Home Populares Carro usado da semana, opinião do dono: Logan Expression 1.0 16v 2008...


renault logan expression thiago parisio Carro usado da semana, opinião do dono: Logan Expression 1.0 16v 2008 / 2009




Esta semana apresentamos o relato de nosso leitor Thiago Parísio, de Jaboatão dos Guararapes / PE, falando de seu Logan Expression 2008 / 2009. Veja:

Acompanho o NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS há aproximadamente 4 meses e decidi falar um pouco sobre meu carro atual, um dos modelos mais polêmicos do mercado brasileiro: o Renault Logan. O modelo, um Logan Expression 1.0 16v 08/09 prata, saiu da concessionária em setembro do ano passado, após 06 meses de uma experiência traumática com um Ford Ka 09 (batida, 02 reboques por falhas mecânicas e início de ferrugem).

Naquele momento, não tinha uma preferência clara por nenhum modelo, e estava pesquisando modelos que estivessem de acordo com as minhas possibilidades financeiras. Cheguei a fazer um test-drive no Gol G5 e, embora tenha achado interessante, não me cativou a ponto de fechar a compra: a posição de dirigir não era das melhores, e o acabamento, tão elogiado pela imprensa automotiva quando do seu lançamento, não me chamou atenção (especialmente pelo excesso de plástico).

Decidi, por fim, realizar um test-drive num Logan. Já existiam em minha família 2 pessoas que tinham adquirido este carro e demonstravam alta satisfação. Surpreendi-me, primeiramente, com o excelente espaço interno e a ótima posição de dirigir. No trânsito, o carro comportou-se de maneira suave, confortável. Por fim, o preço e as condições de pagamento foram muito boas para a proposta do veículo.

Desde então, tenho ficado cada vez mais satisfeito com o carro, que não apresentou qualquer problema até o momento. O acabamento, embora simples, não apresenta folgas, peças mal encaixadas ou ruídos. Além disso, comporta-se de maneira firme nas curvas, sem comprometer o conforto dos passageiros.

O próprio design, que muitos consideram ser o seu “calcanhar-de-aquiles”, me agrada: tem certa personalidade, se destaca num trânsito massificado. Para mim, que rodo aproximadamente 45 km diários para trabalhar, o lado mais positivo é o consumo: utilizando álcool e ar condicionado durante pelo menos 80% do tempo, consigo médias sempre superiores a 9 km/l.

Na estrada, durante uma viagem à cidade de Natal (RN), já consegui 14 km/l, com 100% do tempo de ar ligado. Em relação à concessionária e à própria Renault, não tenho o que reclamar: o atendimento é cordial, as dúvidas são esclarecidas com agilidade e os preços dos serviços e das revisões praticadas são justos.

Como nem tudo são flores, o carro possui pequenos defeitos:

- Ao motor, falta um pouco de força abaixo das 2.000 rotações (algo comum em motores multiválvulas) – o ideal, neste caso, é o motor 1.6 8V;

- Os limpadores de pára-brisas são mais lentos do que deveriam: numa chuva mais intensa, sente-se falta de velocidade para ajudar a dirigir;

- Os puxadores das portas são ruins: se o carro estiver numa ladeira, por exemplo, a falta de apoio para puxá-las é realmente desagradável.

No conjunto, considero o Logan como o melhor sedan compacto do Brasil. Ninguém oferece tanto quanto ele: 3 anos de garantia total, o maior espaço interno da categoria (similar a de carros bem maiores), excelente porta-malas, posição de dirigir confortável, e suspensão macia, mas segura. A quem me pergunta sobre o carro, recomendo fortemente. Este é o meu 6º automóvel, e nenhum me deu tanta satisfação quanto o “quadrado” da Renault.

DADOS GERAIS

Aquisição: 19/09/2008
Quilometragem atual: 13.700
1ª revisão efetuada? Sim (menos de R$ 140,00)
Equipamentos de série: ar condicionado, direção hidráulica, travas e vidros elétricos
Acessórios: alarme, jogo de rodas 14”, película e revestimento de colunas laterais


Se você não está vendo os comentários, desabilite extensões do tipo Adblock (que impedem a exibição dos comentários), ou adicione nosso site como exceção.