Home Comprando e Vendendo Carro financiado: quase todo mundo entra nessa roubada

  Silas Clown Nose Carro financiado: quase todo mundo entra nessa roubada




No ano de 2007, nada menos do que 72% dos carros vendidos no Brasil foram financiados. A informação foi publicada no site Interpress Motor. Isso dentre os carros. No segmento das motos, 61% delas foram compradas financiadas. O ideal mesmo é que todos comprassem carros á vista, ou que fossem subindo os degraus de valor de carro aos poucos, mas isso nunca acontece.

Sabemos que existem pessoas que financiam seus carros porque realmente precisam. Veja um exemplo. A pessoa acaba de arrumar um bom emprego na área de vendas, um emprego que exige carro próprio, para viajar por um raio de uns 300 quilômetros ao redor de sua cidade. Só que ela tem um carro velhinho, que não será capaz de aguentar um tranco desses, ou tem um carro gastão, precisando vender ele pra comprar um mais novo e mais econômico. Então parte para o financiamento de um popular. Aí a pessoa está mais do que certa.

Mas e quando a pessoa trabalha em uma entidade dentro de sua própria cidade, como por exemplo um banco. Utiliza o carro para ir ao trabalho, mas são menos de 5 km para ir e para voltar, um trajeto que qualquer carro, mesmo mais velhinho, faria numa boa. Mas, como o círculo de amizades daquela pessoa tem um certo nível social bom, todos tem carros novos e caros, e então ela sai de um popular quase zero quilômetro, da faixa dos 25.000 reais, para um hatch médio, como um Astra, Golf, Stilo, etc, da faixa dos 50.000. É claro, financia a diferença, sendo que poderia fazer a troca pagando a diferença a vista, esperando mais um ano. Aí já podemos definir o financiamento como uma roubada.

Por quê?? Porque os 25.000 reais de diferença a serem pagos vão se transformar em 40.000. São 15.000 reais jogados pela janela, dados de bandeja para o banco ou para a montadora. E temos casos ainda mais absurdos, quando uma pessoa têm o hábito de comprar carros importados, sempre financiados. O juro alto, a prestação alta, mais a depreciação alta do importado, tudo isso faz com que a pessoa muitas vezes jogue fora 30.000, 40.000 reais por ano, tudo para manter uma aparência.

Bom, vamos aos dados apresentados pelo site Interpress Motor. As vendas em 2007 podem ser divididas assim: 38% financiados por CDC, 30% por leasing, 4% por consórcio e 28% por pessoas em sua sã consciência, pagando á vista. O financiamento e o arrendamento de veículos para pessoas físicas cresceu 43,5% em 2007, atingindo o valor de R$ 110,7 bilhões, ante R$ 77,1 bilhões em 2006.

E as entidades citam isso como uma coisa boa, dizendo que a estabilidade e crescimento da economia, junto com elevação da taxa de emprego e aumento da renda familiar, estão dando esse presente maravilhoso para o povo. Sei. Só se for presente de grego. A taxa média praticada pelos bancos das montadoras ficou em 1,49% ao mês (19,42% ao ano). Já a taxa média praticada no mercado financeiro para o financiamento de automóveis foi de 2,13% ao mês (28,76% ao ano).

Sei que essa linha de raciocínio minha está cada vez mais rara na sociedade. Mas sinceramente, no mês que vêm ou no próximo estarei comprando um carrinho de uns 12.000 reais pra mim, só para andar aqui pela cidade, para fazer companhia para meu Landau 71. E estarei bem mais contente de ter uma “velharia” dessas do que ter um carnê para pagar no final do mês.


  • PEDRO FALEIRO

    CONCORDO COM VC ÉBER. atualmente, tem-se no Brasil uma “INDÚSTRIA DO FINANCIAMENTO”, onde os vendedores ganham mais comissão se financiar o carro do que se vender a vista. pra se ter uma idéia como é sério a coisa, fui em uma concessionária fiat em BH, a automax, e o vendedor me disse que somente os carros financiados tinham direito a tanque cheio e IPVA quitado. Os bancos faturam bilhões as custas do brasileiro BURRO!!

  • Daniel

    Pedro, e tem gente que ainda acha que “ganhou” o IPVA por exemplo, ganhou nada, tá tudo embutido nos juros….quando você compra a vista normalmente não “ganha” nada !! é um absurdo a quantia que esses bancos ganham, os juros são muito altos, fora as taxas :cry:

  • Paulo

    Eu confesso que caí uma vez, há 3 anos atrás…financiei meu carro em 36x, e quando tava na metade já queria vender o carro e não podia! Tive q fazer economia de guerra pra pagar 2 prestações por mês e quitar o carro. Financiamento agora, no máximo em 12x e nunca valores superiores a R$ 15 mil

  • Perneta

    Dias atrás tinha revenda mostrando por A mais B que um carro financiado era mais barato que a vista. É um absurdo!

    A verdade é que as concessionárias não querem mais saber de vender carro a vista, acabou o desconto para quem tem dinheiro no bolso. O lucro está no financiamento.

    Hoje quem se mata guardando dinheiro para comprar um carro a vista é visto como otário. Parece que o dinheiro vivo está valendo cada vez menos.

  • William

    Éber, infelizmente não posso concordar com você!
    Tenho uma loja de carros e as coisas não são bem assim!
    Os carros com que trabalho giram em torno de 10 a 30 mil, carro popular de 95 a 06.
    Este caso que você citou sobre o bancário, tudo bem, ele realmente estava se preciptando!
    Mas leve em consiferação o seguinte:
    Creio eu que muito mais de 50% dos carro vendidos (0km ou semi-novos) são populares, digamos, um Gol citty 2005 2p está na faixa de R$20.000,00 daí vem um trabalhador brasileiro com um salário de 1.000,00 a 1.500,00 reais.
    Quantos anos você acha que ele vai demorar para comprar um altomóvel assim?? Daí você se pergunta: “Mas porque comprar um automóvel novo assim e não um mais antigo?”
    A resposta é simples, o brasileiro gosta de estar dirigindo um carro mais novo!
    Mesmo tendo que financiar e, nunca recomendamos a nenhum cliente isso, até 60, 72x, ele prefere que ter que financiar do mesmo jeito e comprar, em menas vezes, um gol bola 96 1.0i!
    Não sei se isso é tão ruim!
    Pois depois que o “ser” pagar, ele vai querer trocar e já vai ter um carro num valor muito mais alto nas mãos!
    Sobre o juro: afinal, ele vai pagar mais alto sim mas, vai estar usufluindo disso!
    Não deve ser tão ruim!
    é isso que eu tinha a dizer!

    • Ricardo

      Sua visão sobre o assunto previlegia apenas a você e a corja de bancos que vivem, as custas do dinheiro suado do povo. A se todo brasileiro parasse para pensar antes de comprar um carro financiado,o Brasil com certeza não estaria com tanta inadimplência e estoques altos de carros devolvidos aos bancos.Um ex. de total falta de raciocínio lógico e o sujeito ir a uma loja, e negociar um veiculo dando uma entrada de R$ 15 mil e financiar um carro de 30 ou mais.Tudo por causa do "status", de mostrar a sociedade, aos amigos a família e parentes o "poder aquisitivo".E vcs subliminarmente colocam em prática isso, através de comerciais na mídia, as supervantagens e tudo mais para prender o rato na ratoeira, não é!?Hj com 10 mil, a pessoa se esforçar para comprar a vista ,ou ficar um tempo juntando esse dinheiro com certeza comprará em um curto periodo, basta antes verificar o estado do veiculo estar em boas condições de uso, documentação entre outros e pronto.O carro é seu.Vc sairá da loja ou comprando de um particular, com a consciência tranquila e dizendo:É meu! o documento constará: Sem reserva de domínio. Isso é maravilhoso!!!

    • renato sp

      vc fala issi pr vc tem uma agência de carro vc vive disso, si não existisse financiamento com ceteza vc teria q mudar de ramo meu amigo, vc financia um carro vc paga dois vou te dar um exemplo vc financia 10.000 vc paga quase 20.000 vc acha um bom negocio agora q vive disso e otimo negocio e q e bom p vc não e o mesmo p os outros.

  • PEDRO FALEIRO

    [Comentario #71140 sera citado aqui]

    AINDA BEM QUE VOCÊ CITOU NO INÍCIO QUE ERA DONO DE UMA AGÊNCIA, POIS SOMENTE OS BANCOS E VCS PENSAM ASSIM MEU AMIGO. NA PRÁTICA VC SABE WILLIAM, MAIS DO QUE NINGUÉM, QUE O CARRO SAI NO FINAL, DEPENDENDO DO FINANCIAMENTO, CERCA DE 50% A MAIS DO QUE SE FOSSE COMPRAR A VISTA.

