Home Etc Diferenças entre gasolina comum, aditivada e premium/podium

gasolina adulterada Diferenças entre gasolina comum, aditivada e premium/podium




É comum ouvir um amigo dizer que abasteceu o carro com combustível aditivado, qualquer modelo que seja, e que ele ficou “muito mais forte”. E também que a gasolina comum “é suja”, que a aditivada “é besteira”, que a Premium (seja a BR Podium, ou a Shell) é “jogar dinheiro fora”. Essas, entre outras lendas e mitos, acabam deturpando a verdade sobre os inúmeros combustíveis disponíveis no mercado.

A verdade é que o consumo, independente do tipo de combustível, não tem razão físico-química nenhuma que justifique diferenças gritantes. Os três tipos de combustíveis vendidos no Brasil são, por força de lei federal, misturados com 20% a 25% de álcool anidro. Vale lembrar que este álcool não é exatamente o mesmo do outro combustível, que é o Etanol.

A diferença entre gasolina comum, aditivada e premium é bastante simples; a primeira não contém aditivos de limpeza e dispersantes, portanto ocorre, ao longo do tempo, acúmulo de detritos no motor e sistema de combustão. A segunda, aditivada, traz uma série de “detergentes” especiais misturados ao combustível; cada bandeira faz o próprio coquetel, e a sua eficiência varia de acordo com a qualidade deles.

Por último, há a gasolina Premium/Podium — assim como o combustível aditivado, ela também traz componentes de limpeza especiais, porém tem mais octanas (fato que é aproveitado por veículos com alta taxa de compressão, permitindo um total aproveitamento do potencial do motor), emite menos enxofre durante a queima e, assim, causa menos impacto ambiental, já que polui menos.

É possível, gradualmente, passar a utilizar gasolina aditivada ou mesmo premium em motores “acostumados” com combustível comum. A vantagem será, a longo prazo, mais durabilidade ao motor e seus componentes, menos resíduos acumulados, manutenção da limpeza interna de tubulações, bicos e câmara de combustão e, como já citado, menos poluição. E como é de conhecimento geral, um veículo com seu “coração” limpo anda melhor e com mais qualidade.

E ao contrário do que diz o mito popular, qualquer veiculo à gasolina pode usar a Podium da BR ou a Premium da Shell, sem quaisquer problemas ao carro. Ele não é mais “forte”, portanto não estraga o motor, e também não é “mais puro”, correndo tubulações.

Estes são mitos populares sem fundamentação alguma. O preço mais alto dos combustíveis ditos “especiais” podem se justificar, a longo prazo, já que seu carro continuará limpo e saudável. A Petrobrás recomenda que usuários não troquem de combustível subitamente: se você for usuário de combustível comum, deverá adicionar 10% de aditivada ou Podium a cada abastecimento até completar 100%.

Adicionalmente, veículos “FLEX” abastecidos com ETANOL (ou “alcool”, como é chamado popularmente) devem sempre colocar combustível de alta qualidade (preferencialmente Podium ou Premium) no tanque de partida a frio, pois a validade da gasolina é maior nestes casos. E para manter o sistema de combustão limpo, é recomendado abastecer um tanque completo com gasolina a cada três ou quatro tanques de ETANOL.

A tendência é que, com o tempo, a gasolina “comum” desapareça, como ocorreu em certos países. A grande vantagem virá no futuro, pois com uma frota inteira rodando com motores mais limpos reduzirá a emissão de poluentes — e neste ponto, cada pequena ação é mais do que válida.

Por Orlando Ortiz

[ratingbox]


  • MarcosMV

    Comum, aditivada e premium têm algo em comum, ambas são caras, como tudo por aqui.

    Mas quando estou com te$mpo abasteço com a podium.

    • Thgfelipe

      eu sempre coloco aditivada, pois a diferença é muito pouca em questão de valores, apesar de serem caras rs

      • ahotsuru

        eu coloco sempre a comum e coloco aditivo a cada 3 tanques… se a shell quiser colocar uma gota de aditivo por litro e chama-la de aditivada não tera problemas… deveriam criar uma norma para isso e fiscalizar.

