Fiat Populares Sedãs

Fiat Siena EL 2016 chega ao mercado com preços entre R$ 35.770 e R$ 38.500

fiat-siena-el-2016 (9)

A Fiat anuncia a chegada do Fiat Siena EL 2016 ao mercado com apenas uma novidade não muito atraente: novos painéis de porta dianteiros e traseiros. Entre os equipamentos opcionais, o modelo recebe as adições de porta-óculos, painéis de portas em tecido e minissaias pintadas na cor do veículo.

O Fiat Siena EL 2016 tem dentre seus itens de série volante com regulagem de altura, ar-condicionado, vidros e travas elétricos, sensor de estacionamento traseiro, banco do motorista com regulagem de altura, rádio Connect com Bluetooth e USB, computador de bordo e sistema Follow me Home.

Suas rodas são de liga leve com 14 polegadas e os faróis de neblina também são de série. O preço do Siena EL 1.0 2016 é de R$ 35.770 e o Siena EL 1.4 2016 custa R$ 38.500.





  • Preetinho

    E tem gente reclamando dos preços do Up!

    • Ainnem Agon

      R$36mil por um carro de 20 anos atrás. Só aqui mesmo…

      • Antonio Carlos da Rocha Furtad

        Muito mais atraente do que muitos modelos atuais!

  • Danilo

    vixe… passou da hora de sair de linha e carregar toda a familia junto, palio weekend strada e essas porcarias que estao ai desde 1997. Passou da hora de um projeto novo.

    • Carlos Polesello

      Também acho. Entra ano e sai ano, e esse carro e a família toda sem graça continua igual. Ta na hora de mudar…..!

  • Fernando Coelho

    Aberrações do mercado brasileiro! Preço de banana!!! (ironic mode: on)

    • ALVIN_1982

      Menos de 10 mil dólares… tá barato… nós que não ganhamos bem…

  • Kkkkk quero um comparativo a altura!

    Fiat Siena EL x Classic LS… Kkkkkkkkk

    • Rodrigo Schiavo

      Pois é, seria um baita comparativo. E o Classic leva essa hein, acho que consegue ser menos ruim….hehehehehe

      • Minerius Valioso

        Pelo menos o interior do Chevrolet é mais funcional, a começar pelos difusores centrais.

      • Leandro Balmant

        Ah, eu duvido muito que o Classic seja menos pior que o Siena. O volante torto e a gambiarra feita pra colocar airbag no Classic só quem supera é o Celta, e olhe lá.

      • Angelo Lucca

        Humm sei lá… Mas se só tivesse esses dois pra comprar eu levaria o Siena.. A começar pelo porta-malas bem maior e a ergonomia ser bem mais resolvida… O Painel aliás da de 10×0 no do Classic mesmo com os difusores centrais sendo baixos… até que se vê uma certa harmonia nesse interior e esse volante do Punto embora tenha ficado um pouco grande nesse painel, tem uma ótima empunhadura. Não vejo em que o Classic tenha alguma vantagem sobre ele.

        • Antonio Carlos da Rocha Furtad

          Tenho um Siena EL 2014 que, infelizmente, veio da Argentina com alguns defeitos, mas que já foram sanados. Quanto ao design, acho que melhorou muito nos últimos anos, começando pela grade dianteira com o friso “cromado” e o realce das lanternas traseiras horizontais que lembram as dos Alpha Romeo. Críticas à parte, não vamos esquecer o sucesso que foi o projeto do Ford Corcel, (meu pai teve um Luxo 1976, que comprou usado com 18.000 Km. rodados, em maio de 1977, tendo sido vendido após 17 anos de uso, como sucata após ter sido atingido por um Fusca da Prefeitura de SP.) Lançado em dezembro de 1968 no VI Salão do Automóvel e inspirado no Renault 12 (francês), quase a contragosto da Ford por ter adquirido a Willlys (que iria lançá-lo, mas que não o fez porque já estava mal das pernas) e por esta ter se comprometido com a Renault nos anos 60 em lançá-lo, surgiu “um americano com acento francês”, que deu certo! Um carro que marcou época, dentro do que conhecíamos e tínhamos à disposição em termos de tecnologia e design. Enfim, um sucesso de vendas com 4.500 unidades vendidas já no primeiro mês de 1969. Atingiu a marca de 50.000 veículos licenciados em 1970 e em 1971 já eram nada menos do que 127.000 unidades vendidas. Durante 8 anos recebeu algumas modificações, mantendo seu perfil praticamente intacto e sendo perfeitamente aceito pelo mercado, até ser encerrado no final de 1977, com quase 650.000 unidades vendidas, o Corcel entrou para a história e saía de cena, substituído pelo Corcel II. Enfim, reconheço que o Classic também marcou época, apesar de admitir que já está obsoleto, mas mesmo com todos os aborrecimentos que tive, adoro meu Siena e não o trocaria por outro de mesma categoria! Responde bem aos comandos, é versátil, ágil, veloz, robusto e elegante! Fonte: Revista “Carros Inesquecíveis do Brasil” Editora Planeta De Agostini do Brasil Ltda. Pág. 247 a 252.

