Home Marcas Chevrolet Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

chevrolet spin lancamento 50 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)




A Chevrolet Spin chega ao mercado nacional com a proposta ainda mais familiar dentro da gama de produtos da GM. Derivada do Cobalt, a nova minivan apresenta atributos que podem transformá-la em sucesso no segmento.

Com 4,36 metros de comprimento, 1,74 de largura, 1,66 de altura e 2,62 de entre eixos, a Chevrolet Spinpesa entre 1.202 e 1.255 kg. A plataforma herdada do Cobalt, garante mais sofisticação, segurança e conforto.

O trêsvolumes da GM cedeu sua parte até a coluna B, deixando o restante para ser criado pela GM no Brasil, onde o projeto e o desenvolvimento foram realizados. Além de São Caetano do Sul/SP, a Chevrolet Spin vai ser produzida no Sudeste Asiático.

chevrolet spin lancamento 119 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

Estilo

Por fora, o aspecto é moderno, apresentando grade divida por uma barra com a gravata da Chevrolet, faróis puxados, frente alta e encorpada, além de vincos que reforçam a impressão de robustez do modelo.

A traseira é truncada e tem visual mais limpo. Na lateral, três linhas de expressão também reforçam o visual robusto da Chevrolet Spin, passando boa impressão. No teto, destaque para as barras longitudinais para carga, presentes de série na versão LTZ.

Por dentro, a Chevrolet Spinapresenta visual moderno, tendo a parte frontal o já conhecido duplo cockpit adotado pela GM em todo mundo. O painel adota estilo semelhante ao do Sonic, mas não é igual.

Conta-giros analógico e velocímetro digital dividem o reduzido espaço da instrumentação, que ainda conta com medidor de combustível digital e funções do computador de bordo, bem como indicador de marcha, inclusive na versão manual.

Ao centro, dois porta-objetos sem tampa, sistema de áudio com Bluetooth/CD/MP3, controles manuais e circulares de climatização, difusores de ar horizontais (apenas com regulagem vertical) e base para objetos no topo. O visual é contemporâneo, mas não empolga.

O conjunto – em dois tons e texturas – é completado pelo prático porta-luvas na parte superior, onde a tampa abre para cima. Na base do conjunto, uma pequena plataforma para pequenos objetos. Abaixo dele, mais nada. A GM evitou criar um porta-luvas cuja tampa sempre bateria nas pernas do passageiro. Apesar de não ser pequeno, possui iluminação.

O volante segue o mesmo estilo do Cruze e outros modelos mais recentes da Chevrolet. Na versão LTZ, existem comandos do controle de cruzeiro, áudio e telefonia. Além disso, é forrado com couro.

O túnel da transmissão da Chevrolet Spin tem desenho moderno, e na versão automática, possui iluminação das posições de marcha. Atrás, um conjunto compacto apresenta freio de estacionamento com maçaneta cromada, conexão USB e auxiliar, um porta-objeto e três porta-copos.

Saindo um pouco do estilo, a Chevrolet Spin possui 32 porta-objetos, incluindo porta-copos ou garrafas para todos os passageiros, incluindo o central da segunda fileira e os dois que se acomodam na terceira fileira. Estes dois inclusive contam também com porta-objeto.

As portas acompanham o estilo de duplo cockpit do painel e se encaixam no visual interno da Chevrolet Spin. No acabamento, uma parte em tecido se destaca. Os bancos também possuem estilo moderno, contando com formato compacto e prático. São revestidos de tecido e com detalhes em couro na versão LTZ.

chevrolet spin lancamento 23 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

Conteúdo familiar

A Chevrolet Spin excluiu a versão LS e parte direto para as versões LT e LTZ. O objetivo da GM é oferecer maior conteúdo já na versão de entrada. De série, a Chevrolet Spin apresenta ar condicionado, direção hidráulica,vidros e travas elétricas, banco do motorista com regulagem de altura, chave tipo canivete, banco traseiro bipartido (60/40), coluna de direção regulável, detalhes da carroceria na cor do carro, alarme, rodas de aço aro 15 com pneus 195/65 R15, airbag duplo e ABS com EDB. Por isso, a GM cobra R$44.590 na versão LT 1.

Já a versão LT 2, inclui a mais: rodas de liga leve aro 15 com pneus 195/65 R15, CD/MP3/Bluetooth/USB e 4 alto-falantes. Aqui, o preço sobe para R$45.990. Na LT 3, versão de entrada mais completa, a Chevrolet Spin oferece ainda transmissão automática de seis velocidades com mudanças manuais e controle de cruzeiro com comando no volante. O preço sugerido é de R$49.690.

A Chevrolet Spin apresenta apenas cinco lugares na versão LT. Para quem quer mais espaço para bagagens e não tem família tão grande. Mas se a opção é transportar mais duas pessoas, a escolha vai recair sobre a versão LTZ, mais completa e para sete passageiros.

A versão LTZ 1 só dispõe de transmissão manual, entregando a mais: retrovisores elétricos, barras longitudinais no teto, faróis e lanterna de neblina, computador de bordo, maçanetas internas e controles de climatização cromados, bancos em tecido com detalhes em couro, faróis escurecidos com regulagem de altura, sensor de estacionamento e volante com comandos de áudio. O preço sugerido é de R$50.990.

Por fim, a versão LTZ 2 só está disponível com transmissão automática, além de controle de cruzeiro. O preço é de R$54.690. A Chevrolet Spinainda pode ter como acessório, itens como frisos laterais pintados na cor do carro, protetores nos para-choques, telas de DVD com 7 polegadas para fixação nos encostos dos bancos dianteiros, entre outros.

As cores disponíveis para a Chevrolet Spin são: Branco Summit, Preto Global, Bege Desert, Azul Macaw, Prata Polaris, Cinza Mond, Cinza Rusk e Verde Lotus. Pintura metálica custa R$1.150.

chevrolet spin lancamento 84 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

Motorização

Um dos itens mais questionados pelos leitores sobre a Chevrolet Spin é sem duvida a motorização. A GM decidiu utilizar o conhecido bloco 1.8, mas configurado como Econo.Flex. Várias modificações foram anunciadas pela montadora, a fim de tornar o motor mais econômico, suave e menos poluente.

Com gasolina, o 1.8 Econo.Flex – que vai estar presente no Cobalt – entrega 106 cva 5.600 rpm e 16,4kgfm a 3.200 rpm. Com etanol, o bloco entrega 108 cv a 5.400 rpm e 17,1 kgfm a 3.200 rpm. O tanque possui 53 litros.

A transmissão pode ser manual de cinco marchas ou automática com seis, esta última com mudança manual através de um botão na própria alavanca.

chevrolet spin lancamento 59 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

Impressões

Sucessora assumida das antigas Meriva e Zafira, a Chevrolet Spin apresenta estilo com linhas e vincos marcantes. Alto e compacto, o monovolume assume o conceito MPV, proporcionando maior versatilidade e aproveitamento de espaço interno, embora sem o prático sistema de rebatimento de bancos Flex-7 da Zafira.

Por dentro, a Chevrolet Spin apresenta padrão de acabamento na média da categoria, sem maiores pretensões. Um dos objetivos do modelo é ser prático e funcional, sendo a primeira escala do consumidor emergente e busca de um veículo para toda sua família.

A Chevrolet Spin tem muitas peças em material plástico duro com texturas diferentes, mas apresentam boa qualidade e montagem sem rebarbas ou desalinhamento. Os bancos têm tecido macio garante conforto. Há muitos porta-objetos/garrafas/copos, o que facilita a vida de quem vai viajar com a Chevrolet Spin. Há também alças no teto para todos os ocupantes, mas poderia haver saídas de ar condicionado para quem viaja mais atrás.

Os bancos da segunda e terceira fileiras são rebatíveis através de alavanca (somente na segunda) e alça. No entanto, os bancos da segunda fileira não deslizam para frente. Além disso, para acessar a terceira fileira, é necessário rebater encosto e assento da segunda. Os dois bancos traseiros também podem ser rebatidos, inclusive o assento, mas não se pode retirá-los.

A posição de dirigir é alta, mesmo com o banco totalmente abaixado, uma pessoa de grande estatura ainda vai estar se sentindo alto demais. Quem vai logo atrás está ainda mais alto, e por fim, na terceira fileira a altura se mantém quase igual à dos passageiros do meio.

Como é alta a posição de condução, facilita a visibilidade e as manobras, apesar do auxílio do sensor de estacionamento (LTZ). A visibilidade geral é boa, sendo reduzida na parte traseira, ainda mais com a presença dos encostos de cabeça, que, no entanto, foram sabiamente moldados para se encaixar no encosto, aumentando a visibilidade.

Os retrovisores têm bom tamanho, mas sua regulagem elétrica estaria mais bem posicionada junto aos comandos dos vidros elétricos. Falando nisso, a trava central fica posicionada no console central (painel). A regulagem do encosto é por alavanca, enquanto a altura é por comando giratório e milimétrico.

A coluna de direção é tem bom curso, bem como a posição da alavanca da transmissão. O freio de mão fica em uma boa posição, diferente de um concorrente, que a jogou quase no assoalho do carro. Falando em assoalho, abaixo dos bancos dianteiros há um bom espaço vazio, que poderia ter incluído uma ou duas gavetas para objetos, já que o porta-luvas é bem pequeno.

Os cintos de segurança possuem regulagem de altura e há duas luzes internas junto ao espelho central. Ali também fica o microfone do viva voz via Bluetooth. O sistema de áudio tem boa aparência, sendo fácil de operar e sintonizando bem as emissoras mesmo em locais remotos. Os quatro alto-falantes são básicos, mas dá para ter boa sonoridade para quem não tem pretensão de ouvir música em volumes ensurdecedores.

O painel de instrumentos tem ótima leitura, sendo de fácil interpretação das informações, além de incorporar computador de bordo digital, bem como indicador de posições de marchas nos dois tipos de transmissão. Os comandos do volante e alavancas também não apresentam segredos, bem como os demais comandos. Uma ressalva para a posição da alavanca de transmissão. Na unidade avaliada, ela estava um pouco deslocada da posição de marcha, o que confundiu os condutores. Ao invés de colocar em Drive, estavam posicionando a alavanca em Neutro.

Quem vai no “meio” da Chevrolet Spin senta em posição mais elevada que condutor e passageiro da frente, mas não há nenhuma dificuldade em um adulto com 1,90 ou até mais se acomodar. Aliás, o teto é bem alto e a cabeça fica distante do acabamento superior. O encosto do banco tem duas regulagens de posição e o apoio de cabeça é prático.

Por fim, quem vai no “fundão” tem que ter estatura de média para baixa. O espaço é bastante reduzido e o assoalho fica muito perto do assento. Mesmo assim, alguém com 1,90 metro, por exemplo, pode ir com as pernas encolhidas e posição ereta das costas (por causa do encosto) em viagens muito curtas. Veja como ficam as pernas de alguém com 1,90 metro na foto. A cabeça raspa no teto, mas a largura é boa.

Com os bancos configurados para sete pessoas, ainda assim a Chevrolet Spin tem espaço para algumas sacolas de supermercado ou compras no shopping. O espaço nesse caso tem 162 litros. Na versão LT, que não possui os dois bancos extras, o volume sobe para 710 litros. No total, a nova minivan pode levar até 1.668 litros de volume interno com os bancos rebatidos.

chevrolet spin lancamento 105 Chevrolet Spin: Conheça detalhes e impressões (126 fotos)

Andando

Testamos uma unidade com transmissão automática. O motor 1.8 Econo.Flex agiu melhor que o esperado, devido à baixa potência. No entanto, o torque realmente compensou a pequena cavalaria. Apesar de se ouvir bem o motor quando se exige um pouco mais, com giros chegando a 5.000 rpm, em velocidade de cruzeiro ou no trânsito pesado, a Chevrolet Spin não desapontou.

A 100 km/h, a rotação ficou em 2.300 rpm, enquanto que em 120 km/h, o ponteiro indicava 2.700 rpm. O consumo médio ficou em torno de 10 km/litro, já que provavelmente era abastecida com etanol e como era um teste, exigimos mais na aceleração, o que eleva naturalmente o consumo.

A GM fala que a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 10,6/11,1 segundos com transmissão manual (etanol/gasolina) e 11,9/12,0 segundos na versão automática. A máxima indicada pelo fabricante é de 173/172 km/h (etanol/gasolina) na manual e 168/167 km/h, na mesma ordem, para o automático.

Nas retomadas, a Chevrolet Spin sofreu um pouco mais, exigindo-se bastante do 1.8 Econo.Flex, mas não criou situações onde se precisasse pisar até o fundo para se obter ultrapassagem.

O ruído interno ficou na média da categoria, apesar do som do motor invadindo o habitáculo com uma pisada pouco mais forte. Mesmo assim, uma viagem na Chevrolet Spin não vai fazer ninguém reclamar de barulho.

A direção hidráulica é leve e precisa, mas não é a referência no segmento, onde a Chevrolet Spin pretende disputar espaço com Fiat Idea, Nissan Livina, entre outras. Os freios atuaram de forma precisa, bem como a suspensão, cuja regulagem é mais firme. Mesmo assim, em curvas mais fechadas, a carroceria inclinada um pouco mais, mas nada que assuste.

A suspensão absorveu razoavelmente algumas imperfeições do asfalto, mas ainda assim poderia ser um pouco mais macia. No geral é bastante aceitável. Por fim, a Chevrolet Spin causou boa impressão ao dirigir, sendo um veículo bastante prático e sem surpresas. Mas para descobrirmos mais sobre o modelo, teremos que esperar uma Avaliação NA de uma semana.

Com previsão de 3 mil unidades por mês, a GM mira um segmento que ainda tem boa participação e algumas opções interessantes. Com preços entre R$44.590 e R$54.690, a Chevrolet Spin vai ser uma figura bastante conhecida no país, ainda mais que 600 concessionários esfregam as mãos para começar a vender logo o novo monovolume da GM.

Preços da Chevrolet Spin:

Chevrolet Spin LT 1 MT – R$44.590
Chevrolet Spin LT 2 MT – R$45.990
Chevrolet Spin LT 3 AT – R$49.690
Chevrolet Spin LTZ 1 MT – R$50.990
Chevrolet Spin LTZ 2 AT – R$54.690

Galeria de fotos da Chevrolet Spin:

Evento a convite da General Motors.


  • W_Santos

    Esse carro já é estranho na versão completa LTZ, que conta com acabamento mais esmerado, imagina a versão pé de boi, com acabamento simplificado, deve ficar tenebroso em algumas cores….

    A foto desse motor é broxante, é abrir o caput e ver que a renovação é parcial.

    O interior parece muito bom, se seguir o padrão do Cobalt, até que o valor é condizente com os absurdos já cobrados no mercado nacional, nada irreal, como chegaram a cotar a LTZ a 70 contos…..
    Design exterior e motorização parecem o calcanhar de aquiles desse novo carro.

    • experientdriver

      palmas para a marca

      depois do agile, cobalt e s10 dominarem seus segmentos, este carro certamente é o próximo

      o curioso é que justamente os carros mais criticados pelos leitores do NA são aqueles que mais fazem sucesso no mercado

      • Pedro Evandro

        Pra você ver o nível de exigência do consumidor brasileiro.

        • simoloko

          Para se ter uma idéia do nível de exigência do leitor do N.A, a maioria acha automovel 0km caro e por isto prefere pagar 35 mil em um semi novo de 5 anos, sem garantia de fábrica mas que venha completo.

          Tá ai! Grande exigência. Né?

          • Pedro Evandro

            Se a maioria deixasse de comprar carro O Km como você diz e preferisse comprar carro de 5 anos, o mercado brasileiro teria a metade do tamanho e os preços dos carros novos seriam totalmente diferentes, Sr. Verdade.

            • bedotRJ

              O raciocínio do fera tá correto. Os preços só baixariam REALMENTE se ninguém comprasse carro nenhum. Pagar caríssimo em 0km ou pagar caro em usado dá no mesmo. O consumidor que faz o "certo" é aquele que deixa de comprar carro e anda de ônibus ou de taxi. Esse sim tá 'educando' o mercado. Deixar de comprar uma Spin 0km para comprar, por exemplo, um Civic 2008 pelo mesmo valor, sinceramente, é inócuo.

              • TvaxQuivax

                E quem não compra carro faz 10 anos, e gasta o dinheiro que seria desperdiçado comprando carros 0km arrumando oq tem em mecânicos de confiança? ta educando o mercado?

                • experientdriver

                  brasileiro é apaixonado por carros só no slogan mesmo, o leitor Sr. Sabe-Tudo acima só comprova que até em um forum sobre carros é raro encontrar pessoas com um pouquinho mais de noção sobre este mercado, o pior é que nem lei da oferta e demanda ele mostra conhecer ao dizer que a solução é comprar carro com 5 anos… tsc tsc tosco

          • joniocosta

            Exatamente, está aí a exigência: carros completos, com qualidade de projeto e com preço justo!

            • Tripa-Seca

              Que carro tem isso hoje em dia? Um usado? Acha justo o preço de um usado?

      • W_Santos

        Pra mim os últimos lançamentos da GM, com excessão do Cruze, são horrorosos, de design muito controverso. Sem contar as aberrações de engenharia e redução de custo, que elevam a maioria desses carros (Ágile, Cobalt, Spin, Montana) ao top best das gambiarras nacionais.
        O sucesso das vendas é de se esperar, visto que muitos brasileiros consumidores de carros, não tem conhecimento, pouco pesquisa e falta bom senso na hora da escolha. É triste.

        • Tripa-Seca

          Acho que você se equivocou ao colocar na categoria gambiarra Cobalt e Spin, comparando com Ágile e Montada…As pessoas estão se deixando levar pela aparência aqui.

          • W_Santos

            Bem Tripa, se levarmos em considerção esse bloco de motor ultrapassado em um projeto totalmente novo e global, já obseravamos que há pulga pra se coçar nesse negocio ai. O Ágile e Montana se destacam negativamente, a plataforma Gamma II de Cobalt e Spin realmente é mais moderna e traz mais recursos e qualidade, porém já tem mais de 1 decada e não é o melhor que a GM pode entregar para os consumidores brasileiros. Detalhes como os puxadores de porta a terceira janela (não tem como negar que ficou estranho, parece enxertado aquele espaço na carroceris e consequentemente "esticado" o chassi do carro) e etc, me fazem julgar que é sim uma "gambiarra", tem cara disso. O desenho limpo e ultrapassado da Zafira mostra formas condizentes com a proposta do carro e proporcionais ao volume do carro, não da pra dizer o mesmo da Spin, que afirmar isto é no minimoincorerente com as imagens ali em cima.
            Abraço.

            • Tripa-Seca

              Então W_Santos, eu até entendo a revolta do pessoal aqui, infelizmente os lançamentos aqui ainda não tiram nosso mercado do patamar de pior do mundo, mas será que só eu enxergo uma leve melhora nos lançamentos?
              Vejam só: O Grand Siena foi lançado com preço inferior ao do antigo, quando equipado com equipamentos equivalentes. Ecosport oferecerá um novo padrão de equipamentos na categoria (Que na verdade só tem ele e o Duster!) sem cobrar muito mais que o modelo antigo (Talvez graças ao Renault). Hoje se tem opção de médios por menos de 60 mil (Fluence e Sentra) e bem equipados. Carro urbano (500, por 40 mil), carros do segmento de entrada com 4 airbags (Palio, por 44) e agora um carro automático por menos de 50 mil…
              É pouco? É… Mas não deixa de ser um começo…

              • Edson Roberto

                O pessoal espera uma mudança repentina e espera como se o consumidor já estivesse em um nivel de exigencia no qual pudesse exigir e caso não aceitasse que compre outro modelo. Mas a realidade não é essa e muito brasileiro está ai para querer novidades, seja ela qual for.

                Mas concordo contigo Tripa, esse carro veio numa faixa boa para o mercado que disputa e bem recheado perante os rivais.

              • W_Santos

                Sim Tripa, não coloquei a Spin como lançamento totalmente desnecessário. Se observar o primeiro comentário da materia verá que escrevi: " O interior parece muito bom, se seguir o padrão do Cobalt, até que o valor é condizente com os absurdos já cobrados no mercado nacional, nada irreal, como chegaram a cotar a LTZ a 70 contos….. "

            • experientdriver

              gamma II tem mais de 10 anos?

              de onde tirou isso ??

              • W_Santos

                Gamma II é evolução da Gamma que começou a ser desenvolvida no século passado. Portanto não é uma nova plataforma.

