Fiat Mobi é visto novamente sem camuflagem

24/03/2016

fiat-mobi-flagra-rio-1

O Fiat Mobi é a segunda cartada da marca italiana para 2016. O subcompacto desenvolvido no Brasil já está aparecendo sem camuflagem e praticamente pronto para entrar no mercado nacional. O modelo deverá substituir o Uno Vivace e de quebra forçar a posição do veterano Palio Fire.

fiat-mobi-flagra-rio-2

Com proposta de preços em torno de R$ 30.000, o Fiat Mobi chega com visual mais jovial e descolado, o pequenino deve chegar nas versões Easy, Like, Drive e Way, esta última com apelo aventureiro. As imagens desta matéria foram publicadas pelo site CarPointNews.

fiat-mobi-flagra-rio-3

A frente do Mobi tem um visual robusto, dotado de faróis grandes, para-choque proeminente, além de grade com estilo personalizado. Na traseira, chama atenção as grandes lanternas integradas ao desenho das laterais. Já a tampa do porta-malas em preto brilhante se funde com a vigia e apliques nas colunas C. A versão das fotos é a Easy, a mais barata.

fiat-mobi-2

Note as maçanetas e retrovisores na cor preta, assim como as rodas de aço com calotas. Os faróis de neblina foram suprimidos desse pacote. O Fiat Mobi deve chegar ao mercado com motor 1.0 Fire Evo e transmissão manual de cinco marchas. O ambiente interno é muito semelhante ao do Novo Uno, mas ainda mais simples. O modelo é esperado para o mês de abril.

Galeria de fotos do Novo Fiat Mobi:

[Fonte: CarPointNews]












  • Henrique12

    Novo Uno, Novo Tudo…

    • Blessa

      Nada mais é do que um J2 piorado em termos de desenho, a Fiat conseguiu ser a campeã em feiura. Quando passar o comercial do carro vamos ter que tirar as crianças da sala.

  • Matthew

    Confesso que eu tô curioso pra ver o espaço interno deste carro. Se o Uno já é minúsculo atrás, imagina esse city car.

    • Sabe o J2? Então… não deve ser muito maior.

      • Edinaldo_Tapica

        Não se deve esquecer da expertise da Fiat em fazer carros relativamente espaçosos por dentro em relação ao que são pelo exterior. Vide Mille, antigo Fiat 600 e atual Fiat 500.

        • Rodrigo

          Se tá louco!!! O antigo Uno tinha espaço pois não tinha compromisso algum com segurança. Hoje não dá pra fazer uma lata de sardinha como o antigo Uno. O Uno atual já é uma merda em espaço.

          • Edinaldo_Tapica

            Meu amigo, quem ta louco é você que sabe de carro mais do que Giorgetto Giugiaro, um dos maiores mestres na arte de projetar carros de todos os tempos. De fato as exigências em segurança atuais são outras, por isso mesmo citei três gerações (incluindo uma delas, atual, Fiat 500), agora se tu prefere a linha de raciocínio do haterismo, ta ruim, nem dialogo contigo macho vei!

          • Franco da Silva

            O Uno atual já é totalmente verticalizado para ter algum espaço (não adiantou), imagina esse… será uma “delícia” de guiar. Ainda mais com a suspensão molenga da Fiat… vai virar mais que o Classe A velho aquele…

        • Alvaro Guatura

          No caso desse carro não deve ter milagre.. se bem que podem ter sacrificado totalmente o porta-malas

          • Edinaldo_Tapica

            Creio que a linha de raciocínio tenha sido essa mesmo: Empurraram a cabine pra trás. Porta malas ja se especula que seja o menor do Brasil, mas existe público pra isso. Eu mesmo prefiro cabine do que um espaço que mal uso.

        • Rude Voleur

          No 500, eu tenho que regular o banco dianteiro até ele encostar no traseiro. Falo sério, sobra um palmo de espaço. Mas pra mim, tá ótimo. Conto nos dedos das mãos do Lula a quantidade de vezes que levei um carro cheio.

          • Edinaldo_Tapica

            Pois é, tenho 1,84m, e inegável que o espaço traseiro seja minúsculo, mas comparado ao espaço do New Beetle ou Fusca por exemplo, pelo tamanho externo, é uma obra prima da ergonomia. Na frente é ótimo, atrás menos pior do que os supracitados, carros como o 500, os chamados carros design, mas bem maiores do que o Fiat

        • Rodrigues

          Edinaldo, blz? Acredito que já começaram a re-posicionar os preços de Uno e Palio (site da fiat), frente a chegada do mobi, em sua opinião, um palio 1.4 vale R$ 45.310,00???

          • Edinaldo_Tapica

            No 1.0, completo, final de 2012 paguei 31k. Lembro que o Gol com aquele primoroso acabamento sem tecido nas portas custava na época 32k NO MODELO 2 PORTAS! Mas de fato, inegavelmente não vale 45k, mas acima de 1.0 quais são as outras opções do mercado? Pra mim tá tudo uma merda. Elogio o Novo Palio sob o ponto de vista ergonômico, e de fato, ele e mais bem resolvido em espaço do que o Punto.

