_Destaque Europa Fiat Hatches Mercado

Itália: Novo Fiat Punto não segue adiante, de acordo com Marchionne

fiat punto 2016 8

Uma declaração de Sérgio Marchionne em Lido de Veneza, Itália, acaba com os rumores de um futuro Fiat Punto, pelo menos no mercado europeu.

O chefe da FCA disse que a empresa cometeu um grande erro porque o mercado mudou, alegando que a continuação do projeto não é viável para o momento. Com a presença do Fiat Tipo hatch, que tem preço competitivo, ter um Novo Punto não faria sentido no mercado europeu.

Sobre o crossover abaixo do Fiat 500X, Marchionne diz que ele já existe e é chamado de “Panda”. Falando na linha 500, o CEO da FCA revelou que as projeções de vendas da minivan Fiat 500L nos EUA foram otimistas demais, visto que o mercado americano quer cada vez mais crossovers e SUVs.

Por conta disso, a produção do Fiat 500L será reduzida na Sérvia. Pelo menos um terço dos empregados da planta de Kragujevac deve ser dispensada por conta da redução na demanda americana.

Do outro lado, Marchionne está feliz com a performance comercial dos modelos Alfa Romeo Giulia e Maserati Levante. As vendas estão de acordo com o esperado e seu crescimento aumentará a produtividade nas fábricas que os produzem.

No Brasil, o Projeto X6H está sendo executado e deve suceder o Punto. Já na Índia, o futuro do compacto da Fiat ainda é incerto. De qualquer forma, ambos poderiam continuar fabricando o modelo, mesmo que este tenha saído da Europa, assim como ocorre com o Bravo por aqui.

[Fonte: Auto Italia Evolution/Auto Passione]





  • Eduardo Brito

    Nossa, que bomba heim. Mas ainda acredito num sucessor para o Punto, mas este seria baseado na nova geração do 500. Porém, acredito que ele só deve surgir lá pra 2018.

    • th!nk.t4nk

      Bomba nada. O novo Tipo parte de 12 mil e é um produto superior ao Punto. Pra que raios iriam criar outro produto na mesma faixa de preço?

      • Gustavo73

        Também vejo o Tipo como sucessor do Punto com tamanho de Bravo.

        • Rodrigo

          Acho que o Tipo é tipo (perdão pelo trocadilho) um Sandero do segmento compacto premium.

          • Gustavo73

            Exatamente o que pensei.

          • 0terceiro

            Perdoamos, claro!
            Quem foi que nunca disse “olha um carro tipo o Tipo”?
            hehe

    • Gustavo73

      O Tipo é o verdadeiro sucessor do Punto, mas com tamanho próximo dos médios.

      • Murilo Soares de O. Filho

        O tamanho não é próximo, é do mesmo tamanho.

        • Paulo Lustosa

          Não, o Tipo Hatch tem quase 4,40m de comprimento

          • Vinicius LMS

            Tipo Hatch tem 2,64m de entre-eixos.
            Só para comparar, o Punto atual tem 2,51m de entre-eixos e comprimento de 4,06m.

            Enquanto o Golf MK7 tem 2,637m de entre-eixos e comprimento de 4,255m.

            Mérito da Fiat em criar um carro com medidas de médio para substituir Punto e Bravo.

      • Leo

        O que a Fiat oferece abaixo do Tipo na Europa? Não há nenhum modelo entre o 500 e o novo carro?

        • Gustavo73

          500Le 500X, o Punto ainda é oferecido pelo menos está no site italiano.

    • Renato Duarte

      O Tipo hatch é o sucessor do Punto.

  • Fanjos

    Fiat fazendo Fiatisses….nada de novo aqui

    • Cesar Oliveira

      Não dar continuidade em modelos que fizeram sucesso. O Punto precisava de uma nova geração já faz uns três anos, um dos seguimentos mais importantes da Europa. Fiatisses mesmo…

      • th!nk.t4nk

        Mas teve continuidade. É o novo Tipo hatch. O nome mudou, sim, mas é um mero nome. Eles colocaram um novo produto, superior ao Punto, na mesmíssima faixa de preço. Ótima jogada, na verdade.

        • G.Alonso

          Um ótimo produto. Tipo Bem maior que o Punto, e pouco mais caro.