                • experientdriver

                  colega, o primeiro modelo a sair com esta arquitetura foi o aveo em 2010, para sua referência com exceção de alguns elementos de sub-sistemas ela tem pouco a ver com sua antecessora, então gamma II não tem nem perto de 10 anos

                  se fosse assim a plataforma PQ35 do scirocco seria de 1978 pois seguindo suas evoluções ela derivou da Mk1, então seu racionício não faz sentido

      • PortoWF

        quem diz que o Agile domina o segmento ignora a incomoda existência do Sandero!

        • duduguazzi

          Isso é por que quem monta as tabelas de venda não compara os dois. O argumento é que o Sandero tem motor 1.0 e 1.6 e como o Agile não tem 1.0 eles não são da mesma categoria. Como se o fato de não ter 1.0 faz do Agile premium de alguma coisa hahuahuah

          • PortoWF

            Ahh tá , entendi! kkkkkkkkkkk

            Por essa logica então o Gol não seria campeão de coisa nenhuma…não é!!!

            olha os numero aí. http://quatrorodas.abril.com.br/autoservico/top50
            o Agile é tão ruim de venda que perde pra Fiesta, Fox, Sandero,Palio, é isso que chamam de campeão de vendas??? kkkkk

            • AndreSS

              Se existisse somente sandero 1.6 nao venderia tanto e outra o Agile vende ate bem pelo preco q eh cobrado….. ja o sandero tem praticamente o preco do gol… :)

            • experientdriver

              Porto, vai estudar o mercado, pelo jeito vc e muitos outros não tem nem idéia como o mercado é segmentado, quando vc descobrir o que é economy e small vc volta a dialogar… o AndreSS está correto

      • nightwishjp

        Palmas por vender muito ou pela qualidade dos seus produtos? Acho que vale a pena dissociar um do outro. Vender muito não quer dizer que o produto é bom. De forma alguma quer dizer isso.

        Agile é um PÉSSIMO carro. Cobalt, apesar de ter suas qualidades (espaço interno, conforto, bom acabamento) tem um motor subdimensionado e um visual horrível em sua dianteira.

      • AndreSS

        E outra coisa, o carro pode ser feio, mas estamos falando de GM(o povo brasileiro gosta) e o preco nao tah ruim(quase um agile ltz), logo issae vai vender pra caramba(a exemplo o cobalt q eh feio e vende muito), acredito que as 3 mil vao sair facil, facil….. o q vai ter de taxista andando de spin

    • afonso200

      49,990 na versão mais barata automatica. olha amigos, eu tirei meu chapeu para a gm, cambio automatico é o que faltava no BR, nos EUA 99% dos carros tem, aqui é 10% e olhe lá só de 60mil para cima. a ainda 6 marchas automatico, contra concorrencia de 4 marchas, e VW polo top automatizado, hehe VW adios, fiat e GM são as que real,mente envestem. agradeço pelas mudanças, mas principalmente pelo cambio automatico

      • Edson Roberto

        Paramos para pensar e …. eu prefiro uma Spin por exemplo do queuma Spacefox I-Motion ou Palio Weekend Dualogic.

        Além disso, tem a Livina que vai disputar com ela no mercado, porém o peso da Chevrolet no Brasil é bem forte e o preço bem competitivo nesse segmento.

    • Y07

      "Com gasolina, o 1.8 Econo.Flex – que vai estar presente no Cobalt – entrega 106 cva 5.600 rpm e 16,4kgfm a 3.200 rpm. Com etanol, o bloco entrega 108 cv a 5.400 rpm e 17,1 kgfm a 3.200 rpm. O tanque possui 53 litros".

      Saudades do motor do Corsa SS que entregava 114 cv a 5800 rpm e 18,2 kgfm a 2800 rpm. (Números de 2005/2006 no etanol). Passaram os anos e a GM regrediu.
      Enfraqueceu o motor da GM.

      106cv? O Monza S/R 1986 1.8 tinha a mesma potência. Tudo bem que no álcool, mas tinha!

      E saudades do bom e velho Monzatech de 140 cv e 19,7 kgfgm de torque.

      "A GM fala que a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 10,6/11,1 segundos com transmissão manual (etanol/gasolina) e 11,9/12,0 segundos na versão automática. A máxima indicada pelo fabricante é de 173/172 km/h (etanol/gasolina) na manual e 168/167 km/h, na mesma ordem, para o automático."

      Essa aceleração está otimista demais, para um motor tão pouco potente e com pouco torque. Imagino se tivesse a motorização do Corsa SS ou do ASTRA 2011.

      • radiobrasilcombr

        0 a 100 em 10,6? Só sem em descida de 45 graus ou mais…

      • marcosldesouza

        O motor ficou mais fraco para poluir menos….não que motores potentes sejam poluidores. Mas a concepção do motor é antiga e quiseram economizar nisso. Por exemplo o motor 1.6 16v da kia tem 126cv, mas perde de leve no torque. São 15,9kgfm. lembrando que é 1.6 contra um 1.8.
        O motor seria compativel com o carro se ele nao fosse um automóvel familiar. Imagina esse carro ai com 5 pessoas e a bagagem de uma familia inteira subindo a serra!?!?! ou com 7 pessoas então…o 0 a 100 vai ser feito em 18 segundos ou mais…
        Acho que nisso a chevrolet pecou. E também errou ao deixar o ultimo banco inteiriço. Fica ruim para entra…tem que fazer malabarismos. E quem conhece bem a zafira sabe que o banco bipartido na ultima fileira faz milagres. dá pra viajar em 6 e colocar as malas no lugar onde ficariam o sétimo passageiro. Fica mais fácil de entrar pelo porta-malas também.
        162 l num bagageiro de uma familia de 7 pessoas é pouco. Se tiver 1 criança de colo ou 3 mulheres, falta espaço(imaginando que cada mulher leva uma bolsa de passeio) ao irem ao shopping, por exemplo. Tudo isso que eu to falando é relacionado a proposta do carro. até achei o preço e os opcionais satisfatórios e condizentes. O carro não parece ser feio. e gosto é gosto. Quem comprava zafira pelo espaço não se preocupava com o visual antigo, então nao vai levar em consideração esse visual "diferente" da spin. E convenhamos…as concorrentes são estranhas tbm. A fiat idea parece um tatu, a livina é sem sal…nisso a Spin nao fica devendo muito.

  • Pedro Evandro

    A frente até tenta passar alguma simpatia, mas da lateral até a traseira é um exemplo de exercício ilegal da profissão de designer.

    Por que carros de baixo custo para emergentes tem que ser tão feios?

    • rharruda

      Porque quanto mais elaborado for o design, mais tempo e ferramental complexo demanda e isso gera um custo alto para o projeto. Quanto mais simples o design, mais barato e rápido é de fazer.

      • Pedro Evandro

        Não exatamente, cara. Não tô falando em acrescentar nada, frisos, detalhes em baixo ou alto relevo, etc. Estou falando nas linhas básicas, como o desenho (perímetro) das lanternas, por exemplo ou do recorte das portas ou tampa do portamalas. Poderia ser redonda, quadrada, retangular ou triangular, com ou sem curvinha embaixo ou na linha de cima, mais em cima ou mais pro lado, esse tipo de detalhe de desenho. Isso nem mexe no formato do carro.

        • Matheusbio

          Concordo. E não aumenta o custo

          • Sias

            Uma coisa é simplicidade no desenho e outra é feiura, que sobra na Spin.

    • kikofar

      Faço-me essa mesma pergunta viu!

  • filipe_melo
    • O_Corsario

      Tem uma diferença: a anta tem patas compridas, a Spin tem rodas que parecem miniaturas de tão alta é.

    • PortoWF

      é uma anta mentirosa, tem as pernas curtas!!! kkk

      • GabNassif

        É melhor comprar uma JAC 6!!!! Pelo menos o acabamento é mais bonito e sua aparência passa mais resistência do que essa SPIN.

        POR FAVOR, BRASILEIROS ENGANADOS, NÃO COMPREM ESSE CARRO!!!!!!!!!!!!

        • Edson Roberto

          A aparencia pode passar mais resistencia, mas sem duvida a confiança do Chevrolet é maior.

          E também, ambas estão em pé de igualdade em preço. Eu apostaria em ter um maior rede de concessionarios já que ambas são bem similares em equipamentos. E a Spin não me pareceu pequena por dentro. Ficaria com ela no lugar do J6.

    • radiobrasilcombr

      Sabe aquele amigo que casa com uma baranga mais rodada que fusca 1975? Pois é… tem gente "esperta" que vai comprar uma Anta rss

    • pedro_bh

      melhor definição de todas!!!

      parabens pela criatividade!
      rss

    • Diego Casagrande

      Carro feio, arquitetura pobre e estranha, pode ter acabamento bom e um bom conforto, mas é muito estranho. Entre ela J6, Idea e Livina, eu fico com o Nissan, já que é um carro confiável e tem uma rede de concessionária razoável. E não é feia igual esta Spin.

    • Diggo

      Não ofende a anta, é mais bonita.

    • PKuster

      Já falei aqui no NA sobre esses recentes lançamentos da GM do Brasil, todos (com exceção da nova S10) HORROROSOS: Agile, Cobalt e Spin, que na realidade é a junção do Cobalt com o Agile, dando a impressão que o Carlos Barba tenta fazer uma improvável junção de uma CAIXA DE SAPATOS com um RINOCERONTE. Só "belezuras" !

  • Robson Silva
    • Pedro Evandro

      É a GM matando dois coelhos (Meriva e Zafira) com uma cajadada só (Spin) e o consumidor levando gato por lebre.

      • simoloko

        Gato por lebre por que?

        Por 44 mil, meu caro, que automovel tem airbag duplo, abs edb, ar, direção, trio e espaço para toda a família? Este automovel é mais completo que o New Civic que eu tinha e que me custou muito mais do que isto quando o comprei e ele era "a modinha".

        Tal negócio: Creio que você não tem filhos e família grande, por isto acha que um Gol G5 com uma rodinha e equipadinho é o que há….

        Sabe qual é a plataforma deste Spin? É a Gamma II, a mesma do Meriva e Corsa europeus. Por fora, a casca é uma, mas por dentro é tudo Opel.

        Acredito que você deveria ler melhor os textos antes de comentar algo sem coerência alguma.

        Nissan e Chevrolet estão dando ótimos CxB. O resumo da Opera é este: O Spin tem plataforma melhor, é mais pontente e mais completo que um Honda Fit, além de ser muito maior. Quem é o gato e quem é a lebre?

        Ela é feia pra caramba, mas tem uma engenharia respeitável por baixo.

        Sabe o índice de automóveis que menos dão problema no Brasil?

        1-Toyota;
        2-Chevrolet;
        3-Honda;

        Ah, cansei de comentar com leigo…….

        • PortoWF

          Esse falou com propriedade.

          Só não precisava ser feio assim né cara, e pô, bloco da decada de 80, custava usar o 1.8 do Cruze???

          • paixaoporcarros

            Acho que eles usaram o bloco antigo pq este é mais econômico. Pelo peso da Spin acredito que se colocassem o Ecotec o consumo com Etanol não chegaria nem a 7.5 km/l.

            • PortoWF

              Cara vc tem certeza? Pq esses motores mais novos costumam ter bloco com liga de aluminio.
              Acho dificil ser mais pesado que esse 1.8 Bicentenario.kkkk

              O que eu acho q é medida economica ja que o Ecotec custa mais, iria encarecer o carro.

          • Yuri_Chavez

            Nem precisava ter esse interior tão pobre.

        • Pedro Evandro

          "Creio que você não tem filhos e família grande, por isto acha que um Gol G5 com uma rodinha e equipadinho é o que há…."

          Realmente, sou solteiro e não tenho filhos, mas se eu disser o que acho do carro que você citou serei moderado deste blog.

          • gui_cds

            Fã de marca é assim mesmo cara..

            E não adianta discutir com ele, porque todos os parentes do cara são engenheiros ou chefes.

            • eeeeeeedu

              É mesmo fera, defender marca X ou Y é besteira, todas têm suas falhas e tal

            • simoloko

              Eu sou fã de Packard e Mercedes-Benz.

              Como disse, já tive automoveis desde Mercedes, passando por Renault, Audi, Fiat, Chevrolet, Ford, Toyota, Honda… Apenas sei avaliar um produto e, graças a Deus, sempre pude ter dinheiro para comprar algo acima de 60 mil.

          • JosephPE

            "Cada louco em seu hospício'' relaxa q é assim mesmo.

        • Matheusbio

          Plataforma do corsa da decada de 90 na europa

          • simoloko

            Não, não é. Informe-se pois teu comentário deve gerar risos de quem entende de automoveis.

            • Matheusbio

              O que gera risos é você defendendo esse LIXO e todos os outros lixos da chevrolet. Carro de trouxa, preço de trouxa e visual ridiculo. Resumindo… tudo pra quem q realmente entende de carro não comprar.

        • afonso200

          toyota é incrivel, fielder com 136 mil km e nada de problemas, fazendo revisoes de 10 em 10 mil, e de 50 em 50 no cambio automatico, e never problem…

          • Rafa_el

            Acho dificil Honda ter esse indice de problemas relatados acima.

            Tenho um Fit LXL 2007 106k rodados e tá interasso. Carro regularmente revisado tbm.

            • macaense

              "Sabe o índice de automóveis que MENOS dão problema no Brasil?

              1-Toyota;
              2-Chevrolet;
              3-Honda; "

              • Rafa_el

                Aí concordo.

                Ler rapidamente dá nisso.
                Grato ae.

              • paixaoporcarros

                Ou seja, VW lixo como sempre. Essas três de fato, são as marcas mais confiáveis do Brasil em termos mecânicos!

            • epicentro01

              Se for por esse parâmetro. Tive um Vectra Elegance 2010, rodei 132.000Km com ele, fiz a primeira revisão na CSS e depois trocava óleo e demais serviços em mecânico de confiança. Nunca tive nenhum problema também, nem pastilha de freio precisei trocar por incrível que pareça.

              • eeeeeeedu

                Eu tinha um Celta (super básico) modelo 2007 só tinha o trio elétrico, NUNCA deu problema e só troquei pq queria um carro maior. Vendi ele esse ano (deu até uma dor no coração), foi super guerreiro! E a vez que eu lasquei o carrinho num buraco numa rodovia, mas quando digo lasquei, é que lasquei mesmo, quebrou um monte de coisa, entortou roda, furou pneu, eixos e tal e me custou no máximo uns 600 reais pra arrumar tudo.. valeu a pena e concordo que os GM não dão muitos problemas

                • Edson Roberto

                  Atualmente, é loteria carros.

                  Um Gol G5, pode ser um carro que funciona anos a fio sem qualquer problema. E eu conheço pessoa que comprou desde o lançamento e ele ta inteiro.

                  Assim como conheço pessoas que tiveram problemas com Celta (mas também conheço outros que não… como meu pai).

                  Acho que depende da situação, mas quer ver um exemplo? É o segundo Siena do meu pai que não tem problemas e nesse ultimo é bem silencioso (exceto o motor que grita feito doido).

                  Ou seja… essa mania de colocar Honda e Toyota no pedestal é absurdamente lenda de mercado. Os carros hoje em dia são robustos o suficiente para aguentar os trancos. Quer ver? Eu tenho um C3 2008 com 82000km e peguei desde zero. O carro é silencioso da mesma maneira que comprei ele. Ou seja, já se passou essa epoca que carro era tão ruim quanto dizem.

                  • simoloko

                    Lenda nada: Veja o índice de satisfação dos donos de Honda e Toyota no MUNDO INTEIRO.

                    Os japas são perfeitos.

                    Como sempre digo: Honda é sempre bem-vinda. Só quem tem ou teve sabe quanto ambas são acima da média na satisfação.

                  • josenum

                    A diferença quem comprar um popular e nao tem condicoes de revisar no tempo previsto. Gera problemas futuros é a marca que é ruim…

            • Edson Roberto

              Possuo um Citroen Xsara hatch automatico 2001 com 135000km. Ta inteiro também e foi revisado a menos de um mês.

        • AndreSS

          Uma coisa eh que qualquer coisa q venha da chevrolet o pessoal ja ta jogando pedras e pedras, exemplo disso sao todos os posts de noticias da GM serem os mais comentados… podem ser feios mas ta vendendo pra que eles vao se preocupar?????

        • Jymonotaka

          Se formos pensar em carro para família, cade o crash test disso? Eu acho que qualquer pai de família gosta de saber que está colocando sua família em um carro seguro!

          • Edson Roberto

            Ah sim… porque a Livina, Idea e Ecosport são exemplos disso…. isso para citar essas marcas e seus modelos "seguros"…

        • Rafa_el

          Acredito que a Spin não deva ter plataforma melhor que o Fit não.

          Mesmo sendo a Gama II, discordo que seja assim melhor. Isso só vendo para crer mesmo.

          • Edson Roberto

            E como crer que a plataforma da Chevrolet é inferior a do Fit?

        • xam72

          chevrolet da pouco problema? Tirando os freios do cruze…..

          • epicentro01

            Pois é, o meu Cruze está com 18.000Km (comprei ele dia 11/04) e nunca tive nenhum problema, nenhum barulho. Acho que isso já foi resolvido.

          • recgouveia

            O pessoal fala com uma propriedade por aqui, imagino que seja um proprietário do carro.
            Até onde sei isso já foi identificado e os novos proprietários não tem mais relatado o problema, aliás, faz alguns meses já que foi resolvido.

            • epicentro01

              Exatamente. Inclusive, no dia 27 de Abril me ligaram da GM para efetuar a troca das pinças do meu carro. Eu estava viajando para o RS neste dia, logo, não poderia fazer o serviço. Eu falei para a mulher que me ligou que o meu carro não apresentou problema algum, não fazia nenhum barulho. Mas mesmo assim ela me disse que iriam trocar para garantir a qualidade. Então deixei para fazer a troca junto com a revisão dos 10.000Km. Enfim, trocaram tudo mesmo não apresentando problema, ou seja, mostra uma certa preocupação com o cliente. Diferente de algumas marcas que até o oléo errado colocavam no motor na hora da revisão para economizar uns trocados.

              • Edson Roberto

                E esse respeito ao consumidor, reflete diretamente na fidelização dele.

                Pelo menos comigo, tem sido assim na Citroen. Curioso, é saber que foi sem querer ter dois Citroens.

                Pois o primeiro eu não tinha nem pensado e comprar mas acabei indo conhecer e consegui um preço impossivel para os valores de epoca e o segundo foi por causa da namorada que falou que gostava do carro. Acabou que eu fui conhecer e vi que o carro era até muito mais do que eu esperava. E o atendimento das concessionarias que eu costumo levar meus carros, é sempre de otimo atendimento. Recomendo integralmente as Citroen do ABC.

                • Sias

                  Tu falas da Xsara Picasso? Se for eu também me surpreendi quando andei em uma.

                  • Edson Roberto

                    Eu gostei da Xsara Picasso, pena o mercado fazer gambiarras para mante-la funcionando. Esse é um carro que é dos casos onde um Citroen é feito na gambiarra pelos consumidores por comprarem barato e se assustarem com peças caras.

                    Mas o meu é o modelo hatch Sias. Mas te digo que é bem gostoso de dirigir. Ele é muito estavel só que é macio. Caracteristica que me agrada muito.

                • epicentro01

                  Exatamente. O meu pai está no terceiro Citroen. O primeiro foi um Xsara Picasso, depois o C4 Grand Picasso e agora ele es´ta com o C4 Picasso "La Luna". Ele já teve alguns problemas com o carro, mas sempre resolveram sem custo algum.

        • Eugenio C.

          Honda Fit? O "dois volumes de luxo"?
          Pensei que o Defuntomóvel 1.8 Engodo.Flex fosse concorrer com "minivans comuns" como Fiat Idea, Nissa Livina, Citroen C3 Picasso, Volkswagen SpaceFox (a única "sportvan"… )…

          Várias delas custam menos, e será uma questão de tempo virem equipadas de série com ABS.

          No mais, ninguém percebeu que a Spingarda não vem com mesinha tipo avião, porta-objetos no assoalho, gavetas sob os bancos… enfim, nem parece uma minivan?

          • Edson Roberto

            Deixa eu ver se entendi então…

            Idea que custa R$47000 1.6 com dualogic…
            Ecosport R$50000 (obviamente cambio manual)
            Spacefox I-Motion Trend R$49000
            Livina 1.8 AT S R$47000

            Se olhar todos eles…o Spin por ser novidade está em um preço otimo. PS: Desses modelos o unico a não ofertar como item de serie o item de segurança é o Spacefox e Fit que nem preciso citar aqui.

            Ou seja, o Spin está sim em um otimo preço. Considerando um bom cambio automatico apesar do motor antigo, ele tem atributos e com folga para conseguir sim ser mais vantajoso que os citados.

