Honda Lançamentos Motos

Honda PCX 2016 ganha novo visual e parte de R$ 10.299

honda pcx 2016 brasil 1

Pouco mais de dois anos após seu lançamento, a Honda PCX acaba de estrear suas primeiras mudanças significativas, que chegam como novidades para a linha 2016. O novo scooter da montadora japonesa chega às concessionárias no final deste mês, com direito a alterações no visual, novos equipamentos de série e aprimoramentos na mecânica.

A Honda PCX 2016 segue o mesmo visual do modelo oferecido no mercado europeu, com destaque para os novos conjuntos de carenagens, agora com formas mais marcantes, além do novo conjunto óptico, com área maior e agora com lâmpadas em LED para o farol, lanterna e indicadores de direção, que segunda marca é uma inovação no segmento, auxilia na segurança e melhora a visibilidade em situações de baixa luminosidade.

O modelo recebeu ainda lanternas de freio e iluminação da placa traseira também em LED. Há também um novo painel de instrumentos, agora com relógio digital e com informações analógicas e digitais, com direito a velocímetro, hodômetro total, medidor de combustível, além de luzes-espia da injeção eletrônica e sistema de parada automática. Outro destaque fica para o ponteiro do velocímetro do tipo flutuante, que acompanha a borda do marcador.

honda pcx 2016 brasil 13

A PCX dispõe também de um novo assento, com novo formato e textura, e novo formato para as alças do garupa.

Nas demais novidades, a Honda ganhou porta-objetos mais espaçoso, tomada 12 volts para adaptar carregadores de celular ou utilizar um GPS, por exemplo, pisca-alerta para indicar uma parada emergencial, entre outros.

O motor também recebeu mudanças. Agora a PCX 2016 traz um bloco com capacidade volumétrica ligeiramente menor, passando de 149,3 cm³ para 152,9 cm³, tudo para atender os padrões de emissões de poluentes exigidos pela segunda fase do Promot 4, que passa a vigorar em janeiro de 2016. O módulo de injeção eletrônica (ECU) também foi ajustado, com sensível melhora na economia de combustível.

honda pcx 2016 brasil 24

Apesar disso, o desempenho não foi afetado. O propulsor é monocilíndrico OHC (Over Head Camshaft), 4 tempos, com injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection), arrefecido a líquido, com potência máxima de 13,1 cv a 8.500 rpm e torque máximo de 1,36 kgf.m a 5.000 rpm. A transmissão é automática continuamente variável CVT (V-Matic).

O conjunto oferece ainda o sistema “Idling Stop”, que permite o desligamento automático do motor, por exemplo, em paradas de semáforo, e com funcionamento automático após o acelerador ser acionado. No modelo 2016, este sistema também monitora o nível de carga da bateria, desligando-se automaticamente em caso de uso excessivo da tomada 12V.

Por fim, a nova PCX apresenta novos amortecedores traseiros, atendendo a pedidos dos proprietários. Redimensionados, oferecem maior resistência a impactos com mais conforto e suavidade ao piloto e garupa. A capacidade do tanque de combustível aumentou para 8 litros, ante os 5,9 l da linha anterior.

honda pcx 2016 brasil 28

A nova Honda PCX agora oferece garantia de três anos, sem limite de quilometragem e com fornecimento gratuito de óleo em sete revisões. A linha 2016 será disponibilizada em duas versões: Standard, nas cores Preto e Cinza Metálico e DLX, na cor Branco Fosco com rodas douradas. Os preços públicos sugeridos são R$ 10.299 (Standard) e R$ 10.699 (DLX).

Galeria de fotos da Honda PCX 2016





  • Yuri Calmon

    Este talvez seja o melhor produto da Honda Brasil na faixa de até 300 cc !!!