  • Paulo

    Pra quem é dono de loja de veículos, o financiamento não é uma boa…é uma ÓTIMA. Principalmente se o financiamento for longo, pois o que tem de gente q não aguenta pagar as parcelas e deixa o carro praticamente de graça na mão desses lojistas não está no gibi!

  • Paulo

    Opinião é opinião né…
    Só acredito que sem o financiamento (ou melhor, sem o mercado de crédito) o Brasil jamais iria ver sua economia crescendo, ou alguém acha que uma nação endividada internamento iria “cortar tributos” para incentivar o emprego e a venda de produtos à vista. Existe seus riscos e suas desvantagens mas é o que temos em mãos no momento (quem não tem cão,caça com gato). Vale lembrar que o financiamento não é exclusivo do Brasil e também traz seus problemas em outros países (como a crise de habitação nos EUA que teve sua ampla colaboração do sistema de crédito). Acho que dizer que pessoas adeptas ao financiamento não estão em sã consciência é um pouco de exageiro, sem falar que é ofensivo (isso desconsiderado o engraçadinho aí em cima que chama todo mundo de burro).
    As informações estão aí: taxa, prestação, valor total, desconto à vista. Cabe a cada um avaliar suas opções e decidir o que é melhor para seu bolso sem ser agredido com textos como este.
    Jamais subestime a importância do SONHO de cada um, pois sem ele, que motivos as pessoas teriam para continuar.

  • josi

    KKKKKKK….
    Parece que vc falou de mim..
    Eu trabalho em um banco, fica a 3 kms da minha casa.. Eu tinha um palio e troquei em um astra SS…rsrsrs
    Pelo menos eu segui o conselho de esperar mais um ano e pagar a diferença à vista..

  • Luiz Renato

    Concordo que a vista é melhor, mas temos que ver, que hoje em dia as taxas do financiamento estão bem atrativas, tem casos que é menor de 1% ao mês. Quando fui comprar meu atual automóvel a uns 2 anos e meio atrás, as taxas nem eram atrativas tão atrativas como atualmente. Mas o que ocorreu foi o seguinte, tinha o dinheiro para quitar a a vista sem problemas, porém a concessionária me “dava” empalcamento, IPVA e mais alguns acessórios no carro, caso eu financiasse R$10.000,00 que no final se tornariam 15.200 em três anos, e menos o valor dos itens que seriam concedidos com o financiamento cairia para uns 14.500,00. A concessionária não concedia nenhum desconto no valor do final do automóvel para quitação a vista, embora tenha insistido nesse sentido.
    Aí eu fiz a seguinte conta na época: em uma aplicação fiunanceira segura estava tendo de 15% a 19% ao ano de rendimento, o que me levou a financiar a deixar o dinheiro aplicado. Embora essa aplicação caiu em percentual anual, fiz outros investimentos em renda variável, e definitivamente não perdi dinheiro. Mas sou totalmente contra a pessoas que só pensam em status por conta de carro e as vezes compromentem mais do que 60% do seu salário em uma prestação como muitos fazem. Carro é bem de consumo, nunca foi investimento. O perigo do crédito fácil e taxas atrativas é o super endividamento e chega uma hora que não existe dinheiro para quitá-lo, exemplo essa crise do subprime nos states.

  • Gustavo Souza

    Como o povo ae ja disse, as concessionarias e mesmo fabricantes não querem vender carro a vista!!! Não existe isso mais! Carro novo so financiado!

    Ou seja, na Terra Brasislis, o bom comprador, que paga a vista, em dinheiro é abandonado, e carro financiado, que é um risco para o banco, é privilegiado!

    Eu sei de caso, não 1 ou 2, mas varios de pessoas que não tem o menor credito e banco aprova financiamento!

    EU SEI UM CASO DE UM CORTADOR DE CANA, EM ARARAQUARA, QUE COMPROU UM FIESTA 1.6 COM AR E DIREÇAO, ZERO, POR 38 MIL, FINANCIADO EM 72 VEZES, PAGANDO UMA ENTRADA MINIMA!

    Agora eu te pergunto, esse cara vai conseguir pagar esse carro?!!? IPVA, seguro obrigatorio e mantutençao?!!? NÃO!!!

    O Brasil é o mundo Bizarro do Super-Homem!

  • Will

    Pessoal, sou gerente de vendas de uma concessionaria Fiat e tenho algumas opiniões q divergem com as dos demais.

    Primeiro: vamos ser coerentes. Pessoal, alguem da alguma coisa pra vc? É claro q não. Se vc compra algo, à vista ou financiado e “ganha” algum “brinde”, é pq o valor do “brinde” ja estava incluso no valor inicial. Empresas são empresas. O empresario visa o lucro, assim como todos nós. Ou seja, empresa nenhuma entra em um negocio para perder dinheiro. Esse papo de ganhar frete, ipva, emplacamento, é balela. Ja está td incluso no preço e o cliente SEMPRE paga td. Eu tb sou cliente e sei bem disso. Logo, não tampem o sol com a peneira e tenham visão de cabresto.

    Agora, qto a financiar ou não, vai do criterio de cada um. Todo mundo “ganha” com um financiamento. O banco ganha milhares de reais com um financiamento, a empresa recebedora do financiamento (a concessionaria) ganha comissao, a montadora ganha com o lucro absurdo da venda do carro, o vendedor ganha comissao sobre o financiamento e o cliente fica com o carro. Se vc tem como pagar um financiamento e não ta ligando pros 69% de juro q vai pagar com uma taxinha de 1,49% a/m em 72x, é criterio seu. E sejamos coerentes novamentes: Se o cara quer ostentar (como no exemplo do bancario) o cara tem q pagar esse ônus. Alguem discorda disso? Logo, quer mostrar, pague por isso.

    E PRESTEM BEM ATENÇÃO NISSO: QUALQUER FINANCIAMENTO PODE SER LIQUIDADO/QUITADO EM QUALQUER ÉPOCA. NÃO SE DEIXEM ENGANAR PELA FINANCEIRA OU POR QUALQUER UM QUE DIGA QUE NÃO.

    Alguma duvida, é só perguntar.

    Abraço!

  • Zotz

    vai depender de cada um ué, ainda somos donos de nossos narizes e fazemos oque bem entender, nem q for rascar dinheiro…mas cada um é cada um…agora fazer em mais de 24x é foda, além doq o juros é mais alto e a prestação as vezes fica uns 50 pila de dif…

  • Paulo

    [Comentario #71147 sera citado aqui]

    Poxa, vc comprou um canabrava…rsrs..haja álcool pra manter o bicho.

  • Gustavo Souza

    já ouvi o seguinte de vendedor de concessionaria!

    “NÃO VENDO CARRO A VISTA, NÃO GANHO COMISSAO NENHUMA, SEGURO O CARRO E VENDO FINANCIADO E TIRO UMA COMISSÃO BOA”

    Nesse instante o nariz do outro entrou na minha frente, e da vontade de quebrar o nariz dos outros!

  • MARAN CARNEIRO

    Apesar do juro estar baixo, ainda assim é alto principalmente comparado a outra economias, e pouco justificável em uma economia estável. O ideal sem dúvida é a compra a vista, e a conquista degrau por degrau como citado no editorial. Porém, para quem tem um rendimento certo, estável e a prestação estiver confortavelmente dentro do orçamento, o financiamento ou mesmo o leasing mostram-se interessantes pois lhe dão acesso imediato ao bem. A combater e com rigor é a prática da alguma lojas pouco remonedadas de firmar verdadeira parceria com bancos, trocando contratos e cumprimento de metas por comissões.

  • Dark_Flood

    Carro financiado seria um boa somente se:
    - Os juros fossem de acordo com a realidade.

    Já que os bancos se aproveitam, e o governo dá a mamadeira.. tchau para o consumidor que entra nisso..

  • Roger

    Só assim para vender carros aqui, pois o valor a vista…

    Mas onde estão os carros novos vendidos com números recordes? Só vejo carros velhos nas ruas?

