Governamental/Legal Segurança Trânsito

Goiás: 1.384 multas por farol baixo desligado no fim de semana

lei-farol-baixo-estrada

O primeiro fim de semana da lei que obriga os condutores a utilizar faróis de facho baixo acesos nas estradas durante o dia gerou um total de 1.384 multas só no estado de Goiás.

Esse volume de autuações foi registrado apenas pela Polícia Rodoviária Federal. Em vigor desde sexta-feira (8), a nova lei ainda confunde motoristas, de acordo com a PRF.

Muitos ainda acendem faroletes, lanternas, faróis de neblina ou de milha no lugar do farol baixo. A PRF alerta que os condutores atendam à legislação não para evitar multas, mas para aumentar a segurança.

Para termos uma ideia do que representou Goiás em âmbito nacional, a PRF divulgou que ao menos 3 mil condutores foram multados por não utilizarem farol baixo nas rodovias federais e todo o país no fim de semana.

Ainda assim, a PRF diz que devido ao prazo de registro de multas no sistema, não pode dizer ao certo quantas autuações foram aplicadas em todo o país, mas divulga que Goiás, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina foram os que mais registraram ocorrências.

A PRF esclarece que os policiais têm cinco dias para registrar as multas no sistema e que pode haver cancelamento, alteração ou substituição do auto de infração, considerada média e com quatro pontos na CNH. A multa é de R$ 85,13.

[Fonte: A Redação/Folha]





  • TiagoSSA

    É agora que o governo vai cobrir o rombo nas contas públicas. Acho desnecessário tal medida desde que o tempo climático colabore….tipo, sem chuva e sem nevoeiro.

    • Mr. Car

      Mesmo com o tempo colaborando, é notório o aumento da percepção de um carro vindo em nossa direção, quando vem com as luzes baixas acesas.

      • Khusller

        Sem dúvidas. E ainda tem gente que nem mesmo em chuva e/ou neblina usam os faróis.

        • Lukoh

          Tem gente que nem a noite liga o farol…. principalmente esses carros com painel digital (ex: novos C3 e honda Fit)

          • Augusto

            Quando comprei Civic 8, andei com os faróis desligados por quase uma semana (andando na cidade). O negócio engana mesmo!

            • Audi a5

              Não entendo isso: falta total de percepção. Não consegue diferenciar o seu campo de visão com ou sem farol? Não percebe ao parar no trânsito que seu farol esta apagado, pois não reflete no carro da frente? Que isso? Em que mundo vc esta?

              • Augusto

                Geralmente onde eu andava era muito iluminado, não fazia muita diferença, depois me acostumei a andar com os faróis sempre ligados.

                • Charlis

                  Augusto, tem pessoas que tem dificuldade em utilizar a “empatia”.
                  Eu também passei por essa experiencia com o New Civic (2007).
                  Ele acendia tão forte o painel, que andar dentro das cidades iluminadas, era a coisa mais comum esquecer os faróis apagados, principalmente que eu era novato no volante (2, ou 3 anos de CNH).
                  E foram meses para descobrir o botãozinho (no lado esquerdo do painel), que apagava o painel a noite, para facilitar a visibilidade nas pistas, pois atrapalhava muito aquela iluminação toda.

                  • Jackson

                    Poucos são os que lêem o manual do proprietário.

                    • Charlis

                      Isso eu concordo com você.
                      Eu sou um deles.
                      Só leio, quando preciso de alguma coisa, exceto a parte de manutenção, na verdade, este item eu já leio antes de comprar o carro.
                      Agora, isso nada tem relação, o lance de esquecer o farol apagado nos carros com paineis digitais acesos a noite.
                      Não precisa ler o manual para saber isso.
                      Não deixa de ser um p* de um erro, mas, não podemos crucificar alguém por este esquecimento, pois quando estes paineis eram novidades, realmente era comum este erro.
                      []s

          • zekinha71

            Os Hondas são campeões de andarem apagados.

            • Rodrigo

              Atualmente vejo muito (muito mesmo) carros com faróis DRL rodando a noite somente com eles, daí a traseira fica completamente apagada.
              Exemplos: C3 novo, 208 / 2008 e Evoque.
              Detalhe: 90% dos casos são mulheres dirigindo (mera coincidência estatística). Outro detalhe é que os 3 últimos citados possuem faróis com acendimento automático e nem para deixá-los ligados a pessoa presta.

        • Igor Lima

          E tem uns que até mesmo a noite… e vão lá com a luz interna acesa ou pisca alerta ligado… sem qualquer tipo de iluminação dianteira ou traseira.

          • Pacheco

            Nada pior que alguem ligar o pisca-alerta na neblina.

            • Tem! Os donos de Peugeot que ligam a lanterna de neblina sem neblina. Ok, fui um dos otários que fazia isso quando tinha a Escapade, até ficar atrás de outro Peugeot e ver o quanto deixar o carro “bonito” atrapalhava os outros.

              • Pacheco

                A Peugeot 206 ainda é no parachoque. E o Stilo que tem dois do lado da placa e parece que tem uma viatura na sua frente?

                Nesses casos eu gosto de ligar o Alto e ficar na linha do retrovisor do cara até ele se tocar.

              • Rodrigo

                Eu adorava cegar motorista que grudava na traseira quando tinha um Fiat Tipo. O mais legal era que as lanternas de neblina acendiam ao par, numa posição que confundia com a luz de freio, a pessoa freava na hora, kkkk.
                A única parte boa daquele carro.

                • Nossa… Eu adorava meu Peugeot! Aquele motor 1.6 é um dos melhores motores que já dirigi. O carro tinha qualidade de montagem chinesa, mas nunca fiquei na mão por isso

                  • DougSampaNA

                    Ale, dá uma voltinha num Hb1.6, vai matar saudade..