        • Doccar

          Deveria ser chamado de Grand Punto, o Tipo, com linhas que o lembram e isso sim faz uma enorme diferenca

          • oscar.fr

            No início esse nosso Punto foi vendido como Grande Punto na Europa

    • ALVIN_1982

      Tem sim, Fanjos! Ai látil Mobi Mobi, Ai látil Mobi Mobi… kkkkkkkkkkk

  • Felipe

    Só tem um adendo… Ao que é informado internet afora (inclusive aqui no site mesmo), o Bravo também será descontinuado em breve por aqui. Os rumores inclusive apontavam este mês (Junho) como o último desse hatch médio da Fiat.

    • Marco Douglas de Paula

      Tudo certo até aí… tira dois carros e coloca um no lugar dos dois…
      O tipo vem pra quando?

      • Felipe

        Mas esta parece ser a estratégia do grupo…
        X6H ocuparia o lugar do Palio e atual Punto
        X6S ocuparia o lugar do Linea e Grand Siena
        X3U ocuparia o lugar do Idea, Weekend e Doblò
        551 (Jeep) ocuparia o lugar de Compass e Patriot

        • pedro rt

          agora tem o X6P tmb q e a nova strada 2018/2019

        • Doccar

          Ou seja, acaba com tudo e comeca do zero…

          • Felipe

            Bem por aí…

      • tiago

        Aí que tá o problema, o Tipo não vem, ao invés disso produtos regionais.
        Sempre que vejo produto regional para países subdesenvolvidos não espero muita coisa…

        • Marco Douglas de Paula

          Mmm não que eu tenha alguma informação ou duvide que tenhas nesse sentido
          mas apostaria que ele vem sim, independentemente do que a fiat diz

          • Eduardo Brito

            Acho que algum momento ele vem sim, mas só quando o dolar estiver mais baixo e como importado.

          • Felipe

            Para o Brasil, há o X6H em testes… Ele ficará no lugar que o Tipo ocuparia por aqui. Informações de montadora são sempre informações de montadora. O resto é especulação. Tipo no Brasil pode haver… mas só por importação independente ou trazido pra cá pela própria Fiat, para testes, como já foi flagrado!

          • Gustavo73

            Importado não virá pelo preço que chegaria. Aqui teremos o novo Palio no lugar do Punto.

        • Eduardo

          Pra que precisamos de Tipo se temos o Mobi? kkk

          • Mr MR8

            talvez a estratégia seja: um SUV compacto no lugar de um hatch médio. Como fez a Honda c/ o HR-V…

            • Artur

              Também acho. Faz mais sentido. É só ver o tanto que os hatches médios perderam mercado de uns tempos para cá.

        • pedro rt

          acho melhor vc se acostumar ate pq projeto global e mais caro e poucos nesse momento tem condicao de pagar 70mil ou ate mais q isso num carro assim. a grande maioria e realista e pe no chao

        • Matheus Conrado

          O lineup da Fiat ja ta formado até os 70 mil (pois é isso que vak acontecer quando vier os novos modelos,veja:
          mobi 30-40 mil
          uno 40-50
          X6h 50-65 mil
          X6s 55-70 mil
          X3u talvez acima de 70 mil

        • Neo Neoo

          Ele virá sim, mas novamente com 4 anos de atraso assim como aconteceu com o Bravo, ou seja, já virá pra cá defasado, e depois a Fiat vai botar a culpa no carro…a Fiat é uma merda mesmo

    • Fernando Bento Chaves Santana

      Sacam fora o Bravo e o atual Punto e o terreno fica livre para promoverem o novo X6H/Punto

      • pedro rt

        o bravo ja saiu de linha e o palio tmb saira. o punto fica ate 2017 qdo recebera uma nova geracao. e esse sera msm o nome do novo carro, PUNTO

    • pedro rt

      ele ja saiu de linha. assim tmb como a weekend, idea e doblo. os proximos serao as versoes comerciais do doblo, ducato, palio 1.0 e 1.6, grand siena 1.6 todos os produtos que a fiat vende pouco ou estao bem ultrapassados ela ta tirando de linha so quem ficara intocavel ate o começo de 2017 e o punto pois de resto ja sabe…

  • SDS SP

    Por aqui, o Palio deve tomar o lugar do Punto por aqui. Não há espaço para tantos carros no portfólio.

    • EJ

      Acho que não havia espaço sequer pra Mobi, mas vão tentar forçar a barra na marra. Pra que um “sub-Uno”? O Uno já é suficientemente acanhado e apertado para o passageiro do banco de trás.