    Vi há vários meses um cartaz de um Citröen 32 XTR 1.4 na minha cidade: cerca de R$ 44.000,00 – 50% do valor à vista e 36 prestações de 450,00 (bom demais para ser verdade), mas fui à concessionária: na verdade, a prestação era de quase 600 reais e, o que não estava no cartaz, que a última prestação das 36 era um “balão” (o que é isso?) com o valor de quase a metade do carro. Ou seja, a prestação inicial mais o “balão” final já somavam quase o valor total do carro. Então era o valor do carro mais as 36 prestações, cerca de 24 mil reais.

    Só faltou um belo narigão vermelho no anúncio. No Brasil, a montadora mais atrasada tecnologicamente e na qualidade dos carros, é a Volkswagen, mas as campeãs em anúncios enganosos, aqui, são as marcas francesas (Renault, Peugeot e Citröen). Ulalá!

  • Roger

    PS: Citroën C3 XTR, e não Citröen 32 (sou um péssimo digitador)!

  • Yan

    A conta é simples meu caro. Financiar as vezes é uma opção viável. Se você tem R$ 30.000,00 e ker comprar um carro desse preço… pára e pensa primeiro. Se pagar a vista… jah era grana… aih seu filho fica doente e vc naum tem dinheiro para cudí-lo… e achou que foi o bonitão q não pagou juros.
    Se vc der uns 10 a 15 mil de entrada e financiar o resto vc fica com 15 mil para girar. Aí vai da cabeça da pessoa neh… se ela souber trabalhar faz esses 15 q sobraram renderem o valor da parcela que vc paga e seu desembolso é zero e se vc tiver uma emergência na familia por exemplo voc~e tem capital para bancar.
    Pensa um pouco antes de julgar. O juros realmente são altos, mas isso é do banco e não da concessionária… briguem com os bancos!

  • Yan

    e outra coisa… os brindes muitas vezes são embutidos no preço mas nem sempre. Ja repararam que o brasileiro em geral não compra se não ganhar algo junto… então são voces que pedem e gostam de brindes, então paguem uai… simples! Levam muitas vezes algumas coisinhas de graça sim… com a concorrência de hoje não da pra ficar embutindo tudo nos preços não pq tem gente no mercado fazendo milagres kkkkkk

  • Roger

    [Comentario #71175 sera citado aqui]

    [Comentario #71177 sera citado aqui]

    Eu não comentei sobre os juros (elevados ou não), mas sim da propaganda enganosa. Venda o preço que for, mas que SEJA CLARO na propaganda!!!

  • Gustavo Souza

    Carro é gasto, é caro, não é investimento e o seu dinheiro não volta nunca!

    BOTEM ISSO NA CABEÇA!!

    Tirou um carro zerinho da concessionaria por 30 mil?!?!? Pronto agora ela so vale 27.500

    SE VC TEM 30 MIL REAIS PRA GASTAR NUM CARRO, COMPRE UM, DE 20!!!

    Simples assim, se eu tenho 60 mil aplicado, vou la e compro um carro de 25, me sobra dinheiro pra pagar IPVA, licensiamento, emplacamento, seguro obrigatorio, seguro, uma proteçao de pintura, colcoar um cd player… nisso tudo ae vai 2500 facil!!!

    Financiamento tem que ser a ultima opçao!

    Por fim, BANCO NÃO PERDE DINHEIRO!!! Ele paga sua aplicação com os juros de financiamentos de outras pessoas! Não tem como vc pagar um financiamento e manter o dinheiro aplicado e ganahr dinheiro! Isso so pode existir em aplicaçoes de risco muito alto, em aplicaçaoes de longa data!

  • A LÍNGUA!

    :evil2: :evil2: :evil2: :evil2: :evil2:
    SE O POVO FIZESSE GREVE DE CONSUMO DE CARROS, O DES-GOVERNO DAS FARC IRIA REDUZIR IMPOSTOS, E AS FÁBRICAS IRIA REDUZIR ABUSOS NOS LUCROS.

    MAS O POVO BEIJA FAZ AMOR COM QUEM JÁ SENTENCIOU A FORCA A ELE.

    BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS.

  • Denis

    [Comentario #71189 sera citado aqui]

    Se o povo fizesse greve de consumo de carros, o que aconteceria aqui no terra Brasilis seria o seguinte:
    - Montadoras fazendo novela mexicana ameaçando sair do país
    - Enfiando carros ultra-ultrapassados guela abaixo dos que se encontram obrigados a comprar um carro novo
    - Vão depenar ao máximo os carros pra vender, até a chave será vendida como opcional (isso mesmo, pra ligar seu carro vc vai ter de comprar a chave dele, e a um preço absurdo)
    - Irão aumentar ao máximo o lucro por unidade

    Se já comprovado por inúmeras experiências que a redução dos impostos causa um aumento de consumo, e consequentemente aumento de arrecadação, mas isso não se encaixa na cabeça dos nossos governantes, afinal são em sua maioria semi-alfabetizados, e se não sabem sequer ler, menos ainda fazer contas.Ou não têm desenvolvida a capacidade de abstração, isto é, de colocar hipotéticamente uma situação com suas inúmera variantes de cenários.
    Isso é o Terra Brasilis….
    Salve-se quem puder…

  • Will

    [Comentario #71189 sera citado aqui]

    [2]

  • Farofa

    [Comentario #71152 sera citado aqui]

    Concordo com tudo que vc falou, com excessão de que qualquer um pode quitar o financiamento quando quiser. Isso não é verdade. Depende exclusivamente do contrato assinado. É muito comum se encontrar cláusulas obrigando o pagamento do TODAS as parcelas ou então de que a quitação só pode ser efetuada quando o saldo residual atingir certo percentual do total financiado.

    Não é uma questão de “eu acho” ou “a financeira disse”. Tudo depende do que está no contrato. O que me irrita é que ouço pessoas humildes ou inexperientes relatando que vendedores sem ética (obviamente uma minoria) os levaram a acreditar que seria fácil pagar o carro.

    Aí, como já disseram por aqui, vem o IPVA, manutenção, taxas (que nunca são divulgadas até o momento de assinar o contrato), seguro, etc.

  • Farofa

    [Comentario #71161 sera citado aqui]

    Não duvido deste tipo de coisa, mas acabei de comprar um carro zero (2008/2008) e consegui um desconto de 6% pagando à vista.

    Não ouvi dizer nem aconteceu com um amigo. Muito menos o vendedor tentou me empurrar um financiamento.

  • Farofa

    [Comentario #71185 sera citado aqui]

    Cara, vc é a pessoa com melhor noção do que é um bem de consumo que já vi aqui nesse fórum…

    Penso exatamente assim. O cara faz o que quiser com o dinheiro, mas dizer que pagar juros é bom negócio (digo financeiramente) é muita falta de noção! Fora esses caras que dizem que compraram o carro por 50 mil e venderam 4 anos depois pelo mesmo valor tirando onda porque “não perderam dinheiro” hahahahahah fala sério…

    Quanto ao caso do cara que falou que pega empréstimo e faz a diferença render pra pagar a parcela eu nem tinha vontade de comentar, mas fico feliz que vc tenha esclarecido a verdade…

    Me diz qual banco faz 15 mil render mais do que o que se paga em juros ao se pegar o mesmo valor emprestado que eu boto meu dinheiro lá agora!

  • Fabiano

    [Comentario #71145 sera citado aqui]

    QUE VC E OUTROS TROUXAS FINANCIEM ENTAO O ESPETACULO DO CRESCIMENTO… HEHEHE… CRESCIMENTO DA MASSA DE CONSUMO AO CUSTO DE EMPOBRECER ASSALARIADO… FALA SERIO… ATE’ O FIDEL JA SE TOCOU… :evil2:

  • Will

    [Comentario #71208 sera citado aqui]

    É… eu tb nao ia comentar sobre o q o irmao falou a respeito de por 15 mil pra render e render 600 reais (preço medio de parcelas)… vai ver ele ainda lembra do tempo do falso rendimento da era da inflação elevada…

    Agora, se tu for um empresario e APLICAR esses 15 na tua empresa, pode ser q renda mesmo os 600 reais.

    Todavia…

  • Paulo

    [Comentario #71215 sera citado aqui]

    Ah sim!!! não vou financiar o espetáculo do crescimento não. Vou fazer uma manifestação contra os impostos abusivos e uma greve de consumo que, com uma linha de frente formada pelo coelhinho da páscoa, papai noel e cegonha, com certeza vai mudar os rumos de governo do Brasil.

    Enquanto isso eu continuo com minha Brasilia 1980 lindona! e garanto que os banqueiros não vão ganhar meu dinheiro.