    • Pedro Cunha

      O carro é bom, o único defeito é o preço – Pague dois e leve um.

      • Silva Jr.

        Um deles é apenas imposto. Aliás, todos que compram carro novo no Brasil pagam 2 e levam 1. Se for financiado então pior ainda pois leva 1 e paga 3. Um para o governo e outro para o banco/financiadora.

        • Pedro Cunha

          Seguindo a sua lógica, diria que o “preço” da tabela é “3 leva 1” – 1 = IMPOSTOS, 2=SOBREVALIA DA MONTADORA e o 3=Que você leva pra casa.

      • duhehe

        Bom em que sentido ?

        Já tive o desprazer de dirigir essa carroça por alguns milhares de KM.
        Desempenho ridículo (se arrasta pelas ruas), bebe, é molenga, apertado na frente e atrás, isolamento acústico péssimo, térmico pior ainda.
        Dos sedan de entrada é o pior que existe.

        • Rodrigo

          Eu tive um Siena 2010 por apenas 1 ano. Não apresentou defeito até pq andava pouco. Mas de fato foi o 1.0 mais fraco que já dirigi.

          • Ainnem Agon

            O problema não é o carro, mas o preço cobrado por um projeto antigo.

        • Pedro Cunha

          Depende com o que você compara.
          Na faixa de preço dele, com os equipamentos que ele apresenta, não há um “melhor”, mas sim um “menos pior”. Considerando suas reclamações e cruzando com os preços que nosso mercado apresenta, você só vai se satisfazer acima dos R$70k. Abaixo desse ponto a mediocridade impera, sem exceções. Discordo do fator espaço interno do Siena diante do Classic. Siena é mais espaçoso e tem melhor ergonomia. Classic realmente é mais econômico. O design do siena é bem melhor resolvido, a plástica “á moda china” que a GM jogou por cima do Corsa Sedan(de desenho muito bom, premiado internacionalmente á época de seu lançamento) ficou péssima e denunciou gravemente o peso da idade do projeto. Em matéria de “se arrastar pelas ruas”, Cobalt 1,4, Grand Siena 1,4, Versa 1,0 e HB20-s 1,0 quê o digam(e custam bem mais caro que Siena EL e Classic)… Isso sem contar o falecido Fiesta sedan 1,0 rocam, piada pronta da srta. Ford.

          • duhehe

            Ahn sim, você escreveu bem, qualquer carrinho mais coerente já custa uns R$ 50k ou mais.
            De fato eu sou chato, no meu ponto de vista os carros de entrada não valem a pena, são muito falhos e descartáveis.
            Carro 1.0 ( ou 1.4 com potencia de 1.0) é cilada, ainda mais se for Sedan

        • Marcelo Amorim

          Acho Palio Fire e Siena EL muito mais interessantes que um Celta ou Classic da vida.

        • Fernando S.

          E, olha, eu acho que se colocar 4 adultos no carro, colocar bagagem no porta-malas e ligar o ar-condicionado, esse carro não sobe uma rampa.
          Aliás, só no Brasil mesmo para se vender carro sedã com motor 1.0

          • duhehe

            O Siena que dirigia era da minha avó, 1.0 com todos os opcionais.
            Tinha ladeira que ele não subia, ligar o ar só na rodovia, na cidade era ligar para o carro não subir rampas normais.
            O negocio era tão serio que a embreagem precisou ser trocada com menos de 20 mil km, muitas vezes o único jeito era tolar o pé no acelerador e ficar torrando embreagem na hora de estacionar em local íngreme ou na saída de um semáforo se a rua fosse subida.

    • Revoltado

      Eu iria de Classic viu mano… é menor mas bebe menos, é mais barato de manter e tals e tem um motor mais forte menos problematico

      • tiago

        Estes 1.0 da fiat podem ter muitos defeitos, serem problemáticos não é deles.

    • Carlos Polesello

      Até a Kombi foi embora….e estes quando…..? Já deram um lucro absurdo para a fabrica…..

