Chery China Mercado

Chery: Clientes poderão ajudar no desenvolvimento de carro da Cowin

cowin-icx-5

A Chery quer seguir os passos da Xiaomi, fabricantes de celulares, para desenvolver produtos mais rápidos e de acordo com o perfil dos clientes. Ao invés de investir em clínicas e pesquisas de mercado, a empresa quer ouvir os consumidores diretamente.

A ideia é ouvir as opiniões de potenciais clientes em 45 dias, através de um site chinês. Lá, os interessados darão sugestões e ideias para um novo projeto de carro, cujo lançamento ocorrerá em 2018. Ele será da marca Cowin.

A primeira etapa do processo, chamado crowdsourcing, será a elaboração do exterior e interior do veículo, cujo primeiro protótipo vai aparecer em 2016. O maior temor da Chery é utilizar essa ferramenta no setor automotivo, mais tradicionalista. O risco de falta de interesse público e características irreais para o produto são enormes.

[Fonte: Want China Times]





  • Bruno Silva

    Gostei da iniciativa. Só receio, porque a graça é a montadora inovar, surpreender, e ouvindo sugestões dos clientes isso pode não se tornar prioridade.

  • Lauolling

    Ouvir o que os clientes querem é uma etapa básica, talvez a mais importante no desenvolvimento de qualquer produto. Ainda mais em um carro, um bem durável. Não é como presunto, que se você não gostar pode comprar de outra marca na próxima semana.
    As vezes as empresas focam naquilo que os clientes não precisam e acabam esquecendo coisas básicas, talvez mais fáceis e baratas de produzir, o que acaba sendo decisivo no sucesso ou não do veículo.
    Espero que isso se torne mais comum, se a iniciativa der certo.

    • Jackson A

      “As vezes as empresas focam naquilo que os clientes não precisam e acabam esquecendo coisas básicas, ”

      Isso resume o fracasso de carros como C4 THP, Jetta TSI, Golf e etc…

  • Leandro Cazzeri Sasso

    Lógico que eles não vão realmente investir em algo absurdo que os clientes pedirem, mas aproveitarão os bons palpites. Espero que os clientes se interessem e participem, ajudando assim no desenvolvimento de produtos.

  • Guilherme Eduardo

    Para descontrair um pouco, no Brasil seria: Roda Orbital aro 17, Xenon no farol e no neblina, roda na tampa do porta malas, caixas de roda com peças de plástico, central multimídia com muitos botões e luzes para parecer uma nave

  • Junoba

    A dianteira desse Cowin lembrou o Sportage…

  • Garuda

    A atitude é louvável mas acho meio que ” desnecessária ”

    Além disso outra marca da Chery ?

    Ela deveria se concentrar em sua própria gama de produtos e dar enfâse á Qoros

    Pelo que sei a Cowin é para mercado interno porém a maioria dos carros em vários segmentos vendidos na China são de empresas estrangeiras instaladas na China

    Por isso que disse que ela deveria priorizar sua gama de produtos ( sob a logomarca Chery ) invés de gerar mais marcas

    Se estiver falando besteira me corrijam



Send this to friend