Chery Crossovers Segredos-Flagras

Chery Tiggo 5 é flagrado sem camuflagem

tiggo-5-flagra-1

O Chery Tiggo 5 foi visto pelo leitor Rodolfo Silva em frente de sua residência. O SUV da marca chinesa roda tranquilamente sem camuflagem, exibindo o mesmo visual visto no Salão do Automóvel de 2014.

tiggo-5-flagra-2

Previsto para ser feito em Jacareí/SP, o Chery Tiggo 5 deve chegar ao mercado nacional até o começo de 2017. O utilitário esportivo exigirá investimentos de R$ 400 milhões para sua produção no país. Aqui, ele será equipado com motor 2.0 Flex e transmissão automática.

tiggo-5-flagra-3

Agradecimentos ao Rodolfo.





  • Pacheco

    Só não curti o tamanho das rodas. Acho que deveriam ser maiores.

    • Gilberto Silva

      também achei pequenas em relação à caixa de rodas… passam essa impressão mesmo!

      • Pacheco

        Ele sempre teve essa impressão, o mesmo acontece com o Lifan e os modelos da Jac.

    • Alfredo Araujo

      Ou então pneus mais altos… como os de uso misto

      • Pacheco

        Pode ser também.

  • Maçaranduba o Porradeiro.

    Muito bonito, se o preço fosse bacana… Pensaria em ter um.

    • Gilberto Silva

      Eu tenho vontade também de comprar um chinês pela relação custo x benefício, mas confesso o medo da hora de vender!!

      • Alvaro Guatura

        Infelizmente ssa relação pesa bem mais pro custo do que pro benefício, os preços deveriam ser bem menores que os praticados.
        Se colocar então a desvalorização acentuada e dificuldade de revenda, a conta não fecha, acaba ficando com um modelo “tradicional”

        • Marcio Almeida

          Simples planos de manutencai com preco fixi e recompra com desvalorização de mercado na compra de um novo isso fidelizaria a clientela e faria a chery ganhar espaço

          • Gu.

            Manutenção com preço fixo já tem há algum tempo, a recompra com desvalorização de mercado na compra de um novo existe também (não sei se de modo geral), mas é possível realizar o processo, porém, não teria muita vantagem pelo fato que citei acima, há pouca procura, isso impacta na revenda do veículo e temos que considerar que numa troca do usado pelo 0km, a gente ta assumindo o papel de vendedor e a css ta comprando o carro com o mesmo risco e supervalorizar o carro na compra seria prejuízo.

            • Bruno Wendel Marcolino

              Alias, o preço fixo das revisões da Chery são um absurdo, tanto no QQ como no Celer e no Tiggo.

              • Gu.

                Também acho, mas mesmo colocando no papel o custo com as manutenções até 60 mil, ainda acho que o CxB é interessante, considerando que um QQ custa em média R$ 31.290,00 (ou até menos) atualmente e que irá gastar em média 900,00 a mais em manutenção em relação ao Up que custa R$ 39.190,00, por exemplo. Preços baseados na lista de carros que possuem ar condicionado, direção assistida, vidros elétricos dianteiros e som, até 40 mil, disponibilizada no NA.

          • wellington

            na minha cidade a chery garante a recompra minha tia esta na segunda eles compraram a primeira e nao desvalorizaram tanto como as outras fazem com os seus… foi la perguntar sobre esta e disseram que eles recompram o carro dela novamente..

        • Gu.

          Mas os preços dos carros da chery estão abaixo do que é praticado pelas marcas tradicionais, infelizmente, quem determina o preço é o mercado (nós), há pouca procura pelos veículos da marca, isso acaba impactando no preço de revenda que, sinceramente, não incluiria no CxB, a não ser que eu fosse um revendedor.

          • Marcio Almeida

            Acho que falta divulgação e concessionárias. Falar que e chinesa pra mim e groselha temos varias marcas chinesas de produtos de consumo que tem status global e o pessoal compra sem sequer questionar de onde vem. Acho realmente falta uma campanha de marketing focando o cxb e valores da marca, mostrando as qualidade ,mais concessionárias, publicidade em massa, eventos de promoções. A jac se destacou importando um carro adaptado e não produziu bem aqui vendeu bem. Acho que se a chery dormir no ponto vai virar um tremendo problema esse investimento.

