Fiat Montadoras/Fábricas

Fiat recebe empréstimo de R$ 37 milhões para modernizar fábrica paranaense

fiat-e-torq-1 (1)

Antiga fábrica da Tritec, a unidade de motores da FPT (Fiat Powertrain Technologies) em Campo Largo/PR, recebeu um empréstimo de R$ 37,1 milhões do BNDES para modernização da linha de produção, melhora na qualidade e introdução de ferramental mais atual.

A planta que um dia já foi da BMW e Chrysler, hoje produz os motores da linha E.torQ para as marcas Fiat e Jeep no Brasil. Os propulsores são derivados dos antigos produtos feitos na planta paranaense, equipando os principais modelos da marca italiana no país.

Agradecimentos ao Victor Pennacchi.





  • Marcelo Ceno Dutra

    Motores que são resto da BMW.

    • Rodrigo Pasini

      E só por isso quer dizer que são ruins?
      Tu quer o que,um fiat com custo de manutenção de um BMW, é isso?

      • Artur

        kkkkkk boa! Os caras perdem a noção na hora de criticar.

      • Marcelo Ceno Dutra

        Ruins ?? são péssimos! principalmente esse 1.8, manco, beberrão e desatualizado. utilizei um linea Absolute em uma viagem de trabalho e foi um dos piores carros que já utilizei, só não perde para Blazer 4 cilindros que meu pai teve. Deus me livre.

        • Minos

          Quer caro econômia??? anda de bicicleta!

        • Matheus Lelis

          9 km/l (estrada) no etanol a 120/130 é ruim?

          • Marcelo Ceno Dutra

            Sim, pois consegui essa média com um Corolla 2.0 104/2015 no mesmo trecho. Considerando que o mesmo tem o motor maior, com mais potencia e torque sem contar que o corolla é mais pesado é sim uma péssima média.

            • Matheus Lelis

              Corola tem mais de 1350 kg? Cara, é como o Ramom falou, pra você falar que o carro é manco, você deve andar em carros bem potentes, pra ter essa referencia, ou então está criticando sem conhecer o carro

              • Marcelo Ceno Dutra

                400km guiando um carro não é suficiente pra conhecer o mesmo ?

                • Matheus Lelis

                  E 70.000 km sendo o dono? Nâo to querendo dizer que é uma maravilha o carro, mas o que você falou tbm não é

                  • Marcelo Ceno Dutra

                    Resumindo,o que eu quero dizer é: para um carro com motor 1.8 e seu consumo ele é manco. Com uma motorização mais atual seria mais rápido e com menor consumo.

                    • Helio Cintra

                      comparando o Linea 1.8 civic 1.8 e corolla 1.8 o Linea é manco e beberrão sim. já andei em alguns e achei bem ruim.
                      o Civic bebe bem porem não é manco.

                    • Lu RS

                      Civic é uma das coisas mais mancas de dirigir no dia a dia….

                      Ele só se mexe…e bem…em alta rotação…

                      Nisso Corolla dá uma surra de relho no Civic que não tem nem perdão…..

                    • Herbet Moreira

                      Pega o T-Jet que resolve!

                    • gveralonso

                      Em testes o Línea Dualogic anda como o Cruze AT, com retomadas até melhores.

                    • Matheus Lelis

                      O cambio dualogic o pessoal pode criticar o que for, mas ele no modo sport troca de marchas muito rápido

                    • gveralonso

                      Sim.

                    • GPE

                      Mostre os dados.

                  • Marcelo Ceno Dutra

                    Segue a opinião de um feliz ex dono de um punto blackmotion:

                    • Matheus Lelis

                      Tudo bem, respeito a sua e a opinião dele, é como eu disse, depende do ponto de vista, eu saí de um carro 1.4 e fui pra ele, pra mim é ótimo, não deve em nada no desempenho que eu considero bom, mas se a pessoa é acostumada com um carro mais potente, e não gostou, legal, é o ponto de referencia, pra quem só anda em carrões como você, não deve ter gostado, espero que um dia eu possa achar um carro de 200cv fraco, sinal que estou acostumado com algo melhor, vou falar mais nd não, você e ele não gostou, é uma pena, só acho que não dá pra generalizar, principalmente parte mecânica.
                      Consumo é algo dificil de comentar, pra mim ele dando mais de 8 na estrada ta bom, se eu me importasse muito com isso, eu tinha vendido o 1.4 e comprado 1.0

                    • Marcelo Ceno Dutra

                      Cara não ando só de carrão. Quem dera kkkk mais concordo contigo em relação a parâmetros, é uma coisa que conta muito.

                    • Matheus Lelis

                      O negocio, é que as pessoas falam de carro parecendo que todos vão andar no máximo que o motor aguenta, eu ando sempre de 140-160, e o motor pra essa velocidade nem sente, já fiz 210, o carro é pesado, considerei muito bom, é um motor que tem em média 8 cv a menos que os demais, mas esses demais, não vão dar muito mais que 210. Em questão de retomadas, posso estar no linea, no uno, em uma ferrari, que eu só ultrapasso e faço retomadas acelerando tudo e mando as rotações pra cima, não fico querendo ultrapassar a 100 por hora em quinta marcha, como muitos fazem, e pelo linea ser 16v, quando eu faço isso, o carro puxa muito, pode estar na subida, com 5 pessoas, tanto faz, agora, quem não voltar marcha, ai o carro pode não ir rápido, tirando um carro bem mais potente, nenhum outro irá rapido sem redução

                    • Fernando Fagundes

                      Carro 16v sem comando variável é assim mesmo, não pode ter preguiça de cambiar.