    • Romulo Moreira

      Jesus, chutou agora heim? huahuahsuahuhsuahsus

  • Alexandre

    Mesmo sendo 14, inusitado o fato de ter rodas de liga leve de série. Isso era comum na década de 90, nos automóveis básicos.

    • Bruno@BRN.CS

      Achei um pt diferencial, agora ficou super competitivo. Brincadeira a parte, embora defasado acho um carro honesto para a proposta que se apresenta, embora hoje já não teria mais.

  • Wendell Rodrigues

    Faltou a foto dos novos forros de porta não ?

    • Pedro Citó

      Devem ser os forros do Palio Fire, peça única de plástico…

      • Bruno@BRN.CS

        Esse foro do Fire cagou umas das poucas coisas que ainda era caprichadas nesse carro, tive um em 2004 e as portas eram todas forradas, não plástico teco teco como hoje.

  • Rodrigo

    E tudo começou com a BRINCADEIRA DO IPI dos automóveis em 2013.

    Os especialistas em economia avisaram. Gerar oscilações de preço, especulação num setor tão importante como o automotivo. PODE CONTAMINAR O RESTANTE DA ECONOMIA.

    Hoje estamos ai com uma inflação que não tem mais como ser maquiada e carro popular batendo quase na casa de R$ 40.000. Vergonha!!!

    • dCarvalho

      Falou besteira, amigo! Melhor ficar quietinho aí…

      • Rodrigo

        Cara não sou seu amigo, outra coisa, isso dê “é melhor ficar quietinho” pode dar certo com sua família, esposa e ou seus filhos. Alguem nesse mundo deve abecer você né? kkkkk… Pra mim sua opinião pouco importa.

        • dCarvalho

          Será que não importa mesmo? Pelo tom do seu texto não é o que parece. A sua análise é medonha. Da próxima vez recomendo que se abstenha.

    • Gran RS 78

      Isso foi em 2011 e não em 2013, certo?!. Infelizmente quando eu li a noticia do aumento do IPi para carros importados, sabia que isso iria refletir em aumentos de preços para todos os carros vendidos no Brasil. Maldita mania desse desgoverno em querer colocar a mão em todos os setores da economia, ao invés de deixar a livre concorrência, que beneficia desde o governo, como tbm toda a população brasileira.

      • Junoba

        É obvio que essa manobra de aumentar o IPI, foi mandado pela Anfavea e suas montadoras. E com certeza alguém do governo recebeu dinheiro por fora.

        • Gran RS 78

          Eu não tenho dúvida nenhuma disso.

      • Rodrigo

        Segundo li na época (2013). O governo estava sendo irresponsável no setor automotivo. Com um regime tributário de incentivo fiscal provisório que “acabava e não acabava” gerando forte especulação inflacionaria no setor (com aumentos quase que mensais em 2013). E devido a importância desse setor na economia poderia desencadear um onda inflacionaria em toda a economia brasileira.

        Pra mim foi exatamente isso que ocorreu tudo começou no setor automotivo e contagiou o restante da economia.

        • Zoran Borut

          Mas essa prática de dar descontos provisórios no IPI para automóveis e forçar o aumento de preço dos importados não é nova. FHC fez uso de ambas em seus dois mandatos. E não me lembro de ninguém chamá-lo de irresponsável na época por conta disso. Tanto que a inflação dos doze meses seguintes à adoção de cada medida foi menor que nos doze meses anteriores.

          • Rodrigo

            Sê o governo FHC o fez, fez com competência pois tirou o país da loucura da HIPERINFLAÇÃO.

            Seu governo PT não soube conter a alta especulativa no setor automotivo em 2013 que continuou em 2014. Acho que vocês petistas deveriam parar de usar outros governos para justificar erros do atual governo.

            Não sou PT nem PSDB, politica não é futebol. Graças a Deus meu pensamento é livre.

            Em quando você sê engana com esse governo o REAL é pulverizado cotação do dólar já esta em (((R$ 4,10.)))

            • Daniel

              O FHC fez com tanta “competencia”… que a inflação anual nos 2 mandatos dele foi maior que a inflação atual.
              Se hoje estamos na casa dos 9%, em 2002 estavamos em 12,5%, no mesmo 2002 (Brasil governado por FHC) o dólar chegou a quase R$4,00 também… ah, mas ele é “competente”…

              O que salvou da hiperinflação foi o plano Real, do Itamar Franco.

