Home Marcas Chevrolet Chevrolet Cruze: avaliação completa

chevrolet cruze avaliacao completa 7 Chevrolet Cruze: avaliação completa




O mundo já não e tão vasto quanto cantava o poeta Carlos Drummond de Andrade. Hoje, mesmo batalhas bem locais costumam receber soluções globais. É o caso do novo sedã médio da Chevrolet, o Cruze.

Ele teve a plataforma projetada na Alemanha, foi desenhado na Coreia do Sul, tem motor húngaro e agora é produzido em São Caetano do Sul, no ABC Paulista – como já ocorre em outras nove unidades da General Motors mundo afora. A missão do sedã no Brasil é clara: brigar com os rivais japoneses Honda Civic e Toyota Corolla, como já acontece em outros palcos, como Estados Unidos e Ásia.

O foco nos dois oponentes é tão intenso que vários recursos do carro foram disponibilizados no mercado brasileiro apenas para que o Cruze se saísse bem no confronto direto imediato e suportasse bem as renovações pelas quais os sedãs concorrentes vão passar brevemente – antes do tsumani, os planos eram de o Civic receber mudanças visuais fortes ainda em 2011 e o Corolla ganhar uma geração realmente nova até o final do ano que vem.

O Cruze recebe um propulsor feito na Hungria com 1.8 litro 16V de 140/144 cv de potência e 17,8/18,9 kgfm com gasolina/etanol. Este motor, batizado de Ecotec, é utilizado na Europa há alguns anos. Tem comando variável nas válvulas de admissão e escape e duto de admissão de dupla geometria. Ele pode trabalhar com câmbio mecânico ou automático, sempre de seis marchas.

chevrolet cruze avaliacao completa 1 Chevrolet Cruze: avaliação completa

Além do motor moderno, o sedã da Chevrolet chega com itens de série importantes como freios com ABS com distribuidor de pressão entre as rodas e controle eletrônico de estabilidade, airbags frontais e laterais, ar-condicionado eletrônico, controle de tração, conexão Bluetooth e espelhos eletrocrômicos. Isso, claro, além de itens já triviais para um modelo médio nacional, como direção assistida – no caso, elétrica –, trio elétrico, rodas de liga leve, computador de bordo e volante multifuncional.

O volume de equipamentos se explica pelo fato de o segmento de médios ser visto como “de luxo” no Brasil. E o valor pedido pelo Cruze não permite duvidar desse posicionamento. O preço começa em R$ 67.900 – e obviamente vai ganhando corpo conforme acrescenta-se mais itens. Ao receber transmissão automática e sensor de chuva, o preço passa para R$ 69.900. Mais R$ 2 mil e o Cruze passa a contar com acabamento em couro. Ate aqui, o Cruze é designado LT, versão que na expectativa da GM deve responder por 70% das 3 mil unidades que imagina que serão vendidas a cada mês.

Os 30% restantes serão de responsabilidade da versão LTZ, que vem com tudo que o Cruze tem a oferecer no Brasil. Por R$ 78.900, ou R$ 9 mil a mais que a LT automática, o modelo recebe ainda acabamento em dois tons de couro, espelhos externos rebatíveis, airbag tipo cortina, detalhes com acabamento cromado, sensores de obstáculos traseiros e de luminosidade, chave presencial – que permite destravar as portas e acionar o motor com a chave no bolso ou na bolsa, por exemplo – e uma central multimídia completa, com GPS, CD player e tela de 7 polegadas.

Muitos desses recursos não são disponíveis nas versões do Cruze vendidos em países da Europa e nos Estados Unidos. E isso mostra que a GM buscou requintar seu produto mais global para voltar a disputar a preferência da classe média no mercado de sedãs no Brasil – como fez em outros tempos com Opala, Monza e o velho Vectra. E o Cruze tem credenciais para estar nesta briga. Ele hoje é o Chevrolet mais vendido no mundo e, apesar de ser “compacto” para os padrões norte-americanos, há três meses é o sedã mais vendido nos Estados Unidos.

chevrolet cruze avaliacao completa 4 Chevrolet Cruze: avaliação completa

Primeiras impressões - Equilíbrio global

Dusseldorf/Alemanha – A missão do Cruze é devolver a um sedã da Chevrolet o papel “queridinho da classe média”, posto que perdeu com o envelhecimento da 2ª geração do Vectra. Desde o inicio dos anos 2000 esta função passa do Civic para o Corolla e vice-versa. Agora, são os modelos de origem japonesa que estão velhos – e as marcas ainda sentem os efeitos do tsunami japonês, em março desse ano.

Com os líderes do segmento com o poder de reação reduzido, o Cruze pode ter seu caminho facilitado – ainda mais por ter um moderno arsenal. Entre suas armas estão um motor com comando variável, caixa de seis marchas – a automática tem modo sequencial –, desenho harmonioso e que foge do lugar-comum, e recursos de tecnologia tanto em segurança, como ESP, quanto em conforto – como a central multimídia da versão topo de linha. Tudo isso já viceja há um bom tempo em modelos europeus e norte-americanos, mas são artigos ainda raros nos trópicos.

O valor que a tecnologia embarcada empresta perde um pouco do brilho pelo acabamento um tanto pragmático, que abusa do uso de plásticos rígidos no interior e – embora não seja muito diferente dos modelos de Honda e Toyota – enfraquece a imagem de sofisticação do Cruze. Claro que o revestimento em couro de versão “top” LTZ amplia um pouco a sensação de requinte. No que é ajudado pelo cluster de instrumentos, que “salta” do console frontal na direção do motorista, e pela amigável central multimídia, que tem controle do ar, do som e do GPS.

O modelo, feito na Coreia do Sul, apresentado no campo de provas do Automóvel Clube alemão, nas proximidades de Dusseldorf, tinha algumas diferenças para o que já está nas concessionárias da Chevrolet no Brasil. Não trazia, por exemplo, a chave presencial, que permite que a porta seja aberta pelo simples toque de um sensor na maçaneta e que se acione o motor através de um botão no painel.

Faltavam também alguns cromados, como na tampa traseira e nas maçanetas. A configuração de suspensão também é diferente da escolhida para o Brasil. A GM garante, porém, que a qualidade construtiva dos dois modelos se equivale. E a sensação que o carro transmite é de solidez – seja ao bater a porta, seja ao rodar nas autoestradas alemãs. A fabricante também afirma que a rigidez torcional é 20% superior à dos rivais – leia-se Civic e Corolla.

Os ocupantes do banco da frente ficam instalados em uma espécie de cockpit, envoltos pelo console central e pelo tablier, que se une aos painéis das portas. Neste entorno, há um número bem razoável de porta-trecos. Os passageiros do banco traseiro contam com um bom espaço para pernas e cabeça, devido ao desenho feliz do habitáculo – um grande arco que se alonga sobre a área da mala.

Na “autobahn”, foi possível alcançar os 190 km/h no velocímetro, mas já a partir dos 160 km/h o Cruze passa a reagir à ação de ventos laterais e a exigir ligeiras correções de trajetória. Para os padrões das estradas no Brasil, onde o limite legal não passa de 120 km/h, o Cruze se sai bem, sem qualquer dificuldade.

Apesar de o trecho determinado ser pouco exigente – não havia curvas ou subidas –, foi possível perceber que o câmbio oferece boas respostas sempre que solicitado. O bom equilíbrio do Cruze tem lógica. Afinal, não é um carro novo, que ainda precise ser desenvolvido. Ele já esta em alguns dos 70 países onde é vendido há quase dois anos. E o que difere um mercado de outro é apenas uma sintonia fina.

Ficha técnica - Chevrolet Cruze LTZ

Motor: A etanol e gasolina, dianteiro, transversal, 1.796 cm³, com quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro, comando variável nas válvulas de admissão e escape e duto de admissão de dupla geometria . Acelerador eletrônico e injeção eletrônica multiponto sequencial.

Transmissão: Câmbio automático de seis marchas à frente e uma a ré. Tração dianteira. Possui controle eletrônico de tração.

Potência máxima: 144 cv e 140 cv a 6.300 rpm com etanol e gasolina.

Aceleração 0-100 km/h: 10,7 s.

Velocidade máxima: 204 km/h.

Torque máximo: 18,9 kgfm e 17,8 kgfm a 3.800 rpm com etanol e gasolina.

