Comprando e Vendendo Longform Mercado

Comprando um carro de até R$ 70.000

ford-focus-glx-2011-2012-opiniao-de-dono (2)

Antes de começar uma breve explicação, meu nome é Marco sou de Uberaba – MG e me dispus a ajuda minha cunhada Marcia a trocar seu carro. Ela mora em Londrina – PR e durante minha visita a sua cidade nos dias 19 a 24 de junho fizemos um tour pela cidade para avaliarmos as melhores opções.

Me prontifiquei a ajuda-la pois além dos laços familiares foi eu quem ajudou ela a adquirir o carro atual que irá ser trocado. O carro é um Ford Focus 1.6 10/11. Na época o carro vinha ganhando todos os comparativos contra seus concorrentes e tinha um preço bastante razoável, para se ter uma ideia custava o mesmo que um Honda Fit.

Além disso eu acompanhei todo o histórico do carro durante os anos, sempre auxiliando-a com dúvidas sobre revisão, peças e afins. Eu mesmo já dirigi muito o carro, pois por vezes fizemos uma troca ela ficava com nosso Sandero e eu com o Focus durante algumas semanas.

O carro ainda estava muito bem conservado, no entanto como ela usa muito em estrada para trabalho e desfruta de uma situação econômica confortável não havia necessidade de prolongar o uso dele que já beirava os 90.000 quilômetros.

A ideia inicial era troca-lo com mais alguns meses, mas dada a deterioração econômica em que vivemos, acredito que quem deixar para fazer negócio daqui a alguns meses vai fazer negócio pior dos que são oferecidos hoje. Assim como quem está fazendo hoje dificilmente faz um melhor que a seis meses atrás por exemplo.

Isso acontece porque nossa taxa de juros não para de subir, e dificilmente alguém tem condições de fazer o negócio a vista. Além disso os preços dos carros já foram reajustados para reabsorver o IPI integral. Curiosamente a um ano atrás eu comprei aqui mesmo em Londrina um Renault Duster para minha mãe ao preço de R$ 65.000, e hoje o mesmo modelo custa R$ 74.000.

Além disso acredito que as montadoras ainda estão oferecendo algumas boas condições de pagamento dado o nível de estoque que elas possuem. No fim de 2014 as fabricas trabalharam a todo o vapor para deixarem bastante carros faturados antes do acréscimo do IPI. Assim elas poderiam posteriormente vender esses carros com uma gorda margem de lucro já que mesmo sendo fabricando com o incentivo o preço praticado na concessionaria já seria o reajustado.

Isso se provou durante a busca pelo carro novo e mais a frente explico melhor. Mesmo assim quem estiver com pretensão de trocar seu carro faça-o o quanto antes. Na minha visão o estoque alto das montadoras é temporário, as montadoras não têm mais o incentivo do governo para manter os níveis de fabricação que vinham tendo, mas em compensação o governo não vai impedir as demissões.

Elas já começaram, mas ainda é pouco perto do que está por vir, as montadoras estão procurando esgotar suas possiblidades antes, dando férias coletivas e fazendo PDVs. Simples praxe, nos próximos meses o ritmo de demissões irá aumentar e assim elas vão conseguir ajustar sua produção com a demanda mantendo suar gordas margens de lucro mesmo vendendo menos e com os juros mais altos e com o estoque no patamar da demanda não haverá necessidade de fazer nenhum agrado ao consumidor.

Antes de iniciar o tour sentamos para conversar sobre as pretensões dela. Como uma pessoa muito racional ela queria fazer antes de mais nada um bom negócio, independente do carro. Dando preferência para taxas zero, ou condições de pagamento com os mínimos de juros possíveis. O teto era R$ 70.000.

Ela tinha uma preferência em mente, ficou apaixonada pelo HR-V da Honda que ficou exposto no Shopping da cidade. Foi a primeira decepção dela. Expliquei que a hora para comprar um HR-V era péssima, o carro tinha filas para entrega e a Honda não oferecia nenhum benefício como bônus ou taxas especiais para ele.

Procurando por marcas que estavam praticando taxa zero, levantamos Citroen, Nissan, Renault e Hyundai. Mas por insistência dela visitamos também a Honda. Começando pela Citroen que era mais próxima de casa fomos muito bem atendidos pela Patrícia, não apertei muito ela com as características técnicas do carro já que eu já sabia, mas ela foi simpática e prestativa.

citroen-c4-lounge-tendance-thp-2015 (7)

Na Citroen vimos o C4 Lounge na versão Automática Tendance 14/15 pelo valor de R$ 76.290. As condições de pagamento eram o Focus avaliado em R$ 30.500 + R$ 6.500 e o restante em 24x de R$ 1.739,00. O total do negócio em 24 meses custaria então R$ 78.736,00. Apesar de estar um pouco fora do orçamento gostamos do carro, é muito bonito e tem um acabamento muito bom. A nota negativa ficou somente pela demora na avaliação do usado.

No dia seguinte fomos na parte da manhã à Nissan. Fomos muito mal atendidos pelo Eduardo, faltou cortesia e de certa forma parecia incrédulo quanto ao nosso real interesse no carro. De qualquer forma as condições eram um Sentra SV Automatico 14/15 por R$ 69.990 sendo o Focus avaliado em R$ 31.000 + R$ 10.994 e o restante em 24x de R$ 1.332,43 com o emplacamento de brinde. O total ao longo dos 24 meses seria de R$ 73.972,32.

honda-hrv-lx

Apesar de ter avisado a Marcia quando ao HR-V não ser um bom negócio agora fizemos uma visita a Honda de qualquer forma na tarde daquele mesmo dia. Chegando lá ela percebeu o que eu expliquei, a versão mais simples não estava disponível e não tinha previsão. A pronta entrega somente a versão top por mais de R$ 85.000. Fica para a próxima.

Apesar disso fizemos uma simulação com o Honda Fit 15/15 na versão LX manual pelo preço de R$ 56.000 nas seguintes condições Focus avaliado em R$ 27.000 + 24x R$ 1.630,55 o total ao longo de 24 meses seria de R$ 66.132,20 já que a taxa da Honda era mais cara comparado a taxas das outras marcas até agora.

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01

Na manhã do terceiro dia fomos à Renault. Fomos muito bem atendidos pela Edicléia, o modelo avaliado era um Fluence Dynamique Manual 14/15 pelo preço de R$ 65.990. No entanto esse modelo não tinha em estoque, somente com bancos de couro como opcional que encarecia o modelo em R$ 2.000 ficando um valor de R$ 67.990. Aqui o Focus recebeu sua melhor avaliação R$ 32.000. O negócio foi proposto da seguinte forma, Focus R$ 32.000 + R$ 4.512 e o restante em 36x R$ 891 o total ao longo de 36 meses seria de R$ 68.588.

hyundai-i30-branco

A tarde fomos a Hyundai, inicialmente minha ideia era ver o i30 que no site consta como preço inicial de R$ 73.000, no entanto chegando a concessionária a vendedora Solange nos garantiu que não havia versões mais baratas que R$ 80.000. Além disso a taxa não era 0, e sim 0,49. Para não perdermos a viagem fizemos um test drive e simulamos a compra da Tucson.

A Tucson hoje tem modelo único, automática e 15/16 já pelo valor de R$ 73.990. Vale ressaltar que foi o melhor atendimento que tivemos. O negócio seria uma entrada de R$ 36.495 + 24x R$ 1.718,88 o total ao longo de 24 meses seria de R$ 77.748,12 e o Focus não foi avaliado aqui.

Ao fim do terceiro dia tínhamos cinco propostas, destas somente duas fizeram contato depois que saímos da concessionaria que foi a Citroen mas não apresentou nenhuma nova condição ligou somente para dizer quer a taxa zero iria até o fim da semana, e o outro contato foi da Renault que estava disposta a fazer o preço do Fluence com banco de couro por R$ 65.990.

Até aqui concordávamos que o melhor negócio, na nossa avaliação, era da Renault. O da Honda ilustra bem o porque queríamos a taxa 0. Que apesar de 0 não ter nada, ela ainda sim é muito mais barata que as taxas convencionais. No caso um Honda Fit estaria saindo em 24 meses quase o mesmo preço que o Fluence em 36 meses. E apesar da boa marca Honda, ainda assim não é carro para tanto.

Sendo assim combinamos no contato da Renault de voltar lá no outro dia. Mas antes fomos na Ford que de última hora soubemos que também estava com taxa zero em toda linha. O atendimento da Ford também foi muito ruim, e a Marcia não queria continuar na marca porque sempre reclamou muito da assistência técnica e do pós-vendas deles.

Ainda sim fomos ver o Focus, no estoque ela ainda não tinha o com o facelift. E nem por isso ela quis negociar o preço, a versão era de R$ 69.990 a mais barata manual. Argumentei que a Nissan ficava na mesma rua e vendia o Sentra Automatico pelos mesmos R$ 69.990 e a vendedora (que nem cartão deu então não lembro o nome) veio com aquela conversa de que a Ford é mais marca e etc.

O atendimento foi tão ruim que ela nem quis mostrar outra opção, por exemplo o Fiesta, que também estava na taxa zero e poderia vir a ser uma opção. Fico pensando o quanto a Ford gasta em publicidade para na hora que o cliente está na loja recebermos esse tipo de atendimento.

Talvez isso não tenha sido o mais inteligente da nossa parte, mas somando a antipatia que já tínhamos pela marca (eu também tive uma EcoSport e detesto a Ford) e o péssimo atendimento que recebemos na concessionaria não fizemos questão de voltar e perguntar quais seriam as condições para o Fiesta.

Seguimos para a Renault, apesar de ainda ser nossa melhor opção não tínhamos feito Test Drive no carro, e a Marcia tinha restrições quanto a cor do carro que era branco, não tinha outra opção de cor. Uma situação engraçada aconteceu na hora do Test Drive, a gasolina do carro acabou. Demorou um pouco mas arrumaram e saímos para o teste.