            • leomix leo

              Acho que espaço é uma coisa, ergonomia outra. O punto tem uma posição de dirigir muito melhor que a do palio, e espaço no palio, somente no banco traseiro é melhor, na frente é um lixo como no Grand Siena.

      • Tosca16

        O New QQ até que é espaçoso, segredo para isso, praticamente abrir mão do porta-malas; ele além de ter um bom espaço interno é altinho, vc não raspa facilmente no teto, a não ser que vc seja muito grande, acho que só quem for maior que 1,85/1,80 sei lá, por aí … O UP também elogiam isso, nunca entrei para saber se é.

        • Vagnerclp

          Eu tenho 1,77 e achei o espaço do Uno uma m*rda.

          • Tosca16

            Bom, falei do New QQ; o Uno tem tempos que rodei em um, acho ele apertadinho no banco de trás .

          • rafa93

            com 1,86 para entrar e sair no banco do motorista foi um sacrifício, para quem é alto estes pequenos não são a melhor opção.

        • rafa93

          para o UP, os bancos traseiros para quem é alto apenas é um pouco complicada a entrada, na verdade isso é algo relativamente comum para a maioria dos carros, mas, o espaço traseiro até que é razoável desde que não tenha alguém grande no banco da frente.
          Eu não cheguei encostar a cabeça no teto, mas, se houvesse uma pequena queda na coluna como é comum nos hatches provavelmente haveria contato, acredito que este é um ponto positivo desta nova linha dos modelos de entrada.

        • Rude Voleur

          Eu tenho 1,85m e minha cabeça raspa no teto até de um Civic no banco traseiro.

          • Tosca16

            Sentado ? Digo ao se sentar no banco traseiro.

            • Rude Voleur

              ahaha sim, sentado. Raspa bem de leve, então dá pra se ajeitar. O que eu quis dizer é que há alguns médios (como o Cruze) ou até carros menores (como o Grand Siena) onde não tenho esse problema. O lance do Civic é mais a inclinação na traseira dele

        • Leandro

          O up, pra mim, tem o espaço que aparenta. Não impressiona nem decepciona.

    • Rodrigo

      Cara também achei o uno minusculo e desisti da compra na época do lançamento.

      Um carro menor que o Uno com valor inicial em 30 mil!!! Pelo amor de Deus TO FORA!!!

    • Edivaldo Vieira

      O espaço para os ocupantes deve ser maior que no uno e similar ao palio fire, de cuja plataforma ambos derivam. Ao lançar o uno a fiat reduziu o espaço interno, colocando um painel que invadia bastante a cabine. Pelas fotos podemos ver que o painel recuou bastante no mobi, talvez mais até que no palio fire. Como a distância entre eixos deve ser praticamente a mesma, imagino que o espaço para os passageiros deve ser maior longitudinalmente. Outro site afirma que o peso do mobi vai ser maior que uno ou palio fire. Creio que os engenheiros reabilitaram a barra transversal estrutural sob os bancos dianteiros que havia sido suprimida no uno. O design da traseira parece que foi feito às pressas para dar tempo de lançar antes do término do big brother. A volkswagen deve ter tido seus motivos para não adotar tampa do porta malas de vidro. Tomara que não venha a ser uma fonte a mais de problemas como era a tampa do antigo fiat tipo que era de plástico… vamos aguardar.

      • DPSF

        Para mim o painel continua ocupando o mesmo espaço do que ocuparia em um Novo Uno. Se teve alguma mudança para gerar espaço, acredito que se trate de colocar os bancos posicionados mais verticalmente (tipo oq acontece na Idea, com uma base para elevar os bancos) e na espessura dos bancos, com espumas mais firmes e finas, jogando o banco traseiro em direção ao suposto portamalas. Se não tiver essas mudanças, o espaço do banco traseiro vai ser infimo. Se eu teria um Mobi? Dependeria do preço e da economia q seria ofertada pelo carro. Seria o terceiro carro da familia para trajetos curtos. Então ficaria entre um Up e um Mobi. Quem sabe….

    • Pedro Cunha

      Falou bem: “CITY CAR”. Se quiserem utilizar para viajar do RJ ao DF, é óbvio que vai revelar-se insuficiente.

    • Rude Voleur

      Um cara com minha altura, 1.85m, não se ajeita no banco de trás de jeito nenhum

    • Rude Voleur

      Exatamente, um city car, projetado para beber pouco e se encaixar em vagas apertadas de estacionamento. Pra mim, por exempo, quanto menor, melhor. Se tivesse um carro com apenas 2 lugares (desconsidere o ForTwo, que é muito caro), eu o compraria, pois não preciso mesmo de nada mais que isso.