Diâmetro e curso: 80,5 mm X 88,2 mm. Taxa de compressão: 10,0:1.

Suspensão: Dianteira do tipo McPherson. Traseira por eixo de torção. Possui controle eletrônico de estabilidade.

Pneus: 225/50 R17.

Freios: Discos ventilados na frente e sólidos atrás. Oferece ABS com EBD.

Carroceria: Sedã em monobloco com quatro portas e cinco lugares. Com 4,60 metros de comprimento, 1,79 m de largura, 1,48 m de altura e 2,68 m de entre-eixos. Oferece airbags frontais, laterais e de cortina.

Peso: 1.404 kg com 470 kg de carga útil.

Capacidade do porta-malas: 450 litros.

Tanque de combustível: 60 litros.

Produção: São Caetano do Sul, São Paulo.

Lançamento mundial: 2008.

Lançamento no Brasil: 2011.

Itens de série: Faróis de neblina, regulagem de altura para faróis principais, rodas de liga leve aro 17, direção elétrica, ar digital, freios com ABS, EBD e assistência de frenagem de emergência, controles de tração e de estabilidade, airbags frontais e laterais, interior com painel revestido de couro, volante multimídia com piloto automático, conectividade USB e Bluetooth, tela de 7 polegadas para central multimídia, GPS integrado e som premium, sensor de faróis, retrovisores com rebatimento elétrico e aquecimento e chave presencial.

Preço: R$ 78.900.

Por Auto Press


  • victorluizcosta

    poxa, gosto tanto da parte das notas :( mas boa avaliação

    • Leandro1978

      Acredito que por ter sido testado na Alemanha e haver alguns diferenciais em relação ao brasileiro, preferiram não dá-las.

      • Dharo Lima

        corolla , civic , linea , polo sedan ,cerato , dentre outros , todos perdem pro cruze , esse carro vai dar o que falar , e bem :D

    • João Paulo Vizioli

      Deve ser pelo fato do carro descrito no texto não ser fabricado no Brasil (a avaliação foi feita na Alemanha).
      Certamente a Auto Press vai fazer uma avaliação com o modelo brasileiro nos próximos dias…

    • Dharo Lima

      Vi um numa css , retiro tudo o que disse , depois que vi achei muito bonito , ele é grande , praticamente do mesmo tamanho do vectra , e tem muito mais tecnologia que no vectra , eu compraria , porem manual ne

    • jttrainer

      verdade, mas tenho uma duvida quanto a avaliacao, ali disse que a suspensao eh 20% mais rigida que a do civic e olha que a do civic ja eh MUITO dura, as pancadas sao secas, se vier com essa suspensao pra ca mais ser desconfortavel… sera que a suspensao aki vai ser essa mesma que eh 20% mais rigida q a do civic?

      • Rafa_el

        A matéria disse que a rigidez torcional é que é 20% maior em relação ao concorrentes.

        Repare que o texto fala da solidez da carroceria e cita essa rigidez torcional.

        O texto se refere ao grau de rigidez da carroceria e não da suspensão.

        E sabe como se mede a rigidez torcional da carroceria?

        Os caras colocam o carro numa plataforma, elevam-no e prendem suas extremidades em ganchos, esses ganchos giram em sentido contrário torcendo o carro igual se torce um pano de chão.

        Indiretamente essa rigidez torcional dá uma certa dureza na suspensão, pois a carroceria recebe também o impacto dos buracos. Se ela for bem rígida haverá pouca absorção se ela for menos rígida haverá melhor absroção. Mas quanto mais rígida melhor, pois isso favorece, e muito, o comportamento dinâmico do carro.

    • juniorbarreiros

      Fiz ontem um test drive e não compro esse carro por 80 mil nem amarrado e sob tortura!!! Bancos rígidos demais que não envolvem nem motorista nem passageiro, espaço traseiro ruim e suspensão excessivamente dura (qualquer pequeno buraco ou desnível comuns pelo Brasil afora) é sentido no volante a todo momento!

      Tenho um Civic 2008 e fiquei realmente frustrado com esse carro da GM… estava aguardando seu lançamento para trocar o meu mas infelizmente ainda não será dessa vez que terei um Chevrolet.

      • Sr_Wilson

        isso é questão de gosto (ou costume) quando pego o civic do meu pai acho uma merda, muito mole a suspensão, simplesmente não gosto e não compraria um civic, prefiro os carros com suspensão mais dura, como você relatou ser a do Cruze.
        Agora pagar 80 mil nesse carro tbm to fora, pra valer isso o mesmo precisava ter pelo menos um motor com uns 22kgfm de torque, mas o ideal seria chegar nos 25 kgfm de torque pro bixo ter um motor que realmente empolgasse.
        Com esse motor ai da pra pagar no máximo 70 mil no carro e isso na versão completa, na pé de boi (pelo menos o vectra tinha versão que nem roda de liga tinha), uns 55mil ta bom demais…

        • juniorbarreiros

          Além dos mais colocando mais 3.500 reais vc leva um Fusion 2.5 com mais de 170cv… aí realmente não dá pra encarar o Cruze mesmo.

  • filemonjr

    Apesar do alto preço tem tudo para vender bem, muita gente não arrisca comprar carros deste porte de marcas fora dos japoneses.

    • Leandro1978

      O preço alto depende do ponto de vista. Se olharmos alguns concorrentes, como Corolla, Civic e Jetta, o Cruze acaba ficando dentro do padrão. Se olharmos para concorrentes como Cerato ou Sentra, o GM acaba sendo bem mais caro. Em relação ao Fluence, é bem mais caro, mas a versão de entrada, em que pese ter 2 air bags a menos, possui o ESP, não disponível na versão de entrada do Renault.

      • jttrainer

        eu escolheria o cruze, foi oq eu axei mais sobrio e elegante e o ESP ja na versao de entrada faz com que eu escolha ele

      • rogeriulima

        Cara, o preço de todos os primeiros concorrentes que vc citou são altos independente do ponto de vista, os outros são menos caros.

      • http://www.camaquente.com.br/ Jeff_Brown

        O pessoal não cansa de reclamar. Talvez parem um pouco, com esses 3 meses sem ter preços melhores do Cerato e das chinesas. Acho certo reclamar/protestar, mas passar anos apenas reclamando em blogs cansa e não adianta nada, o negócio é agir!!!
        Quanto ao Cruze concordo contigo, os preço está em linha para o mercado.
        O pessoal acha que pq as francesas usaram estratégia de preço ( que não funcionou), a GM e VW também usariam.
        Aqui preço alto é status, veja o caso do Cerato que por ser vendido por 49-52 mil reais, muito o colocam como rival do City e New Fiesta Sedan.
        Tenho certeza que se o Fluence e 408 viessem na faixa de 65-68 mil venderiam a mesma quantidade, senão mais. Preço baixo no Brazil tira a pseudo-exclusividade e o mais pseudo ainda status quo.

        • Pedro_Lourenco

          Não posso concordar que a estratégia de preço da Renault não funcionou.
          Nos números da Fenabrave, o Fluence está vendendo mais que o Jetta, com quase 1/3 das CSS.

          • http://www.camaquente.com.br/ Jeff_Brown

            Se vc olhar atentamente, vai perceber que o o Jetta estava em linha ascendente até o fim das licenças automáticas de importação. Que prejudicou Jetta, Hilux, Siena, Agile dentre outros que perdem vendas desde então. O Fluence também sentiu claro, mas numa proporçao menor, já que não vende bem desde o começo do ano.
            O Jetta, chega a ser encontrado por 68,5 mil básico, que custa 65,700. Bem como o TSI sem opc, custando 95 mil a pronta entrega. Está faltando Jetta. Enquanto o Fluence agora que normalizou.

      • pririmarvil

        Bem que essa versão top merecia um farol dupla parábola com xenon.
        Tem todo esse nível de equipamentos e tal, e com farolzinho simples, coisa que até palio tem.
        Sempre dão uns vacilos desses, carro completão, mas sempre faltando alguma coisa, que economia porca pra um carro com uma margem de lucro estratosférica.

    • vinicarioca

      fui avaliar o Cruze ontem e hj… olhei com meu pai e procuramos problemas e defeitos e tal

      o carro é show, muito imponente e parece ser bem mais largo que civic e corolla, o espaço interno é show, e o fato de ter ABS com EBD, AFU e ESP…além dos 4 airbags pesou bastante

      o carro tem um aspecto de ser bem robusto e muito bem acabado. As rodas da Versão LT são muitoooo lindas, as da LTZ nem tanto lembra as do Focus GHIA.