            • paixaoporcarros

              Este é o principal ponto forte da Spin. O preço é bem mais em conta que os concorrentes, além de ter câmbio automático de verdade, ao contrário do "trancologic" do Idea!

              • Eugenio C.

                Lamento, amigos, mas com câmbio automático a Spin custa MAIS que as concorrentes citadas. Vide o próprio texto do NA, acima: "Na LT 3, versão de entrada mais completa, a Chevrolet Spin oferece ainda transmissão automática de seis velocidades com mudanças manuais e controle de cruzeiro com comando no volante. O preço sugerido é de R$49.690."

                E com um detalhe: mesmo com câmbio de 6 marchas, a Spin mostrou números de desempenho e consumo piores que a Livina 1.8 16V automática citada pelo Edson Roberto. Neste caso, essa Livina é um tremendo bom negócio.

                O fato de o câmbio ter 6 marchas não faz nenhum milagre… o motor e a concepção do carro não ajudam. Se o câmbio sozinho resolvesse, o antigo Siena 1.0 6 Marchas nunca teria saído de linha…

                • madnando1

                  Mas é justo dize que o carro é bem equipado pelo preço.

                  A SpaceFox se não me engano custa mais que a Spin sem ar condicionado. Leva beleza, mas fica sem equipamentos.

                  É de se pensar…

                • epicentro01

                  Defina "custa MAIS". Para mim custar menos envolve todo o ciclo em que ficarei com o carro. E isto inclui seguro, manutenção, deslocamento até uma CSS para atendimento e por aí vai.

        • silvio_Brito

          Caramba!

        • epicentro01

          Nem liga. O povo ainda não entendeu que a Spin não é a Zafira, ela veio para concorrer com a Livina. E na minha opinião, entre Livina e Spin eu ficaria com a Spin, pois vai ser mais barata do que a Livina, isso sem falar no custo de manutenção, que com certeza é menor do que a Nissan. O povo reclama que não trouxeram a Zafira, mas se viesse a Zafira, esta teria o preço da C4 Grand Picasso.
          A estratégia da GM não é concorrer no segmento da Grand Picasso e sim da Livina, e neste sentido a competição vai ser boa, e, na minha opinião, com vantagem para a GM.

          • Edson Roberto

            Seria otimo termos sim a Opel Zafira. Esse item já foi criticado antes por não termos concorrencia e se tivermos é bom para baixa de preços. Se nunca houver concorrencia, não haverá baixa de preço.

            • epicentro01

              Com certeza seria ótimo. Mas é que o povo esquece que no site da Opel existem dois modelos de Zafira: A Zafira, que é muito similar a nossa Zafira, e a Zafira Tourer, essa sim é o modelo que os reclamões mostram por aqui. O modelo similar a nossa Zafira tem preço inicial em £18.565,00, o que na cotação de hoje ficaria em torno de R$ 60.336,25. O que ela tem a mais do que a nossa são 6 air bags e ESP. Isso com um motor 1.6 e câmbio manual de 5 marchas. Ou seja, no final das contas ela acaba saindo mais cara do que a nossa Zafira. É so acessar o site vauxhall.co.uk.
              Já o modelo que o pessoal mostra nas fotos por aqui, é a Zafira Tourer, com preço inicial de £ 21.010,00 (R$ 68.282,50). Só que o modelo neste valor vem com rodas de aço, ar condicionado manual, não tem a central multimídia, motor 1.8 16V, câmbio manual de 5 marchas, 6 Air Bags, ESP e é isso.
              Fiz uma simulação para montar a Top, com GPS, Xenon e tudo mais que o "povo" quer e o precinho ficou em £ 29.280,00 (R$ 95.160,00). Ou seja, o preço da Grand C4 Picasso. Lembrando que este é o preço na Inglaterra. Soma-se à isso os impostos de importação e podemos imaginar pra quanto vai.
              Com isso concluo que:
              1- Se compararmos os nossos preços, até que a atual Zafira não está tão cara assim
              2- O povo ainda não colocou na cabeça que a Spin não é substituta para a Zafira.
              3- Se tivermos a Zafira Tourer, esta vai concorrer em outra categoria.

              Mas que seria interessante ela vir para brigar com a C4 Picasso, isso seria.

              • riccorreasp

                Você realmente acredita nisto que escreveu?

                Com todo respeito, mas quando um diretor, gerente, etc., da GM ou de qualquer outra empresa lê isso, ele fica extremamente feliz.

                Tentar justificar preços falando em libras, sendo que o carro é vendido aqui e produzido aqui, não faz sentido.

                Os nossos salários não são sequer parecidos com os dos britânicos.

                Se o carro custa 30 mil libras por lá, aqui poderia sim ser vendido a no máximo 50 mil reais.

                No Brasil tratam 50, 60, 70, 80, 90, 100, etc., mil reais como se fosse quase nada.

                Veja se um alemão considera 60 mil euros do mesmo modo que se considera 100 mil reais por aqui.

                As pessoas gastam muito mal no Brasil.

                • epicentro01

                  Não sei se você entendeu o meu texto, mas vou tentar resumir. O povo malha o pau no carro, quer um modelo igual a Zafira Tourer mas não quer pagar o preço, simples assim. E se o carro custa lá quase R$ 100.000,00 você sabe muito bem que no nosso país, com a nossa carga tributária ele custaria mais. Produzir aqui nem sempre é sinal de preço menor. A fabricação das matrizes de estampa, injeção e outros itens tem que ser bem planejada, pois tem que ter um volume grande de vendas para "se pagar", e, na boa, estas matrizes não custam pouco não. Sei que o lucro das montadoras no Brasil é muito grande, mas um pouco de bom senso de todas as partes seria o ideal. Às vezes criticamos algo sem analisar direito.
                  Abraço e bom final de semana.

          • Eugenio C.

            Onde que a Spin é mais barata que a Livina???
            Gostaria de ver os preços, por favor!

        • madeinstefano

          Mas a motorização é fraquíssima

          • simoloko

            Como foi o test drive que você fez no Spin? Conte-nos!

        • kikofar

          Em equipamentos eu concordo também contigo que ela é muito bem servida. Mas o desenho externo e interno é muito feinha!!! Vendo a Spin (em termos de desenho!) deu até saudade da finada Scenic! hehehehe

        • pedro_bh

          Amigo, concordo em partes com vc.

          Eu tive Vectra(mesmo 2.2 -00/00), Focus, NewCivic (modinha com vc disse…rss) e agora to de Corolla.

          Na minha opiniao este carro é MUITO INFERIOR A ZAFIRA…..mas ganha em tamanho do Meriva… mas tb Muito inferior a Meriva G2 da europa.

          O publico alvo da Zafira é exigente… e se sentirá traido com essa coisa horrivel (tenho 2 amigos que tem zafira)… eles estao pensando no C4 Picasso, ou numa Santa fe usada….

          A GM esta perdendo mercado por rebaixar seus produtos (matou o vectra e lançou o astrao pelado) e agora matou a zafira.

          ao invez de trazer o Astra G4…. trouxe o Cruze….. o Corsa G4… trouxe o Agile (carro mais feio do mercado… padrao chiens de blz e vw de acabamento)

          Na decada de 90…. ter um Gm era sinonimo de conforto, durabilidade e acabamento bem feito…. tive um Chevette DL 91… que tinha econometro luz de cortesia nas portas….

          Hoje… ela depenou os carros…. imitando a VW…. e piorou tudo….

          atualizando sua lista:

          Sabe o índice de automóveis que menos dão problema no Brasil?

          1-Toyota;
          2- HONDA
          3 – FORD, VW,Chevrolet, NISSAN;
          4- FIAT, PEUGEOT, CITROEN E RENAULT

          • simoloko

            O Cruze superiou minhas expectativas. Temos um Corolla na familia e o japa não chega perto em desempenho (1.8 XEi 2009), não faz curvas tão bem e não tem a metade dos itens de série, mesmo sendo o equivalente 0km mais caro que o Cruze.

            O Corolla é uma delícia para a cidade e um conforto para estrada, pois anda bem e é muito confortável.

            Mas avalio o seguinte: Torção de carroceria em curvas, é impecável no Cruze; Estabilidade em curvas é impressionante, mesmo com uma Z-Link McPherson na traseira.

            Isto tudo é boa engenharia. Além do mais, o Cruze é ligeiramente mais econômico do que o Corolla na ESTRADA, mas bem menos econômico na cidade, por conta de ser mais pesado.

            Enfim: A próxima geração do Corolla pode ser que venha com melhorias, já que ele está muito ultrapassado pelos concorrentes – até mesmo o bonito e mal fabricado Elantra é superior hoje em dia (nem se fala no Civic, que na versão top é o melhor médio nacional, exceptuando os turbos Jetta e 408).

        • Diegorji

          Com leigo ? falou tanta besteira que poderia ter economizado. Não se deu ao trabalho de entender a crítica da foto. O cara acredita ainda que o outro é leigo. Se enxerga amigão !!!

        • Yuri_Chavez

          Em outras palavras: você tá dizendo que a Spin é aquela gorda de 150kg que tem bigode, verrugas mas por dentro é uma ótima pessoa e é muito inteligente também.

          Sinceramente eu não sei o que pensar. Podia ter a plataforma feita de platina, eu ainda acho um carro pobre. Porque é um carro pobre.

    • Pilot_evolving

      kkkk.. ate o momento vc tem 32 revoltados e eu faço parte desse numero!
      Queridos, é tirar o consumidor de trouxa ne? .. mas o pior de tudo isso, tem gente que compra essa carroça e mais! acha que esta adquirindo a melhor mercadoria do seculo!!… Se a GM fabrica uma coisa horroroza dessa, sinal que pesquisa ela fez, sinal que vai ter muita pessoa tonta que se acha esperta e vai adiquirir um desse…..

      LAMENTAVEL

    • Sias

      Parem de colocar fotos da Zafira européia….vocês ainda vão causar o suicídio de alguém…

    • DouglasPSa

      Sei lá, acho que brasileiro gosta muito de reclamar.

      Acho que é a primeira vez em muito tempo que vejo um lançamento e fico com a sensação de que o consumidor não esta sendo passado pra trás.

      É caro comparado ao mercado internacional? Todos sabemos que sim, mas com o dólar a mais de R$ 2,00 é um carro completinho de US$ 25 mil. Não esta assim tão fora.

      E não acredito que os concorrêntes oferecam coisa melhor.

      Eu pelo menos gostei da proposta e do valor. Acho que pela primeira vez um veículo esta sendo lançado com uma relação custo/benefício interessante, apesar do motor velho, mas não da pra ter tudo.

      • zambarigood

        Não está tão fora??? Tem que levar em consideração então que uma Dodge Journey nos EUA custa US$ 18.000 (2.4 170hp 7 lugares 6 airbags).
        http://www.dodge.com/en/2012/journey/

        Quanto deveria custar esse Spin então?

        Quem defende esse carro como boa compra deveria se envergonhar!!!

    • Long_life_tobigcars

      Não se revolte! Moramos em um país de terceiro mundo com o povo mais ignorante do mundo sem nenhuma vocação de exigência. Carros como esse que você postou é projetado para pessoas desenvolvidas como nós aqui que exigimos qualidade mas sempre ignorados pelos fabricantes locais.

  • wrlopes

    Sinceramente, isso é interior de um carro de 50k ou eu é que estou fora de minhas condições psíquicas???????
    Meu Deus do céu!!!!

    • PortoWF

      Não esta não, a qualidade de alguns itens como os botões de ventilação e ar é deprimente

      • tiards

        Assustei com o interior também.
        Por favor né, CENTRAIS MULTIMÍDIA de fabrica em um carro desse patamar $$ né GM.

        • epicentro01

          Cara, se nem o Azera, que custa 3 vezes isso vem com central multimídia de fábrica…..

    • spok

      Isso é a ridicula e forcada reducao de custo… pq é facilmente ajeitavel… coloca uma multimidia, aqueles espacos laterais deveriam ser saidas de ar e um ar descente. Pq o desenho em si nao é feio, só a qualidade que é pífia.

    • zzzepa

      valer não vale..mas eles insistem pra voçê acredite nisso, importante é questionar sempre esses valores..e principalmente não ceder…sobem tanto o valor do carro, que nem precebem que invadem o espaço de carros melhores, inclusive deles mesmos…

  • Jaaggg

    Acho que todos 1.8 16v do mercado tem mais torque que o da GM pode ser que ele apareça mais cedo porem na estrada motor 8v morre

    • O_Corsario

      Depende! Depende da velocidade que vc está, da velocidade que vc quer, do escalonamento do câmbio, etc etc…

    • marcelo_ricardo

      Na estrada a 2700rpm esta bem proximo do torque maximo, não morre não.

      • AutoIng

        Pior que "morre", pois o que a gente usa na prática é potência (que por sua vez é função do torque e da rotação). Mesmo que a maior parte do torque máximo venha a 2700 rpm, isso vai te gerar no máximo algo próximo da potência declarada (106 cv). Pisando mais chega a esse valor e estaciona, ou seja, o limite são os 106 cv e pronto. É o tipo de motor que não evolui tanto com o giro (curso longo com cabeçote 8v e baixa potência, não é feito pra pisar decididamente). Vai empurrar o carro somente o necessário, nada mais. O problema é quando ele estiver totalmente carregado na estrada, ou quando o dono ver que a concorrência tem motores bem mais fortes pelo mesmo preço.

        • Edson Roberto

          Bem… creio que falamos de ficha técnica e não andamos. Esse motor e pelo tipo de uso do brasileiro dá conta do recado sim.

          Auto, eu e vc tudo bem, mas quem disse que brasileiro sabe o que é trabalhar o giro do carro? O brasileiro gosta mesmo de motor que gira pouco e entrega rotação em regimes baixos. Ele gosta é de jogar uma quinta e ir com ela até onde puder mesmo em subida ingreme. Portanto, acho que esse motor mesmo antigo, vai fazer sucesso. E lembrando que ele carregava muito bem Idea, Meriva, entre outros…

        • marcelo_ricardo

          Esse carro não é pra acelerar igual doido, é pra andar.

          a 120 um carro precisa de uns 30 e tantos CV de potencia pra manter, quando chega uma bela subida, precisa de torque.
          Essa falta de potência vai ser mais sentida em ultrapassagens.

  • pririmarvil

    10 km/l e o motor foi "melhorado" para obter melhor consumo e desempenho???
    A JM (Jurassic Motors) agora quer mudar o significado das palavras também?

    • simoloko

      No Etanol, 10km/l na MÉDIA, qual automovel faz isto?

      Você assiste ao Vrum? Sabe que este programa tem o único medidor real de consumo da imprensa especializada?

      Então: Nem o Palio, da patrocinadora do programa, fez médias de Etanol acima de 8 km/l.

      Se o Eber fez o teste e disse que é isto, no ETANOL, está ÓTIMO!

      Fico me perguntando: O que você entende de automoveis para dizer tamanha falta de conhecimento?

      • pririmarvil

        Se você acha que pra um carro de 45k, no ano de 2012, fazer 10km/l de etanol na "estrada" é uma grande coisa, então estamos realmente perdidos, pois os carros antigos com motores só a álcool faziam bem melhor, e isso há uns 20 anos atrás.
        Onde esta a "EVOLUÇÂO"????

        • luta4ever

          Não tem evolução, motor flex é enganação, não é eficaz nem com um nem com outro combustível.

        • AutoIng

          Livina (tanto a 1.6 16v quanto a 1.8 16v) fazem mais do que isso, e com mais força.

          • vitimsl

            Automática??? Exigindo mais do motor como o proprio editor comentou??? Duvido!

            • fschulz84

              Sim, acredite mas faz… Meu irmão tem uma SL 1.8 AT, mesmo com 4 marchas, a 120km/h na estrada, está a menos de 3k RPM… Consumo médio no etanol na estrada: 11 km/l… Na gasolina, se reduzir um pouco a velocidade, chega a 14-15 km/l

              • vitimsl

                Sim kra, nestas condições pode ser. Mas viu o que o editor disse no texto? "e como era um teste, exigimos mais na aceleração, o que eleva naturalmente o consumo"… Coloque a Livina nestas condições… deve fazer igual ou menos, principalmente devido ao seu cambio. Mas de toda forma, o consumo do Livina é muito bom tb.

        • simoloko

          Você sabe ler? Sabe o que é MÉDIA? Média não é consumo na estrada nem na cidade: É a medida existente entre ambos.

          Tá: Por isto não dá para conversar por aqui. O povo não lê, não entende a semântica das palavras e comenta dando a impressão do baixo nível intelectual que tem. Pior ainda são os 15 joinhas que não lêem nem 1/4 do que o oturo escreveu…

          • pririmarvil

            Cara, não vi ninguém te desrespeitar do jeito que você está fazendo, isso mostra que ter conhecimento não é ser sábio, e nem educado, já que o seu nível intelectual é tão mais avançado que o nosso, não perca seu tempo lendo meus comentários ignorantes e vá procurar alguém do seu nível.

        • luidhi

          Você está equivocado, o Monza 1989 fazia 12 km/l no alcool

      • Tejolo

        Ele "supõe" que esteja com etanol. Pela avaliação do UOL, o consumo é alto. E como o carro deve estar muito pouco rodado, é possível (inclusive na minha opinião provável) que esteja com gasolina. Consumo de carro em teste é impossível de tomar como base, ainda mais pisando como disseram.

        • Eugenio C.

          Pela avaliação da 4 Rodas, o consumo também foi alto…

    • marcelo_ricardo

      10km/l com alcool na estrada…

      Que carro faz mais que isso além de Uno?

      • duduguazzi

        Sandero 1.6 8v fez 10,5 km/l com etanol na ultima viagem que fiz de Floripa – Curitiba. Mas não uso mais o etanol definitivamente pois na gasolina ele faz 15 a 15,5km/l .

        • vagnerclp

          Eu reforço o que vc diz em relação a gasolina. O meu sandero está fazendo a média de 14 km/l, tem hora que eu penso que está errado, mas no pc de bordo marca esta média e na caneta a conta fica apenas 0.1 de diferença.

          • marcelo_ricardo

            Mesmo consumo que meu Corolla.

        • marcelo_ricardo

          Compare o tamanho dos carros

          Um carro com motor maior e carroceria maior, não é ruim uma diferença de 0,5km/l

          • AutoIng

            Tudo bem, pode ser o Livina então. É mais potente e mais econômico.

            • marcelo_ricardo

              E mais apertado.

      • Eugenio C.

        O futurista Astra 2.0 Flexpower faz 10,5 de álcool na estrada com folga.

        • marcelo_ricardo

          Astra é mais leve e tem melhor aerodinamica.

      • simoloko

        Meu Cruze automático faz 10 no etanol na estrada e 16.9 km/l na gasolina a 110km/h.

        O Peugeot 207 Hoggar da empresa 1.4 faz 13 no Etanol, enquanto a Courier 1.6 faz 11 km/l.

        Meu Focus é 2009 (modelo novo, AT4 e mono), então julgo bom os 16km/l que ele faz na gasolina.

    • eeeeeeedu

      hehehe não tem uns V6 da vida aí que têm um desempenho melhor? kkk

  • FabioEsp

    Olhar esse motor em um lançamento de 2012…dá vontade de chorar de tristeza. Sério.

    • simoloko

      Para o pai de família que viaja com prudência e segurança, está na média.

      Meu Dodge antigo tem muito mais cilindrada do que este automovel e só tem torque para queimar pneu….

  • O_Corsario

    Vou repetir o que disse no outro tópico:
    "Mais do mesmo".
    As pessoas gostam de meter o pau na renô por ter trocado sua linha francesa pela da Dacia, mas a GM está fazendo exatamente o mesmo, tirando os excelentes carros de origem Opel e colocando no lugar modelos de baixo custo. A Spin é ótimo exemplo, pois vemos que pouco mudou para melhor, a maioria não mudou e ainda temos coisas que mudaram para pior, por exemplo o ótimo sistema de bancos da Zafira que sai para dar lugar para um sistema pior.
    Sejamos sinceros, dá para comparar a versão "top" desta spin com a Zafira? Até mesmo a Meriva, já bem cansada, para mim, parece ainda estar em pé de igualdade não apenas no design mas na qualidade geral do produto, naquele capricho que normalmente sentimos mas não vemos exatamente onde, que fica bem claro quando comparamos projetos para o primeiro mundo com projetos para os "emergentes".
    Os novos lançamentos me parecem quase todos carros empobrecidos, mal desenhados, desleixados mesmo.
    Desculpem o post longo mas vale não só para Spin mas para quase tudo que está aparecendo por aí.

    • GirafaBranca

      Parece que o novo ecosport segue o mesmo conceito.

