GM: Venda online de peças com catálogo de modelos a partir de 1964

02/03/2016

site-gm-1

A GM criou um novo portal Reparador Chevrolet, que visa atender reparadores independentes e lojas de autopeças em todo o Brasil. O ambiente foi atualizado com um catálogo de peças virtual de modelos da marca americana vendidos no país desde 1964.

O Reparador Chevrolet é dividido em cinco partes, tendo a “Reparo de Veículos” disponibilizando diagramas mecânicos, elétricos e de funilaria, além de dados técnicos e outros detalhes dos modelos.

O “Dicas de Serviço” dá orientação para reparadores no atendimento ao cliente e organização do trabalho. Há também um ícone para localizar o revendedor mais próximo. A principal novidade é que agora, qualquer pessoa com cadastro (gratuito) pode adquirir peças e componentes online. ~

site-gm

O “Peça Chevrolet” permite acesso ao banco de dados com 400 mil peças de todos os modelos Chevrolet desde 1964. A aquisição de um ou mais componentes é feita online e a negociação de preço é feita por meio de chat com o vendedor da concessionária escolhida.

Pode-se até enviar fotos pelo canal, a fim de comparar a peça com o pedido. Cada item tem certificação original, o que é bom para quem pretende ou quer manter a placa preta nos clássicos da Chevrolet.













  • VORTEC REDNECK

    Caramba! Muito legal! Tenho uma Blazer 4.3 V6 1996 que meu pai tirou zero km e portando está há 20 anos alegrando a família. Hj ela é um grande hobby e não carro do dia a dia. Jamais vou vendê-la, pois tem uma história na família e por isso um carinho todo especial. Tenho fé que daqui 10 anos ela será a primeira Blazer de colecionador do país e atitudes como essa da Chevrolet vão me ajudar e muito a manter ela sempre nova. Todas as peças de acabamento ou mecânicas eu tive que comprar do Tio Sam na reforma pelo rock auto ou ebay, agora podendo comprar daqui vai facilitar muito! Parabéns GM!

    • Compro Vidro de Perfume Vaziou

      Show, pode postar imagem do interior, ela ta praticamente novam parabéns por saber cuidar do carro !!

      • VORTEC REDNECK

        Olá, desculpe a demora na resposta. Posso sim postar uma foto do interior, segue:

        • Compro Vidro de Perfume Vaziou

          Nossa olha a qualidade do interior desse carro, hoje em dia você paga tão caro e recebe plastico duro, essa Blazer era importada na Época certo?

          • VORTEC REDNECK

            Pior que não, Blazer nacional mesmo. A primeira Blazer chegou em 95 com motor 2.2 4cc e 2.5 diesel. Aí em 96 chegou ela igual a minha com o V6. Antes disso, só por importação independente.

            • Compro Vidro de Perfume Vaziou

              Serio, caramba e hoje a qualidade geral dos carros caíram basante, nem a Trailblazer 2016 tem a mesma qualidade de acabamento que esse modelo antigo, mas se pagam caro em carros com plastico duro pq as fabricantes vão mudar !!

      • Rafael

        Sua blazer esta linda. Parabéns. Aias, há tempos não via uma assim.

        • Compro Vidro de Perfume Vaziou

          Blazer é do VORTEC REDNECK

    • zekinha71

      Nem pense em vender, está zerada, imagina, pega quanto uma dessas uns 10 contos, depois não dá nem pra comprar um terço de um carro depenado novo.

    • Bruno Wendel Marcolino

      Po cara, show de bola, no Brasil é muito dificil ver esse tipo de história. Parabéns. E não venda a nave jamais!!!

    • shdn2010

      Caraka!! O carro está lindo mesmo.. zerado. Parabens!

    • Pedro Cunha

      Cara, isso é um SUV legítimo. Merece todo carinho, cuidado e dedicação! Parabéns!
      E parabéns a dona GM por essa iniciativa. Há muitos fãs, clubes e entusiastas da marca país afora, merecem respeito da marca!

    • Marcelo Amorim

      Parabens pelo carro,tive o prazer de viajar numa dessas ainda quando estava no auge,versao Executive,anda pra caramba,só tomar cuidado pq nas curvas parece uma gelatina,rsrsrs.