                    • Ah, mas já andei. E quer saber? Até o 1.0 é surpreendente. E uma coisa que eu falo e ninguém acredita do motor 1.6 da Peugeot. Eu não conseguia fazer menos de dois dígitos de consumo… No álcool.

                • Pacheco

                  Qndo encontro alguem assim, eu já ando com o farol alto acesso e colocando sempre numa posição que pegue o retrovisor. Se a pessoa coloca a mão pra cobrir, vou pro outro lado. Até se tocar. KKKKK

                  • Rodrigo

                    Quando eu tive um carro com xenão não original (sim, me julgue), eu fazia isso também. É praticamente uma radiografia nos olhos do caboclo, hehehe.

                    • Pacheco

                      Qndo eu tinha a Cherokee, eu tinha dois faróis de milha por trás da grade. Aquele ficava na altura ideal para cozinhar a retina do caboclo.

              • Rafael

                Rapaz, aquele do peugeot parece com as de um fórmula 1, cega a pessoa facilmente. Kkk
                Há uns 4 anos, cheguei a usar no Agile tbm, so que, como era dentro da lanterna, as pessoas o tempo todo me alertavam que tinha uma lâmpada queimada, pois era só do lado esquerdo.
                Além do peugeot, outro que é irritante é o Cruze sedan, são nas duas lanternas e ficam bem na altura dos olhos.

            • Brasileiro

              E tem muito gente que anda com a lanterna traseira de neblina (aquela bem forte) na cidade ou na estrada quase cegando quem vai atras.

              • Pacheco

                Resolve ligando o Alto e colocando na cara do cidadão.
                Também costumo parar do lado e avisar.

      • CharlesAle

        Pois é.Agora, que tal eles proporem uma lei que é proibido ter estradas esburacadas ou em mau estado..Sob pena de multas severas!! Opa, ai não pode…

        • Pacheco

          Pois é… usar os órgãos para fiscalizar a condição das rodovias não tem.

          • DougSampaNA

            MAS a BURAQUEIRA em todos os lugares anda absurda..tá demais o descaso, nem em ano de eleições estes pulhas não trabalham direito, o Brasil está com uma praga assassina exterminadora de bons administradores públicos.

            • Pacheco

              Sim. SP mesmo está parecendo o solo lunar.

      • Zé Mundico

        Concordo. O problema é que temos a mania de achar desculpa para tudo, até para não fazer o que é certo. E ainda achamos que tudo na vida se resume a escapar da multa, como se a segurança no transito fosse uma coisa secundária e o importante fosse não levar multa.

      • Robinho

        Concordo!

      • Antonio Pacheco

        O que eu mais gostei dessa lei é justamente isso, o aumento da segurança. Tem estrada que no nascer ou por do sol, a claridade fica na cara ou atrás do veículo. Com faróis acesos, ajuda bastante a visibilidade. Sem falar no pessoal que insistia em andar com farol apagado ou apenas lanterna em dias de chuva. A diferença de visibilidade é enorme, vale a pena.

      • sepchampions

        Já eu achei ínfima. Tenho que pegar a estrada umas 17h pra ver a diferença

      • Victor Hugo

        A maioria do pessoal que está falando mal da lei, anda na maior parte em rodovia duplicada, tipo bandeirantes, washington luiz, anhanguera… Quem anda em rodovias de pista única, sabe o quanto é importante o farol aceso. Principalmente em locais que a vegetação causa sombra na rodovia. Você andando contra o sol lá pelas 18 horas, e a pista estiver um pouco escurecida, com sombras dos morros na lateral da pista, ou com muitas árvores, é muito difícil de visualizar um carro preto vindo em sua direção, principalmente em ultrapassagens. Sempre usei o farol ligado, principalmente nas rodovias de MG. Isso ajuda muito!!! Parabéns para quem formulou a lei. E pra quem não sabe o que é farol baixo (e liga a lanterna) volte para o CFC e aprenda as diferenças.

    • Tripé

      Seria mais interessante as autoridades obrigarem as montadoras a equipar seus carros de fábricas com luzes diurnas de led. Pena que não vai ocorrer porque o objetivo da medida é arrecadar.

      • Pacheco

        Exatamente. Obrigar as luzes diurnas e o acendimento automático dos faróis. Seria muito melhor.

    • vicegag

      A prefeitura de São Paulo fazendo escola, de como arrecadar.

    • Pedro Rocha

      Desde o começo a obrigatoriedade, vi pontos positivos e até negativos nessa regra. Durante o mês de junho, das 16h em diante, a melhoria na visualização dos veículos foi bastante positiva. Outra vantagem que percebo é nas ultrapassagens nas retas, pois com o farol acesso consegue-se discernir ao longe se um veículo está fazendo uma ultrapassagem (permitindo que façamos o mesmo) ou vindo em sua direção.
      Quanto à visibilidade em dias e estradas típicas de um país tropical – com sol e muitas curvas – não vi vantagem prática nessa regra. Já o ponto negativo fica por conta das lanternas traseiras, que anulam bastante o efeito chamativo da luz de freio durante o dia, principalmente nos caminhões (deve ser por isso que o DRL não as acende).

    • sepchampions

      Esse final de semana eu peguei um trecho de rodovia as 14h, tempo limpo, só fazia diferença o farol acesso quando passavam pelas lombadas e elevavam a frente do carro. Não consigo entender a justificativa que o Congressista disse que em muitos acidentes as pessoas não viram o outro carro.

      • Mr. On The Road 77

        $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

  • ALVIN_1982

    Acho que no primeiro mês deveria ter apenas uma orientação nacional, panfletagem e quando parado, ser instruido pelo agente que flagrar com faróis apagados, e depois desse alerta que seria registrado no sistema, se o motorista for pego nas outras vezes, aí sim poderia aplicar a multa, até porque, mesmo que tenha tido avisos em mídias, quase todos os motoristas não tiveram essa orientação em auto-escolas, ou quando renovou a CNH não receberam e nem recebem as novas leis de trânsito. Mas como estamos no Brasil, isso nunca vai funcionar. Um governo sério, jamais deixaria isso acontecer. Outra coisa, nesse caso, acho que todos deveriam recorrer por presunção da inoscência, visto que não podem comprovar que o motorista foi informado da mudança da lei.