            • Ainnem Agon

              O problema do carro chinês é o empresário brasileiro.

      • kravmaga

        Compre um usado com poucos anos então

  • Mumm Rá

    Espero sinceramente que a Chery reformule sua estratégia de vendas no Brasil porque ela possui bons produtos porém acho que começou de maneira ” errada ” e continua ” errando ” em alguns aspectos na venda de seus carros no Brasil

    Na minha opinião ( posso estar errado ) a Chery assim como a Geely ( inclusive atual dona da Volvo) e a Chang’ An possui bons e interessantes produtos portanto desejo sucesso no mercado
    brasileiro caso a Chery continue, a Geely ” retorne ” e a Chang’ An passe a vender seus veículos ” normais ” ( embora sejamos sinceros nossa situação política e econômica é complicado )

  • Speed Racer

    Tiguan é você????

    • Gilberto Silva

      Não achei muito parecido não! rsrs

  • Vattt

    Carro de 2 anos atras e ainda não chegou no Brasil. kkkkkkk, o preço vai ser o único atrativo desse carro.
    Firmitas, utilitas e venustas! SQN

  • Tosca16

    A anos que rodam em testes, por um lado mostra a preocupação da marca em testar seus produtos por outro lado mostra a morosidade que ao meu ver se resume em medo de arriscar vide que o mercado não tem sido fácil para as chinesas; mas como crescer sem trazer seus melhores produtos ? Assim fica difícil Chery .

  • Tosca16

    Pela demora da Chery já cogitaria ao menos uma versão turbo como é na China, poderia ter o 2.0 aspirado e o 1.5 turbo como topo de linha do modelo aqui no Brasil.

  • Tosca16

    A demora da Chery é tanta que o Tiggo3 que ainda não deu as caras aqui já passou por uma mudança no interior novamente . Aparentemente o interior é semelhante ao do Tiggo 3x baseado no Celer, recentemente apresentado no salão de Pequim. Olhe aí um produto que poderia fazer frente aos conterrâneos como o X60 da Lifan e quem sabe tirar vendas das versões de entrada da Duster.

  • Tosca16

    A Tiggo 5 deverá vir com o novo facelift, ao menos na versão nacionalizada. Na dianteira maiores mudanças, a traseira é praticamente a mesma do modelo anterior.

    • The Monster Man

      Lindo esse branco.

  • Ademir Junior

    Só eu que estou perdido a tantas versões do Tiggo?

    • Tosca16

      Tiggo é o nome da linha de SUV’s da Chery, tal como é a linha Arrizo para sedãs .

      • Ademir Junior

        Ah certo! Obrigado pela informação.

      • Ah é? Eu nao sabia disso. kkkkkkkk. Pelo menos esse Tiggo nao vem com a porcaria da roda pendurada, oh coisa brega aquilo.

        • Tosca16

          Era o que todos tinham nos anos 90 e início dos anos 2000; não acho porcaria, só sei que hoje por N motivos não se usam mais ao menos nos projetos mais novos .

    • Adam Martins

      Fica perdido também com Audi Q3, Q5 e Q7 e BMW X1, X3 e X5?

      • Ademir Junior

        Com esses não fico não. Eu estava perdido com a Chery pq ainda não estava sabendo que a metodologia usada era a mesma.

        • Tosca16

          A Chery pelo visto tá reformulando sua gama, e vai ficar com duas linhas principais, Tiggo de SUV’s e Arrizo de sedãs … Com o fim do Tiggo FL, nosso atual Tiggo presente no Brasil, a Chery vai ter nomenclatura muito fácil agora, Tiggo 3, Tiggo 5 e Tiggo 7, estes já confirmados os nomes, e o baseado no Celer conhecido como Tiggo 3x será na verdade pelo que se sabe Tiggo 1; e na linha Arrizo temos o Arrizo 3, Arrizo 5 e Arrizo 7, e um Arrizo M7 que é uma SW .