                    • Matheus Lelis

                      Pois é Fernando, mas eu faço isso independente de ser comando variável, 8 ou 16v, 1.0 ou 2.0, é um costume meu, que eu considero ser certo, pois o carro melhora muito o desempenho.

                    • Marcelo Ceno Dutra

                      Semana que vem vou fazer uma viagem de 700km, bem provável que vou usar ele de novo, vou pedir algumas dicas com meu colega que dirige ele mais tempo que eu pra ve se consigo melhorar o consumo, mas na boa seria o ultimo carro que eu compraria até porque detesto fiat.

                    • Rubem

                      adaptação do motorista ao carro. Todo mundo malhava o 2.0 da gm que era beberrão e tal. fazia na estrada média de 13km/l com um pico certa vez de 15.5km/l no plano. média de 100km/h e numa zafira.
                      atualmente possuo um idea 1.8 concordo que ainda não consegui me aproxximar desse 13.5 / 14 de média na estrada. mas 12 tranquilamente a 100km/h. Quanto a ser manco, olha, o carro é esperto piso e ele responde. 0 a 100 abaixo dos 10 segundos ( nunca cronometrei o tempo certinho)

                • Lucas Mendanha

                  Eu levei 4 viagens de 550km pra conhecer, reclamar e depois elogiar bastante o meu Focus 2.0 AT.

                  Acostumado a fazer sempre o mesmo trecho com Vectra 2.2 8v, Fiesta 1.0, Kangoo 1.6 e Corolla 1.8 AT, dava pra ter uma boa referencia do que era bom ou ruim..

                  Logo, posso te dizer que nao. 400km nao sao suficiente para se conhecer um carro de verdade.

                • Schu1974 .

                  400 km agora tornam alguém especialista?

                  o que dizer de 63.000 km entao?

                  sou um mestre Jedi Muhahahah

          • Marcelo Ceno Dutra

            *no mesmo caminho que fiz com o linea.

        • Ramom Alencar

          vc é exagerado hein cara? de onde que um linea é manco? vc no mínimo deve andar de bmw 328 todo dia para criticar um linea dessa forma

          • Marcelo Ceno Dutra

            Deus te ouça amigo kkkkkkk.

          • Hadson Nobre

            Eu acho, apenas acho, que o cara pode estar se referindo ao fato de que nesse 1.8 e.torq, o torque só aparece melhor em altos giros.

        • Luis_Zo

          Cara….

          Consumo e performance do carro não é só definido pelo motor. Se o carro anda pouco e bebe muito, o motor leva toda a culpa, mesmo não sendo 100% dele.

          Temos peso, aerodinâmica, resistência ao rolamento dos pneus, relevo, qualidade da gasolina e principalmente o motorista (e seu pé) pra definir tudo isso.

          Mas o principal é, se o carro é manco pra ti, não significa que ele é manco pra todos os outros compradores. Vide o tanto de clientes felizes com sua Renegade flex.

          • Perfeito! Lembrei de uma perua Peugeot que tive, 1.6 16V que não fazia menos que dois dígitos… No álcool!
            Mas o mesmo motor na C3 Picasso o pessoal reclama de performance e consumo.

        • what_the_hell??

          Já tive um Bravo e posso dizer com convicção: o motor 1.8 etorq não é bom! Muito fraco em baixas rotações, fazendo com que, para ter um desempenho pouco melhor, se tenha de manter o giro alto! Resultado: consumo de 6.5km/l na cidade e 10.5 na estrada na Gasolina! E olhe que era manual, pois detestei o Dualogic!

          • Marcelo Ceno Dutra

            eu acho o cúmulo do absurdo um carro do porte/potencia do bravo/linea fazer uma média dessa na cidade.

          • Matheus Lelis

            O meu faz 4,5 km/l na cidade com etanol, é péssimo, e abaixo de 2000 rpm é fraco, é como eu disse acima, não é porque eu tenho que vou dizer que é perfeito, mas na estrada (onde eu uso uns 90%), o desempenho é muito bom, e o consumo também, parece ser 2 motor em 1, pra cidade é beberrão, e pra estrada anda bem e é economico, a 120 ele sempre faz 9 no etanol, mas se andar a 140-160 ele faz de 7,5 a 8, o que eu considero muito bom. ( o meu é manual )

            • Lu RS

              Já peguei carros que os caras diziam q eram beberrões e fiz boa média…

              E não adianta…cada carro tem sua maneira econômica de ser dirigido, tem carros q vc tem q girar um pouco mais pra trocar marcha…outros pode girar menos…

              Pra ter ideia todo mundo fala que Focus 2.0 16 Duratec é beberrão….

              Pois bem….faço 15 km/l na estrada….andando no máximo a 110 km/k, sem redução elevada em ultrapassagens…

              No mesmo trecho com um Honda Fit Twist AT que temos eu faço 14 km/l….um beberrão quando comparado ao nosso outro que fazia 16,5 no mesmo trecho….