              • Angelo Lucca

                Só uma coisa te digo: pro PT, se o índice não tá bom, eles mudam os parâmetros pra ficar apresentável… Basta ver os índices de desmprego e até a inflação que mudaram alguns produtos pra ficar menos desfavorável… Sem falar que qualquer catador de papelão virou classe média da noite pro dia pelos novos parâmetros implantadoa por eles…

                • Daniel

                  O indice não é o PT que calcula.
                  O que acontece é que a base de referencia é diferente, dai, pra quem não sabe pensar percentualmente, acha que agora está muito pior.
                  Quanto é 12% de R$ 1,00? R$0,12
                  Agora quanto é 9% de R$ 3,00? R$0,27
                  Pra peão, o aumento de 9% parece muito maior…
                  Como a inflação é comulativa e não tivemos deflação no periodo, as bases de comparação são diferentes. Assim, o governo atual já começou com os preços aumentados do governo anterior e assim por diante.
                  Dai vejo muita gente reclamando que antes a gasolina custava 1 real e agora custa quase 4…. só que esquecem que na epoca da gasolina a 1 real, o salario minimo era 171 reais…e hoje é 788… tambem esquece que o salario de um engenheiro na epoca era 2000 reais, hoje é 8000 reais… e assim por diante.

                  • Angelo Lucca

                    Amigo, eu nasci em 1971 e sei bem o que é crise e inflação, se pra você a “maquiagem” está boa, ótimo! Não sou burro e acho que aprendi a fazer contas há um bom tempo além de ler e pesquisar muita coisa. O mundo todo critica a gestão petista de só sugar o que foi construído e toda a política de distribuição de crédito irresponsável que eles fizeram, endividando boa parte daqueles que acreditaram que “tava tudo bem”. Mas pro petista tudo é golpe “dazelite” que não quer ver o “pobre subir na vida”, conversa mais idiota que já ouvi em 44 anos de vida…Agora todos teremos que pagar a conta, muitos com o próprio emprego, como já ocorre.

                  • Angelo Lucca

                    E outra: em 13 anos de poder, ainda conseguem por a culpa no FHC de todas as mazelas? Se fossem tão inteligentes como fazem vocês acreditarem, as coisas já não estariam resolvidas? No fundo você acredita nisso que te dizem? Me poupe…

                    • Daniel

                      Quem tá botando culpa em quem?
                      Só estou dizendo que naquela época a inflação era maior, e o dólar tbm chegou a esse mesmo patamar (se vc considerar que tbm houve desvalorização do dólar de forma geral, vai ver que os 4 reais em 2002 impactaram muito mais que os 4 reais hoje.)
                      Pare de engolir tudo que a midia manda mastigado e analise os fatos e dados por si.

                    • Angelo Lucca

                      Midia golpista, blablabla, azelite, blablabla… Qtos anos você tem? O que você entende de economia? Com o que você trabalha? Eu to vendo a bosta acontencendo no meu bolso, na empresa e nos clientes que me relaciono, não preciso de midia e muito menos um zé mané qualquer pra me ensinar a vida! Vai arrumar o que fazer vai… De esquerdinha ja chega os que eu sustento…

                    • Daniel

                      Não preciso passar meu currículo aqui.
                      Tenho minhas contas, pago minhas contas, faço meu trabalho direito e não me preocupo com especulações. Pago todos meu impostos corretamente e em dia.

                    • Angelo Lucca

                      Sinceramente, não consigo entender onde um PTista se baseia pra querer argumentar sobre os fatos que temos hoje… Não sei se você tem ou paga contas, eu tenho e pago muitas, pra mim ta uma droga, se pra você tá bom, porque não da metade do seu salario pra algum militante? Isso é socialismo, pratique! Veremos em alguns meses se vc vai conseguir sustentar suas teorias de Alice no país das maravilhas…

                    • Daniel

                      Então agora só pq eu sou realista e não vejo sobre a otica da midia manipuladora eu sou petista? Não sabia dessa! Aonde busca a carteirinha? Pq vc acha que tenho que pagar metade do meu salario pra algum militante? Isso é socialismo? Acho que ou vc faltou na escola ou era daqueles que não entendia nada.
                      Sempre que não tem argumento você parte pra ofensa pessoal?

                      Bom, vamos voltar a falar das novidades automotivas que eu tenho que escolher o carro novo pra colocar na garagem!

                    • Angelo Lucca

                      Provavelmente você tem razão, aliás vocês sempre tem razão…mesmo que não tenham… Que patético… rsrsrsrs

    • Junoba

      carro popular já está passando os 50k a muito tempo. Além disso, não tem o porquê de reclamar, agora ele já está vindo completo de série.

  • Louis

    Que luxo!

    • Pedro Rocha

      Onde se lê “u”, leia-se “i”.

  • Junoba

    Pelo menos agora esses itens são de série, e pelo mesmo preço do modelo 2015.

