeiro destaque, e o bom espaço interno para os ocupantes.


  • mark_v10

    parabens pelo carro cara,meu pai ta na duvida entre o prisma 1.4 ou o cobalt 1.8 sem contar a feiura extrema do cobalt,qual é melhor opção?levando em conta que meu pai é chevroleiro até a alma e até ja desisti de lhe aconselhar o new fiesta…

    • saosao

      Parece até amor de time de futebol né? rs

      • fschulz84

        Pois é… Conheço pessoas que sempre pedem minha ajuda quando vão comprar carros e sempre apoiam os carros que eu compro…

        Mas ai,depois de rodar zilhões de CCSs a pessoa sempre escolhe a mesma marca, "Ah, porque GM é GM", "Ah VW é robusto", "Ah, Hyundai tá na moda".

        Eu simplesmente parei de ajudar estas pessoas.

        • Leandro1978

          Cara, ao menos elas foram conhecer outras marcas (pelo que entendi do seu comentário). Isso faz com que as pessoas conheçam os concorrentes, optar pela mesma marca, não tem problema (na minha visão). O problema que vejo é quando a pessoa nem pesquisa e já compra direto na primeira loja em que entra, como já vi muitas vezes acontecer. Na própria matéria temos um exemplo disso, o colega tinha um Corsa e optou pelo Prisma, mas foi conhecer outros modelos. Ruim é quando, como cito, a pessoa compra sem pesquisar e depois fica falando que este ou aquele outro modelo era bonito. Aí só dá para falar que "Inês é morta" e falar para pesquisar da próxima vez …

          • fschulz84

            Assim, mas desde o princípio estas pessoas já iam com a mentalidade de que iam ficar em suas marcas… De chegar ao ponto de um deles me falar "Rapaz to pasmo com este Fiesta, me agradou em tudo, mas vou comprar um HB20 mesmo pq tá mais na moda"…

            Então se já sabia desde o começo o que queria, porque diabos fez eu ir junto à zilhões de CCSs?

            Em meu círculo social, sempre fui conhecido como o que comprava os carros pelo que queria e não pelo que os outros achavam, mesmo para o caso de carros não muito bem visados no mercado (os 3 útlimos foram um Focus MK1,5 depois um Mégane e agora um Focus MK2,5 Ghia) então muita gente me pede opinião, mas chega na hora de fechar mesmo descartam tudo que viram e testaram só pela marca, independente do motivo.

            • Kleyton

              Cara, neste caso do FIESTA X HB20, testei os 2 e preferi o new fiesta com ctz! e não me arrependo. O carro é demais, peca em algumas economias porcas, mas sem dúvida, é o melhor CXB da categoria.

          • MecanicoDigital

            Exato. O importante é fazer uma compra consciente. Muita gente acha que não se deve comprar a marca x ou y, mas muitas vezes nem se dão ao trabalho de conhecer. E se o cara foi lá na concorrência e não gostou do que viu, e voltou pra marca q ele já conhecia, excelente, pois ele fez uma boa compra, conheceu o que tinha de opções, e escolheu o que mais lhe agradou.

            • Edson Roberto

              O problema pelo relato da pessoa foi que, mesmo indo em diversas concessionarias, tendo preferido modelo diferente do que iria querer, preferiu ficar "Na marca da moda", "na que conhece" e assim evitou mudar de opinião e ao mesmo tempo agir racionalmente.

        • Anderson Trajano

          Nossa, pensei só eu passava por isso …. Também não ajudo mais ninguém, porque cheguei a conclusão que a escolha de um carro, tem muito mais a ver com o gosto das pessoas, do que com o que é oferecido pelas montadoras …

    • Leandro1978

      Se preferir desempenho, espaço interno e melhor acabamento, o Cobalt 1.8 é uma escolha lógica.

      • Four Rings

        Feio por feio, pelo menos o Cobalt entrega mais.

    • tiards

      cobalt é mais carro que o prisma.

    • bedotRJ

      O Cobalt é melhor opção, sem dúvida. O único ponto em que ele fica atrás do Prisma é o design EXTERNO, que é subjetivo e no qual, convenhamos, o Prisma também não é nenhum primor. Nos outros quesitos, do design interno ao acabamento, do porta-malas ao espaço interno, o Cobalt é bem superior. Eu seria capaz de dizer que, mesmo numa comparação de equivalentes em motorização (Cobalt LT 1.4 vs Prisma LT 1.4), continua sendo mais vantajoso levar o Cobalt. Na situação exposta (1.8 vs 1.4) chega a ser covardia a comparação.

      • Rodrigo_Galera

        Eu levaria o Cobalt também, e o design nem me incomoda tanto. O que mais me incomoda é são esses motores recauchutados que a GM insiste em usar em sua gama… O que custa começar a usar o Ecotec com cilindradas menores? Não tenho dúvidas que se possa usar o Ecotec de 1.000 e 1.400 litros! Fora o 1.6 que já existe!

        • Lisboa_Rafael

          1.400 Litros!!!! Caramba!

        • Stark

          Que adianta usar um Ecotec sendo que no final acaba bebendo mais?

      • Antoniokings1

        Achei o interior do Prisma muito simples.