    A LUTA CONTINUA :tongue:
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Marcilio

    Tenho certeza que a maior parte dos leitores que falam em comprar à vista é que é bom, não deve ter nem uma bicicleta para andar.
    Financiamento é ruim, mas é o que temos,se baixarmos os juros o capital que veio de fora vai embora, então nem carrinho popular iremos comprar. Vamos acordar, nossa realidade é esta. Quer coisa mais gostasa que o cheirinho de carro novo, mesmo que seja 1.0, sem ar, duas portas, sem vidro elétrico. É isto que o assalariado pode comprar e ele passa aperto mas segue em frente com seu sonho. Quantos aqui estão malhando o financiamento mas não gostariam de ter um popular zerinho, mesmo que à prestação. Quanto ao comentário sobre Fidel Castro, é um ditador sanguinário, que só largou o poder por estar doente e incapaz, mas colocou o irmão caçula para continuar comandando seu império através da fome do seu povo.

  • William

    [Comentario #71152 sera citado aqui]

    Will, existem casos como o banco Santander, eles não permitem que o cliente quite antes, afirmam ser quebra de contrato, não dão desconto e ainda combram uma taxa de 250 reais! mas, fora esse lixo, o resto presta!
    rsrsrs!

    :green:

    continuo dizendo, finaciamento não é a pior coisa do mundo!

    cartão de crédito e cheque especial é muuuuito pior!

  • Malbert de Brasilia

    na SuiÇa onde morava antes de vir para o Brasil, o 70% dos carros são financiados (leasing). Mas as vezes vale a pena considerar o leasing, especialmente para as empresas que podem “descarrregar” as prestaçoes na Declaração de Renda.
    E a concorrencia se esquentou: a Mercedes Benz Suisse, p.ex., oferece um leasing com tres anos ou 100km de revisoes gratuitas. Outras marcas fazem o mesmo ou oferecem alternativas.
    Estou no Brasil á um ano e meio, e notei que aqui não são vendidos bens instrumentais (automoveis, eletrodomesticos etc) mas produtos financeiros. Fiquei impressionado ao entrar em uma loha de eletrodomesticos com um “crediario” enorme, estilo banco! Aqui tudo è vendido parcelado, atè um par de sapatos!
    O pior é que se eu consumidor proponho ao vendedor de pagar a vista, não tenho algum desconto ou vantagem, pois tudo é orientado a “comprar um produto financeiro”.
    E’ escandaloso que na lista dos maiores bancos do mundo, dois são brasileiros (e o lucro deles contunam aumentando). E voces onde acham, que institutos e bancos (incluido os suíços) vem investir? Mas aqui, no Brasil, ganhando sobre a pele de milhões de pessoas. Não basta reclamar, seria suficiente não entrar nesse jogo.
    Os seguros aqui usam os mesmos metodos dos bancos e são caros demais, com o resultado que uma minoria tem seguro (com todos os risgos de semelhante situação).

  • ruléo

    [Comentario #71140 sera citado aqui]

    Picareta de uma figa! Não sabe nem que Gol City não se escreve com dois “t”.

    Se o cara ganha R$ 1000 por mês, o racional é andar com um carro mais velhinho, e ir trocando aos poucos… mas como tem propaganda da porcaria da BV Financeira toda hora na TV, esfregando na nossa cara que a pessoa tem que comprar um carro mais novo e pronto, o panaca vai lá e compra este Gol City sem mesmo poder pagar… depois começa a manutençao, e o cara não vai ter dinheiro para trocar um filtro original… e logo logo, não consegue terminar de pagar, e outro picareta como vc vai comprar o carro novamente, em um leilão, bem baratinho, para vender caro… e financiado denovo.

  • Perneta

    Se a venda de carros fosse mais justa e com menos picaretagem eu trocava de carro a cada 3 anos, mas como não é assim o meu já está com 6 anos e vou levando enquanto der. Essa é a minha forma de protesto.

    Tem gente que troca de carro como se fosse aparelho celular, só vai trocando o financiamento de um para outro mais novo. Por mim tudo bem, assim os trouxas esquentam o mercado de automóveis e eu não preciso ajudar com o meu dinheiro.

  • erom

    Bem, existe coisa pior: se chama CONSÓRCIO. Vc paga 15% ao ano para ficarem investindo deu dinheiro e só rece o carro, em média, no meio do plano! Negócio de gênio. Em qualquer país civilizado dá cadeia por estelionato mas aqui em Pindorama tem seus defensores…

  • ruléo

    [Comentario #71249 sera citado aqui]

    Apoiado.

  • ruléo

    Ahhh, tah, a realidade então é viver para pagar juros?! Prefiro andar de bicicleta. E a propósito, eu tenho condições de comprar carro à vista. Mas mesmo o pessoal de renda baixa, pode comprar carro usado à vista.

  • Malbert de Brasilia

    [Comentario #71249 sera citado aqui]

    concordo plenamente e lembre-se, o carro mais ecologico é o que você já tem. Cuide bem dele, faça as revisões e troque os fluidos regularmente.
    O problema vai surgir se no Brasil vai acontecer o que está acontecendo na Europa: os varios governos impõem obstaculos cada vez maiores em contra dos veiculos mais antigos, alegando que poluem mais. Portanto vão revisões mais estritas, impostos mais altos, barragem nas entradas do cenmtro das cidades e a introdução das normas Euro. Isto está acabando com o mercado do usado por lá, onde veiculos ainda perfeitamente funcionantes, perdem valor exponencialmente.
    Quem sai ganhando são as montadoras, naturalmente, e as financeiras.

  • Igor

    OLHA… TIRANDO O FATO DE MONTADORA QUE TEM CARRO CARO…GOVERNO Q COBRA IMPOSTO ALTISSIMO E LUCRO DE BANCO…

    VCS TEM MESMO Q GUARDAR DINHEIRO!!! AFINAL DEUS, SÃO PEDRO ETC… ACEITAM CHEQUE NÉ?…VAMOS LEVAR TUDO PRO CAIXÃO MESMO!!!!

    NEGO PASSA VIDA JUNTANDO DINHEIRO… AI MORRE DE UM PIRIPAQUE… ACABOU TUDO…

    NAUM COMEU A MULHER Q QUERIA… NÃO ANDOU NO CARRO QUE QUERIA… NÃO TEVE A CAS AQUE QUERIA…MAS O COLCHAO FICOU CHEIO DE DINHEIRO…

    KKKKK….

  • Malbert de Brasilia

    [Comentario #71230 sera citado aqui]

    Paulo, aì que 'tà: brasileiro vive sonhando. Conheço diaristas que se matam trabalhando para pagar as prestaçoes da geladeira, da TV, do celular, da Playstation para o filho e assim por diante. Conheço gente que para pagar divida, prefere contrair dividas maiores, entrando em uma espiral sem fim. Nao da pra comparar o sistema economico dos EUA com aquele brasileiro, por Deus!

    Na minha opiniao, no Brasil existe somente UM mercado: o financeiro, paraiso dos bancos, nacionais e estrangeiros.

    Eu prefiro pagar tudo a vista, no limite das minhas possibilidades e se nao da, vai dar mais tarde, pois o sonho nao deve jamais tornar-se em pesadelo.

  • Bruno de Figueredo

    Só uma besta quadrada para fazer financiamento com as taxas que existem no Brasil (e como tem besta neste país). O ideal é o sujeito ir mudando de carro de acordo com o que ganha. Vejam como foi comigo: 1º carro Fusca, depois vieram Escort, palio EX, Corsa sedã, Polo sedan e, agora em julho ou agosto, Linea, Corolla, Civic, ou, se já tiver sido lançado, o novo Focus sedã. Como meus rendimentos aumentaram com o tempo, o carro acompanhou essa evolução. Se isso não tivesse ocorido certamente não teria subido de categoria. A pessoa deve priorizar certas coisas, como um imóvel, por exemplo. Esta é uma boa maneira de ter paz de espírito, mas reconheço que brasileiro gosta de aparentar, nem que seja com a corda no pescoço. Como o automóvel é um dos bens mais visíveis que o ser humano pode ter, as pessoas se danam a fazer financiamentos. Já vi em bairros pobres de perifeira Corolla em garagem de casa simples, o carro mal cabia na garagem. Isso tudo para aparecer.

  • Leonardo

    Meu amigo, ninguem obriga ninguem a nada, todos sabem o valor real e o valor financiado compram porque querem.