            • what_the_hell??

              De fato, a diferença de consumo entre cidade/estrada é muito grande, maior que de qq outro carro que já tive! Na cidade é que o consumo é muito ruim, na estrada é razoável! Quando eu andava entre 100/110 o consumo até alcançava uns 11.5km, com o pé bem leve!

          • Lucas Mendanha

            Igual o Corola 1.8 AT4 (o mecanico nunca andei, ate pq e mosca branca por aqui)… até anda bem, mas só depois de 4000 rpm..

            • Matheus Lelis

              Mas ninguém fala isso, porque? Porque é corola, e corola não pode criticar, eu também já dirigi, aquele modelo 2006, e é muito lerdo em baixas rotações também, mas como é toyota, não pode falar

              • Lu RS

                Bem por ai…

              • Lucas Mendanha

                hahaha…

                ce loko ?? Toyota >>>> Ferrari>>>>> outros

                Dirigi recentemente o Corolla 1.8 CVT que meu tio pegou e por ter mais “marchas” e mais proximas, ele ficou mais espertinho, pois o giro nao cai tanto nas trocas..

                Mas mesmo assim, ele continua sendo um Corolla e isso nao me agrada nem um pouco. E olha que pai tem um na garagem desde 2009.

          • Lu RS

            Honda Civic 1.8 também é assim…só existe gente em casa após os 4.000 Rpm……..

            Temos 2 na família, e além de serem mancos em bx rotação, não são econômicos não..

            No seu caso melhor vc entrar direto em um Corolla do que num Civic 1.8….

            • Lucas Mendanha

              Entra num Focus 2.0 e vai passar a entender que Civic e Corolla tem mais fama que carro… =D

          • duda moraes

            Prezado, possuo um Bravo… Só que na versão essence manual. O motor podia e deve ser melhor… Mas, também não acho ruim não. Pra minha realidade e necessidade me atende muito bem… No meu estilo de condução e onde vivo não vejo problemas nesse sentido.

          • Jose Silva

            Por isso que consumo pela internet não serve de base.
            Tive um Bravo Absolut 2011 pro 3 anos, jamais esse carro fez menos de 10 km/l na cidade comigo e tinha média de 13,5km/l a 14,5 km/l de gasolina aditivada na Rodovia. Sempre andava com ar ligado torando o tempo todo sem dó. O modelo era com cambio dualogic. O motor me atendia perfeitamente, na cidade rodava tranquilo e macio em qualquer situação, e na BR anda muito, fazia de 100 a 180 km/h rápido. Só para efeito de comparação antes do Bravo eu tinha um corolla 2006 auatomatc monofuel, fazia no máximo 14,5 km/l e exatamente 10 km/l na cidade também com ar ligado torando. Com uma diferença, aquele motor e cambio eram nojentos, lentos d+, pra fazer 100 a 140 km/h demorava uma eternidade.

            Tenho minhas dúvidas desse povo que fala mal desse motor, é um motor muito silencioso, carrega todos modelo de FIAT tranquilamente, tem desempenho bom e consumo relativo aceitável pela categoria. Já fiz viagem com média de velocidade a 110 km/h a noite, isso quer dizer que rodei o tempo todo entre 140 km/h a 150 km/h tirando ultrapassagens e outras reduções e consegui 13 km/l.

            Já andei em honda civic e se o povo fala que etorq é ruim em baixa rotação o honda civic 1.8 então é morto, motor muito pior em baixa mas muito pior que o etorq. O corolla só é melhor pq pesa 1200kg e os carros médios da fiat são pesados d+. Até um punto pesa mais que um corolla, fiat precisa urgente rever a construção dos seus carros.

            • Lucas Mendanha

              Sabe aquela historia do “meu amigo me falou”?

              é por ai…

              Eu sempre reclamei do Corolla e um amigo meu me corrigia…sempre.. Um dia saimos e eu estava no Corolla de pai. Reclamei e ele me corrigiu.. Ai eu perguntei: Ja dirigiu ele alguma vez? Ele: nunca. Joguei a chave na mao dele fomos dar uma volta…usou e abusou, mandei ele verificar todas as criticas que eu fazia e no final falou: “É véi, cê tá certo.”

        • Qual era o motor da Blazer (Não liga não, estou pesquisando todo tipo de tranqueira para comprar)?

          • Lucas Mendanha

            Alessandro, se gasolina, procura uma 4.3 V6. Ou entao as 2.8 TD. Ela bebe na cidade, mas e boa na estrada e anda bem.. A 2.2 e 2.4 bebe na cidade, bebe na estrada e não anda..

            Para nao contrariar o que eu escrevi acima, eu tive contato com a 2.2 e muita pesquisa sobre todas as versões (foruns e tudo mais), pois quando pai saiu da F1000 ele era doido com uma Blazer e tive que impor pra ele nao fazer merda e arrepender depois (com certeza ele pegaria a 4c por medo da V6). Acabou que pegamos um Vectra GLS 2.2. Isso foi em 2005

          • Marcelo Ceno Dutra

            2.2 mpfi. a do meu pai era 99. Cara não compre se vc tiver amor a vida o carro é extremamente lerdo e perigoso não tem o minimo de estabilidade. Ele só pegou esse carro porque o cara devia dinheiro não tinha como pagar, ou seja, melhor o carro do que nada né.