      • Edinaldo_Tapica

        Tirou as palavras da minha boca

  • Marcio Souza

    Ficou bem resolvido o desenho deste carro. Para um veículo de entrada, ficou muito bom. Não estou comparando a carros de segmentos superiores. Tem que ser comparado aos seus concorrentes (Up, Ka, QQ, Picanto..etc)

    • Ka já subiu de patamar. No segmento dele tem o Kia Picanto, anos luz mais resolvido e mais moderno, o Up agora ficou mais harmônico, o Renault Kwid se juntará ao Picanto, como estrela no segmento no que tange a design, e até o Renault Clio me parece mais bonito que esse, que se equivaleu ao QQ, GC2, J2… enfim, meio estranho, mas passa.

      • Leandro

        Picanto e up tem preço muito superior. Não faz sentido comparar, não é mesmo público.

        • Acho que não estás atualizado nas tabelas de mercado, mas vamos lá:

          – Kia Picanto: versão intermediária começa em R$ 39.990, e a top de linha chega aos R$ 49.990. Compete com todos os citados nas respectivas versões. Promocionalmente este mês a Kia está com bônus de R$ 5.000 e frete a R$ 2.000, logo Picanto sai por valores entre R$ 36.990 e R$ 46.990.
          – VW Up: começa em R$ 32.590, alçando R$ 53.513 na versão CrossUp completa e com motor TSi.
          – Renault Clio: começa em R$ 33.678,00, apenas em versão intermediária, chegando em R$ 39.990,quando equipado com todos os kits de estilo.
          – Uno Vivace (Mobi irá substituí-lo e entrará na sua faixa de preços): começa em R$ 30.010, chegando a R$ 40.892 (versão Celebration 6 + pintura metálica), sem contar com versão Way. Mobi virá nesse vão, sendo que a Way deve acrescentar até uns R$ 8.000 a mais nesta faixa, se contar com o opcional Dualogic.
          – Fiat Palio Fire: começa em R$ 29.160, atingindo R$ 41.795 em sua versão Way, com Celebration 2, predisposição para rádio e rodas de liga leve. Não conta com versão automática e/ou automatizada.
          – Chery QQ: possui apenas duas versões intermediárias, equipadas com câmbio manual, preços iniciando em R$ 28.990 até R$ 31.990.
          – Geely GC2: possui apenas versão única, intermediária, no valor de R$ 29.990, promocionalmente sem frete. Pode chegar até R$ 36.990, se equipado com os opcionais Central Multimídia e Bancos em Couro Sintético.
          – JAC J2, ofertado apenas em versão intermediária/superior por R$ 39.990, podendo chegar a R$ R$ 45.990 se equipado com opcionais.

          Como podemos ver, Up! começa em R$ 32.590, enquanto Vivace começa em R$ 30.010… onde enxergas tanta diferença assim?

          No que tange ao consumidor pessoa física, o público é o mesmo para todos eles, pois o público-alvo desta faixa de preços foca muito no custo-benefício, o que faz por consequência que migrem para as versões de entrada de compactos, abandonando os sub-compactos. No que tange a pessoa jurídica, Vivace, Palio Fire, Clio e Up disputam firmemente, deixando de fora os importados.

          • Leandro

            Estou falando do Mobi, que deve começar perto dos 30 mil. Até atingir o preço de um picanto, lá se vão quase 10 mil reais a mais. Convenhamos, versões tops e equipadas de opcionais nunca valem a pena…pra isso a Fiat tem outros carros acima dele.

            • Leandro

              E 10 mil reais em um carro de 30 mil é 1/3 do preço. É um acréscimo muito significativo.

            • Mobi vai preencher faixa de preços do Uno Vivace, que sem a versão Way chega a ultrapassar R$ 40.000 pra ficar equivalente ao Kia Picanto, imagina com a versão Way e Dualogic… o teto de preços do Mobi vai ficar algo próximo de R$ 45.000, bem próximo do teto de preços do Picanto (menos de R$ 5.000 de diferença).

    • afonso200

      picanto é muitooooo superior perto disso, fora que tem cambio AT tambem

  • No_Name

    Carrinho bizarro… Dá pra vender na Índia.

    • Mais fácil de vender na China do que lá… acho que deve ser um teste de estratégia para expansão no mercado chinês. Esse carro só deve ficar aceitável na cor preta, disfarçando bem a aparência… essa versão de entrada é apavorante. Vendo a versão Way, eu não tinha achado o carro tão feio, mas vendo esta as claras, percebe-se que é de se apavorar… aliás, que simbolo medonho aquele da Fiat na traseira… acho que a marca esqueceu que esse não é uma pick-up e não percebeu que fica feio desta forma em um carro tão pequeno, mas né… se ainda fosse em letras menores, ficaria aceitável.

      Espero que pessoalmente não seja tão assustador.

      PS: Vendo novamente, parece que me acostumei com ele… rsrsrsrs.

  • Alexandre

    Que estranho, achava que o UP era um carro que não tinha dado muito certo no nosso mercado, mas vem a FIAT e tenta copiar fazendo essa aberração. Vai entender…

  • T1000

    digamos que este branco eu achei menos feio que o preto e o azul.
    NA nao consigo entender direito esse interior com as marcas dagua desse jeito. Será que ainda continua sendo um mal necessário? Abcs

  • The Monster Man

    Não dava para estragar mais a traseira FIAT?