    • Eduardo

      n compre o colbalt além de ser um carro feio o 1.4 não vai se sair tão bem como o prisma por ser um carro bem pesado,e o cobalt 1.8 pode ser um pouco melhor em desempenho mas é um motor muito ultrapassado com médias de consumo absurdas,o melhor é o prisma em relação a preço,consumo e design dá de lavada no cobalt .E não se engane por numeros 1.8 1.4….

      • Gaf1991

        Engano seu o Cobalt pesa praticamente a mesma coisa do que o prisma .

      • marciors01

        O cobalt pesa menos de 1100kg, está longe de ser pesado, o desempenho é somente um pouco inferior ao do prisma, mas por outro lado é espaçoso, silencioso, confortável, tem ótimas embreagem e cãmbio manual e o interior também é muito agradável, até bem acabado para a categoria.

    • mark_v10

      estou com a maioria,cobalt será mais vantajoso para meu pai,ja que ele não liga pra design,agradeço a opinião de todos!

      • André Castan

        Meu pai tem um Cobalt 1.8 e o carro é muito bom. O motor pode até ser antigo, mas tem muito torque em baixa, o que torna a condução normal bem agradável. Não há necessidade de ficar esticando marcha como nos 16v. Consumo, 7 Km/l na cidade usando álcool. Acho que tá razoável. Por enquanto só álcool, pois aqui tá na faixa de R$1,50 / R$1,70 e é vantajoso.
        Conforto e espaço é um caso a parte. Show. Melhor que Civic, Corolla e no pau com o Cruze.
        Roda macio e é super silencioso.
        Tirando o design externo, que é subjetivo, o carro é excelente. Muito recomendado.

      • xrs250

        Hehe sobre o Ecotec 1.nada e 1.4 já existe na Europa e EUA, o primeiro na Europa com três cilindros e 12 válvulas e o 1.4 na Europa vem as versões aspirado e turbo e esse último equipa o Cruze americano.

  • braZuca

    Pela sua avaliação, parece ser um carro muito bom, mas acho que você pecou em compara-lo tanto com o Onix.
    É claro que é sua opinião e experiência com o carro, mas não acredito que esse motor 1.0 seja bom assim como você falou, ainda mais de quem veio de um Corsa 1.4 (não que o corsa seja infinitamente melhor).

    Enfim, achei a avaliação boa, mas acredito que houve muita emoção envolvida, por ser um carro novo, citando assim poucos pontos negativos (que eu acredito que o carro tenha mais).

    • thales_sr

      Esse motor 1.0 da GM surpreende, tanto em desempenho quanto em consumo. Quem lê a ficha técnica não imagina que ele ande o que anda.
      Porém, claro que comparado com um motor maior, toma surra.

      Talvez o dono não tenha visto muitos pontos negativos pelo pouco tempo com o carro. Os pontos que ele citou são fáceis de verificar numa visita à ccs e num test drive, então se ele fez isso e achou o carro satisfatório, vai continuar tendo essa opinião, por agora. Chegando nos 40-50 mil km, vai poder falar de manutenção, aparecimento de "grilos" e defeitos no carro, algo que só o tempo pode dizer.

      • Four Rings

        Estranho, já andei muito em Celta e pra mim ele anda como qualquer 1.0. Não vejo surpresa alguma em seu desempenho. As arrancadas são rápidas porque o câmbio é extra-curto, mas só isso também. Achei o desempenho bem semelhante a Gol, Uno, etc. A diferença é apenas que estes não têm o câmbio esgoelado (mas em contrapartida bebem menos justamente por isso).

        • thales_sr

          Rapaz, já andou em Palio 1.0? Aquilo sim parece um 1.0 (em desempenho), manco todo. Em consumo parece um belo 1.8.

          O Celta bebe tanto assim? Nas condições que eu andava com ele, fazer o consumo que ele fazia era um feito extraordinário.

    • braZuca

      Eu entendo. Tenho a oportunidade de dirigir um Agile 1.4 por várias vezes ao mês, e esse motor já não me agradou muito. Não dirigi o 1.0, mas o 1.4 pra mim já não serve para uma viagem com 4 passageiros e bagagens por exemplo, quanto mais no Prisma, que é maior. Agora pensa em um motor 1.0. Pra mim fica difícil.

      • odirrr

        Apesar de ser o mesmo motor, os ajustes feitos surtiram grandes diferenças, por isso a impressão com o Agile não pode ser considerada totalmente.

        • rasouza1409

          Eu ia falar isso. Apesar de ser o mesmo motor 1.4 para Corsa e Agile, ele se comporta de forma diferente no primeiro. Digo porque tenho um Corsa 1.4 e as vezes ando no Agile de um conhecido, e no Corsa esse motor me parece bem mais acertado e com melhor rendimento.

      • GUiGoBH

        Eu acho que a comparação mais justa seria, entre carros 1.0. Concordo que até o 1.4 tem um desempenho triste, mas acho que o cara da avaliação quis dizer que era um bom motor por se tratar de um 1.0.

        Falo isso porque se você pegar e comprar com outros motores 1.0 verá que o da GM é um dos melhores, tanto que sua potência é de 80cv e tem 9,8kgf/m de torque o que é acima dos concorrentes HB20S, Voyage e etc.

        Tem que lembrar também que o Ônix e Prisma vieram com ajustes diferentes dos modelos anteriores que tinham o mesmo motor

        • braZuca

          Obrigado pelo esclarecimento =) mas mesmo assim o 1.0 pra mim não desce, ou melhor, descer ele desce, subir que é complicado.