            • Valeu a dica. Era meio óbvio que um carro pesado, sem aerodinâmica, com um projeto de suspensão antigo e um motor que se é cumpridor no Vectra não arranca suspiro, não seria suficiente na pesadona Blazer. Mas mesmo com essa lógica precisamos ouvir (Ou ler) da boca de quem entende para ter certeza. Obrigado.

        • CyberSilvio

          POis eu digo que o o etorq e economico e satisfatorio. E ai, como fica? Sem fontes, sua palavra nao vale NADA.

        • Herbet Moreira

          O povo chorando com 1.8 beberrão… Troca pra um T-Jet que resolve!

      • Totiy Coutinho

        nao sao BMW .sao tritec austriacos esses motores saem tambem nos JACs

        • A AVL projetou os modelos da Tritec para a BMW com o objetivo de serem empregados no Mini e de fato foram, bem como utilizados no Lifan 620 montados aqui no Mercosul no primeiro ano, antes da aquisição da Tritec pela FPT. Eram motores de alumínio, mas com cilindros de ferro fundido, já os motores Acteco da Chery e JAC AVL são blocos parecidos com os Tritec, mas montados em estrutura de alumínio completa (usando cilindros usinados diretamente no bloco e pistões de alumínio). Não são os mesmos motores, mas sim apenas semelhantes. E sim, o primeiro foi utilizado em veículos da montadora BMW (linha Mini).

          • Totiy Coutinho

            Pois sim Dimitri sairam nos primeiros Mini e nos carros pequenos da Chrysler e o bloco é de ferro fundido em todos eles inclusive nessa versao da Fiat ,os Mini só sairam com bloco de aluminio depois que abandonaram esse propulsor , em tempo trabalho em oficina mecanica e ja constatei que sao o mesmo motor fiat bmw mini e jac nunca vi no cherry e AVL ainda , obrigado pelas informaçoes

    • DougSampaNA

      SIM, mas pensa que os deles ainda são muito mais modernos do que os quaternários motores da GM, aqueles 1.0/1.4 e 1.8 8v, até do ecotec deles eu tenho dúvida se o bloco é de um motor com menos de 10 anos; em se tratando de GM para mercado em evolução como somos chamados, sempre será produto pra 1o preço..nojento isso, pra nós que pagamos os carros mais caros do mundo e sobre eles os impostos mais caros do planeta sobre carros.

    • Pedro Cunha

      Se os e-torq são “resto da BMW”, imagina então os 1,0 e 1,4 da GM, o 2,0 8v(apzãum) da VW, o próprio 1,0 8v fire da fiat…

      • Marcelo Ceno Dutra

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk o 1.4 da GM chega a ser ridículo. O cruze já andei bastante também e tem a característica que insisti em quase todos os chevrolet, pesado, e bebe mais do que eu no carnaval.

        • Pedro Cunha

          Daí vc percebe quanto é difícil entender o mercado brasileiro: Onix(com os velhos 1,0 e 1,4) entre os top 5 de vendas.

  • Mr. Bola de FOGO!

    E eles pegam esse dinheiro e investem de novo em publicidade e clubs de futebol com a mesma desculpa de modernização dos motores, assim como fizeram com os 6 bilhões iniciais e continuam a desovar os motores E-PorQ.

    • Luis_Zo

      Cara, se tu tiver falando dos 6 bilhões da planta de Pernambuco, te convido a ir la visitar… foi bem gasto o dinheiro, a linha é ultra-moderna…

      • Mr. Bola de FOGO!

        Não, foi antes da planta de Pernabuco…
        Foi bem depois do lançamento do Ranegade.

        • Luis_Zo

          Se não me engano o dinheiro é “o mesmo”… eles iriam investir em MG e acabaram investindo em PE…

          • Mr. Bola de FOGO!

            Será?
            Isso vai ser mais um daqueles casos que a empresa consegue extender o pagamento da divida em 300 meses de R$ 300,00…
            Ou seja, essa grana já foi pro ralo, junto com Pedro Bial e Paloma Oliveira.

            • Luis_Zo

              Eu lembro que eles tinha anunciado investimento de 10bi, seria ao menos 6bi em MG… mas ai veio a fusão com a Chrysler e pelo o que eu entendi esse dinheiro foi “redirecionado”.

              Esses 6bi, durante a construção da fabrica, eram o maior investimento privado do mundo em valor. Provavelmente não é todo emprestado, tem muita grana de investidor e de bolso próprio. Não apostaria cara que essa grana foi pro ralo não, durante a inauguração mostraram pra imprensa as prensas (gigantescas) e a quantidade (absurda) de robôs na linha. O controle metrológico da linha é absurdo de bom, comenta-se até que é a fabrica mais moderna e avançada do grupo todo, é coisa de primeiro mundo, sem brincadeira. Ela foi toda pensada pra possíveis expansões e tem um parque de fornecedores gigantesco. Como essas empresas geralmente têm que prestar contas de onde gastam (devido a incentivos fiscais) não aposto em uso desse dinheiro da planta em Pedro Bial não. Diria que a grana pro Big Brother vem do Marketing de Betim mesmo…

            • Lu RS

              Assim como a cafajestagem dos clubes de futebol né???