      • Tripa-Seca

        Permita-me discordar: Compare essa versão do Ecosport com a versão atual, e com seu principal concorrente, a Duster. Os equipamentos da baiana a Paranaense nem sonha em oferecer. O interior PARECE uma clara evolução do anterior do antigo. Todos os lançamentos da GM, nenhum inovou muito em relação ao antigo. Não parece ser o caso do Ford.

      • fredggp

        Acho justamente o contrário. Evoluiu bem mais que a GM. Sei que beleza é um item subjetivo, mas a Ford está trazendo carros bem atraentes para o público em geral, quero dizer, sem possuir detalhes polêmicos.

        • PortoWF

          concordo, acho q o grande problema dos carros da FORD é o preço, pq os carros são bons.

    • simoloko

      O Spin tem plataforma, mecânica e motor Opel.

      Plataforma: Toda a estrutura que envolve carroceria e chassis. A Gamma II (Opel Meriva e Corsa) e a Delta II (Cruze, Cadillac ATS, Opel Astra e Buick Excelle), apenas são fabricadas na Alemanha, de onde partem para todo o mundo.

      Agora serei bem sincero contigo: A diferença MONSTRUOSA que a Chevrolet, Honda e Toyota e VW do Brasil têm para as demais é uma coisa que vai além do teu comentário, colega "O_Corsario". Enquanto muitas partes das linhas de montagem na PSA, Fiat e Renault fazem soldas em menores quantidades e têm equipamentos aquém do necessário, as fábricas da GM (São Caetano e São José dos Campos), Ford (Camaçari apenas), Honda, Toyota e VW (São Bernardo apenas) têm equipamentos muito melhores para pintura e solda, muito à frente delas mesmas na Argentina, por exemplo.

      Vem me falar de "qualidade geral do produto"? Só aceitaria teu comentário se tivesse um argumento melhor, mas o equívoco demonstrado pela falta de conhecimento ao comparar Chevrolet com Dacia, acabou com todo o respeito que você poderia ter se não fosse um leigo palpitando naquilo que não sabe.

      Não sou engenheiro, mas minha esposa é, bem como o primo dela, que é Chefe na Ford Motor Company. Tenho vários amigos engenheiros de várias fábricas, e escuto muitas opniões de todos.

      Infelizmente, tem gente com má fé ou má vontade com marcas, como se fosse time de futebol para se torcer "contra".

      Criam-se mitos (Chevrolet beberrona – o meu Cruze é mais econômico que meu New Civic), Ford ruim de venda (certa vez anunciei meus Civic e Focus, e só tinha propostas para o Ford, e por muito custo vendi o Honda), Fiat não faz carro para classe média (Bravo não é primor em engenharia mecânica, mas tem um acabamento melhor, mais conforto e muito mais luxo que Hyundai e Honda), carro francês não presta (Peugeot e Citröen são conhecidos pela excelente tecnologia, estabilidade e resistência a toda prova – na Europa, enquanto no Brasil vejo muita gente que faz manutenção em dia ter seus modelos sem dar 01 defeito em anos) e Hyundai é marca de status (quando na verdade, Elantra e ix35 vêm da China com soldas porcas e equipamentos espartanos, além de coreana ser o equivalente a um chinês para o americano e europeu).

      Hoje, tem automoveis com soldas ruins de todas marcas, menos Honda e Toyota, que cobram a mais pelo custo que têm para garantirem um bom produto. Chevrolet de Gravataí tem ferramentais antigos, que eram de SCS; Ford de SBC está aquém dela mesma em Camaçari, e por ai vai…

      Enfim, este tipo de gente não curte automovel: Curte a marca que sempre teve na garagem. Eu já tive Fiat, Ford, Chevrolet, Honda, Toyota, Audi, Mercedes-Benz, Renault……. hoje tenho Ford e Chevrolet, marcas que admiro pela história que sempre tiveram, e que deixam feliz pelos excelentes produtos que comprei. Depois, terei outro Honda porque gostei da marca. Quem, sabe até não comprarei um Peugeot ou Citroën um dia? Este lance de preconceito e nhe nhe nhe me irrita……

      • trimmador

        Te irritando ou não:

        - O carro é horroroso;
        - O novo motor é fraco;
        - Custa muito caro pelo que é.

        Outra coisa: ainda que leigos, como a maioria aqui é – isso me inclui, não tira o direito de cada um de opinar. Acho que vivemos em um país democrático (até onde eu saiba ainda é democrático).

        • Rafa_el

          Sua liberdade de expressão é garantida pela Constituição. Liberdade, claro, seguida das responsabilidades.

        • guatura

          Na minha opiniao ficou bem interessante.
          7 lugares, cambio automatico de 6 marchas, acabamento espartano mas interessante.
          A top esta com valor aceitavel, e a tendencia é cair apos alguns meses do lancamento….
          Pelo que tudo indica a nova Blazer ficara no lugar da Zafira (sei que o segmento é outro, mas atendera a mesma proposta familiar).. as ultimas Zafiras estao custando 70 mil, absurdo

          • fschulz84

            Não lembro quando nem onde, mas ouvi falar que a Blazer seria algo pra concorrer com Edge, SW4 e etc…

            Se for isso, não tem como substituir a Zafira se custar mais de 100k…

        • Eugenio C.

          E ajudando um pouco: em comparação com os carros que substitui, é um retrocesso no nível de qualidade.

      • Pilot_evolving

        Senhor "simoloko" .. tive a oportunidade de aprender um pouco mais sobre carros, lendo seus post's .. claro que eu filtrei o que era necessario, não 100%.
        Mas a pergunta que não quer calar e gostaria muito da sua opinião, se possivel é claro, pois até o momento você falou bem do carro, da engenharia, do projeto em si.

        – Mas você compraria este carro saindo por mais de 44 mil reais, pois 44 mil é preço inicial "ilusorio" e colocaria na tua garagem? Andaria tranquilo na cidade com uma geringonça dessa?.

        Sinceramente este carro pode ter uma "engenharia respeitavel", como colocado em pauta por você no post anterior. Mas torno a lhe perguntar, você teria coragem de comprar "isto"? .. para mim, isto é um desrespeito enorme que a GM tem com seus consumidores.. alias, "ex" .. pois tive um cruze durante 5 meses, para nunca mais!

        Sem mais.

        • Leandro1978

          A pergunta não foi para mim, mas eu compraria, sim, a Spin, caso atendesse às minhas necessidades. Assim como, veria o que a concorrência oferece. Andaria sem problemas nesta "geringonça" pela cidade, pois compro carro para mim e não para os outros. Se fosse o caso, a compraria sem dúvidas. Quanto ao preço ser "ilusório", realmente, é só esperar a fase de lançamento passar que os preços serão menores, isso ocorre com a grande maioria dos modelos de qualquer marca.

        • simoloko

          Pilot, se eu tivesse 3 filhos e não tivesse condições de ter algo melhor, eu compraria sem medo.

          Porém, pesquisaria também o Nissan e o pensaria em um sedã médio usado como o Ford Focus 2011 automático que dá para achar vários em torno de 46 mil com os novos incentivos do governo (ele ainda teria 02 anos de garantia de fábrica).

          Porém, para um jovem, isto é muito feio e não dá. Tenho 30 anos e não tenho filhos ainda. Se fosse nessa situação, compraria um Civic 2009 automático que vale mais a pena.

      • Matheusbio

        Mas que a chevrolet só tá fazendo porqueira, isso está

      • nanico_04

        olha, eu sou engenheiro e trabalhei no projeto do Spin desde a epoca das mulas com carroceria de meriva.
        eu concordo com td oq vc disse.
        o meu vectra 2.0 com 128cv fazia 7,5 em sao paulo com o ar ligado e eu tenho o pe bem pesado.
        quanto a parte das soldas, a VW eh a unica a usar solda a laser nos carros aqui no brasil.
        o preço do Spin ta otimo pro carro que e pra lista de opcionais.
        o Fit mais barato sai pelo preço do Spin top e eh 1.4.
        o pessoal ta reclamando muito por inércia… sempre reclamaram e querem mater a reclamçao em pontos errados, como potencia, e preço.
        fato é que nao tem carro como esse por esse preço com esses equipamentos e isso deve ser elogiado, afinal, isso nao eh comum em nosso mercado.
        por mais que eu ache que o preço poderia ser menor, ele esta muito abaixo dos concorrentes e ate de carros abaixo dele.
        quem imagina quando começarem os descontos.
        eu quero ver guerra de preços e a vw correr atras com a spacefox, a nissan com o livina, a fiat com doblo e weekend….
        eh assim que começa a queda de preços no nosso mercado.

        • Leandro1978

          Pois é, o pessoal reclama, reclama, sem ver o que a concorrência oferece. A Livina, por exemplo, só oferece o abs na versão top, que custa R$ 54.000. Comparando ambas pelo preço de entrada, a GM oferece muito mais. O pessoal aqui critica o mercado nacional, falando que é preconceituoso e tal, mas emitem opiniões tão preconceituosas quanto. Adoram certas marcas e apedrejam outras, independentemente da qualidade do produto. Pode ter certeza de que, se a Spin fosse da Nissan ou Renault, por exemplo, seria a "melhor" minivan do mercado, inclusive falariam que ela é linda.

          • fschulz84

            Você diz a Grand Livina né?

            Pois a Livina SL AT é encontrada em diversos lugares por menos de 49k…

            A SL MT (que tem ABS também) pode ser encontrada por 46k

        • Rafa_el

          O Fit DX, o mais básico, sai por: 47.930 com a isenção do IPI e a Spin Básica sai por 45k.

          Mas considerando tamanho, equipamentos e motorização da Spin, o preço do Fit ainda está numa faixa acima.

          No fim das contas, na hora do cara comprar o carro, a subjetividade manda muito.

        • guatura

          Concordo, nao adianta comparar com o 1o mundo, esse carro tem tudo pra mudar o segmento e forcar os precos a baixarem junto com a Livina.

          é sim inferior a Zafira, ninguem duvida disso, mas os precos tambem sao inferiores, o que vai dar uma margem para a Chevrolet inserir a Blazer…

          Concorrencia é sempre concorrencia, comprando e gostando ou nao, todos nos sairemos ganhando.
          Em comparacao com Meriva, esse carro evoluiu em varios aspectos

        • JPaulo10

          Nanico_04, por que a GM não comparou a Spin à Citroen C3 Picasso, também familiar e com motor e preço próximo ao da Spin?

          • nanico_04

            o motor soh eh proximo em potencia pq o torque do 1.5 eh muito inferior ao do 1.8 da GM o que da uma bela vantagem em desempenho.
            dei uma ohada rapida na lista de opcionais do C3 picasso e nao vai muita diferença, acho q soh o retrovisor eletrico me chamou atenção, o resto parecia igual, mas teria que ver com mais cuidado.
            eu acho q o pessoal do marketing esqueceu do citroen.

            • Edson Roberto

              Pera lá…. o Citroen citado NÃO TEM de série nas versões mais simples Air Bag e ABS.

              Portanto o Spin ainda é mais completo.

              • nanico_04

                Cara, eu tinha visto no site da citroen hj de manhã e parece q tem sim, mas posso ter visto errado.
                Mas esse 1.5 deve ser manco ….

      • Rafa_el

        Anyone coments????

        Amigo, simplesmente esclarecedor.

        Nada como uma opinião embasada.

      • O_Corsario

        Bom, acho que seu desabafo é muito válido, inclusive concordo em grande parte com ele, especialmente a parte do preconceito.
        Eu sou sim um "leigo", não sou engenheiro nem nada do gênero nem vou fingir que sou.
        Dou minha opinião aqui como consumidor, o que é muito válido, pois a grande maioria dos consumidores de carro naõ são engenheiros nem técnicos da área e nem precisam ser.
        E, como leigo, a IMPRESSÃO que eu tenho é que estes carros estão cada vez mais pobres e com cara de projetos feitos para o terceiro mundo.
        O lance da "qualidade geral do produto" é isso mesmo que vc falou, tecnologias que não são "vistas" mas sentidas. As soldas, para ficar no seu exemplo, são um caso desses, imagino que um carro que passou por este processo realmente terá uma qualidade a longo prazo maior. E isso está em toda parte, por exemplo em um acabamento de layout "sem graça" mas com encaixes preciso e bem feitos, coisa que só da para avaliar depois de rodar muitos quilômetros, não pela foto da internet ou na concessionária.
        Quer um exemplo? O polo, que tanta gente por aqui odeia. A construção dele ainda é uma das mais esmeradas (soldas a laser, chapas com espessura variável, etc etc), e o interior, sóbrio, é muito bem montado, pelo menos nas versões de topo ou mais antigas.
        Enfim, não disse que os carros da GM tem a mesma qualidade que os da Dacia, disse que a ESTRATÉGIA da Gm está similar à da Renault, onde estão sendo trocados os produtos de primeiro mundo por projetos para emergentes ou terceiro.

        • Edson Roberto

          Exatamente Corsario. O Polo também sofreu com o processo de maximização de lucro.

          Aqui no Brasil ao menos é assim. Não é dificil achar pessoas que reclamam de barulhos, desalinhamentos ou retorcer a carroceria com tempo de uso. E não falo apenas do Polo, mas de todos os carros.

          Quer ver um exemplo? O Palio de 1996 a 1998. As portas depois de 5 anos, começavam a ter problemas estruturais devido ao tempo e o tipo de reforço, verniz, entre outros produtos para evitar danos estruturais. Não é dificil encontrar os Palios dessa epoca com a porta parecendo uma onda de empenamento e desgaste com o tempo. Assim como o Polo sofre disso hoje. Infelizmnete as marcas e todas elas, tem sofrido desse mal.

      • kikofar

        Ótimo comentário. Mas em se tratando de "casca", o que aparece para nós consumidores comuns, e é o que está sendo apresentado até o momento. E até o momento, digo com toda certeza: A GM trouxe um carro feio e de acabamento pobre. Se o plástico do painel dura 100 anos, ok, mas que tem aspecto pobre, simplório, beirando o xing-ling, tem sim. hehehe Abração.

      • Edson Roberto

        Simo, curioso falar da Citroen e suas soldas.

        Pois a grande parte de problemas relatados por seus engenheiros é necessariamente voltada ao excesso de itens voltados a segurança. Ou seja, uma peça do modelo é bem montada mas com diferença na montagem para se precaver com batidas. Em contrapartida, detona o carro em uma batida levando diversas peças.

        Soldas porcas? Bem… segundo os engenheiros, o problema são os componentes que seguram o acabamento dos modelos. Pois estruturalmente eles são muito bem reforçados. Não a toa, tem até o teste de 60000km do Pallas que a QR fez para comprovar o que eu digo.

        Sobre a Hyundai, criou-se uma aura sobre o produto, mas esse está bem longe de ser ruim. As vezes esse excesso de vicio ao se dizer de um modelo cria-se um ponto de contradição.

        A propria Fiat ficou testando o Bravo durante um bom tempo para provar que ele está a toda prova. Quem tem amizade com engenheiros da Fiat sabe que esse carro foi pensado demais para suportar as coisas no Brasil. Só que uma coisa a Fiat apanha e muito de outras marcas: Como ela adora terceirizar diversos processos na linha de montagem, há visivelmente problemas em posição de peças, montagem e acabamento das mesmas.

        Ou seja, o produto é bom, ele é bem construido mas mal montado. Não é dificil ver um Bravo com material de acabamento muito bom, porém com rebarbas aparentes e alguns desalinhados.

        O Stilo era exemplo inclusive de pintura. Os parachoques eram pintados de forma terceirizada e não era dificil encontrar parachoque com cor diferente da carroceria. Assim como os puxadores de porta que também passavam pelo mesmo processo. As vezes em alguns modelos havia amassado pela forma de instalação.

      • http://www.raelcunha.com Rael G.C.

        Mas precisava, a Spin, ser FEIA DE DOER? A plataforma é boa, o interior embora passe uma sensação mais pobre que a Zafira, é superior a Meriva, mas o design… há anos não vejo uma traseira feita com tanta desproporções e desarmonia.

        E o preconceito contra Peugeot: ninguém discute que são excelentes produtos. Mas basta ver na Pesquisa Os Eleitos (da 4Rodas) onde os consumidores reais votam, e marca vem consecutivamente ficando como PIOR rede de concessionárias. Ainda, na 4Rodas, o total desrepeito que o 3008 recebe da concessionária, e na última edição, as concessionárias terem dado 15 mil reais abaixo do valor oferecido por garagens independentes.

    • Tejolo

      amigo, concordo com você. Apensar do texto pronto de resposta que a plataforma GM é alfa, beta gama, sei lá o que melhor do melhor do mundo, só quem é muito inocente acredita que QUALQUER montadora traria para o Brasil o mesmo padrão que traz para países mais exigentes. Na minha opinião, sou muito mais um carro argentino, mexicano (desde que exportado igualmente para o EUA), coreano legitimo do que qualquer nacional.

      • O_Corsario

        Pois é, o termo "plataforma" é meio genérico e usado muitas vezes aleatoriamente. E a partir da mesma "plataforma" pode-se gerar carros de alto padrão ou simplificados para o terceiro mundo.

        • kikofar

          Pois é… já fui "iludido" com esse negócio de plataforma… hehehe Sinceramente, olhando alguns carrões que tem plataforma dita "a mesma" de outros fabricados pro segmento de entrada, a impressão que tenho é que isso só é bom pra empresa que economiza em padronização de algumas peças ou etapas de fabricação.

          • fredggp

            É o que penso, essa modernidade toda produz vantagens, em certos casos, mais para a linha de produção e redução de custos do que para o consumidor.

    • epicentro01

      O povo ainda não entendeu que a Spin não é a Zafira, ela veio para concorrer com a Livina. E na minha opinião, entre Livina e Spin eu ficaria com a Spin, pois vai ser mais barata do que a Livina, isso sem falar no custo de manutenção, que com certeza é menor do que a Nissan. O povo reclama que não trouxeram a Zafira, mas se viesse a Zafira, esta teria o preço da C4 Grand Picasso.
      A estratégia da GM não é concorrer no segmento da Grand Picasso e sim da Livina, e neste sentido a competição vai ser boa, e, na minha opinião, com vantagem para a GM.

      • http://www.raelcunha.com Rael G.C.

        Mas se a GMB que afirma que veio pra substituir Meriva E Zafira, o que você espera?

  • Júlio César

    Choque de realidade do pessoal que só enxergam o lado ruim dos lançamentos de carros no Brasil: esquecem que moramos em um país ainda em desenvolvimento e insistem em comparar com os carros da Europa e EUA.
    Chega, né pessoal! Vira o disco.

    • pedrokike

      na boa, o que o país em desenvolvimento tem haver? além de não concordar com o que escreveu, concordo plenamente com quem reclama e esboça o desinteresse por esses ultimos lançamentos que estamos tendo. se os carros fossem pelo menos mais baratos devido a sua qualidade, até poderia ser uma justificativa plausível as carroças que estamos recebendo, mas pelo amor de deus, se fizer uma conversão mesmo do valor sem impostos nossos carros continuam com preços altos e qualidade ridícula, enquanto a massa brasileira não entender que o dinheiro vale alguma coisa temos que tentar colocar e difundir essa ideia, aí quem sabe nossos carros vão valer o que entregam…

      • Júlio César

        Tem tudo a ver país em desenvolvimento. Não é do seu tempo, mas já tivemos a pouco a chamada Reserva de Mercado. Basicamente FIAT, VW, GM e Ford detentoras do mercado automotivo nacional. Só acabou quando Collor disse que só tínhamos carroças e liberou a importação.
        Hoje veja as várias montadoras e marcas de carros temos no mercado. Só estamos começando a amadurecer nesse mercado.
        É inviável fazer um carro com a qualidade de um europeu ou americano pelo fato do custo de mão de obra, impostos, base industrial pouco produtiva, etc.
        Mas vamos enxergar que estamos avançando, não? Ou você queria que de uma hora para outra abandonamos todo o parque industrial instalado para os modernos e que passamos a fabricar os melhores carros do mundo?

        • luidhi

          Custo de mão de obra? Amigo, quanto ganha um operário europeu?

          Em tempo, os encargos lá também são altíssimos…

      • Rafa_el

        É "a ver" meus amigos.

        O verbo haver tem outra significação.

        • Alexdebrito

          Querem comparar a EUA e Europa, essa faceirice economica que esta ocorrendo aqui la nos eua aconteceu nos anos 50. estamos no minimo 50 anos atras em termos de economia. então temos que comparar nossa economia com india, argentina, africa do sul, paises de terceiro mundo em desenvolvimento. vão estudar antes de escrever bobagens.