  • Chaparro

    [Comentario #71263 sera citado aqui]
    BRUNO,
    DÊ UMA OLHADA ENTÃO NO MAGENTIS DA KIA QUE DÁ DE 10 NESTES CARROS QUE VOCÊ ESTÁ OLHANDO EÉ MAIS BARATO!

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71265 sera citado aqui]

    Tem quem goste de comer medra!

    A pessoa é livre pra comer…

    Eu não como, e critico quem coma!

    Pq sou livre pra criticar tb.

  • Malbert de Brasilia

    Chaparro,
    olha que carro importado no Brasil, mesmo que barato na compra, pode causar problemas: custo das revisoes, IPVA, custo do seguro, pouca assistencia no territorio nacional, baixo valor na revenda, disponibilidade de peças, etc etc.
    Um pouco a mesma situaçao que tinha na Italia nos anos 70, com a Fiat em estado de quase monopolio do mercado. Quando finalmente tambem no Brasil haverà a livre circulaçao das mercadorias (e nao como agora, que cada estado pretende um imposto “de passagem”), uma agilizaçao da burocracia, estradas dignas desse nome, sem esquecer impostos mais acertados, companhias de seguro de verdade (e nao como agora, que agem como os bancos), talvez as coisas poderao mudar e teremos um mercado do automovel, nao digo como o norte americano, mas quem sabe, até parecido…

  • Baden Powell

    [Comentario #71140 sera citado aqui]

    Isso é bom sim. PRA VOCÊ. Sou funcionário público e sei o assédio que nós passamos para fazer empréstimos, financiamentos, etc… Furada! Posso comprar um carro de 40.000, como meus amigos compram, e dar 15.000 de mão beijada pro banco, pro dono da revenda, etc… Como se o salário valesse tão pouco… Comprei um Paliozinho 1.0 97 àvista e tô feliz da vida. Concordo plenamente com o Éber.

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71280 sera citado aqui]

    Reforço o comentario de Baden Powell!

    Tirei o meu carro zero da concessionaria, ha 3 anos, um celta 1.4, paguei a vista!

    To esperando aparecer algo bom no mercado pra trocar ele, quero um 2 portas 1.4, por enquanto é o peugeot, so quero esperar pra ver a atualizaçao dele, pra ver como fica.

    Vou pagar a vista de novo, e não vou gastar 10 mil reais na troca! So os juros de um financiamento de 24 mil reais em 3 anos ja dão 10 mil reias! Ou seja, teria o dobro de gasto com meu carro!

    Se não levo o dinheiro pra outra vida, tudo bem, mas não deixo dividas aqui tb não.

  • Titubias

    Na verdade brasileiro gosta mesmo é de aparecer. Muitos nem sabe mas conheço pessoas que muitas vezes deixam de comer, se comem é comida de preso, filhos estudando em péssimos colégios, plano de saúde sendo o SUS, objetos da casa quebrando mas mesmo assim andam de carro novo. Há um ano estive conversando com um vendedor de uma revendedora FIAT de minha cidade e ele me contou uma história um tanto absurda. Uma senhora de mais ou menos 40 anos, com um salário de 1800 reais, queria a toda prova adquirir um Palio ELX 4 portas 1.0 completo na época custando 34650 reais. Ele queria dar uma entrada de aproximadamente 3000 reais e o restante financiado em 60 meses de 885 reais, isso mesmo, 885 reais para uma pessoa que possui um rendimento de 1800 reais. Sem contar que como trabalhadora de empresa privada e com dois filhos, queria se desfazer de seu Uno Mille ELX ano 1995 por este sonhado Palio. O próprio consultor de vendas da loja recomendou-a a dar uma entrada maior de pelo menos 20000 reais mas, ela com seu impulso irresponsável, queria se meter nessa fria. No final o consultor ponderou sua situação e ela voltou atrás. Não sei se ela aceitou comprar o veículo após um ano dando o seu de entrada e o pouquinho dinheiro guardado, mas uma coisa eu sei, iguais a ela existem milhões que procuram de uma maneira irresponsável, adquirir carros por este sistema. Muitos não aguentam chegar a 10 prestação ou um pouco maior e lá esta o oficial de justiça com ordem de reintegração de posse acompanhado de dois policiais para tomar o bem de volta. Já tive o desprazer de assistir este triste filme e uma coisa é certa; brasileiro é um povo infeliz e gosta de aparecer.

  • Hodney

    Em minha casa possuimos dois carros: Um Mille EP 1995 4 portas super novo com 39400km e um Palio EX 2001 2portas da minha esposa com 43000km. Os dois carros foram comprados a vista e Graças a Deus durmo e acordo tranqüilo sem contas e dividas na minha cabeça. Estou juntando dinheiro para trocar apenas o carro da minha esposa por um 4 anos mais novo e a vista. Não sofro de compulsão por comprar carro 0km e também em minha consciência não aceito pagar quase mil reais para andar em um mesmo carro com motor raquitico como os que encontram na minha garagem. Vejam bem, meu Mille EP pago anualmente 80 reais de IPVA, ainda bem que faltam apenas 3 anos para ele ser realmente meu que é justamente a idade que fica isento de IPVA. Carro novo para mim e caro só nos EUA, Canadá ou Australia onde modelos bem mais sofisticados e maiores são mais baratos que nossas “carroças” 1.0 que temos aqui, á sem lembrar q nestes países não existe IPVA. O governo deles não são donos de seus automóveis. :OO: :OO:

  • Luis.R.J.

    [Comentario #71286 sera citado aqui]

    Concordo?

  • Bruno

    eh pod ser so q eh raro as pessoas q tm dinhero para pagar a vista principalmente no brasil

    e na verdade esses finaciamentos ajudam a todus pois

    ajuda ao kra q quer comprar um carro 0km
    e tb ajuda ao pai de familia q trabalha em uma montadora
    e precisa desse dinheru pra sustentar a familia

    ou vcs axam q se naum tivesse esse tipo de finaciamento o brasil ia vender tanto carro assim

    nem pensa

  • Rosalvo

    Eber,

    Acho que você deveria ponderar mais o que escreve…

    Graças ao financiamentos o mercado automotivo do Brasil esta crescendo muito. Estou estudando hoje para entrar no mercado que vão fazer os carros do futuro e dependo do financiamento para que todo mundo compre os carros.

    Quem é que tem 30 mil reais para comprar um carro a vista ? Não é todo mundo que sabe ganhar dinheiro com um Blog na internet… Ou nasceu em familia abastada.

    Se você não anda lendo, saiba que ano passado 70% dos veículos zero KM foram vendidos para pessoas que nunca tiveram carro zero KM. E dessa parcela 40% pertecem a Classe C e D, ou seja Classe média Baixa. As pessoas não vão conseguir juntar o dinheiro para comprar o carro zero. Simplismente o hábito do povo latino não é de fazer poupança, e sim de agir no impulso. Se o cara não pagar a prestação do carro, ele vai comprar uma geladeira nova, uma TV de Plasma, ou outra coisa que financie em 12x sem juros.

    Eu não sou Classe C nem D, mas meu pai compra carro sempre financiado. Ele sempre fala…

    “GASTAR DINHEIRO EM CARRO È EMPATAR DINHEIRO”

    Então ele financia o carro. O dinheiro aplicado rende mais do que o juros do financiamento. É só não comprar o carro em 60x.

    Mas mesmo comprando o carro em 60X, veja que o juros sai em média 14% a.a. Não é muito para o luxo que você esta tendo.

    Voce deve ter uma vida boa meu caro. Não deve pegar transito engarrafado.

    Só quem pega transito sabe o quanto é ruim andar de carro velho.

    Nem digo isso por mim, pois meu carro é 1997 e não troco de carro porque não quero. Não vou financiar um carro para comprar outro popular. Primeiro acho meu carro melhor do que um popular zero de hoje em dia, segundo eu rodo muito pouco e meu carro é muito bem conservado. Mas falo pelo meu irmão. Ele trabalha na area de vendas. Ganha bem como Executivo de vendas de uma empresa. Porem era o primeiro emprego dele e precisava comprar um carro zero. Financiou o carro sem dar um real de entrada, em uma boa promoção. O Carro dele tem juros efetivos de 12% de juros a.a. Com o salário que ganha hoje, ele paga o carro sorrindo.

    O antigo Palio 1997 dele dava manutenção mensal de 300 reais. A prestação do carro antigo era mais 380… gastava o valor da prestação do carro zero dele atual, todo completo. Fora que você não vai ter aborrecimento, nem vai se chatear.

    Alem do mais vai estar garantindo o emprego de muitos engenheiros, operários, vendedores, e pessoas que vivem da venda dos carros zero KM.