        • Pedro_Rocha

          Já existem normas. O site da BR Distribuidora informa sobre alguns parâmetros de classificação dos combustíveis.

  • Gabriel_Nint

    Se tivermos a sorte de colocar uma gasolina comum sem ser batizada já está ótimo, o carro vai durar muito tempo. O problema é que a maioria dos postos batizam a gasolina, colocando tudo nela, menos a gasolina.

    • rogeriulima

      Estão diminuindo essa pratica, agora preferem adulterar a bomba pra entregar menos combustivel do que o que foi pago.

      • danilotoo

        como se dono de posto fosse pobre e precisasse dessas práticas
        bando de ladrão desgraçad*

    • thales_sr

      Eu hein, não sei onde vocês andam abastecendo, mas não me lembro de ter pego gasolina batizada até hoje…

      • andre_0102

        Ou não lembra de ter percebido a diferença, que na maioria dos casos só se repercute no rendimento e a longo prazo na manutenção. Eu procuro sempre postos onde os taxistas abastecem, pq é muito mais provável que eles identifiquem adulterações e fujam dos picaretas. Fica a dica…

        • thales_sr

          Não percebi diferença alguma, o rendimento do motor se mantinha o mesmo, no tocante a consumo. Só uma vez meu carro ficou engasgando, eu pensei que era gasolina batizada, mas era vela velha. Troquei e ficou tudo bom de novo.

          • Tripa-Seca

            heheh…Certa vez eu troquei do combustível, e o rendimento continuou o mesmo, ou seja, o posto fraudava a bomba! Pois eu abasteci com etanol e fiz 9 km/l. E abasteci no mesmo posto com "gasolina" e fiz os mesmos 9 km/l!

            • thales_sr

              Nossa… Esse posto aí é do "bão" hein? Aqui nunca tive esse problema, como sempre completo o tanque, é tranquilo notar se a bomba está adulterada ou não. A menos que eles adulterem coisa de 2-3%…

            • Regis

              Os motores Flex demoram a identificar a mudança de combustível e só será perceptível após o segundo tanque. Se o combustível utilizado anteriormente era etanol, o consumo da gasolina será maior até o sistema de injeção se adequar.

  • RFCAR

    De fato a Podium da Petrobras tem mais octanagem que as outras premiuns, porem a diferenca sera principalmente como o texto disse em carros de taxa de compressao maior, como bmw, mercedes, audi, etc…
    Alias a propria BMW em seu manual recomenda gasolina com alta octanagem

    • ChicoFCarvalho

      Os motores aspirados de BMW, AUDI e Mercedes têm taxas de compressão sempre menores do que 11:1. Já nos seus turbos, a taxa nominal é ainda menor (embora a real, depois de pressurizada, seja efetivamente mais alta). No entanto, vários motores nacionais têm taxas acima de 12:1. Estes também poderiam se beneficiar com gasolina premium/podium. Aliás, após a redução do teor de álcool anidro na gasolina (25% para 20%) aumentaram as reclamanções de "batida de pino" desses motores com o uso de gasolina pois esta pode ter perdido octanagem ficando mais próxima do limite mínimo de 87 IAD. Além da maior octanagem, outro benefício é o menor teor de enxofre (1000 ppm na comum contra 30 ppm na podium)

      • Castle_Bravo

        Ela não "pode" ter perdido, ela perdeu, porque o álcool era o principal se não o único aditivo usado para oxigenar e aumentar a resistência à compressão da gasolina comum, reduzindo a porcentagem, logo a gasolina fica pior, mais "instável" por assim dizer, a Podium e as outras premiuns possivelmente perderam também alguns IADs.