          • RmouraTW

            Valeu Economista, vai dar suas crises de economia em fórum para tal fim, aqui se discute produtos de uma mesma marca que na Europa e EUA são equipados e seguros mas os mesmos em se tratando de Brasil são depenados e perigosos. A gente só quer o mesmo, nem digo mesmo preço pois PAGAR BEM CARO a gente já paga, então que pelo menos recebamos a mesma qualidade.

            E o BRASIL chegou no máximo que pode chegar, e tal muito bom tendo em vista a enorme quantidade de ignorantes.

    • kikofar

      Ok. Mas o carro continua feio, empobrecido e motor brochante! Aliás… toda a família Agile/Monstrana/Cobalt/Spin. Ohhh família feiaaaaa!!!!

    • Marciomaster

      Fato, chega a ser chato, ninguem mais comenta o carro é só choradeira, e sequer entendem que essa zafira européia se viesse, custaria 100k, a meriva opel, 80k, e disputariam outro segmento e não o de 45k dessa Spin, que é um bom carro pelo preço e só é cogitada como substituta da zafira porque a mesma (opel nova) não vai vir.

    • KARIOCADAGEMA

      QUE "DESENVOLVIMENTO" COMPANHEIRO ?? ACORDA!! SE TU ACHA QUE PAGAR CARO POR ESSAS B…. É PORQUE O PAIS ESTA EM DESENVOLVIMENTO E NÃO PODEMOS TER PRODUTOS DE QUALIDADE , VC. MERECE ISSO QUE ENFIAM GOELA ABAIXO !! FAÇA-ME O FAVOR !! ACORDA !!

    • marciors01

      Acontece que pagamos preços para receber estes carros de primeiro mundo, as montadoras só estão fazendo isso porque sabem que aceitamos, tem margens gordas que permitiriam vender estes carros europeus.
      Veja que se temos sedãs médios bem equipamentos custando sessenta mil o que impediria de uma meriva européia a partir de quarenta e oito ou cinquenta mil? Por qual motivo temos que receber carros deste nivel pegando caro?
      Se nossos carros fossem baratos ok, aceitaria receber a "espinho" da gm, mas não são baratos, pagamos caro por carros de terceiro mundo.

    • http://www.raelcunha.com Rael G.C.

      E nos anos 90, a GMB podia, né? E Ford, Peugeot, Citroen com carros mundiais?

    • luidhi

      Concordaria com tudo que você disse se essa jaca fosse lançada a R$ 25 mil.

  • Arthur_r

    é importada entao se paga os 35% ne? entao se fosse feita aki ou no mexico, custaria por volta de 35 mil!

    • Eugenio C.

      Não é importada, não… Pode desistir do preço "menos caro".

  • Dcyno

    Quem escreveu o texto não sabe o que é visual moderno, depois de ver a Zafira européia, dá vontade de chorar de raiva, aqui a GM só quer empurrar carroças para mercados emergentes, criaturas bizarras de baixo custo e alto preço, resumindo nós brazucas estamos f*didos e ainda pagando caro por essas m*rdas.

    • pririmarvil

      Enquanto tiver gente comprando é exatamente isso que eles vão continuar fazendo:
      "Empurrar lixo de baixo custo para país emergente guela abaixo, e isso porque como a população continua comprando é como dizer pra eles que eles podem continuar vendendo as porcarias, porque nós gostamos!

  • zemarreta

    As fotos e alguns dados confirmam algumas impressões que eu tinha de que ou ela involuiu ou não evoluiu em relação à Zafira:
    1. A terceira fila de bancos é inteiriça: vc não pode levantar apenas uma cadeira e usar o resto do espaço para bagagem.
    2. A terceira fila de bancos não desaparece no assoalho como na Zafira. Fica aquele "mondrongo" no porta-malas, atrapalhando a arrumação.
    3. A segunda fila não se desloca mais para a frente: muito mais difícil de entrar na 3ª fila.
    4. Perderam a chance de colocar um cinto de 3 pontos no assento do meio do banco traseiro.
    5. A segunda fila parece tão ou mais estreita que na Zafira.
    6. Os difusores de ar traseiros sumiram.

    Pelo menos parece que tem ajuste altura do cinto e do banco do motora, ao contrário da livina. Em terra de cego…

    • LeandroBalmant

      E perdeu o encosto de cabeça do meio do banco traseiro.
      Achava que a Zafira e a Meriva serião bem substituidos como aconteceu com Astra e Vectra, mas estava engando, o preço acho bom mas o resto é descartavel.

    • joniocosta

      E tem gente tecendo horrores de elogios ao projeto, digo de bizarrices automotivas…

    • DouglasPSa

      Hellooo

      Quanto custa a zafira e quanto custa a spin? Tem uma diferença bem grande de preço!

      E se a GM fez isso deve ser por que a Zafira não vendia tanto assim pelo seu preço. Achei que foi uma excelente troca devido ao custo bem menor e a melhor economia de combustível.

    • pedro_bh

      parabens GM… acabou de matar seu ultimo MELHOR CARRO…..

      agora é uma Chinesa no brasil….

  • diegolouro

    "A plataforma herdada do Cobalt, garante mais sofisticação, segurança e conforto." Sofisticação? Segurança? Onde um Cobalt é sofisticado?

    • simoloko

      Informe-se!!!!!!!!!!!!

      Plataforma do Cobalt vem para o Brasil diretamente da ALEMANHA, pois é a mesma do Corsa e Meriva NOVOS. É a chamada Gamma II – assim como a Delta II (Cruze, Cadillac ATS, Buick Excelle, Opel Astra), só é fabricada na Alemanha por questões de custo e de lá parte para o resto do mundo.

      • AutoIng

        Ahmm? Er… Simoloko por favor apague o comentário… Não tem nada fabricado na Alemanha, ela é todinha fabricada no Brasil, e usa inclusive várias soluções de projeto nacionais. Ou então eu trabalho na Alemanha e não estou sabendo :D

        • Sias

          Pois é AutoIng…

          E desde quando a plataforma garante mais sofisticação? A Spin até pode ter predicados mecânicos (a conferir) mas sofisticação nenhuma….

        • Edson Roberto

          Ta virando uma torcida danada aqui! E não é vc Auto!

          Po o cara fala da plataforma Alemã…. mas perai… vamos começar a levar dessa maneira???

          Então pronto… a GM NEM PRECISAVA trocar as plataformas. Afinal, elas foram desenvolvidas na Alemanha. (desde a do Celta até a do Cobalt e o Cruze). VW? Ta certa em manter o que tem aqui! É a plataforma PQ34, entre outras toda ALEMÃ!!!! Ford? Tem no KA a plataforma do Fiesta que é ESPANHOLA!!! E o FOCUS? Alemã!!!! Esqueça tudo!!!! Vamos continuar com os carros daqui… afinal tem tudo plataforma de lá……

          Agora, o mais importante: COMO SE TODAS AS PLATAFORMAS FOSSEM AS MESMAS DOS QUE VEM DO PRIMEIRO MUNDO. E tudo bem… plataforma é apenas a utilização de um item que compõe o carro, outras coisas determinam se ele é seguro ou não. Mas o cara vem me falar de plataforma como se por si só fosse a melhor do mundo. Perai, vamos lá: Se uma plataforma é segura, cade toda a rigidez estrutural que permita a todos os modelos receberem os 6 air bags de série em modelos da Alemanha?

          Pois bem, depois que nos tornamos uma nação exigente e com inteligencia para não permitir que andemos com carros inseguros, podemos dizer com razão e certeza que tal produto é realmente como lá fora.

        • simoloko

          Prove então, meu caro.

          Ela só sai da Alemanha por questões de CUSTO.

          E digo mais: A plataforma vem modulada, sendo soldada no Brasil (Exceção ao Cruze que vem inteira por ora por conta do CKD).

          Eu trabalho em uma multinacional e sei: mexo com milhares de dolares diariamente. Acontece isto: O custo é menor que impostos quando se direcionam todas produções específicas para apenas um local. Como a tributação brasileira permite regimes do Drawback a quem importa e exporta, sai muito mais em conta para as montadoras trazerem as peças sem PIS COFINS, ICMS e IPI, pois o CUSTO da produção já fica reduzido na ALEMANHA, que importa commodities da China (aço, carbono, cobre, zinco…) a um custo muito menor do que se fizesse isto em cada filial do mundo.

          Por exemplo: O motor Sigma da Ford equipa automoveis do mundo inteiro com alumínio vindo do Brasil. Com as exportações, a Ford traz mais matéiras primas pelo Drawback.

          Vocês falam as coisas sem argumentos. Deveriam respeitar a opinião alheia de quem conhece. OK? Ficaria mais bonito.

      • diegolouro

        OK,o Cobalt é um Agile sedan,o Agile é baseado numa plataforma alemã realmente,mas é a do nosso primeiro Corsa,de 1994. E para premiar tal plataforma usam um poderoso e eficiente 1.8 8V de 107cv (mais fraco que meu 1.6 16V com mais de 15 anos de estrada). A GM já não tem nada da Opel,já era. Você acha que projetar uma plataforma moderna,que prevê uso de diversos equipamentos de segurança (ABS,ESP,ASC e outros),e depois tirar tudo isso é viável? Aceite que depois do Vectra B a GM não fez mais nada que prestasse aqui no Brasil. E ainda vem empurrar um 1.8 Ecotec 16V que já existe na Europa a mais de 10 anos como se fosse moderno.

        • Tripa-Seca

          "… Você acha que projetar uma plataforma moderna,que prevê uso de diversos equipamentos de segurança (ABS,ESP,ASC e outros),.."

          Espera, espera: Plataforma são elementos mecânicos, e esses citados são elementos eletrônicos! Nada tem a ver com plataforma…
          Gosto dos posts da GM para ver o conceito do pessoal sobre plataforma…

          • diegolouro

            Então você projeta uma base e depois coloca o que quiser (ou não) em cima dela? Vai nessa…

            • Tripa-Seca

              Sinceramente, não sei. Mas queria uma explicação técnica, não baseada em achismo, do porque não se pode ter ABS e ESP em um Fiat 147, por exemplo:
              E não quero ler "Porque o carro não foi concebido para essa tecnologia". Ok, não foi. Mas qual é o problema técnico de colocar esses sistemas nele. O que impede? Não dá para colocar sensor nas rodas, o cofre do motor não comporta….
              Você me responderia o que impediria uma plataforma de receber esses itens? Aliás, sabe o que é uma plataforma?
              Ou dúvida sem ter nenhum motivo plausível?
              Fico no aguardo de suas respostas.

              • Edson Roberto

                Bem, Tripa, nem precisa. Isso porque a plataforma do Agile é diferente do Cobalt. Já começa por ai.

                Sobre a plataforma, ela pode aceitar dependendo da flexibilidade da mesma, diversos carros. Mas porque não é possível inserir então os equipamentos de segurança em determinados modelos?

                Bem, além da capacidade de rigidez estrutural, será que o produto tem componentes preparados para resistir a um impacto? Quero dizer, será que a chapa de construção, componentes foram preparados para tal impacto? Pois não adianta colocar um Air Bag se todas as chapas de proteção sucumbem fazendo com que até o motor entre no habitaculo?

                Enfim… se fosse tão simples como uns aqui acham que parecem ser, porque a Kombi estaria em uma tentativa desesperada da VW em manter ela com a rigidez correta para impactos? E não adianta… o trabalho excessivo que a VW faz, é querer reinventar a roda. Pois ela tem um produto com a segurança necessária. Ela só gostaria de manter a maximização do lucro que uma Kombi permite. E ela sabe que haverá migração para as outras marcas quando esse deixar de ser produzido. E acredito em um ponto maior: Tenho certeza que a Kombi terá em seu fim de vida, um recorde de vendas, pois não será mais possível achar um utilitario robusto para o que se propoe (mesmo abrindo mão de segurança, ergonomia, entre outros).

                Enfim, não quis te dar exatamente uma resposta, mas sim mostrar (apesar de vc sabe) que falar apenas de plataforma sem qualquer outra caracteristica do carro, não o torna seguro.

              • Edson Roberto

                Bem, Tripa, nem precisa. Isso porque a plataforma do Agile é diferente do Cobalt. Já começa por ai.

                Sobre a plataforma, ela pode aceitar dependendo da flexibilidade da mesma, diversos carros. Mas porque não é possível inserir então os equipamentos de segurança em determinados modelos?

                Bem, além da capacidade de rigidez estrutural, será que o produto tem componentes preparados para resistir a um impacto? Quero dizer, será que a chapa de construção, componentes foram preparados para tal impacto? Pois não adianta colocar um Air Bag se todas as chapas de proteção sucumbem fazendo com que até o motor entre no habitaculo?

                Enfim… se fosse tão simples como uns aqui acham que parecem ser, porque a Kombi estaria em uma tentativa desesperada da VW em manter ela com a rigidez correta para impactos? E não adianta… o trabalho excessivo que a VW faz, é querer reinventar a roda. Pois ela tem um produto com a segurança necessária. Ela só gostaria de manter a maximização do lucro que uma Kombi permite. E ela sabe que haverá migração para as outras marcas quando esse deixar de ser produzido. E acredito em um ponto maior: Tenho certeza que a Kombi terá em seu fim de vida, um recorde de vendas, pois não será mais possível achar um utilitario robusto para o que se propoe (mesmo abrindo mão de segurança, ergonomia, entre outros).

                Enfim, não quis te dar exatamente uma resposta, mas sim mostrar (apesar de vc sabe) que falar apenas de plataforma sem qualquer outra caracteristica do carro, não o torna seguro.

                • simoloko

                  Edson, tem gente aqui que é bobeira perder tempo.

                  Sinceramente, acredito que falo com pessoal com menos de 20 anos.

                  Pôr Airbag em um Mille é inviável por conta da pouca flexibilidade e da falta de espaço para caber o dispositivo dentro da plataforma.

                  A VW e a Ford são minhas clientes, tive oportunidade de visitar as linhas de montagem, conheço vários engenheiros, etc…

                  Tem gente dentro da VW que é só elogios para o custo da Toyota, mesmo tendo uma fábrica até mesmo mais à frente da japonesa na linha de montagem. Outros dentro da VW, admitem que o Gol é soldado a laser para ter menos tempo na produção, já que a estrutura toda é de uma liga metálica mais fraca. Outros da Ford, jamais comprariam um produto da marca sem ser new Fiesta, Focus, Fusion e Edge – outro até me admitiu que se o Focus fosse fabricado no Brasil seria 10x melhor do que o da planta de Pacheco.

                  Enfim, quem conhece de automoveis, não critica coisas sem embasamento ou no "chutometro".

        • Vero_2011

          Cara, vc está por fora… O Agile utiliza a jurássica plataforma do Classic sim, mas o Cobalt utiliza a plataforma Gama e, ao contrário de alguns comentários acima, esta plataforma não vem da Alemanha, vem da Coréia!

    • Tejolo

      Não fala mal da plataforma GM que a resposta pronta virá…… ainda bem que algumas pessoas como você ainda tem a sensibilidade de enxergar que o que vêm para o Brasil é o que o brasileiro aceita: qualquer coisa……

      • Vero_2011

        Concordo. O povo brasileiro é um povo resignado mesmo, aceita qualquer porcaria! As montadoras daqui só querem lucro, e tiram qualquer equipamento, seja de segurança, seja de entretenimento e até mesmo estrutural, para reduzir os custos das porcarias que fazem aqui.
        Todos carros começam com os sonhos dos engenheiros e designers, colocam vários equipamentos, vários itens de segurança e conforto, mas na hora de pegar aprovação para construir tudo isso, dão de cara com uma parede escrita em letras garrafais: NÃO TEM DINHEIRO!
        Depois de pronto, a porcaria vai para as concessionárias com mais de 60% de lucro para as montadoras!
        O Vectra custava R$ 15000,00 para a GM construí-lo, contando todos os custos, estruturais, matérias-primas, mão-de-obra, etc. Só não tinha os impostos. Suponhamos que o governo cobrasse 100% de impostos sobre o valor final de produção, que não é o caso, e este carro custaria 30 mil reais numa conta bem porca. Qual foi mesmo o último valor dele nas concessionárias???? 49 mil reais, certo?
        Coloquei o Vectra como exemplo, mas podem ter certeza, todas montadoras gastam a mesma coisa com modelos equivalentes!

    • kikofar

      Vou chorar sofisticadamente aqui enquanto isso… kkkkkkkkkkkkkk

      • Jorge_Armado

        Boa, rolei de rir mano! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKk

  • Eddu13

    Só na versão LTZ que é aceitável.

  • marcelo_ricardo

    Vai vender muito!

    44590 a versão basica que vem bem completa ja…

    Pessoal, aqui é BRASIL, esqueçam da Zafira Europeia, não tem mercado pra carro assim aqui.
    O salário minimo aqui é R$622

    • fschulz84

      Por esse conformismo que somos premiados com projetos piores do que são oferecidos até mesmo em países em condições piores que a nossa…

      Se o salário mínimo é baixo, o preço também deveria ser… Sei que vão vir vários aqui buzinando falando que se carro fosse muito barato, as grandes cidades iriam ser um caos maior do que já são e etc etc etc… Mas se fossemos um país sério, teríamos facilmente um bom transporte público que nos possibilitasse deixar o carro em casa para ser utilizado com a família nos fins de semana.

      E boa parte da culpa desse círculo vicioso é justamente deste conformismo…

      Da mesma forma que achamos natural pagar estes valores por um veículo, aceitamos pagar por outros bens de consumo, aceitamos toda a corrupção que vemos, aceitamos o comportamento errado que nós mesmos possuímos no trânsito, na rua, no mercado, no banco, no dia-a-dia…

    • Sias

      Tem mercado pra Zafira européia sim. Se a Citroen vende C4 Picasso e Gran C4, mesmo com o baita preconceito que existe, imagina a GM oferecendo as duas (Zafira e Tourer) aqui. Iria vender mais por ser "da GM" e por ser um carro de ótimo nível.

      • Vero_2011

        Cara, não dá para comparar… Olha o preço destes carros que você citou! Se a Spin custasse tudo isso seria outro carro, muito mais sofisticado! A C4 Picasso custa 89 mil reais. A Gran nem sei quanto custa, mas deve chegar a mais de 100. Por favor, se for comparar tem que o fazer comparando limão com limão!
        E a comparação, neste caso, é só com a Livina e com a Gran Livina. Estas são as concorrentes da Spin e vou te dizer uma coisa, eu fico com a Spin.

        • Sias

          Quem é que comparou a C4 Picasso com a Spin???? A Gran, já que pelo vsito tu não pesquisou, custa 92 mil (site da Citroen).

          Lê o que escrevi: "Tem mercado pra Zafira européia sim. Se a Citroen vende C4 Picasso e Gran C4, mesmo com o baita preconceito que existe, imagina a GM oferecendo as duas (Zafira e Tourer) aqui. Iria vender mais por ser "da GM" e por ser um carro de ótimo nível. " Eu disse que a GM poderia importar a Zafira, e deixar esta naba de Spin para quem nâo tem grana para um carro decente.

          Limão é coisa de verdureiro….de feirante….

          • Vero_2011

            Desculpa, tens razão… Mas na verdade foi exatamente isso que a GM fez, um carro para quem não tem grana para comprar uma minivan descente. Pois para a GM não deve compensar trazer a nova Meriva ou a nova Zafira.
            Quem tem grana compra estes que vc mencionou.

            • Sias

              Eu já tive um Citroen e teria outro sem problema, nunca me deu dor de cabeça.

              Mas vejo a estratégia da GM, neste ponto, muito equivocada. Se a Citroen vê vantagem em importar a C4 (que também vem da Europa) acredito eu que a GM seria bem melhor sucedida se também importasse as duas (ou pelo menos uma delas). Eles estão nivelando a clientela deles por baixo, carros TOP na linha da GM hoje são a Captiva, o Cruze, o Omega e o Malibu (que praticamente não se veem nas ruas, o Omega não vale os 161mil que pedem), o resto é só popular.

              Abraço.

          • Vero_2011

            PS.: E nem que eu tivesse grana, pois tive uma Picasso e nunca mais quero Citroen.

    • DougSampaNA

      Salario de 662, IMPOSTO DE NORUEGA, com SERVIÇOS DOS PIORES PAÍSES DO MUNDO, só se salva POUPATEMPO, que ainda mantem boa qualidade…ôoo país ordinário de politicos de 4o mundo, até palhaço consegue se eleger, graças a alguns milhares de palhaços com titulo na mão…putz… RASGUEMOS NOSSOS TITULOS DE ELEITOR!!!!!!!!