      • Filipe_GTS

        Pise fundo que ele anda como qualquer carro 1.6 8v

        • Car

          "Pise fundo que ele anda como qualquer carro 1.6 8v "
          isso foi uma ironia né ???

          • radiobrasilcombr

            Acho que ele quis dizer numa descida bem íngreme rss

            • Anderson Trajano

              kkkkkkk Concordo que os motores 1.0 melhoraram muito, mas ainda existe um abismo entre um 1.0 e 1.6. Falo isso porque tenho na família um Palio Fire 1.0, um Classic 1.0, um C3 1.4 e um March 1.6 16V. Os dois primeiros se arrastam, o C3 tem uma tocada pelo menos honesta e o último é um foguete, faz 0-100 Km/h em menos de 10 segundos. Agora dizer que é tudo igual, hummmmmmm

            • https://www.facebook.com/dja.correia Dja Correia

              Quem sabe andar com o carro, até o motor 900 do Fiesta anda bem kkkkkkk!

    • Mathew

      Numa tocada normal do dia-a-dia, a diferença entre o 1.0 e o 1.4 nem é tão grande assim. A maior vantagem do 1.4 é que por ser mais forte ele usa um câmbio de relações mais abertas que as do 1.0. Dessa forma, o motor roda menos esgoelado e não há tanta necessidade de se reduzir marchas o tempo todo. Portanto, com o carro vazio e andando normalmente, o 1.0 até que dá conta do recado. Vc só percebe diferença pro 1.4 quando exige do motor, seja esticando as marchas ou carregando o carro com peso.

  • Pedro

    Muito bom esse carro. Só falta agora a GM "se ligar" e tirar aquele trator do Agile de linha, que já passou da hora. Quem tem Onix e Prisma, definitivamente não precisa de um trAgile.

    • Leandro1978

      O "trator" vende em média mais de 2,5 mil un/mês e só em junho vendeu mais de 3 mil. Não sai de cena tão cedo…

      • Hofmann

        O Corsa vendia um pouco mais que isso e foi morto. Acho que o Agile não dura tanto tempo assim não, pois não faz sentido algum dentro da gama.

        • NeN

          Mas o corsa saiu para entrar o onix, o agile é feito na argentina, não ocupa vaga nenhuma aqui no brasil.

          • Dimithri Vargas

            O Corsa Sedan e Hatch também vinham em grande parte da Argentina e não sairam pra dar lugar ao Ônix, uma vez que a linha de montagem de Gravataí era quase totalmente dedicada ao Celta e Prisma, apresentando uma certa ociosidade que aumentou após sua expansão e implementação de terceiro turno.

            Aliás, ociosidade era o que mais acontecia na GM até bem pouco, tanto que estava prestes a fechar a fábrica de São José dos Campos devido a ociosidade quase total das linhas de produção, com queda nas vendas do Classic, juntamente com o fim da Meriva/Zafira, Astra e Vectra, levando-se em conta que com três turnos as fábricas de Gravataí (recém ampliada) e São Caetano estavam dando conta do recado. Mas o mercado reagiu, aceitando melhor seus carros, e com todos os lançamentos que vieram, é bem provável que a fábrica de São José dos Campos seja mantida para abrigar Sonic e Tracker, se ambos deslancharem em vendas a partir desta nova política Chevrolet.

            Voltando ao ponto: É pouco provável que Agile saia de linha, pois toda linha Hatch/Sedan da Chevrolet está em pares: Classic com Celta no segmento de entrada, Prisma com Ônix no segmento de compactos pequenos, Sonic HB e Sonic Sedan como compactos premium, Cruze HB e Cruze Sedan como médios, restando Agile e Cobalt, encerrando os pares como compactos racionais. Pra sair o Agile, teria de vir um novo hatch, no mesmo perfil, dito racional, mas o que deve ocorrer é uma reestilização da frente, traseira e painel, tornando o Agile mais dentro de seu segmento e melhor "casado" com seu par Cobalt.

  • MecanicoDigital

    Eu só não gostei da posição do puxador da porta, muito baixo! De resto, acho uma excelente opção na categoria.

    • Hugo

      Isso deve ser unanimidade, tbm nao curti, vai ser um ponto que a Gm deve considerar em uma reestilização futura

    • Ivan

      Esses puxadores você acaba acostumando, poderia ser mais em cima, mas não é algo que atrapalha.

      • Diego105

        Tambem acho

  • Pedro_Rocha

    Parabéns pelo texto, bastante informativo e com uma boa redação.

    • gcarlos

      Também achei, é o retrato da grande maioria q compra carros nessa faixa de preço, nem todo mundo é entendedor de carro (como muitos leitores de ficha técnica daqui), e procuram o básico. Dizer q é caro, não é seguro e tal, é bater em cachorro morto, como diz um ditador popular.

  • LeandroLM

    Tbm tenho o corsa 1.4, e sair de 1.4 pra 1.0 realmente tem que ter coragem rs, eu fiz test drive no onix 1.4, carro pesado, achei o motor 1.4 fraco pra ele, imagina esse 1.0.
    Mas parabéns pela aquisição.

    • Leandro1978

      Não é questão de coragem, mas de poder aquisitivo. A diferença do Prisma 1.0 para o 1.4 está acima dos R$ 3.000 e, se optar pelo ar condicionado, os preços são ainda maiores. Pode ser que o colega não pudesse arcar com tal diferença.