    • Rodolfo

      Meu sonho!
      V6, automática e 4×4!

    • Denis

      Parabéns VORTEC REDNECK, sua Blazer é uma das poucas que preservam o estado impecável de originalidade. Tenho um vizinho meu que tem uma Ipanema GL 2.0 MPFI 1997. O modelo tem apenas 15.000 km rodados. É completa com: Ar-condicionado, Direção hidráulica, Alarme antifurto, Travas elétricas, Vidros elétricos nas 4 portas, Radio AM/FM com toca-fitas codificada, Bagageiro de teto, Coluna de direção regulável em altura, Rodas de liga leve aro 13 com pneus 175/70, Faróis de neblina e Pintura perolizada (vermelho Goya).

      • Minerius Valioso

        Lindo carro!

      • Bruno Wendel Marcolino

        Bela perua.

        #savethewagons

  • Guilherme Alcântara

    Pois infelizmente não é bem assim, acabo de acessar la e vi que não permitem comprar peças online a menos que seja empresa (pessoa jurídica).

    • Leandro

      “A GM criou um novo portal Reparador Chevrolet, que visa atender reparadores independentes e lojas de autopeças em todo o Brasil.”

      • Guilherme Alcântara

        em parte do texto: ` A principal novidade é que agora, qualquer pessoa com cadastro (gratuito) pode adquirir peças e componentes online.` Dá a impressão que qualquer pessoa (tanto jurídica, como física, como o empolgado Vortec Redneck e diversas pessoas) poderiam comprar dessa forma online.

      • VORTEC REDNECK

        “A principal novidade é que agora, qualquer pessoa com cadastro (gratuito) pode adquirir peças e componentes online. ” Já fiz o meu cadastro onde não precisei incluir CNPJ algum e consegui acessar diagramas e catálogos de peças a vontade. Me diverti aqui! Mesmo que eu não consiga comprar, meu mecânico – inclusive pra quem já mandei email informando do site e pedindo para que ele cadastre sua oficina – poderá comprar as peças que ele precisar pra cuidar do meu carro, além de ter auxílio p/ entender a melhor maneira de identificar e reparar o eventual defeito que ela apresentar. É bom de todos os lados! Que todas as marcas sigam o exemplo prestigiando os admiradores de seus clássicos/antigos/fora de linha.

        • Edson Fernandes

          Concordo plenamente. Alias, é um movimento que ajudaria a manter carros do passado mas que, deixariam sem adaptações.

          E o melhor disso é… seria possível ter tudo original. (e a fabricante lucrar muito já que no Brasil isso é muito bom e raro)

  • Leonardo C.

    Muito bacana a proposta, mas Corsa LTZ não né dona GM, é Joy, Maxx, Premium ou SS!

    • radiobrasil

      Se o Fusca ressucitou com o Itamar uma vez, pq não o Corsa voltar com a Dilma? Versão LTZ a partir de 69.990,00 “só hoje no feirão Chevrolet, com desconto de funcionário”

      • Leonardo C.

        Se ele voltasse compraria outro sem dúvidas (não a esse preço rs), carrinho valente. Temos um Joy 2008 comprado 0km, em breve vou fazer um relato dos 105.000 km que ele possui hoje em dia.

        • radiobrasil

          Eu tive um 2004… eu DETESTAVA o cambio… primeira curtíssima.

          • Leonardo C.

            Primeira, segunda, e a 80km/h de quinta gritando já por uma sexta marcha rs

            • Edson Fernandes

              Então compra o Cambio do Cruze! Pronto, resolvido! rs

              O problema é a configuração de relação das marchas. Sempre disse que a primeira de um Celta (ou Corsa 1.0) poderia ser ligeiramente mais longa (ou poderia ser como a segunda marcha é) e as demais só acompanhar esse escalonamento.

              Algo muito proximo do que fizeram atualmente no Onix 1.0.

              • Matthew

                Isso é recente. Tem um Corsa Wind aqui em casa ano 2000 e as relações do câmbio são bem espaçadas. Demora um pouco pra encher.

                • Edson Fernandes

                  Isso é verdade. Essa epoca a Chevrolet focava no baixo consumo porém com desempenho de 1.0. Com a vinda do motor VHC, a Chevrolet promoveu alterações no cambio para encurtar as marchas.