Na volta sentamos para resolver as diferenças, o Fluence não era o mais simpático dentre as opções para a minha cunhada e ela realmente não gostava da cor branca. Assim começou a rodada para compensarmos isso em alguma outra coisa com a concessionária. Sem entrar muitos detalhes nesse processo fechamos com a seguinte proposta R$ 32.000 do Focus + R$ 2.600 + 36x R$ 918 dando no total R$ 67.648 quase R$ 1.000 a menos que a oferta inicial além disso ela ganhou sensor de estacionamento, insulfilm, emplacamento e seguro DPVAT.

Considerando as opções que tínhamos acho que foi o melhor negócio. Tirando o lado subjetivo das opções como por exemplo se o Sentra é mais bonito, ou se o Fit é tão carro quanto o Fluence, na parte objetiva me parece que o negócio foi bom.

Alguns pode se perguntar porque me mantive no segmento de Sedans, saindo do Focus Hatch e não analisando outras opções Hatch, simples, porque não tínhamos carros nesse estilo em boas condições de pagamento. Golf, Bravo, Cruze Sport, 308, I30, não estavam com taxa 0 em suas concessionarias o que um eventual financiamento faria com que no fim o negócio saísse mais caro.

Considerações finais, como eu disse bem no começo o mercado ainda tem algumas boas opções de negócio, mas em sua grande maioria como vocês puderam perceber são de modelos 14/15 ou seja com pelo menos 6 meses de pátio já. Isso faz parte daquele lote que foi feito no fim do ano passado a todo vapor com o objetivo de aproveitar o IPI reduzido e depois lucrar em cima da incorporação do mesmo na tabela vigente de preços.

Não achei nenhum carro que fosse 15/15 ou mesmo 15/16 que oferecesse boas condições de pagamento, a maioria estava com juros acima dos 1,7% e ainda temos perspectivas de maior subida dos juros e mais reajustes de preços devido a flutuação do dólar e reajustes de tarifas que não acabam mais como os da energia.

Espero ter contribuído com os leitores com essa experiência! Abraços!

Por Marco Faria





  • Rodrigo

    Eu achei que você fez um negocião!
    Eu ficaria balançado entre o Citroen e o Fluence, mas considerando os custos e benefícios, o Fluence foi a decisão mais coerente!
    Parabéns! Fechou em belo negócio!

  • Silas Rana

    Tenho um Ford e compartilho da opinião do que foi dito no texto. Não sei como a Ford consegue vender carros ainda aqui no Brasil. Nunca vi tanto mal humor e amadorismo. Principalmente no que diz respeito ao pós vendas. Torço todos os dias para que meu Fiesta PS continue integro como está e não venha a dar problemas como tantos outros relatados internet a fora.
    E, podem falar o que for também, já tive um Sandero antes do Fiesta e, em dezembro, fui com meu irmão comprar o Stepway novo. Tive na Renault, tanto na venda, quanto no pós venda o melhor atendimento. Os carros realmente ficam devendo (principalmente em motorização e equipamentos) perante os concorrentes, mas atendimento e pós vendas é sim muito bom. Tive ótimas experiências e, certamente, depois do Fiesta, espero que a Renault já tenha melhorado seu line-up de produtos porque certamente voltarei a marca.
    Com relação ao relato, realmente das opções descritas, realmente foi o melhor negócio. Particularmente, teria apenas optado pelo câmbio CVT. Mas é questão de gosto.
    Parabéns pela aquisição de sua cunhada!

    • Lucas

      Cara, o vendedor da ford que vendeu meu fusion foi tão gente boa que já fizemos 3 amigos comprarem com ele, quando pensamos em trocar de carro sempre vamos com ele e lá tem negócio. A Ford hj tem ótimas condições, juros mais baixos (conseguimos 1.4%) e principalmente juro 0 para 60% de entrada. Minha esposa tá louca num Golf DSG mas a VW tá louca pra não vender. Mesmo com 60% de entrada o resto é com 1,7% de juros. Coisa que na Ford dando 30% de entrada já conseguimos juros de 1.4%, 50% de entrada juros de 0.99% e 60% de entrada taxa 0 pra 24x.

      • Silas Rana

        Aqui no interior de SP onde eu moro, o setor de vendas se esforça pra não vender nada e estou pensando na possibilidade de viajar 50km pra fazer minhas revisões em outra cidade, tamanho os absurdos e, até, desonestidade que já presenciei no pós vendas. Estou com um problema no amortecedor traseiro (eu e dezenas de outros proprietários), que começa a vazar em km muito baixas. O meu, com 26 mil km começou a vazar e a apresentar barulho na caixa e/ou coluna de direção. Alem de pedirem um dia inteiro só para ‘verificarem’ o problema, o consultor LIMPOU o amortecedor e na hora que voltei pra buscar não havia mais indício de vazamento (que foi constatado por especialista que faz alinhamento/rodizio periódico no meu carro). Obvio que não tinha vazamento, eles limparam… estou agora andando com o carro para que vaze mais para ir lá brigar novamente. Quanto a caixa de direção, disseram ter lubrificado, mas, antes mesmo de eu sair da concessionária, chamei o mecânico e disse que o barulho persistia. Ficou com cara de bunda… mas como já eram 18h, e eu precisaria do carro no outro dia, fui embora e não sei se eu voltar lá terei meu problema resolvido. Já é o segundo Ford seguido de casa e o segundo que tenho dor de cabeça com o pós venda… mas não vou mais insistir no erro, no próximo. Acho que a Ford tem carros incríveis. Equipados e seguros, mas, não é o suficiente. Não é a toa que tá quase perdendo a quarta colocação pra Hyundai.

        • Marcos Lopes

          nossa essa ford ta com atendimento padrão vw !

          • André Maia

            Como assim?

        • André Maia

          Depois que eu falo que os carros da Ford são mal vistos no mercado de usados, nego não acredita.
          Quem tem Ford sabe o que é mal atendimento e preço alto das peças básicas de manutenção.
          Resultado? Carro desvalorizado.

          • Gustavo Silva

            Quanto ao atendimento, realmente, não há muito o que dizer porque isso varia de empresa para empresa, por exemplo, já fui muito mal atendido na concessionária Reanault aqui em Maceió, a ponto da vendedora dizer que não conhecia sobre a existência do Renault Duster Outdoor sendo que o carro na hora do atendimento já estqava presente no pátio!!!

            Por sua vez na Ford fui muito bem atendido na oferta de um Ka…

            Sobre peças. Para o meu Ford Fiesta Kinect 2012/2013 hoje com 80000Km, surpresa minha, inclusive, tenho orgulho de dizer que não consegui comprar nenhuma delas de manutenção básica no mercado paralelo, sempre que pesquisei e comparei os preços eram iguais ou apenas um pouco mais caros, valendo a pena ter a referância de originalidade da marca, claro…

            Então, não vamos espalhar preconceito, vamos compartilhar experiências reais. E digo isso não defendendo uma marca qualquer, mas defendendo a melhor coisa que esta maravilha de internet nos trás, que é o poder de nos informarmos com isenção.

          • Robinho

            nossa, como assim mal visto? da onde vc tirou isso?

          • Iran Borges

            Nesse sentido eu dei sorte… comprei o carro usado com um preço e um estado muito bom. O atendimento da ford da minha cidade é muito bom, tudo com hora marcada, descontos nas peças, e até mesmo pequenos serviços gratuitos são realizados. Sem falar que sempre me entregam o carro completamente limpo por dentro e por fora, até mesmo quando realizam esses pequenos serviços gratuitos. O chefe da oficina é gente fina. Não tenho do que reclamar.

        • Lucas

          Qual esse carro?

          • Silas Rana

            O meu é um Fiesta Sedan SE Powershift 2013/2014.

        • Eduardo Andrade

          Eu tive otimos atendimentos na Ford Slavieiro em Cascavel aqui no Parana, tanto no pré quanto no pós venda, mas fiz as revisoes em concessionaria somente quando estava em garantia, pois o valor de concerto de alguns itens que tive problema pós termino da garantia, ficaram o dobro ou triplo do preço na concessionaria, principalmente os valores de peças, aqui tem uma auto peças especializada em Ford, peças originais as vezes por um terço do valor da concessionaria, a lanterna traseira por exemplo, 500 na concessionaria e paguei 200 na especializada.

          PS: Tenho um Fiesta sedan rocam 1.6 2011.

          • Silas Rana

            Pois é. Vai da concessionária, da região…
            Cidade pequena aqui, as concessionárias Ford são da mesma rede nas cidades vizinhas… fica complicado, não tem concorrência. Certamente a maioria das pessoas engole seco. Mas eu pretendo armar um esquema de logística diferenciado pra levar em outra cidade…

      • Vagnerclp

        Depende da concessionária amigo,a pessoa do texto falou bem a respeito do que ocorre na maioria das css da marca ford, ou seja, péssimo atendimento. Eu mesmo já passei por isso em 2011, quando estava procurando um focus pra comprar. No entanto, tem sim as exceções como no caso da Ford Forte de Jundiaí, nunca comprei nada lá, mas as vezes que passei por ali, fui bem atendido. Na renault, a minha experiência é boa (tenho um sandero) e pretendo sair da marca somente porque hoje em dia, acho o seu portfólio desatualizado.

    • Caio Henrique Alves Nascimento

      Compartilho dessa ideia também… Mesmo eu tendo indo só especular a compra de um Logan,Sandero e Duster, o moço me atendeu e fez de tudo para que eu ficasse com os carros.. Pena que para meu uso, os carros ficavam meio restritos, sobrando só o DUSTER, que encontrei melhores concorrentes que ele,mas de fato a renault na hora da venda é bem atenciosa.