    • GigiVald

      Sabe pra que serve essa traseira horrível? Pra daqui 1 ano redesenhar ela melhor e vender a nova versão do carro.

  • Oliveira17

    Prefiro o up!

  • francis

    Bem vindo ao Clube….

    • Zoran Borut

      O clube dos carros-tampinha.

    • FPC

      Lembrei disso.

      • FPC

        ..

      • Denis

        Muito Boa!!!!!! kkkkk

      • Omega

        bem isso

      • Tosca16

        rapaz eu vi postei justamente isso, vou apagar que vc foi mais ligeiro kkkk

      • Edivaldo Vieira

        Realmente…. kkkk!!!

      • Felipe S. Rangel

        kkkkk

    • CharlesAle

      Usaram uma lanterna tamanho gigante para diminuir o custo dessa tampa traseira..Vidros curvados são mais caros!

    • AndersonRomeiro

      O da Jac é bem mais resolvido, so não comprei na época, por ter esse painel de instrumentos minúsculos e sem saída de ar central.

  • Ederson Lima

    Daqui a pouco tá 39,900
    Bacana, mas parece aqueles Honda asiático, o Brío pra ser mais exato rsrsrs

    • Felipe

      Verdade… E parece que a Fiat tinha importado um Honda desses pra fazer engenharia reversa nele… Algo mais parece ter sido aproveitado: no design!

      • invalid_pilot

        Eles trouxeram o Brio e o Citigo (Up! da Skoda) lá no começo do desenvolvimento deste projeto, se vasculhar aqui no N.A você acha

        • Felipe

          Li algo a respeito na época. Tinha um Suzuki e um Hyundai i10 também… Foram avaliados vários subcompactos e citycars, pelo que parece.

          • invalid_pilot

            Suzuki era aquele indiano Maruti, bem lembrado.

            Sdds Giugiaro desenhando carros da Fiat

  • Humberto Ghirardello

    Pense em um carro feio… Tchanam!

  • Felipe

    Recebi de um grupo no whatsapp uma montagem que “ameniza” a estranheza dessa traseira… Pra mim, o principal calcanhar de Aquiles no desenho do pequenino.

    • Denis

      Amenizou, mas o estrago ainda continua lá!!!!! kkkkk.

      • Felipe

        Hahahaha… é verdade!
        Recebi assim e passei adiante, mas penso que a intenção foi mostrar como as lanternas menores deixariam a traseira menos desarmônica…

    • Fernando Pontes

      No geral, ficou legal, mas se as lanternas fossem menores como na montagem feita acima e as laterais não tivessem esses vincos ficaria melhor!

      • Bruno

        EU já tinha comentado algo parecido, até que enfim achei alguém que pensa parecido.

    • Cristiano_RJ

      O principal problema? E o anacrônico motor 1.0 8V Evo não conta? É uma piada de mal gosto perto dos 1.0 12V tricilíndricos oferecidos pela Kia, Hyundai, Volkswagen, Ford e Nissan.

      • invalid_pilot

        Quem compra Fiat é capaz de achar vantagem levar o Fire… Basta ver a opinião dos Fiateiros comentadores daqui

        • Cristiano_RJ

          O pior é que é verdade. Credo!

      • Felipe

        Ô brother… principal calcanhar de Aquiles no desenho.
        Não falei da parte mecânica do carrinho no meu comentário não, poxa!

        Replay pra vc: “Pra mim, o principal calcanhar de Aquiles no desenho do pequenino.”

        Um abraço ae!

      • Artur

        Calma que os GSE chegam ano que vem.

        • Cristiano_RJ

          Soube que terão 2 válvulas por cilindro. O que já é um mau prognóstico. Mas beleza, vão vou me precipitar e aguardarei para ver as primeiras avaliações desse novo propulsor. Mas até lá, não tem mágica. O tem que pro almoço é isso aí. E os fãs não podem negar os fatos.

          • Artur

            Sim, para privilegiar o torque em baixas rotações. Não vejo nada de “mau prognóstico” nisso, ao menos a princípio.
            Já o 1.4 terá uma provável versão com turbocompressor. Se essa versão de confirmar, terá 16 válvulas.

            • Cristiano_RJ

              No mundo todo os motores 8V estão desaparecendo e cedendo lugar aos 16V pelas seguintes razões: maior potência e menor consumo dos últimos em relação aos primeiros.

