JAC Motors México Mercado

JAC Motors prepara sua estreia no México para este ano

jac s2 2016

Dando continuidade a seu plano de expansão na América Latina, a JAC Motors se prepara para fazer sua estreia no México. A montadora chinesa anunciou nesta semana que vai começar a vender seus veículos por lá no final deste ano e será representada pela empresa local Giant Motors (a mesma que produz os caminhões FAW).

Ainda não se sabe quais modelos da JAC Motors serão oferecidos aos mexicanos, mas caso a marca siga a mesma estratégia aplicada nos demais mercados do continente latino-americano, é de se esperar que a linha ofereça hatches, sedãs e crossovers, o que inclui o pequeno J2, o sedã J4 e os utilitários-esportivos S2 e S3 (nosso T5), o primeiro importado do Paraguai e os demais da China.

jac s3 2016

No continente, a JAC comercializa seus automóveis no Brasil, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai.





  • Supernescau

    Missão impossível II.

  • Mumm Rá

    Olha o que o cartel ( desgoverno + quatro grandes ) e nosso preconceito contra carros chineses fizeram : JAC podia estar investindo no Brasil e gerando empregos e melhorando nosso mercado

    • Serkot

      Não força que você acreditou no Habbib e aquela fábrica que as obras começariam sempre no: “Ano Atual” + 1?

      • Mumm Rá

        JAC e Habbib fizeram besteira ? Sim mas em nada muda as conhecidas tentativas de atrapalhar as chinesas de agirem em nosso mercado ( só não vê quem não quer )

  • pedro rt

    surpreende nao ser vendido na argentina

  • Salim Mahmood

    a JAC em termos de carro e muito melhor que a Fiat

    • Serkot

      Não que eu goste de Fiat, mas o JAC e chineses foram os únicos, UNICOS, modelos a tirar ZERO estrelas no Crash test com Air Bags equipados…
      Nem os modelos HueBR cretinos conseguiram tal façanha!

      • Diogo Oliveira

        É nisso você está certo.

      • Triton

        O JAC J3 (modelo antigo), à época, tirou 1 estrela com AB2. Depois desse teste, nenhum outro carro chinês com air-bags foi testado pelo Latin N-CAP. Ou seja, todos os carros que tiraram zero estrelas não tinham air-bags. A título de informação, o Chery Face com 2 air-bags, modelo já fora de linha, foi testado pelo ANCAP (Austrália) e tirou 3 estrelas.

    • erick

      JAC usa motor com as mesmas tecnologias que os carros japoneses usam. Pra JAC so falta uma fabrica no Brasil ou na Argentina mesmo. Deixar de comprar um JAC, um Celer 1.5 nacional pra comprar um Up 1.0 caro perto de 50 mil… NUNCA!!!
      Sou mais JAC, Chery e Lifan!!! Torco pra que as chinesas consigam se firmar no Brasil ate o cenario melhorar.

  • zekinha71

    Estava tentando lembrar o que é Jac, daí lembrei que foi uma marca chinesa que vendeu carros aqui e dizia que ia ter um fábrica, e simplesmente sumiu.
    Nem no salão de SP vai estar.

    • erick

      Mas acredito que a JAC nao saira do Brasil. A Kia tambem nao tem fabrica no Brasil.

  • Tomtilt

    Será que a JACa vai dar calote no governo, como fez aqui?

    Esse S2 está bonitinho, mas nunca será visto em terras tupis, afinal a marca está morta e só o Habibs acredita na balela que fala.

    • erick

      Mas ainda acredito que a JAC nao saira do Brasil. A Kia tambem nao tem fabrica no Brasil. O cenario vai melhorar a partir de 2018, creio eu…

      • Tomtilt

        Existem duas diferenças entre a JAC e a Kia: a coreana tem um número de concessionárias razoável (ainda que muitas tenham fechado, especialmente as que estavam em cidades menores do interior, depois do golpe do PT contra os carros importados), seus carros não sofrem mais preconceito no mercado como os chineses e só o Cerato, terceiro modelo mais vendido da Kia e que vende muito pouco (primeiro é o Sportage e segundo o Picanto), vende mensalmente mais do que todos os modelos da JAC juntos.