      • Silas Rana

        Quando meu irmão foi comprar o Stepway eu perguntei para a vendedora sobre o câmbio automatizado Easy-R, que tem bem poucos relatos pela internet. E, sinceramente, fiquei impressionado com o conhecimento da vendedora com relação ao câmbio. Deixou bem claro que não era igual um automático, que dava os trancos sim como todos automatizado mono embreagem mas que, comparado aos pares dele, tinha suas vantagens e disse quais eram. Sem contar nos quase 2 mil reais em acessórios (insulfilme, frisos laterais, camera de ré, ultrassom do alarme – que originalmente é só perimétrico – calhas de chuva). Obvio que comprado fora da concessionária dificilmente estes itens chegariam a 2 mil reais, mas nos preços da concessionária, era esse valor. Facilidade de negociação, maleabilidade… realmente foi a melhor experiência até hoje.
        E, de fato, tendo o Duster e seus concorrentes, também olharia os outros, mesmo com todos os méritos da marca. Como disse, os produtos ainda deixam um pouco a desejar perante a concorrência. Valeria a pena se o preço fosse realmente mais baixo (como era no caso do Stepway, que custava 49k, e seus concorrentes, beirando os 60k – crossfox e hb20x).

      • Vagnerclp

        Não só na venda, o atendimento pós-venda também é bom, pelo menos na concessionária aqui de Jundiaí. Sempre me trataram educadamente, só são ruinzinhos mesmo pra solucionar os problemas do carro (como as demais marcas também), mas até que eles se esforçam. Na revisão de 30 mil, um dos carinhas bateu ar comprimido no motor e sujou o filtro de óleo. Eles ligaram pra saber como foi o atendimento e eu mencionei o fato de achar q o filtro do óleo não havia sido trocado. Eles me pediram uma chance e refizeram a revisão na minha frente, no entanto, o equivoco do filtro foi meu, pois a data de fabricação conferia que havia sido trocado, mesmo assim eles pediram desculpas pelo transtorno.

        • Caio Henrique Alves Nascimento

          Caramba!!! E você já teve outra experiência assim em outra marca? Moro perto de Jundiaí e a Renault daqui (Auto R) é show de bola. Faço que nem o auto do relato, sempre pesquiso bastante e como disse,mesmo indo só para especular eles me ligaram,me ofereceram café, atenção, test drive. Depois dessa só a GM daqui também que foi um show!

          • Vagnerclp

            Tive experiência negativa em css Ford de sp, a de Jundiaí, eles me atenderam bem.

    • Ric53

      Revisões de 6 em 6 meses por exemplo… Um absurdo!!!

      • Silas Rana

        Felizmente, mudaram isso a partir do modelo 2015. Demorou, mas mudou.
        Mas ainda me enquadro nas revisões a cada semestre. O que realmente é bem chato pra quem anda pouco.
        Pra mim, que rodo bastante, não faria diferença, porque faço por Km. num periodo inferior aos 6 meses.

    • Fábio Dantas

      Cara, graças a Deus eu não tive qualquer problema com a Ford. Comprei um New Fiesta há 6 meses na Bracom, no Rio de Janeiro/RJ, e o negócio como um todo me agradou. Recepcionistas simpáticas logo na chegada me indicaram o vendedor, que se apresentou rapidamente e foi atencioso. Fez o trabalho dele com esmero, mostrando os detalhes do carro e as diferenças entre os modelos. Já na negociação, pagou o que eu pedi no meu carro usado, apresentou ótima taxa de juros (sem enrolação alguma, porque eu conferi a conta eu mesmo), sem contar que foi honesto quando chegou ao limite dos descontos do carro, o que não o impediu de me dar um muito bom.

      O carro já chegou aos 10.000 km e foi para a revisão. Agendamento feito na TopFor, ao lado de onde trabalho para o dia seguinte de manhã. Consultora apresentou os preços da revisão tal e qual o visto antes no site, questionou se eu tinha alguma reclamação sobre o carro (e tinha, um sensor de porta aberta soltou, provavelmente quando mandei instalar as caixas de som na porta traseira, o que foi consertado sem custo) e devolveu o carro no prazo.

      Não sei se dei sorte, mas não tenho o que dizer destas duas concessionárias. E mesmo uma outra, BarraFor, onde há uns 3 anos fui ignorado quando pesquisava um Focus pra minha mãe, mudou de postura quando lá cheguei.

      • Silas Rana

        Felizmente, isso varia muito de concessionária pra concessionária. Fico feliz que tenha tido sorte, mas, infelizmente, minhas experiências não tem sido das melhores.
        Apenas para ter uma ideia, em 2010 minha mãe comprou um Focus Sedan (com uma vendedora que já era muito amiga da familia. Financeiramente valeu a pena, mas tecnicamente, ela pouco sabia do carro – e falei isso diretamente depois. Como costumo frequentar os fóruns dos carros que eu dirijo, descobri que para resolver um barulho chato que tinha na suspensão do Focus, teria que fazer a troca dos amortecedores dianteiros. Havia um boletim técnico da Ford que recomendava a troca para carros entre determinados números de chassis, que reclamassem do problema (o famoso recall branco). Precisei de 3 visitas a concessionária e nada de detectarem o problema. Apenas diziam ter apertado e lubrificado o conjunto. Na quarta vez, eu consegui o boletim técnico, imprimi e levei lá. E questionei o motivo de não terem feito o que diz as instruções do fabricante (a troca do par de amortecedores). Pra resumir, veio até o gerente da concessionária pra ME QUESTIONAR onde eu arrumei aquele documento, que era confidencial, que eu não podia ter acesso, que era ‘invasão’ ao serviço da concessionária… Enfim, depois de uma discussão acalorada, fizeram a troca e abandonei a garantia.
        Alguns meses mais tarde, um grande amigo que sempre sonhava em ter um Focus, foi a concessionária para fazer o pedido de um via venda direta, pelo desconto de 15% que a empresa dele teria junto a Ford. É sabido que esse tipo de venda demora mais que o usual, já que o carro é faturado na fábrica direto no nome do consumidor final, sem a concessionária de intermediário. Pediram 90 dias para a entrega do carro e instruíram que o pagamento seria quando o carro estivesse prestes a ser entregue. Fato é que os 90 dias se passaram e, ao voltar a concessionária, o mesmo vendedor NÃO HAVIA feito o pedido do carro. 90 dias de espera para nada. Isto porque era pagamento a vista. Descaso total. Pediram mais 90 dias e garantiriam que desta vez fariam. Nem preciso dizer que o carro foi comprado em outra loja na capital…
        Aqui no fundo do vale do paraíba é realmente tenso o serviço…
        Qual NF tu pegou? Está gostando? Tenho um Sedan SE PS. quase 27 mil km. Até agora, tirando o amortecedor estourado que a concessionária tá negligenciando a troca e um barulho na caixa e/ou coluna de direção, está 100%.

        • Fábio Dantas

          Fala, camarada! Então, peguei o SE 1.5. Estou feliz da vida com ele, carrinho gostoso de dirigir na cidade, anda com força se pisar, bom de curva na estrada… Só quero botar couro nele, nada mais.

          Quanto às concessionárias, posso estar sendo ingênuo, mas pode ser porque em cidades menores há um ou dois distribuidores na região. Logo, pela falta de concorrência, dão uma negligenciada no nível do atendimento. Não?

          Mas me conta mais sobre essa história do amortecedor estourado. Veio assim ou estourou em buraco mesmo? Abraço!

          • Silas Rana

            Penso que pode ser por isso mesmo. Tanto aqui quanto nas cidades vizinhas mais próximas todas as Fords são de uma rede local e o serviço é similar. Por isso pretendo ir para cidades maiores, pra ver como vai ser. Daqui a 4 mil km.
            Cara, tem diversas reclamações de amortecedores estourados nos NF. E a grande maioria com bem baixa KM. Não é por buraco não. É problema mesmo. Fica de olho no seu.
            Dá uma olhada lá no Forum do NF, tem alguma info a respeito disso e outras coisas.

            • DiegueteCG

              Meu NF apresentou esse problema e eles trocaram o amortecedor de boa. Felizmente sempre fui bem atendido na CSS Ford daqui de Campo Grande (automaster Joaquim Murtinho). O engraçado desse amortecedor é que eles trocaram do fiesta errado kkkkkkkkk colocaram em outro. Eu ainda brinquei com o consultor e disse que ainda bem que eles não fazem cirurgias, senão tinham tirado a perna do paciente errado.

    • Vitor Boccio

      Cara, eu tenho um Fiesta e tbm nao gosto da Ford. Mas certamente com o Sandero RS agora vou pra Renault. Tchau Ford.

      • Silas Rana

        Este ai está prometendo. Espero que realmente tenha um conjunto interessante. A parte mecânica já me surpreendeu positivamente. Só espero que a Renault não cresça muito o olho pra cima dele.

    • Vagnerclp

      Fala Silas, beleza cara? Eu faço das suas palavras as minhas em relação a Renault.

      • Silas Rana

        E ai Vagner! Sossegado, e contigo? E o Sanderão? Só alegria?

        • Vagnerclp

          Está tudo bem, continuo com ele, troca agora nem pensar, o cenário econômico não ajuda, talvez lá pra 2017 eu penso em um upgrade! Bom te ver de volta por aqui, abraços!

          • Silas Rana

            Que maneiro, cara. Tenho visto o Sanderão que foi meu aqui na cidade. O novo dono tá cuidando direitinho (se bobear, até melhor do que eu… nunca mais vi o carro sujo. Até falei isso pra ele haha).
            Realmente, agora não é a melhor hora mesmo. Se o carro aguentar, tem que segurar a onda mesmo.
            Ando meio desanimado de comentar nas notícias. Tá dificil essa tal internet agora. Pessoal se esconde atrás de um perfil e só quer saber de falar mal de tudo e de todos. E não é só aqui. É basicamente em todas as notícias de todos os sites.
            Tava até escrevendo um ‘carro da semana’, pra relatar o New Fiesta, mas parei. Não sei se vale a pena. Na época que escrevi do Sandero e do Focus parece que era melhor as coisas. hahaha

            • Vagnerclp

              Isto é verdade, o problema são os fanboys e os haters.