      O unico porém ao meu ver é o excesso de plástico duro no painel… o

  • spectrum84

    Muito bonito esse interior dele! Acho q vai fazer sucesso, mesmo com preço alto.

    • AutoIng

      Já eu não gostei muito do interior. O aspecto dos plásticos não é bom, têm cara de materiais baratos. A impressão que me passa é que se inspiraram fortemente nos coreanos, mas não foram tão bem sucedidos quanto eles.

      • TheZondaS

        Não gostei foi da suspensão…. Eixo de torção em um carro de 80 mil? Poderia ser Multilink,mas estamos no Brasil e,mesmo que o carro seja caro usa peças de sedan pequeno…..

  • Diggo

    Falar que os japoneses estão velhos é rídiculo, um tem um ano de lançamento e o outro está em fase de substituição…

    • asilvaguiar

      ta locão ? o civic sim está na substituição, mas o corolla é o mesmo faz desde 2004, somente facelifts.

      • João Paulo Vizioli

        O Corolla lançado em 2008 no Brasil (facelift em 2011) tem plataforma ligeiramente modificada, exterior (neste caso manteve-se apenas as características do modelo antigo) e interior diferenciados do modelo lançado em 2003.

      • Diggo

        É me enganei.. faz mais tempo, mas não é muito não…

    • Vieira_Dias

      kkkk… o lançamento é do tapa no visual do corola, que terá nova geração próximo… e se o civic será substituído é porque está velho, não foi ainda pelo terremoto que acontecera…

    • John_poison

      errado. um tem 9 anos de mercado, e o outro 5.

    • epicentro01

      Substituição? Qual, o Civic? Isso pra mim é face lift. Não vai mudar muita coisa, e o quê mudar vai ser para pior.

  • blackSagaris

    Nao gostei dessa roda.
    De resto carro esta otimo, tirando o preço alto.

    • vinicarioca

      essa roda é da LTZ… a da LT são 5 cinco raios e é lindissima

  • RafaelRubioSP

    CRUZE CREDO!!!!!!!!!!!!!!!!!

    QUE CARRO HORRIVEL kkk

    Tenho um VECTRA 2.4 06, acho a versão mais bonita do VECTRA (Astra europeu), tbm acho bem mais bonita que o Cruze Credo aí, eita carrinho feio… Divulgam ser o carro mais vendido nos estados unidos, não foi o que pareceu, estive em ORLANDO – FLORIDA entre os dias 23/07/2011 e 04/08/2011, não ví se quer NENHUM Cruze credo, graças a Deus, pois seria assustador entre os lindos carros que lá circulam esse patinho feio. E também não ví nadinha do chamado DOWNSIZING, que dizem que os americanos estão comprando carros cada vez menores… em 2 semanas lá, ví 1 ou 2 compactos novos, e uns 5 mais antigos.

    • fininhopublic

      Tá de sacanagem? O Cruze nos EUA é carro de entrada e vc quer encontrá-lo em Orlando?????? Naquele passeio de Ferraris, Lamborghinis e toda espécie de carro de luxo????? Agora vai na Pensilvânia ou em Utah para vc ver se não encontra Cruze aos montes!

    • MattTr00

      Também estive nos EUA no início do ano, não lembro de ter visto este carro em Miami-Flo, acho que as vendas por lá são bem definidas por região. o que notei é que na Florida os "manos" gostam muito de Dodge Charger e Challenger, os estrangeiros só alugam Chevrolet Aveo (o mais barato, uns não tem nem vidro elétrico) e carros da Kia e Hyundai ainda não possuem o mesmo "status" que têm por aqui, o pessoal gosta mesmo é de SUV, SUV e SUV. Em outra ocasião estive em algumas cidades do norte do Alaska, acredito que 80% das vendas de picapes full-size são pra lá, chega ser incomum ver um automóvel.

      • Julio_F

        Carros da Kia e Hyundai NUNCA terão lá, um mercado exigente e de preços justos, o pseudo-status que conseguiram por aqui. Nem os japoneses tem status lá, que dirá os coreanos.

    • Julio_F

      Estive em NYC, New Jersey e Pennsylvania recentemente e vi poucos GM também, a maioria Malibu ou Camaro, mas tem viés porque depende do dia em que você anda na rua, do horário, de onde (na praia ou na cidade) um monte de fatores. O mercado automobilistico lá muda bastante dependendo de onde você está. O que é inegável é que o bom gosto deles é invejável. Os preços então nem se fala.

  • Gabriel_Nint

    Carro com a traseira horrível e com farol mono-parabola, que coisa mais escrota (até meu Cliozinho tem duas parabolas nos faróis).

    Carro das 4 irmãs safadas? Tô fora.

    • Leandro1978

      As pessoas estão reclamando do farol mono-parábola, mas gostaria de saber se houve uma perda em relação ao Vectra e se perde muito em relação aos concorrentes. Não é crítica, é dúvida mesmo.

      • rafthehay

        No farol monoparábola, quando você aciona o farol alto a luz vai lá pra frente, e próximo ao carro ela perde parte de sua eficiência. No de dupla parábola, como são duas luzes separadas o farol alto não afeta a iluminação do farol baixo, essa é a única diferença.

        Não vejo muito problema com isso, muito menos um fator de compra, posto que raramente uso esse tipo de farol, mas acontece que geralmente faróis de dupla parábola são mais bonitos e.. bem, garantem um "status" de mais completo.

        Quanto à eficiência da iluminação, os fatores a ser considerados são outros, tem a forma do farol, se é de bloco elíptico, por exemplo (Astra), lâmpada e tudo mais.

        • dferraz88

          Exatamente, é isso mesmo. O Fit mesmo que possuo é de mono-parábola e graças ao bom desenho interno do farol e a utilização de lampadas apropriadas a iluminação é excelente.
          Ou seja ser mono-parábola ou dupla-parábola em si somente, não significa em nada.

    • jttrainer

      e eh so por causa do farol monoparabola que vc vai deixar de comprar o carro? farol de dupla parabola > ESP?

      besteira isso, isso n mudaria em nada se eu tivesse procurnado um seda medio, so o fato dele ter esp ja ajuda mto

    • vinicarioca

      po, prefiro o ESP ao farol monoparabola

  • granemann

    pagar 78k nisso?
    cruze credo!!!

    • NatalRN

      Aqui em Natal é 80k o LTZ.

  • CanalhaRS

    GM, to fora!!!!

  • Edu_Airtrek

    Carro muito bonito. Com uma boa publicidade venderá bem.

  • GabrielPizin

    É o melhor GM que já rodei, se eu tivesse grana eu comprava na lata…

    #FicaaDica: Pra quem mora em Goiânia, a GM SEMPRE já possui o LTZ em teste drive, fui conferir ontém….. Vale a pena…

    • vinicarioca

      na GM Smaxx (antiga SMAFF) o test drive deve começar semana q vem… mas já tem carro exposto

      gostei do que vi.

      • BrunoMulsane

        Aqui em Uberlândia também ja está disponível. A versão é idêntica essa das fotos. Eu não andei, mas um amigo que tem um focus e estava querendo troca-lo, fez o teste drive. Ele diz ser um carro confortável, mas os bancos são estreitos, o painel, apesar de ser belo, não é todo emborrachado como no focus. O espaço atras é inferior ao focus. Na dirigibilidade ele diz que é muito bom, mas a direção é boba e a frente mergulha. Esta bem abaixo do ford ainda nesse quesito. Enfim, pelo preço que estão pedindo, ele achou caro, ainda mais pelo fato do motor não ser tão forte como o 2.0 da ford. O jeito é eperar pelo new focus. Pois trocar um carro velho por outro inferior, so pelo fato de ser novidade, não seria inteligente. Palavras dele.

        • Larry_Movel

          Acabamento do Focus eh um lixo… Focus com o motor 2.0 flex eh super beberrao e ligeiramente mais forte do que esse do Cruze e eu nao acho q compensa… E o Focus nem na versao titanium tem 4 ou 6 airbags, gps, esp, afu… E o cambio automatico de 4 marchas do focus?

