Coréia Kia Lançamentos

Kia Soul 2017 estreia novo visual na Coreia do Sul

Kia Soul 2017 coreia do sul 1

Três anos após ser lançada, a atual geração do Kia Soul acaba de estrear suas primeiras mudanças visuais. A linha 2017 do modelo foi anunciada nesta semana pela montadora na Coreia do Sul e, além do novo design, recebeu novas opções de acabamento interno e melhorias no conjunto mecânico para diminuir o consumo de combustível.

O visual do Soul 2017 foi inspirado no conceito Trail’ster, apresentado pela montadora no ano passado durante o Salão de Chicago, com direito a faróis com novo layout interno, tecnologia HID e luzes diurnas de LED, para-choques redesenhados, lanternas traseiras com nova disposição das luzes de LED e rodas de liga-leve de 18 polegadas com novo desenho.

Já no interior, o modelo da Kia traz como destaque a nova opção de acabamento bicolor, que combina as tonalidades marrom e preto.

Kia Soul 2017 coreia do sul 3

Por fim, na motorização, o 1.6 litro GDI a gasolina, que rende 132 cv e 16,4 kgfm, passou por melhorias e agora consegue entregar consumo combinado de 11,9 km/l, o que representa uma pequena melhoria em relação a linha anterior, que tinha consumo médio de 11,6 km/l. Junto a este propulsor está um câmbio automático de seis marchas.

A linha inclui ainda um 1.6 turbodiesel de 136 cv e 30,6 kgfm, que trabalha em conjunto com uma transmissão automatizada de sete velocidades e dupla embreagem.

Na Coreia do Sul, o Kia Soul reestilizado tem preços entre 17,5 milhões e 23,1 milhões de ienes (cerca de R$ 49,9 mil a R$ 65,9 mil, respectivamente, numa conversão direta). Ainda não se sabe, porém, quando o modelo renovado começará a ser vendido no Brasil.

Galeria de fotos do Kia Soul 2017





  • André

    Não consigo entender o estimulo de uma pessoa em comprar esse Soul, é um carro que não é bom em nada, nem em desempenho, nem em espaço, nem em custo beneficio, nem em consumo, nem em conforto e na minha opinião, nem em desenho. É quase uma Renegade 1.8, não serve para quase nada, SUV que não faz off-road, baixo desempenho, alto consumo, espaço interno no máximo razoável mas com porta malas ridículo e ainda caro. Tem carros seguros mais funcionais que Soul e Renegade 1.8.

    • EDU

      Mas voce ja teve um dos dois modelos ou os dois?
      Respeito sua opniao mas a maioria dos propietarios que possuem estes dois modelos que voce citou estao contentes com seus carros . Ninguem melhor que quem possui o carro para opniar realmente .

      • oscar.fr

        Não é preciso ter o carro para saber que mais de 1400 kg e motor 1.8 Fiat não são uma boa combinação em termos de desempenho e economia. Pelo menos não a melhor disponível no mercado. O mesmo vale para o espaço interno do Renegade e seu ridículo porta-malas de Gol.

      • André

        Eu escrevi: “Não consigo entender”, mas respeito quem achar uma boa compra, apenas eu não consigo ver vantagens neles.

      • Breno Ferreira Ribeiro

        Já tive um Kia Soul 2012 AT6, ótimo carro, nunca me deixou na mão ou me deu problemas, bom desempenho, mt confortavel, espaço interno muito bom (considerava grande até), o que ficava a “desejar” era o porta malas, muito pequeno, porem não via como um problema para o meu uso (Solteiro, idas a faculdade e no máximo viagens curtas) unica reclamação que eu tenho é sobre o consumo achei muito elevado! Meu carro anterior a este também era um Kia Soul 2011 porem Manual. Tirando essa “reclamação” o carro só me trouxe alegrias! Troquei ele este mês por causa que já iria fazer 2,5 anos de uso comigo. Carrinho deixou saudades!