          • Silas Rana

            Sabe o que achei mais maneiro, Vagner, como disse num comentário acima, meu irmão comprou um Sandero Stepway dessa nova geração. Cara, achei muito legal de ver como melhorou o carro. Claro, continua sendo um Sandero, mas deu um salto gigante comparado ao que eu tinha (o seu acho que já era mais novo). Ergonomia melhorou muito mesmo. Ar condicionado automático numa posição mais elevada, central multimídia, vidros com acionamento nas portas, controlador e limitador de velocidade… gostei bastante.

    • Alvaro Guatura

      Não sei como a Ford consegue vender carros ainda aqui no Brasil. Nunca vi tanto mal humor e amadorismo [2]

  • Supernescau

    O que está no texto acima é mais pura verdade: os fabricantes gastam milhões em publicidade e põe tudo a perder com o amadorismo e imperícia dos seus vendedores e gerências. E isso que nem estou falando de conhecer o carro, mas de não ter a menor capacidade de negociação. Já respondi também duas pesquisas de opinião de como foi o atendimento e mesmo criticando muito, não recebi nem uma ligação do fabricante.

    • Minerius Valioso

      Agora eu descobri porque temos tantos vendedores incompetentes nas concessionárias pelo Brasil.

      • 4lex5andro

        bem notado pelo NA, a questao de atendimento no país é um problema, e nao só nas revendas de concessionarias de carros..

        e que talvez vá alem de qualificaçao profissional, é uma questao de educaçao mesmo ..

        • Silas Rana

          Sabe o que é isso? Falta de se colocar no lugar do outro. Se eu quero ser bem atendido, preciso atender bem quem me solicita. Simples assim.
          Eu trabalhei por algum tempo numa pequena indústria nacional (ironia) que faz avião. E tínhamos muito esse problema lá. O pessoal monta o avião e acha que um amassadinho aqui, um arranhão ali, uma manchinha lá… e acha que está tudo bem. Até que a liderança começou a pegar pesado com isso, insistindo para que cada um se colocasse no lugar do cliente. Imagina a gente compra um carro de 50 mil e fica p*** com um amassadinho e tal. Imagina quem compra um bem de 10 milhões? É cultural. Demora e tem que ser um treinamento diário, a todo instante e requer algo primordial, que tá faltando aqui no país. EDUCAÇÃO. Lá na fábrica estava dando pequenos resultados… com o passar do tempo, deve melhorar muito… Mas lá, é só um grão de areia…

        • Léo Hung

          Serviço, em geral, é um lixo aqui. Brasileiro não recebe treinamento adequado, caga pra atender e muitos atuam como se fizessem um favor ao lhe dirigir a palavra. Aqui no RJ o negócio é tão sério que vc fica espantado quando é atendido devidamente. Chega a incomodar.

          Basta um mínimo de cortesia, respeito e educação. E fazer a merdha do trabalho pro qual vc foi contratado.

    • mjprio

      Isso acontece porque as css são franquias, não pertencendo a marca e sim a grupos que acabam dando “o seu toque pessoal” a css e, em muitas vezes depreciam a imagem da marca.
      Mas uma coisa é certa: em muitas partes do Brasil o atendimento ao cliente é péssimo; e leva em conta a “imagem” que o cliente passa

  • saosao

    Parabéns! Foi uma análise e compra bem racional!
    Só espero que sua cunhada tenha ficado realmente satisfeita!

    Eu não seria tão racional não, escolheria o carro, e só depois buscaria as melhores condições, rs.

    • 4lex5andro

      pra comprar carro tem que pesquisar muito e nao cansar de visitar css e revendas ..

      pelos atendimentos citados e preços ofertados pelo usado do comprador (alem de ser um produto bem qualificado), a melhor opçao era mesmo o fluence..

  • Charlis

    Ford… realmente se surpreendendo.
    Lixo de direção aqui no Brasil, uma vergonha.

    • Fui na Ford aqui em São José dos Campos/SP de olho no New Fiesta e o atendimento foi horrível, falta de atenção, o vendedor me deixou sentado na mesa olhando moscas enquanto ele ia resolver outras coisas… Passou dados incorretos sobre as características e motorização do veículo, não sabia dizer se tinha ESP ou não (New Fiesta Sedan tem sim ESP)…

      E na mesma concessionária, no ano passado meu pai teve que quase implorar pra eles venderem um Fusion EcoBoost Titanium AWD pra ele, de tão ruim que o atendimento foi!

      • Charlis

        Pois é Brunno, nosso Fusion também foi implorado na Ford, ainda bem que foi antes dos aumentos, e pagamos o preço inicial dele.
        Mas o atendimento sempre foi ruim, tanto na compra, quanto nas revisões.

        • O que me deixou pasmo é o desleixo até com os carros de alto valor, notando-se que se vender um Fusion Titanium equivale ao esforço de vender três Kas…

      • Silas Rana

        Fiz minha revisão de 10 mil km ai na Ford da sua cidade. Achei razoável o serviço. Mas nenhum destaque positivo pra nada.
        Aqui em Guará é lamentável!
        Comprou o NF Sedan? Tenho um SE PS… tá gostando?

        • Ainda não troquei, atualmente estou com um Prisma LT e ainda estou sondando o terreno… Final de semana passado fui na Ford dar uma olhada no NF Sedan, fiz test-drive no manual e gostei bastante. Não é o mais barato mas tem um design legal, boa tecnologia embarcada e bons itens de segurança… E já que vou gastar estava de olho no SE PowerShift, mas ouço reclamações do câmbio, ao mesmo tempo que ouço que reprogramaram e corrigiram os problemas do PowerShift na linha 2015… Não sei se é verdade, vc sabe?

          • Silas Rana

            Cara, diz a lenda que desde fevereiro deste ano já está saindo uma nova versão do câmbio PS (para todos os modelos). Penso que ainda é cedo para saber se realmente resolveram ou não o problema. Eu espero que sim, já que é um câmbio excelente. Por sorte, talvez, o meu não trepida na maioria do tempo. Mas penso que é pela minha rotina de uso (pouco transito, bastante estrada…), mas lá no fórum do NF tem muita gente que teve o problema, já teve o jogo de embreagens trocadas e o problema voltou e agora estão esperando essa dita nova versão, que está demorando uma fábula pra entregarem. Vários proprietários já se desfizeram do carro por receio de uma bomba quando acabar a garantia. Eu, particularmente, continuo bastante satisfeito e continua sendo um excelente carro e basicamente o melhor que já tive (sendo o primeiro “automático”). Recomendo que de uma lida la no fórum do NF. Tem bastante informação maneira pra ajudar a entender melhor e decidir se é ou não bom negócio pra você.

    • João LP

      Experiências na Souza Ramos-Lapa, Sonnervig Vila Guilherme e Navesa-Guarulhos foram excelentes. Bons descontos, boas taxas é ótimo atendimento.

      E, tendo ido em outras marcas, também fui bem atendido.
      Acho que é reflexo da grande concorrência que há até dentro da própria marca, pois são muitas CCS’s em São Paulo.

  • Vitorugo V.

    Excelente negócio Marco! Muito racional.
    Eu não conseguiria não hahahahahaha
    Eu analiso tudo em casa, escolho o modelo que quero e vou nas concessionárias desse modelo. Nem importa o atendimento, se o cara é simpático, ou se sabe explicar o que o carro tem (isso eu mesmo pesquiso e vejo). O que importa é quem da mais desconto e negocia taxas.

  • Antonio Pacheco

    Dentro da realidade dos preços altos, o Fluence voltou a ter um excelente custoxbenefício. A versão dynamique já possui muitos equipamentos de série, tais como ar digital dual zone, sensor crepuscular e de chuva, limitador e regulador de velocidade, saída de ar para os passageiros do banco de trás e etc, o que torna a sua compra bem interessante.

    • DiegueteCG

      Como alguém disse aí em cima:é imperdoável ter perdido dois airbags. O carro é excelente, muito confortável e sempre foi bem equipado. Mas tirar itens, ainda mais de segurança, não faz sentido… E olha que sempre fui um grande defensor do fluence, que foi durante muito tempo campeão absoluto do CxB

  • Fábio

    A ford em breve cairá definitivamente no ranking geral de vendas no Brasil. Japonesas e coreana na cola.

  • Mr. On The Road 77

    Agora a Renault melhorou ainda mais as condições para um Fluence. Versão Dinamique CVT tá saindo a R$ 67.990,00 e com tx zero em 36 vezes.
    Acho a melhor opção de medio atualmente.

  • Gabriel

    Tenho minhas dúvidas se realmente o momento é ruim pra comprar um HR-V, fora a parte da disponibilidade de entrega. Acho bem provável que o preço do carro vai subir nos próximos meses, fora que a Honda não costuma oferecer descontos enquanto o modelo não estiver no período final de vida.

    • Fábio

      Isso aconteceu com a Tracker mexicana. Mas cada caso é um caso.

      • Gabriel

        Com a Tracker, com o Golf, Corolla…do jeito que o mercado anda não passa 6 meses sem um aumento de preços.

    • Rafael

      Concordo com aumento no HR-V. Não demora pra aumentar uns 3 a 5 mil em cada versão na tabela.

      Quanto ao desconto, aqui em Belo Horizonte, comprei em junho de 2013 um Civic LXR para meu avô. O preço de tabela era 74900 e ofereci 70 redondo a vista. Fizeram e ainda deram cortesia, como insulfilm, sensor de ré.

      Ps. Comprei por ele. Quem pagou foi ele, só fiz a negociação. Kkkk

      • Gabriel

        Posso estar errado mas pelos comentários que vejo é difícil conseguir muita coisa na negociação com a Honda pra Fit e City, por exemplo. No caso do Civic talvez seja mais viável por já estar em vias de ser trocado e pela concorrência do Corolla.