    • G.Alonso

      Mas, a lei foi aprovada e amplamente divulgada no mês passado em diversas mídias, e, os policiais foram encarregados de avisar aos motoristas que trafegavam nas rodovias com o farol baixo desligado. Esse é o primeiro mês que a lei está valendo, mas, ela já é de conhecimento da população mesmo antes de ser aprovada. O que falta é boa vontade e o que sobra é gente reclamando de ter que lembrar. E, como o texto afirma, são muitas ocorrências, mas, para virar multa e chegar ao motorista infrator o policial tem que cadastrar, pode ser que a maioria não seja cadastrada, mas, nas próximas…

      • MMM

        Exatamente. Todos os painéis da Anchieta estão com essa mensagem e mesmo assim a maioria dos carros de faróis apagados.

        • zekinha71

          Não prestam atenção na sinalização, se estiver com a mensagem: buraco gigantesco a frente, estrada interrompida, o cara vai lá e cai com tudo.

          • Angelo_RSF

            “PRECIPÍCIO À FRENTE!!!!” – Já pensou o estrago? rsrsrsrsr

            • Rodrigo

              Eu ia adorar. A natureza selecionando os mais fortes / espertos / atentos.
              Tenho dó de gente estúpida não… #muitofranco

        • Christian Balzano

          Cara, a realidade do Brasil não é Anchieta e nem Anhanguera que tem luminosos e boa sinalização. A notícia fala de Goiás, já andou pelas estradas de Goiás? Pois bem. Não tem nem acostamento, quanto mais sinalização avisando da nova lei.

          • MMM

            Eu sei que não é e nem falei isso. O que quero dizer é que se nem na Anchieta que está sinalizada as pessoas acendem os faróis, imagine aonde não está.

      • Louis

        E mesmo que o cara fosse um acéfalo que não lê notícias, não assiste jornais, será que não percebe que todo mundo ao redor está andando com faróis acesos ? Se o cara não percebe isso, nem merecia estar dirigindo.

    • Zé Mundico

      Na boa, mas se o motorista tiver que ser parado pela autoridade para ser “avisado” que tem que usar luz baixa…aí a coisa nunca vai pegar.
      Já foi divulgado em jornal, televisão, internet, site de carro,mesa de bar,etc.etc…….Acho que não tem mais desculpa para dizer que “não sabia”…rsrsrsrsr

    • Matafuego

      Mas houve. 45 dias entre a promulgação da lei e sua validade.

    • Mas convenhamos que essa lei foi notícia no fantástico, jornal nacional, rede record e vi na capa de muitos jornais aqui no RS. Fora que internet todos os sites de notícias divulgaram. Ou seja , só se alguém vive em Marte por não saber da lei. Isso é o mesmo que levar multa por não usar cinto de segurança ou falar ao celular emquanto dirige. Todo motorista sabe que pode levar multa.

  • cezar

    ridiculo!!!! assalto disfarçado!!!

    • G.Alonso

      Procure os benefícios que trás trafegar com os faróis baixos acesos e depois tire suas conclusões sobre esse “assalto”. Isso na Europa é obrigatório a ter no veículo, chamado luz diurna, e, no Golf alemão (não sei se o mexicano e brasileiro são assim), por exemplo, já vem programado para acender as luzes diurnas quando o motorista liga o motor.

      • Caio

        Nao seria melhor investie num melhor preparo dos motoristas? ( melhorar as pessimas auto-escolas) Investir em sinalização? Fiscalizar e punir ( com rigor ) os motoristas que cometem infrações graves e gravíssimas? Melhorar a qualidade do nosso asfalto? Procurar duplicar as brs? Tem tanta coisa a ser feita, mas o desgoverno SEMPRE busca uma medida ” eficaz ” ( a curto prazo) e que vai lhe render alguns $$$

        • Pacheco

          Isso também deveria ser feito. Mas não tira a necessidade de andar com farol acesso durante o dia.

        • zekinha71

          Como investir nos motoristas, sendo que quando vão tirar CNH a primeira coisa que querem saber se tem quebra, pra não reprovar.
          Ou seja nem se preocupam em estudar a legislação, só querem tirar a carta o mais rápido possível.

        • G.Alonso

          Se esse medida não fosse tão eficaz, os EUA e Europa não teriam como obrigatório uso de luz diurna. Brasileiro só reclama mesmo quando é obrigado a fazer algo que não lhe convém e ainda lhe tira dinheiro caso não seja feito ou seja feito errado. No caso das Auto-Escolas, muitas são muito boas, outras regulares, algumas nem se comenta, mas, o livro todo mundo compra, estuda aquele que tem em mente que vai entrar no trânsito e que isso é sinal de muito perigo. Muitos pegam a apostila e lêem somente para passar na prova, depois esquecem até onde deixou ela. Dizer que a educação está ruim, todos dizem, mas, ninguém percebe que a falta de interesse vem de quem tem que estudar, alguns se salvam e se esforçam muito, e mesmo assim acabam sendo chamados de bobo pelos que querem facilidade para tudo, até nos estudos. Investir em sinalização eu não posso reclamar, minha cidade é muito bem sinalizada, sempre estão reformando algumas sinalizações, agora tem algumas novas que mudou até a cara da cidade. Mas, infelizmente vivemos nas mãos de gente corrupta, gente que quer dinheiro fácil, gente que não liga para os que votaram e confiaram o voto, os políticos em sua grande maioria quer que o povo se lasque, quem paga ? Infelizmente, somos nós, o povo, pagando caro para viver, e tendo uma volta negativa dos altos impostos.