        • Tosca16

          Infelizmente algumas importadoras tem mudado a nomenclatura de alguns modelos, no Chile por exemplo o Tiggo 5 é chamado de Grand Tiggo, coisa que pode acontecer no Brasil também vide que a Chery local já disse que quer distanciar os modelos e os nomes consequentemente, algo que não acho necessário pois prefiro que sigam sempre a nomenclatura mundial.

  • Marcio Almeida

    Bem será que a chery ta ganhando dinheiro no Brasil? 400 milhões e dinheiro, fora o investimento já feito. Pq não mudam a estratégia o celer deveria vender no mínimo uns 4000 mês. Mas as vendaa são bem abaixo

    • Tosca16

      4 mil não, mas emplacar 1.000 unidades mês era o mínimo que o modelo merecia .

      • Marcio Almeida

        Pq desvaloriza tanto ? Não tem explicação lógica

        • Tosca16

          Eu pelo contrário, sou um dos que aqui defende a marca Chery e algumas outras chinesas, pelo produto e preço deveria ficar entre os 20 mais vendidos mas como isso é irreal ao menos hoje se a marca vendesse ao menos 1.000 unidades mês, totalizando 12 mil unidades ano, não estaria de todo ruim, 12 mil hoje seria o que a Chery não emplacou em um ano com todos os modelos da gama.

        • Bruno Wendel Marcolino

          Só tem 2 problemas pra mim não comprar carro da Chery, seguro e preço de revisões absurdas, elas são tabeladas no site.

  • The Monster Man

    Engraçado que a placa não é válida, como está andando em via pública? Mas que ficou muito mais interessante isso não é dúvida.

    • Thiago Vieira

      São placas verdes, exclusivas de montadoras; são números seriais, não vinculados a um modelo específico, eles podem usar em qualquer carro de testes. Por isso, não existe “cadastro” no Sinesp.

  • Douwe

    Bonitinho, não é cópia de nenhum outro modelo.
    Ainda acho que a Chery pode a qualquer momento se mandar do país. A operação deles não é rentável, estão forçando a barra produzindo “meia dúzia” de Celer e QQ todos os meses pra vender em concessionárias cada vez mais escassas. E que ninguém se iluda com o fato de ter fábrica aqui, é a coisa mais fácil do mundo para uma empresa dessas se mandar e colocar o prédio para venda, até porque os carros são montados em CKD e o maquinário é mínimo. Se continuar nesse ritmo, sofrendo para vender três dígitos todos os meses, não dou muito tempo de vida para a marca aqui.

    • Tosca16

      Rapaz confirmando investimentos e ampliando as linhas de produção ainda tá com esta dúvida ? E outra que em nenhum momento a Chery em Jacareí monta em CKD, se fosse assim já estaria montando os modelos que de fato queremos ver aqui, tal como o Tiggo 5. A única coisa que não se tem em Jacareí é o corte das chapas, me esqueço o nome deste procedimento na linha de montagem; de resto tem todos, até um dos mais caros e que requer espaço, que é a pintura .

      • Gu.

        Também acredito que das chinesas a chery é a que tem grandes chances de emplacar no país, o que ta pesando mesmo é a economia em recessão, os carros da chery apesar de ter um preço bastante competitivo estão num patamar onde as vendas cairam muito, pouca gente ta se arriscando na compra de um carro zero no momento, mas acredito que seja uma questão de momento e o fato de continuarem investindo contribui muito para a imagem da marca no país. Quanto ao marketing, tem que melhorar muito, tem muita gente que sequer já ouviu falar na marca.

  • Ainnem Agon

    Tiggo > Tiggo FL > Tigo 3
    Tiggo 5
    Tiggo 7

    É isso?

    • Tosca16

      E agora New Tiggo 3 também . Olhe o interior !

      • Ainnem Agon

        ICE BULE.

        Melhor que o Ecosport. E esse logo novo da Chery ficou bacana, eles poderiam padronizar logo…