  • Cesar Mora

    Só fiquei na dúvida sobre sua cunhada ter gostado de fato do carro… acho o Fluence um bom carro…

    no mais, esse fds passei por um concessionária Peugeot e achei interessante os preços para o 308 ( sem chorar nada, o 1.6 Quicksilver por R$ 58.000,00 bem completo e o THP aut. por R$ 74.000,00 )

  • BRM

    (…) “no entanto como ela usa muito em estrada para trabalho e desfruta de uma situação econômica confortável” (…)

    Situação econômica confortável e a prioridade era ficar caçando CSS com “taxa zero” ?
    Situação econômica confortável e dividiu o saldo devedor em 36x ?

    OK. Próximo.

    • Marcos Lopes

      nada contra mais …
      tb achei estranho. Comprar carro pagando financiamento só ele gerar algum lucro ( for pra empresa ou representação comercial etc …) não exite taxa zero . Só compro carro avista nunca paguei o preço de tabela . Juros é algo que gosto de receber e não pagar.
      Se tem boa condição financeira junte o dinheiro ( ganhando juros / juros ) e compre a vista por um preço menor .

    • Gabriel

      Ué, e qual a relação de uma coisa com a outra?
      Independente de ser a melhor escolha do ponto de vista financeiro, não é porque uma pessoa tem dinheiro que ela vai necessariamente querer se descapitalizar de uma vez.

      • Bruno Wendel Marcolino

        exato.

      • Dexter

        Se a compra de um carro irá “descapitalizar” o indivíduo, certamente a situação econômica dele encontra-se longe do nível de confortabilidade.

        • Gabriel

          Eu me referia a gastar um montante considerável de uma vez, não a ficar zerado.
          E mesmo assim continua valendo o fato de que não é porque alguém tem dinheiro que compra tudo a vista, seja isso certo ou não.

          • Ricston

            Concordo. Situação econômica confortável é ter dinheiro, para satisfazer seus desejos, sem passar perrengue. Se comprou financiado ou à vista tanto faz.

        • Paulo

          Aqui no NA só tem picão! Só Ricos!

          • iCardeX

            Também tem aqueles que vendem o almoço para colocar a gasolina no possante…

    • Peraldiano

      Também não é assim. O fato da pessoa ter uma graninha a mais não quer dizer que vá sair rasgando dinheiro a granel.
      Dinheiro custa caro e quem tem, sabe quanto custou para ganhar..,.

      • Oli

        Comprar a vista é rasgar dinheiro e pagar juros e tac não? Ok.

    • João LP

      Ter um carro 30 meses antes de juntar a grana para pagar à vista tem um preço (juros). Quem decide pagar e tem condições, paga.
      Está no seu direito.

    • Daniel

      Ué… dependendo da pessoa, é mais negocio financiar com o tal do taxa 0.
      Imagine que a pessoa tem algum tipo de investimento que renda relativamente bem. É mais negocio ela manter o dinheiro rendendo e pagar as parcelas com juros menor.
      No exemplo acima, considerando 65990 a vista versus 34600 de entrada + 36*918.
      Ou seja, a diferença em valores hoje seria 31390. numa aplicação que renda 1%a.m. a diferença no final dos 36 meses é que sobrariam pouco mais de 5mil reais na conta de quem comprou com as 36×918. Em outras palavras, o taxa 0 saiu 5mil mais barato que o pagamento a vista!
      Se vc acha que 1%a.m. é muito pra uma aplicação… bom… com uma aplicação de 0,6%a.m. o saldo ainda seria de pouco mais de 2mil reais.

      • Lucas Rizzo

        Pensei a mesma coisa.
        É muita gente querendo ensinar aos outros como viver, né?

      • PrGirafales

        falou exatamente o que eu pensei… é o meu caso…. só nao troquei o carro ainda pq nao veio uma taxa zero no que me interessa, senao dava o meu de entrada e financiava o resto com taxa zero, pois tenho dinheiro aplicado com boa negociação de ganhos… os dois ou tres anos desse dinheiro guardados com a taxa selic aumentando todo mes é um baita negocio para mim e para outras pessoas

      • iCardeX

        Você já tentou comprar um veículo com taxa Zero? Não? Então vamos lá: Não existe financiamento de carro com taxa zero de juros neste país. Basta ler aquelas entrelinhas miudíssimas de anúncios de TV e Jornais para entender. Você precisa ter muito cuidado com esta e outras pegadinhas de marketing utilizadas pelas montadoras e financeiras. Existem diversas taxas e impostos que serão cobrados mesmo quando não existe juros. O juro zero só deveria ser divulgado se o Custo Efetivo Total (CET) da operação fosse igual a zero. Padre Quevedo confirmaria: “Isso no Ecziste!”

        1º Pegadinha – Taxa de Abertura de Crédito (TAC) – Essa pegadinha começa na casa dos R$ 350,00 e pode utlrapassar os R$ 1.000,00. Isso depende muito da tamanho da ilusão que eles vão te plantar.

        2ª Pegadinha – Juros Embutidos – Dispensa comentários.

        3ª Pegadinha – IOF (Imposto Sobre Operação Financeira) – O Governo Federal quer receber o imposto dele, não importando se você vai ou não pagar juros na operação. Nesse caso aí, para os R$ 31.390,00, ao menos, R$ 570,00 viram IOF.

        4 ª Pegadinha – CET (custo efetivado total) – Duvideodó que o financiamento de R$ 31.390,00 em 36X dê um CET em Zero. E mais, duvideodó que eles te mostrem o CET antecipadamente a assinatura do contrato. o CET na taxa zero beira os 7%.

        5ª pegadinha – A venda casada – Existem concessionárias que só oferecem juro zero se você adquirir outros serviços: licenciamento, emplacamento, e blá,blá, blá. Aqui no DF o valor cobrado é, no mínimo o dobro mas geralmente triplo dos valores normais.

        Em tempo: Em 2009 quando financiei o meu veículo Gol G5 Power com taxa de 0,49%, no relatório de custos veio discriminado um tal de “Outros Serviços” custando R$ 690,00, mas sem discriminação do que se tratava. Tempos depois (2 anos, para ser exato) eu descobri que isso era uma tal de “taxa de retorno”, uma espécie de “prêmio” que eu estava pagando (sem saber) para vendedor em forma de mérito de comissão apenas pelo financiamento aprovado.

      • iCardeX

        Você já tentou comprar um veículo com taxa Zero? Não? Então vamos lá:
        Não existe financiamento de carro com taxa zero de juros neste país.
        Basta ler aquelas entrelinhas miudíssimas de anúncios de TV e Jornais
        para entender. Você precisa ter bastante cuidado com esta e outras
        pegadinhas de marketing utilizadas pelas montadoras e financeiras.
        Existem diversas taxas e impostos que serão cobrados mesmo quando não
        existe juros. O juro zero só deveria ser divulgado se o Custo Efetivo
        Total (CET) da operação fosse igual a zero. Padre Quevedo confirmaria:
        “Isso no Ecziste!”

        1º Pegadinha – Taxa de Abertura de Crédito (TAC) – Essa pegadinha começa na casa dos R$ 350,00 e pode utlrapassar os R$ 1.000,00. Isso depende muito da tamanho da ilusão que eles vão te plantar.

        2ª Pegadinha – Juros Embutidos – Dispensa comentários.

        3ª Pegadinha – IOF (Imposto Sobre Operação Financeira) – O Governo Federal
        quer receber o imposto dele, não importando se você vai ou não pagar juros na operação. Nesse caso aí, para os R$ 31.390,00, ao menos, R$ 570,00 viram IOF.

        4 ª Pegadinha – CET (custo efetivado total) – Duvideodó que o financiamento de R$ 31.390,00 em 36X dê um CET em Zero. E mais, duvideodó que eles te mostrem o CET antecipadamente a assinatura do contrato. o CET na taxa zero beira os 7%.

        5ª pegadinha – A venda casada – Existem concessionárias que só oferecem juro zero se você adquirir outros serviços: licenciamento, emplacamento, e blá,blá, blá. Aqui no DF o valor cobrado é, no mínimo o dobro mas geralmente triplo
        dos valores normais.

        Em tempo: Em 2009 quando financiei o meu veículo Gol G5 Power com taxa de 0,49%, no relatório de custos veio discriminado um tal de “Outros Serviços” custando R$ 690,00, mas sem discriminação do que se tratava. Tempos depois (2 anos, para ser exato) eu descobri que isso era uma tal de “taxa de retorno”, uma espécie de “prêmio” que eu estava pagando (sem saber) para vendedor em forma de mérito de comissão apenas pelo financiamento aprovado.

        • Daniel

          Já comprei carro com taxa 0%, sim, tem alguns impostos e outros custos… mas são bem pequenos e sabemos disso.

          No caso do carro citado no post, os 31390 viraram 36×918 que resulta em 33048, ou uma diferença de 1658, ou, se quiser, R$ 46,06 a mais por mês.

          Agora, coloca os 31390 na poupança e vai tirando o valor das parcelas ao longo dos 36 meses… no final sobra mais de 2mil reais. Ou seja, vc tinha 31390, pagou 33048 e ainda te sobrou mais de 2mil reais? Sim, é verdade… ah, mas vc pagou taxa de abertura de credito, IOF e mais não sei o que lá… E dai?