      • Lu RS

        Dá para perceber pela qualidade de montagem das unidades do Renegade…
        Os Gaps constantes e bem justos…

    • Rodrigo

      Pelo visto não sabes quanto custa erguer uma fábrica de automóveis, nem quanto cuusta desenvolver um produto.

      • Mr. Bola de FOGO!

        Pelo visto, tu sabes de nada John Snow.

  • vicegag

    Esta grana deveria ser para modernizar sim os motores atuais da FIAT Brasil, com uma gama totalmente nova e não remendos (evo aqui evo ali), dos antigos BMW.

    • Luis_Zo

      Uma gama nova precisa de grana na casa das centenas de milhões beirando os bilhões… 37 milhões não da pra fazer muita coisa nesse sentido não… essa grana ta sendo aplicada em processo e não em produto.

      • rcostaramos

        Cara só botar os multiair e pronto, os motores melhoram e muito o

        • Luis_Zo

          Cara, se fosse fácil assim, tipo plug and play… mas a calibração dos 5 modos do multi-air em um motor e-torq deve consumir algumas dezenas de motores e pelo menos 6-8 meses de trabalho. Isso considerando que tem packging pra instala-lo, pois ele não foi fabricado pro mesmo bloco do e-torq. Se tiver que trocar qualquer peça de lugar, vai alguns milhões facil de investimento em novo ferramental….

          Fora que o motor ficaria ao menos uns 3mil reais mais caro para o consumidor final, o que provavelmente diminuiria as vendas e levaria o payback do investimento pra mais de 2 anos, e ai nenhuma empresa investe não… ainda mais tem o fato que o que o multi-air basicamente faz é melhorar a curva de torque, com pouco ou nenhum ganho em potência, e o consumidor geralmente não esta disposto a gastar mais dinheiro e levar menos potencia (sim, consumidor não da valor a curva de torque, só ao valor de potência máxima, que sozinho não quer dizer nada).

          Então, você esta certo que os motores melhorariam, mas equivocado em afirmar que é “SÓ” colocar…

          • Lu RS

            Cara…muito obrigado…

            Falou tudo que precisava…..

            Está cheio de metido a espertalhão aqui….acha que tudo é barbada…

            Olha quantos anos a Vw mantem o motor de “Santana”……..

            Multiair é uma puta tecnologia…mas para o Brasil “não serve”………

      • vicegag

        Mas o curioso que noutros mercados, principalmente o europeu, a mudança de motores ocorre quase todos anos, há tempos atrás, na linha Astra, tinha disponíveis cerca de oito motores diferentes entre os diesel e a gasolina, lógico que para o Braziu não teremos toda esta Gama, mas será que é tão difícil assim colocar um ou dois muito bons motores para pode ficar por vários anos sem ter que mexer na motorização?
        Fora que isto melhoraria em muito o conceito da marca no mercado.

        • Luis_Zo

          Não diria que é “dificil”, diria que na maioria das vezes não é viável.

          O que manda é a grana. Se não der payback, não aprova. E consumidor brasileiro (não gearhead, não petrolhead, não jornalista de blog ou revista, i.e não gente “especializada”) não é exigente igual europeu.

          Já viu uma curva de ciclo de vida de produto? Estamos em fase de crescimento, enquanto nos EUA eles estão na maturidade e na Europa, bem, estão até próximos do declínio. Tendo isso em vista, não podemos comparar nosso mercado com o deles.

          no nosso mercado conceito não vende. O que vende é preço baixo.

    • Lu RS

      A visão de leigo é muito simplista…

      Sabe quanto custaria só na ferramenta para modificar o “design” de um para choque???

      Mais de R$ 1.000,000 de reais

  • Mario

    Esse ‘dinheirão’ não vai ajudar muito não. Talvez no máximo mudar os jardins.

    • ObservadorCWB

      Vira marketing em camisa de futebol por dois meses…kkkk

  • Brasil_MG

    Será que com esse dinheiro não seria possível a produção de um novo cambio em substituição ao DualProblem..( e novos motores tb principalmente 1.0 3cilindros e 1.4)

    • Luis_Zo

      Ao que parece estão investindo em processo, não produto… e não, com 37 milhões não da pra fazer novos motores e cambio… precisa bem mais que isso.

    • what_the_hell??

      Eles já têm o câmbio automático de verdade, só não trazem pra cá!
      Quero ver a Fiat empurrar esses automarizados mono em mercados exigentes como o americano!!!

      • Lu RS

        Nem a dupla embreagem é bem vista pelos Americanos…imagina uma single….

        Eles detestam estes tipos de sistema, preferem o velho conversor de torque…

  • Diego

    Será que com isso finalmente a Fiat do Brasil vai descobrir o q é o sistema MultiAir?

    • BorisAWD

      Isso depende do “estoque de vento” kkk

      • Lu RS

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • rcostaramos

      Descobrir ? Ou lembrar ? kkkk os cara tem no 500, e nao usa na linha toda putz…

      • Diego

        Se bem me lembro, o 500 é importado do México…
        Então a Fiat do Brasil ainda não descobriu como montar um MultiAir. kkkkk

  • Bruno Wendel Marcolino

    quero ver motor novo!!!