    • Pedro Henrique

      concordo, e é bonitinha a desgramada, acho top dms, esses dias eu parado na sinaleira bem tranquilão e parou uma ao meu lado, start stop em funcionamento e eu de boca aberta…
      eu quase perguntei ao dono quanto fazia com um litro, mas sou tímido e fiquei acanhado, me interessei muito por ela pros afazeres do dia dia…

      • Martini Stripes

        Depende da tocada. Mas beira os 45 kmL.
        Se essa melhorou, chegou nos 50.
        To querendo pegar uma. Mas pra isso estou vendendo uma Ducati, alguém querendo uma Monster 696 2012? Hahaha

      • Andre Hidibertte Pereira

        Tenho uma e quando comprei no começo do ano não podia chegar em lugar nenhum que ja vinha um monte de perguntas, depois quando alguem perguntava eu já sabia decor. Ela não faz 40 km/l, mais é muito confortavel. Vai uma aulinha: ela não liga se o pezinho estiver baixado e se não pressionar o freio traseiro(mão esquerda), o start stop ativa 5 segundos depois de totalmente imóvel,na cidade já fui muito xingado tamanha a potência do farol mesmo em farol baixo, cabe um capacete normal e um sem queixo embaixo do banco, o freio traseiro aciona 70%o traseiro e 30% o dianteiro e vice versa, abertura eletrica do banco e da boca do tanque, tem + vou parar por aqui.

    • Rodrigo

      Cara tive uma, o maior problema são os buracos. Scooter são excelentes em cidades com o asfalto bem conservado.

      Nunca cai, mas passei algumas vezes por situações de quase queda devido a buracos.

      A PCX tem o aro de roda menor que as concorrentes de preço, no Brasil tem que ter roda grande, por segurança.

  • Tosca16

    E a bonitona da YAMAHA não tem sequer uma concorrente …

    • ALVIN_1982

      Qual você tá dizendo? tem no Brasil?

      • Tosca16

        Alvin eu estou criticando a Yamaha por não ter aqui no Brasil sequer uma concorrente da PCX 150; pois a que tinha que era a Neo 115 se for ver era concorrente da Honda Lead 125 e olhe lá … é uma lacuna que a mesma não tem sequer ido atrás, um nicho que a mesma tem negligenciado e que tem crescido em vendas .

        • ALVIN_1982

          Ah sim, porque prometeram a X-Max 250 e até hoje tô esperando… acho que seria ideal em todos os aspectos, tanto na marca, na confiança, no desempenho, no conforto, pra rodar na cidade principalmente.

          • Tosca16

            Eu sou fã da Yamaha mas certas horas acho que a mesma só faz burrice; tipo até hoje por mais que eu seja fã de motos chineses digo que nenhuma ficou na lacuna da saudosa Virago, como é que a Yamaha não ver isso, até hoje é caríssima dado a aceitação dos seus proprietários, quem tem uma Virago 250 não vende, não empresta, não troca … Tipo já deveriam ter voltado com a Custom, pois nem a Sundown com a V-Blade, nem a Dafra com Kansas 250, nem a Kasinski com Mirage 250 e outras tantas como a Shark 250 da Traxx e Shineray XY 250-Custom conseguiram fazer sucesso . Seria líder absoluta no segmento se a Yamaha voltasse com a Virago.

            • ALVIN_1982

              Também gosto da Yamaha, mas parece que ela Yamarra o burro e não traz as novidades interessantes pra cá… uma pena…

            • Paulo César de Carvalho Júnior

              Uma Virago em excelente estado de conservação, consegue chegar em preço, proximo de uma 300 cc 0km ehhehehe!

              • Tosca16

                e não trinca o cabeçote rsrsrsrs .

  • Blessa

    Mais de 10 mil dilmas numa coisinha dessa ai? Pelo jeito ainda vou ver carro popular peladão a 50 mil dilmas, fazer oque, sorte de quem pode deixar esse país, quem não pode só resta chorar.

    • Pedro Henrique

      antes 10 mil numa scooter dessa cheia de tecnologia que em uma cg 160..

    • Martini Stripes

      Se for pra pensar assim pode ir mesmo. Não vai fazer falta não.
      Esse pensamento de que aqui não vai dar certo não ajuda em nada.
      Pensa nisso, enquanto não amarmos nossa casa, não olharemos pra ela com carinho não lutaremos para melhorar. É tudo o que os fdp que estão no poder querem.
      Abraço

  • Mr. Car

    Estilosa a motoquinha é. E cara. Dá para comprar duas Suzuki GSR 125 e ainda sobra troco.

    • ALVIN_1982

      E que são uma mer da de moto…

      • Mr. Car

        Isso já não sei, não tenho a menor paixão por motos, he, he!