          Sobre a venda casada… no primeiro carro que comprei com taxa 0% não comprei nenhum acessório e nem fiz emplacamento com eles..(simplesmente peguei a NF, fui no Detran e em 2 dias já estava com o carro emplacado). Na 2a vez que comprei, optei pelo emplacamento na concessionaria apenas por comodidade. Eu estava recém operado e como tinha o lance de feriado (na verdade jogo da copa) e eu ia precisar viajar com o carro… foi mais agil fazer com eles… de serviço de despachante (tirando as taxas do detran que não tem como fugir) paguei 200 reais (era 1000 reais antes do choro)… detalhe é que, na negociação do carro, o IPVA foi gratis… só paguei o emplacamento e esses 200 pilas a mais.
          Só faz mal negocio quem não negocia! (detalhe que esse carro eu tinha pouco poder de barganha – só tinha 2 unidades no estoque da fabrica, ou seja, ainda era encomenda! – e tive apenas 30minutos pra negociar com a vendedora… nessa meia hora “ganhei” 10mil entre avaliação do usado e desconto no novo e mais o IPVA (que foi pouco mais de 1000 reais na epoca). Ou seja, 11mil reais em 30 minutos (queria eu ganhar sempre assim… haha)

          • iCardeX

            Dei-me ao trabalho de realizar os cálculo aqui. E conclui: sem pegadinhas sobrariam pouco mais da metade do que você imagina. Jogando apenas juros de poupança a taxa de 0,49%, do montante de R$ 31.390,00, sacando-se mensalmente os R$ 918,00 da prestação do veículo e deixando os juros acumularem. A situação final foi a seguinte: Na 35ª prestação o cidadão teria apenas R$ 178,00, no entanto, ele já teria acumulado R$ 2.706,00 de rendimentos de juros da poupança, então R$ 2.706,00 + “R$ 178,00” – “R$ 918,00” = R$ 1.966,00, porém ainda existiria a última prestação a saldar, ou seja, a prestação 36, R$ 1.966,00 – R$ 918,00 = No final, no máximo sobrariam R$ 1.048,00.

            • Daniel

              Aonde que a poupança é 0,49? Fiz os calculos com 0,6a.m. Fui confirmar agora pra ver se eu não tava desatualizado e falando besteira e a poupança até variando entre 0,65-0,67a.m. ou seja, sobraria ainda mais do que eu falei!
              E, vc fez a conta errada, pois mesmo a 0,49% ainda sobrariam 1383! (o que é ainda assim é melhor do que pagar a vista!)

              • Daniel

                Só complementando… eu só considerei a poupança, que é um investimento extremamente conservador. Hoje eu tenho outras aplicações bastante seguras rendendo a 1,04%a.m.

              • iCardeX

                Até onde eu sei a remuneração da poupança em todos os bancos do Brasil é feita com a taxa de juros de 0,5% ao mês, aplicada sobre os valores atualizados pela TR.

                Faz o favor de demonstrar o cálculo do montante de R$ 31.390,00 remunerado a 0,49% mês, durante 36 meses, ao tempo que esse mesmo montante perde R$ 918,00 mensalmente?

                • Daniel

                  Retirado do site do BB:
                  Rentabilidade Poupança Julho/2015
                  dia 1 = 0,6822%
                  dia 25 = 0,7172%

                  se entrar lá tem o valor pra cada dia… peguei só 2 pra referencia.

                  sobre os 0,49%a.m.:

                  Compra do carro:
                  Saldo: 31390

                  Mês 1:
                  (Saldo anterior * 1,0049)-918=
                  Saldo: 30625,81

                  Mês 2: R$ 29857,88
                  3: R$ 29086,18
                  4: R$ 28310,7
                  5: R$ 27531,43
                  6: R$ 26748,33
                  7: R$ 25961,4
                  8: R$ 25170,61
                  9: R$ 24375,94
                  10: R$ 23577,39
                  11: R$ 22774,91
                  12: R$ 21968,51
                  13: R$ 21158,16
                  14: R$ 20343,83
                  15: R$ 19525,52
                  16: R$ 18703,19
                  17: R$ 17876,84
                  18: R$ 17046,43
                  19: R$ 16211,96
                  20: R$ 15373,4
                  21: R$ 14530,73
                  22: R$ 13683,93
                  23: R$ 12832,98
                  24: R$ 11977,86
                  25: R$ 11118,56
                  26: R$ 10255,04
                  27: R$ 9387,286
                  28: R$ 8515,284
                  29: R$ 7639,008
                  30: R$ 6758,44
                  31: R$ 5873,556
                  32: R$ 4984,336
                  33: R$ 4090,76
                  34: R$ 3192,804
                  35: R$ 2290,449
                  36: R$ 1383,672

              • iCardeX

                Realmente, refiz aqui e deu R$ 1383,00.

              • iCardeX

                Realmente, refiz aqui e deu R$ 1383,00

                • Daniel

                  Pois é… agora faz a conta com 0,65% da poupança ou 1,04% da minha aplicação. No final, com o “taxa 0” dá pra pagar o carro e as revisões no periodo e sobrar um restinho pra licenciamento… hehe (pro IPVA dai já é querer demais!) :)
                  Sem contar que vc não fica com o dinheiro todo engessado no carro, se surgir alguma urgência vc tem o dinheiro disponível até se reorganizar.

          • iCardeX

            Se eu tiver cometido um engano, o valor correto que deveria sobrar é R$ 891,00.

    • John_911

      Sim. Por que não? Talvez ela prefira investir a maior parte da sua renda em seu(s) imóvel(is). Com a taxa zero ela pode aliviar as parcelas dando uma boa entrada e dividindo o restante sem juros, enquanto dá prioridade a outras coisas. Tem que ter cuidado com esses julgamentos.

    • Paulo

      Q isso? Cada um gasta seu dinheiro como acha que deve amigo. E por ela pechinchar tanto é que deve ter uma situação boa! Quem guarda, pesquisa, sempre tem!

  • Pedro Henrique

    pelos dados, é fluence na veia :D

  • FPC

    Eu fico impressionado como uma pessoa sai da sua casa querendo comprar um bem de 70 mil reais e ainda é mal atendido, e também como os vendedores não são maleáveis, não devem estar precisando de dinheiro mesmo, ainda mais nessas épocas de “vacas gordas” né?!

    • Bruno Wendel Marcolino

      não dá pra entender mesmo…

    • Peraldiano

      Já fui vendedor ( não do ramo automotivo) e posso lhe garantir que vendedor não faz milagres, pois tem uma margem de manobra super estreita. O máximo que o vendedor pode fazer é mostrar o produto, tentar receber o usado numa condição melhor ou algum brinde ou agrado. O resto é amarrado na tabela.

  • Diggo

    O problema é ter comprado um carro zero, que já foi reestilizado.

  • Felix Sehnem

    Belo retrato feito pelo cidadão. Quando comprei meu carro também fui mal atendido em algumas revendas. Também comprei meu carro na Renaut sempre fui bem atendido ali.

  • Fanjos

    Tristeza de ver o buraco que nossa economia esta caminhando, muito em breve não teremos mais médios abaixo de 70 mil, depois 80…90…. e finalmente o primeiro churrasco será feito

    • Sérgio Niski Junior

      Mas ela pagou não? Infelizmente é isso daí, se subir o povo paga financia faz o diabo mas paga. Eu concordo que não tem opção, mas é justamente por isso que os preços estão assim…

  • Thiago SG

    Não pensaram em olhar o Corolla GLi?

  • Revoltado

    Fui olhar um Fiat Punto Attractive 1.4 $46.500,00 aqui em Belo Horizonte… cai de costa.. vou ver alguma coisa nos usados

    • Wagner Lopes

      Cara, excelente carro mas vai passar raiva com o 1.4…anda menos que muito 1.0 por aí e bebe como locomotiva…conselho de quem já teve.

      • Ricston

        Ainda mais aqui em BH, que todo carro bebe mais que pinguço.

        • Wagner Lopes

          Verdade. Morro demais e motorista ruim com força! Também sou de BH.

  • Mauricio L.

    É triste, porém para perder menos dinheiro e fazer bom negócio tem que buscar modelos já meio defasados ou que vão receber face lift. Mas a questão de atendimento, a tendencia é melhorar daqui pra frente tendo em vista a SECA de vendas, tava muito fácil vender carro nos ultimos anos e os vendedores estão mal acostumados.

  • Ândiel Ortiz

    Por favor, verifiquem a questão da revisão dos textos. Tá tenso…

    • Alexandre Maciel

      Oxe… até os textos do NA não raras vezes vêm com erros… hehehe…

  • Renan Dias

    Excelente texto, ilustra bem que uma boa pesquisa pode resultar em um ótimo negócio. Parabéns a vocês pela paciência e pela compra!

  • Leo Romano

    Por experiência em casa… Fluence é casamento.
    São 2 alegrias, uma quando compra e outra quando vende.
    Desvaloriza MUITO e pra vender tem q dar pra alguém.
    Vendi um Golf (modelo antigo) em 3 dias. Meu pai demorou quase 4 meses p vender o Fluence. Sendo que eu apenas anunciei no OLX e ele anunciou no OLX, colocou em exposição na loja de um amigo e NINGUÉM queria o carro.
    Carro tava c 2 anos, na garantia, todas as revisoes na concessionaria, pouquissimo rodado (26mil km).
    O carro era ótimo, porém, o mercado é burro.

    • Mauro Schramm

      O preço anunciado não estava muito alto?

      • Leo Romano

        Talvez seja questão da região, no caso moro em Manaus.
        Mas aqui tivemos uma péssima revenda, altíssima desvalorização.
        Tava bem abaixo da FIPE, vendemos mais ou menos 30% abaixo da FIPE pra você ter ideia .

        • Ricston

          30% abaixo da FIPE, se foi para particular, realmente é tenso.

    • Wagner Lopes

      Por isto que só compro usado e de particular.

    • Rodrigo

      Mecânico ainda, o casamento é certo. Se fosse em São Paulo, a cor branca também deporia contra, ainda mais Fluence que se vê tanto quanto Spin rodando como taxi.

  • Lucas

    (OFF TOPIC) Pessoal, queria comprar um carro, mas precisava que ele fosse muito econômico (pego rodovia quase todos os dias). Quais vcs recomendariam? Honda Fit CVT?

