Governamental/Legal Leilões Trânsito

Lei que acelera leilões pode reduzir estoque de carros apreendidos

camaro-apreendido

Uma nova lei sancionada pelo governo federal vai permitir uma redução da frota de veículos apreendidos em pátios de Detrans de todo o Brasil.

Agora, o prazo para reclamar um veículo apreendido cai de 90 para 60 dias, logo depois, ele será leiloado. Caso um veículo não seja arrematado após dois leilões, será leiloado como sucata.

Por enquanto, a lei só terá efeito sobre os carros sem pendências judiciais, mas já se estuda mecanismos para leiloar veículos atrelados à Justiça.

A lei foi aprovada na semana passada e terá um prazo de 150 dias para entrar em vigor. Só no estado de São Paulo, existem pelo menos 100 mil veículos apreendidos em pátios do Detran.

[Fonte: Rádio Bandeirantes]





  • Fabio Marquez

    Eu apoio esta lei, já que o estado vai arrecadar mais leiloando carros mais conservados. Espero que diminuam a burocracia que envolvem o processo de leilão dos carros.

    • Pedro Cunha

      Concordo e acrescento que deveriam estudar a possibilidade de leilão imediato após apreensão em casos de veículos clonados, com altos valores de multas, inadimplência de mais de 1 ano de IPVA e/ou DPVAT e, PRINCIPALMENTE veículos guiados por motoristas flagrados bêbados e/ou drogados. Fazer essa cambada de assassinos sentir duro no bolso, perder o carro e a habilitação na hora do flagrante, sem choro. Mas infelizmente nosso judiciário e legislativo não possuem “paudurescência” moral para determinar isso de modo imediato e eficaz.

  • GPE

    Já é algo liberar espaço nos pátios. O problema ainda vai residir nos que tem pendências judiciais que, creio eu, seja a maioria.

    • CharlesAle

      Pois deveriam ser leiloados mesmo assim. E o valor arrecadado, ficar em juízo…

      • Antonio_Brust

        Acontece que muito dos carros foram usados para cometer crimes, como assaltos e assassinatos. Então o que fica em questão não é o valor do bem, mas as diligências em torno dele pra levantamento de provas. E isso leva anos…

        • Carlos Juan

          Como sempre… parece que o problema desse nosso Brasil é a Justiça… ou falta dela pois sobram ineficiência, inércia e omissão.

  • André

    uma otima opção para compra de um bom carro seguro completo por um preço decente, ao contrario de concessionarias e estacionamentos que vendem carros seminovos a um preço muitas vezes fora do aceitalvel, carro é bem de consumo não artigo de luxo, independente do modelo ou marca, todos temos direito de ter um bom carro.

    • Alvaro Guatura

      Pior são os estacionamentos que compram de leilão e vendem a preço de ouro, muito próximo do mesmo modelo zero km…
      Aqui na minha cidade não compro carro usado de estacionamento de forma alguma, caríssimos e todos do estado de SP…
      Além do atendimento sempre péssimo

  • Bruno Wendel Marcolino

    diminuir o preço da diária do carro eles não querem?

    Quando é apreendido, além da diária, ainda cobram o guincho. Guincho mais a uma diária já sai uns 200 reais fácil, se não mais, imagina uma semana, o valor já vai pra 800 reais mais ou menos, agora imagina 60 dias!!!! E não tem arrego, é tudo a vista ou entra na justiça e enquanto isso o valor vai se corrigindo.

    Sou a favor dessa lei sim, mas se o cara tem o carro apreendido talvez ele não tenha toda essa grana para pagar na hora e isso sim tem que ser pensado, mas a máfia é forte.

    • AlemãoMoreira

      Essas diárias e taxas de guincho são um caso a parte. Um conhecido vendeu o carro e não recebeu a grana, deu queixa na polícia e etc, meses depois o carro foi apreendido numa blitz e deixaram por 45 dias no pátio do detran, sem avisá-lo que haviam recuperado. Moral da história teve que pagar uma fortuna para tirar o carro de lá e agora tenta reaver o dinheiro pago ao detran na justiça.

      • Bruno Wendel Marcolino

        sim, fora que teve que pagar a vista ainda sem choro né!!!

        Maior mafia do “b”aralho!!!

