Europa Ford

Ford celebra 113 anos no Reino Unido com mostra de fotos históricas

henry ford sede reino unido

Para comemorar seus 113 anos de atividades no Reino Unido, a Ford divulgou nesta semana uma mostra de fotos históricas através do Instagram. De acordo com a montadora, “o objetivo da retrospectiva “vintage” foi trazer fatos icônicos que se conectam com o importante momento atual da marca na Europa”, marcado pelo lançamento de modelos como Focus RS, Mustang e Edge.

A filial inglesa foi a primeira da Ford fora dos Estados Unidos. Confira abaixo a seleção especial das imagens de modelos da Ford mais curtidas no Instagram.

1. Foto do fundador Henry Ford na sede da empresa, em 1907 (foto acima).

ford a linha de montagem

2. Trabalhadores na linha de montagem do Ford A em 1927.

ford escort rs

3. Ford Escort RS 1800 de 1976, hoje carro de colecionador com preço que pode chegar a R$ 230 mil.

linha de montagem ford escort

4. Linha de montagem na fábrica de Dagenham, na Inglaterra, em 1974, quando comemorou a produção do Ford Escort 2 milhões.

Focus FR200

5. Focus FR200, criado como veículo experimental, deu origem ao desenvolvimento de peças de alto rendimento.

ultimo ford modelo a

6. Último Ford Modelo A deixa a linha de montagem em Trafford Park, Manchester, a primeira da Ford fora dos Estados Unidos.

Ford Taunus

7. Ford Taunus, carro que nasceu junto com o movimento punk, em 1976, baseado no Ford Cortina MK IV.

Ford Transit 1972

8. Ford Transit em teste de longa duração, em 1972, rodando 16 mil km a uma velocidade de 120 km/h.

Ford Fiesta 1976

9. Foto de divulgação do Ford Fiesta 1976, que se transformou num ícone de vendas.

Ford Quadriciclo de 1896

10. O célebre Quadriciclo, de 1896, o primeiro carro de Henry Ford que deu origem à marca do oval azul.





  • Mr. Car

    Alguém já notou como o desenho do Escort 76 remete ao Hillman Avenger, o nosso Dodge 1800/Polara?

    • CignusRJ

      Se vc lembrar que a Ford comprou a Renault no Brasil e daí veio o Corcel, pode ser que tenha ocorrido o mesmo. Olha posso estar errado mas creio que a Ford comprou a Dodge na inglaterra. Por isso esta semelhança.

      Assim como a VW comprou a Dodge no Brasil e na Argentina. Na Argentina o nosso Polara virou o VW1800 e acredito foi fabricado até meados dos anos 90.
      .

      • Holandês Louco

        QUE ????

        A Ford comprou a Willys Overland do Brasil em 1967
        O Corcel era projeto da Willys (em parceria com a Renault, mas era Willys de logotipo)
        A Renault só veio para o Brasil em 1992, com as importações.

      • CharlesAle

        Cignus, a Ford comprou a Willys na verdade, e essa tinha parceria com a Renault,aliás, o Gordini era o Renault “rabo quente” Renault 12, se não me engano. O motor CHT também tinha origem Renault. Até os anos 90, ainda tinha muita coisa da Willys(placas, tampas de ferro, creio que de esgoto, com o logo Willys!) na planta Ford Taboão, onde eu trabalhava, inclusive almocei em muitos bandejões com o logo da Willys rsrs..

  • Gustavo73

    A mais européia das marcas ianques.