    • Mauro Schramm

      É um dos mais econômicos e também conta com excelente espaço interno e com o super útil sistema UTL nos bancos traseiros (menos na versão DX). Por outro lado, é super espartano em termos de equipamentos.

      O Fiesta Powershift também é bastante econômico e bem mais equipado que o FIT. Porém o espaço interno é bem menor. Além disso, é bom ficar atento e verificar se a FORD já resolveu o problema de trepidação nesse câmbio.

      • Lucas

        É então, gosto do Fiesta, mas um parente meu comprou um Powershit e pense na dor de cabeça com esse problema no câmbio. O que me faz não comprar o Fiesta não é nem o risco de dar o problema é sim o pouco caso que a Ford faz (6 meses esperando peça e ninguém se pronuncia a respeito)

        • Alexandre Maciel

          Salvo engano a revisão F do câmbio saiu nos EUA. Se chegou por aqui, não sei.

          Em 2013 eu peguei o Fiesta SE MT exatamente porque não li nada de agradável sobre o PS no Fiesta Faction. Tinha muita reclamação e, para completar, ao consultar a cesta de peças do câmbio no Ford Parts, tomei um susto. Não tive dúvida e fui de MT já que não queria ser cobaia do câmbio da Ford@ (com A no final mesmo… hahaha).

          • Reinaldo Carvalho Gil

            Esse pesadelo com o câmbio automatizado também ocorre no Focus?

            • Lucas

              Não sei se acontece no Focus, mas o problema é no câmbio, logo toda linha utilizando o mesmo, pode ocorrer surpresas em qualquer carro da marca rs

    • Tiago

      Qual a faixa de valor? Tem que ser automático? Alguma restricao quanto a tipo do carro?

      • Lucas

        Procuro até R$60.000. Pensei em automático, pq geralmente o CVT é beem econômico…mas sem restrições. Tem alguma ideia?

    • Ricston

      0km ou usado? Faixa de preço limite? Manual ou automático? Liga para desvalorização? Faz questão de ter liquidez no momento da revenda?

      • Lucas

        Hoje eu tenho um carro 2014, então não sei se queria voltar alguns anos atrás, para comprar um usado. Preferiria um automático. Quanto à desvalorização, não ligo para isso, tenho um Peugeot atualmente rsrs

    • Tiago

      Caso nao precise ser automático:
      – New Fiesta 1.6 é um bom carro, razoavelmente econômico e anda bem. Nao aconselho a versao powershift por estar tendo muitas reclamacoes por problemas no cambio.
      Automáticos:
      – Honda Fit CVT é economico, tem bom mercado, acomoda bem os passageiros e dificilmente vai ter algum problema com manutencao (otima confiabilidade)
      – Honda Cit CVT. Acredito que consiga um por 60 mil reais, é mais ou menos um Fit na carroceria sedã. Ficaria mais a criterio do gosto.
      Claro que teriam carros 1.0 ou 1.4 abaixo desse valor e muito mais economicos, mas pra quem pega a estrada todos os dias ficaria ruim…

      • Lucas

        É que eu vi uma galera aí na internet fazendo 18 km/L até 20 km/L no Honda Fit CVT…acho q nenhum carro 1.0 faria isso. O que vc acha?

  • Bruno

    Legal, fluence é um carrão, eu optei pelo c4 thp, me fizeram em 36x sem juros no preço de 76k, foi o melhor negocio na época pra mim. Aliás, é um carrão!

    • Raone

      Optei tbm pelo THP… É bom ver que nesse período de crise, os brasileiros estão abrindo a mente e analisando novas opções. Grupo do Lounge (71) 8229-5023, manda msg.

      • Bruno

        Legal Raone, vou add o grupo

        • Raone

          Manda msg que adiciono.

  • XXRS

    O atendimento da Ford é um lixo mesmo, e parece que é generalizado, no Brasil inteiro. Aqui, quando estava pra trocar de carro, fui em uma css Ford para ver um EcoSport e o atendimento foi péssimo, passei uns 20 minutos batendo perna entre os carros, depois entrei em duas unidades do Eco onde constatei o acabamento lixo dele e já desisti de cara da compra, entrei em um New Fiesta que na época era mexicano ainda, abri mala e tudo e ninguém veio me atender, com centenas de atendentes nas mesas, telefonando, outros batendo papo, outros mexendo no computador. Quando estava de saída uma mocinha apareceu descendo uma escada e me abordou perguntando se eu já havia sido atendido, por pena dei atenção, mas tentou me passar a perna: 48 mil em um NF hatch naquela versão vergonhosa sem airbags que traziam e 64 mil em um EcoSport SE com pintura metálica e com rodas de ferro (lembrando que isso foi no final de 2012). Atendimento pior só na VW, que dava pra roubar um carro do showroom e os atendentes nem veriam.

    • Ricston

      Atendimento pior só na VW, que dava pra roubar um carro do showroom e os atendentes nem veriam. LOL

      • iCardeX

        Pior que isso, é o vendedor te levar para conhecer o carro, que você tanto gostaria de testar, e simplesmente não abrí-lo. Aconteceu com a minha namorada. Lembro ainda da cena rídicula dela, com as 2 mãos sobre o vidro, parecendo um mendiga, tentando observar o carro pelo lado de fora enquanto o vendedor respondia mensagens do WhatsApp. Então, quando ela disse que gostaria de discutir uma proposta, o vendedor ironizou-a e disse que ela poderoa procurar outro atendente porque era sábado e o horário dele já tinha finalizado havia uns 25 minutos. Eu só balancei a cabeça de tanta decepção. Ele não sabia: naquele dia eu compraria um Golf a vista, e a minha namorada desistiria de comprar o Fox naquela concessionária.

  • Minerius Valioso

    A escolha do Renault Fluence foi muito boa. No entanto, eu não pegaria essa nova linha, até porque a versão Dynamique perdeu as bolsas infláveis de cortina, o que é imperdoável.

    Lamentável ainda termos tantos e tantos casos de mau atendimento. Se eu fosse o dono da concessionária, já teria demitido todos esses vendedores.

  • BAYMAXX

    Muito bom, bela Odisseia.
    Ainda dizem que o mercado está em crise, atendo desse jeito parece mais que eles estão faturando muito bem mesmo para que não está vendendo bem.

  • Rodrigo

    Bela descrição e belo processo de compra. Só acho que se tivessem apertado um pouco mais na Honda, talvez tivessem melhorado (por exemplo, modelos como Civic LXS ou mesmo o City EX poderiam ser considerados). Estão fora da modinha HR-V, mas são bons carros e que entrariam dentro das condições desejadas (eu mesmo, peguei taxa 0,49 no Civic em Março deste ano). Enfim…
    Negócio feito, acho o Renault Fluence um bom carro, mas acho que sua cunhada vai casar com ele. Porque comprar um sedã médio com câmbio manual, pra vender depois dá trabalho… Mas se a idéia é ficar com o carro por um bom tempo, imagino que isso não seja um problema por ora.

    Quanto ao relato da Ford, passei o mesmo há 4 meses atrás. E imagino: se o pré-venda é assim, imagina o pós… E te garanto que só não botaram defeitos graves no carro usado (Focus 2011), porque era da marca.

    De resto, parabéns pelo relato e pela disposição em ajudar um familiar a fazer o melhor negócio possível.

  • Coffinator

    Atendimento da Ford pra ser MERDA tem que melhorar BASTANTE mesmo. Aqui na ccs da cidade o cara passa 10 mins dentro e NENHUM vendedor aborda o cara nem pra expulsar e, quando atende, parece que você faz um favor.

    • Matheus Marques da Silva

      Aqui em Caxias do Sul na concessionária Ford FLORAUTO certa vez (creio que há um ano atrás +/-) fui interessado em um New Fiesta. Queria conhecer o carro, fiz o test drive em um 1.5 querendo ver o 1.6, mas a atendente parecia que queria “testar meu poder aquisitivo” e preferiu claramente tentar negociar o 1.5 e disse que “olharíamos o 1.6 depois de ver as condições do 1.5” (não me lembro quais eram os modelos exatamente). Não havia muito o que negociar nos preços que ela me passou pois segundo ela “o carro está vendendo bem e os valores eram aqueles”. Resultado: Saí da concessionária não pretendendo voltar tão cedo e nem troquei de carro. Em compensação semana passada, agora que as condições financeiras melhoraram, fui pela primeira vez em 11 anos como motorista, em uma VW (Carburgo Caxias) carregado com todos os meus preconceitos contra essa marca e fui surpreendido por um atendimento MUITO BOM e alguns produtos também. Há de se considerar que algumas informações do carro estavam meio obscuras, mas a Golf Variant havia chego há pouco e imagino que mais convivência com o produto vai melhorar ainda mais o atendimento lá.

      • Coffinator

        Geralmente só vou em ccs depois de ir pra academia ou ir correr, logo as roupas não estão uma maravilha (mas não estou fedendo, diga-se). Na VW só faltaram me colocar nas costas e levar pra ver os carros, fora café, informações dos carros, simulações, test drives e etc.

  • Félix

    Pelo visto a Ford está atendendo mal geral. Aqui na minha cidade é a pior de todas. Na venda é ok, pois tenho conhecidos entre os vendedores, mas o pós-venda foi a pior experiência que tive.

    • Silas Rana

      Dúvido!
      Ou você mora na mesma cidade que eu ou você não conhece a Ford daqui! hahahahaha
      Tamo tudo Fordido

  • Alfredo Araujo

    Interessante como a Ford consegue ser coerente em seus negócios no Brasil…
    Não conheço NINGUÉM que tenha algo de bom para falar da Ford. Eu mesmo fui destratado nas quatro vezes em que fui em concessionárias Ford. Duas vezes na mesma CSS, por vendedores diferentes… rs
    Além do fato de amigos já terem tido problemas no pós venda, com seus carros.