              • Artur

                Depende. No trânsito travado da maioria de nossas cidades, o motor 8v ainda é preferível porque fornece o pico de torque em rotações mais baixas. Esse foi o critério utilizado pela Fiat para manter as 2 válvulas por cilindro.
                E consumo é algo muito relativo. Tem motor 16v que não apresenta consumo melhor do que seu equivalente 8v. O consumo do Uno com motor Fire 1.4, por exemplo, ainda é muito bom em relação à categoria, apesar da idade do motor.
                Um outro exemplo: minha irmã tem um HB20 1.6 e ele gasta mais na cidade no etanol do que meu antigo Punto Attractive 1.4. O HB20 anda muito mais, não tinha comparação nesse quesito, mas no consumo o meu Punto era melhor (fazia 8 a 8,5km/l com etanol na cidade, enquanto que o HB20 faz cerca de 7 a 7,5km/l). E isso porque eu andava sem me preocupar muito em economizar combustível e o motor 1.4 é completamente subdimensionado para o Punto…

                • Cristiano_RJ

                  Os motores 16V mais modernos, com abertura variável de válvula na admissão e escape não se ressentem de falta de força em baixa e ainda ganham força de forma linear, ao contrário dos 8 V que vão “broxando” à medida em que a velocidade aumenta.

                  Com relação ao consumo, sabemos que ele varia extremamente com uma série de fatores: estilo de condução, condições do trânsito, se o carro está carregado ou não, qualidade do combustível, relevo, altura em relação ao nível do mar, etc. Portanto, para comparar o consumo: através de testes padronizados. Sendo assim, posto abaixo os dados do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular:

                  Consumo urbano e rodoviário, com etanol e gasolina, respectivamente:
                  HB20 1.6 M/T – 8,0 / 9,3 / 11,4 / 12,9 km/l
                  Punto 1.4 M/T – 7,4 / 8,5 / 10,4 / 12,3 km/l

                  Ou seja, o Punto 1.4 não só anda muito menos que o HB20 1.6, como também bebe mais.

                  • Artur

                    Tem razão. É errado levar em consideração dados pessoais de consumo. Só coloquei esse exemplo pra demonstrar que, na prática, essese números oficiais podem não se repetir.
                    Mas de qualquer forma o HB 20 1.6 da minha irmã deve ter algum problema, pois minha outra irmã tem um 1.0 que faz cerca de 9km/l de etanol na cidade! Rsrs
                    O Punto também não é o melhor exemplo para se utilizar levando em conta o motor Fire 1.4, porque, como disse, ele é subdimensionado para o carro, que é mais pesado do que os compactos “comuns”.
                    No Uno Evolution, por exemplo, esse mesmo motor faz 8,9 e 10,5 km/l no etanol e 12,9 e 15,1 km/l na gasolina na cidade e estrada, respectivamente.

                    • Cristiano_RJ

                      Aguardemos os testes. Até lá só poderemos especular.

            • SDS SP

              Eu trabalhei no projeto dos GSE (mais especificamente no projeto do PCU) e o comando simples do tipo SOHC com 8v foi por uma simples razão: Otimização de custos por conta do budget limitado.

              Há uma premissa de que no final do ano que vem a Fiat lance o GSE 1.0T, mas com o mercado ruim não é difícil de ocorrer atrasos.

              • Artur

                Mas isso não contradiz nada do que eu mencionei. Só afirmei que a escolha pelas 2 válvulas por cilindro foi para privilegiar torque em baixas rotações, como é a utilização comum no dia-a-dia da maioria dos brasileiros no percurso urbano.

                • SDS SP

                  Mas o EA211, por exemplo atinge seu pico de torque na casa dos 3000rpm e 85% na casa dos 2000rpm. O atual propulsor da Ford, muito similar.
                  Internamente, nós tratamos essa solução para reduzir os custos de desenvolvimento. Obviamente que a Fiat não iria afirmar isto publicamente.

                  Em tempos, os custos com manutenção devem ser inferiores ao um equivalente DOHC.

                  • Artur

                    Obrigado pela informação. Realmente não sabia disso.
                    Mas o que esses novos motores 16v usam para conseguir atingir o pico de torque tão cedo? Seriam os comandos variáveis de válvulas?
                    Tipo, porque a Honda já adota essa tecnologia há um bom tempo e no meu atual Civic 2012 eu sinto que o motor só responde bem após os 3.000 a 3.500 rpm…

                    • SDS SP

                      Sim, os Ford possuem comando variável na admissão e escape e os VW 1.0 e 1.6 aspirados apenas na admissão (não compreendo até hj)…Claro, que a calibração do motor por parte do fabricante influencia bastante. E o que me parece a Fiat fez um bom trabalho no GSE, mesmo com as limitações.

                      Quando a Fiat lançar as versões turboalimentadas, é provável que ela adote essa mesma premissa.

    • Leonardo

      Ai cara sabe dizer se ele vai substituir o palio fire tbm ou so o vivace, pq no site deu a entender que ele só substituiria o vivace

      • Felipe

        Pôxa, tudo o que sei sobre o Mobi é o que a galera aqui também sabe. Em um grupo automotivo que participo no Whatsapp a informação também é essa: Mobi ocupará o lugar do Vivace. Penso que se a novidade for bem recebida pelo mercado e fizer sucesso a ponto de ofuscar demais o Palio Fire, este poderia sair de cena. Em contrapartida, os emplacamentos do velho Palio “ajudam” os números de emplacamento que incluem o “novo” Palio também, então tirar o Palio Fire de cena, resultaria em menos modelos Palio emplacados, logo, o Palio perderia posição no ranking da Anfavea.