        • ChicoFCarvalho

          Considero provável pois, a perda de octanagem pela redução do percentual do álcool pode ser compensada pelo aumento de outros agentes oxigenantes à gasolina "pura". Por lei, o mínimo IAD na comum, já com álcool, é de 87 e de 91 na premium. Caso houvesse alguma "folga" nesses índices devido ao alto teor anterior do álcool (25%), se poderia ainda alcançar esses mínimos após a redução para 20%, (perda de cerca de 1 IAD) sem a necessidade de adição de outros oxigenantes. Tenho curiosidade em saber qual foi o procedimento adotado pelas Refinarias e Distribuidoras sobre isso, ou seja, se estão trabalhando no limite mínimo ou se tiveram que fazer alguma compensação na gasolina "A" para atingi-lo.

          • Castle_Bravo

            Não há muito para onde fugir quando o assunto é aumentar a resistência a compressão e a oxigenação da gasolina, até onde sei o Brasil não adiciona algum éter (como ETBE, MTBE, TAME, etc.) para este fim, então se não houver uma folga, há sim redução da resistência, como na prática é perceptível em ladeiras e sinais de trânsito, o "festival de grilos" que tornou-se nossas cidades após a redução para 18% do percentual de álcool na gasolina.

      • ahotsuru

        o rendimento aumenta? se sim em qto aprox? um primo falou q o rendimento aumentou em um civic apesar de ter dito q faria diferença significativa com motores que tivessem taxa de compressao maior…

        • MeGusta

          Se o civic for o SI o carro identifica o combustivel com maior octanas e muda o ponto aumentando uns 6cv

    • Ricston

      Audi também recomenda no manual gasolina com padrão europeu = 95 octanas = PodiumBR.

      • ChicoFCarvalho

        A Audi e a VW insistem em usar para o Brasil o padrão de octanagem RON (europeu) muito embora aqui, tal como nos EUA, se use o padrão IAD. A Podium tem 95 IAD o que dá cerca de 100 no RON. A nossa premium tem 91 IAD, cerca de 95 RON, enquanto a nossa comum tem 87 IAD, cerca de 91 RON. Por exemplo, no Brasil, o adesivo na tampa do tanque do Tiguan pede mínimo 95 RON, o mesmo carro, nos EUA, tem adesivo pedindo mínimo de 91 IAD.

        • dougkmt

          Vc sabe dizer se a recomendação da VW/Audi se expande para todos os TSI/TFSI?

          Se sim e der problema com gasolina "apenas" aditivada, vou permanecer longe desses motores! Meu bolso não permite encher o tanque com Podium!

          • http://macmagazine.com.br/ Andre Cunha

            Então seu bolso não permite vc ter um TSI/TSFI.

          • ChicoFCarvalho

            No caso do Tiguan, embora o adesivo no tanque alerte para uso de gasolina 95 RON (91 IAD), o manual do carro diz que pode ser usada a gasolina comum (87 IAD). Certamente, não deve afetar a durabilidade do motor, caso contrário a fábrica não permitira. Mas, com certeza também, o desempenho é prejudicado e não deve alcançar os números de torque e potência divulgados. Por exeperiência própria, usando ambas, comum e podium, posso garantir que a diferença de desempenho é grande principalmente nas retomadas e arrancadas. Quanto ao consumo, não consegui notar diferença significativa. Outra vantagem da podium é o baixo teor de enxofre, não apenas para o meio-ambiente mas também para o motor. Acredito que isso deva valer para todos os TSI/TFSI da VW

  • marcio_cr

    Nem lembro qual foi a ultima vez que coloquei gasolina normal no meu carro. Desde que o valor do litro foi equiparado (pelo menos aqui em Brasília ) nunca mais coloquei gasolina normal.

    • https://www.facebook.com/montanhatec Pabllo Miguel

      Marcio mor no df tbm..tenho um punto actrative 1.4 e so uso aditivada..e ha uma semana passei a colocar tambem a podium… Semana passada que enchi o tanque coloquei 20 litros de podium e os 40 restantes foi de aditivada…. Ai ontem tava com 1/4 do tanque ai coloquei 10 litros somente da podium…tenho feito essa mistura ate colocar 100% podium pra ver de qual é…. Mas enfim a diferença entra aditivada e comum eh muito pequena e nao deixo de por aditivada….