                  Vc tem agilidade e até certo ponto economia, mas é cansativo ficar cambeando tanto no dia a dia. (quer dizer no Celta 2005 do meu pai pelo menos é.)

            • Felipe

              Hahahah… verdade!
              Uma sexta que ele não tinha.

  • Zé Mundico

    Uma excelente ideia que facilita a vida e aumenta a fidelização do freguês. Até que enfim alguém nesse país está percebendo que carro deve ser tratado como um eletrodoméstico qualquer.

    • Pedro Rocha

      Pelo que sei, nos EUA esses serviços já são oferecidos, mas não sei se para todos os modelos, já que li sobre reparos de Mustangs com peças originais em moldes semelhantes a essa proposta da GM aqui.
      A Mercedes já faz isso há tempos e até para modelos clássicos pré-2GM, enquanto a Toyota dá manutenção até hoje em css aos modelos Bandeirante.

      • Portuga Goleta

        Assista os programas de carros do Discovery, tem carros da década de 50 por lá que tem peças novas, chegam na caixa. Painéis de lataria novos para Camaros, Mustang e carros de maior volume de vendas.

        • Zé Mundico

          Lá nos EUA existem independentes que fabricam réplicas de peças conforme a necessidade do freguês. Fazem peças de funilaria até usinagem de peças de motor e suspensão, tudo dentro das especificações originais. Mas lá existe mercado para isso. Aqui não.

      • Edson Fernandes

        Na verdade, a fabricante nos EUA libera para que empresas do ramo possam produzir peças de veiculos do passado.

        Ou seja, muitos carros tem peças até hoje porque é um mercado que se movimenta bem. Só no Brasil e esse pensamento besta de que se o usado está ruim, tem que ter um 0km no lugar.

        Agora que as coisas complicaram para cá, nada do que essa que é uma das melhores saidas em momento de crise.

        • Pedro Rocha

          No Brasil as pessoas se exibem com carros 0km, mas nos EUA muita gente faz isso com clássicos em excelente estado de conservação.
          Se há demanda, há mercado e a oferta aparece.

  • Daniel Mietto

    Atitude exemplar da Chevrolet.

  • Blessa

    Parabéns GM.

  • Daniel

    Eu tinha o catálogo offline… Daí entrava no pecapecasgm ou netpecas e comprava pelo código… Isso desde 2000!
    Muito bom que agora tem uma plataforma Oficial!

  • zekinha71

    E com isso acaba a história de comprar peças no “desmanche”, só compra quem curti uma pilantragem.

    • Castle_Bravo

      Desmanche sempre vai existir no Brasil em razão dos preços. Somos um povo pobre, e não dá pra concorrer com eles no quesito preço. Acrescente ainda ser livre de impostos.

      • Daniel

        Desmanche é a versão “jeitinho brasileiro” de querer levar vantagem sem ver que está se ferrando depois… Economiza na peça roubada (não todas, mas…) e depois gasta uma fortuna no seguro.

        • Castle_Bravo

          Pois é, mas é aquela crença de que “os outros que paguem”, eu vou tentar tirar vantagem agora, depois a gente vê o que acontece. E assim o Brasil vai indo…

    • Daniel

      Na verdade o sistema só te ajuda a saber o código da peça é consultar estoque de concessionárias. (lá em 2000-2001 eu já comprei peça em concessionária de Goiás sem nunca ter ido lá, era um acabamento do console na cor azul da caravan monocromática azul que meu pai tinha).

      Agora, se não tiver a peça em estoque, lascou-se

  • No_Name

    Corsa LTZ? Kkkkk!

  • ObservadorCWB

    Gm seguindo a Mercedes. Parabéns. Isto também faz parte de tratar o consumidor com seriedade.

    • MarcioMaster

      ????