        • Leonardo

          É verdade, então já imagino q o velho palio já vai subir de categoria (R$).
          Obgado pela resposta vlw

  • Carlos Costa

    Gostei dessa frente agressiva..cara de Macho!!!

    • FPC

      ….

  • gustavo

    Medonho ….. Estou começando a gostar do etios e do agile !!!!

    • Marcelo TB

      O ETIOS É UM LAMBORGHINI PERTO DESSA TRANQUEIRA.

    • Walter

      Pois ainda prefiro o Mobi que o etios, ninguém supera a feiura dele e aquele painel fora do lugar .

      • Bruno

        Pelo menos com o vidro fechado vc não fica com tanta vergonha de quem ta do lado de fora kkkkkkk nesse fiatzinho, como disfarçar?

      • th!nk.t4nk

        Ah cara… Aí prefiro o Etios heim… A FIAT dessa vez bateu o recorde.

      • invalid_pilot

        Etios tem baita motor, apesar de ser tao velho quanto o da Fiat. Mas anda mais e tem bom acerto de marchas.

        Curioso pra andar no Mobi,mas nao espero grande desempenho e nem mesmo condução agradável enquanto tiver o Fire

    • CharlesAle

      Eu prefiro Étios a essa traquitana da Fiat! mil vezes..

      • jamilton costa

        Engraçado alguns reclamar do painel do Etios, o Yaris se não me engano usou desse tipo de artifício na segunda geração do compacto.

  • Lucas086

    Gostei da dianteira, apesar que não achei tão alta que nem a do Uno, mas gostei, já a traseira só ao vivo mermo, pq por foto… o interior é o do uno, mesmo manopla do câmbio, freio de mão, volante… se vier por volta dos 30 mil com o kit dignidade certeza que venderá e muito, fiat sabe vender seus carros baratos.

  • Marcelo TB

    FEIO BÁGÁRÁI. PQP.

  • pedro rt

    me lembrou o jac j2 e geely gc2 em algumas coisas

  • Clodoaldo Mota

    É impressão ou esse tal de Mobi é a cara do Renault Sandero, será que são parentes?

  • Mulherada pira….

    • Cristiano_RJ

      Mulherada gosta de SUV. E quanto mais alto melhor.

  • Marmota.

  • Mr. Car

    Mas é feio o bichinho, heim? Benza Deus!

  • Mateus Pinheiro de Carvalho

    MelDeus, vomiteiiiiiiiiii agora, que nojooooooooooo

    • Zé Mundico

      Prá quando é o baby?

      • Artur

        Kkkkkk boa!

  • Whering Alberto

    A dianteira é bem aprazível. Já a traseira está horrível.

  • afonso200

    a frente do branco parece um mini evoque, claro nada ver mas parece

  • Edinaldo_Tapica

    Gosto da frente e da lateral. A traseira é muito chinesa para eu digerir…

  • Vinicius

    Dianteira ok! Traseira nem tanto, design estranho pior que o do New QQ

    • Tosca16

      Que cisma com o New QQ, sério ele nem é feio assim, aliás nem é feio .

  • Carlos Costa

    Claro, óbvio que estará entre os 5 mais vendidos, em pouco tempo..Pq? Primeiro o motor já conhecido pelos mexânicos que encontramos, segundo pela aparência robusta e inovadora e terceiro pelo preço..quer mais???

    • Zé Mundico

      É por aí. Se tiver um precinho razoável, tem tudo para vender bem,fazendo a linha do “popular moderninho” com visual descolado.

    • Martins Junior

      Verdade, o próprio EVO pra trocar correia precisa de ferramentas FIAT pra não sair do ponto, elas são caras e a maioria dos mexânicos não usam!

  • MauroRF

    Mobicho feio, rs.

  • Denis

    Olha esse Kwid perto do Mobi, não chega a ser uma bela obra de arte????? kkkkk

    • Ipanema

      Vou comprar a moldura e por lá no centro da minha sala de estar!!!!! kkkkk.

    • ViniciusVS

      Retrovisor bem anos 80, mas em questão de aparência como um todo, nem se compara, é muito superior ao mobi.

      • Denis

        O retrovisor anos 80 e um charme abstrato, porém serão trocadas pelas “moderninhas” da linha Sandero.

    • th!nk.t4nk

      Por que insistem em fazer essas fotos de baixo pra cima?? Por que?? Argh!

      • invalid_pilot

        Pra parecer maior do que é…

    • Murilo Soares de O. Filho

      Depende…Se vc tiver bebido bastante…parece.

      • Denis

        Confesso que sim. kkkkk.