  • Paulo Vinícius

    E em 2014 toda gasolina vendida deverá ser aditivada, só existirá comum e premium com ambas sendo aditivas e tendo 50 ppm de enxofre, o que vai permitir a estratificação nos carros com injeção direta. Segue o link da ANP ( Resolução 38/2009) que estabelece o fim da gasolina sem aditivo: http://nxt.anp.gov.br/nxt/gateway.dll/leg/resoluc

    • pablo

      Já está na hora.

  • Daniel_Yamada

    Grande Orlando Ortiz! Está em todas também, hein? Abçs!

  • Caio_Ferrari

    Alta taxa de compressão não é exclusividade de esportivo. Quase todos os motores 1.0 e 1.4 além de alguns 1.6 possuem altíssima taxa de compressão e se beneficiam com a Podium.

    • YoOdEx

      Aprosito, quando dizem "alta taxa" em acima de quantos? Alto para um, pode não ser o mesmo alto para mim.

      O Celta é um exemplo de motor com "alta taxa" pelo menos no nome. VHC.

      • Caio_Ferrari

        Oi, taxa alta para um motor a gasolina é igual ou acima de 11:1. Aí a gente já percebe a vantagem do número maior de octanas na premium.

        Abs.

    • Castle_Bravo

      Só que em motores flex é desperdício de dinheiro abastecer com combustível Premium ou Podium, porque basta adicionar um pouco mais de álcool (1 litro a cada 10 de gasolina, por exemplo) para a gasolina comum "se transformar" em gasolina de alta octanagem, por uma fração do preço sem impactar praticamente nada no consumo do carro.

      • Caio_Ferrari

        Fato.

    • thales_sr

      Os VHC têm taxa de compressão alta, mas a injeção deles não avança tanto o ponto de ignição para ter algum real ganho com a Podium.

      • Castle_Bravo

        O álcool tem octanagem BEM maior que a Podium (100 IAD ou 110 RON), ou seja para rodar com a Podium ele precisa avançar menos o ponto do que para rodar com etanol.

        • MeGusta

          Eu sei que voce está trazenda a linguagem para um nivel mais popular, mas o alcool não tem octanas.

          • Castle_Bravo

            Exato, mas é aquilo que disseste, às vezes escrever "octanas" mesmo que incorreto, aproxima mais da ideia popular de que a qualidade de um combustível está relacionada a sua quantidade, do que escrever simplesmente "resistência à compressão".

  • FSaccon

    Eu abasteço somente gasolina comum no meu carro, que nunca viu etanol, devido à diferença de preço, que é próx. a R$ 0,10 por litro para a gasolina aditivada. Só que, a cada 5 mil km eu coloco um frasco de aditivo para limpar o motor. Minha dúvida é: o que estou fazendo é correto ou compensa colocar somente gasolina aditivada e não usar estes aditivos? Posso confiar que a gasolina aditivada é realmente aditivada ou só deram um cheiro de aditivo nela (não fazendo diferença alguma para a comum)? Quem aditiva é o posto ou a distribuidora?

    • Castle_Bravo

      No manual dos carros da GM recomenda a cada quatro ou cinco tanques de gasolina ou etanol comum usar um frasco de aditivo detergente, em tese o efeito é o mesmo que usar gasolina aditivada, porém pode sair mais caro, já que em muitas vezes ela tem o preço bem próximo da gasolina comum, e o aditivo não é tão barato assim…

      Sobre a idoneidade do posto, é necessário confiar ou pedir para ver, normalmente os distribuidores costumam por um corante no aditivo para diferencia-lo da comum (que vai de amarela a quase sem cor…).

      A BR Distribuidora adiciona um corante verde à gasolina aditivada, o corante da Esso é vermelho, por exemplo, estas são as que lembro agora, mas cada uma tem uma coloração diferente, é a maneira mais prática para conferir se há ou não o aditivo.

      • FSaccon

        Obrigado pela resposta.
        Realmente, se a diferença de preço entre as duas gasolinas for pequena, não compensa. Mas, tomando a conta de R$ 0,10 por litro, em 4 tanques já compensa a utilização do frasco de aditivo.