          Absurdo falar que o Focus eh superior ao Cruze… Sao coisas muito pontuais… Suspensao um pouco mais refinada, o acabamento do Focus eh horroroso, soh que tem essas partes emborrachadas mas, isso meu vectra tem, e eu trocaria pelo painel duro mas, atual do Cruze.

          • BrunoMulsane

            Não sou eu quem falo que é melhor, amigo. São as revistas europeias e americanas e brasileiras. Percebe-se que nunca andou em um focus para falar tantas bobagens. O ford pode não ter esses gadjets, mas mesmo eu tendo um new civic, o carro é superior. Você veste o carro, muito bom mesmo! Sobre o acabamento, somente nas portas há plástico, mas o painel é todinho emborrachado, não so na parte de cima, O vectra é bem pobrezinho perto dele, muito mesmo. Sobre o consumo esta na média dos rivais. Gasta menos que seu veictra e anda beeeem mais. Dê uma volta no cruze e depois no focus. Esqueça air -bags e outros gadjets. Dúvido preferir o cruze. Pois no ford há multilink! Quem tem carros com essa suspensão, jamais voltam para as normais, pois se acostumam. É o caso do antigo vectra. Porque acha que os antigos proprietários foram na maioria para honda na época? Outro nível.

            • epicentro01

              Air Bag, ABS, ESP e demais dispositivos de segurança são gadgets para você? Nossa! É bem desse tipo de consumidor que o mercado precisa, desinformado e fácil de enganar. Falar do acabamento do Vectra? Já olhou a forração das portas do Vectra? Compare com o Focus, e compare também com o painel do (Não mais tão New) Civic, que até onde sei bebe mais que o Vectra e tem um porta malas ridículo. Mas carro é gosto, cada um com o seu.

      • fininhopublic

        Estou aguardando aqui em BSB! Vou testar a versão brasileira, pois testei a americana e me apaixonei! Meu próximo carro!!!

        • vinicarioca

          vai na SMAXX ao lado do extra norte que já tem o carro exposto…

          • fininhopublic

            Vlw a dica, vou dar uma passada lá amanhã!

            flws!!!

            • vinicarioca

              olhei lá com meu pai e procuramos problemas e defeitos e tal

              o carro é show, muito imponente e parece ser bem mais largo que civic e corolla, o espaço interno é show, e o fato de ter ABS com EBD, AFU e ESP…além dos 4 airbags pesou bastante

              o carro tem um aspecto de ser bem robusto e muito bem acabado. As rodas da Versão LT são muitoooo lindas, as da LTZ nem tanto lembra as do Focus GHIA.

              O unico porém ao meu ver é o excesso de plástico duro no painel…

              • fininhopublic

                Dei uma passada lá! Comprovei, a versão brasileira é ainda mais completa do que pensei. O painel realmente tem plásticos duros, mas nada que pesou tanto no acabamento. Por falar em painel que coisa linda, desenho inteligente, muito ergonômico e funcional. Estou bastante empolgado mas não sou burro. Vou aguardar uns quatro meses para comprar, pois acredito que o preço irá baixar. Devo fechar num LT automático. Vlw a dica irmão, abraço!

    • ralff

      Por 78 Mil nem a pau juvenal,GM nao ta com essa bola toda nao para pedir isso ai.Para voces terem uma ideia com 71 mil voce consegue comprar um AZERA aqui em curitiba 2011,seminovo com uns 4 5 mil km rodados estado de 0KM,que para mim azera e muito maaaiiisss carro que cruze,sem falar que tem 2 motores do cruze reunidos em um so.

      • vinicarioca

        e pra manter amigo? Azera tem 2 motores do Cruze, bebe 2x mais e tem peças e manutenção umas 3x mais caras…

        comprar é fácil, manter não!

      • epicentro01

        Pois é, o problema é que a longo prazo, somando-se manutenções e consumo o Azera vai sair mais caro. De que adianta "2 motores do Cruze" para respeitar o limite de velocidade ou as filas nas cidades? Na minha opinião comprar carro com motor muito grande é sem sentido, pois no final da viagem vai ganhar poucos minutos (se ganhar). Mas tem gente que compra carro para dizer que tem motor V6 e achar que está abafando. Sem falar que o Azera já está com os dias contados, o que deixa o futuro dele em relação à peças de reposição meio nebuloso. Mas boa compra e divirta-se.

    • epicentro01

      Também fiz o test drive. Excelente carro!

  • fininhopublic

    Como comentei num outro post do Cruze: ESTE SERÁ O PRÓXIMO CARRO DA MINHA FAMÍLIA! Só que vou esperar um tempinho, visto que o preço irá baixar dentro de uns 4 ou 5 meses.

    • Gabriel_Nint

      Com a restrição a concorrência, é melhor você comprar ele logo antes que aumentem o seu preço. Se bobiar pagar o ágio de hoje é melhor negócio…

      • fininhopublic

        É bem capaz mesmo!

    • fuzila

      O Cruze virá inicialmente em regime de CKD … Ele deverá entrar no novo IPI …

      Deve aumentar de preço …

      • pririmarvil

        Se já não vale o que estão pedindo, se aumentar vai estar concorrendo com Fusion.

      • andre_0102

        Se já não aumentou, o IPI vai ser retroativo a data do anuncio, acredito que tem muita concessionária sem saber oque fazer hj e empurrando negócios p/ segunda…

      • Alegrin_DRD

        Fuzila, pelo que entendi, a taxação não depende da condição do veículo e sim da montadora. A GM com várias fábricas no Brasil (SJC, SCS, Gravataí, Mogi das Cruuzes), Campo de Provas e Centro de Tecnologia, e certamente com muito mais do que 65% de peças nacionalizadas, o Cruze será vendido pelo preço anunciado. E aproveitando o comentário, tive a oportunidade (e prazer) de dirigir a versão LT manual ontem. O carro é equilibrado, ágil, suspensão bem acertada, silencioso e absolutamente completo, já na versão de entrada. É com certeza uma excelente opção no segmento. E em relação a preço (que li muita gente reclamando aqui), infelizmente não há muita diferença para ninguém… o problema é do país que "mete os pés pelas mãos" em relação a impostos e outras coisas (o que não é de hoje). Não precisamos nem mencionar preço nos EUA… é só comparar com a Argentina… triste, mas é a nossa realidade.

        Voltando ao Cruze, vou fazer o impossível para tê-lo em breve na minha garagem!

        • vinicarioca

          só não pague ágio, por favor!

          fui na concessionária hj e 3 pessoas já tinham comprado um lt automatico por 78 mil ¬¬'

        • fininhopublic

          A versão que dirigi nos EUA é a LTZ. Tenho uma dúvida. A central multimídia vem de série na versão LT????

          • vinicarioca

            não… 4 airbags, ESP, ABS com EBD e ar digital.

    • John_poison

      não kero desestimular ninguém… mas não é muito difícil concluir q este preço ficará pelo menos 1 ano sendo praticado na tabela, ele terá vendas bastante consistentes pra sustentar tal preço sugerido.

  • luizfelipebc1

    ÉEEE mais um carinho para a massa
    Riquinha que investe em um sedan sem graça
    um dinheiro que podia ser melhor aproveitado em um bom
    carro!!!

    • vinicarioca

      fluence, sentra…e qual outro?

      • luizfelipebc1

        Fluence e uma boa pedida se pensar
        no preço de 59.900 é vantagem.

  • Leandro1978

    Acho o Cruze muito bonito. Acredito que fará muito sucesso, inclusive aposto que ficará entre os três mais vendidos de seu segmento. Principalmente agora com o aumento do IPI que fará o Elantra, até então matador de Corolla, custar em torno de 28% a mais do estimado (algo em torno dos R$ 85.000 na versão de entrada). Aliás, isto me gerou uma dúvida, como será com o Cruze, já que ele é montado em regime de CKD, o imposto aumenta para ele também?

    • HenriqueHJ

      GM pode importar ate carro da lua que ele nao paga o aumento de 30%. pois ele tem fabrica nacional que:

      usa 65% de peças nacionais e ou do mercosul.
      tem mais de 6 etapas das 11 de fabricação exigida pelo governo.
      e a GM com certeza investe 0.5% do seu faturamento bruto em pesquisas no brasil.

      e o principal, com certeza foram um dos fabricantes que ameaçaram demitir pelo fato de perder mercado no brasil.

      esse aumento de 30% se refere aos fabricantes e não ao modelos de automoveis.

      entao das 4 grande, as japonesas e as francesas continuam na mesma.

      a minha unica duvida seria com relação a Mercedez e a Volvo. pois ambos produzem no solo nacional caminhões e não sei se isso é valido para a isenção do IPI.