  • Christian Sant Ana Santos

    Definitivamente, o substituto do meu take Up

  • CharlesAle

    Uma coisa comum aqui no Brasil são as batidinhas de traseiras! Canso de ver carros com leves amassados na traseira, como o atual prisma e palio fire.Com essa tampa de vidro, essas batidinhas podem se tornar caras!!Já que vidro não dá para desamassar…

    • Juliano

      Se for só uma batidinha vai amassar só o para-choques mesmo, que por sinal é bem grande, pra chegar a atingir a tampa precisa ser uma batidona

  • Tosca16

    É um Uno de lado com frente estilo Stormtroopers kkkkkk

  • Tosca16

    Eles tentaram passar sei lá robustez ou modernidade com esta frente e vincos laterias, mas para um compacto melhor seguir a tendência dos que já estão no mercado, vide o New QQ; põe uma cara “simpática” e ficaria melhor que isso. Pelo menos as mulheres amam o New QQ por exemplo, é só ver nos fóruns e tal .

    • Mumm Rá

      Esse Chery QQ é uma gracinha ( sou homem )

      Achei esse Mobi simpático mas ao mesmo tempo estranho

  • Martins Junior

    Esses carros minúsculos tinham que ter só 2 portas.
    No UP! 4 portas você entra espremido e batendo as costas na coluna, já no 2 portas é tranquilo.

  • Paulo Rodrigues

    Gostei. Não é tão medonho como dizem, um pouco diferente, talvez!

    • Mario Aloisio Ferraz

      No segundo mês já vai bater o up!, o povão gosta de motor antigo e confiável (como 1.0 dos Fiats e GM), esses motores três cilindros por melhor que sejam assustam a população que compra esse tipo de carro.

  • Fernando S.

    Pacotes, segundo o site AUTO ESPORTE:

    Versões/ Itens de série

    Easy: Freios ABS, airbag duplo, banco bipartido, calotas de 13 polegadas, computador de bordo e tela LCD no quadro de instrumentos. Vidros e travas elétricas serão os únicos opcionais desta versão.

    Easy On: Adiciona ar-condicionado, direção hidráulica. Vidros e travas elétricas serão os únicos opcionais desta versão.

    Like: Adiciona vidros e travas elétricas, limpador e desembaçador dos vidros traseiros. Pacote com rádio Connect e volante multifuncional (apenas para comandos do rádio, não do computador de bordo) será oferecido como opcional.

    Like On: Adiciona sensor de estacionamento, retrovisor elétrico, rodas de liga-leve de 14 polegadas, retrovisores com repetidores de setas, vidros traseiros elétricos, regulagem de altura do banco do motorista e regulagem de altura do volante.

    Way: Mesmos itens da versão Like. Os diferenciais são rack de teto e apliques pretos nas caixas de rodas e em outras peças para dar ar aventureiro.

    Way On: Mesmos itens da versão Like on e diferenciais visuais da Way.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Nestas fotos parece melhor o visual, mas ainda estranho, ainda esperando pra ver ao vivo…

  • Bruno Luís

    Questão de gosto o way ta mais bonito.

  • deviling

    Mobi ou QQ? …eis a questão.

  • deviling

    Mobi ou QQ, qual seria mais vantajoso? eis a questão….

    • Tosca16

      Custo benefício é lógico que será o New QQ, este Mobi com os mesmos equipamentos no mínimo sairá por uns 5/6 mil reais a mais, pelo visto … Vc encontra New QQ importado, versão look abaixo do preço de tabela, por R$ 26.990,00 em algumas revendas e este Mobi deve começar na casa dos 30 mil reais basicão .

    • gustavo

      QQ chines ? 99% da fabrica fechar e deixar vc na mão, carro da Fiat e dinheiro na mão, vc vende troca a hora que vc quiser.

  • jamilton costa

    Meu Deus, que coisinha mais feia, esses carros de segmento de entrada são totalmente feios

  • Pedro Cunha

    Gostei.
    Ideal para ir do ponto “A” ao ponto “B”. Se manter a robustez e praticidade mecânica, será digno de substituir o Palio Fire, último legítimo representante da denominação “Carro popular” por essas bandas.

  • Filipo

    Lançaram um novo veículo com motor antigo! Que decepcionante..
    Este Fire é o pior 1L do país e ainda por cima é muito defasado.
    Viva o Up! e o Ka.

    • Artur

      Calma que no ano que vem chegam os motores GSE.

  • Filipo

    Lançaram um novo veículo com motor antigo! Que decepcionante…
    Este Fire é o pior 1L do país e ainda por cima é muito defasado.
    Viva o Up! e o Ka.

  • Leandro

    Não sei se é o ângulo ou se já estou me acostumando. Mas achei horrível quando vi o primeiro. Agora achei bem mais simpático.

    • Realmente acabamos nos acostumando. Tive a mesma impressão.

  • Vagnerclp

    Nossa, que traseira horrenda.