      • JCosta

        Você tocou num ponto interessante, o Golf já vem programado. Mas e o sistema elétrico dos carros que não têm a previsão de estar com as luzes ligadas o tempo todo?

        • G.Alonso

          O sistema elétrico não é afetado em nada, a não ser que você esqueça as luzes acesas depois de desligar e sair do carro, daí a bateria não vai ter força para nada. As luzes acesas de dia já é recomendado em lei a muito tempo, então, os carros já devem vir projetados para isso também.

  • Leo

    Acho a lei bastante válida. Mas o Estado também tem de fazer a parte dele. Sinalização é a ação

    • G.Alonso

      Acredito que nas sinalizações por painel de LED esteja aparecendo algo parecido, avisando que é obrigatório nas estradas, ainda não vi, mas, pode ser que esteja.

      • zekinha71

        Na Ayrton Senna/Carvalho Pinto no sábado os painéis avisavam, e tinha um monte de motorista que não acenderam as luzes.
        Ou seja não ligam pra lei e muito menos prestam atenção na sinalização da estrada.

        • G.Alonso

          É o que eu iria dizer, brasileiros não estão aí nem para sinalização que está ali na frente, vai saber de lei? Infelizmente o Brasil está como está por culpa dos brasileiros, em sua maioria.

    • Alexandre Maciel

      Ia responder exatamente isso. Não custa nada para o Estado colocar uma placa grande dizendo que a partir de tal ponto o uso do farol baixo é obrigatório. Se houvesse interesse em zelar pela vida do cidadão fariam isso. Mas, honestamente, a segurança pode até ser um fim visado pela norma, só que meramente secundário. Essa é a grande verdade de qualquer previsão de conduta que pode gerar arrecadação nesta colônia.

    • Pacheco

      Deveria colocar como obrigatório as luzes diurnas e acendimento automático dos faróis.

    • Vattt

      Em alguns lugares, nem indicação de radares eletrônicos existem, imagina uma placa com uma mensagem dessas!! Quanto mais o governo puder arrecadar melhor pra eles apenas!!!

  • João Carlos

    O único país do mundo que obriga farol baixo de dia. A ignorância é tanta que fizeram a lei sem saber que já existe luz diurna há décadas. Um lugar que chama farol de neblina de “milha” e a usa no lugar dos baixos à noite para o carro ficar “lindão”, mas nunca ninguém foi multado por isso. Que acha que luz diurna são só as de LED. Dá até desgosto conviver com gente tão sem cultura assim.

    • zekinha71

      Pelo jeito vc nunca foi pra Argentina e Uruguai, ou vários países da europa.
      Nesse lugares já é obrigatório faz anos.

      • João Carlos

        Luz diurna, não farol baixo. Mais um que comprova o que disse acima.

    • Zé Mundico

      Muito pelo contrário, na maioria dos países da Europa e EUA o uso de farol nas rodovias é obrigatório. Em muitos lugares, até mesmo em estradas rurais é obrigatório para melhor visualização do automóvel.

      • João Carlos

        Luz de uso diurno, não farol baixo. Mais um que comprova o que disse acima.

      • Popdogue

        Nos EUA não é obrigatório, é só uma recomendação para usar. Em alguns paises europeus como os nórdicos sim são obrigatórios os faróis baixos pq tem muita neblina por lá.

    • GuiCastro

      Luz de uso diurno OU farol baixo. Pode ser qualquer um. Dirigi por um tempo na Rep. Tcheca e lá todo mundo anda com o farol ligado durante o dia e mesmo sob Sol forte, mesmo dentro das cidades.

      • João Carlos

        A luz diurna pode ser qualquer tipo de lâmpada: fileira de LEDs; lâmpada tipo W de filamento duplo ( 21/5 W) que faz função de luz de posição também (Duster, Fiat 500); ou pela própria lâmpada halógena do farol baixo, mas com menor tensão (10 V) para ficar mais fraca.

      • Jackson

        O mesmo em um ensolarado país chamado Israel. Todo mundo liga o farol baixo.

  • Caio

    Por que nao melhorar as sinalizações? Melhorar o ensino nas auto-escolas? Melhorar a pavimentação das ruas? Fiscalizar e punir ( com rigor ) os motoristas que forem reincidentes em infrações gravissimas? Duplicarem as brs? Tem TANTA coisa mais urgente a ser feita, mas nao, os nossos ” queridos ” governantes sempre vão pelo caminho que será pouco eficaz e mais lucrativo.

    Ta na hora de fazer alguma coisa gente, sério, algo tem que ser feito.

    Ps; Eu apoio queimar corrupto em praça publica

    • Eduardo Campos

      Apologia à tortura e a homicídio…

      Certamente tem bom senso pra opinar em legislação mesmo.

      • Caio

        Com esses políticos corruptos brasileiros? Eu acho é pouco, respeito sua opinião, alias, melhor eu nem opinar nessa questão mesmo, braZil não é para mim, quem se importa que se preocupe, abraço.

  • Alexandre Maciel

    Previsível. Agora a missão primordial dos agentes será ficar parados às margens das rodovias pegando placa de desavisados. Quando não foi assim?

    • MauroRF

      E para aproveitar a máxima “produtividade” do funcionário, obrigam-no a instalar e escoltar um radar móvel com limite esdrúxulo de velocidade, igual aos 50 km/h do Raddard em SP.

  • Felipe

    Festa da arrecadação!
    Mas também fala sério… Se a lei fala em farol baixo por que é que o sujeito liga lanternas, faróis de neblina/milha, faroletes, DLR então?… Farol baixo é farol baixo e se o cidadão que está atrás de um volante guiando um veículo não sabe diferenciar uma coisa da outra, tá pedindo pra tomar multa mesmo! Ah vá…
    Pedras!