  • Lupavideos Oliveira Guedes

    Tenho uma citycom 300 e já tive burgmam. Essa ai é com certeza a melhor opção de scooter abaixo de 300cc, melhor até que a cityclass200 da dafra. Com essas alterações ficou mais atraente o custo beneficio. A suzuki que foi a introdutora da nova fase dos scooters no Brasil, parou no tempo e a yamaha não tem um produto nessa categoria. Ponto pra honda.

  • Foxtrot

    Uma duvida de um leigo em motos.
    O quão visada são essas scooters por bandidos?

    • Romulo Moreira

      Por enquanto, pouco visada…..

    • Rafael

      Como o colega falou: “Por enquanto”. Aqui em casa tivemos a necessidade de acrescentar uma moto por causa desse trânsito que só traz prejuízo pra quem tem carro e escolhemos a Burgman 125 na cor laranja. Bonita, confortável, ágil no trânsito urbano, alcança 80km/h mais rápido que uma CG, por exemplo, por seu câmbio CVT, econômica e AINDA não é visada por ladrões por causa da mecânica diferenciada. Em relação à Lead, da Honda, só queria que o bagageiro fosse igual, pois o da Honda é bem maior, mas a burgman cabe um capacete não muito grande tranquilamente em baixo do banco. Em relação a PCX, só ouço elogios de quem tem, mas é cara.

      • Foxtrot

        Fico me perguntando se vale a pena ter uma scooter, pois o preço dos carros hoje esta impraticável, só que o que mais tem no youtube é vídeo de dono de XJ6 e cia. correndo de bandido.

        • Rafael

          A escolha nossa foi de uma moto urbana e não visada. A XJ6 é de outra categoria, uma esportiva que é bastante vendida e que, muitas vezes é vendida por pessoas sem condições de manter e aí já sabe né… Surgirá um mercado negro sempre que houver “clientes”. A burgman, assim como as scooters “baratas”, possui um custo de manutenção irrisório e uma mecânica mais “exclusiva”, por isso não há visibilidade da bandidagem, pois ainda não tem “mercado” para ela.

          • Foxtrot

            Entendi, obrigado pela explicação.

  • ALVIN_1982

    Tenho uma Burgman 125 2008, e quero comprar uma PCX, mas o preço tá proibitivo. A Burgman não vendo por nada…

    • Alvaro Guatura

      Já tive Burgman 125 (e a 400 também).. a PCX é excelente, vale o preço que pedem.
      Estou na 2a, e provavelmente terei a 3a

    • Rafael

      Compramos uma burgman laranja 2015 e é só alegria. Realmente não acho que vale a pena a PCX por conta do preço, pois para o trânsito urbano ela serve perfeitamente igual à burgman e tralvez ainda perca no bagageiro, pois nunca vi o da PCX e pelas fotos não parece ser igual. Já na estrada, não confio em nenhuma das duas.

    • Guilherme Batista

      Não sei se te interessa usada, mas um amigo comprou uma 13/14 por R$6500 e diz pra todo mundo que foi o melhor investimento.
      Diz ele que costuma achar fácil nessa faixa de preço

      • ALVIN_1982

        Quando eu for comprar uma pretendo comprar usada mesmo, desde que esteja com baixa km e tudo em dia, claro rsrs… valeu…

  • Zazula

    Gostei….Ficou mais bonita e as melhorias presentes eram necessárias…
    Gostei da iluminação…”LED”

  • Franco da Silva

    10 paus numa motinho?!

    • Alvaro Guatura

      Assim como os populares estão começando na faixa dos 40 mil, as motos de entrada (mais modernas) estão 10 mil.

      • Guilherme Batista

        Exatamente, CG já bateu nos 8 mil

  • Ronaldo Santos

    Engraçado ninguém dava bola quando a Yamaha vendia no inicio anos 90 o JOG 50 cc(AE 50) e Axis 90 cc e o BWS, agora virou a febre do momento ter uma scooter!

    • Pedro Guatura

      Ronaldo, houve uma febre com as “jog” nesse período sim, mas as limitações dos modelos ficavam evidentes. Para andar em bairro, até que faziam bom trabalho, mas em avenidas dava medo da instabilidade e falta de torque.

