Home Usado da semana Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

ford ka 2011 opiniao dono 1 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011




Primeiramente, gostaria de parabenizar o site Notícias Automotivas pelo excelente trabalho e por ter esse espaço para o leitor expor sua opinião. A parte dos comentários pelo intensedebate é outro ponto que merece ser elogiado. Parabéns!

O carro em questão é um Ford Ka 2011, com todos opcionais, comprado 0km em abril de 2011. O carro pertence à minha irmã, mas o uso diariamente para ir à faculdade. Proposta: carro compacto popular, de baixo custo e que infelizmente aqui no Brasil é sinônimo de acabamento porco e baixa segurança. Acredito que seja melhor que o Uno Mille, mas não recomendaria a compra de um 0km.

ford ka 2011 opiniao dono 2 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

Acabamento: o KA é um carro com acabamento bem simples. O painel e parte das portas são de plástico rígido. A região do ar condicionado é visivelmente mal encaixada e possui duas cores que não combinam: um cinza mais claro que fica um tanto bizarro com a cor mais escura do resto do painel.

ford ka 2011 opiniao dono 3 620x826 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

A porta, as colunas e as janelas até o banco de trás são com a lataria à mostra, que transmite barulho e bastante calor quando o carro fica no sol. No banco de trás há apoios de braço laterais com acabamento também em plástico rígido.

ford ka 2011 opiniao dono 4 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

No porta-malas de tamanho bom há somente uma “manta” por cima da lataria do carro.

ford ka 2011 opiniao dono 6 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

Outro detalhe que deve ser lembrado é o banco dianteiro que raspa na porta.

ford ka 2011 opiniao dono 7 620x826 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

Sinto falta de porta-objetos úteis. Há somente um porta-copos (não garrafas) na frente da alavanca de câmbio, dois mini porta trecos nas portas e outro no painel, onde as coisas ficam soltas. O painel de instrumentos é pequeno e simplório, mas tem uma boa visibilidade. Falta um marcador da temperatura do motor e computador de bordo.

ford ka 2011 opiniao dono 8 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

Conforto: A posição de dirigir é boa no meu caso que tenho 1,76m, mas os bancos são meio duros e cansam em percursos mais longos. Já para minha irmã, a posição de dirigir é um pouco pior. Ela tem que ficar muito perto do volante, que não tem nem regulagem de altura ou profundidade, por causa dos pedais. O cinto de segurança é muito apertado, tanto na frente quanto atrás. Já fui na Ford e falaram que é assim mesmo. O espaço no banco de trás é razoável na posição que eu dirijo. Há cinto de segurança para 5 pessoas, apesar de caberem somente 4 (como era antes do “mega face-lift”).

ford ka 2011 opiniao dono 9 620x465 Carro da semana, opinião de dono: Ford Ka 1.0 2011

Segurança: infelizmente foi esquecida pela Ford. Nem a simplória dupla airbag duplo e ABS está presente. Obteve somente 1 estrela no latin ncap para adultos e 3 para crianças. Os cintos de segurança possui 2 regulagens de altura de forma “manual” (observar coluna da foto 6). A estabilidade é boa, mas compromete o conforto.

Desempenho e consumo: fraquíssimos. Se colocar mais de 2 pessoas no carro com o ar ligado haverá sofrimento. Necessita de reduzidas a toda hora e para arrancar há de se ter paciência. Até para estacionar na lomba ele sofre. O motor apesar de ser 1.0 é bem gastão: o máximo que consegui na cidade foi 9,5km/l. Tanto na estrada quanto na cidade, o carro não passa uma sensação de segurança, talvez devido ao ruído interno e a vibração. A 100km/h há bastante barulho do motor, vento e pneus junto com uma vibração que é normal no KA.

Tecnologia: também foi esquecida. A versão do nosso KA é equipada com ar, vidros elétricos e direção hidráulica. Não posso deixar de citar também o absurdo “kit visibilidade” que era um dos opcionais. O carro vinha com alarme perimétrico (só dispara se arrombarem a porta), mas depois instalamos o volumétrico (dispara se quebrarem o vidro). Computador de bordo, controlador de velocidade ou controles no volante nem pensar.

Design: a traseira e as lanternas são bem desenhadas quando se olha de trás. A frente ficou melhor com o último face-lift, mas a lateral ainda parece meio desproporcional.

Preço: na época eu não tinha o hábito de pesquisar sobre carros e nem intervim na compra emocional da minha irmã. Infelizmente ela caiu na asneira do vendedor e comprou em 48x com taxa 0,99% e isso tudo sem fazer test-drive! O vendedor deu de brinde um “super rádio” da Sony e 4 alto-faltantes. Deu R$35.000 com o KA “completo”. Uma semana depois estava com taxa 0%.

Atendimento: a Ford Copagra é bem lentinha no atendimento, mas atende razoavelmente bem. Fizemos todas as revisões lá até agora. Hoje levei para marcar a próxima revisão (de 24 meses), mas acho que vou desistir já que querem cobrar a “bagatela” de R$792,00 na revisão de um carro de entrada.

Defeitos: tivemos um problema com o ar condicionado que parava de funcionar, mas o carro estava na garantia. O ar, aliás, é bem fraquinho também. Basta deixar o carro 5 minutos no sol que não adianta mais ligar o ar.

Considerações finais: é um carro popular e de baixo custo, como já foi dito. Não recomendo a compra de um 0km. Acredito que há opções melhores com muito mais itens de série no mercado de seminovos e usados.

Por Eduardo Pruvinelli da Silva



Se você não está vendo os comentários, desabilite extensões do tipo Adblock (que impedem a exibição dos comentários), ou adicione nosso site como exceção.