      • http://macmagazine.com.br/ Andre Cunha

        Isso não está muito claro ainda.

        Muitos estão falando em modelos e não fabricantes.

        • HenriqueHJ

          ai eu acho que já não teria nexo.

          pois os fabricantes nacionais não tem em seu portfolio automoveis, sedans medios pra cima (tirando as 2 japonesas). entao seria mais um tiro no pé. a GM só teria preços competitivos para o vectra nacional, a VW o polo, a Fiat o Linea e a ford o focus (pois vem do mercosul, mas não se sabe se utiliza 65% em peças do mercosul, será que o brasil vai fiscalizar pra ver se o focus argentino tem 65% porcento de peças "mercosulizadas"?).

          além do mais, pros 4 estarem comemorando e sendo os maiores importadores, entao tá mais do que certo que vão beneficiar apenas os fabricantes "nacionais"

          essa medida atinge diretamente as 2 coreanas e chinesas, e os Premium entraram de bobos.

          • http://macmagazine.com.br/ Andre Cunha

            Tem muitos VW`s, GM`s e Ford˜s feitos nos países "amigos" dessa medida (Argentina, Mexico, etc.) a grande questão é se os componentes desses veículos são feitos nos países amigos (65% ou mais).

        • andre_0102

          Eu interpretei assim: O aumento de imposto é sobre o produto "todos" os carros, a desconto do imposto de igual valor é p/ as fabricas que atendam os requisitos do governo.

      • iGOMD

        Um belo trabalho de lobby das 4 grande. Quem paga é o consumidor.

        Espero que diante da situação a Hyundai entre de forma direta no Brasil, é o que as chinesas farão e quem vai gostar são os estados ( GO, PB,SP, BA)

        • andre_0102

          Mas pelo que entendi, não basta dizer que vai montar fabrica, tem que possuir 6 de 11 itens de fabricação nacional, 60% das peças nacionais, ou seja vai levar mais tempo p/ atender as exigências do governo do que aguardar o fim de 2012.

        • fininhopublic

          Falta a KIA tbm entrar no mercado.

      • Rafa_el

        A Hyundai adimpliria esses requisitos?

      • HenriqueHJ
        • Leandro1978

          Valeu pela informação, mas acho que há um erro na lista, pois ela indica que o Hyundai ix35 não pagaria o imposto maior. Pelo que entendi, pagará, sim.

  • igualmenor

    É indiscutível a superioridade do cruze LTZ em relação aos rivais, do qual eu presenciei e fiz teste drive! um carro lindo e bem acabado! entretanto na hora de fechar negócio com um LT mecânico, descobri que não poderiam colocar banco de couro, para não alterar a garantia dos airbags e outras coisitas mais! resultado, se a GM não mudar essa política, vai perder cliente mesmoOOOO, fora o tanto de gente revoltada pela questão do IPI altíssimo sobre carros importados!!!!!!!!

    • rpasini1

      eles vendem modelo LT com banco de couro e mantendo a garantia dos airbags, só não mantém a garantia se tu colocar banco de couro por fora ou se a cc colocar, mas ai tem mais é que perder a garantia mesmo.

  • felipe_hpc

    NA: Gostaria de saber como foi medido o tempo de aceleração 0-100 e se o teste foi no cambio A/T ou Manual, pois a 4Rodas publicou o tempo de 11,7" para transmissão automatica

    • Fla3D

      Eu aposto que são dados do fabricante…

  • Pedro_Lourenco

    A GM quer 3.000 unidades/mês?…se conseguir 1/3 disso já dá para comemorar.

    • lu_zo

      1/3 disso quem tem é o Fluence, é óbvio que a Gm vai conseguir o que quer. Se não conseguir baixa uns 2 mil do preço e até passa disso.

      • Pedro_Lourenco

        Acho que não…Fluence já passou o Jetta (Mês passado e este mês). Detalhe…A VW tem umas 500 CSS a Renault umas 200.

        • vinicarioca

          vai conseguir sim… tem uma GM em frente ao meu trabalho

          fui lá hj conhecer o Cruze, e gostei do que vi, sem duvidas um belo carro, painel apesar dos plásticos serem um pouco rigidos é muito bonito, e o fato de ter ESP pesa muitoooo…

          ahh e os carros estavam com um ágio grande lt automática por 78 mil reais, lt manual por 71 e ltz por 82~83… e mesmo assim tava vendendo, vi mta gente olhando o carro e tal

          peguei o telefone do vendedor e disse que volto a ligar qd passar o ágio :)

        • Leandro1978

          O Jetta enfrenta o mesmo problema do Fluence alguns meses atrás, está em falta devido ao fim das licenças automáticas de importação.

    • Fla3D

      Se o agile vende mais de 6.000 por mes… acho que o cruze consegue, a GM tem uma legião de fãs cegos…

      • felipe_hpc

        Contra fato não há argumento:
        Muito bem vendido em mais de 70 paises, da europa aos Estados Unidos (berço do automovel). Isso prova que não é "fã cego" e sim sucesso pelo ótimo projeto. Recorde de vendas nos US.

  • MeekeeB

    "Muitos desses recursos não são disponíveis nas versões do Cruze vendidos em países da Europa e nos Estados Unidos."

    Na verdade isso ocorre em várias marcas. O Corolla, por exemplo, nos EUA sequer tem A/C digital ou bancos em couro, pois lá é um carro de entrada. O próprio Chrysler 300 tem A/C manual em versões básicas.

    É a mesma coisa que se em Cuba fabricassem um Palio, um Celta ou um Gol com A/C digital, bancos de couro, e demais itens que pertencem a carros mais caros.

    • andre_0102

      Pensei a mesma coisa, é como querer comparar carro popular (Europa e EUA), c/ carro TOP no Brasil. Opss, foi o que fizeram!

    • Dupas

      Cruze nos EUA é Prisma aqui. O daqui tem que ser mais completo mesmo, visto que dá pra comprar um Corvette lá com o preço que tão pedindo aqui….

    • Julio_F

      É realmente tenso, não dá pra comparar esses dois mercados, em nenhuma hipótese.
      Pelo preço que cobram por aqui, os carros deveriam vir cobertos por ouro 24 quilates.

  • AutoIng

    A traseira do Cruze é muito feia, principalmente estas lanternas. Dá a impressão de estar torta. Ficou poluída demais, mesmo pros nossos padrões.

    • O_Corsario

      Lembra a do Jetta anterior, só que disforme… Realmente a traseira dá desgosto. Já o resto, acho genérico.

      • Pedro_Lourenco

        As lanternas lembram as do Corsa Classic.

        • O_Corsario

          Olha, elas lembram tudo que existe de feio e anacrônico! rs

    • vinicarioca

      por foto , achei a traseira RIDICULA… mas pessoalmente elas são bonitas, vale a pena dar uma olhada

      • O_Corsario

        Aceito a sugestão. O Jetta, por exemplo, achava feio em fotos, mas ao vivo é mais bonito. O Fluence tbm.

  • ChrisDirt3

    Sei lá viu gente . . .

    Falar q esse carro vai bater Civic e Corolla ???

    Piada praça é nossa !!!

    Uma coisa eu tenho certeza ele terá muitos concorrentes . . .

    a sua altura . . .

    • felipe_hpc

      Se ja bateu ambos em US (Mercado mais exigente do mundo, segundo a Hyuindai). Vai repetir o feito por aqui

  • duhehe

    Por 70 mil é mais negócio um LT automatico que um Corolla GLI.

    Se estivesse fazendo essa compra hoje eu iria de Cruze …

    • ralff

      DUHEHE,por 70 mil eu dispenso um corolla e cruze,pego um azera por 72 Mil seminovo 2011.

      • duhehe

        o azera tem muito mais itens e melhor motor e tudo mais.

        mas já andei muito de azera … ele é ''vovô'' demais no estilo, design interior , comportamento …

        • ralff

          A vovô ele ate pode ser mas e muito mais carro que esse cruze.

        • Julio_F

          Não importa ser vovô ou não, tem muito mais cavalaria e conforto.

  • pririmarvil

    Só sei que o meu suado dinheirim:

    Nunca verão!!!