  • awatenor

    Seria interessante…se houvesse realmente peças de reposição para cada item. Lembro de ter procurado, inclusive com ajuda de funcionários de concessionários, alguns itens de acabamento de um Diplomata ’92 de um amigo, aqueles itens que se costuma chamar de “perfumaria”. Nada, em nenhuma concessionária, estoque ZERO (ele acabou vendendo a preço de banana). Daí fico imaginando para um Opala ’71, ou um Chevas ’79. Sei não. Já vi, neste Bréçil, muita promessa acabar virando chafariz cheio de mato em volta……

    • radiobrasil

      Nem a fábrica deve ter peças pra carros anos 70… TALVEZ algum concessionário e olhe lá

  • Paulo Lustosa

    Agora vou poder pintar minha S10 2002 tranquilamente pra ficar totalmente original sem me preocupar com as faixas

    • Bruno

      Vai poder carregar a caixa d’água de boa kkjkkkk

      • Paulo Lustosa

        Prepara a troslada que tu vai receber no Whatsapp Rafik… HEAHUAEUHEAUH

  • Boa iniciativa da GM.

  • Meus parabéns a GM. Próximo passo: colocar o preço de referência no site.

    Se todas as montadoras fizessem isso, daria pra montar facilmente rankings de custo de manutenção de veículos.

    Por exemplo, se eu quero comprar um carro e estou em dúvida entre mais de um modelo, eu poderia utilizar os sites de peças dos fabricantes para montar um comparativo do preço das principais peças e assim ter uma noção de quanto custa manter cada modelo.

    Isso é algo muito difícil de fazer hoje.

    • Hélio

      a CESVI tem um índice de reparatilidade

  • Bruno Wendel Marcolino

    Muito bacana, parabéns a GM.

    Faltava uma marca se “atirar” na frente e fazer algo nesse sentido, muito interessante.

    Acho que as marcas com uma “baixa” confiabilidade devido a má fama deveriam fazer o mesmo, vulgo chinesas(todas) e PSA principalmente.

    • Edson Fernandes

      Se o negocio é ter esse tipo de coisa, veja o CItroen Service ou Peugeot Service, se cadastrando e depois de acessar colocando o chassi do carro, vc tem acesso a todos os códigos de peça do carro.

      Infelizmente assim como o da Chevrolet, não há preços.

      PS: Esse site que citei mostra de acordo com o chassi do seu carro, qualquer carro da fabricante, mas isso nõa quer dizer que vc terá peças de carros do passado.

      PS2: Só a titulo de curiosidade, a fabricante não produz mais algumas peças como mangueiras e farois, portanto, ficando a mercê de precisar de um paralelo. Só quis dizer sobre o site para seu conhecimento pois ele ajuda muito. Ainda que não seja o mesmo conceito desse da Chevrolet.

      • Bruno Wendel Marcolino

        Po, não conhecia, tenho um 207 e agora fica mais fácil achar algumas peças.

        Já é algo interessante, não sabia mesmo.

        • Edson Fernandes

          Nossa, então acessa. Vc vai gostar de ver detalhes de peças e tudo mais. Tem coisas que sequer eu imaginava que fosse separado uma coisa da outra. ele é bem completo.

          Como é portugues “do Brasil” (no site, porque é lusitano) vc vai perceber palavras diferentes, mas nada que vc não consiga lidar.

          Eu já comprei muita coisa para o meu ex Xsara e ex C3 obtendo o código da peça. (sai mais barato porque não tentam te empurrar um kit com algo)

          E como meu C3 era 1.4, se o seu 207 for tbm, te digo que vc vai ficar tranquilo porque tem tudo. E vai perceber que o custo das peças é baixo tbm.

          • Bruno Wendel Marcolino

            Sim, é 1.4.

            Vou dar uma olhada no site, realmente é interessantíssimo, pena não ser divulgado pela própria Peugeot….

            • Edson Fernandes

              Nem pela Citroen por um simples motivo: Eles não querem vender peças a parte. Se vc for até o balcão de peças, o cara vai acusar a vc pegar um kit completo para ganharem mais.

              Por isso não é divulgado. Em via de regr, esse site serviria para mecanicos saberem o código de peças. Só que o site é ótimo para o consumidor.

          • Bruno Wendel Marcolino

            Tem o link, pelo google não identifiquei o site correto

            • Edson Fernandes

              Aqui:
              http://public.servicebox.peugeot.com/pages/index.jsp

              Abaixo da pagina tem como selecionar a lingua desejada. Outro ponto, tem um lindo 208 GTI na capa do site atualmente.