    • Pacheco

      Por que tem gente que nem sabe o que é o que no carro.

      Tenho um exemplo disso em casa. Minha mãe não sabe regular o banco do carro, o volante, pra que serve o conta giros, o uso dos faróis. Mas é habilitada a 20 anos. Passou na prova e até hoje somente conduz o carro.
      Confesso que sempre que preciso andar com ela, eu vou dirigindo.

      • Hahaha… Lembrei da minha irmã. Tudo bem que o relevo e a alavanca do Palio dela não ajudavam, mas ela mudando de marcha mais que o Senna em Mônaco… Ai não aguentei: “Para o carro. Deixa ligado. Sabe para que serve aquele relógio do lado do Velocímetro?” -“Não”. -“É o conta giros´, que marca a rotação do motor. Ele precisa rodar para gerar força. Está vendo que o carro está parado, o que ele está marcando?” -“Está no Um”. -“Então, essa é a rotação dele parado com o carro ligado, chamamos de marcha lenta. Mas você está dirigindo usando a rotação de marcha lenta, que serve basicamente para manter o carro ligado e gastando pouco.”

        • Pacheco

          Minha mãe está em terceira marcha depois de uns 10 metros… mal sai do semáforo e já coloca segunda, andou mais 2 metros e poe terceira. Ai esquece… pode subir ou descer a velocidade e não muda.

          Por isso que a alguns anos meu pai só compra carro automático pra ela.

  • Henrique Rodrigues

    Ta aí ó Lei apenas para arrecadação…infelizmente é o que se ve neste país…só no estado de góias em 1 final de semana (1384×85,13)=R$ 117820 pro bolso do governo e saindo da mão do trabalhador que vai ter que cortar em algum lugar pra pagar a multa…

    Haa claro mas a medida é para salvar vidas né….

    • Pacheco

      Acende o farol que você não leva a multa.

    • zekinha71

      E aqueles que mesmo de noite não acendem luz nenhuma, não estão incentivando a arrecadação?
      Que medo de virar um botão no painel do carro.

    • Zé Mundico

      A medida é para salvar vidas, sim. Quem não quiser usar, paga multa.

    • Vattt

      Salvar a vida política como sempre!!! Por que se um cidadão cai num buraco da rua, morre e quem sabe os netos recebem alguma idenização.

  • Augusto

    Já acho que deviam obrigar todos os carros novos vir com DRL/LED obrigatórios de fábrica.

    • Pacheco

      E o acendimento automático dos faróis. Assim ninguém esquece de ligar a noite tbm.

      • RafaCtba

        É verdade. Tem muita gente rodando apenas com os LED´s diurnos a noite e esquecendo de ligar os faróis principais, enquanto as lanternas ficam totalmente apagadas a noite.

        • Pacheco

          O grande problema são as lanternas traseiras apagadas. Corre o risco de um grave acidente.

          Por isso sou a favor do acendimento automático obrigatório.

          • RafaCtba

            Poderia ser automático também em dias de chuva ou forte neblina. Muita gente não utiliza os faróis nestas situações, aumentando o risco de acidentes.

            • Pacheco

              A Captiva acendia os faróis qndo vc ligava os limpadores do para-brisa. E o sensor era bem sensível, até em dia nublado andava aceso.

    • Lyn

      Se estivessem realmente preocupados com a segurança é o que fariam. Mas o objetivo é arrecadar então…

  • Lucas086

    Acho a lei válida, mas acho que rodovias que passam por cidades, que já possuem características urbanas, pista dupla, canteiro central, não deveria ser obrigatório. Agora, rodovias com acesso a saída das cidades, rodovias pista simples, acho de grande necessário. O que devia investir, era em sinalização, passarelas…

  • Ezequiel Favero Pires

    Aqui no RS foram mais de duas mil multas… e o comando rodoviário estadual diz que não vai considerar os LED’s porque não está na lei…

  • Leonel

    O triste das multas no país é o mesmo com os impostos, você não vê retorno algum. Não se vê aumento de fiscalização para prevenir acidentes, ações educativas constantes, melhoria nas sinalizações, estradas/rodovias e afins. Talvez eu esteja sendo inocente se disser que 10% dos impostos e multas retornam realmente como benefícios aos brasileiros. Triste realidade.

  • RafaCtba

    Lei polêmica. Ainda vai gerar muita discussão. Não sei se vai durar muito tempo. É o mesmo caso da obrigatoriedade do extintor de incêndio “ABC”, que custava horrores e no final das contas acabou em pizza.

    • Mas qual a polêmica?

    • Zé Mundico

      Acho que não tem polêmica nenhuma. O uso do farol baixo serve para o seu carro ser visualizado pelos outros motoristas ou pedestres mesmo a longa distancia. Quase todos países do mundo exigem o uso nas rodovias, não vejo nada de mais nisso.

      • RafaCtba

        Bom , não crítico o uso dos faróis e sim a favor do uso. O que comentei é a respeito de muita gente ter comentado que não concorda com a utilização do acessório. Se em outras países funciona, porque aqui no Brasil não funcionaria? Sempre é bom seguir o que funciona e ajudar a salvar vidas.

  • Vattt

    Pra que serve tanta multa??? Pra arrecadar e o dinheiro sumir com a corrupção!!! Esse políciais deveriam fazer educação em campo, com mais blitz educacionais antes de aplicar a multa, mas não preferem na surdina punir o cidadão desatento!!! Depois não reclamem. VERGONHA DOS MISERÁVEIS QUE APROVAM LEIS SEM EDUCAR PRIMEIRO.

    • Zé Mundico

      Na boa, mas educação quem deve ter é o motorista. Polícia não tem função de ficar parando motorista no meio da rua para “ensinar” e “conscientizar” a pessoa a cumprir a lei. Quem tem carteira fez auto-escola e aprendeu que deve cumprir a lei e as regras do transito. Fora disso é só embromação e desculpa sem noção.