        Já a JAC tem mais pontos de assistência do que concessionárias hoje, conforme o site da própria, as vendas despencaram e estão em um nível pífio e duvido que melhorem com a montagem nacional do T5, como o Habib promete, basta ver o que a Chery tem enfrentado com o Celer nacional, quando era importado vendia mais. Não vou entrar no julgamento de qualidade dos carros da chinesa, mas seus modelos estão bem queimados no mercado, desvalorização estratosférica, tem lojas que nem os aceitam e revender para particular é tarefa das mais difíceis, ok que carro não é investimento, mas isso afasta a grande massa compradora, por mais qualidades que o carro tenha.

        • erick

          Prometeram o JAC T5 CVT pra agosto… to de olho! JAC, Chery e Lifan deveriam entrar com força nos SUV´s assim como a CAOA Hyundai fez.

          • Tomtilt

            Agosto já está praticamente no fim hahahaha

            A JAC não se ajuda, não tem como defender. A grande sacada do T6 e T5 seria vendê-los pelos preços atuais mas já com o câmbio AT ou CVT, que é o que o consumidor do segmento quer hoje, mas não, continuam insistindo na transmissão manual. Tudo bem, deveriam oferecer as duas opções, mas o segmento dos “SUVS”, ou melhor, crossovers, está quase igual o de sedãs médios, a maioria dos modelos que oferecem transmissão manual são moscas brancas, difíceis até de comprar, quando não impossíveis, como o HR-V LX MT.
            Outros erros, J5 só com transmissão manual, T8 só com transmissão manual também, um sedã médio e uma van executiva que se dispõe a cativar também aquelas famílias grandes que precisam de um carro maior pra viajar, mas que venderiam mais se fossem também automáticos.

  • Debraido

    O problema das chineses foi a estrategia. Quiseram vender carros populares, quando deveriam ter pegado emprestada a estratégia da Hyundai/CAOA quando entrou forte no mercado, vender SUVs baratos, os queridinhos do povo. Somente depois oferecer carros populares.

    • Tosoobservando

      Mas nao foi tanto culpa deles viu, foi culpa da choradeira das montadoras que tem fabrica aqui, pq eles tavam indo ate bem antes do IPI majorado pra importados e do Inovar Auto, e tinham varias empresas chinesas com planos de vir pra ca com seus modelos importados, muitos suvs, sedans, caminhões vans etc.. mas ae essa mudança das regras que o governo impos melou os planos deles.

    • erick

      O problema foi o lobby das 4 grandes montadoras que querem que nos paguemos 45 a 55 num Up/Onix/Prisma/Hb20 todos 1.0 fraco.
      Deixar de comprar um JAC J3, um Celer 1.5 nacional pra comprar um Up 1.0 caro perto de 50 mil… NUNCA!!!
      Sou mais JAC, Chery e Lifan!!! Torco pra que as chinesas consigam se firmar no Brasil ate o cenario melhorar.

  • Diogo Oliveira

    Agora só falta o Faustão ir lá fazer propaganda! Kkkkk

  • erick

    Pra JAC no Brasil so falta uma fabrica. Os brasileiros compram Kia, mas a Kia tambem nao tem fabrica por aqui.
    EU NUNCA pagaria de 45 a 55 mil num Up/Onix/Prisma 1.0 !
    35 mil pego zero km o Celer 1.5 nacional completao ou JAC J3 1.4/1.5 completao por 32 mil na minha cidade.

    • Cláudio Lima

      O problema do carro chinês é o mercado de usados. Ninguém pega um chinês usado. Vc para 35 mil num Celer 1.5 e fica com ele pelo resto da vida. Fora as críticas dos “amigos”: por 35 mil pegava um Toyota semi novo completão ou um HB20 da moda pouco rodado…

      • erick

        Ainda espero que as chinesas sigam o caminho de Toyota, Nissan e Honda por aqui.

  • erick

    Ja vi muitos amigos esperando o Arrizo. Ele realmente é top!

  • Tosoobservando

    Agora so depois de 2017, isso se o Inovar Auto nao for renovado.