        Como não acredito na boa fé dos brasileiros, custo a acreditar que alguém não colocaria gasolina comum e algum corante apenas para vendê-la como aditivada. Já teve frentista que me sugeriu colocar aditivo mesmo quando eu abastecia com aditivada, argumentando que a proporção era muito pequena na que saía da bomba.

  • jersaosp

    Só faltou a explicação da gasolina "a la brasileira"

    • HenriqueHJ

      essa é facil.

      pega qualquer dessas gasolinas ou etanol citadas acima. de uma "mijada" matinal. e pronto esta a gasolina a la brasileira.

      eu sei que gasolina aditivada e blablabla……

      mas o meu carro monofuel que tenho desde 2005, nunca viu gasolina comum só aditivada e em posto BR. só que de uns tempo pra cá (10.000km) o carro que fazia 13,5km/l está fazendo 10.9km/l quando pisado no sapatinho. entao eu pergunto, esta na hora de limpar os bicos? e sinto que estou tendo que pisar mais pra fazer o de costume.

      trocar de carro eu não quero, pois o guido e a dilma me sacanearam. então vou ficar com o carro por mais uns 5 ou 6 anos.

      • Renato_Dantas

        Henrique, o Boris Feldman fala no programa de domingo no VRUM exatamenteo sobre isso, acesse http://www.vrum.com.br e terá sua explicação.

      • EBarbosa1

        Pode ser os bicos injetores que estão com problema, precisando de uma limpeza (numa máquina especial de ultrassom, e não aqueles produtos que tentam vender por aí que vão no tanque de combustível.)

        Não custa nada dar uma checada no corpo de borboleta. Quando ele está sujo, faz com que o motor tenha um funcionamento irregular, o que acaba aumentando o consumo.

      • HenriqueHJ

        valeu gente.

        vou mandar limpar os bicos e o TBI mesmo.

        fiquei com pulga atras da orelha, pois no manual do carro falava que não era necessario a limpeza de bicos e que o fabricante não recomendava. e o meu carro ja esta com 90 mil km

        • thales_sr

          Manda a loja testar pra ver se são os bicos mesmo. Tem tanta coisa que impacta no consumo do carro, como bicos sujos (que você já mencionou), mas filtro de ar, filtro de combustível, velas, cabos de vela, e até mesmo as sedes de válvulas podem estar com alguma sujeira e perdendo estanqueidade.

        • andre_0102

          Amigo, não vai na onda, o programa "High torque" que manda videos sempre p/ NA, já publicou uma critica muito séria sobre as "Dicas"do VRUM, falando(propagandeando), soluções milagrosas a partir da limpeza dos bicos, na real o mais adequado é mandar revisar o Injeção Eletrônica, que ira identificar o problema e definir a ação a se tomar, a maioria dos fabricantes não recomenda limpeza dos bicos, a não ser que um problema seja identificado. O resto é propaganda p/ vender produto, ou serviço.

          • AllekCorreia

            Foi sobre o Autoesporte, não?
            Whatever, ambos não são 100% confiáveis.

  • YoOdEx

    Nunca abasteci com gasolina Podium e não o farei. A diferença de preço por aqui é de 50 centavos por litro. Gasto em média 150 litros por mês.. da uma diferença de 75 reais por mês a mais! Em um ano, 1000 reais praticamente. Só vale a pena para carros esportivos/luxosos que necessitam desse tipo de comsbustível.. Meu nacional não precisa desse luxo.. afinal, ele não corresponde me dando luxo! heheheh

    Quanto a aditivada coloco algumas vezes. Nunca notei diferença de consumo, de desempenho e nem dano de qualquer forma aos meus motores. A única diferença é pagar 10 centavos, por litro a mais ou 5 reais em cada abastecida, no meu caso claro.

    • andre_0102

      Não há diferença de consumo na aditivada, é a mesma gasolina c/ aditivos p/ limpeza, no máximo diminui a manutenção.
      Tb acho a Podium inviavel, pelo menos no meu caso.