    • Filipo

      Não, não podemos mais ter este discurso do “pelo menos”. Por essa e por outras, o país segue assim.
      E sou cético quanto a custar o mesmo, jajá aumentam!

      • Junoba

        Com certeza. Daqui a pouco aumentam.

        Só que com todos esse opcionais, o modelo custava 45k.

  • zekinha71

    Quase que eu lí: Siena EL chega ao fim.

    • Marcus Fenix

      Deveria ser. Tenho um amigo que trabalha numa concessionaria da Fiat e há uns 3 meses atrás ele me disse que 90% das vendas do Siena era do Grand. Porque diabos a Fiat ainda monta essa desgraça!?

      • Dick Buck

        Verdade, quase não se vê essa coisa nas ruas, faz meses que não vejo um zero. Mas como o maquinário para produzir esse modelo já esta´muito bem pago, o que vender é lucro…

      • Daniel

        Quanto custa pra produzir essa joça? Ainda dá pra empurrar com lucro de 500%… manda bala!

        Ou vc acha que o fabricante tá preocupado com a sua segurança e conforto? Ele quer arrancar o maximo de dinheiro seu, isso sim!

    • Leandro Balmant

      E já não acredito mais em tais milagres.

  • Filipo

    Isso é um lixo! E é um absurdo cobrarem quase R$ 40.000,00 por um veículo dos anos 90, com acabamento bizarro, péssima segurança passiva e um motor igualmente bizarro, de 8v e bloco de ferro. Fiat e Brasil, tudo a ver!

    • Murilo Soares de O. Filho

      Uma grande parcela dos carros nacionais ainda possuem motores com bloco de ferro, e motores oito válvulas, e qual o demérito disso? A maioria não pode comprar um carro moderno como o Focus ou Golf, isso porque nenhum desses dois são nacionais. O mercado vem mudando, acho que realmente tivemos uma grande evolução no mercado na última década, e não teremos mais modelos tão defasados até 2018.

      • Filipo

        Ai você comparou Siena com Focus e Golf.. a pessoa sem dinheiro tem de comprar um carro equivalente monetariamente. Há carros modernos como o Logan e o Ka+ por exemplo, que custam o mesmo ou um pouco mais que um Siena EL 1,4L.
        E realmente ainda temos muitos carros com bloco de ferro no país, mas a minha referência foi custar tanto sendo tão simplório.

        • radiobrasil

          Sem falar que o 3 cilindros 1.0 do Ka deve dar uma surra nesse 1.4.
          Ha um mes fiquei com um Ka 1.0 de test-drive, versão básica, me surpreendeu o desempenho e até acabamento e equipamentos que o mesmo tem. Se fosse comprar um popular, iria de Ka “moderno”

          • Fernando S.

            Olha, eu ainda não dirigi esse Novo Ka, mas já dirigi um Novo Palio 1.4 (que tem o mesmo motor do Siena) e posso te afirmar, até Celta 1.0 anda, no mínimo, junto com esse motor. Que motorzinho chocho, quase peguei trauma.

            • Bruno Wendel Marcolino

              agora pensa no 1.0.

        • Murilo Soares de O. Filho

          Não comparei com eles, até porque são carros de outro segmento, citei os dois pois são carros modernos e que muitos gostariam de ter, mas poucos conseguem, e não é barato mantê-los. Você citou o Logan, que até é “barato” se você olhar o espaço interno, e até tem tamanho, pois brasileiro adora comprar lata grande, que é sinal “status” aqui, porém não passa de uma casca nova em cima de uma base velha, a mesma porcaria,e mecanicamente também é velho.

          • Filipo

            Mecanicamente velho, mas ainda é mais moderna que a do Siena. E a base do Logan não é velha, a “M0” pode não ser a última palavra em plataforma, mas também não pode ser chamada de velha. Vários carros Renault e Nissan a utilizam.
            Vamos parar de defender o indefensável!

      • Leandro Balmant

        As vendas da versão 1.0 mais barata até é justificável, já que os sedans mais modernos custam mais de 40 mil, e há quem precise de espaço que o Siena fornece. Porém, o mesmo já não é mais justificável nas versões com motor 1.4 e/ou com todos os opcionais.

  • Maycon Farias

    Bom agora com porta óculos vai vender horrores, era tudo que faltava, ninguém liga se a estrutura não presta e é arcaica. Porta óculo é o item mais desejado de 2015.