      • Vattt

        Você aprendeu né, deve tá na aula pra tirar a carteira!!! Não digo por mim, digo por muitos que não tem acesso a informação com eu ou você!!!
        O problema da sociedade brasileira tá nisso, quando eu questionei essa causa não pensei em mim, mas em muitos que que não assistiram essa aula no curso de legistação do trânsito que você assistiu (eu não tive aula disso na minha renovação em 2014). Pessoas de idade mais avançada não assimilam a informação como os jovens. Ha ums 2 meses atras essa lei não existia e derrepente chega gerando lucro pra quem???
        Pare de pensar só em “eu e meus” pense “nós e todos”.
        E polícia deve ter essa educação de educar sim!! Afinal eles conhecem mais as leis que você e não custa nada repassar ao cidadão para acatar uma nova lei que eu acho correta de ser imposta.

        • Zé Mundico

          Não precisa fazer mestrado em legislação de transito para saber de uma coisa básica dessas, né? E se a gente for arranjar desculpa para fazer o que é certo, ..a gente acaba fazendo o que é errado.

          • Vattt

            Não discordo da lei, sou extremamente a favor, afinal, em rodovias até meu pai assendia na década de oitenta por recomendação da empresa que ele trabalhava e fui educado para isso.
            O problema é que a dois meses atrás não era errado! e não acho justo, afinal a intensão disso é de arrecadação e corrupção apenas!!!

        • Jackson

          Muitos não querem saber em aprender a pescar, só querem esperar que alguém lhes dê o peixe.

      • Christian Balzano

        Pensamento limitado amigo. O Brasil tem uma policia militarizada com herança dos piores tempos da ditadura em que seu dever é apenas trabalhar pelo estado, uma atitude coerciva, ou seja, que obriga ou sujeita pela intimidação, pela força ou pela violência ou que impõe pena (dicionário).

        A policia em países civilizados vai além de punir, ela educa, ela é parceria da sociedade, trabalha pelo coletivo, trabalha com a conscientização. E existe essa possibilidade dentro do nosso país, apenas ver alguns trabalhos do exercito no combate a dengue ou em desastres naturais, com seu raciocínio o exercito só deveria entrar em guerra.

        • Zé Mundico

          Cara, esse papo de ditadura já deu no meio da canela…kkkkkkkkkkkkk

          • Christian Balzano

            Eu entendo que é dificil pra voce entender sobre a sociedade. Imagina pro tiozinho entender sobre o farol baixo.

    • Jackson

      Infelizmente grande parte da população não quer saber de educação, somente sentindo no bolso aprendem, isso alguns, porque outros nem pagando multa aprendem.

  • Marco Antônio

    E como eles provam que eu estava de farol desligado? Eles só anotam aplaca e pronto, vale confiar na palavra dos agentes de transito?

    • Vattt

      Já recebi um multa por passar em sinal vermelho, mas o que ocorreu no dia, foi que tinha um acidente no cruzamento e o policial mandava todos cruzar e o radar me pegou e nem a velocidade foi descrita na multa que acho estra abaixo dos 20km. Como a multa chegou fora do prazo de 30 dias a minha mão por eu me encotrar em outra cidade, tive de pagar sem direito a recorrer segundo eles.

      • Marco Antônio

        cara que absurdo. Por isso falo, existem certas leis que só podem terem sido feitas com a veemente intenção de sacanear a população.! Não tem base.! Esse país é uma piada.!

      • Rodrigo

        E eu já tomei multa dizendo que havia mudado de faixa sem dar seta (sendo que notadamente dou seta até pra entrar na garagem da minha casa :) )
        É a nossa palavra contra a “deles”, com o agravante que a “deles” tem fé pública (portanto, sem contestação).

      • Se a multa chega depois do prazo de 30 dias ela é inválida!

        • Vattt

          Não sabia desse detalhe, mas também não tinha certeza, porque meu carro estava no endereço da residencia dos meus pais e eles vão muito pouco nessa casa de alguns anos pra cá!!! Dai fiquei com o preju, e não me disseram isso, apenas que eu tinha de pagar pra depois tentar recorrer. Mas você diz 30 dias depois do ocorrido ou 30 dias da correspondência???

          • Olha só o que diz o código:

            “Art. 281. A autoridade de trânsito, na esfera da competência estabelecida neste Código e dentro de sua circunscrição, julgará a consistência do auto de infração e aplicará a penalidade cabível.

            Parágrafo único.O auto de infração será arquivado e seu registro julgado insubsistente:

            I – se considerado inconsistente ou irregular;

            II – se, no prazo máximo de trinta dias, não for expedida a notificação da autuação. (Redação dada pela Lei nº 9.602, de 1998) (grifamos)”

            O órgão executivo de trânsito possui o prazo de 30 dias, contados da data do cometimento da infração, para entregar a notificação da autuação ao infrator, e não para entregá-la na empresa responsável por seu envio.

            • Vattt

              Mês passado chegou uma multa do Rio de Janeiro pra minha empresa na Paraíba! Mas o departamento de transito do RJ não se deu ao trabalho de conferir a foto com a descrição da placa. Onde na foto tem um Toyota Etios mas a placa e adescrição da multa é para um caminhão que pertence a minha empresa. Fizemos o precedimento descrito acima para contestação e enviamos. Obviamente trata-se de um carro de passeio com placa fria pois meu caminhão tem placa vermelha e só circula entre PE e PB. E o Rio deve tá apelando por dinheiro pra essa “olimpiáda”. https://uploads.disquscdn.com/images/9f36274f44bc63bcb9a544cfac02bd93a450034b0169f0977b74005849fd4a87.jpg

  • Rodrigo

    Como já havia mencionado em outro tópico, acho super válida a resolução.
    Só não acho justo o fato de a polícia não precisar para o motorista para lavrar a autuação.
    Quem garante que os faróis estavam realmente desligados se o motorista não for parado para assinar a autuação? Estão invertendo o ônus da prova e não acho isso certo.