  • poa141322

    Apesar da reportagem bem escrita, pouco explica sobre a diferença das 3…

    • ahotsuru

      deveria colocar um comparativo de preço, rendimento, beneficios, etc.

    • andre_0102

      Rápido e simples então:
      Comum: Gasolina c/ alto teor de enxofre(menos pura)
      Aditivada: Igual a comum Aditivo(Detergentes e Dispersante _cada distribuidor tem sua fórmula) Teoria mantém o sistema de alimentação limpo. Existe Etanol aditivado tb(outro tipo de aditivo, outra função).
      Premium: Maior octanagem(menos enxofre, mais limpa, melhor rendimento(nada fenomenal), tb possui Aditivos
      Todas tem álcool, obrigatório no Brasil.

      • poa141322

        Vários artigos na internet falam sobre octanagem. Quimicamente, consigo entender como funciona uma maior octanagem, mas os reflexos que isso causa no rendimento é bastante vago. Ninguém arrisca dizer que reduz o consumo, aumenta a potência, dentre outras que possam justificar realmente a diferença de preço…

  • Bikudin

    Só ando no etanol, motor flex pra mim é meia boca, não passa de motor a etanol, com essa compressão alta a gasolina comum destroi o motor, faz grilar, a cada 5000 coloco um tanque de podium e depois volto no etanol e boa.

  • cfcmarcos57

    Eu coloco só Etanol Aditivado (a diferença de consumo para o Etanol Comum faz o preço ficar equivalente)… preciso abastecer com Gasolina Aditivada a cada 4 tanques ou esse Etanol já resolve?

  • crisburatto

    Essa história de ter que colocar um tanque de gasolina a cada certo tempo de uso de etanol é recomendação somente da Toyota, se não me engano, mas não é recomendação de qualquer outra marca que eu saiba. Devia haver uma melhor explicação sobre isso no texto, e era uma lenda do início dos flex, anos atrás.

  • CelKitem

    Moro em Sao Paulo entao ainda da pra colocar etanol, e coloco etanol aditivado Shell. Unica diferenca que senti foi que o motor fica mais macio que no etanol comum.

  • danielGT

    Aqui em casa o Focus e o Linea só param em bombas com Podium, minha mãe que deu uma relaxada de uns anos pra cá dai o carro dela vira e mexe para fora das Podium, mas sempre aditivada no carro dela, no meu e do meu pai no minimo uma aditivada também, e mesmo assim somente em postos de confiança.

    Lembro quando tinhamos uma Tipo 1.6 e um Omega 4.1 aqui em casa (9.2 se não me engano a taxa de compressão da Tipo, do Omega eu acho que era 11 e alguma coisa não me lembro ao certo) calhou de meu pai começar a abastecer com as gasolinas top só pra ver mesmo qual que era, por curiosidade. O Omega meu pai dizia que andava mais (na época eu não tinha carteira de motorista então não sei dizer) e na Tipo minha mãe dizia que melhorava na suavidade do motor.

    Como disse não sei se é verdade pois não dirigia na época, mas o que era fato era o consumo ficou um pouco melhor nessas gasolinas. De lá pra cá só quando a situação aqui em casa apertou que agente não abastecia com Podium (geralmente é Podium da BR mesmo) mas de resto sempre colocamos este tipo de gasolina.

    • Castle_Bravo

      O melhor sempre é seguir o manual do carro, se o manual do Linea e o do Focus não exigem combustível de octanagem maior, é desperdício de dinheiro abastecer com ele, ainda mais com a Podium que é absurdamente mais cara que a Supra, que usa os mesmos detergentes da Podium

      • danielGT

        Po cara na boa, mas tem lugares que que vende a Podium por 3,10~3,20….tem gente pagando em gasolina comum 2.80 e poucos quase 2.90…..sei lá para ter algumas vantagens, ainda mais relacionadas a durabilidade e longevidade do motor eu prefiro pagar este pouco a mais.