  • Iran Borges

    Bem… Parece que tem gente que acha vantagem gastar dinheiro comprando um carro desse zero km. Então por qual razão a Fiat deveria parar de vendê-lo? Altruísmo? rs

  • HugoCT

    Levando em conta os itens de série, achei um bom custo beneficio. O projeto é antigo, mas ruim ele não é, alias é muito bom.

    • Davi Reis

      Bom é sim, mas nem por isso dá pra ficar reciclando indefinidamente. É mais ou menos como o Fusca, que era um bom carro mas que foi ressuscitado em 1993, ainda mais fora de contexto, sem o sucesso esperado (obviamente). O tempo de tudo passa, até das coisas que um dia foram boas.

    • Filipo

      Já foi bom! Assim como foram bons tantos outros carros que tivemos. E ter sido bom não é indicativo de que se perpetue.
      Mas afinal, qual nacional é ruim atualmente? Pode haver uns piores que outros, mas ruim acho que não temos mais há tempos.
      Temos que acabar com essa sua mentalidade de “menos pior”!

    • Fernando S.

      Ele não era ruim se estivéssemos em 1999, 2000. Já estamos em 2015, o mercado está se atualizando, há montadoras com carros globais e a FIAT continua vendendo diversos carros com plataformas de 20 anos anos atrás.

  • Doccar

    Fiat e suas velharias…qdo vejo esses carros da Fiat, lembro da Kombi.

    • Artur

      Pois é. Se não fosse a obrigatoriedade do AB2 e ABS, Kombi e Gol G4 ainda estariam sendo vendidos pela VW no Brasil…

  • Davi Reis

    Ao contrário do Palio Fire, que pelo menos ainda justifica sua existência, acho que o Siena EL já merece um descanso. Nosso mercado já viu ótimas versões do Siena em cima dessa carroceria, mas o tempo desse carro simplesmente passou. A Fiat poderia muito bem criar uma versão mais básica do Grand Siena e aposentar a versão antiga.

    Ed.: No site da Fiat, direção hidráulica, ar-condicionado, vidros e travas elétricas ainda aparecem como opcionais, e não como itens de série. Com os itens citados na matéria, o EL 1,4 alcança o preço de 50 mil reais.

    • Filipo

      Esse carro é vendido na Coréia do Norte, para veres como estamos bem.

      • Marcus Fenix

        Na Coreia do Norte eu não sei, mas na Venezuela ele é vendido. E deve ser um sucesso!

    • Junoba

      É porque o modelo mostrado no configurador da Fiat, ainda é o Siena 2015, não o 2016.

      • Davi Reis

        Ah sim, realmente. Me embaralhei na leitura das coisas.

  • Andre Sousa

    Falar pra um conhecido meu pra comprar… Morre de amores pelo classic pé de boi.. Imagina com um desse ai completao… Ninguém vai poder nem olhar o carro pq o classic ja eh um nojo.. Dá até dó kkkkkkkkk

  • Lucas Mendonça de Castro

    Acredito que esteja errado todos os itens acima descritos como de serie a um preço de R$ 38.500,00 na versão 1.4. Caso esteja correto, a Fiat incorporou todos eles sem aumento de preço se comparado a versão 2015.

  • kaian

    Já dirigi esse carro, esse volante e horrível, muito grande e meio gordinho, quanto motor o carro anda bem

    • Junoba

      Quanto ao motor, bem defasado. O 1.4 da Fiat tem potência do 1.0 da concorrência.

      • kaian

        O que eu dirigi era exatamente o 1.4 de um amigo meu, o carro até que era espertinho
        Fizemos um 0 a 100km/h nele c/ ar desligado e duas pessoas fez em 12,5 segundos

        • Fernando S.

          Depende muito do que é ser “espertinho” para você. Já dirigi algumas vezes um Palio 1.4 e, sinceramente, me lembrou muito um Celta 1.0.

        • Daniel

          Não faz 0-100 em 12,5 segundos má-nem em queda livre!!! hahaha…

          Na verdade, se vc olhar no velhocimetro dele até chega nos “100”, mas ele ainda tá a 80kmh real. Erro do velhocimetro!

          • kaian

            kkkkkkk eu juro que eu ri “má-nem em queda livre” vou usar isso
            mas foi isso mesmo que deu 12,5, duas pessoas e AC desligado, agora estamos querendo fazer com o Grand Siena 1.6 Essence que ele comprou

      • Artur

        Pode até ter potência de 1.0 da concorrência, mas o torque é superior.

      • Matthew

        Apesar de arcaico, esse motor da Fiat até que é bem acertadinho pro uso rotineiro, oferecendo bastante disposição em baixa rotação. Aqui em casa temos um 1.4 Econo.Flex da GM que anda bem, mas só depois das 2500 RPM, demora um pouco a encher. Lembra até um carro 16v. Vai entender.