    • ricpts

      Meu pai teve um Corsa 1.0, eu pensei a mesma coisa, o carro em subida com o ar ligado virava um tratorzinho, sem passageiro…
      Sempre achei que o mínimo para o carro seria um 1.4.
      Agora fico imaginando um Prisma com o porta malas carregado na mesma situação.

  • FSaccon

    Parabéns pela avaliação, embora o carro esteja muito novo para relatar as experiências com revisões, problemas, ruídos. Quem sabe uma 'contra-prova' daqui 1 ou 2 anos? O consumo de carros brasileiros é uma piada: 12.1 km/l em um carro 1.0 em circuito misto (aprox. 50% cidade e 50% estrada) é ridículo.

    • Diogenes

      tambem fiquei pensando sobre esse consumo, rodo praticamente o mesmo que o relator (alias belo relato), estrada e cidade num percurso misto, só asfalto…na media de 30km de casa ate o trabalho e vice-versa. Tenho um Sandero Expression 1.6 8v 2013, e estou fazendo uma média de 13,5 km/l com ar ligado. O Sandero esta hoje com 17.000 km.
      Fiquei surpreso com o alto consumo referido do Prisma.

  • Car

    Sedan 1.0 ??? Não obrigado.

  • cristiano machado

    parei de ler no "calha de chuva"

    • radiobrasilcombr

      Acho que esse "acessório" só seria útil se ele nao tivesse ar… Mas parece que tem… aí é questão de gosto ou mau gosto rss

      • Edson Roberto

        Mas é ai que mora o problema… alguns não gostam de usar o ar condicionado mesmo tendo. Caso de uma colega que como usava o carro compartilhado com irmãs, colocou calha de chuva justamnete para não querer usar o ar.

        Eu acho isso horrivel, tanto que meus carrosuq ejustamente possuem ar condicionado nem em sonho eu penso em colocar uma calha.

  • Supramagnus

    Pagou quanto nele? Quanto deram pelo seu Corsa?

    • Ivan

      Paguei 37.000, pagaram no corsa 22.000

      • olavo

        Paguei 38.000 no meu etios sedan xs. Motor 1.5, anda muito. To fazendo media de 17.75 andando 70% em estrada.
        Voce chegou a considerar o etios ou gostou muito do design do prisma para te-lo escolhido

      • macaense

        Cara, sem querer ser enxerido, mas você chegou a olhar o Fiesta Rocam Sedan? Nesse preço você pegaria um completo e com um ótimo motor 1.6

      • Edson Roberto

        Ivan, gostos a parte, o "Grand" Siena 1.4 com os itens do seu Prisma não seria uma compra mais interessante? Chegou a ver o Renault Logan 1.6 também?

  • CharlesAle

    Se a pessoa gosta de pegar estrada com a familia,jamais compre um sedã 1.0,vai passar raiva na estrada se o carro tiver carregado,além da insegurança,não adianta ter air bag,abs etc,se o desempenho do carro é muito fraco e inferior a caminhões modernos de hoje em dia!!!!!!!!!!!!!

  • anderson_sp

    Gosto é igual bunda, cada um vai ter a sua, se o cara comprou o carro e está satisfeito é isso que importa, está com um veículo para agradar a si próprio e não os outros, até porque na hora de comprar ninguém o ajudou, parabéns pelo carro.

    • ricpts

      Mas se ele colocou a avaliação dele aqui, quer dizer que ele quer conhecer a "bunda" alheia, não?

      • anderson_sp

        Aí eu não sei, pelo menos não foi explícito no texto, postou a opinião e o ponto vista sobre o carro dele sem pedir nenhuma bunda alheia em troca.

        • Edson Roberto

          Alias, é o que sempre vejo discussão aqui. O cara pesquisou, comprou o que mais agradou e pronto.

          Na minha opinião, se o cara se influenciar pós-compra que realmente deveria ter pensado melhor, é porque realmente ou é sem noção ou não sabe comprar.

          • anderson_sp

            Então, era pra ser assim, mas na maioria dos casos não é, o cara que critica acha que o que é bom pra ele serve também para quem posta a impressão do carro aqui, se o cara ficou feliz com a compra dele é um mero detalhe para alguns aqui.

  • Diego105

    Bom carro no geral!
    O interessante é que esse carro tem mais em comum com um Fiat Punto do que se pensa ;)
    Foi curioso ver um Punto e um Onix no elevador e perceber que por baixo são quase idênticos, menos os motores e suspensões.
    Lembrando que na Europa Punto e Corsa usam a mesma plataforma, e que a plataforma GSV de Onix, Sonic, Spin e Cobalt é derivada do Corsa Europeu, tanto é que as primeiras mulas que rodaram no Brasil eram Corsas Europeus…

  • pumagtb

    Acho que você se precipitou poderia ter esperado mais um pouquinho e comprado com uma motorização melhor.

  • LeandroBalmant

    Gostei do formato da avaliação, mas acho que poderia conter mais fotos desse Prisma.
    Achei um carro bem econômico vendo que é 1.0 e possui ar condicionado sendo sedan. Nosso Palio nunca fez mais de 9,0 km/l na cidade com álcool.

  • Bruno_Carros

    Caramba, sair de um Corsa 1.4 para um Prisma 1.0. Que regressão. Mas o que importa é o que você está sentindo pelo carro, se está satisfeito então está ótimo.