        Edit:

        ah sim a Supra é boa mas por aqui por perto a diferença e minima….mais tenho colocado manos Podium e mais das outras Premium pois não é todo lugar que tem, e agora eu to trampando longe quando vou de carro e a reserva acende eu paro e abasteço. Minha preferencia vai pra Podium, mas como eu disse no outro post, no minimo uma aditivada de um posto conhecido.

        • Castle_Bravo

          Comentei sobre a diferença grande, porque aqui no RS a Podium chega a R$3,39 (já vi por R$3,69!) na maioria dos postos e a Supra fica entre R$2,79 e 2,89, ou seja, é bem grande a diferença no final do mês!

          Segundo a própria Petrobrás, e também a Ipiranga, o detergente adicionado é exatamente o mesmo da Aditivada comum, então fora a resistência a compressão ("octanagem") maior, não há vantagem alguma em pagar mais pela Podium se o manual do teu carro não exigir este tipo de combustível, e mesmo que exija, sendo flex, é possível deixar a gasolina comum com a octanagem até maior que a Podium, adicionado um pouco de álcool ao abastecer, como comentei acima, reduzindo e muito o custo por quilômetro!

          Também não há benefícios como aumento da vida útil (em comparação com a aditivada comum) e o se teu motor não tiver injeção direta, é irrelevante a quantidade menor de enxofre. =/

  • LuisRenatoJoia

    As vezes eu abasteço com adtivada no golzinho 1.6 no meu pai!O bichinho anda até mais e fica mais maçio o motor.

    • Fla3D

      Efeito placebo….

      • HenriqueHJ

        efeito "placeberrimo"

        até hoje tem gente que acha que gasolina aditivada é um "Red Bull" de carro
        o aditivo só limpa ou mantem os bicos menos entupidos e evita a longo prazo o borra no motor.

        gasolina aditivada não aumenta os CV, não adiciona "Oxido nitroso" no sistema e não faz Tssssss Tssssssssss Tsssssssssss no som do escapamento.

        • Castle_Bravo

          Este efeito placebo está migrando para a octanagem, tem gente que acha que mais octanas no combustível farão um 1.0 ficar mais "nervoso". =/

  • HenriqueHJ

    eu sempre abasteço com gasolina aditivada.

    mas eu ja usei uns 4 tanques direto de Podium

    realmente o carro ficou mais economico, mas não a ponto de compensar o gasto adicional.
    outra coisa que eu notei foi que o carro ficou menos aspero, e em ponto morto vibrava menos.

  • xps1530

    sempre abasteço com gasolina aditivada na minha TIGUAN.. .nemum problema.

    • Tripa-Seca

      Meu VEYRON não reclama da gasolina Carrefour não…Vocês leram o carro que tenho, leram? É aquele BUGATTI, tá? Não confundam com VW, por favor…

      • AllekCorreia

        Foi uma versão masculina do "EU SOU RICAAAAAAAAAAA!". rs rs

  • allannf

    A podium não pode ser usada sem carros 1.0 por muito tempo, pois ela tem uma tacha de compressão bem maior, consequentemente, tem um maior poder de explosão, o que pode danificar a câmara de compressão. Por isto que ela é indicada para carros de alta compressão.

    • Castle_Bravo

      Reveja teus conceitos, maior octanagem significa maior resistência a auto-explosão, ou seja o combustível "explode menos", que a gasolina comum.

      E a Podium pode ser usada em qualquer veículo que aceite gasolina, sem ganho em desempenho algum, a menos que o projeto do motor especifique seu uso.

      • allannf

        Amigo meu comentário não foi com base na reportagem.
        Foi com base técnica. Pois a gasolina comum, e aditivada, tem uma octanagem em torno de 87, isso quer dizem que o pistom do seu motor comprime ela até 87% gerando a explosão.
        No caso da podium a octanagem é de 95, isso significa que ele e comprimida até 95% consequentemente gerando uma maior explosão.
        Me desculpe posso estar errado, mas foi isto que aprendi no meu curso de petróleo e gás.