    • CharlesAle

      A história da Ford no Brasil(aqui desde 1919) poderia ser bem mais exitosa, se ao invés de lançar carros “jabuticabas” como Corcel;.Ou então o Americano Maverick; tivesse optado pelos modelos Europeus dos anos 70..Ia ser um arraso…Este Escort 76 mesmo, é muito bonito e com certeza ia seria superior a Chevette e Passat…

      • CignusRJ

        CharlesAle.
        Sobre seu comentário, sim acredito que seria mais exitosa com modelos europeus mas o termo jabuticaba foi deprecioso.
        Nada contra o Corcel, acredito que ele foi um bom carro (já tive dois, modelos 74 e 77) um irmão do Reanult12.
        Quanto ao escort 76 acredito que ele não seria superior ao Passat, lembrando que na época este era o carro mais moderno do Brasil.
        O problema não esta em lançar jabuticabas, modelos exclusivos para o Brasil, mas sim lançar porcarias no Brasil. E estamos cheios.
        A verdade é que a FORD assim como a GM desaprendeu a fazer carros no Brasil. E acredito que a culpa não foi da Autolatina, esta foi apenas a “pá de cal”. Já a GM foi um processo lento que começou quando deixou de fabricar o opala(uma jabuticaba que deu certo), passando pelo fim dos modelos Opel e agora com seus spin e cobalt.
        .

        • CharlesAle

          E ai Cignus,blz.. A linha Corcel foi muito bem no Brasil, o problema foi que a Ford se acomodou no modelo. Veja que vieram Del Rey(um corcel refinado, nada mais)como carro de luxo, o motor CHT, excelente motor, durável, mas limitado, tanto que era inferior ao AP da VW. Se a Ford tivesse optado por uma linha Européia desde o começo, no embalo disso, viriam carrocerias e motores modernos. E sua história hoje poderia ser bem diferente. Trabalhei na Ford de 90 à 95 e vi o quanto a empresa se acomodou.. Com a Autolatina, só afundou mais ainda, tanto que no final da mesma, só tinha praticamente o Escort! E sai da empresa por absoluta falta de perspectivas.. O Passat foi um carro moderno para sua época, mas tinha um crônico problema de superaquecer..Eu tive um Village 83 e me lembro que ferveu comigo duas vezes, uma em viagem para o litoral..Enfim, a Ford hoje, claro, contando as diferenças de época, é muitíssimo superior à Ford da época. Pois hoje ela tem uma visão de oferecer o de melhor e mais moderno.Poderia ter sido assim à época..Só um detalhe Cignus, me lembro que via, no pátio da engenharia, modelos como Sierra, Orion, e alguns outros que nem me lembro mais, que eram brutais a diferença de qualidade para os Ford Nacionais de então..

        • Pedro Cunha

          Todos revezes econômicos no lisarb fragilizaram a “ousadia” das fabricantes. Sai governo, entra governo e essa terra segue “incerta” para apostas altas em modelos de desenvolvimento 100% nacional e ao mesmo tempo de qualidade/acabamento refinados. Por isso acho que o termo “desaprendeu” não é adequado. Não desaprenderam nada, pelo contrário, aprenderam á fazer carros que tragam uma polpuda margem de lucro e ao mesmo tempo, causem uma “impressão” de superioridade no consumidor.

        • Tarcio

          Jabuticaba? o Opala era uma cópia do Opel Rokord. GM , FORD ,VW, sempre teve no seu portifólio tupiniquim modelos europeus.

  • zekinha71

    O pessoal mete o pau que hj os carros são todos parecidos, mas olhando essas fotos nos 70 e 80 também eram tudo igual, Ford, GM, VW eram todos parecidos.

  • Tosoobservando

    Eu era fascinado pelo grupo Ford quando eles tinham Jaguar, Volvo, Land Rover, Aston Martin etc… Achava que era uma marca super moderna.

  • Pedro Cunha

    Na verdade, não trata-se de um “plágio”, mas sim a tendência estética daquela década. Imaginem daqui uns 20~30 anos o pessoal analisando os carros que temos hoje: Pensem em quantos “plágios” podem ser classificados…. Hoje ainda creio ser muito mais evidente, pois é cada vez menor a presença da “identidade da marca” nos lançamentos. Ainda nos anos 70~80 havia muitos detalhes e traços típicos de cada marca, o quê apesar das tendências estéticas, identificava de formas claras o quê era um Ford, ou um GM, ou um Opel, Alfa, Fiat….

  • Jose Nelson

    Escort XR3 o super esportivo da época, Ford fantástica fábrica de chocarros…..



Send this to friend