    • Diego105

      Garanto que ele só perdeu em potência do motor….

      • Ivan

        Só perdi mesmo em potencia do motor, porque o carro é mais confortável e tem espaço interno sem comparação com o corsa

        • granrs78

          Mas não entendi uma coisa: Porque vc não pegou o modelo com o motor 1.4? Pois pelo que vc falou, vc queria um carro com um bom porta malas, para viajar e levar bagagens. Um carro sedan que vc vai usar para viajar, na minha opinião não combina em nada com um motor 1.0, e como vc mesmo disse, um motor ultrapassado que é foi usado nos primeiros Corsas vendidos no Brasil.

          • Ivan

            A diferença é o valor, não tinha como pagar a diferença, o motor 1.4 GM também é ultrapassado, apesar de ser melhor em termos de potencia e torque que o 1.4 da fiat e peugeot. Sinceramente, o 1.0 já usei para viajar em 4 pessoas, peguei mogi-bertioga com trafego de moderado a intenso, ele sofre um pouco, mas se souber usar as marchas e alternar o uso do ar condicionado, não é ruim, é questão de costume também, porque a maior parte do tempo utilizo ele na cidade.

  • bedotRJ

    Vejam como são as coisas: como o rapaz é um jovem de 21 anos, nem deve ter passado pela cabeça dele a opção por um Cobalt LS (ou mesmo LT), que seria mais barato e muito mais adequado à utilização que ele quer dar ao veículo – porta-malas maior p/ carregar tralhas de som e motor 1.4, ao invés de 1.0, muito melhor (ou menos pior) para empurrar um sedan pesado em estradas. No equilíbrio entre forma e função, fica claro que a função teve peso secundário. Ele queria um carro que cumprisse determinadas tarefas, ainda que de maneira pior, mas que fosse agradável aos olhos. E pagou mais caro por esse detalhe. Está perfeitamente de acordo com o gosto dele (e faz sentido quando se trata de um jovem). Mas eu tomaria uma decisão diferente.

    • suguii

      Sou obrigado a concordar com você, eu também iria de Cobalt, apesar de ser um carro que não agrada tanto aos olhos, atenderia bem as necessidades dele. No meu caso, levaria um carro de outro segmento, mas aí minha opinião não vai contar porque vou distorcer totalmente o propósito… rs

      • Diego105

        Se você comprasse um Cobalt não teria um carro propriamente de outra categoria, teria um carro maior, pois o nível de acabamento dos 2 é bem parecido (bom), a plataforma e toda a arquitetura mecânica é a mesma, apenas o Cobalt tem 10 cm a mais de entre-eixos como diferença estrutural.
        Se fosse pra pegar um Cruze aí sim, é outro segmento, outro carro, maior segurança, melhor acabamento, mais refinamento técnico e construtivo etc etc….
        Eu dou bastante peso ao design, e eu iria de Prisma sem dúvidas, levando em conta que eu não teria diferenças técnicas entre os dois.

        • bedotRJ

          Vc iria de Prisma 1.0 mesmo podendo comprar um Cobalt 1.4 por um valor menor?

          Ok, é questão de gosto, mas vc teria que admitir que deixou a racionalidade de lado em favor do design EXTERNO (internamente, o Cobalt é melhor). Sem problema algum.

          • Edson Roberto

            Mas é isso que ele deixou bem claro. Eu iria na sua opinião Bedo pois combina com a minha e nos gostos, mas realmente cada um sabe o que quer e prefere.

        • suguii

          Não não não!! Se você reler o que eu escrevi, quis dizer que levaria um carro de outro segmento, não falei que o Cobalt é de outro segmento…. eu deveria ter colocado no primeiro comentário, mas a minha escolha seria uma wagon….

    • LeandroBalmant

      Concordo com você em partes. O Cobalt é um carro bem maior e mais confortável, e com um motor mais forte. Porém o Prisma vem com mais atrativos como sensor de estacionamento, vidros elétricos, airbags e abs(coisas que no outro não se tem de série) e é bem mais bonito que o Cobalt.
      Eu escolheria o Prisma, mas não curto muito sedans.

      • bedotRJ

        O Cobalt está vindo com ABS e airbag de série já na versão de entrada desde a troca dos 12/13 para os 13/13. Na época que o colega comprou o carro já era assim. Se ele botou calhas de chuva e faróis de neblina, também poderia instalar os vidros elétricos que ainda não são de série no Cobalt básico (embora as concessionárias GM aqui do Rio estejam entregando o equipamento instalado já incluído no preço final de R$ 36.990,00). A questão dos equipamentos vc sempre pode resolver mais tarde. Mas a questão do motor maior, do espaço interno e do porta-malas, essas não têm solução.

        Mas veja bem, eu estou considerando a situação de momento aqui para a minha cidade, Rio, onde existe esse Cobalt LS 1.4 citado (a R$ 36.990,00, c/ 60% de entrada + 30x e taxa zero) e onde um Prisma LT 1.0 c/ ar como esse que o rapaz comprou sai a R$ 37.590,00 sem qualquer desconto. Se ele chega e diz que até cogitou o Cobalt, mas na cidade dele só encontrou a preço de tabela (LS 1.4 a partir de R$ 40.390,00, conforme o site), aí é claro que a situação muda de figura.