      Este motor não presta, dá problema em cabeçote, eu tive uma meriva que com 37 mil kms travou tucho hidraulico aberto a noite..de manhã, na virada de chave, um estalo….1200 reais pra arrumar…MOTOR FAMILIA 1 só com 3 anos de garantia no motor NO MÍNIMO. pRA NÃO DIZEREM QUE NA MERIVA FOI CASO ISOLADO, eu tive outros 2 GMs com estes familia 1 que tambem deram problemas no cabeçote, entre 68 e 80 mil kms….to foooooooooooora.

  • fabiobnu

    Chuta que é macumba.

  • Tiago_brito

    Cade o tripa?? e muita coincidência mesmo todos os lançamentos desse ano ja vim com Abs e Ab2, ou as montadoras estão ficando muito boazinhas mesmo rsrsrrsrs o proximo lançamento vo ficar no pé dele tbm kkkkkk.

    • JaoSilvestre

      coincidência não, mas, LEI…

      • Tiago_brito

        E que o tripa disse que e so obrigado a partir do ano que vem, e TODOS os lançamento desse ano ja estão vindo com os itens, e que a lei ja esta valendo para os lançamentos desse ano, se não as montadoras estão muito boazinhas com o Brasil pra adiantar um ano, quase uma mãe kkkkk.

  • tarcioac

    Ainda acho bonita. O que eu não gostei mesmo foi a traseira que ta esquisita…

  • JonathanAbud

    Olho para essa traseira e além de achar feia, acho que falta alguma coisa nela. Não sei, mas parece muito vazia, monótona… As cores dos detalhes das portas, internamente falando, para mim seriam melhor se tivesse sido invertida, sendo a maior parte em tom escuro e a menor parte em tom claro, acho que casaria melhor com o console do carro. Bem que a GM poderia fazer o que a Opel fez com o Astra, no lugar de deixar um GPS tosco pregado no vidro do carro, poderia tirar aquele porta objetos lá de cima do painel, fazer um prolongamento com um espaço e o GPS ficar embutido, mais ou menos assim:

    <img src="http://opelastrah.com/facelift/opel_astra_h_facelift3.jpg"/&gt;

    Os bancos parecem ter bom apoio e serem confortáveis. O resto só posso falar após teste drive…

    • DougSampaNA

      esta foto mostra o que pensam de nós quando projetam um carro, se cagam de rir perversamente no que vão piorar pra poderem LANÇAR no mercado nacional…Spinhoso produto nacional..
      O modelo da foto é o que nós assim como os europeus quebrados mereciam ter acesso, mas no país da prestação que cabe no bolso, povo não analisa, não exige…ufa…desisto.

  • diogo_rs6

    Ok, já pensei num Marketing para a Livina, justamente para mencionar a falta de potência da Spin:

    Vc quer uma minivan com cavalos ou pôneis?????

    "Pônei maldito, pônei maldito, venha com a gente mancar
    Odeio malas, odeio estrada, que nojinho
    Não vou sair do lugar" (podemos melhorar o Jingle é verdade)

    <img src="http://blogs.estadao.com.br/jornal-do-carro/files/2010/12/LIVINA_1.jpg"&gt;

    <img src="http://mudancadeplanos.files.wordpress.com/2011/08/ponei-maldito.jpg"&gt;

    • http://conhecimentoearte.wordpress.com luanpb

      A Livina agora é a mais linda do segmento!!

      • jeremias88

        J5 e Livina (na minha opinião)

        • http://conhecimentoearte.wordpress.com luanpb

          lembrou bem! J5 acho o Jac mais bonito.

        • Tiago_brito

          A van da jac e a j6 o j5 e o sedan ok;)

          • jeremias88

            ah é, desculpem a falha! é j6 mesmo!

        • paixaoporcarros

          J5 ou J6 amigo? J5 é sedã médio, tem nada a ver com o segmento!

      • nanico_04

        cara, o Spin nao eh feio, eh soh visualmente desfavorecido.
        e pensa q podia ser pior, poderia ter a cara da monstrana.

        • eeeeeeedu

          "visualmente desfavorecido" huahiahiuahuiah boa! Agora não vou chamar os outros de feios, vou dizer que são "visualmente desfavorecido" kkk boa cara!

          • Eugenio C.

            Não se esqueça daquela propaganda do Cobalt em que seguiam um guincho e ofereciam um Cobalt para os motoristas dos carros quebrados irem ao trabalho… e uma motorista comentou que a resposta do motor era "educada"… rsrsrsrs.

            Chevrolet Spin: motor educado e visual desfavorecido.

            • eeeeeeedu

              haushuhasuhaushuas muito bom hiahiahaihiahia

    • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

      A Spin LT concorre com a Livina que custa 44mil, e a Nissan como sempre não oferece ABS. A diferença de potência é irrisória, e as retomadas empates. Não tem sentido.

    • MM_

      A Nissan deveria colocar ABS na Livina antes de falar qqr coisa dos outros.

    • Rafa_el

      Se a Nissan parar com essa porcaria de carro Japonês fica melhor para ela.

    • marciors01

      Verdade, falavam tanto da livina, tanto por dentro quanto por fora ela dá um banho da spin, e ainda vence em motorização e desempenho, como as coisas mudam…

  • Felix_S

    Para quem queria uma Meriva, até acho que houve uma melhora. Mas acho que onde mais se nota a solução de baixo custo é o sistema de bancos traseiros: o que vai ter de coisa se perdendo embaixo dos bancos quando vc encher o porta-malas com a compra do supermercado! E o pior é que a velha Zafira vai deixar saudade….

    • Vero_2011

      E para quem vai na terceira fileira tem que prestar atenção onde coloca o pé, pois o assento da segunda fileira se levanta para quem vai atrás entrar e se a pessoa de trás estiver distraída quando a segunda fileira baixar, vai sofrer um pequeno acidente no encaixe do assento no assoalho! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Ela tinha o mesmo sistema arranca dedos do primeiro Fox na terceira fileira, mas a GM abriu os olhos a tempo de não fazer esta burrada… A propósito, o engenheiro que tinha colocado este sistema no Fox foi o mesmo que o colocou na Spin… Tá certo que depois foi tirado, mas…

  • bedotRJ

    O preço do carro está sim bastante razoável. Bem longe das previsões mais pessimistas, que falavam em até R$ 70mil (!!!).

    Se a gente entrar no site da Nissan, verá que a Livina de entrada parte de R$ 42.590,00. Essa versão básica vence a Spin na motorização mais moderna (embora, por ser 16v, deva passar sensação de menor potência em acelerações até cerca de 40 km/h – mas certamente bebe menos) e em dois itens de conforto, retrovisores elétricos e a direção elétrica. A seguir a versão intermediária 1.6 S MT, que tem preço similar ao da Spin de entrada e traz a mais rodas de liga-leve e som, mas também fica devendo o ABS. Chegando nas versões top, apenas a Livina mais cara, 1.8 SL AT, trará ABS – e um motor realmente superior, mas a Spin contra-ataca com os demais itens de conforto da versão LTZ e com seu câmbio automático de 6 marchas (4 na Livina). O porte da Spin é claramente superior, com porta-malas muito maior, já que não há diferença de tamanho entre as versões de 5 e 7 lugares – diferentemente da Livina. Ou seja, a Spin vai tratar melhor as famílias, público-alvo a que se destina.

    Somando prós e contras, o produto da GM é competitivo. Mais do que o Cobalt em relação ao Versa. Tenho certeza que fará sucesso comercial. E estou lamentando bastante que minha mãe esteja indo pegar amanhã o Cobalt LTZ 0km que comprou, pois com menos de mil reais a mais, levaria a Spin LT, que parece ter uma relação CxB bem mais vantajosa.

    • Júlio César

      Como é bom ler comentário realmente construtivo, inteligente e sensato.

      • epicentro01

        Concordo.

    • JPaulo10

      Minha esperança é que a Nissan contra-ataque, reparando defeitos: além dos conhecidos (ajuste de altura no assento do motorista e cintos), um câmbio de seis marchas na versão SL, algumas soluções internas do Tiida e um pós-venda melhor, com revisões anuais e com preço fixo (sem o custo da mão-de-obra à escolha da ccs).
      Quanto à Fiat, o Idea tem problemas de projeto insolúveis (cabine de Palio). Ela só pode oferecer perfumarias (tal como a Weeckend) e opcionais que acabam deixando-a cara. Sem falar no Dobló: familiar, 7 lugares, ultra-espaçoso, equipado, motor de potência e torque maiores (apesar do peso) maaaaasssss ……………. rsrsrsr
      No geral, não achei a Spin ruim. Ela é superior à Meriva. Espero por um teste mais apurado, mas acho que ela serve bem a uma família.

    • DouglasPSa

      Concordo.

  • daviddiniz

    Tem gente aqui que acha que esse carro deveria ter um Motor 6.5 V8 48 Válvulas câmbio de 10 marchas a frente e 4 marchas ré a velocidade máxima de no MÍNIMO 350km/h fazer média de 15km/l na cidade e 40km/l na estrada e custar R$ 20mil reais.. Além de ter 900 air bag para quedas para segurar o carro cintos de 10 pontos e ter trilhos no lugar das rodas…

    Ou seja muita gente sem NOÇÃO.

    Garanto que se o 1,8 do cruze fosse o escolhido vocês reclamariam também afinal VOCÊS NUNCA ESTÃO SATISFEITOS! Só sabem reclamar reclamar reclamar reclamar reclamar reclamar e reclamar.

    Na minha opinião a proposta do carro é para a família e acho que um Pai ou mãe de família não vai querer brincar de velocidade máxima e nem ficar apostando corrida a cada semáforo.

    Eu ainda estou esperando alguém reclamar do carro não ter direção elétrica e nem Ar condicionado digital… AINDA!

    • diogo_rs6

      Cara, não somos nós que queremos muito, mas acho que temos ou já tivemos carros voltados para a família muito mais excitantes que esta Spin (e a GM tem know how para isso, seja aqui ou lá fora)

      <img src="http://bestcars.uol.com.br/carros/gm/opala/caravan-ss-78-2.jpg"&gt;

      <img src="http://www.carrosnaweb.com.br/imagensbd007%5Csupremacd93aut.jpg"&gt;

      <img src="http://images.drive.com.au/drive_images/Editorial/2008/10/20/20_ssv_m_m.jpg"&gt;

      <img src="http://www.opel-avtomir.ru/images/opel/OPC_650.jpg"&gt;

      <img src="http://p2.trrsf.com.br/image/fget/cf/619/464/img.terra.com.br/i/2012/06/22/2397252-3895-rec.jpg"&gt;

      Convenhamos, comparado ao que a GM já fez no Brasil e no mundo com relação a carros familiares – não apenas em performance, mas em visual também, tanto a Spin como seu argumento parecem rídiculos….

      • Conferente

        Mais bonita e com mais personalidade que o cruze sedan.

      • daviddiniz

        Pare de viver no passado, por favor! Opel aqui é PASSADO assim como a Caravan e Suprema. Cada mercado é um mercado o que pode ser bom na EUROPA não é bom aqui no Brasil. Sobre a beleza do carro isso vai de cada 1 eu mesmo tenho um Logan e não me preocupo se ele é feio ou bonito eu me preocupo com custo de manutenção e se é fácil e barato de manter além de ter um bom espaço.

        Se eu tivesse uma família cogitaria a SPIN sem dúvidas. Mas escolheria a versão LT com roda de aço e câmbio AT que para mim é suficiente e completa(Inclsuive ABS e AB2) e não preciso me exibir para o vizinho pegando a versão LTZ que tem firulas como rodas de liga leve.

        • Jymonotaka

          Maneiro amigão, então quer dizer que devemos ter carros piores e com preços elevadíssimos só pq somos o Brasil? Nós queremos o melhor para nós, não vamos ficar pensando "Ain, tudo bem esse carro ai, ele é feio, nunca vi crash test (se vc realmente se preocupa com sua família vai querer ver o crash dele), tem um motor fraco pra um carro desse tamanho, mas tudo bem".

        • joniocosta

          A GM podia só melhorar o design… já estava bom.

        • DougSampaNA

          Desculpe, mas eu ME NEGO a ja ter que pagar caríssimo e ainda ter que aceitar um rabisco mal feito de carro; o motor não é durável, já tive 5 GMs bosta feitos no brasil, e 3 deles tiveram problemas em cabeçote antes dos 80 mil kms, eram tratados a pão de ló, e mesmo assim davam pau no cabeçote ou valvulas. Carro GM com motor familia 1 é fria, eu não compro e recomendo quem me pergunta a evitar problemas, se o motor é bom porque não tem 5 anos de garantia?

        • Diegorji

          Vendo este tipo de resposta sem fundamento dá para entender porquê as montadoras continuam empurrando essas porcarias. é fato que além de senso crítico os caras se acham os piores da face da terra. Digo mais, a resignação é latente na maioria dos comentários, acreditam veementemente que os mercados não podem ser comparados. Acordem, somos o 5º maior mercado mundial de automóveis e recebemos essas porcarias sem qualidade e por preços exorbitantes. Só se eu fosse otário pra comprar um carro desses…

    • Vin_T

      E tem como ficar satisfeito no mercado brasileiro? Não podemos nos contentar de forma nenhuma com as marcas que insistem em perpetuar produtos obsoletos, mesmo que parcialmente. Na minha opinião, a mecânica e os itens de segurança decidem 95% da compra de um carro novo. Com tantos problemas ambientais e o preço da gasolina nas alturas, deveríamos incentivar a produção de propulsores mais modernos, potentes e econômicos por meio de nosso poder de compra. Por isso, aceitar um motor 1.8 com potência de 1.4 e torque quase igual a alguns 1.6 sem nenhum questionamento é simplesmente fazer mais do mesmo, além de contribuirmos com a manutenção desse caos moral e social em que vivemos.

      • daviddiniz

        Para as montadoras produzirem motores modernos precisa em PRIMEIRO lugar mudar algumas coisas:

        - Cultura do brasileiro em relação a tecnologia

        - Ter combustível de QUALIDADE

        - Parar de falar que trocar óleo com 20milkm é loucura

        - E o principal saber dirigir sem exigir mais do que o motor pode oferecer.

        Enfim o resto é chutar cachorro morto.

        • joniocosta

          Essa questão do óleo é grave. Os consultores, citando as condições de uso severo, indicam a troca de óleo a cada 5mil, como se todo carro novo fosse igual ao Chevette.

          O Pior é que a maioria dos clientes cai nesta conversa.

          • DougSampaNA

            mas pra qualidade da nossa gasolina ou alcool, 5 mil só rodando dentro de cidade é perfeito; o combustivel é de má qualidade; procure no you tube, videos sobre borra no motor, cara que troca 1 vez por ano, ou de 10 em 10 mil kms…vai rocurar depois a gente conversa.

    • vviictor

      apoiado totalmente daviddiniz. a GM deu a cara a tapa e teve peito de nao seguir a massa burra

      • AutoIng

        Oh céus… Tem horas em que perco totalmente a fé no consumidor brasileiro! :S

    • Tejolo

      Concordo que quase tudo. Mas se trocasse o motor pelo do cruzes, ainda reclamariam com razão. O torque de ambos são próximos, portanto a cavalaria de marketeiro da GM no ecotec não tem lá muita vantagem sobre esse motor aí. Do resto, seu post foi ótimo.

    • bedotRJ

      Olha, eu acho aceitável que se reclame do motor sim. Trata-se de evidente aproveitamento de ferramental antigo, bastante amortizado. A melhor alternativa, na minha opinião, seria usar o Ecotec 1.6 16v que está equipando o Sonic. Importaria-se o motor no início para depois nacionalizar sua fabricação. Seria uma medida menos lucrativa para a montadora, mas certamente mais respeitável para com o consumidor.

      • DougSampaNA

        Bedot, meu amigo, qto tempo…seja bem vindo…sobre o ecotec 1.6, no Sonic vai que é leve , mas na Spinha…dificil hein?

    • Rox_

      Carro de 50 mil sem Ar Digital e sem direção elétrica AFF!!! Que lixo. Prefiro um Sentra com motor 2.0 e CVT.
      kkkkkkk
      Calma man to brincando oks!

      • DougSampaNA

        ahhahahhahahhahaha, se protegendo por antecipação é? ahahhahahha
        Se o seguro do sentra não fosse tão caro e o consumo do frex não tivesse piorado tanto , eu tinha um sentra cvt na garagem faz tempo…

    • PortoWF

      Quando eu digo q a GMB está entregando sua participação no mercado BRASILEIRO vendendo essas porcarias e que eles (GMB) sabem disso, tem gente aqui q me chama de maluco, de GM hater, etc, etc etc…

      Governo dá um pacotão de auxilio fiscal, a concorrência mandando ver e a GMB, bem leiam o link.
      Eber , essa é fresquinha.
      http://altamiroborges.blogspot.com.br/2012/07/gm-

  • GirafaBranca

    Visualmente horrível. Esses carros da chevrolet me fazem lembrar daquelas carrancas que tem em alguns tipos de barcos.
    Deve espantar maus espíritos, mas tem quem goste.

  • Rods

    10km/l com uma pessoa dentro…sem bagagem…. Super econômica….

    Legal lançarem o carro no inverno…. Quero ver no verão… Com essas "saídinhas" de ar condicionado… Quem vai atrás que se lasque.

    Horrível….

    • AutoIng

      Viagem que fiz com um colega de Curitiba a São Paulo em um Livina 1.8 16v automática: pouco mais de 12 km/l com etanol, porta-malas carregado de malas e equipamentos, mantendo 120 km/h (AC ligado 50% do trajeto). Estamos falando de um carro de 126 cv que foi 20% mais econômico que um concorrente de 106 cv. Tudo bem que não era nenhum teste, mas ainda assim já me faz ver esse motor da Spin com um olhar bem mais crítico.

      • MM_

        Economiza no combustivel mas se mata no carro sem ABS. Grande negocio, rs.

        • bourgelat

          Esta Livina 1.8 deve ter ABS, não?

          • fschulz84

            Sim, tem… até a 1.6 SL tem…

            Povo fala cada coisa…

            Cheguei a conclusão que se a GM peidar, vão ter pelo menos uns 6 milhões de fiéis seguidores tragando atrás.

            • Edson Roberto

              É Curintia!!!!!

        • Rods

          Tsssssssssssss….. Triste eim?!

        • epicentro01

          E no custo das revisões da Nissan.

      • JPaulo10

        Com etanol? Sempre soube que a Livina se dava bem com gasolina, mas com etanol …

        • Eugenio C.

          Nos testes de revistas, a Spingardinha gastou mais que a Livina…

      • marcelo_ricardo

        12 km/l no etanol, só se for rodando a 80~100

  • zeuslinux

    O carro realmente não é bonito mas me pareceu ser uma boa compra para quem precisa de um carro grande para carregar muita gente (7 lugares) e/ou muita tralha. Fico com pena é da JAC J6, que já não estava vendendo bem e agora tem mais uma concorrente e de uma marca com tradição no Brasil.

    E entre a GM Spin e a Nissan Livina, acho que a maioria dos brasileiros vai acabar optando pela GM pela maior presença nacional, quantidade de concessionárias e experiências anteriores com carros da marca.

    O carro vai vender bem e vamos ver ainda muitos taxis Spin rodando por aí, podem apostar.

  • vagnerclp

    Impressão minha ou copiaram descaradamente a Nissan Livina? A traseira por exemplo é muito semelhante e as linhas gerais do carro também.

    • Vero_2011

      Nada a ver…

  • Jason

    Conversa no departamento de design da GMB:
    - Duvido que vc piore a frente do Agile
    - Aceito o desafio.

    Desculpem os fãs da marca (também fui um, nos anos 90), mas dessa vez, não tem como achar bom. Exageraram na frente, enfeiaram a traseira. A imagem da Opel Zafira, postada alguns comentários acima, comprova que a GMB deu um tiro no próprio pé.

    No entanto, acredito que não deva vender pouco. Ainda há quem goste das engenhocas da GM. A situação a cada dia só piora. No futuro, não sei como esses carros serão lembrados.

    • mmcinza

      Vão virar vilões da versão do desenho "Carros 3"….

      Serão os "Tranqueiras vingadores"

      • pedro_bh

        boa boa boa!!!!

        rsss

      • Jason

        hahaha gostei da tua resposta…

        Os "Deformers" em vez de transformers rsrs

  • CanalhaRS

    Que lixo, hein GM??? Vai criar vergonha na cara!

    • pedro_bh

      eu nao compro mais GM.

  • anderson_sp

    Cadê o "funcionário da GM" que disse antes de lançar que a mesma era mais apertada que uma Meriva ??? pelo comentário aí em cima mesmo pessoas altas não devem sofrer neste carro, fiz um comentário contrário e fui replicado diversas vezes por contrariar algo que não teria sentido e realmente não tem, a Spin é mais espaçosa que uma Meriva e ponto.