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br Roxmmp

    Com o aumento de IPI o preço desse carro na versão top vai pra quanto, 90mil???
    Bonito por dentro ele é, mas até o nosso astrão era mais harmonioso por fora.
    Inclusive, sinceramente preferia esse conjunto motor/cambio no Vectra com um acabamento decente e a suspenção do Vectra B. Ai sim ficaria decente e um belo carro.

    • O_Corsario

      Ele não sofre aumento.
      Aliás, para saber quem sofre aumento, é simples: basta ver quem oferece mais por menos.
      São estes "intrusos" que estão acabando com a mamata das fabricantes. Ops, quero dizer, com os empregos dos brasileiros.

  • Sr_Andante

    Eu particularmente prefiro o 408 entre os sedãs desta categoria. Mas quanto mais concorrência melhor. Espero que assim os japoneses finalmente baixem seus preços principalmente nas versões de topo. Gostei do painel, muito boa essa versão LTZ. Poderia ter regulagem elétrica e aquecimento dos bancos frontais.

  • Sh4d0wfl4r3

    Po avaliação completa, sem consumo? E com carro avaliado sendo mono e na alemanha?
    To seco querendo saber, ninguém fez ainda…
    Quando será que sai consumo desse cruze flex com alcool e gasosa? Quero saber o quão mais beberrão que o mono ele é!

    • Castle_Bravo

      Ultimamente ficou "feio" falar de consumo, todas as avaliações "se esqucem" de incluir, foi o mesmo com o Picanto novo, nem sequer dão um valor aproximado.

  • Acelerando

    Dos quatro grande no brasil ( GM, Ford, VW, Fiat ), só a GM ainda tem a tradição em carros médios fabricados aqui.
    A VW parou no Santanão, o mesmo aconteceu com a Ford com o Versalhes e a Fiat nunca emplacou nenhum modelo.
    A GM ainda tenta brigar. Tinha a hegemonia com o Vectra aí vieram as Japonesas. Como o Brasil está se tornando um país onde só se monta carros populares, torçamos para que o Cruze injete novos ânimos às quatro grandes e tenhamos carros nacionalizados com o mínimo de conforto.

    • AutomotiveEngg

      Faço minhas as suas palavras!

      Quero ver asiáticos produzindo no Brasil, e competindo sob as condições brasileiras, que tão bem conhecemos!

      • Readgis

        Honda e Toyota fio, já estão aqui faz tempo. E a Mitsubishi Brasil que tava lá escondidinha em Goiás fazendo Suv´s quietinha já vai vir pra briga com o Lancer Soft Revolution. Agora quero ver é o nível de comprometimento das outras em realmente fincar o pé no Brasil pra ajudar a diversificar o nosso mercado e baixar preços ou só entraram aqui pra levar nosso "Pau-Brasil" e dar o fora.

  • JHerzév

    Sedanzinho sem graça…e ainda por cima caríssimo.
    O Malibu custa exatamente o mesmo desse Cruze Credo LTZ e é MUITO mais carro, mesmo em vias de substituição.

    • AutomotiveEngg

      Encaremos os fatos:

      1. Quem faz o preço é o mercado;
      2. Quem assumiu a liderança do segmento, há cinco meses, no mercado mais competitivo do mundo, os
      EUA, destronando Civic e Corolla é o produto, ou seja, o Cruze!

  • Vitão

    O negócio é esperar lançar o novo Civic ano que vem…. Assim vai despencar o mercado de usado da geração anterior….

    Dae acabo comprando barato kkkkkkk……

    Comprar carro ZERO aqui no Brasil é coisa de louco…..

    • juniorbarreiros

      Mas o Civic com bons opcionais está custando 68 mil e com financiamento sem juros… acho que vou de Civic mesmo pq onde moro é muito difícil arriscar em Kia ou Renault.

      • Vitão

        O problema agora da KIA seria o novo IPI…. Vai deixar caros seus veículos….

        Aqui estão ofertando o Civic SE (Special Edition) manual por R$ 60.960,00 com 40% de entrada e o resto em 24x sem juros…..

        Não estou fazendo propaganda, mas admito q fiquei tentado a comprar….. Acho q se estivesse na CC com o vendedor do lado, talvez iria fechar o negócio he he he…..

        • juniorbarreiros

          Aqui em minha cidade o Civic SE com câmbio auntomático + troca de marchas no volante, retrovisores com led, sensor de estacionamento, ar digital, abertura do porta-malas no controle e Controle de áudio no volante iluminado sai por 68 mil.

          E o melhor… financiamento sem juros! Sinto muito mas ficarei com esse modelo mesmo… sou jovem e posso esperar 3 anos para ver como as outras marcas se encontrarão no mercado.

    • Vero_2011

      Concordo contigo, carro zero no Brasil é dureza de comprar…
      A propósito, pelas fotos que tenho visto do novo Civic, ele ficou muito feio, comparado com a atual geração. Espero que ao vivo seja melhor.

  • miudinho

    1500 kilos, eixo de torção, entre-eixos menor que vectra….. já tá bom pra mim, não precisa testar mais nada.

    Vamos pra Brasília protestar!!!!!
    Vamos chamar a OMC pra protestarmos!!!!
    Chamem a OTAN, os japoneses, chineses e coreanos!!!
    Precisamos salvar o brasil dos brasileiros do governo!!!

  • brasinteligente

    Prefiro Hyundai elantra que é mais economico(nao é Flex) e moderno . motor bloco de aluminio e injecao direta(auxilia na economia de combustivel. alem de ser mais potente 148 cv.

    • epicentro01

      Será que vai ter injeção direta? Depois do post sobre o Veloster é melhor aguardar para ter certeza.

    • Julio_F

      O Hyundai Elantra é o melhor carro do universo.

  • NatalRN

    Absurdo, só tem manual se for LT e até mesmo para ter o banco de couro na LT tem que botar também o câmbio automático, e quem quer um câmbio manual e um carro completo? a GM está limitando demais as opções de escolha, ela vai perder muito com isso, sem falar no preço exorbitante.

  • Tiago_Beneditto

    Belo carro, Vamos parar de comprar carro nacional até que o governo termina com essa palhaçada de aumento do IPI
    no carro Importado. Em protesto vamos deixar o nacional encalhado nas lojas.

    • Readgis

      O problema dessa matemática é que os empregos também vão ficar encalhados no país. E tu sabe que no Brasil o único a receber salário pra ficar parado são os políticos, como um certo barbudo nove-dedos e um sociólogo aposentado.

  • BrunoMulsane

    Desculpa mas esse carro ao vivo meio sem graça. O acabamento é ruim, não há partes emborrachadas. O espaço traseiro é horrivel e os bancos estreitos. Meu civic pode ser 2007, mas os bancos são largos, o espaço traseiro é melhor, e o painel mais bem acabado e belo. E pelo que percebi nos embates das revistas europeias e amaricanas. Ele sempre perde para o focus mazda 3 e elantra. Ah! So é o mais vendido até agora, pois a ford não esta dando conta da demanda pelo novo focus. Tanto é que o ford divide a linha de produção com pick-ups. Mas ja estão fazendo outra fábrica pra ele.

  • Viniciusvs71

    O q pude perceber, sem fazer test drive:
    - motor mais moderno, mas pouco potente pro peso de 1.400 kg, torque fraco;
    - porta malas pequeno pra média dos concorrentes;
    - cheio de tecnologia, mas meio caro: podiam facilmente cortar R$ 5 mil no preço de cada versão.

    Perde pra Sentra e Fluence em praticamente tudo!!!

    • Julio_F

      Como assim porta malas pequeno? O do Civic é grande?

  • carloseduvascon

    Ontem vi um na css, concordo com a reportagem quando diz que tem muito plastico no interior, não troco meu corolla por este carro, a parte superior do painel e a lateral das portas é rígida.

  • rodrigolm14

    O pessoal que reclama de um carro como este, provavelmente tem em sua garagem um carrinho de 15-20 mil…que adora pagar num cross fox mais de 50 conto…

    comparar com sentra ou com fluence é comparar lata com ouro

    • Fla3D

      Realmente, não da pra comparar, afinal o sentra e o fluence tem motores modernos, 2.0 todo de aluminio (o bloco do cruze é de ferro) e possuem cambio CVT e ainda são mais baratos e mais espaçosos… só quem é fã cego da GM que não ve isso.