      • Marco Douglas de Paula

        Sei lá, talvez pra quem nao precise de bancos traseiros hahaha
        se tu nao usa mesmo, pode diminuir

        • Gilberto Silva

          mas é justamente a ideia das montadoras, aumentar o volume de vendas, com a maior margem possível e menor custo possível, não que esteja errado… mas estamos beirando o ridículo já, onde já se viu 40 mil por um popular??? e isso não está só no mercado automobilístico mas também em todos os outros setores da nossa economia, será que teremos em breve que mudar novamente a moeda? ou daqui a pouco teremos preços parecidos com os praticados nos países vizinhos… carro que em locais normais custam em torno de 6k custarão aqui 100k.

        • EJ

          kkkkkk só se for mesmo… O Mobi é uma Strada Cabine Estendida, só que o banco traseiro ficou inteiriço. E não tem caçamba. Zoando, claro, mas sinceramente, vejo muito sentido num Picanto, num Up (foram projetados desde o início pra aproveitarem o pouco espaço q tem), ao contrário do Mobi, que é uma derivação de outro compacto, aproveita até parabrisas e coluna dianteira… cofre muito grande em proporção ao restante da carroceria. Sei lá. Parei por aqui. Acho um produto sem sentido.

          • Marco Douglas de Paula

            EU vejo um nicho bom pras empresas que precisam de um carro barato e geralmente só andam 1 ou 2 passageiros… acho perfeito pra frotista ou aquela pessoa que só quer ir do ponto a ao b sozinha no carro, andando na cidade.

            Por isso o nome MObi de mobilidade. Acho que o uno ta meio queimado e apostaram no fator novidade.

            • Mas para isso tinha o Uno!

            • pedro rt

              acho completamente certa a proposta da fiat pro mobi, pro que eles falaram o mobi se encaixa perfeitamente. ele e feito pra nos jovens irmos trabalhar, ir a faculdade, curtir o fim de semana… ou pra quem tem familia com no maximo 3 pessoas e usa o carro somente dentro da cidade, pra quem precisa de versatilidade e agilidade no cada vez pessimo transito de todas as capitais do país, pra quem precisa procurar uma vaga em qualquer lugar pra estacionar o carro… e etc… o mobi seria excelente pro meu uso no dia a dia e o unico ponto negativo dele e msm o velho motor 1.0 q nao muda desde o lançamento do UNO em 2010…

              • SDS SP

                O jovem nem anda comprando carro, pois a taxa de desemprego para faixa etária já passa dos 20%. Além disso, o preço das versões top de linha batem de frente com outros modelos mais interessantes e espaçosos.

                Achei a proposta interessante, mas o preço decepcionou pela grande expectativa que colocaram.

              • Gustavo73

                Isso o Uno já fazia.

      • TijucaBH

        Concordo contigo EJ. Linha Fiat hoje é composta de Palio Fire, Mobi, Novo Uno, Novo Palio e Punto. É muito carro proximo um do outro. Tinha que sumir com Palio Fire e Moby (tadinho, acabou de ser lançado!). No lugar de tanta diversificação, deveriam focar na qualidade e investir em motores mais eficientes.
        Só pra ilustrar, tava ajudando uma amiga a comprar um carro zero km na faixa dos 40k. Fomos em uma concessionária Fiat. Nao tinham o carro para test drive, além disso, a espuma do banco extremamente macia, parecendo colchão velho e por 40 k, nao tinha radio. Acho que nao deixam o carro para test drive porque o carro nao anda (já aluguei um), se for light na cidade até que vai, mas basta um morrinho pra ele abrir o bico. Olha que sempre alugo Ka, Up e Hb20. Todos 3 com desempenho bem coerente com a motorização.
        Já tive um Punto Sporting completo de tudo, adorava o carro, realmente muito bom mesmo, mas já sente o peso (literalmente) da idade.

    • Gilberto Silva

      Até mesmo porque, a Fiat deverá vender o Palio a preço de Punto, Uno a preço de Palio, e Mobi a preço de Uno. logo não faz sentido ter o punto mesmo.

      Assim como ocorre na VW… Fox a preço de Polo, Gol a preço de Fox e Up! a preço de gol…

      As empresas descobriram isso e agora estamos ferrados… sinceramente eu duvido muito que o Kwid consiga manter o preço do Clio, não duvido nada dele chegar com preço de Sandero e o Sandero subir na vida…

      Assim como foi com o KA e Fiesta…

      Lamentável….