  • sulzbach1990

    serio q tu gostou de fazer 12km/l com um carro 1.0??

    meu clio 2004 (nove anos mais velho) nao faz menos de 14,5 em porto alegre.. na estrada faz 16,5

    • gcarlos

      Mas ao porta malas deve ser insuficiente pra ele. Talvez ele não cogitasse a Renault.

      • granrs78

        De que adianta ter um bom porta malas e ter um motor 1.0? Isso que eu não entendo, pessoas que compram sedan para poder levar mais bagagens e viajar mais com o carro, mas o rapaz pega um sedan com motor 1.0? Não dá para entender.

        • Edson Roberto

          Olha, acredito que voltamos ao que o Bedo falou, o cara abre mão de certos itens (motor) para ter beleza. Não que isso seja bom ou ruim, mas mostra que a GM acertou em fazer da forma que fez para ambos os modelos. Se formos aqui considerar tudo que cada carro pode oferecer, iriamos entrar em um consenso de gostos, que o Cobalt seria opção pelo valor cobrado.

          É um carro com melhor proposta de compra, melhor proposta na necessidade (inclusive do comprador do Prisma) e ainda é mais confortavel (bancos e espaço). Eu não compraria um Prisma pelo preço pedido por esse. Em SP em 2012 minha irmã comprou um Siena (o "Grand") 1.6 16v por R$49000. Eu na epoca se houvesse a opção do Cobalt 1.8 e ainda automatico, teria indicado a ela. Mas só para exemplo, nessa epoca, o Siena 1.4 ELX (modelo anterior) custava R$33500 com todos os itens do Prisma. Um Voyage com o motor 1.6 R$37500 (e já tinha air bag e ABS) e por fim, o Logan por R$35500 (começaram a entregar esse com air bag e ABS a partir do fim de 2012 como promoção).

          Só que hoje, o "carro mais novo", sempre vai pesar no gosto de muita gente e claro, o gosto pessoal do design para com o modelo. Isso demonstra que realmente os jovens preferem o que é novo. Sem necessariamente ser tão superior aos carros "velhos" de mercado.

    • Matheus.

      Sulzbach, verdade, mas considere que o prisma dele é, completo e ainda sedan.

  • jonatan

    clio hb meu amigo,se for nao é justa a comparaçao
    mas de qualquer forma 12km /l nao é muito legal

  • dudupruvinelli

    Eu não consigo me imaginar comprando um carro desses. Sério mesmo. Pode dizer o que quiser, mas eu preferi um usado. Eu não me sentiria satisfeito, não adianta.

    • granrs78

      Concordo com vc, e principalmente pegar um carro no valor de 37 mil reais e ainda 1.0. Prefiro muito mais um usado ou qualquer outro modelo Okm com motor maior, e por esse preço vc tem opção de sobra no Brasil.

      • Edson Roberto

        Um que eu tenho namorado seriamente como proposta de compra é o Focus. Por R$37000 eu vejo:
        - Focus 2.0 GLX flex (2011)
        - Focus Ghia 2010 (gasolina)

        Mas outro que namoro e até é mais barato e da propria GM é o Vectra (Astra)

        Nesse caso pesquiso para ambos os modelos sedna e hatch (sendo o hatch melhor opção para meu caso).

        Mas enfim, para alguns, não há como optar por questão de dar um tempo com manutençõa na hora da compra. (e encontrar um inteiro)

    • olavo

      tava demorando pra aparecer a turma do usado…

  • rfsjparj

    Respeito as opiniões dos amigos, mas…
    Para um carro hatch ja é ruim, imagine para um sedan?
    Sai de um Uno 1.0…pra nunca mais entrar em outro 1.0, pois é ilusao!
    Hoje eu tenho um carro 1.6 e nem se pode comparar em questão de força e a economia de combustível é quase imperceptível
    Estou muito satisfeito

    • fschulz84

      Eu fui subindo aos poucos também…

      Sai de um Fiesta 1.0, fui pra um Focus Zetec 1.6… Depois um Mégane 1.6 e agora um Focus 2.0…

      Meu Mégane, apesar de pouco motor pelo peso do carro era tão econômico quanto meu Fiesta 1.0 Zetec… Para mim carro 1.0 tinha obrigação de fazer mais de 15km/l na cidade pra valer a pena…

    • granrs78

      Concordo com tudo que vc disse, pois o cara compra um sedan para viajar e precisa de um porta malas maior, e compra 1.0? Eu não concordo com isso, mas acho que logo logo ele irá se arrepender de ter saido de um carro 1.4 para entrar em um com motor 1.0

      • MM_

        Vc tem q levar em consideracao q muita gente leva volume e nao peso. Eu analisei isso antes de comprar a Megane GT da minha esposa.

        • granrs78

          Pode ser, mas quem leva bagagem, mesmo que seja mais volume do que peso, e o resto das pessoas que tbm estarão dentro do carro? Elas tbm irão acrescentar mais peso no carro, e mesmo assim eu não entendo o que leva uma pessoa a comprar um carro sedan com motor 1.0.

  • LeandroBalmant

    Acabei de ver no site da Chevrolet. Obrigado!
    Aqui na minha região o Cobalt vem a preço de tabela, então seria mais vantajosa a compra do Prisma LT 1.4 e com ar (que sai por 41.490,00) se a pessoa realmente quiser o Prisma. Mas se ela precisa de mais espaço, quer um motor mais forte e conforto o melhor mesmo é o Cobalt.
    Mas pelo que eu entendi o rapaz que escreveu sua experiencia com o Prima não precisa de tanto espaço a ponto de comprar um Cobalt.