      Não digo que seja uma febre, mas vendo as especificações e preços da PCX e modelos semelhantes, até eu ando considerando usar uma para ir até o trabalho.

      • Ronaldo Santos

        Mas
        era para locomoção em condomínios, eu fui um q teve um
        desses para circular área interna de
        onde a gente morava ,
        meus filhos adoravam andar ,pois eram só acelerador e freios, vou te
        falar tive que compra capacete e luvas e ensinar regras de
        trânsito para turma, eu, na minha moto maior, e eles na
        scooter, Eh saudades! Agora todos são maiores, e somos
        três motocas, q todo fim de ano, eu eles, temos q fazer nosso
        passeio por essas estradas da vida!

    • ALVIN_1982

      Jog concorria com mobilete… nem conta…

      • Ronaldo Santos

        Na verdade concorria com Tchau da Agrale!

  • Alvaro Guatura

    Eu quero, se não lançarem uma Scooter 250/300, provavelmente este novo modelo será minha 3a PCX. Excelente produto

  • dallebu

    Humm interessante esse farol de LED, muito parecidos com o do Novo Civic X Americano…

  • Magnus Lincoln

    Como tudo no brasil , um absurdo o preço .

    • Romulo Moreira

      Mais do mesmo…..

  • Andre Luiz

    Tenho uma 2015, e digo e afirmo, muito boa, econômica tbm, como não ando em altas velocidades sempre, consigo fazer uma média de 45 a 50km/l. Agora se “sentar a mão” chega no máximo 120…122km/h e aí ferrou, cai pra uns 30…35km/l.

    • Elcio

      Se der 30 de verdade já tá bom demais. Mais barato que andar de ônibus. Adoro esse tipo de veículo. Quando viajo para a Europa fico babando com as que vejo por lá, especialmente as italianas Aprillia. Pena que não posso andar de moto ou scooter aqui na cidade onde moro(Divinópolis/MG). A estupidez dos motoristas é demais. A gente é obrigado a andar de carro e dos grandes para ficar cercado de lataria para se proteger. Não acontece nada a quem mata com arma de fogo, imagine com carro.

  • Wagner Lopes

    Pensar que paguei exatamente 10K na Next 250 assim que foi lançada…e hoje é preço de scooter…obrigado Honda! Por enquanto não troco minha Next por nada!

    • Romulo Moreira

      Propostas totalmente diferentes…..

      • Wagner Lopes

        E aplicações muito parecidas…..

  • Flavio Correa

    Faz um ano que entrei para o time dos motocilistas, e a PCX foi parar na minha garagem. Para aqueles que desconfiam que ela não faz mais do que 40 Km/L, tenho a dizer que faz sim. Trafego 65 Km todos dias (ida e volta p/ trabalho), sem esmirilhar ou surrar a moto, eu abasteço somente quando o hodômetro parcial atinge 235 km rodados. E quando abasteço no tanque cabem 5,5 Litros. Portanto 235 / 5,5 = 42,7. OBS: Para quem é de SP o trajeto é Fernão Dias, Av. Aricanduva, até Santo André, portanto trecho que dá pra se andar bem. Resumo: Excelente produto da Honda, não existe nenhuma outra moto que alcance o que a PCX possibilita em termos de desempenho e custo. Em breve o modelo 2016 estará na minha garagem também!!

  • Leandro Santos

    O preço sempre foi ordinário. Ainda vou comprar a minha, mas usada e por menos de 8mil.

  • Magno

    Ficou bonita , mas ainda acho uma Citycom 300 seminova , mais negocio que Pcx. Por sinal , hoje VI uma Maxsym 400 e fiquei muito sorridente. Scooter mais bonita , soh a Tmax 530 . mas dai já estamos falando em mais de 40 mil reais .

    • Wagner Lopes

      Pode ir sem medo. As motos da SYM são excelentes!

  • rockrock

    Só faltou mudar o guidão feio pra cacete de CG e colocar um mais moderno/bonito igual na DAFRA CITYCOM

  • João Luiz

    A cinza metalica é aquela cinza escura quase preta,ou ainda não apresentaram a cinza metálica?



Send this to friend