      Em breve não teremos nenhum carro abaixo dos 40k.

      • pedro rt

        a vw nao se parece com nada… ate pq ela tirou de linha o polo, colocou o fox no lugar, e em 2018 vai tirar o fox e voltar com o nome polo pro seu novo carro.

    • pedro rt

      o palio fire ja saiu de linha ha 2 meses e o new palio ficara somente com o 1.4 ate 2017. ele vai sair de linha msm e o nome do proximo lançamento de fato da marca sera PUNTO nao palio

      • SDS SP

        De onde saiu essa especulação?

  • Gustavo Miranda

    O mercado global tem um fluxo determinado por onde fluem Hyundai, Honda, Toyota, GM, Ford… e tem se PSA, Renault e a Fiat sempre recusando seguir esse caminho, nem sempre se dando bem, nem sempre se dando mal, mas nunca na mesma vibe.

    • oscar.fr

      O mercado europeu tem suas especificidades, por isso que marcas voltadas ao mercado europeu como PSA, Renault e Fiat, não seguem as mesmas estratégias de marcas voltadas ao mercado americano ou asiático, como, respectivamente, Chevrolet e Hyundai.

  • Fabio Marquez

    O caro que salvou a Fiat na metade da década passada, está saindo de cena sem substituto, mudança de tempos…

    • th!nk.t4nk

      Ao contrário, saiu com um substituto melhor que a encomenda. Ler meu comentário mais acima. Tenho visto bastante o novo Tipo aqui na Europa, inclusive.

      • Fábio Henrique

        A imprensa aí trata ele como concorrente de quem? Pq em alguns releases brasileiros falaram que era meio que um “Médio” de baixo custo para concorrer com Astra, Golf e Focus. É a percepção da glr aí?

        • Matthew

          Também não consegui definir até agora a qual segmento pertence o Tipo. Vi uns review no youtube e o repórter disse que a própria Fiat afirma que compete com Opel Astra, Ford Focus e VW Golf, e não com os compactos plus size como aquele PUG 301 (tipo uma versão sedã do 208 alogando) e coisa do tipo. Pra mim cai no mesmo limbo do Linea: ninguém entende muito bem qual é o propósito do carro e acaba micando.

  • Filipo

    Resumindo: Lá vem mais gambiarra!

  • Diogo Oliveira

    PORQUÊ MARCHIONNE?? PORQUÊEEEEEE??? Porquê matar o Punto??? Um dos grandes clássicos da Fiat???

  • FocusMan

    Acredito que a Fiat deixará de existir em breve… Só vende bem no Brasil e o volume no Brasil hoje em dia, Não justifica muita coisa….

    • G.Alonso

      Vende bem no Brasil, na Itália, na Turquia… A Fiat está renovando sua linha no mundo, desde o 500L, 500L Living, 500X, as vendas aumentaram, e a Fiat saiu da 11° para 9° colocação na Europa.

      • pedro rt

        a fiat vai dar uma boa enxugada de produtos esse ano, em 2017 vamos ter uma linha bem menor q hj e em motores e cambios tmb

        • G.Alonso

          E com a melhora do câmbio, que já veio no Mobi e será aplicada no Uno agora em agosto, além de uma melhora na qualidade final dos modelos. Mobi, Uno, Palio, Siena, Grand Siena, Strada, Toro. Essa seria a linha, certo?

    • pedro rt

      acho mais facil acontecer com ela oq um dia ja aconteceu com algumas empresas brasileiras como a cica, arisco, jurema, grendene… foram todas absorvidas por grandes grupos mundiais de siglas

  • Joaquim Grillo

    Tá certo é estratégia de mercado, é que nem aqui se a GM tivesse trazido o Astra ao invés do Cruze acredito que teria mais retorno

  • Alexandre

    Vai tarde esse lixo!

  • Autofahrer!

    Enfim, identidade de marca zero.

  • Thyago Moraes

    FIAT poderia lancar o TIPO com nome PUNTO

    • awatenor

      Boa! Excelente Idéia (trocadilho intencional), mas duvido que alguém da Finheti escute por aqui. Nem com muita reclamação se consegue um bom reparo de garantia. a fábrica c**** pra mim após a compra.