    • Davi_PE

      Vejo que vc não conhece bem o sentra e o fluence. É mais um brasileiro preconceituoso. O fluence, por exemplo, tem melhor torque e é mais econômico que o cruze além de alguns itens de série. Vide o teste da 4Rodas e faça as suas comparações.

  • ottomno

    Geradora de monstros que cruz credo.somos refens desaas montadoras ,agora poem o preço q quiserem nas suas carroças eu é q nào compro mais carro novo ainda mais desses BANDIDOS MAFIOSOS

  • Readgis

    Preferia quando os projetos abrasileirados da GM vinham da Opel, eram, e são, os carros mais bonitos da Cia.

  • Fla3D

    Nada como pegar o bloco de ferro do velho familia I, com seus 80,5 mm X 88,2 mm de diametro x curso do pistão, colocar um cabeçote 16v com comando de valvulas e coletor de admissão variável e temos um motor moderno. Desculpa, mas não consigo ver um motor com bloco de ferro como um motor moderno.. que por sinal existe outra linha do ecotec com blocos modernos de aluminio, mas acho que isso não é pro nosso bico, assim como nosso Sigma é sem variação, entre outros…

    • http://www.motorpasion.com.br Focusman

      Pessoal, esse motor é o mesmo da Meriva CD 2004.

      Vejam as specs de ambos.

      Apenas colocaram para beber alcool e mudaram mais coisinhas no cabeçote. Agora ele ao invés de gerar 122 cv, gera 144. Mudança similar a acontecida com o Família II do Astra e Vectra em sua última ressuscitação.

      Agora esse papinho de motor não ser moderno porque tem peças de outra família já cansou viu povo.

      Todas as montadoras fazem isso, porque só a GM é criticada?:

      • Fla3D

        Não é mesmo exclusividade da GM, e também não vejo problema, só acho que podia ter evoluído para um bloco de aluminio que é a tendencia dos motores mais modernos. Minha bronca é mais com a propaganda como se fosse um motor totalmente novo, e realmente vale para todos os fabricantes.

  • showman2011

    E a foto da LT por dentro?
    e fotos comparativas da LT x LTZ ?

  • gfb_sawyer

    Galera, não gosto mt dos nacionais, mas confesso fui numa concessionária hj fazer um test-drive e posso falar sem sombra de dúvidas: É UM P*TA CARRO!!!!! Já viagei Civic/Corolla, que tbm são otimos carros, mas fiquei encantado com o Cruze. Se abaixar uns 5 mil eu compro fácil !!!

  • http://www.motorpasion.com.br Focusman

    NA, me desculpe mas essa matéria está totalmente tendenciosa.

    O Cruze anda vendendo bem em outros mercados porque é mais barato que a concorrência nas versões básicas. O mercado dos EUA está em recessão e eles estão gastando cada vez menos em carros. Fora que são nacionalistas e aposto que todos os Hill Billys e Rednecks que não possuem uma F150 ou outra caminhonete beberrona de gasolina de 100 octanas, acabam comprando um Cruze porque é de uma marca tradicional que quase quebrou ano passado.

    O americano é extremamente nacionalista, por isso esse carro vende bem. Não há porque ele vender mais do que Focus e Elantra, já que ambos são os queridinhos da imprensa especializada, que naquele mercado costuma realmente influenciar o comportamento do consumidor.

    Vi o carro ao vivo e sinceramente, não tem predicados para rivalizar com Civic e Corolla no Brasil. Esses carros não são espartanos por aqui como suas versões pares no mercado americano. Fora que é um Chevrolet, ou seja, vai desvalorizar mais na revenda, vai ter um consumo maior (teoricamente, diga-se de passagem), vai ter manutenção bem mais alta, vai ter mais defeitos mecânicos durante o tempo normal de uso e vai ter menos status, já que para boa parte mal instruída da população, Honda e Toyota, são carros importados.

    Vamos ver como serão os números de vendas. Por enquanto ainda acho que Elantra chegará custando o mesmo que estava previsto, já que seria vendido com um lucro absurdo, Cruze venderá bem no começo e depois cai as vendas, Corolla continua a vender bem, pois ele é como o Volkswagen Gol, que mesmo não sendo o melhor, tem a imagem positiva ao seu favor.

    Fluence, Sentra e Focus continuarão a vender pouco, infelizmente. O 408 venderá bem quando fcar velho e for vendido por 50 mil reais completo de tudo na versão 1.6.

    E assim vamos seguindo amigos…

    • blad123

      Caro Focusman já vi que pelo seu nick é um fã do Focus e por isso senti uma pitada de emoção na critíca ao Cruze.

      Discordo quando você diz que o americano está comprando o Cruze por nacionalismo, não é, o Camry, Sonata, Altima tem ótimas vendas lá. O Cruze tem seus méritos e assim como lá tem grandes chances de repetir o sucesso no nosso mercado, afinal a marca Chevrolet pesa, até o Vectra mesmo sendo inferior a Corolla e Civic conseguiu bons números.

      Eu aposto que esse carro será líder de mercado caso as concessionárias pratiquem um preço semelhante aos rivais. É como o mercado de pickups médias, assim que a S-10 retornar será líder também, o brasileiro compra a marca e não o carro. Renault, Nissan e até a própria Ford ainda vão comer muita poeira para chegarem perto das 3 líderes de mercado. Aliás o americano é muito mais receptivo a trocar de marcas do que o brasileiro.

      • vinicarioca

        bom… eu não ligo pra isso de marca

        tirando a sacana da VW…compraria qualquer marca, mas tenho um preconceito com a FIAT devido ao Stilo soltar rodas. Acho isso um crime, economizaram em uma coisa vital e isso custou vidas.

        Fui ver o Cruze hj, assim como já conheço o Sentra, 408, Fluence e etc… e sim, fui surpreendido pelo Cruze, mais recheado que os rivais, mais imponente e me pareceu ser visualmente maior que os rivais Civic e Corolla. Só não gostei dos plástico rigidos no painel, mas de resto não tenho do que reclamar. Me surpreendeu positivamente e olha que já andei muito de Civic. o ESP é um diferencial.

        No meu ponto de vista, o Cruze briga com o Fluence em qualidade, e com Civic e Corolla em numero de vendas. Talvez consiga a liderança pois é um bom produto e com centenas de pontos de revenda. Tenho certeza absoluta que entrará no TOP 3 da categoria, se o VECTRAstra que era inferior já chegou a liderar , o Cruze tem tudo pra passar o Civic e brigar de igual pra igual com o Corolla.

    • vinicarioca

      nos EUA, o Cruze parte de US$ 16,525… o Civic de US$ 15,805 e o Corolla de 15,900

    • Julio_F

      O Focus é da Ford, que também é americana, e é realmente um bom carro.
      Já o Elantra… bom, deixa pra lá.

  • Marco_Aurelio

    Carro muito bonito por dentro, embora o espaço traseiro poderia ser maior, mas muito sem graça por fora. Esse farol monoparábola e essa grade horrível que nos faz lembrar (imfelizmente) do c*g’Agile, mata o carro. Mas tem atributos para vender vem. Pena não custar uns 5 mil mais barato em suas versões. Aí sim, seria um grande concorrente para Civic e Corola. Do jeito que está, e com certeza vai subir de preço por causa das medidas do governo, não será páreo para a dupla japonesa.

  • SilasCoul

    Preço na média do civic e menor que do corolla(o xei na minha cidade ta 81900 e o altis 94mil!!). Só que a chevrolet tem que melhorar bastante o seu pós venda pro chegar ao nível das japonesas.

    • epicentro01

      Cara, 94k num Corolla!!! Meu deus, e tem gente que compra? Dá pra comprar um Fusion (Sem comparação) e sobra uma boa grana….rsrsrs

  • Renato R Machado

    Acho que deveriam fazer uma fusão:
    Interior: New Civic
    Motor: Corolla
    Carcaça: Cruze
    Peças fabricadas no brasil

    venderia bem hehehehehe
    GM / VW / FIAT / FORD
    estão largando foguetes e festejando o almento do IPI nos importados

    Os japoneses estavam fazendo nossos carros vir mais completos e mais baratos,
    mas os brasileiros conseguem estragar tudo normal né!!!

    Seria uma boa HONDA / TOYOTA / BMW / AUDI / KIA / HYUNDAI
    ABANDONAR O BRASIL !!!
    Levando as fabricas e milhões de trabalhadores ficando desempregados.
    E os carros brasileiros cada vez mais caros é isso que eles querem.