        • Castle_Bravo

          A resistência à compressão (ou octanagem) não é assim que é medida, está certo que quanto maior a compressão maior a energia extraída, mas estes números não tem relação com a porcentagem de compressão, até mesmo porque não há como variar ainda a compressão dum cilindro, apenas adiantar ou atrasar a faísca de ignição.

          Fosse um carro rodando com etanol puro (E100) como lidaria com 110% (RON) de compressão, caso teu método de aferição esteja correto, o pistão destruiria as válvulas? :)

          O pistão comprime sempre o combustível da mesma forma, o que ele pode fazer é adiantar ou atrasar o ponto de ignição com base nos dados enviados pela sonda lambda e pelo sensor de detonação, para poder comprimir o máximo possível sem ele auto-explodir (vulgo bater-pino, ou grilar)

          Usando a gasolina de alta-octanagem, o melhor que pode-se conseguir é o desempenho máximo do motor, mas nunca maior do que ele foi projetado ou maior do que o mesmo rodando com o etanol.

  • Evil_Kelevra

    Tenho um Yamaha/XJ6 e só abasteço com Podium, a diferença pra gasolina COMUM fica em menos de R$9,00 por tanque, abasteço uns 3 ou 4 tanques por mês, logo não se justifica colocar comum, alem de poluir mais, gera mais residuos no sistema de combustivel, bem como na camara de combustao.

    Porém, se tivesse um carro, não conseguiria arcar com a Podium e ficaria na Supra.

    Uma dúvida: A premium da Shell é a V-Power ou tem alguma acima dela? Pois na minha cidade a V-Power tem preço de Supra e não de Podium. Já pensei em colocar V-Power, pois dizem que ela eh ligeiramente mais economica que a Podium ( que nao da diferença de consumo para a aditivida), mas fico com o pé atrás se ela realmente está no mesmo nível que a Premium dos postos BR. Se alguem puder me esclarecer esta dúvida, ficaria bastante grato.

    • Castle_Bravo

      V-Power Racing é o nome da gasolina da Shell com octanagem mais alta, a outra V-Power é apenas a gasolina comum mais o aditivo detergente da Shell.

      Nem todas as cidades possuem a V-Power Racing, todavia.

  • Romis_gtr

    Por aqui a Podium é R$ 3,5/litro e não existe V-Power Racing :(

    • Flávio

      Existe V-Power Racing sim… mas que eu saiba ela não é comercializada no Brasil, parece que foi desenvolvida na Malásia, mas sei lá…. na Europa ela é bem comercializada… e a octanagem dela é 97 RON.

  • ggalleli

    Tenho um Fiat Marea 2006 5cil AT que tirei 0km e já esta com 389.000km, isso mesmo, 389.000km originais de fábrica sem mexer em motor e cambio. Pelas minhas contas já queimou quase 40.000 litros de GASOLINA COMUM DE TODAS AS BANDEIRAS, inclusive BRANCAS. Não me lembro de ter colocado aditivada no tanque dele. É óbio que as manutenções são rigorosas e seguidas a risca, feitas em concessionária da marca. Limpar bicos injetores e trocar as "peneirinhas(filtros)" tem que ser feito de tempos em tempos. O mecânico é quem define isso.
    A bomba de combustível ainda estava funcionando perfeitamente mas troquei com 300.000km como prevenção, pois é equipamento elétrico(motor) que possui peças (sapatas de "carvão") que se desgastam com o tempo de uso.

  • vandojaton

    coloquei etanol por engano no carro a gasolina 5 litros e coloquei 4,5 de gasolina vai dar algum problema no carro.

  • rubens

    em primeiro lugar só a gasolina podium da petrobras tem mais octanagem isto é fato!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    toda as outras são somente adtivadas ou comum!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    então antes de escreve essas merdas vai estuda!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • jefferson

    espero que postem meu comentario até porque não ofendi ninguem e disse sobre a matéria do achismo e sem ter feito teste ou seja so basiado em que ouve e ouviu ok vou monitora a credibilidade e democracia aqui ok