      • Angelo Lucca

        Com esse motor no Punto, eu conseguia 12 km/l na cidade com gasolina. No Palio 1.0 que tive, conseguia fazer 14 km/l tb na cidade, creio que sabendo usá-lo dá pra andar “normal” nos grandes centros e ainda ser econômico.

        • Daniel

          Se movimentar na cidade até dá… mas, querer pegar estrada é sofrivel e enche o saco (principalmente dos outros motoristas, pq esses donos de FIAT se acham num superesportivo que lhes dá direito de uso permanente da faixa da esquerda). Extremamente perigoso para ultrapassagens!

          • Angelo Lucca

            Não é não amigo, desde que você saiba o que está usando da pra pegar estrada sim, eu fui com o Palio de Sp a Sta Catarina e a mesma coisa com o Punto, basta que se respeite o limite do seu carro, pode-se andar perfeitamente a 100/110 km/h… aliás é mais seguro do que muito idiota que compra um carro potente e não sabe o que fazer com ele. Muito menos querer andar a 180 e se arrebentar por não saber controlar o carro… Hoje eu não tenho mais nenhum nem o outro, tenho um Focus 2.0, mas nem por isso fico generalizando achando que só dono de Fiat faz merda na estrada, já vi muito idiota com uma porcaria de um Vectra ou Voyage velho grudando na traseira dos outros Se achando piloto, mas bate essa porcaria e depois explica pro dono do outro carro que vc não tem seguro e não tem como pagar… Às vezes, do jeito que muitos falam aqui, parece que todo mundo anda de M5, Ferrari ou Porsche, no fundo nem carro tem, mas gostam de dar um pitaco sem quase nenhum conhecimento.

            • Daniel

              Um carro que não responde ao acelerador não é seguro. Na estrada, em diversos momentos, seja para ultrapassar, seja para vencer uma subida, vc precisa de bom desempenho e boa retomada de velocidade, não, não estou falando de andar a 180! estou falando de andar a 100, 120 ou seja lá qual for o limite da estrada.
              Sim, tem muito dono de FIAT manco que não sai da direita por nada, até pq o velocimetro deles marca a mais (talvez para dar sensação de mais potencia e o cara achar que faz o 0-100 em 12s quando nem bem chegou a 80) dai o cara acha que esta no limite e fica trancando.
              Sobre dizer que se acha num superesportivo, fui ironico, pq muita gente acha que se estiver num carro mais potente pode ficar na esquerda na velocidade que quiser. Enquanto o CTB nos seus art 30 e 198 dizem que TEM QUE SAIR DA ESQUERDA PRA DEIXAR O OUTRO PASSAR.

              • Angelo Lucca

                Amigo, o velocímetro de TODO carro marca a mais; em média 5 a 10%. Acho que você tem uma certa birra com carro FIAT não entendo porque (talvez alguma razão particular, mas isso não é da minha conta) não sei que carro você tem, mas creio que o mundo que você vive tá meio fora da realidade. Carro 1.0 anda numa boa, senão não teriam milhares nas estradas todos os dias e esses estariam causando acidentes aos montes. Não estou defendendo esse tipo de carro, mas a forma como você coloca, demonstra que tem muito pouco conhecimento da causa. Veja a velocidade máxima dos carros 1.0 nas fichas e ou testes de revista e todos eles ficam próximos de 150 km/h, ai porque diabos o cara não conseguiria andar a 100/110 km/h? A sua generalização sobre eles “ficarem na esquerda” atrapalhando Vsa. é engraçada… O brasileiro no geral é mal educado em qualquer lugar, principalmente no trânsito. Eu rodo mais de 50 kms por dia e dirijo a cerca de 26 anos, vejo todos os dias gente com carros super potentes que ficam na faixa da esquerda pra “não serem atrapalhados” não importando a velocidade que estão. Creio que se hoje você tem algum carro que ande bem, seja feliz. Mas não fique com esse mimimi de que os outros te atrapalham, porque com certeza em algum momento você também vai estar atrapalhando alguém… boa tarde!

  • Felix Sehnem

    ta bem a FIAT.

  • Erlandio Ramos

    O lançamento do ano. Parabéns FIAT.

    • Pedro Rocha

      De qual ano? 1997?

      • Erlandio Ramos

        Por aí.

  • Lucas Irrthum

    O preferido dos taxistas..