        Em Relação ao Renegade 1.8 Flex, tive a oportunidade de andar em um por uma semana, carro lindo, bem confortável,… um ótimo carro!
        Porem o carro deixa muito a desejar em desempenho, chega a lembrar um carro 1.0 no máximo 1.4! E o consumo tbm bastante elevado. Creio que a versão a Diesel deve ser um show a parte neste modelo!

        • Edson Fernandes

          Ainda mais porque o motor (modo supertrunfo…rs) tem uma ficha tecnica bacana e o cambio de dupla embreagem deve ajudar e muito nisso.

    • Norm

      A pessoa cresceu ouvindo que “Luxúria é uma coisa horrível. Tem gente que fica rica é já compra quatro Cherokees”. Renegade é quase isso…

    • Milton Baptista

      Hoje o NotiKIAs Automotivas está fantástico

      • Aires Jone

        Lol

  • Bruno@BRN.CS

    Interior legal mas o excesso de botões no volante é assustador.

    • Danilo Fróes

      C4 idem

      • Edson Fernandes

        Ao menos no Citroen ainda havia motivo pela direção de cubo fixo…. era um excesso de botão para todo tipo de uso… já nesse não faz muito sentido.

        Alias, como eu odeio ver local de botão que mesmo na versão de topo “sobra” espaço. Não seria melhor ter botão onde existe e no lugar onde não há, simplesmente uma capa ou acabamento? Coisa ruim ver a versão de topo ter local sem botão com espaço para tal.

  • Maycon Farias

    Ficou muito bacana a atualização. Mas não crio expectativas de um dia ter um devido ao preço aqui.

    • Dii Nascimento

      É surreal o valor pedido por aqui !

  • Bruno Silva

    Um Soul bem completo com motor 1.6 turbo na faixa dos 85mil venderia muito.

  • Vattt

    Carro estiloso, pena que cobra “MUITO, MUITO mais do que vale”, quando que no Brasil, a cultura é apenas “cobra mais do que vale”!!! Nem os carros de imagem de outras marcas são tão caros assim pela proposta.

  • Tomtilt

    Gosto do Soul mas o preço dele é impagável, ainda que seja vendido com descontos. Em relação a geração anterior o modelo atual (que agora é “antigo”) evoluiu bastante em acabamento, que era uma coisa que o outro deixava a desejar, todo em plástico duro.
    O problema dele não é nem o motor 1.6, que faz um bom trabalho com o câmbio de seis marchas, é o valor. Se fosse vendido na faixa dos 70 mil seria um sucesso.

  • Rafael Neves

    Tive um Soul Marrom AT 4 Marchas 2012. O carro era bom porém alguns pontos pesavam contra.. quando comprei, era meu primeiro carro em conjunto comprado com a minha esposa e o primeiro automatico também. O carro é muito confortavel entretanto a suspensão meio dura comprometia um pouco pelo bater seco. O cambio automatico de 4 marchas era até bom com respostas rápidas e sem trancos. O que era muito ruim era o consumo… 1.6 com desempenho de 1.4 e economia de um V8. O tanque de gasolina também de litragem menor comprometia a autonomia… tinha meses em que fazia apenas 230 km com um tanque. O que me fez desisitir da KIA foi seu amadorismo no que diz respeito ao Pós vendas e manutençao nas redes de CSS. Não ter preço fixo fazia a concessionária cobrar o que julgasse ideal pelos serviços (sendo que ideal apenas para os donos das CSS), Carro versão TOP que vinha SEM ALARME DE FABRICA. Apenas 2 AB, O porta malas também era MUITO pequeno, para nós que temos filhos é praticamente um espaço de Subcompacto, ou seja, sem condiçoes. Fora isso é um carro que se tivesse um motor adequado (talvez esse 1.6 GDI) e maior espaço no porta malas além de um cambio mais eficiente (me parece que esse AT6 fez muito bem ao carro) teria tudo para competir até mesmo com o Renegade.

  • Artur Keppler

    Estréia só na Koreia do Soul?

  • Wagner

    A moeda na Coréia do Sul é won. Iene é no Japão…

  • oscar.fr

    HAHAHAHHAHAHAHA, Bem lembrado!



Send this to friend