  • invalid_pilot

    Mike Patton não merece ser lembrado / associado a essa coisa que chamam de Mobi kkkk

    • francis

      kkkkkkk

  • Wellington Myph13

    Take-up! 4 Portas Completo – Site 39.990,00 – Ofertas 36.000,00
    No Uno “antigo” um kit Celebration que adiciona Desembaçador e Limpador Traseiro, Direção Hidraulica, Vidros e Travas elétricos e Retrovisor com ajuste interno (Absurdo ser opcional esse) custa 6.131,00 e usando como base o preço pelado 29.990,00:
    Easy Mobi 4 Portas Completo – “Site” 36.121,00 – Ofertas 34.000,00 (Vamos supor…)

    Temos 2mil reais de diferença…
    up! tem Direção elétrica, motor 3 cilindros moderno, sem tanquinho de partida a frio e 285 litros de porta malas.
    Mobi tem Direção hidráulica, motor 4 cilindros velho, com tanquinho de gasolina, cambio “torto” e se tiver 250 litros de porta malas é muito.
    Dai em TODOS os comentários vejo a galera falando que o up! é caro DEMAIS, e “pagam” 2mil a menos pra perder todos os atributos que o up! tem de melhor… O que sai caro no final das contas?
    up! não vende não porque ele é “caro” como acham, ele tem preço “bom” e as lojas batem em cima disso, o que mata ele são as pessoas que nem vão olhar, mesmo vendo ofertas sendo o mesmo preço de outros concorrentes etc, eles acham pequeno só de olhar, nem querem ir ver, já pensam “up! não pode ser porque é pequeno demais” pronto, acabou ai… E ele tem todo espaço que tem os demais, e até mais que o Uno e Palio os mais “fortes concorrentes” em preço pro up!…
    Sabe o que vai atrapalhar o up! agora? Um Gol Trendline completo COM CENTRAL MULTIMÍDIA MIRROR-LINK sai por 39.445,00, e Sem o Som de opcional ele sai 37.690,00.
    Só chegar nas CSS que já vai ter pelo menos 1000 reais de desconto ai…
    up! tem o apelo do seguro ser extremamente barato, mas 80% dos que olharem Gol e up!, levam o Gol…

  • DTF

    Aberração, só isso que eu posso dizer….é a mesma estratégia que fizeram com o Ka de primeira geração qdo a Ford resolveu reestilizá-lo aproveitando portas e parabrisas da versão original…em resumo um carro Frankstein…

  • Marcos Souza

    Chuta que é macumba!

    • Luca Muzzy

      rsrsrs Cara, Ri demais.. Mas temos de levar em conta esta crise.. E o que vai ter de gente comprando rsrs.. Não tenha dúvida. rsrs

  • Magno Will

    Deusulive!

  • V-eigth

    Carro pra frotistas. Já tem até o teto reto pra colocar as escadinhas

  • Matheus Amorim

    A Fiat poderia ter seguido linhas mais tradicionais de design quando pensou no Mobi, muitas coisas realmente lembram um carro chinês (é até compreensível o enorme FIAT na traseira, com o logo apenas era arriscado os leigos pensarem ser um xingling msm). O carro no geral não é feio, mas com algumas mudanças ficaria bem melhor. O desenho enorme da lanterna traseira é ok, mas o layout interno não é nada legal, assim como esses parachoques protuberantes, nem o up! TSI possui algo tão exagerado. Venderá bem por ser um Fiat diferentão, se não fosse a marca, esse carro estaria fadado ao esquecimento.

  • DiogoFVargas

    Não da pra entender: Se inventar e construir carros feios e bonitos (pelo amor de jah, mesma categoria) é o mesmo preço, porque inventam e fabricam isto?! O mais engraçado é a cena: o projetista leva o projeto na sala do manda chuva e ele: ” eureka: é isso, vc é um gênio”. Vários alunos de desenho industrial e cursos técnicos do senai/senac são capazes de desenvolver algum mas prazeroso de ver!

  • Samuel Fialho Pereira

    Frente bonita, painel interessante…

    Traseira estranha e espaço ridículo; vamos ver o preço, ainda mais que é de vidro (só espero que não quebre com os buracos das ruas)

    • Artur

      Legal que quando retiraram a tampa traseira de vidro do Up! muita gente reclamou. Afinal, assim é o europeu.
      Agora o Mobi, por ser Fiat, o povo reclama por ter a tampa traseira de vidro… vai entender!

  • Douglas Pontes Silva

    Porque a fiat insiste tanto nessa manopla de câmbio quadrada? Nunca achei confortável, diria até que é anti higiênica.

  • Wagner

    Já estou acostumando com ele, já não me assusta mais.

  • Jad Bal Ja

    Que coisa medonha, um desenho totalmente abrutalhado para parecer “maior” do que realmente é. Caras, a Fiat perdeu totalmente a mão nesse projeto, que já não fazia muito sentido.

  • Joel David Riobueno Herrera

    LA PARTE TRASERA LES QUEDO MUY MUY MUY FEA, HORRIBLE..!!!!. ESOS FAROS DESPROPORCIONADOS…el resto del vehiculo esta aceptable, bonito.

  • Cesar Mora

    acho mais negócio os R$ 34.000 que estão cobrando pelo Picanto…

  • wandsberg

    Essa lanterna traseira ficou feia demais…

  • Vattt

    Bizonho!!!

  • fbl

    feio hein

  • Franco da Silva

    Parece mais um raro caso de carro que é mais agradável na versão barata, sem os cromados dos mais caros.

  • Fabricio Guassaloca

    FIAT UNO estuprado pelo TORO