  • Farofa

    [Comentario #71320 sera citado aqui]

    Deixa eu ver se entendi…

    Seu pai diz que gastar dinheiro em carro é empatar dinheiro, mas joga o dinheiro no lixo ao pagar os juros do financiamento. Ah, lógico… Faz todo o sentido! :rolleyes:

    Sério cara, vc é mais um que manda esse papo furado de que consegue aplicar o dinheiro a rendimentos mais altos do que os juros. Pois eu desafio aqui alguém a me provar que consegue um rendimento anual do dinheiro em aplicações bancárias com retorno superior a esses 14% que vc falou.

    Primeiro, 14% de rendimento anual nenhum banco dá em fundo de renda fixa ou referenciado DI se você não tiver pelo menos 1 milhão depositados (sem exagero nenhum, é só consultar). E convenhamos que quem tem essa grana não compra carro financiado…

    Segundo, os juros do financiamento são superiores a 14%, porque nesses juros fantásticos que os vendedores apregoam, falta somar a TR, o que elevaria para mais ou menos uns 16% ao ano.

    Terceiro, o rendimento do dinheiro no banco que as pessoas vêem não considera a inflação no período.

    Eu te GARANTO que, com cerca de 100 mil em um fundo de renda fixa ou referenciado DI vc não consegue mais de 10% ao ano, após retirada a inflação e mais impostos. Sim, caso vc não saiba, paga-se imposto em cima dos rendimentos (no mínimo 15% após uns bons anos de aplicação).

    É dessa forma que os “espertos” acham que vão ganhar dinheiro fácil e viver de renda. Pode continuar se iludindo, cara. Dinheiro honesto só se ganha trabalhando e muito.

    Mas não precisa acreditar em mim. Consulte qualquer economista e depois me diz se eu estou errado.

  • Gustavo

    Depende muito, eu comprei um carro de 40000, dando 18mil de entrada, e poderia ter dado mais, mas vou usar o dinheiro para outro negócio, e vou financiar os outros 22000 em 36x 762,00, no total, em 3 anos o carro vai me sair por 45432,00.
    Ou seja, vou pagar “apenas” 5400,00 de juros no final de 3 anos, não acho que seja um mal negócio, no final, vou ter pago pouco mais de 10% do carro de juros, e fico com o dinheiro em caixa para investir em outro negócio lucrativo.

  • Igor

    Bom, acho que não é bem assim não. Eu sei q tem muita gente q faz burrada por ai, e que os juros são altíssimos, mas se vc pegar uma promoção boa, como eu peguei, fica uma moleza.
    Comprei um Celta Spirit preto 0km no fim de 2006.
    Parcelei em 36x de 1.000 reais. Na época o carro custava 30.000. Não acho 6.000 de juros caro pra pagar em 3 anos.
    O que vcs acham?

  • Bruno de Figueredo

    [Comentario #71274 sera citado aqui]

    Valeu a dica. Vou vê-lo mais de perto na época da troca. Acho até que minha curiosidade já havia sido despertada para esse carro depois de citações sobre ele por aqui, não sei se foi você que falou dele antes.

  • Rosalvo

    [Comentario #71332 sera citado aqui]

    Cara, um econômista falou na televisão ha 2 meses isto, e tem uma matéria que saiu no Msn Carros tambem. Vou procurar e depois te mostrar que é verdade.

    Você pensa como um funcionário publico que só encherga no final do mês seu provento…

    Cara, no mundo empresárial é proibitivo empatar capital com bens que depreciem tão facilmente quanto um carro.

    Em 5 anos um carro some do balanço patrimõnial da empresa.

    Porque alquem que tem 1000000 de reais no banco compraria um carro a vista e empataria seu capital ?

    Vc compra parcelado em 24x sem júros hoje em dia.

    Agora existe muitas maneiras de ganhar dinheiro aplicando o seu capital.

    Se você não sabe vá fazer um MBA, ou um curso de aplicações financeiras no Senai de sua Cidade.

    Você conhece o mercado de Ações ?

    Meu pai já ganhou 14% em um mês.

    VocÊ conhece imóveis ? 150% de lucro em 4 anos é bom para você ?

    Comprar imoveis na planta, geralmente valem metade do que um imóvel pronto. Depois de pronto você vende e pronto… recuperou o investimento…

    O Brasileiro que só pensa pequeno fica preso a isso…

    Os EUA são os maiores devedores do mundo. E é o Pais mais rico.

    Quem tem muito não é quem tem dinheiro parado filho,e sim quem tem dinheiro rodando.

    E outra coisa…

    Aprenda a fazer conta.

    Eu financio o carro por 3 anos

    12% a.a em 3 anos 36%

    Então eu aplico meu dinheiro, se eu ganhar 10% ao aano vou sair no lucro, porque o carro que eu comprei a vista ha 3 anos vai valer 30% a menos do que ele valia zero. Então eu empatei meu capital, deixei de ganhar e ainda por cima perdi o dinheiro…

    Eu acho que na verdade isto aqui não é um lugar de se comentar isto.

    É um site de apaixonados por carros.

    Brasileiro ainda acha que carro é investimento.

    Você quando financia um carro esta pagando pelo uso do mesmo.

    Fique então andando a pé economizando moeda para comprar um carro depois de 3 anos…

  • Perneta

    Eu não tenho nada contra a compra financiada de carros e eu sei que isso ajuda muitas pessoas.

    Mas vocês não acham que tem algo MUITO errado quando a notícia que mais aparece nos jornais são dos bancos anunciando lucros recordes a cada seis meses?

    A minha opinião é que os bancos estão abusando e prejudicando demais.

  • Rosalvo

    [Comentario #71348 sera citado aqui]

    O banco come dinheiro das pessoas que não sabem usar seus seviços. Do cara que detona o cartão de crédito no bar e no restaurante, depois fica pagando o mínimo, e do cara que fica detonando o cheque especia, ou do cidadão do que toma empréstimo no banco para gastar dinheiro a revelia.

    Quem usa o crédito para fazer coisas bem pensadas esta agindo em benefíco proprio

  • Will

    [Comentario #71343 sera citado aqui]

    Uuhaehuaehaeeaaeuhauehaueha… eu acho REALMENTE INCRIVEL vir uma pessoa e dizer q tem fundo de investimento q pague mais q juro de banco.

    Caro Rosalvo, me fale de alguns fundos de investimentos que rendam mais q 69% em 5 anos (juro total médio de um financiamento em 60x).

    Ou algum fundo de investimento SEGURO (q nao seja investimento de risco, OBVIO) de renda fixa q tenha um rendimento mais q 1,49% a/m. É IMPOSSIVEL q um banco pague mais a seus clientes q o proprio banco recebe. Pensemos: O banco recebe um valor à vista, exemplo 10.000. Desse valor, 40% vai pro BaCen. Sobram 6.000 pra serem emprestados/negociados. O banco, para não “perder” o dinheiro q foi para o banco central, empresta o dinheiro q um cliente seu recebeu a vista a juros exorbitantes. Claro q o dinheiro q foi para o BaCen não é perdido, mas o banco perde a liquidez desse dinheiro.

    Logo, amigo Rosalvo, por favor, nos ensine a magica de ganhar dinheiro fazendo aplicações bancarias a curto prazo (5 anos, para mim, é curto prazo).

    Outra coisa: Não me fale em ações. Mto dinheiro q da pra ganhar na bolsa investindo 20 mil em ações. Opa!!!!!! La em cima eu falei em risco! Logo, todos bem sabemos do ALTISSIMO RISCO q é investir em ações,

    E tb não fale em imoveis. Um apartamento valorizou 150% em 4 anos. POR FAVOR, vc sabe da dificuldade de comprar a casa propria? Pelo visto não sabe, logo, imovéis são bens de alto valor agregado e são mto caros e pessoas q compram carros zero de 25 mil não conseguem investir em imóveis de 100 mil.

    Mas está o desafio de ensinar a todos os 600 mil leitores do N.A. a maravilha de ganhar dinheiro investindo a diferença do valor a ser financiado (leia 30 mil).
    Caso contrario, não passa de, me desculpe, balela.

    Abraço!

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Eber

    [Comentario #71140 sera citado aqui]

    bom, nunca podemos ter tudo que queremos. ou agimos com a razão e não jogamos dinheiro fora com financiamento, ou compramos um carro novo.

    se o brasileiro gosta de carro novo, isso é um motivo válido pra ele jogar dinheiro fora com financiamento??

    eu gostaria de ter uma casa na praia, mas não é por causa disso que vou financiar uma!