              • Bruno Wendel Marcolino

                mas olha só, tanto no 207 como o C3 que você teve tinha o motor 1.4, eu não sei qual motor escolher hehe

                Olha as opções:

                • Edson Fernandes

                  É porque vc não colocou o chassi (VIS) do veiculo. Mas não estranhe porque esse Service é mundial e terá todas as motorizações feitas para o carro. O “nosso” é o 1.4 i 75.

    • Pipo pipo

      Galant V6 é o máximo. Excelente escolha.

      • Bruno Wendel Marcolino

        Galant V6 é um dos meus sonhos para restaurar o dia que tiver condições, hehe.

        Acho um put@ carro e lindo até hoje, desenho atemporal.

        • Pipo pipo

          cara de mau!!!

    • Felippe

      Ah o Galant V6 , esse é um dos meus sonhos, o problema é achar um e ainda mais inteiro kkk

      • Bruno Wendel Marcolino

        Realmente é extremamente difícil, mas eu queria restaurar um.

        • Felippe

          eu tb, queria ter condições de comprar um e restaurar, um amigo da minha mae tem um V6 na cor Azul, o carro ta em estado de zero

          • Bruno Wendel Marcolino

            po, então fica experto se ele vender hehe

            Esse dias vi uma Mitsubishi Diamant SW a venda no WebMotors.
            Raríssimo, mas parecia não estar com suspensão original e nem as rodas originais. Acho que até já vendeu pois não achei o anuncio mais.

            Pra ver como o carro é raro, é difícil até mesmo achar fotos em resolução boa no google imagens, procurando genericamente, só pelo nome do carro. Consegui essa:

            • Felippe

              O cara não vende não man, ele é medico e o carro é como se fosse um filho pra ele kkk, essa SW ai eu nunca tinha ouvido falar, a frente parece a do galant

              • Bruno Wendel Marcolino

                Sim, é da mesma época, porém está acima do Galant, é de porte maior.

  • Victor Hugo

    Excelente! As outras marcas poderiam fazer a mesma coisa. Principalmente as Francesas que perdem mercado por causa da dificuldade de reparação dos carros. Renault, Peugeot e Citroën e por aí vai. Fora os importados da Ford, VW e da própria GM.

    • Bruno Wendel Marcolino

      Sempre quis um Renault Laguna, mas o medo das peças me deixa extremamente distante dessa vontade hehe

      • Marcelo Amorim

        Um dos melhores carros que andei na vida,um V6 ano 99,pqp,que tesao!

        • Bruno Wendel Marcolino

          Vou te dizer que nunca andei por falta de oportunidade, na época era criança e nem ligava nisso, mas hoje eu gostaria de testar um exemplar inteiro.

          alias, vi a venda um Laguna 2004, já num modelo novo, motor V6 também, assim como esse das fotos:

          Lindo carro. Acho que era 35k que estavam pedindo.

          • Victor Hugo

            Eu tenho um grupo do whatsapp do laguna clube. O v6 é uma maravilha, mas como de costume o automático é uma grande bomba. Fuja dele, tem vários co legas que estão gaatando 5 a 6 mil reia para fazer reparo. Só o óleo fica em 900 reais. O meu 2.0 16 v, voa baixo a 210 km/h rapidamente, além de air bag, abs… compensa, mas o manual.

            • Bruno Wendel Marcolino

              Qual o ano do teu?

              O motor tem manutenção “tranquila”? Os mecânicos não passam o facão?? hehehe

          • Pipo pipo

            Tive a oportunidade de andar uns 2.000 km com um xantia 1.8 a gasolina em 2003 por Portugal e Espanha. Nas auto estradas da época andei boa parte a 180 km, excelente estabilidade e conforto. Belo Carro. Imagino que o laguna da época seria parecido.

            • Bruno Wendel Marcolino

              Puxa vida, deve ter sido show de bola. O Xantia era um ótimo carro.

              • Pipo pipo

                A viagem foi realmente show e o carro idem, fiz ida e volta do norte de Portugal ao Sul da Espanha. De Viana do Castelo a Cádiz. Memórias não faltam.

    • Edson Fernandes

      Veja a resposta que eu dei ao Bruno acima.