  • Gercino Júnior

    Por este valor você compraria um Logan 1.6 completo (o que vai sair de linha). Mais espaço, mais conforto, melhor qualidade de rodagem.

    • Stark

      Porem horroroso, pensa tambem no pós venda e manutençao.

    • bedotRJ

      Pelo preço que ele pegou, vc compra o Logan 1.6 top, inclusive com câmbio automático. Carro por carro, sem dúvida é melhor opção. E de manutenção bem em conta.

  • Diego105

    Olha, eu (como muitos que acessam o NA) tenho paixão por carros, e isso quer dizer que a estética vai contar muito na hora da escolha.
    Carros como Cobalt ou Logan são carros que apelam para a razão, justamente para aquele publico que não liga muito com carro, mas da valor a parte funcional.
    Eu não compraria em hipótese alguma um Cobalt, e se alguem me desse de presente eu venderia e compraria um Prisma (se eu gostasse de sedan).
    Lógico que entre um carro bonito e mau acabado e inseguro e um mais ou menos, seguro e bem acabado eu compraria o segundo (não tendo outras escolhas)

  • paulistadalapa

    Tenho um corsa 1.4 2008 desde zero, uso diariamente, está com 120 mil rodados e não escorrego do banco como mencionado na matéria.. O prisma me parece um bom carro, mas seu preço é incoerente com o mercado. Quase 40 mil com motor 1.0 ( completo ), muita coisa. Se pegar com motor 1.4 a versão top vai para 47 pratas com pintura metálica…. não compensa ! Vale a pena tirar algumas moedas a mais e comprar o new fiesta sedan.

  • Vitão

    Ótima avaliação!! Parabéns pelo carro!! Vi um Prisma branco na rua e achei mto bonito (detalhe: não era taxi kkkk)….

    Estou pesquisando entre pegar um Onix 1.4, Prisma 1.0 ou um Cobalt 1.4 LTZ usado…. Pois não estou afim de pagar mais de 38 K num carro…. Já que considerando o emplacamento e o seguro estarei gastando no total 40 K…..

    Infelizmente carro com motor 1.0 não aguento mais (tenho um Corsa 1.0 Hatch)…. Vou esperar até o final deste ano para trocar de carro, aguardar baixar as vendas e esperar os grandes descontos he he he…..

    • rgrau

      Faz um teste no Nissan Versa se possível. Minha irmã comprou um SL por 43 mil, prata. Ama o carro e faz 12km/l na cidade, trânsito leve.

  • Dj_Vicro

    Que bom que você gostou do carro Ivan, achei meio tenso esse downsize que você fez, tenho sedan com motor 1.0 (VW Voyage) e sei o quanto é tenso viajar com carro cheio, o carro dá conta do recado na pista só que tudo o que você vai fazer tem que calcular bem, voltando a Chevrolet só tem uma coisa que não entendo o que a Chevrolet quis fazer com Prisma e Cobalt, estive no site da Chevolet e o preço cheio dos dois é praticamente idêntico (R$46.490,00 Prisma LTZ e R$46.690,00 Cobalt LTZ 1.4), resta saber agora se a Chevrolet irá disponibilizar a opção de cambio automático no Cobalt 1.4.

  • Fábio Carvalho

    Cada um tem seus parâmetros pessoais para escolher um carro. Não sei quanto você pagou pelo carro, mas cada um sabe do seu próprio bolso. Mas pelo site da Chevrolet um Prisma 1.0 custa no mínimo R$35 mil, R$39 mil no 1.4. Com esses valores eu, no meu gosto pessoal, preferiria tranquilamente um Ford fiesta Sedan Zetec Rocam, que com motor 1.6 e completo está por R$35 mil.
    Eu tenho um 2010/11 e nunca tive problemas sérios. Ele é meu 5o carro, tive 4 FIATs(família Palio) antes, e o fiesta é o que menos me deu problemas, e o de manutenção mais barata. Certamente alguém vai dizer que é um carro que vai sair de linha, que está ultrapassado, que vai ter baixo valor de revenda, etc. Só que é um carro de mecânica confiável, seguro barato, boa dirigibilidade, motor durável, bom espaço interno e um ótimo porta malas. Não me preocupo com valor de revenda ou se vai sair de linha, pois compro carros para eu usar, não para revender. Não me preocupo com design, pois tem muito carro dito mais moderno que é bem feio, o fiesta ao meu ver é até razoável .
    Carro é meio de transporte, e eu compro pela minha necessidade e pelo custo benefício.

  • BobRasta

    Prisma é um carro bonito por fora, da para impressionar bem o vizinho, mas, por dentro a gente tem aquela sensação de que está em um Corsa com aquele velho motor fraco e ultrapassado,

    • https://www.facebook.com/dja.correia Dja Correia

      SQN kkkkkkkk senti uma leve invejinha kkkkkk!

  • Stark

    Em motor 1.0 o que adiantaria 16V e bloco em aluminio se o consumo continuasse o mesmo?

  • Danilo Sinfrônio

    Então quer dizer que já pode tirar o tratorzinho do Agile de linha ??? E tão esperando o quê ??? Tira logo aquela carniça de linha e desçolua as nossas ruas daquele lixo. :x

    • ANONIMO

      Tirar uma carroça de linha pra colocar outra: essa é a GM !!

