Hyundai Ioniq é certificado com 177 km de autonomia nos EUA

21/03/2016

hyundai_ioniq_electric

O Hyundai Ioniq Electric é uma das três versões do hatchback sul-coreano, que ainda conta com opções híbrida e híbrida plug-in. Originalmente, esperava-se um alcance de 250 km para suas baterias de 28 kWh.

Agora, a Hyundai declarou que a autonomia certificada para o Ioniq nos EUA será de 177 km, resultado bem abaixo do declarado anteriormente. O elétrico asiático chegará ao mercado americano no final do ano e terá um recurso interessante.

Geralmente os paddle shifts são usados para trocar marchas em modo manual, mas no caso do Hyundai Ioniq serão usados para aumentar ou diminuir o atrito dos freios regenerativos, obtendo maior ou menor conversão de energia.

hyundai-ioniq-18

Provavelmente, o efeito deverá ser mais ou menos como o do BMW i3, onde o sistema regenerativo atua sempre que o acelerador é aliviado, poupando os freios e recarregando a bateria. Não há como desliga-lo ou reduzir sua eficiência, o que deve acontecer no Ioniq através dos paddle shifts.

Outra novidade será o sistema de navegação “eco”, que permite um trajeto com máxima eficiência, levando em consideração trânsito e topografia. O Ioniq Hybrid foi lançado em janeiro e tem autonomia de 90 km no modo EV do pacote “Eco”.









  • Wald Queiroz

    Aqui no Brasil a CAOA vai lançar o IRONIQ!!!!

  • Bruno Silva

    A frente da versão Electric é horrorosa. As outras versões são melhores um pouco. Mas ainda que estranho, acho o Prius mais acertado!

    • leomix leo

      Feio é ele, independente da sua proposta, eles não poderiam ser tão feios. A Bmw mostrou isso no i8.

    • Louis

      Gosto mais do Mirai.

  • Felipe

    Esses elétricos para os EUA… A impressão que tenho sobre o design é a de que criaram um modelo de plástico e que depois de um tempo submetido sob intenso calor começaram a derreter e se deformar. O design derretido desses carros é extravagantemente sem nexo.

  • The Monster Man

    Muito baixa a autonomia, não permite um bate e volta de trabalho de Ctba a Pgá.

    • radiobrasil

      Se fosse “só” baixa autonomia o problema… e a DEMORA em carregar o modelo elétrico?

      • The Monster Man

        Isso é outro impeditivo.

  • afonso200

    legal, dai voce esta descendo a serra e tacale o atrito mais forte, seria como freio motor, mas assim recarregando

  • Guilherme Batista

    Gente, sério mesmo! Qual a dificuldade de fazer um carro elétrico bonito.
    Aliás, pq não fazer um elétrico com a mesma aparência de um a combustão? Desanima demais essas aberrações