  • Milton Baptista

    Na Venezuela o Fiat Siena básico é vendido como Dodge Forza por 1.489.11,73 Bolívares. Que devem ser acrescidos de IVA 223366,76 bolívares, mais ICS de 85169217,35, mais placa por 85968,10, com valores de maio de 2015. Totalizando 1892140,00. Considerando que 1 bolívar vale 0,6317 de reais, mostra que o Fiat Siena básico é vendido na Venezuela por 1.195,264,83 centavos. Preço de um Ferrari no Brasil…

    • Pedro Huback

      Futuro do Brasil…

    • durango

      dólar de governo comunista tem cotação ilária para dizer o mínimo.

    • JCosta

      A Venezuela utiliza um sistema de câmbio, onde essa taxa que você falou, serve somente para importar alimentos de primeira necessidade.

      Usando a taxa oficial para o caso (199Bfs/Dolar), o carro custa meros US$6006,35 ou cerca de R$24100,00.

      Na prática, mais barato que na Bananalândia.

  • Mr. Bola de FOGO!

    Finalmente um sedã abaixo dos 40k…

  • Zé Mundico

    Para taxista tá bom demais, econômico, manutenção simples, barata e financiamento acessível. Melhor do que muito Voyage por aí.

    • Marcus Fenix

      Só não dá pra depois reclamar do Uber!

      • Fernando S.

        Pois é. Depois reclamam, fazem paralisação e o diabo a quatro. Só que o taxista vem com um Classic ou Siena enquanto o Uber te dá Corolla, Civic ou Fluence.
        Detalhe: Taxista compra carro a preço menor.

  • Alexandre Maciel

    Opcional: painéis das portas em tecido… HAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH

    • Fernando S.

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Lucas Kopereck

    HB20S,Ka+ e Versa mandam lembranças,morra e leve junto o Classic por favor.

  • Leonardo

    eterno carro de frotista

  • Marcos Pastori

    Em breve, com placa preta de série.

  • Paulo Henrique

    Preço interessante, bom carro para família.

  • Leandro Balmant

    Nossa, mas que belo opcional esses forros de porta em tecido. Me segura que eu vou lá na Fiat comprar!

  • Hernan Carlos Granda

    jurasic car 18, novo filme

  • Bruno@BRN.CS

    Pô tava curiosão para ver esses novos painéis de porta…cadê as fotos?

    • Matthew

      São os mesmos do Palio Fire atual, uma peça plástica inteiriça sem revestimento de tecido. Ridículo.

  • Felipe Faria

    Tão batido que nem as fotos de anúncio não são mais mudadas…

  • Alvaro Guatura

    Conseguiram deixar a dianteira super anos 90

  • PrGirafales

    quando a fiat vai enterrar essas carroças de 1900 AC e trazer novidades… nao consigo entender quem compra hj carro da Fiat, nao aguento mais ver maquiagens e mais maquiagens no carros deles, o Idea ta virando aberração, punto e bravo é piada ja…. vamos mudar esses carros fiat, mas para que né, povo compra

    • Zé Mundico

      São carros “menos caros” do que os outros e são comprados por quem não tem muita grana sobrando ou tem pouca.

  • Fernando S.

    Pessoal, me esclareçam uma dúvida. A reportagem citou alguns itens de série, mas eu não li DIREÇÃO HIDRÁULICA. Esse carro não vem com DH de série? É isso?

  • Angelo Lucca

    Se ainda fabricam é porque vende… Claro que eu não compraria um, mas tem muita gente que ainda se interessa pelo carro, principalmente pelo bom porta-malas, o visual é cansado mas em vista do que temos no mercado, tem um bom preço. Mesmo sendo defasado, a mecânica é confiável e sabendo andar com ele, chega ser até econômico. Mesmo o 1.4 tendo potência específica baixa, tem um bom torque e é até agradável de se rodar na cidade, principalmente pela suspensão macia e direção direta. No final da pra concluir que é um carro honesto, se não fosse bem visto, não venderia.

  • Vattt

    Tá esse preço mesmo 35.000? Vi o Ford Ka 1.0 e ele custa 41.900 mil o HB20 1.0 43.900 e Sandero 1.0 42.900.

  • Romulo Moreira

    E laiá, e tem o que comentar com uma notí…digo ofensa dessas?

  • Elissandre Damasceno

    Adquiri uma strada 2015 com esse mesmo painel. Pense em um carro mal feito, cheio de barulhos, painel mal feito e mal encaixado. Nos primeiros 300Kmj á tá cheio de barulhos internos de plástico.

  • Filipe Mascarenhas

    Comparar o siena com o Classic não da, o siena pode não ser nenhuma maravilha e esta bastante ultrapassado, mais o Classic… consegue ser muito pior!