    • Mr. Bola de FOGO!

      E-porQ 1.8 com com cárter de aluminio.

  • Minos

    A GM usa motores dos anos 80 e todo mundo acha lindo! A FIAT usa motor BMW e todo mundo reclama. O motor é bom, ruim são os usuários que não acham uma oficina de bairro para mexer no motor!!!

    • BorisAWD

      Quem disse q gosta dos motores jurássicos da GM?
      PS. o motor váza pela junta do cárter precocemente. O motor da FIAT é ruim sim e o da GM também.

    • what_the_hell??

      Você já teve algum carro com esse motor??
      Eu tive e destestei! consumo de 6.5km/l na cidade e 10.5 na estrada na Gasolina e desempenho pouco melhor que um 1.0!
      Ele pode até ter sido da Ferrari, mas que é ruim, é!!!! E ele foi da BMW em que época??? Anos 90???

      • Minos

        Sim… eu tenho um Punto com motor 1.8 etorq. Me desculpe de vc não sabe dirigir motores multivalvulas!

        • Bruno Antonio

          Pois é, TENHO um Bravo Sporting DUALOGIC e tive um Civic 2009 MANUAL “nhec nhec” e quem tem sabe o porquê! Moro e trabalho em São Paulo, capital. Ambos fazem 6,5 a 6,8 no álcool, indo e voltando para o trabalho todo santo dia… Mas o Civic andava mais, porque é mais leve, tem um motor mais moderno, e relação de marchas mais inteligente.

          Saudades do Civic? De jeito nenhum! Não preciso correr o tempo todo, carro não é só motor!

        • what_the_hell??

          Tá desculpado! Sem problemas!

  • BorisAWD

    Tomara q resolvam o problema de vazamento da junta do cárter!

    • Matheus Lelis

      Dei sorte do meu não ter vazamento então né? Ufa, Graças a Deus

      • Lucas de Lucca

        Pra quê ironia? Você deu sorte sim, mas jajá vaza.
        Isso é problema crônico desses E.torQ.
        Não que o motor seja ruim, mas que tem esse defeitinho tem.

        • Matheus Lelis

          O seu já teve isso? Ficou quanto pra arrumar? Pra mim preparar o bolso

          • Lucas de Lucca

            Pior cego é aquele que não quer ver. Mesmo caso do câmbio Powershift, um monte com problema e sempre tem algum que ainda não teve. Pode ser sorte ou essa peça em específico por uma graça divina veio boa.
            Te desejo sorte e espero mesmo, de coração que não vaze. Mas se vazar, fica sussa, é simples e barato trocar a junta do cárter.
            Ah, e não, não tenho um E-torQ e nem pretendo ter. Mas visite alguma oficina ou fale com algum mecânico de concessionária FIAT pra ver se existe problema ou não. Sem falar em amigos e familiares que tem E-torQ e vazou óleo antes de 20.000 km.

            Abra a mente um pouco. O problema existe, o fato de você ter o carro e gostar dele não vai fazer ele desaparecer.

            • Matheus Lelis

              Como eu vou falar que o problema existe se o meu não tem, vou levar no mecânico e mandar ele trocar as juntas sem ter vazamento? Cara, você ta comentando o que lê em materias e internet, linea vende pouco, então não tem uma referencia de problemas, mas olha o palio wekeend, strada, doblo, ideia, bravo, punto, e algum outro que eu esqueci, olha o tanto que sai esses motores, é muitos que são produzidos, é obvio que vão ter problemas, mas olha o tanto que não tem.

              É sempre assim, eu não tenho, não vou ter, mas tenho um amigo, um parente, que tem e deu problema. Você como citou agora, sai nas oficinas perguntando se os carros que você não gosta da problemas? Me fala um carro que não tem? Você mandando eu abrir a mente, quem comenta algo, elogiando ou criticando sem possuir o produto, que apenas cita um vizinho ou parente que “tem”, pra mim não tem mente aberta.

              Não quero defender com unhas e dentes o carro, tem seus defeitos e eu posso dizer aqui quais são, não preciso esconder se ele tiver um defeito, mas generalizar um defeito que você leu em uma revista ai, que um “dono” tinha 2 carros, os dois deram defeitos na mesma km, do mesmo jeitinho, e tal, ai também não.
              Mas já que é verdade, pergunta seus parentes, amigos, pra mim quanto foi o conserto so pra mim ter uma base, pois vai que o meu vaza daqui uns dias, ai eu já sei quanto custa

              • Murilo Soares de O. Filho

                Falou o que sempre pensei…

              • Lucas de Lucca

                Entendi. Então preciso me fazer de cego e fechar meus olhos pra um problema que vi e presenciei porque o carro não é meu?
                Ir na concessionária junto com meu primo fazer os reparos em garantia e ouvir da boca do mecânico “esse problema vem acontecendo direto com esses E-torQ” também não conta, afinal o carro não é meu.
                Você nunca foi numa oficina mecânica e ficou batendo papo com os mecânicos, procurando saber de problemas recorrentes pra avaliar melhor uma futura compra? Nunca ficou esperando 45 min uma troca de óleo e perambulando pela oficina vendo os carros que estão mexendo? Porque eu faço isso. Tenho amigos que trabalham com isso.
                Mas enfim, não deve valer nada do seu ponto de vista, afinal eu não tenho, não sou mecânico.