    • pedro rt

      nao inventa, vai cometer o mesmo erro da chevrolet ao chamar o astra de vectra gt

      • Mazembe 2X0

        Mas o Tipo é bem mais carro que o Punto.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Ainda acredito no sucessor natural do Punto, mas não já. Na verdade muita coisa que o Marchionne fala, a imprensa interpreta errado, já vi acontecer várias vezes isso. Ele foge da regra de um executivo comum da área automotiva. Sei que muitos não gostam dele, mas o cara é bom, não tanto nas suas declarações.

  • G.Alonso

    Tudo confirmando que teremos X6H como PALIO, o que sempre disse, principalmente por ter um nome forte aqui no Brasil. A linha começará no Mobi, Uno (que em uma nova geração ficaria maior para o lugar do Palio), e o Palio cresce para lugar do Punto e concorrer com Fiesta, Fit, C3, 208… Com motor 1.8 e AT6.

    • Eduardo Brito

      O que não entendo é a nova geração de motores. Vai começar com 1.0 com 3 cilindros, mas apenas 6v. Depois falam em 1.3 4 cilindros e 8v(algumas fontes falam que este vai ter 16v) e depois 1.3 16v turbo…

      • G.Alonso

        Bom, o Autos Segredos está afirmando isso dos motores a algum tempo, é uma fonte super confiável sobre essas informações, principalmente da Fiat. Mas, acredito que esses motores tenham suas 4 válvulas por cilindro e seja tão moderno quanto os outros da concorrência. O 1.3 pode ser também 3 cilindros, aproveitando a base do 1.0, acredito que seria mais barato para a montadora e mais econômico como um todo. Sobre a versão turbinada, ela chegaria supostamente a 150 cv, ocupando lugar do atual 1.4 T-Jet, e ganhando transmissão AT6 da Aisin, podendo estar até no Toro.

    • pedro rt

      isso ja foi falado o nome do novo hatch sera msm PUNTO e nao palio como vc disse, vi isso ha algumas semanas em outro grande site

      • G.Alonso

        Grande site não me enche o olho, muitos afirmam coisas sem sentido. Continuo acreditando no nome Palio.

  • awatenor

    Pelo que escuto de rangidos de torção toda vez que ando no meu Plunto 2013/14, decerto uma plataforma reforçada vai fazer bem, mesmo que seja um Plaio espichado. Haja má qualidade de construção!

  • Edu.ch

    É um maluco tendo essa atitude de abandonar os hatches médios e compactos na Europa. Ele disse que não faria um suv Ferrari, mas quem duvida que em breve começará a substituir alguns modelos da Ferrari por suvs? Eu é que não duvido nada desse maluco.

    • pedro rt

      isso se chama esconder o jogo, eles nunca podem falar mesmo a verdade senao matam o carro por entregar de bandeja a noticia pra todos inclusive concorrentes

  • pedro rt

    no fim da noticia uma fonte ERRADA o BRAVO ja NAO e mais produzido ha quase 1 mes

  • Fabão Rocky

    O Punto vai deixar saudades. Belo design de Giugiaro!

    • pedro rt

      eu tenho um e realmente o carro ainda tem design atual apesar de saber estar envelhecido “9 anos no brasil”. o novo punto “sera mesmo esse nome e nao palio” chega no começo de 2017 e espero q seja bem completo, bonito e com preço competitivo diante dos concorrentes q custam entre 45mil e 65mil

  • Rodrigo

    Mundo ideal aqui no BR (segundo os consumidores):
    Mobi -> Uno -> Novo Palio (Projeto X6H) e variantes -> Novo Tipo e variantes (perua principalmente)

    Mundo ideal aqui no BR (segundo a Fiat):
    Mobi -> Uno -> Novo Palio (Projeto X6H) e variantes -> quer algo mais elaborado, vai pra concorrência…

    E pensar que um dia a Fiat foi uma montadora que ditava vanguarda aqui no BR… :(

    • Guilherme Batista

      Saudades do Tempra…

  • Sassá

    Saudades do Stilo….o desenho nem parecia o de um fiat. O Bravo atual usa a mesma plataforma.

  • leitor

    Não dá pra entender. Não terá um modelo novo por conta do mercado, quer dizer que o modelo atual é melhor? Sinceramente eu preferia o anterior, o atual parece demais com o Pálio. O próximo ficaria pior então?