  • Rodrigo

    Hoje fui na Brozauto em Canoas, autorizada Chevrolet, estava fechada mas a oficina estava aberta tanto que troquei o óleo do carro e tinha um Prisma 1.4 lt completo branco sendo oferecido a R$ 39.500 bem grande no para brisa e o que mais tinha no pátio era ônix e prisma com my link eu acho que e tudo bla bla de fila de espera tem um monte de carro a pronta entrega.

  • macaense

    Nesse valor de 37.000 eu olharia o Fiesta Rocam Sedan, que nesse preço já vem com motor 1.6

  • NeN

    Parabéns pela aquisição, acho que por se tratar de um cara jovem (eu razoável tenho 24), escolhe carros modernos, para sair desfilando bonito nas ruas (coisas de jovens normalmente isso), a troca de motor deve ser um pouco assustador, mas o 1.0 tem que saber levar, o cara pelo menos já tá com as técnicas, tirando isso, deve sair satisfeito andando de carro do momento nas ruas.

    Acredito que mesmo tendo o problema da motorização, ainda não está arrependido, pois tem o carro que gostaria.

  • Matheus.

    Bom Ivan, foi uma boa aquisição, mas com um preço bem salgado, hein ? Meu pai deu seu Uno 2008 por R$15000 e trocou por um Siena HLX 1.8 TOP 2008, dando R$10000 de volta. Mas se você desejava um carro novo, tinha outros carros com motorizações superiores pelo o mesmo valor. (Sem menosprezar).

  • marciotb13

    Legal o texto. Mas tive olhando o Prisma e o Onix e comprovei o que o teste divulgou: ambos não têm o "marcador" de temperatura do motor. Apenas a malfadada luzinha que acende quando o motor já está indo prô espaço, ao estilo dos antigos fusquinhas. Só isso, para mim, já invibializa a compra dos mesmos.

    • Messias Almeida

      Qual carro eu POSSO COMPRAR SEM MEDO DE ERRAR 1.0? DA Chevrolet você poderia me indicar?

  • Danilo Sinfrônio

    Concordo contigo Fábio. O Fiesta Zetec RoCam Sedã é um ótimo carro e tem um excelente custo x benefício na versão 1.6, sem falar que eu acho um carro muito bonito, sob todos os angulos que você o veja. Principalmente em relação a outros carros no mercado (principalmente com os GM, excetuando-se a linha Onix/Prisma). Como vc, também olharia com muito carinho o carro da Ford, sem dúvida.

  • k3p13r

    Achei legal o texto. Parabéns pela aquisição. Porém, acredito que para uma opnião mais "lisa" e sem tanta paixão da recém aquisição, qualquer um poderia retornar com atualização após ter rodado 10 mil km (que ainda acho pouco) e 20 mil km (acho ideal).

  • Roberto

    é isso aí e um pouco mais…prisma é tudo de bom!

  • Tiago

    Eu tinha um prisma (modelo antigo) 1.4 e troquei pelo modelo novo, também 1.4. Notei uma disposição menor para acelerar, mas o conforto e o espaço interno, além da aparência fazem valer à pena. O novo é melhor em todos os sentidos (exceto no desempenho). O Cobalt é mais custo benefício, mas acho que cortaria os pulsos se tivesse que olhar para ele todo dia na garagem. É muito feio!

  • Messias Almeida

    Gostaria de suas opiniões, estou pesquisando sobre qual carro adquirir Onix ou Prisma 1.0 ou 1.4, caros colegas e amigos…a sua opinião é importante, pois, é meu primeiro carro e não tenho esperiencia sobre os mesmos…minhas perguntas são:
    qual o melhor 1.0 ou 1.4..?
    qual o melhor Prisma ou Onix ?

    Olhando as opiniões de todos…estou até preocupado em comprar 1.0, mas o consumo de 1.0 émenor do que 1.4 ?

  • Messias Almeida

    Gostaria de suas opiniões, estou pesquisando sobre qual carro adquirir Onix ou Prisma 1.0 ou 1.4, caros colegas e amigos…a sua opinião é importante, pois, é meu primeiro carro e não tenho esperiencia sobre os mesmos…minhas perguntas são:

  • https://www.facebook.com/pedro.jccg Pedro Jccg

    entre onix e prisma concerteza compraria o prisma tanto 1.0 como no 1.4, mas a relacao custo beneficio do 1.4 e melhor… eu compraria na versao LTZ por ser muito completo ,caso queira o automatico e melhor o LT pois o LTZ automatico ja passa facil os 52mil ai ja entra na categoria de carros bem superior ao prisma

    • Messias Almeida

      Então sua opinião é melhor o PRISMA 1.0 LT. Automático. do que o PRISMA LTZ 1.4 por que passa de 52 mil.?
      é isso?

      Obrigado pela sua opinião.

  • hIGOR

    Realmente motor 1.0 é o unico pecado da GM.
    Mas pensando em São Paulo que nao passamos de 30 KM / h , está ótimo.

  • jomar

    O novo prisma é um ótimo carro,porem a GM pecou quanto ao design interno,bancos sem conforto,quadradão e cores mais arrojadas e preços do LT 1.0 fora de cogitação,no mais GM é GM…

  • Marcos Sorocaba

    Parabéns pela representação do carro, muito bom os comentários e parabéns pela experiencia que teve.