                Fora que veio afirmando que não gosto do carro simplesmente por que não tenho atitude de fanboy de fechar os olhos para um problema que vem dando com certa frequência e além de vários relatos internet a fora eu vi, com meus olhos? Me poupe cara. Me poupe.

                • Matheus Lelis

                  Você que veio me responder no post (direito seu, opinião sua), agora vim dizer que meu carro terá problema porque você viu na oficina e na internet que um com o mesmo motor teve isso, ai também não cara.
                  Eu levo o carro em meu mecânico de confiança, onde o mesmo teve que fazer o motor do corola dele com 15 mil km, você acha que eu vou sair por ai falando que o motor do corola não presta? Jamais, olha o tanto de corola que vende e não deram defeito, então, é injusto eu generalizar isso e querer sair falando que não presta.
                  Vou acabar com esse assunto, obrigado pela dica, logo logo eu chego nos 100.000 km e se ele vazar eu te procuro pra contar, afinal, é 5x mais km que alguns ai. abraços

                  • CharlesAle

                    É o que eu já falei aqui várias vezes. Mecânico fica fazendo videozinho no YT criticando tudo que é carro, motor assim, motor assado etc.. O pessoal vê os vídeos e já acha que os carros tem mil e um defeitos. Aliás, mecânico que cospe no prato que come nem merece minha consideração. É o mesmo caso do powershift, muitos clientes não tiveram problemas com o câmbio, mas o que prevalece é a opinião dos papagaios …

                • Walter Augusto

                  Falar mal de fiat aqui é suicídio amigo !!!
                  É sempre a mesma coisa……honda não presta, toyota é lixo, vw é podre, gm é jurássica e a fiat…………ahhh a fiat é a melhor de todas.

                  • Matheus Lelis

                    Eu falo por mim, não sou fã de fiat, na verdade, de nenhuma, pra mim tanto faz, tanto que meu próximo carro será um renault, isso mesmo, uma das marcas mais crucificadas do brasil, eu só to defendendo um produto que eu tenho, (e tem seus defeitos, sim, principalmente da parte da fiat em termos de propaganda, no qual desvalorizou bastante o carro), mas na parte mecânica, não tenho do que reclamar, coloquei minha opinião, de um produto que possuo, e falei o que ele não tem de problemas que dizem ser cronico, mas se quiserem, posso citar problemas.
                    Eu discordo um pouco de você no inicio do seu post, ELOGIAR a fiat que é um suicídio.

                  • Lucas de Lucca

                    Os caras são torcedores. As vezes esqueço disso.

                  • Leitura seletiva, hein? Fiat é uma das mais criticadas, juntamente com Ford e VW.

                • duda moraes

                  Há mais de 3 anos possuo carro com esse motor e até o momento nenhum problema… Também nunca soube ou ouvi alguém reclamando a respeito desse motor em relação a problemas/defeitos.

        • Alexandro Henrico von Mann

          Na verdade no grupo do Linea Clube nunca li alguém reclamando disso, vc viu algum post que eu passei em branco Matheus? Boris e Lucas, vcs tem fatos e relatos?

          • Lucas de Lucca

            Tenho caso na família que teve problema com o Palio 1.6 E-torQ. Sou amigo de um mecânico da FIAT aqui da cidade que relatou que “não aguenta mais trocar junta de cárter de E-torQ”.
            Ou se tiver tempo, dê uma breve pesquisada no canal do Alexandre “ADG” da High Torque no YT. Veja por si só o tanto de casos com esse problema lá no “Por Dentro da Oficina”.

            Nada contra o motor, mas que tem esse problema crônico tem. Não da pra negar. Assim como não dá pra negar que os motores GM vazam óleo na junta do cabeçote rapidamente. O VHT da VW foi um fiasco e fundiu vários. O Powershift da Ford é cheio de problemas.
            Claro que teve alguns que não teve problema nesses exemplos de citei, mas não dá pra fechar o olho porque gostamos de marca X ou Y.

            • Alexandro Henrico von Mann

              Sou fundador do LineaClube, moderador do PuntoClube e Clube do Bravo e nunca ouvi falar disso.

              • CharlesAle

                To falando que vídeos do ADG causam esses tipos de problemas!! Mecânico não tem que ficar criticando carros de clientes, causando uma má imagem do bem do cliente. Compare o comportamento do Doutor carro, com o do ADG, e veja a enorme diferença de conduta. profissional(este, bem mais correto ao relatar um problema). Vocês que são Adm. de clubes, deveriam fazer algo a respeito..

          • Matheus Lelis

            Não adianta falar Alexandro, quem tem parente e amigo que “tem” o carro, sempre terão mais razão aqui, ainda mais se tratando de algo que não gostam, como a fiat, a ford, e outras. Eu consigo provar qualquer coisa, pois eu tenho o carro, agora, meter o pau em algo e não ter como provar, porque não tem o carro, sobra apenas discutir.

            É como julgar o consumo e desempenho de um carro andando 400 km e ainda quer saber mais que os proprietários.
            (E vou deixar claro, quando eu for trocar de carro, não será um fiat, pra não dizer que sou fanático)

          • Marcello Caetano

            Não têm, são haters.