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Eber

    [Comentario #71288 sera citado aqui]

    infelizmente muitas pessoas agem como você descreveu. só espero que esse texto do NA ajude as pessoas a pensaram mais antes de fazer as coisas.

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Eber

    [Comentario #71320 sera citado aqui]

    você acha que estou ganhando rios de dinheiro com meu blog?? rsrs… bem longe disso. e também não nasci em família abastada. tanto que falei que vou comprar um carro normal de 12.000 reais.

    com minha renda eu poderia entrar em um financiamento de um carro de 40.000, mas não vou fazer isso, vou andar com um carro que muitos acham uma velharia, somente para não ter de pagar juros.

    se a pessoa não pode comprar um carro de 30.000 á vista, é só juntar todo mês o valor da prestação. se o financiamento de um carro de 30.000 for feito em 36 parcelas, com juro embutido, se a pessoa juntar a grana, capaz de ela ter os 30.000 depois de 24 meses. muito melhor.

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71343 sera citado aqui]

    O cara quis dar aula e nem entende de juros!

    A vitima perfeita para os “juros baixos” de hj em dia!

    Se o juros for de 12% ao ano, em 3 anos não são 36%, são 40,5%!

  • Hodney

    [Comentario #71288 sera citado aqui]

    ´Parece DejaVu! Já tive a oportunidade de assistir um triste filme desse no centro daqui na minha cidade. O oficial de justiça foi até o trabalho do kra e lá o pegaram ele já saindo para representar seus produtos externo quando foi surpreendido pelo oficial de justiça e um funcionário da Finivest para retomada de posse do carro. :blink:

  • lexus

    [Comentario #71366 sera citado aqui]

    Eis o comentário de dois concorrentes para ver quem arranca mais cabelo da cabeça e quem toma mais remédio para pressão alta.

    Fala-se que os EUA é o maior devedor do mundo. Na verdade eles são mas devem a eles mesmos.

    Ninguém sabe mas a tx de juro para a compra de um carro zero é de 4,5% a.a e não é prefixada e seus automóveis não são amostra como os que temos. Lá são carros de verdade. Aqui são carroças motorizadas e de péssima qualidade e com a graciosa tx de juros de 15% a.a e préfixada.

    Sabe qual é o carro mais vendido lá? A Ford F150 cabine dupla por 31000 reais. Aqui temos o Golzinho GIV 4 portas sem ar por este valor! O que vcs acham?

  • Farofa

    [Comentario #71343 sera citado aqui]

    Cara vc falou tanta bobagem agora, que não vou nem me dar ao trabalho de responder…

    Sério mesmo… Foi MUITA bobagem junta…

    Seja feliz e milionário com suas teorias insanas

  • Farofa

    Em tempo:

    Já falei isso com outro cara antes, mas vou repetir. Cuidado com esse negócio de traçar o perfil profissional de outro forista, porque vc pode estar fazendo papel de palhaço.

    Outra dica: aprenda a filtrar as informações que vc recebe, porque só porque saiu na televisão ou na Internet isso não faz da informação uma verdade.

  • Farofa

    Lexus, realmente juros de 12% a.a. não são 36%, são 40,5%, pra vc ver como tem gente “esperta”.

    E só agora eu percebi que o cara falou da desvalorização de 30% do carro “se pagar à vista”, mas IGNOROU completamente que pagando financiado a mesma desvalorização também ocorrerá.

    Bom, deixa o cara ser feliz à sua maneira.

  • Roger

    Há outra coisa… Meu pai comprou, em dezembro de 2000, um Palio EX 1.0 2001. Pagou uma parte e parcelou o resto em 36 vezes (aqui era essencial, ele estava com um Fiat Elba que estava dando muita despesa com manutenção). O Banco que financiou foi o espanhol BBV (Bilbao Vizcaya). Começou a praticar juros extorsivos,fora do planejado, e ele deixou de pagar as últimas parcelas em 2004 (já o suficiente para ter quitado o carro e mais um pouco). Minha irmã, que é advogada, entrou com um processo e, de forma arbitrária, a justiça ordenou que tirassem o carro (e tiraram). Ela foi, então ao Tribunal de Justiça de Porto Alegre para recuperar o carro, com sucesso.

    Só para mostrar uma família de poder aquisitivo relativamente alto, que está sempre pagando contas e mais contas, e nunca tem grande coisa, e tem de suar para ter um carrinho 1.0. Vejam como são as coisas…

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71408 sera citado aqui]

    Papo de Gerson!

  • Roger

    [Comentario #71410 sera citado aqui]

    Papo de Gerson (???)

    Não entendi nada! Explique.

  • Andre

    [Comentario #71333 sera citado aqui]

    Bem, vc estava precisando de parte do dinheiro do valor do carro para usar em outra coisa. ok. mas que vc perde mais dinheiro com o carro , isso nao tenho duvida. manutencao, ipva, seguro etc vai dar mais de 5000 reais em 36 meses. Pronto: em 3 anos vc ja gastou 10mil da sua “poupanca” e mais a desvalorizacao vc gastou agora 20mil. Ou seja, da sua “poupanca” vc detonou na verdade 60mil reais. Tudo isso mudaria se tivesse ESPERADO E COMPRADO A VISTA. :ok: :ok: :ok: :ok:

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71431 sera citado aqui]

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Lei_de_G%C3%A9rson

  • Roger

    [Comentario #71443 sera citado aqui]

    Eu conheço a “Lei de Gerson”, meu caro. O que eu não entendi foi a associação do que ou disse com o Gerson.

  • Gustavo Souza

    Quando for fazer financiamento, LEIA O CONTRATO,e saiba que é um risco.

    Se nao conseguir pagar as parcelas, devolva o carro, quem errou foi vc!

    é Gerson pq quer tirar vantagem! A regra não vale pra vc, pq ja pagou um carro e um pouco a mais, mas não pagou o financiamento!

    Quem tira um financiamento de 3 anos tem que pagar 1 carro e meio, no minimo! Não existe almoço gratis, alguem ta te emprestando o dinheiro e espera que vc pague o dinheiro e os juros dele!

    E o Juros é alto por conta da inadiplencia!

  • Roger

    [Comentario #71458 sera citado aqui]

    Você nem sabe do que está falando. É um arrogante, imbecil e se acha o dono da verdade, acima do bem e do mal. Meu pai nunca foi inadimplente, pagava sempre em dia, combinou de pagar sempre no dia 5 de cada mês (ele costuma receber sempre no primeiro dia útil do mês), mas injustificavelmente eles passaram para o dia 30, quando ele não tinha a mínima condição de pagar. E ele leu o contrato SIM.

    Você, GUSTAVO SOUZA, é a típica pessoa FRUSTRADA, que não tem o que fazer e fica xingando as pessoas de bem e que fazem tudo correto. Antes de julgar tudo e todos a seu modo, procure outra coisa mais útil para fazer. VERME PARASITA!

    O Eber e os outros usuários irão entender a minha indignação, se ler este absurdo que você disse!

  • Yan

    [Comentario #71208 sera citado aqui]

    Não estou falando que existe uma aplicação que dê isso. Falei que depende da pessoa. Caso ela jah tenha um negócio ela pode investir nesse negocio e tirar um retorno mais alto, caso não tenha pode investir na bolsa sei lah… é uma questão de análise!!! Talvez não exista no mundo inteiro uma aplicação que te dê o necessário pra você pagar a parcela do seu financiamento mas te garanto que pelo menos metade você consegue pagar!

  • Will

    [Comentario #71485 sera citado aqui]

    A tah!

    La garantia és usted?

    No!

    La garantia soy yo!!!!!!!!

    aeuaheuahheahaehuaeuhaeuaehuhahuae

    Prove matematicamente. Só vi um monte de comentarios seus com analises superficiais.

    Como eu disse num comentario la em cima, desafio alguem q pegue 15 ou 20 mil e faça render 700 reais por mes. Esse valor nao rende nem a metade.

    És capaz de provar?

    Pelo descrito até agora, a resposta é NÃO!

  • CELSO

    [Comentario #71261 sera citado aqui]

    E’ MUITA POBREZA DE ESPIRITO CONSIDERAR “REALIZACOES” COMO SEXO, CARRO ETC…E MUITA IGNORANCIA ACHAR QUE CONSUMISMO FAZ A VIDA VALER A PENA… :blink:

  • Rafael Pereira

    Alguém já citou que carros novos são muito mais confiáveis que usados de 10000 reais e dão menos manutenção? Não digo que compense financeiramente, mas tem gente que não pode ficar com carro na rua, ou correndo atrás de peça por aí.