    Sobre o motor, ele é "bom", digo isso pela confiabilidade dele e robustez, está longe de ter primores tecnológicos, mas para um veículo com vocação familiar, um 0 a 100km/h em quase 10s não é ruim, comparando com outros veículos mais leves e com motorização mais forte.

    • Vero_2011

      Vc tem razão, ela é mesmo MUITO mais espaçosa que a Meriva.

  • Miroengenharia

    A GMB teve a oportunidade de desenvolver um carro para sair ao gosto do brasileiro e olha aí o resultado.
    Esse é mais feio que bater em mãe depois da missa!!

  • Marcola

    A GM so quer saber de vender e botar no cool do consumidor. Esse carro é uma bomba.

  • http://www.noticiasautomotivas.com.br SamukaGT

    E a galera que vai atrás não tem saídas de ar condicionado não? Deve demorar horas para refrigerar o carro todo em um sol forte.

  • LuisRenatoJoia

    Mesmo assim vai vender bem essa minivan!Não acho muito barata mais mesmo assim acho que terá boas vendas no seguimento.

    • KARIOCADAGEMA

      PIOR QUE VAI VENDER !!

  • Conferente

    Adorei o carro, o preço está muito bom para o que oferece, vou comprar uma LTZ automática para minha família, pois com certeza absoluta o seguro e a manutenção serão mais acessíveis que os carrinhos da faixa de R$55.000,00, bastante espaço, e pelo que entendi ainda é econômica.
    Comparando com a Zafira ficou R$ 15.000,00 mais barata, o interior ficou muito bacana, na minha opinião faltou o ar dual zone.
    Vou poder aproveitar minha central multimidia.

  • MuriloSoares

    Que m@rda!!

  • vviictor

    gostei do motor 1.8 8V voltado a torque em baixas rotacoes. Fora essas titicas 16V que só rendem bem acima de 4500 RPM, quem é que fica andando na cidade em rotacoes acima de 4500 RPM? TODO MUNDO troca de marcha entre 2500 e 3500 rpm andando em transito urbano. Motor perfeito pra esse uso. Ta de parabens a GM de nao seguir a unanimidade (tonta) e apostar num 8V, assim como a VW com os 1.6 8V que são excelentes em baixa rotacao.
    .
    crítica fica por conta do painel, com muito destaque para o conta-giros, num carro com motor que nao foi feito pra ficar gritando como um condenado como os da concorrencia, entao pra que aquele conta-giros todo o destaque no painel?

    • AutoIng

      Nossa… Depois dessa pode voltar com motor AP, Monza, tudo… O mundo todo tá errado e nós com motores jurássicos é que estamos certos? O jeito é comprar uma passagem só de ida pra outro país mesmo!

    • diegolouro

      Pesquise gráficos de torque e potência e vai ver que em baixa rotação os 16V tem o quase o mesmo torque máximo desse poderoso 1.8. O 1.8 e-Torq tem 18,9kgfm de torque máximo a 4500rpm,vai dar uma olhada em quanto já tem a 2500rpm antes de falar isso.

  • jersaosp

    jesuis uma mini van do agile….

    • brnmilk

      um agile maior, mais feio e mais caro

      • diegolouro

        E com um motor bem pior também.

    • fschulz84

      GrandAgile!

  • Tejolo

    Corram para a css que ainda tem Zafira à venda! Aproveitem antes que acabe, pois se acabar, só vai sobrar esse trem aí.

  • Rafa222

    Te que ter muita coragem para comprar um Spin ao invés do Nissan Livina. É hipocrisia dizer que o nome GM tem alguma relevância depois de anos de descaso com o consumidor. As quatro tradicionais montadoras nacionais iriam a falência se dependesse de mim. Posso até pagar mais, mas não levam meu dinheiro de forma alguma.

  • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

    90% dos comentários não fazem sentido. Muito falam que é lixo, né? Vou falar umas verdasdes, por teste da Autoesporte. A Spin anda mais que a Zafira, e também 408 e Jetta. Freia melhor que todos os sedans médios, sério, é só analisar os dados. E outra, é tão silenciosa, e até ganha em 3 velocidades do Focus, que é elogiadíssimo aqui. Outra coisa, como vocês conseguem avaliar o acabamento por uma foto, né? Dá para ter noção, certeza não. Eu creio que se seguir o do Cobalt será bom, pois perto dos compactos realmente é superior. Me diga um carro completo mais airbags e ABS, que tenha todos os predicados lá de cima, espaço e bom porta-malas, que custe meros 44.590. Dizer que um carro é lixo só por causa de design, é pura falta de sensatez, mas eu sei o porque de tanto ódio. Se deve ao fato das 4 grandes serem odiados, ao passo que a Nissan é rainha. Critica o design da Livina, e rapidinho arrumarão uma desculpa.

    • SilenceBass

      Ultimamente, tenho passado por aqui pra ver os lançamentos; os comentários, "bato o olho" e vou descendo a barra, um ou outro se salva.

      Outra coisa também: este carro é "segmentado", ou seja, não espere um visual invocado, esportivo, motorzão 3.0 que faz 20km/l no Etanol. É um carro familiar, proposta de ter espaço pra uma família média (2 adultos + 2 adolescentes + 1 criança, por aí).

      E, nessa proposta, penso que é uma boa pedida. Lógico que esperamos lançamentos melhores, mais baratos, mais equipados e que gastem menos. Mas, é sério: pra chegar "no ponto", existem "os meios", ou seja, a evolução.

      E convenhamos, os motores flex tão dentro desse "meio" e, quem sabe num futuro próximo, teremos motores que possamos abastecer com qualquer tipo de combustível (pensem: manolos no passado enchiam os tanques de álcool, em carros à gasolina, pra economizar no bolso e ferrar o motor; hoje, com esses motores flex, essa preocupação é, digamos, inexistente), que também sejam muito, mas muito economicos (20, 22km/l na cidade… já pensou ?) e potentes… dignos de disputar rachas com Camaros da vida (e ainda se gabarem "óae rapá, meu 1.0 bateu o teu e gasta bem menos HAHA LOL")

      Mas ainda acho que nem assim o povo iria aprovar.

      Ê BRAZIL !!!

    • vitimsl

      Meu caro, é um GM, então temos que criticar! Mesmo com o artigo feito pelo NA dando a entender que o carro tem muito mais ponto positivo do que negativo, que o desempenho não decepciona, o consumo foi bem aceitável (pode contar nos dedos que carro automatico 1.8 tamanho familia faz 10 km/l de alcool, e as vezes bem exigido o motor), temos que criticar!
      Só a Nissan é digna de elogios aki!
      E vou ter que dizer q nao tenho GM, pq se não sou fan boy! tem essa tb, se elogiar alguma coisa, é fan boy da marca!!!kkkk

    • Rods

      Foi bem até a página 9… Na 10, já borrou tudo…. Tudo bem que os comentários podem ter um pouco de raiva…rs…

      Inclusive os meus…

      Mas infelizmente, parei de ler ao ver a palavra "AUTOESPORTE"….

      • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

        E que tem? Você tem assInatura, você compara? Então provavelmente é um daqueles que acha que revistas são "compradas". Isso é mais uma mentirar inventada pelos leitores do NA.

  • diegolouro

    Grand Siena 1.6 16V com 4 air-bags,rodas 16,volante multifuncional,Bluetooth,vidros elétrico nas 4 portas,sensores de ré,piloto automático… Tudo por 44.700.

    • paixaoporcarros

      Tá e tem quantos litros pra bagagem? E o espaço interno, como fica? Siena é carro pra taxista Spin é carro para a família!

      • Eugenio C.

        Desculpe, mas o GRAND Siena ainda não virou "carro pra taxista" aqui em São Paulo, ao contrário de Cobalt e (pasmem) Nissan Versa. Quanto à Spin, já no próximo mês deveremos encontrar umas 30 em cada ponto de táxi… Quem quiser Meriva e Zafira brancas, na cor da moda, de segunda mão e não se importar com quilometragem, vai ter muitas ofertas…

        Em tempo: justamente por causa das frotas de táxi, creio que a Spin vai apresentar números de venda altos no início.

    • luidlh

      o câmbio do Grand Siena nao é automático de verdade, é Dualogic, automatizado. Tem uma diferença muito gande pra um automático de verdade pra um dualogic

  • mottervictor

    Painel de mota , assim como no primo caçula de olho roxo , vulgo cobalt

  • Jymonotaka

    Bom, vou colocar aqui o que falei no facebook da chevrolet ao ver esse novo celta, agora com mais lugares
    Esse carro é horrível. Pra quem tá falando que só o Cruze e o Sonic que salvam, saibam que é pq eles não são brasileiros. Spin e Cobalt são horríveis, a chevrolet deveria parar de contratar ets pra fazer essas coisas desproporcionais, pelo amor de Deus.
    A chevrolet assim como todas as outras montadoras do Brasil exploram o consumidor até não poder mais. Vendem carros sem segurança (e se a chevrolet falar que é mentira é só entrar no site da latin ncap e olhar o crash test do super celta) e vendem muito acima do que custa nos outros países. Talvez um dia nosso povo ainda acorde e perceba que estão nos fazendo de otários. Cruze dos EUA que vem com 10 airbags (isso mesmo, 10, se duvidam digitem chevrolet usa no google e vejam com os próprios olhos, nem a versão mais top do Brasil vem com isso) e controle de estabilidade custa R$34.873,44 e no Brasil o modelo de entrada custa R$62.431. Ai vem algum bobão e inventa que é pq a carga tributária do Brasil é muito alta. Claro, a carga desse carro não chega a 40% (sabia que a carga na Alemanha, França, Espanha e alguns outros países da Europa são ainda maiores que as do Brasil e mesmo assim o Renault Sandero é o carro mais barato de lá?). Vamos fingir que é de 40% (Não chega a tudo isso). Mesmo sem essa carga superior a verdadeira, esse carro estaria custando R$37.458,60, ou seja, o carro mesmo sendo inferior ao norte americano, custa mais caro que o americano com impostos! Um absurdo! Ai algum outro vem e inventa que é EUA então é diferente, legal, então vamos comparar com o do Chile, que é o mesmo do Brasil, aliás, o Brasil envia o Cruze pra lá. O Cruze custa no Chile R$34.729,50

    • ShereckMG

      F A B U L O S O ! ! ! Li a matéria e alguns post. Só loguei por uma razão: parabenizá-lo pela sua mensagem. De tudo que li na internet vc foi o mais conciso e claro. Novamente Parabéns!
      De fato. Com o crescimento econômico e a formação de uma recente classe média brasileira com barganha econômica a nova geração informada sabe dos preços dos produtos mundialmente. A prova disso é a "banda" que tiveram os novos produtos da Aplee vendidos por aqui. Hoje você compra em alguns sites os mesmos produtos ( Iphone 4s e Ipad 3) com pequena diferenças, algo em torno de 100 a 150 reais, para quem conhece sabe que se deve em razão do frete, há vários e parece que as pessoas se esquecem disso. Nos automóveis, pela idiotice do sentimento de querer aparecer para o vizinho, ainda não. Nos "sufocam". Ia trocar de carro, mas sinceramente, não vou mais, Afinal o que é um carro? Um objeto que te leva de um lugar ao outro. Há coisas na vida muito mais importante do que discutir a "evolução automobolística de nossa subindustria". Vão aproveitar os prazeres da vida e deixem esses "sabichões" encontrarem preços decentes àquilo que oferecem. Um forte abraço.

  • duhehe

    Com relação a meriva .. a Spin melhorou .. embora o design da meriva seja melhor que a Spin, por dentro a Spin esta saindo na frente, pois a da Meriva era sofrivel.

    A GM claramente criou uma concorrente para a livina e idea … tanto em preço como em proposta e qualidade, embora de todas essas eu escolha a livina por parecer menos porcaria.

    Por 50 mil uma spin automatica não é muito, esta dentro do que o mercado pede.
    Achei que a spin conta com muito pouco de conforto e tecnologia embarcada … nada de partida por botão, nem teto, nem gps, nem um radio legal, nem sensores de distancia diateiro, traseiro, sensor crepuscular , controle de estabilidade, … enfim .. carrinho muito basico.

  • Y07

    PODE ISSO, ARNALDO?

    SPIN 1.8 8v
    Torque: 16,4kgfm a 3.200 rpm e 17,1kgfm a 3.200 rpm.
    Potência: 106cv a 5.600 rpm e 108cv a 5.400 rpm.
    Entreeixos: 2620mm
    Peso: 1255kg

    MERIVA 1.8 8v
    Torque: 17.3 kgfm a 3.000 rpm e 18,2kgfm a 2.800 rpm.
    Potência: 112cv a 5.600 rpm e 114cv a 5.400 rpm.
    Entreeixos: 2630mm
    Peso: 1225kg

    ZAFIRA 2.0 8v
    Torque: 18,9 kgfm a 2600 rpm e 19,7 kgfm
    Potência: 133cv a 5.600 rpm e 140 cv a 5.600 rpm.
    Entreeixos: 2703mm
    Peso: 1400kg

    Fora o acabamento, que toma uma lavada das versões PREMIUM da MERIVA e ELEGANCE/ELITE da ZAFIRA.

    • joniocosta

      Isso porque o motor foi melhorado…

      • Rods

        Taí…. Pro defensores dessa porcaria…. Estavam enchendo a boca pra falar de torque…

    • GMV20

      Para mim, isso foi um retrocesso em comparação a Zafira.

    • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

      E daí? A Spin anda mais que a Zafira, tem retomada melhor, e provavelmente consome menos. E outra, freia melhor também. Não sei se você reparou no seu próprio comentário, está lá Zafira 1.400kg, e o câmbio da Spin é melhor, o que faz a nova minivan ter desempenho levemente superior. Com relação a Meriva concordo, porém essa versão não era mais vendida nos últimos meses, e o câmbio era automatizado contra automático de 6 marchas da Spin.

    • Stark

      Comparando números:
      Relação peso/potência
      Spin 1.8 8V 11.62 kg/cv
      Meriva 1.8 8V 11.51 kg/cv
      Zafira 2.0 8V 10.50 kg/cv

      Agora analisando relação peso/torque

      Spin 1.8 8V 73,39 kg/kgfm
      Meriva 1.8 8V 68,96 kg/kgfm
      Zafira 2.0 8V 75,13 kg/kgfm

      Bom analisando somente números (pois na prática pode mudar), a Spin deve andar de igual pra igual pra Meriva/Zafira, porém se a Spin for AT6 e a Zafira AT4, sem sombra de dúvidas a Spin vai desenvolver melhor mesmo. Podem escrever, esse Motor vai casar muito bem com a Minivan.

      Agora uma simulação se a Spin fosse equipada com o 2.0 8V

      Relação Peso/Potência: 8.9 kg/cv -> só pra efeito de comparação um Corolla XRS 2.0 16V tem relação 8.40 kg/cv e só 62 kg / kgfm
      Relação Peso/Torque: 63.0 kg/torque

  • Bikudin

    Mais uma aberração da GM, depois do Frágile, Monstrana e Cocobalt mandaram essa outra feiosa, a GM vai ficar famosa por fazer carros com frente de caminhão.

  • PKuster

    É muito difícil gostar de um carro cujas frente e laterais são quase idênticas às do horroroso Cobalt e a traseira muito parecida com a do pavoroso Agile. Muito difícil.

  • joniocosta

    Eu, por exemplo…

    • Leandro1978

      Pois é né, então você não poderá reclamar de defasagem nos casos em que isso realmente ocorre ou ocorrerão. Como são os casos do Symbol, 207, a futura reestilização do Clio, entre outros.

      • Edson Roberto

        Bem esse foi um leitor do NA, Leandro.

        Teve gente que nas outras duas noticias a respeito da Spin falou que prefere a Meriva com facelift….

      • Sias

        SE o 207 fosse o europeu com a base do 206…mas nem isto.

        • Leandro1978

          Sim, esqueci de colocar as aspas…rs…

  • GUGASP

    Quando você acha que a Chevrolet já chegou no limite, aí aparece esse monstrinho chamado Spin.
    O Ministério Público deve proibir que crianças entrem nas concessionárias Chevrolet, as imagens são muito fortes.
    Agile, Cobalt, Sonic, Monstrana, Spin…é um mais feio que o outro.

    • Bikudin

      kkkkkkkkkkkkkkkkk… boa

  • Rods

    Postagem do usuário "Y07":

    PODE ISSO, ARNALDO?

    SPIN 1.8 8v
    Torque: 16,4kgfm a 3.200 rpm e 17,1kgfm a 3.200 rpm.
    Potência: 106cv a 5.600 rpm e 108cv a 5.400 rpm.
    Entreeixos: 2620mm
    Peso: 1255kg

    MERIVA 1.8 8v
    Torque: 17.3 kgfm a 3.000 rpm e 18,2kgfm a 2.800 rpm.
    Potência: 112cv a 5.600 rpm e 114cv a 5.400 rpm.
    Entreeixos: 2630mm
    Peso: 1225kg

    ZAFIRA 2.0 8v
    Torque: 18,9 kgfm a 2600 rpm e 19,7 kgfm
    Potência: 133cv a 5.600 rpm e 140 cv a 5.600 rpm.
    Entreeixos: 2703mm
    Peso: 1400kg

  • DaniloSouza

    Esse carro cheira a baixo custo de longe.

  • efurlangomes

    Resumindo: somos todos palhaços do circo Brasil.

  • Xico Pires

    Carro feio, parece um micro-ônibus. Cruz credo. Já to com saudade da Meriva…

  • taargiles

    O carro é feio mesmo, mas o motor não é ruim pra ele, quem quer comprar uma minivan familiar não quer um carro esportivo, e para o dia a dia com a família esse motor é bom. Aposto se colocassem o 1.8 do Cruze não faria média melhor que esse com etanol. Pelo visto tem gente aqui que quer andar acima de 170 na estrada com uma minivan e pagando 44k. Eu dirijo bastante um Palio weekend com esse motor em uma cidade com terreno muito acidentado cheio de lombas intermináveis e sem ter que enfiar o pé no acelerador e fazer o giro chegar perto do corte.
    É minha opinião.

  • mfcam

    Existe alguma explicação para algo tão feio como este camburão?

  • MecanicoDigital

    Pelo menos não chutaram no preço….

  • marciomvo

    Horrivel! Faz com que até a Nissan Livina se torne um primor em design. É incrível a criatividade destes desgners da GM para conseguir criar algo assim tão monstruoso. É até ofensivo para o pobre, ignorante e otário cidadão deste país terceiro-mundista. Estamos involuindo celeremente para carros de baixíssima qualidade, feios que dói, a preços exorbitantes. Dá nojo deste país.

  • EduardoHaddad

    pra mim o q acaba com o carro é a traseira… sem sal.. lanternas muito pequenas. a tampa é muito grande e muito vazia.
    acho q se as lanternas fossem horizontais, com prolongamentos na tampa, iriam quebrar essa parte vazia.. iria ficar mais bonita, ou menos feia…

  • JaoSilvestre

    Li muitos aqui descendo o pau na chevrolet, falando que o carro é feio, involuíram coisa e tal, mas, povo do meu brasil varonil, somos uma POPULAÇÃO de primeiro mundo? Temos SAÚDE, EDUCAÇÃO, SANEAMENTO BÁSICO, TRANSPORTE PÚBLICO e SEGURANÇA e primeiro mundo? COBRAMOS por isso? RESPEITAMOS AO PRÓXIMO em 100% das vezes ou, como Sérgio Buarque de Holanda diz em seu livro, Raízes do Brasil, somos CORDIAIS?Em tempo, não está falando do respeito do brasileiro, e sim do seu interesse, somente seremos cordiais se isso nos oferecer uma vantagem, caso contrário, nem ligamos. Todos aqui(ou pelo menos a maioria) já vota, no entanto, ninguém aqui(eu imagino) vai na câmara assistir a uma sessão, ninguém manda uma carta á presidência ou liga no escritório do deputado que recebeu o seu voto e foi eleito. Ficamos indignados com a qualidade do que nos é oferecido aqui, mas, acordem, é sempre o que o brasileiro pede, infelizmente fazemos parte da minoria da população nacional que EFETIVAMENTE PENSA, lê e interpreta o que escreve…Devemos lembrar que somos AINDA um país de terceiro mundo(Em Desenvolvimento, Emergente, etc é o cace…). Claro que o preço e a qualidade dos carros devem ser melhoradas, assim como das estradas, escolas e tudo mais que compõem uma nação que busca ser reconhecida e respeitada no mundo. Todo mundo aqui só reclama, mas, fica difícil reclamar apenas pelo meio virtual, não é verdade? Somos cordiais, reclamamos do que nos interessa e o resto…Ah…o resto é o resto, não é verdade? Muitos posts atrás, falei sobre este mesmo assunto, agora com um texto um pouco mais encorpado…Vamos largar mão de hipocrisia, já que fazemos parte da população nacional que DE FATO PENSA, que nós usemos esse cérebro para coisas melhores do que apenas postar indignações pessoais e individuais na internet!!!