  • BMAlves83

    Excelente iniciativa, tomara que se torne um sucesso e sirva de exemplo para as outras montadoras também servirem um serviço semelhante. Parabéns a GM!!!

  • Minerius Valioso

    Agora eu posso elogiar a GM do Brasil.

  • Claudio Abreu

    Me parece uma simples operação contra a crise – dar liquidez a um estoque parado.

    • T1000

      com,certeza, mas também faturar mais com reposição, já que as vendas de 0km estão em queda.

    • Edson Fernandes

      Só isso? Tenho certeza que colecionadores vão adorar essa ideia.

      As vezes uma pessoa(como uma acima) que citou ter uma Blazer e, poderá manter sem precisar de adaptações no futuro! Isso faz toda a diferença!

      • Matthew

        Mas não há garantia alguma de que haverá peças em estoque. Só o fato de liberar os códigos e o esquema do carro não significa que haverá disponibilidade destes componentes. Esses dias eu tava vendo um canal no youtube de um sujeito falando sobre os “neo” colecionáveis, carros dos anos 1990 com potencial de se tornarem clássicos. Ele já mostrou o Omega CD 4.1, Vectra e Corsa GSi. E a orientação que ele passa no vídeo é para que se procure por modelos que estejam no melhor estado possível; que é preferível pagar 5 mil reais a mais num carro que esteja impecável do que pegar um mais em conta que tenha algo por fazer, pois o restauro desses carros é um pesadelo. Se considerarmos carros como o Omega 3.0i e o Vectra GSi que têm toda a mecânica importada da Europa é praticamente inviável. Pra não falar em peças de acabamento. Não são como os Fusca que é tudo de lata e meia dúzia de botão e chave de seta compõem o painel do carro. São inúmeras peças plásticas que sofrem a ação do calor e outras intempéries.

        • Edson Fernandes

          Maso que eu pude entender na noticia é que além de gerar uma pagina com códigos de peça, fornece-las tbm. Se não for com o intuito de fornece-las, existem fabricantes que já ofertam tal recurso.

          • Matthew

            Fornecê-las se houver em estoque, o que no caso dos modelos que eu mencionei acho pouco provável que tenha. A GM não voltaria a produzir esses componentes só pra abastecer o mercado de clássicos. É como o pessoal tava falando lá em cima, ou você mesmo disse. Nos EUA tem muita peça de reposição pra carros clássicos, mas além da escala de produção ser muito maior lá do que aqui, a maior parte são réplicas licenciadas pelas fabricantes locais.

            • Edson Fernandes

              Se ao menos for dessa forma aqui já seria interessante (ser replica licenciada)

              Mas ao que parece nem isso seria.

      • Mas isso também pode ser sintomático do nosso caminho rumo à CUBA e VENEZUELA:

        Carro zero tá tão caro, que cada vez mais pessoas vão manter seus usados/ velhos.

        Em 2030 inda vai ter muito corsa 1994 rodando no Brasil!

        • Edson Fernandes

          A diferença que lá, tudo é bem adaptado de carros que sequer tem a ver com o produto. Ele tem uma verdadeira gambiarra. E aqui ainda, conseguimos manutenção para nossos carros.

      • Claudio Abreu

        Claro, Edson, sem dúvida beneficia aos ‘heróis da resistência’ – me incluo nisso… Mas levantei a lebre só pra lembrar que, de bonzinhos, fabricantes têm é muito pouco..

        • Edson Fernandes

          Sem duvida. Todo mundo vai ganhar… mas ao menos isso beneficia quem poderá restaurar ou dar uma manutenção de um “velhinho”.

  • Gian

    Tava gostando até ler “negociação de preço é feita por meio de chat com o vendedor da concessionária escolhida”.

    Lidar com concessionária é foda. É muita sede pelo seu dinheirinho!

  • ####Carlao GTS

    Sem palavras….” rolou até uma lágrima. ..”

  • fbl

    Saudoso corsinha premium 1.4… Excelente carro depois da troca do maldito corpo de borboleta mal feito pela GM.

    • Edson Fernandes

      Ainda admiro o Corsa Premium 1.8. Super raro.

  • fschulz84

    A iniciativa é bem interessante mesmo…

  • Marcio

    Excelente!! Meu Astra 1999 agradece!!