  • Marciliosp

    88 mil na versão top é o que se ouve das concessionarias, ridiculo, esta GM acha que tem o rei na barriga, o pior é que tem besta que paga!

    • vinicarioca

      po, aqui em Brasilia tá 82 a top… os ágios estão em torno de 3 mil…

  • pauloestevinho

    Acho o carro muito bonito… mas na minha opinião tem cara de sedan menor, brigaria com City, e não Civic.

    • vinicarioca

      mas ele é maior que o Civic… tanto na ficha técnica quanto no visual.

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br/ eduardofortal

    Barca?!

  • stockbrok3r

    Eu fui dirigir a versão automática. De verdade, para quem dirigiu um Jetta, vai sentir a diferença de velocidade na mudança de marchas. A estabilidade, freios e suspensão do carro impressionam os entusiastas, sem comprometer o conforto.

    Recomendo para quem esta interessado no Cruze de comprar a versão manual de 6 marchas.

  • stockbrok3r

    Vale também dizer que o Cruze, na minha opinião é muito melhor que Civic e Corolla. Está em um nível acima.

    • AutoIng

      Ao contrário, está no mesmo nível ou até abaixo. Ele foi desenvolvido pensando em países de terceiro mundo, e como alternativa barata para o momento de crise nos EUA. Já Corolla e Civic foram projetados como modelos de entrada para mercados de primeiro mundo. Não se engane pelo conjunto motor + câmbio, ele não tem absolutamente nada acima da concorrência, e sim quase tudo abaixo. Suspensão simplória, estrutura com poucos aços avançados, motor simplificado (bloco em ferro, geração antiga), interior que usa materiais de qualidade inferior ao da concorrência. A meu ver o forte do Cruze não está no carro, e sim na fidelidade dos fãs da GM nos EUA e no Brasil. É esse o truque pra vender bem.

      • epicentro01

        6 Air bags, ABS, ESP, tela 7" com GPS integrado, porta malas maior que Civic e igual ao Corolla, rodas 17 na versão de entrada, 6 marchas. Definitivamente ele não está abaixo. Ande com o carro e constate. Eu andei e sei o que estou falando.

  • Drico92

    Achei bonito,gosto de disign americano,mais esse preço tá mais salgado que bacalhau

  • xps1530

    chevrolet nao sabe desenha farol ,,,muito feio

  • ALFA_MOBILI

    feio, ridículo, GM vai a falência mesmo.

  • Castle_Bravo

    O " BR 2034" da placa é uma dica de até quando será produzido no Brasil sem uma versão nova, apenas passando por facelifits.

  • AlceuF

    Vi um na rua hoje.

  • Satanare

    Acabei de voltar do test-drive de uma versão LTZ Automática que havia agendado desde sábado.
    Resultado:
    Gostei dos do desenho do console central, do cluster e do nível de ruído interno. Bons bancos e boa largura.
    Desenho genérico em sem graça, não consigo acreditar naquela frente com faróis em monoparábola, são ridículos demais. Na lateral olhando próximo ao carro a impressão de grande porte é acentuada e as linhas ficam muito agradáveis porém quando deixei ele de volta no pátio e olhei já a média distancia não gostei muito do contorno geral, parece ser um sedan compacto.
    Bom porta malas, com acabamento razoável e com bom acesso.
    Rodar confortável, boa resposta do motor e aos comandos.
    Enfim, como alguns sabem possuo um Fuison V6 2010 e um Focus Ghia 2008 e sou um apreciador enorme de sedans e já tive ou já dirigi quase todos a venda aqui no Brasil e tendo dito isto afirmo que, para mim o Cruze é um carro melhor do que o antigo Astra (vulgo Vectra), mais confortável e espaçoso que o Honda Civic atual, idem para o Toyota Corolla mas com acabamento inferior, tão sem graça quanto um Nissan Sentra com o mesmo nível de acabamento mas com maior espaço interno, Considerávelmente abaixo de um Ford Focus Titanium em qualidade na construção, prazer ao dirigir, resposta do motor e silencio interno, mas com o mesmo espaço, interior mais claro e painel mais agradável e considerávelmente abaixo de um Renault Fluence Privilège que tive o prazer de dirigi por 32 dias em muitos aspectos, do acabamento geral ao design, sem dúvida a melhor compra atual.
    Descartei o Peugeot 408 pois não dirigi mas é um carro muito belo externamente na versão Top, com um painel sem inspiração frente ao antigo 307.
    Mas um adendo: Pelo preço da versão Intermedária à Top eu sem dúvidas nenhuma levo um Ford Fusion SEL ou um Chevrolet Malibu.

  • marciors01

    Não fiz test drive mas fiquei algum tempo sentado dentro do cruze, gostei muito da posição de dirigir, o carro veste bem o corpo, mas por outro lado a regulagem de altura do volante é limitada, do alto dos meus 1.73m não consegui ver a parte superior do velocímetro e conta giros.
    Baixei o banco tudo o que foi possivel e fiz o contrário com o volante, mesmo assim ainda não conseguia enxergar a parte superior dos dois mostradores, o mostrador pequeno que fica entre estes dois então nem em sonho.
    Considerei este um ponto fraco demais, o outro é que na minha opinião o tecido do painel com o tempo irá acumular pó e encardir, se todos viessem com couro nem tanto mas aquele tecido irá incomodar com o passar dos anos.
    O acabamento é interessante, mas não para o preço do carro, painel muito bonito sem dúvida e o plástico duro é bem disfarçado porque é visualmente agradável e não é áspero ao toque, mas nesta faixa de preço deveria ser emborrachado.
    Espaço interno um tanto limitado, melhor do que corolla ou focus mas longe de um fluence, jetta ou 508.
    O carro não é ruim, longe disso, mas não vale 68k, como gosto de um carro manual acho que o 508, fluence ou focus seriam melhores opções.

  • ubrugger

    Preços no Brasil é sempre um absurdo, por conta da altíssima carga tributária.

    Nos Estados Unidos a versão inicial custa U$ 16.5k , algo próximo a R$ 30k ( 38 mil a menos que aqui ) .

    Na Argentina, nossa vizinha, a versão inicial custa $ 115k, algo próximo a R$ 50k ( 18 mil a menos que aqui ).

    Tudo muito longe dos R$ 68k aqui no Brasil.

  • brunopromano

    Pagaria R$ 35.000,00 no Cruze, e está de bom tamanho, porque não vem com todos os opcionais.

  • eduhuergo

    A GM Finalmente acertou em cheio. Fez um carro digno de aplaudir de pé!
    O Cruze já matou a pau o Civic e Corolla. O Motor Ecotec ficou excepcional, um torque excelente, com respostas rápidas ao mais leve toque no acelerador, consumo baixo pro desempenho dele, trocas de marcha suaves e sem trancos.
    Sem falar na lista de equipamentos: GPS, Sistema de abertura das portas por presença da chave, Motor liga no botão no painel, Câmbio de 6 marchas, Rodas 17" de Série, 6 Airbags, Ar condicionado eletrônico, ABS com EBD e Sistema de frenagem de pânico que auxilia quando faz uma frenagem de emergência, Direção elétrica progressiva (macia demais, uma delicia).

    Tive a oportunidade de viajar com um Cruze LTZ automático, não posso dizer que foi o melhor carro que viajei em toda a minha vida (Fusion, Edge, Malibu, Omega, Captiva) mas posso garantir que superou minhas expectativas, a dirigibilidade lembra muito o saudoso Vectra GSI, fiz a média de 16,3 km/l a 120 km/h com Gasolina, com ar condicionado desligado e câmbio no modo automático. e digo, quem tiver a oportunidade e vontade de comprar, compre que não vai se arrepender, ou quem está afim de um Elantra, Civic, Corolla, Jetta, que pelo menos faça um test-drive antes de fechar negócio. Tenho certeza que sua cabeça ira mudar, afinal um Chevrolet é sempre garantido na hora de revender e manter.

  • c061338

    é.. tanto tempo tirando leite de pedra com os astras e o classic agora a GM vai querer tirar sangue.. maaaaaaaaaaaaaasss.. por menos que isso voce leva CIVIC, Corolla e outros carros beeeeeeeeeeeeem mais confortáveis e, econômicos