    • Silas Rana

      Alfredo, tenho um Ford e tenho uma coisa boa pra falar. O carro é muito bom.
      Mas torço para que não de problemas. Nunca. Jamais. Em espécie alguma… Porque, se não…

      • Alfredo Araujo

        Cara… não duvido nem um pouco !!
        Andei de carona várias vezes em um Fiesta mexicano. E até eu comprar um Civic, a opção era um Focus Titanium. Justamente o fato que me fez pegar o Civic foi não confiar na Ford.

        • Marcos Lopes

          eu tb comprei um Civic simplesmente porque em 3 revendas da ford no rj não aceitarão minha ranger 2008 ( que tinha gnv) como parte do pagamento ! Na honda foi sem ‘stress’ ainda consegui a melhor avaliação ( gm/ renault / marca usados ) pra minha ex-ranger …
          quanto aos carros q ja tive da ford não tenho nada q reclamar todos foram excelentes , muito econômicos e praticamente nenhum problema ( exatamente ao contrario do meu ultimo vw…. ) .

  • matheus

    E o Civic de entrada? Um primo conseguiu fechar negocio no 2008 Griffe por 72, mas devido ao porta-malas pequeno ficou com o Civic de entrada por 69.990. Não desmerecendo a compra, claro. O Fluence é um puta carro, além de ser um dos mais bonitos do segmento.

    • Ricston

      Mas Civic é muito bom em termos da manutenção e, principalmente, na liquidez de revenda. Palavra de quem já teve um New Civic.

    • Marco Lúcio Faria

      Então na ocasião em que fomos na Honda não tinha a versão de entrada do Civic, assim como também não tinha taxa zero, ou seja mesmo que tivesse com certeza se fizéssemos negocio ao longo do período de financiamento ele sairia muito mais caro que o Fluence. Abraços!

  • Vagnerclp

    Eu gostei da sua opção, também ficaria com o Sentra ou com o Fluence (tenderia ao sentra, por ser mais bonito).

  • Jorge

    Impressionante a quantidade de comentários de mau atendimento nas concessionárias Ford. Eu comprei um Ford e fui bem atendido na loja de Ituiutaba-MG mas aparentemente eu sou a exceção da regra.

    • Lucas de Lucca

      Cara acho que é questão de sorte mesmo e da região. Aqui sempre fui bem atendido em minhas visitas a concessionárias. Única excessão foi na VW daqui… lá já fui bem e mal atendido.

  • ronaldo batista

    Parabéns pelo texto e pela iniciativa de compartilhar sua experiencia!
    Texto bem claro e sem as paixões de determinados leitores por certas marcas!
    A racionalidade foi a base, o que acho fundamental para evolução do mercado automotivo!

  • RyanSX

    Um bom negócio sem duvidas, pena que não seja o modelo com a restilização, mas enfim, o 308 aqui de casa também não é porém ganhamos vários itens (acessórios) para fecharmos o negócio. No caso, demos um Gol g5 1.6 2010/10 no negócio que foi avaliado em 23.000 e saldo em 12x. no total o que ficou a mais no valor final do carro foram cerca de 1000 reais.

    Resolvemos ficar na Peugeot pelo bom atendimento tanto no pré venda quanto no pós vendo (na minha cidade pelo menos) além do mais ja tínhamos contato com a marca, temos um 207 1.4 11/12 e não tenho nada a reclamar, um carro além das minhas expectativas, embora ainda possua alguns defeitos, mas nada que atrapalhe e todo carro por mais caro e luxuoso que seja vai ter algum defeito (até Ferrari pega fogo não é mesmo?) porém antes em uma Ferrari do que em um 207, mas…….

    Voltando ao assunto, sofri o mesmo péssimo atendimento na VW e principalmente FORD, simplesmente nos tratam como se não a gente nem tivesse dinheiro para comprar um carro de 70.000 acima ou um mero Up! ou um Ford Ka.

  • Marco Lúcio Faria

    Obrigado a todos que fizeram comentários no Post. Desculpem pelos erros de português, me esforcei para que tivesse o minimo possível mas sem muita pratica no habito de escrever, principalmente logos textos é normal que isso aconteça.

    Com relação aos diversos comentarios sobre atendimento nas CCS concordo com todos praticamente, na verdade o que vemos é um reflexo da nossa sociedade. Tem lugares em que voce recebe um bom atendimento, isso vale para lojas de roupa, restaurante e pra CCS também, mas normalmente esse bom atendimento está associado a uma pessoa, e não a uma marca ou estabelecimento. O normal é vermos bons vendedores e atendentes mas não boas equipes, ou seja você pode ir na Ford amanha e achar um cara novo cheio de vontade de vender que vai lhe fazer um belissimo atendimento, mas aquilo é um merito individual dele e não da marca. Mas a equipe da Ford tirando um ou outro é muito ruim, e isso vale para praticamente todas as marcas, tanto que muitos citaram que em suas cidades receberam bons atendimentos na Ford e criticaram a VW por exemplo. Ainda sim isso é muito ruim, pensar que uma Marca não consegue estabelecer um padrão de atendimento é decepcionante.

    Uma das razões que acredito que os atendimentos sejam tão variáveis é pelo próprio portfólio das marcas, pegando novamente a Ford, o mesmo vendedor atende gente procurando um Ford Ka com pessoas procurando um Fusion, e muita das vezes ele não está tecnicamente preparado para adequar seu atendimento ao publico e as vezes trata o cara que está procurando um Fusion como quem quer um Ka e vice-versa.

    No mais gostaria de esclarecer muitas duvidas sobre o porque não olhei modelos da Toyota entre outros. Pelo menos em Londrina não havia condições boas de financiamento no carro e nem versões abaixo dos 70 mil, mesmo que no site mostre que ela exista não quer dizer que na CSS tem. Como foi o caso do Hyundai com o i30.

    E sim nos avaliamos a depreciação do Fluence manual e estamos preparados para lidar com isso numa eventual troca, mas ainda sim achamos que o negocio valia a pena. Cada região trata o semi-novo de uma forma diferente e aqui pesquisamos e achamos que a desvalorização estava em um nível aceitável.

    Agora o objetivo dela é um HR-V, mas sem loucuras, se eventualmente ele entrar em uma boa condição de pagamento com algum bonus vamos analisar! Apesar que não vejo isso acontecendo nos próximos 12 meses (sendo MUITO otimista), na verdade penso que não menos de 24 meses para termos novamente boas condições de compra salvo de algumas exceções.

  • Thiago

    Disse tudo sobre a publicidade e propagandas em tv e internet, fazem um comercial e tanto de encher os olhos com efeitos, mas na hora h, deer, não estão nem ai. A patroa do meu pai comprou o DS5, o próprio dono a css vendeu pra ela, isso a 6 meses atras, agora a uma semana atrás, o carro foi css com um barulho no volante, ficou quase 4 dias, não achavam o defeito, e não davam satisfação para ela, ninguém, nem o “bonitão’ d o proprietário da css, a mulher ficou sem carro, de inicio ficaram ligando por meu pai, ele falou que a mulher ficou p da vida, ela disse que nãoi compra nunca mais carro deles Citroen Notre Dame em particular

  • mjprio

    Numa busca por automóveis fiquei com a mesma sensação do péssimo desempenho dos vendedores e tive as mesmas impressões. Na Hyundai, tive um atendimento digamos preciso mas sem muita cortesia. O vendedor só se animou quando mostrei interesse em dar 50 mil de entrada num HB20S Premium AT(preço venda 63mil) , quando ele disse que sairia com taxa zero e negociaria o preço e acessórios.
    Na Honda, um vendedor mal humorado , me atendeu com grosseria , quando perguntei sobre os itens do Fit. Fiz uma simulação e perguntei por taxa zero e a resposta foi seca e grosseira. Aqui é honda e não faz taxa zero!!!
    Na Nissan uma bagunça no feirão da css e em meio a confusão pedi informações sobre o Sentra e o vendedor quis empurrar o modelo 14/15 , argumentando que um sedãzão como sentra não precisa de TCS e ESP.

    Não fui a Citroen nem PUG , por ter um certo receio quanto ao pós venda, se bem que os olhos brilham ao ver o 2008 e o C4 Lounge

    Enfim, pagamos por carros caríssimos e sequer temos um atendimento decente. Quero comprar algo entre 60 e 70 mil de preferencia 0km e não sei o que fazer. Só sei que Ford nunca mais

  • kikofar

    Pesquisou bem. Teve parâmetros definidos. E, o principal, soube fazer as contas. Fez o melhor negócio dentre as opções apresentadas. Que sua cunhada aproveite o (bom) carro dela. Nessas condições, ficaria com o mesmo carro, mas optaria pelo automático, ainda que espremendo um pouco o orçamento, e sairia do branco. É muito bonito no primeiro ano, mas se não tiver cuidado (polimento, limpeza rotineira…) ele vai encardir, perdendo a graça. Abraço.

  • Guilherme Franzoi

    Questão emocional eu não iria de Fluence, mas haja visto os fatos, foi, realmente, um belo e racional negócio! Parabéns pela compra, e quem sabe o “patinho feio” não surpreende positivamente com o decorrer o tempo? Inclusive, acredito que no quesito de seguro, o do Fluence custe um baixo percentual de valor do carro.

  • Roger Abdulack

    em 2009 minha mãe tinha uma Dobló que queria trocar por uma nova, mas fomos dar uma olhada em outros carros, sendo que na Ford fomos ver a EcoSport. Na hora de ver prazos, foi passado a proposta, com entrada o nosso carro e mais financiamento. Perguntamos se poderia melhorar a condição de financiamento e a vendedora respondeu que se quiséssemos condição melhor que procurássemos o banco, pois ali era uma loja de veículos. Só agradecemos e fomos embora. No final, a troca foi feita por uma Dobló nova.



Send this to friend