    • SilenceBass

      É por aí… daria pra resumir tudo em: somos uma população de 1o. mundo pra exigir alguma coisa ?

      Resposta: NÃO. Vide os elegidos que nos comandam, que estão lá por motivos patéticos (ah, votei nela … pq é mulher; ah, votei nela… pq o Lula foi bom!! [???])

      Enquanto formos culturamente ridículos, e no dia-a-dia (a maioria) usar dos "jeitinhos" tipicamente brasileiros… XIU !! Não reclama !!

  • ambrosio1974

    A lateral do carro assemelha-se muiiiito com um bloco… aquele gordinho de concreto !!!!!

  • Sias

    Já tive carro 16v e nem em sonho tinha que andar com ele em alta rotação para andar bem. E olha que era bem pesado para o motor que tinha….

  • LEOFX182

    Ele é feinho, melhor a trazeira é feia, mas é um carro muito interessante levaria pra casa um desses hein!!!

  • paixaoporcarros

    O ponto forte desse carro com certeza é o preço, e a se julgar pela concorrência não há omo ele não ser líder no segmento!

  • Edson Roberto

    Ue… então quer dizer que os comandos de valvulas variaveis na admissão e saida não tem valor nenhum?

    Caramba… joga a tecnologia embora!!! Ela não foi feita para nada!!! Só para deixar os produtos caros com sigla de que é "moderno"!

  • alzano

    Horrível. Prefiro comprar a Zafira.

  • epicentro01

    Me dei ao trabalho de fazer uma pesquisa nos sites da Opel e Wauxhall. No site da Opel existem dois modelos de Zafira: A Zafira, que é muito similar a nossa Zafira, e a Zafira Tourer, essa sim é o modelo que os reclamões mostram por aqui. O modelo similar a nossa Zafira tem preço inicial em £18.565,00, o que na cotação de hoje ficaria em torno de R$ 60.336,25. O que ela tem a mais do que a nossa são 6 air bags e ESP. Isso com um motor 1.6 e câmbio manual de 5 marchas. Ou seja, no final das contas ela acaba saindo mais cara do que a nossa Zafira. É so acessar o site vauxhall.co.uk.
    Já o modelo que o pessoal mostra nas fotos por aqui, é a Zafira Tourer, com preço inicial de £ 21.010,00 (R$ 68.282,50). Só que o modelo neste valor vem com rodas de aço, ar condicionado manual, não tem a central multimídia, motor 1.8 16V, câmbio manual de 5 marchas, 6 Air Bags, ESP e é isso.
    Fiz uma simulação para montar a Top, com GPS, Xenon e tudo mais que o "povo" quer e o precinho ficou em £ 29.280,00 (R$ 95.160,00). Ou seja, o preço da Grand C4 Picasso. Lembrando que este é o preço na Inglaterra. Soma-se à isso os impostos de importação e podemos imaginar pra quanto vai.
    Com isso concluo que:
    1- Se compararmos os nossos preços, até que a atual Zafira não está tão cara assim
    2- O povo ainda não colocou na cabeça que a Spin não é substituta para a Zafira.
    3- Se tivermos a Zafira Tourer, esta vai concorrer em outra categoria.

    O povo olha uma foto e sai malhando o pau sem antes conhecer a realidade. Se trouxessem a Zafira Tourer pelo preço que ela é cobrada na Europa, sem nem considerar os impostos de importação, iriam reclamar que o carro não vale tudo isso…..É impressionante!!!

    • Sias

      Que aqui todos dizem que os carros não valem o que pedem é fato (e verdade).

      Mas….a GM poderia sim importar a Tourer (como faz a Citroen com a Gran C4) e teria uma opção para quem quer um carro de ótimo nível…Pagaria quem quisesse.

      • zemarreta

        Apoiado Sias, e a Ford podia aproveitar e mandar trazer a excelente S-Max deles, e a VW a Touran. Pra nossa alegria!! :)

      • epicentro01

        Aí eu concordo plenamente com você. Mas é que a maioria do povo aqui quer a Tourer a preço de Spin. Aí forçaram né…rsrsr
        Abraço e bom final de semana.

    • http://www.raelcunha.com Rael G.C.

      "2- O povo ainda não colocou na cabeça que a Spin não é substituta para a Zafira."

      Mas é a Chevrolet que fala isso!

      • Sias

        Concordo, a própria GM está dizendo isto.

    • fabritch

      Vdd!!! olha o preço da Grand C4 Picasso, e veja o quanto vende apenas.

      • Sias

        Mas vende, não vende? E deixa contente o cliente que quer um carro daquele nível. A GM poderia fazer o mesmo e deixar os "amantes" da marca e que tem $$$ suficiente contentes também com um produto de qualidade.

  • DouglasPSa

    Sinceramente, enquanto estava camuflada e sendo flagrada ao poucos achei a Spin bem feia, mas agora com os retoques finais e com esse preço, a Spin brilhou! Estou tentado a pegar uma Spin LT2.

    Tive uma Blazer por 5 anos e gostei muito de ter um carro espaçoso, com exceção da suspensão dura, mas pau pra toda obra, agora preciso ver pessoalmente a Spin e provar o espaço interno.

    Eu achava que a GM iria enfiar a faca nesse modelo, uma vez que veio pra substituir a zafira que não é nada barata…

    Gostei do que vi até agora.

  • Vin_T

    MUNDO: Cilindrada baixa + tecnologia embarcada = potência alta e consumo comedido (downsizing)

    GMB: Cilindrada alta + tecnologia jurássica + povo brasileiro = potência e torque baixos e consumo nas alturas (trollagem)

  • radiobrasilcombr

    Se tem homem que casa com mulher feia pra caramba, dragão, jaburu martelo, pq nao teremos compradores pra essa Spin?

  • PavaoFilho

    Não adianta, a Chevrolet não sabe fazer carros baratos. Só os mais caros são bonitos.

    • Eugenio C.

      Não são. Eram. Isso numa época da História em que um carro médio não era remendado para ser vendido como sedã grande.

  • madnando1

    O modelo não é moderno. Ele possui uma estrutura nova, simplificada por questões de custo, o qual permitiu o novo carro vir mais equipado que o anterior, com preço similar. Independente do que vai por baixo do carro, se ele for cumpridor, ninguem liga.

    O problema do ágile é que além da plataforma antiga do corsa, ele tem falhas ridiculas de projeto, como o porta malas que aquece demais, muita rolagem da carroceria por uma base que não era pra ser usada para esse fim.

    A Spin tem boa plataforma, mas o carro não parecer ser classudo com a Meriva. Será um bom carro, com mecanica confiável, feio, com bom espaço interno, e feio novamente.

    Como a Meriva era um carro bem maduro, se fizesse uma mudança na "casca" colocando a Meriva européia em cima, o pessoal daria cambalhota de alegria. A Fiat usou a plataforma do palio na Idea e deu certo.

    Sei lá, o mercado de carros é estranho. Pros "emergentes" como nós, parece que a regra é: abaixo de 50 conto, lancem lixos visualmente falando. E acima de 50 mil, carros pra quem aprecia carros. Hoje é a linha que separa os bonitos dos feios…

  • simoloko

    Cara, a plataforma é a mesma do Corsa 2009 europeu………….. putz grila! Vocês insistem em erros para que???????

    • Leandro1978

      Rapaz, não sei se você respondeu a mim, ficou meio confuso agora…rs… Mas enfim, eu sei que a Spin usa a nova plataforma Gamma II, a mesma de Sonic, Cobalt, etc. É algo novo. O que falei, é que tem gente que preferiria que a GM, ao invés de fazer algo novo, tivesse feito adaptações na Meriva para torná-la parecida com a nova geração européia, algo como a Peugeot fez com o 206, tendo o resultado que sabemos. Aliás, provavelmente seria mais uma aberração. Depois ficam reclamando de modelos desatualizados… Quanto ao Opel Corsa, não sei se entendi direito, mas parece que ele não utiliza esta plataforma, mas uma que foi desenvolvida junto com a Fiat, que equipa, inclusive o Punto (pelo menos o europeu). Perece que a nova geração do Corsa, a ser lançada em breve, é que terá esta Gamma II. Aliás, esta estreou no Spark em 2010.

  • EevaBeeva

    Em 2002 comprei um Corsa com esse motor e tive muitos problemas.
    Enquanto essa droga está na garantia eles vão enrolando o cara com a maior cara de pau. Depois quando "descobrem" o problema as despesas são todas por conta do bobo que comprou.
    É a verdade. Acreditem se quiserem!

    • Stark

      Foi caso isoladíssimo seu! #certeza

  • josenum

    Talvez até a spacefox com seu super 1.6VHT deve ser mais agil que ela…

    • http://www.carromaisrapido.com/ SonataRio

      Você julga o desempenho por causa da potência? Saiba que a Spin anda mais que alguns sedans médios, para sua informação. E mais, anda mais também que a SpaceFox.

      • josenum

        Não pela potencia, mas o torque do vht da vw é muito generoso, o maximo ja fica a disposicao a 2.500rpm e ainda é mais leve. nao da pra comparar porque nao tem informacoes suficientes no site sobre a spin(só aqui no NA 106 cva 5.600 rpm e 16,4kgfm a 3.200 rpm), mas ela se perder, nao fica muito atraz nao rsss

    • Isaías

      A Spacefox manual responde melhor que a Spin, e, tendo os pneus proporcionalmente mais largos, é mais estável. Por outro lado, a Spin é mais confortável, traz muito mais acessórios e está mais barata que a Spacefox. Para quem procura um excelente porta-malas, a Spin é campeã. 710 l em comparação aos 430 da Spacefox…

  • rattrap587

    O mesmo painel horrível de Cobalt e Sonic… Esse design duvidoso também é terrível. GM, se vc´s me contratarem eu transformo esse mico num automóvel.

  • rattrap587

    "Com gasolina, o 1.8 Econo.Flex – que vai estar presente no Cobalt – entrega 106 cv a 5.600 rpm e 16,4kgfm a 3.200 rpm. Com etanol, o bloco entrega 108 cv a 5.400 rpm e 17,1 kgfm a 3.200 rpm. O tanque possui 53 litros. " – Muito pouca potência e torque para um motor 1.8 – No mercado muitos modelos oferecem mais com motores 1.6. – GM… Me contratem que eu mudo isso tb.

  • Stark

    Só comparando números, apesar de na prática poder ser diferente: (repetindo comentário logo acima)

    Relação peso/potência
    Spin 1.8 8V 11.62 kg/cv
    Meriva 1.8 8V 11.51 kg/cv
    Zafira 2.0 8V 10.50 kg/cv
    Grand Livina 1.8 16V 10.2 kg/cv

    Agora analisando relação peso/torque

    Spin 1.8 8V 73,39 kg/kgfm
    Meriva 1.8 8V 68,96 kg/kgfm
    Zafira 2.0 8V 75,13 kg/kgfm

    fonte :www.carrosnaweb.com.br

    Bom analisando somente números (pois na prática pode mudar), a Spin deve andar de igual pra igual pra Meriva/Zafira, porém podendo uma ou outra ter mais vantagem, mas se a Spin for AT6 e a Zafira AT4, sem sombra de dúvidas a Spin tem chances de desenvolver melhor mesmo. Podem escrever, esse Motor vai casar muito bem com a Minivan.

    #Moderação fiquem à vontade pra apagar/modificar este comentário se necessario#
    ————
    Uma dúvida meio off mas relacionado, acessando o site da Opel eu achei a Zafira Tourer e uma Zafira normal muito parecida com o Astra na frente, que geração é aquela? Baseada no Astra? Olhem: http://www.opel.com/vehicles-and-services/opel-ra

  • Diggo

    De tudo que é ruim neste carro o pior é o desenho.

  • RafafGuima

    Que carroça bizonha

  • Marco_Aurelio

    Cada mercado consumidor têm os carros que merecem e as montadoras que merecem. Você caro leitor, seria "corajoso" a ponto de comprar algo tão desgraçadamente feio ??? Eu, te garanto, nem drogado faria isso.

  • BrunoMulsane

    Realmente a GM foi infeliz no desenho deste carro. Por dentro é nítido a pobreza do acabamento diante da antiga e elegante zafira. Bom, pra mim a spin esta mais para furgão do que para van.

  • Diegorji

    Chevrolet Spin = CARRO DE FUNERÁRIA. QUE COISA HORRÍVEL !!! Vou dar risadas quando ver alguém dirigido esse "monstromóvel."

    • marcosldesouza

      Não interessa se a plataforma é nova ou antiga. Não interessa se o design é controverso…coloca todos esses carros familiares pra testar no LatinNcap. O melhor vai ser o mais seguro!!! Ou vocês realmente acham que um pai de família colocaria seus filhos num carro sem segurança alguma só pq é mais bonito ou ele demora 2 segundos a menos no zero a 100???
      Sempre tem uns que acabam falando: "Mas eu compro carro pra dirigir e não pra bater" e eu duvido que alguém bata o carro de propósito. Tem tanto carro ai barato, lindo, maravilhoso que é uma verdadeira cadeira elétrica. E airbag e abs não resolve muita coisa…a estrutura do carro tem que ser projetada pra resistir bem a um acidente, amassar onde tem que amassar, e ser firme onde precisa ser firme.
      Se vc é um pai de família e tá considerando comprar qualquer um desses carros, considere isso também. Pode ser a diferença entre ser um pai de família ou não futuramente. pode ser a diferença entre uma família feliz e órfãos tristes….pensem nisso…

  • jvjv

    Caraca, só tem nego rico, especialista em engenharia automotiva e o escambau. Eu, leigo que sou, pai de quatro filhos e com outras prioridades na vida além do carro, achei a PROPOSTA da Spin bem interessante…. Carro com 7 lugares com cambio automático mais barato que esse, acho que ainda não tem… A Grand Livina só se for em promoção… a Fiat Dobló tá saindo na casa dos 60k… Vejo ela como um Logan do segmento das minivans – um carro honesto, com bom custo-beneficio e para ser comprado pela razão e não pela emoção.

    Abs…

    • n0n3br

      concordo plenamente com você .. pra família a proposta do spin tá muito boa mesmo, estou até pensando em pegar uma LT automática.

    • Diegorji

      Temos que dar valor ao nosso dinheiro ! Não sou Pai de família, mas não vou comprar um carro com desenho horrível e mecânica jurássica. 44 mil é um bom custo benefício ? Compre um carro desses e vai ter que se casar com ele, vide Renault Kangoo. Essa história de pai de família é tão sem fundamento que fico me perguntando como um cara tira um argumento desses pra justificar essa compra. O que entendo é que se trata de um argumento fajuto que tem como objetivo resignar quem compra um carro desses. Com todo respeito, mas eu mereço algo superior, comprar um carro desses seria um atentado a minha inteligência.

  • efurlangomes

    Ops… vomitei no teclado… que susto que levei ao ver a foto desse carro horrivel!!

  • Angelocp

    Que traseira horrivel. É uma vergonha nacional, ainda por cima com um motor desatualizado e bebado. Qualquer motor 1.6 da concorrência rende mais e tem mais torque que essa velharia. LAMENTÁVEL.

  • RomuloS1

    Bem eu que tenho família muito grande sei como é complicado ter um carro que caibam todos, o carro não é uma excelência em beleza mas para a proposta dele vai ser líder no segmento, Tive um Fiat Idea 1.4 carro era bom, porem, minha família é composta por 6 pessoas e não cabiam todos, então comprei uma Grand Livina foi o maior erro da minha vida, barulhento, problemas e mais problemas… ( Não estou dizendo que o carro em si é ruim, pode ter pessoas que comprem e ache o carro excelente, mas para mim foi o pior carro que ja tive) mas os problemas de suspenção, barulhos no painel, problemas com a ignição estão me fazendo vender o veiculo, e a desvalorização é horrivel… comprei por 54 mil com um ano de uso o maximo que achei foi 40 mil.

  • luidhi

    O processo de empobrecimento da linha e aumento do lucro está concluído. Começou a 10 anos atrás com o reciclado Celta. Agora todos, de todas as marcas estão indo na onda.

    Fiquem tranquilos, enquanto comprarem, não tem volta.

  • P_Junior

    Meu DEUS que coisa feia!!!!! naum sei como tiveram coragem de mandar produzir uma coisa dessas

  • tiagocva

    Como posta foto? Alguem me explica? grato.

  • http://www.antoniodejulio.com.br Antonio De Julio

    e batemos recordes de vendas… #triste

  • Adriano_Silva

    Já tive o desprazer de ver essa coisa pessoalmente, pelas fotos ate que não achei ruim, mas pessoalmente não me agradou em nada e para piorar estava do lado da Nova S10 ou seja fiquei naquele jogo de proporcionalidade, o espaço não é ruim, já o acabamento é no mínimo questionável.

    Aaaaaaaaaa só uma pequena observação, não custaria nada adesiva a coluna C com uma fita preta básica rsrsrsrsrs, melhoraria e muito a visão lateral.

  • DiegoPalhocaSC

    Pessoal vou lhes dizer uma coisa: MESMO EM 30 ANOS, NÓS BRASILEIROS NÃO VAMOS TER O MESMO NÍVEL DE AUTOMÓVEIS QUE OS PAÍSES DESENVOLVIDOS. É simples assim, aceitem. Não só nossa economia é emergente, como também o nosso povo é ignorante. Vejam os 100 maiores brasileiros de todos os tempos e terão a confirmação disso. Então CHEGA DESSE PAPO CHATO de que nós pagamos o dobro, e que carros europeus são melhores, e vamos comentar sobre os atributos e/ou defeitos do carro em questão. Na hora de comprar, optem pelo melhor negócio, que ofereça mais por menos, e pronto.

    • pandafh

      Nossa, falou a voz suprema do conformismo hahahaha
      Economias emergentes tem preços emergentes meu amigo!
      O melhor negocio é aquele que oferece mais por menos? a troco de que? da qualidade?
      Custo beneficio é uma coisa que na pratica esta se tornando cada vez mais rara nos modelos nacionais.

      • DiegoPalhocaSC

        Sim, exatamente isso que eu falei: economias emergentes tem preços emergentes. É isso aí. Só que está ficando chato esse papo de pagamos caro. O cara olha o Fiat 500, e diz que o preço devia ser R$ 20mil pra valer a pena. Mas como se o Mille tá mais de R$ 20mil?

        O melhor negócio oferece mais por menos, sendo o "mais" e o "menos" dependente do consumidor. Se o cara quer beleza, o Veloster pode ser um bom negócio, se quer durabilidade, a escolha pode ser o Gol G4 (estes são só exemplos, não estou dizendo que o Veloster é o carro mais bonito nem que o Gol é o mais durável…).

        A questão do custo benefício ser raro, tudo bem, concordo. Mas de qualquer forma, um modelo tem o custo benefício melhor que outro, então deve existir um melhor de todos.

        Só que além destes fatores, há quanto a concessionária irá dar no seu carro usado, quanto de desconto você vai pegar no novo, qual o juro do financiamento. E acima de tudo, o fator maior: andar com o carro e gostar. As pessoas tem gosto diferente e isso deve ser respeitado.

        E eu estou louco para comprar um Fusca 1970 marrom de um cara que eu conheço. Isso sim é qualidade.

  • ThiagoSantos11

    Infelzimente devo ter sido um dos primeiros infelizes a comprar uma SPIN, e digo a todos NÃO COMPREM A SPIN!!

    A questão é que logo que peguei o carro percebi que após uns 15 ou 20 minutos o banco se torna EXTREMAMENTE DESCONFORTÁVEL de dirigir, pois as "abas laterais" são muito duras e mais parecem duas madeiras fincadas na sua coxa.
    Pra mim que fico pelo menos 2hs por dia no carro, é insuportável e saio com dores nas pernas e nas costas.

    MUITO CUIDADO, POIS NO TEST-DRIVE DE 3 MINUTOS VOCÊ NÃO PERCEBE ISSO!!
    Não sou uma pessoa obesa e mesmo assim machuca pra caramba!

    Tanto a concessionária, quanto a montadora dizem ser impossível fazer qualquer coisa, pois não é um defeito e sim uma característica do veículo (machucar as penas dos motoristas?)

    Sinceramente, existem diversas outras opções melhores no mercado, portanto NÃO COMPREM A SPIN, OU IRÃO SE ARREPENDER MUITO!!

    Taxistas então!? Coitados dos que já compraram…