    • Marco Antônio

      isso é o mais ridículo dessa lei.!

      • Rodrigo

        Daqui há pouco entra algum promotor, procurador ou OAB da vida pedindo anulação da medida.
        Igual foi com o lance dos extintores.
        Olha, o que mais me revolta nesse país são “legisladores” que ganham uma baita $$$ mas são tão tapados que nem um estagiário do 3o ano de direito redigiria leis tão mal. Isso porque nem é 1 pessoa só, é uma equipe! E não estou falando dessa resolução especificamente, mas é geral…

        • Marco Antônio

          Sim sim. Essa leis que saem lá do puteiro, ops, digo, congresso estão cada vez mais ridículas. Essa agora da multa sem provas está demais.

    • Mas se o motorista fosse parado com o farol desligado seria a mesma situação. era só o motorista ligar na ora e seria a palavra do policial contra o do motorista.

      • Rodrigo

        Não, não é. Ele até poderia contra argumentar, mas uma vez flagrado não tem como dizer que não estava. Até porque na maioria das vezes a autoridade não está sozinha, seriam a “palavra” de no mínimo 2.
        Além do que, o objetivo de parar o condutor e “dar o sermão” antes de lavrar a autuação, também tem seu papel pedagógico. Garanto que a pessoa aprende e passa a não fazer mais.

  • Fernanda Tavares

    o que vai ter de gente esquecendo o farol aceso,dps que estacionar o carro.

    • Zé Mundico

      O s carros mais modernos já tem um aviso sonoro para avisar que o farol está ligado.

      • Louis

        Nem precisa ser tão moderno assim, meus 4 últimos carros têm este recurso, carros com mais de 10 anos, e até popular como um Corsa joy 2005.
        Mas o ideal seria acender o farol automaticamente ao ligar, ou DRL mesmo.

    • Rodrigo

      Com o carro estacionado eu não digo, mas estou vendo direto gente com os faróis acesos rodando também na cidade.
      O que é ótimo, já que está cheio de pedestre, ciclista e motoboy e ajuda a visualizar também.
      Alô, CONTRAN e Governo Federal, se você estiverem lendo meu comentário: coloquem essa lei pra valer também dentro das cidades! A Osram, a Philips e a Sylvania agradecem!

  • Christian Balzano

    E o objetivo de arrecadação está sendo cumprido. Palmas! Já disse em outro tópico, nenhuma campanha educativa, nenhum período de experiência, nenhuma sinalização. É só inventar uma lei e passar a canetada!

    • Louis

      A lei tinha sido aprovada e divulgada 45 dias antes de começarem as multas. Eu já estava sabendo.

      • Christian Balzano

        Você tem internet tanto quanto eu. Eu também estava sabendo. Mas a gente não conhece a realidade do Brasilzão a fora, tem cara trabalhando no campo com sua Montana cheia de barril de leite. Tá totalmente por fora, principalmente aí em Goiás, já andou nas estradas de lá? Não tem nem acostamento, cheio de buraco, quanto mais alguma placa informativa.

  • Pedro Rocha

    Toda vez que aparece uma regra nova, os fiscais vão com sede ao pote. Até o final do mês acaba o “pente fino”.

    • DougSampaNA

      Foi a Farra do Boi, tinha quase fiscal entrando no meio da pista pra anotar placas em algumas rodovias, ridículo isso..

    • Renato Duarte

      Bater metas,,, meu amigo rsrsrsrs

  • arzanette

    Mas nao existe um prazo de 45 dias depois que a lei foi publicada.Entao estas multas serao canceladas pq pelo que li existe o prazo de adaptacao ….. estas multas sao ilegais entao ???

  • durango

    Se era para evitar acidentes, entendo que o correto é parar os condutores e orientar, afinal é a questão básica.
    Multa é um direito do estado, mas sequer placas de orientação foram colocadas.
    Isso aí é industria da multa, apenas, pois o sujeito segue com faróis desligados.

  • rodrigomalc

    Lei incompleta… digna de Braziu mesmo.
    Exemplo: quem é do Rio conhece a ponte rio-niterói. Nem todos sabem que é rodovia estadual/federal (sei lá que diabo é, mas é trecho de rodovia).
    Um monte de gente esquece de ligar, não é nem de maldade, mas é que é um trecho que não parece BR. Antes de multar o governo poderia fazer sua parte e Sinaizar.
    Sem sinalizar, fica obvio que o motivo é arrecadar, e não prevenir mortes no transito, como o politicamente correto gosta de defender.

    Além disso, é uma ponte que tem 4 faixas em cada sentido, separados por uma mureta central, e acima da mureta tem um pedaços de ferros instalados EXATAMENTE pra evitar o ofuscamento de farois dos carros no sentido contrário. Que estranho, não?
    Do que “evita mortes” ver que o carro da frente está com a luz acesa, ou o carro de tras?

    Essa lei deveria ser aplicada SOMENTE em pistas com 2 mãos, sem muretas centrais.
    Nada de ponte Rio Niterói, Niterói-Manilha (BR101 – que tem hora um baaita gramado pra dividir, e hora mureta)

    • Zé Mundico

      Você está esquecendo uma parte super importante nessa história: o pedestre.
      De vez em quando também sou pedestre e já fui testemunha de como um carro com luzes acesas pode ser visto por um pedestre a centenas de metros e evitar um atropelamento.

      • rodrigomalc

        Pedestre atravessando BR? Não é comum… Na ponte é impossível.
        E há passarelas nos pontos de maior movimento de pessoas. O problema é que o pedestre sempre é mais esperto né? Pra que perder tempo na passarela??