  • Coffinator

    Não sei se a matéria foi mal escrita ou eu que entendi errado, mas eu esperava peças de carros mais antigos no serviço.

  • Mr. Car

    Muito bacana, espetacular como literatura, adoro estas coisas, mas na prática…quero ver o sujeito conseguir as calotas de um Opala Gran Luxo 72, a grade dianteira do mesmo carro, ou o volante em “vinho” de um Chevette SL 78.

  • Minha Opinião

    Parabéns pra GM. Queria que a Honda fizesse o mesmo. Tenho um Civic 2002 sem aquela parte cromada da frente.

  • Augusto Pessoa

    Pessoal, isso é novidade no mercado nacional. Mas caso seja de interesse de vcs pesquisar, verão que essa proposta é padrão nos EUA. Lá os sites das montadoras possuem além do catálogo de peças para manutenção dos usados um cronograma das revisões dos veículos novos ou seminovos com os itens a serem substituídos e os preços tabelados de cada um.

    Aqui no Brasil são poucas as montadoras que disponibilizam esse cronograma e raras as que disponibilizam o catálogo de peças para usados. Mas pq motivo? Creio que nosso comportamento de compra influencie nisto, nos fóruns dos EUA são comuns os relatos de felizes consumidores com seus carros com anos de uso, tô falando de 6, 8, 10 anos de uso. Ao menos foi oq pude notar nos sites da Subaru, Toyota e , pasmem, VW. Tenciono trocar de carro até o final do ano e fui garimpar informações por lá tb. Me deparei com inúmeros sites de associação de consumidores e outros ditos independentes fazendo comparações de carros e cálculos de custo de propriedade e manutenção, o que demonstra a maturidade do mercado. Aqui no Brasil é mais comum encontrar sites divulgando releases da indústria automotiva e fóruns com fanboys degladiando egos ao invés de compartilharem informações objetivas sobre seus autos, o que demonstra nossa imaturidade.

    Bom, essas são minhas reflexões. Espero que elas contribuam para a de cada um de vcs. Sejamos a mudança que desejamos ver no Brasil.

    Abs a todos.

    • Mumm Rá

      Subaru como sempre ” f0dássica ”

      Sempre gostei dela especialmente por causa do Vivio, Outback e o SVX

      Inclusive ela tem como ” conceito ” produzir menos para que se tenha um controle maior sobre sua qualidade ( pelo que li em alguns sites )

  • Ricardo

    Muito legal isso! Mas com certeza os preços devem ser absurdos!

    • Alexandre

      infelizmente são bem caros, COROA E PINHÃO quase 6 mil reais. mas gostei das informações, com elas consegui montar com mais facilidade o sistema de ar condicionado do meu comodoro.

  • Ediomar

    Opa.mais um motivo pra continuar com meu Vectra B 2003.alem do mercadolivre e autopeças independentes,agora temos mais essa opção para quem quer preservar o seu GM das décadas passadas,pode ser que alguma peça não se ache mais,mas com certeza vai ajudar a maioria das pessoas que optam por peças genuinas.

  • Cássio Amaral

    Muito bacana. A Fiat também tem algo similar, mas não dá pra comprar peças. Seria legal se todas as montadoras tivessem uma plataforma similar.

  • GPE

    Massa!

  • Pipo pipo

    ótima notícia.
    Uma sugestão:
    Que tal uma lista com todos os fabricantes nacionais ou importados que prestem tal serviço?
    Para usuários que como eu dominam + ou – a internet e ferramentas de busca. Seria de grande valia. Talvez eu comprasse um Volvo ou Bmw se soubesse onde achar tais peças. Por enquanto me assusto com a possibilidade de um reparo inesperado que provavelmente teria custos impensáveis por conta da minha ignorância no assunto. Abraço a todos.

  • pedro rt

    tomei o maior susto qdo vi a foto… pensava q o corsa tinha voltado a ser produzido

  • Oliveira17

    Iniciativa louvável.

  • Gabriel Boscatto

    To digitando com os pés porque com as mãos eu to aplaudindo

  • L641

    Melhor notícia!!! Já era a marca que eu preferia, agora só reforçou minha confiança.

  • Autofahrer!

    Agora sim dará para restaurar o Chevettinho 74. Muito bom!