            • Jose Silva

              Os caras discutindo problema de junta que já foi solucionada lá em 2013, quase 3 anos kkkkkkkkkkkk

              Os vídeos do ADG não tem modelos 2014 na oficina com vazamento de junta.

              Para quem não sabe a mesma foi modificada nos motores 2013/2014. Faz tempo heim pessoal, vocês estão mais ultrapassados do que eu que nem acompanho muito essas coisas

              • Marcello Caetano

                Daqui a pouco vão falar da má distribuição de peso do Tempra… da dificuldade de engatar marcha do 147… Tem que ter muita paciência.

              • Heisenberg

                Pois é, Jose. Já cansei de explicar que já teve solução, mas o Boris e cia sempre dão de papagaio de pirata

        • Jose Silva

          o defeito é a borracha da junta que equipa os modelos 2010/2013
          2013/2014 já utiliza outra junta que não vaza.

          • Matheus Lelis

            José, e olha que o meu é 2011

      • BorisAWD

        ainda

      • 1945_DE

        Matheus, eles vão modernizar a fábrica, não os carros. Vai continuar a mesma carroça de sempre. Logo aparece o problema. E fabricar carroça não é privilégio da Fiat não. Eu tenho VW e tá cheio de defeito crónico. Todas tem problemas. Por isso que eu não mudo de marca. Pelo menos eu consigo pagar mais barato na hora da compra mantendo a fidelidade com o meu Cartão de crédito Volksline. São até 10.000 reais de desconto que eu consigo.

        • Matheus Lelis

          Sim, todas tem, inclusive as 2 “perfeitas”, o problema é que criticam só algumas, o povo é alienado, em tudo, e com carro não é diferente, eu vou sair do linea, e vou pro fluence , outro carro bom e discriminado. Mas da nada não, carro è um dos menores problemas que temos

    • 1945_DE

      Boris, eles vão modernizar a fábrica, não os carros. Vai continuar a mesma carroça de sempre. E fabricar carroça não é privilégio da Fiat não. Eu tenho VW e tá cheio de defeito crónico. Todas tem problemas.

    • Jose Silva

      faz tempo que já foi resolvido

      2013/2014 já tem outro tipo de junta.

      • BorisAWD

        na verdade nós só vamos descobrir se surtiu efeito com o passar do tempo. Mas é bom saber que mudaram o projeto da junta.

  • Mario

    Isso ai é dinheiro de pinga, nem deveriam anunciar. Deve ser fluxo de caixa de um dia.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Nem entro em discussão aqui mais no NA, por que quando se trata da Fiat ou grupo Fiat, a maioria mete pau, por que virou hábito. Há muita gente alienada neste país.

    • Zé Mundico

      Acho que não é alienação,o problema é que Fiat não presta mesmo.

  • Minos

    Muitos aqui sempre dirigiram carros 8v 1.0.. 1.4… e não sabem dirigir carros com motores muitiválvulas.

  • 1945_DE

    A fábrica vai ficar bem moderna, para continuar a fabricar carroças.

  • Lucas Mendanha

    Então ela não tem 37 milhões pra fazer por conta própria… #ironicmode

    • Sérgio Niski Junior

      Provavelmente eles devem calcular e deve valer mais a pena pegar empréstimo do que usar recursos próprios ( eu vi o ironic só to comentando hehe)

      • Lucas Mendanha

        E vale.

        Compensa muito mais eles colacarem os 37 milhoes na poupança (a mais peba, o que dirá outras formas de investimento) e pagar as parcelas do BNDES com o rendimento dos juros..

        Problema disso é que consome o crédito que poderia ser fornecido a quem realmente precisa.

        Enfim…Negocios né!

    • Jose Silva

      juros do BNDS é quase nulo, compensa qualquer empresário pegar empréstimo.

  • Rodrigo Queiroz.

    Realmente a linha de motores E.torQ necessita de atualizações, pois já está defasada frente a nova concorrência. Falta comandos variáveis, presentes na configuração anterior Tritec e expurgada pela Fiat para economizar, e injeção direta. Quem sabe também turbo-compressor ?

  • Minerius Valioso

    Dinheiro criado do nada para financiar uma empresa parasita. A Fiat lucra horrores, mas racionalmente prefere subsídios do governo para financiar seus empreendimentos.

    BNDES = corporativismo.

  • pedro rt

    aposto q vem ai o tjet 1.6 16v e a atualizacao do 1.8 16v

  • Garuda

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Num país serio teriam que se virar

    Brasil é uma verdadeira mãe para as quatro grandes, bandido e corruptos

  • CanalhaRS

    BNDES emprestando nosso dinheiro para multinacionais é uma piada.
    E outra questão: a Fiat não tem R$ 37 milhões em caixa??? Tá mal das pernas, hein???

    • João Silva

      Para quê desembolsar R$37 milhões se pode manter esse capital aplicado a um juros de 12% ao ano e pegar um empréstimo com juros de 4% ao ano e começar a pagar daqui a 5 anos????

  • gustavo

    Eu não tive muita sorte com motor da Fiat os dois que tive, um fiz cabeçote o outro tive que fazer o motor completo !! tive um Renault e um e um Gm, motores muito mais resistentes e confiáveis.

    !!