    Eu sei, carro velho bem cuidado anda direitinho, mas não é fácil comprar um carro velho bem cuidado. Aqui onde moro é dificil não comprar um escort que não seja ferradão por batedor de racha, por exemplo.

    Como já disseram aí, a posição não pode ser extrema. Tem que analisar as condições e ver o que é melhor pro seu orçamento, pra sua necessidade e seus interesses pessoais. Se pra vc carro é uma coisa importante porque você gosta de carro, é natural que vc gaste dinheiro com isso. Se o banco oferece a possibilidade de financiar esse bem, você tem uma renda estável e pode fazê-lo, beleza. Agora, que que vocês querem? Que o governo leia um blog e caia matando nos bancos? Que o fato de 83 pessoas deixarem de financiar carros vai deixar os bancos com remorso? Enquanto eu escrevi esses comentários umas 10 pessoas devem ter financiado autos por aí.

    Comparar com europa e eua também não dá. lá as pessoas são diferentes, os países tem situação economica diferente e tudo mais. É Aquela velha historia de querermos carros iguais da europa, economia igual, time de futebol… enquanto nossa cultura for a do brasileiro “esperto”, cultura essa que permeia TODAS as classes sociais do país, sempre vamos ter politicos corruptos, economia baseada em exportação de materia prima, times de futebol que são entidades politicas, carros atrasados, pouco seguros e ecologicamente incorretos, violencia e tudo mais. Não to dizendo que a gente não tem que ter uma identidade nacional, e sim que ela não precisa ser uma que valorize a “mandinga” em detrimento da valores morais =/

  • Gustavo Souza

    [Comentario #71467 sera citado aqui]

    Sou um frustado, dono da verdade, sadico, verme parasita! Mas não dou calote! Pra mim isso basta!

  • Roger

    [Comentario #71545 sera citado aqui]

    Trabalhar corretamente, ajudar as pessoas menos favorecidas, pagar tudo em dia… Acontece que o banco descumpriu o contrato, os bancos podem tudo! A pessoa que confia nas instituições e é prejudicada simplesmente é a caloteira. Somos honestos, apenas pedi um pouco de RESPEITO, coisa que tu não conheces. Sou esquentado, sim, mais do que eu gostaria, mas minha família é honesta e não é malandra. Tu nem sabes o que estás dizendo. Tu te Referes a mim como caloteiro, mas não fui eu quem comprou o carro, e sim meu pai, e tu te referiste como se fosse eu. Prova de que tu nem leste direito o meu comentário.

    Prova de que meu pai não é caloteiro é o êxito no processo judicial, que nos deu razão. Portanto, procura não dizer (*)erda antes de conheceres as pessoas.

  • dudu

    eber… mas e se a pessoa que ao inves de dar os 25 mil de entrada… pegou esse dinheiro de volta(isso eh possivel ja fizemos aki em casa) e financiasse os 50 mil… mais ou menos 75 mil…. e jogasse os 25 mil em um fundo com renda de 4,5% ao mes(nao é tao dificl achar um) e deixar la por sei la… 60 meses… um financiamento de 5 anos… no final dos 60 meses ela tera mto mais que 75 mil no fundo… e tera pago 75 mil no carro…. eh soh a pessoa ter um emprego bom que pague as prestacoes….

    o problema do brasileiro eh que tem a cabeca mto fechada… c tivesse feito como falei ai em cima… tinha ganho uma grana… nao presuma que todas as pessoas que fazem financaimento sao burras… abre a cabeca…

  • Tião Macalé!

    [Comentario #71570 sera citado aqui]

    Me mostra um fundo que renda 4,5% ao mes!

    Ou melhor, vai no banco e pede um financiamento para investir nesse fundo! fala pra eles debitar o pagamento do financiamento do juros do investimento!!!

    Olha so! Ganhe dinheiro sem trabalhar!

  • dudu

    [Comentario #71584 sera citado aqui]

    pedir o financiamento pra isso nao sei se eles te dao… realmente nunca tentei… mas fundo 4% ou 5% tem… eu invisto num que no mes que deu 2,5% foi considerado que foi mto mal… esse mesmo em um ano rendeu mais de 50%… e em 18 meses rendeu 100%… faca as contas…

    “Olha so! Ganhe dinheiro sem trabalhar”
    se isso foi ironia tu eh mto burro mesmo o que nao falta eh rico vivendo soh de renda… como ja dizia akela musica antiga… os ricos cada vez ficam amis ricos e os pobres cada vez ficam mais pobres…

  • Vinicius

    [Comentario #71151 sera citado aqui]

    Tem cortador de cana que ganha o equivalente a 25 mil reais por ano…

    Cuidado com as aparências…

    Mas é verdade, hoje se vc apresentar o documento do acerto de demissão (acho que é holerite o nome) vc já consegue financiar um carro de 60 mil

  • Carlos

    É interessante estas discussões, pois apresentam pontos de vistas diferentes, há quem seja totalmente contra, e há quem seja parcialmente a favor dos financiamentos, particularmente acho uma falta de respeito dos bancos praticarem juros tão altos. A idéia que tenho é que cada cidadão que queira comprar um carro, deve analisar todos os passos, é óbvio que poucas pessoas podem comprar a vista, aí vão para o financiamento, o ideal é que estejam cientes do valor que vão pagar ao final do plano, feito isso caba a cada um gastar seu dinheiro como quiser, mas lembrem-se É MUITO MELHOR COMPRAR A VISTA!!!! Gostei dos comentários, principalmente do que fala de mercados de ações e tudo mais, o cara viajou meu, nós estamos falando de brasileiros normais meu!!!!!

  • Valéria

    Com a crise descobrimos que o governo brasileiro é especulador? é que se dá para praticar IPI mais baixo por que é tão elevado?
    Com a crise descobrimos que o governo brasileiro é elitista? pois antes não percebia tantos repasses aos estados e municipios subdesenvolvidos. ou estou desatualizada?
    Ou simplismente percebo uma “jogada eleitoreira?”
    Por gentileza responda-me tb no emeail ok.
    valeu.

  • Thiago

    OBS : Grande vitória ES

    Quero um carro ja financido .

    Assumo a tranferência em cartório , e dou uma entrada de no maximo R$ 500 .

  • Victor

    Fundo de 4,5 % ao mês? 6 mi ladrão!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! essa doeu….no minimo vc deve ter um bilhao de reais para algum banco cogitar a hipotese de te pagar isso. Há … talvez vc esteja falando de fundo de AGIOTAGEM…esse sim, rende mais de 15% ao mês….hahahahah boa…so financiar o carro e emprestar o resto pra outro troxa que financiou um carro tb, a 15% ao mes.

  • ALBINO GALLETTI JUNI

    <a href="http://WWW.CENTRALQUITACOESDEVEICULOS.COM.BR” target=”_blank”>WWW.CENTRALQUITACOESDEVEICULOS.COM.BR ALBINOGALLETTI@HOTMAIL.COM
    <a href="http://WWW.CENTRALQUITACOESDEVEICULOS.COM.BR” target=”_blank”>WWW.CENTRALQUITACOESDEVEICULOS.COM.BR CENTRALCARRO@HOTMAIL.COM

    19-8165-7965 19-9759-9996 11-6165-3319 19-7851-2393 ID. 129*15060

  • Helton

    Acredito que este texto foi escrito sem base matemática nenhuma, não sou um expert mais não vi nenhuma fórmula que dizia que não foi uma boa idéia o financimaneto de um carro, antes de mais nada devemos realmente planejar estudar e depois tomar decisões, porém se os juros de um carro dobram ou não cada pessoa tem que decidir o que precisa e pra quando, uma pessoa que ganha 2.000 reais ao mês, ao final do ano tem 24 mil reais ok da pra comprar um carro, mais ela vai gastar em média 300 reais de onibus, 300 de alimentação, 300 de moradia, de 150 a 200 com medicamentos, 200 com passeios e lanchonetes ela ja gastou ai 1250 reais, ops ai ao final do ano ela não terá 24mil e sim 9000, isso se não ocorrer nenhuma outra eventualidade, ou seja ela teria que poupar por cerca de 3 anos para ter o carro, andando a pé, no financiamento, ela pode até ter que pagar por 4 ou 5 anos, mais ja estara usufluindo de seu bem. Temos que pensar.