        E se esse só percebeu o carro por causa de um farol é pq não teve o mínimo de paciência pra esperar uma brecha no transito. Foi à mercê da sorte. Ta certo…
        E se atropelasse dentro do limite de velocidade da via, a culpa é total do pedestre.

        Não discuto que é melhor andar de farol ligado… Não custa nada.. O problema do meu ponto de vista é virar lei e arrecadar milhões, que a gente sabe bem pra onde vão….

        • A BR 116 em RS da cidade de Ivoti até Gramado passa por seis cidades cortando as no meio literalmente. Isso dá mais de 100 km sem nenhuma passarela. E sim , pedestres cruzam essa estrada obviamente. E esse tipo de situação tem em outra região também.

        • Zé Mundico

          Na boa, mas quase toda BR corta pequenas cidades Brasil afora, Na verdade,não apenas BR mas rodovias estaduais. É super comum ver gente atravessando rodovias em área urbanas e rurais em qualquer lugar do país.
          Dá só uma olhadinha na foto lá em cima da página…..

          • rodrigomalc

            A imagem acima bate exatamente com o que falei. Pistas sem divisão, e com 1 faixa indo e 1 voltando. Aí tudo bem, mesmo sabendo que não é por causa de um farol que um animal vai deixar de ultrapassar indevidamente ou andar em velocidades incompatíveis. É isso que quem está defendendo essa lei incondicionalmente não consegue entender rs. Só sabe repetir que agora é lei e se não quiser que pague a multa. Bem madura a discussão.

            Área urbana é comum ver gente atravessando pq não tem respeito algum. Há anos atras vi um atropelamento EM BAIXO da passarela. Olha o stress pro motorista! Tenho mais dó de cachorro que atravessa a pista do que de gente….
            E nas rurais, blz… Pq também se for fazer uma passarela por km, tem que pagar imposto até 2050 só pra isso.
            O que discordo é da aplicação da lei em área que não tem necessidade 0 disso aí. Aí pra mim é pura mafia pra arrecadar.

            • Zé Mundico

              Pois é, mas a lei foi prá gente e não prá bicho….kkkkkkkkkkkkk

              • rodrigomalc

                E olha que tem gente que é mais animal que o próprio animal. Pensar fora da caixinha é brabo, né?

      • Rodrigo

        O pedestre, no caso da Ponte Rio-Niteroi, seria (escolha a alternativa correta):
        a. Um golfinho
        b. Um tritão / uma sereia
        c. o Nemo e a Dori
        d. Uma gaivota aleta (sem uma das asas)
        e. Todas as anteriores

        • Zé Mundico

          Rapaz, o mundo não se resume na Ponte Rio-Niterói…..
          Mas eu fico com a sereia e deixo o tritão pra você….kkkkkkkkkkkk

          • Rodrigo

            Opa, se for um tritão estilo Cauã Reimonds (inclusive a grana), tem problema não…

  • fbl

    A P! do brasil é assim. Deixar as estradas principais duplicadas, com acostamentos decentes, com as pontes fechadas por proteções laterais, elimanação das curvas perigosas, etc ninguem que fazer. Mas aplicar multa por falta de farol aceso, lei seca com tolerancia zero e outras punições aplicam rápido como um foguete. São justas essas leis mas é incirvel como pra cobrar sao bem mais eficientes do que pra investir em segurança. Eta país de bosta. Tamo ferrado aqui nessa lama.

  • Ricardo Blume

    Acho que a ideia é até válida. O problema é que o povo mal sabe dar a seta e agora temos que andar com os faróis ligados. Na minha opinião, o governo deveria investir mais em educação, ensinando nossas crianças desde cedo a atravessar a rua na faixa, respeitar sinalização e por ai vai. Quando estas crianças saírem da escola, será tudo mais fácil por que parte do caminho já foi feito.Tudo neste país tem sido “por garganta abaixo” e até o povo se acostumar com essas novas regras, muitos serão multados e outros criticarão até a morte e, assim, a bola de neve nunca acaba. Regras como estas levam a crer que o governo está quebrado e querendo lucrar a todo custo, não passando a ideia de melhoria ou progresso. EDUCAR, para depois COBRAR e por fim PUNIR.

  • afonso200

    o que tem de lampada queimadaaaaa

  • Ricardo

    Parabéns governo, objetivo atingido, arrecadar, arrecadar e arrecadar!

  • Ricardo

    Se é por questão de visualização, que proíbam os carros pratas, cinzas e afins!

    • MarcioMaster

      kkkk boa ou que só tenha carro amarelo.

      • Ricardo

        Vermelhos, verdes, e azuis.

  • Nando380

    logo logo vão inventar uma lei que obriga os carros a ter tacógrafo também.

  • Roger Rosato

    Em que caverna esse povo tava vivendo?

  • Cassio

    1.384 multas? Que sucesso do governo!

  • Franklin Diego

    Ou seja, mais de 117 mil Temers indo para os cofres deles nessa brincadeira. Enquanto isso, continuamos a andar nas “luas” do nosso brasil…

  • Rafael Trindade

    Não sei o que é pior. A arrecadação sem educação, ou se a falta de entendimento do que é um farol baixo.!

  • Marcelo

    O povo daqui até hoje não sabe onde fica a seta, quem dirá lembrar de ligar farol na rodovia!!

  • Zé- Dirty work

    Gente, só uma dúvida.
    Conforme a lei é só de dia que precisa ligar o farol né?
    Acho que de noite não precisa não, acho que é só de dia msm…

  • Não queriam mais “segurança” com o farol ligado de dia? Agora tomem, bando de otários.

  • Em questão de pouco tem vai ter um esquipamento eletrônico fazendo as multas e pegando todos os trouxas. Tudo em nome da “segurança”. Bando de otários.



Send this to friend