      • CharlesAle

        Sim. Aqui em Sp tem de tomar cuidado com compradores golpistas, que compram o carro dando o golpe do cheque roubado, muita gente incrivelmente cai igual pato!! Uma dica que falaram é que, se for vitima de estelionato, tem de fazer o BO como roubo, e não estelionato. Pois se achar o carro, é muito mais simples de pegar de volta…

        • Nícolas Santos

          imagina eu em 2013, com um Uno sx 2p, tabelra era 8 mil, prenderam, o guincho foi R$ 210,00 + R$ 43,00 o dia !! o valor da diária é maior que um salário mínimo. consegui buscar o carro depois de 14 dias, um baita prejuízo, e tudo porque onde comprei não regularizou o carro e transferiu para mim -.-

    • CorsarioViajante

      Guincho e pátio são uma máfia desgraçada.

      • Bruno Wendel Marcolino

        é uma desgraça só!!! Por isso seria mais útil uma melhoria nesse aspecto, porém a lei criada é boa, só que eu acho que esse mais de 100 mil carros de SP deve ter vários que não conseguiram pagar essa mafia.

    • Observador – MB

      Se não tem grana nem pra pagar a documentação não deveria nem ter carro pra começo de conversa.

      • Bruno Wendel Marcolino

        a sim, são casos e casos, porém não é só por isso que os carros são apreendidos…

  • Eng Turbo

    Ótima iniciativa, agora só falta realizar um leilão ABERTO a todos. A máfia é a seguinte: Os carros “Filés” (Como são chamados) são destinados a fulano e beltrano já selecionado e o resto vai a leilão popular. Eu compro carro de leilão desde o final da decada de 90 e já vi cada uma….

    • Amigo, tenho muitos conhecidos que “viviam” de leilão, mas que disseram que nos últimos anos não compensa mais. Carros com valores muito próximos aos de loja são os principais motivos de reclamação. De fato, os preços se aproximam tanto assim aos de mercado?

      • Eng Turbo

        Isso depende e MUITO do modelo. Caso vc queira comprar um Corolla ou Civic no leilão….esqueça!! Os valores são impraticaveis, o mesmo vale para carro com bom giro de mercado, Gol, Celta, Palio…etc. Mas se vc procura um carro de baixo volume ou ruim de comercio, ai sim terá uma vantagem enorme no preço. Ex: Carros da PSA, Focus, Fusion, Azera e ate mesmo carros de entrada, como o Clio. Já comprei carros praticamente ZERO KM 30% abaixo da tabela….isso tb vale para motos.

        • Junior_Gyn

          Mas no caso de Focus e Fusion, estes são os mais vendidos de sua categoria, e ainda são ruim de “saída” num leilão??

          Único veiculo que adquiri num leilão foi uma moto XR 250 Tornado com 1 ano de uso, moto estava impecável (só troquei óleo e capa do banco que estava ressecada), consegui por 1300 reais abaixo do valor de mercado, achei um bomm negócio. Isso já faz uns 7 anos atrás

          • Bruno Wendel Marcolino

            O Focus da primeira geração é horrível pra revenda, não sei porque, já que é um ótimo carro, mas meu compadre tinha um e demorou pra vender, acabou tendo que dar de entrada na CCS, pra particular esquece.

            Ele queria 25k na época e ficou por 18k na CCS, é fogo.
            Focus mais novos e Fusion eu não sei como é realmente.

            • Eng Turbo

              Já tive um Focus Ghia MK 1,5 (Duratec). O carro é ESPETACULAR, até pensei em realizar um relato aqui no NA.
              Porém na hr de realizar a manutenção vc entende o porque ele é tão “barato” depois de usado. Pesquise os valores dos coxins desse carro (Quebram a todo momento)
              Esse modelo possui alguns problemas cronicos e pra ajudar o valor das peças assusta qqr um.

              • Bruno Wendel Marcolino

                Imagino. Uma pena, pois realmente o carro era bom.

          • Eng Turbo

            Focus e Fusion possuem uma manutenção EXTRATOSFÉRICA….e o risco de comprar uma “bomba” é muito grande. Além disso, esse modelos já são muito desvalorizados em revenda, imagina isso em um leilão. Ja vi Fusion 6 cilindros saindo o mesmo preço de um 4 do mesmo ano. Isso tb vale pro Azera

            • Bruno Wendel Marcolino

              realmente, a um tempo atrás tinha em mente um Focus ou um Vectra seminovos, ambos beirando os 32k mais ou menos, anos 2010 na média e sempre que lia algo a respeito do Focus falava da manutenção cara, e manutenção cara tende a que o dono anterior não a tenha feito corretamente, salvo exceções obviamente. No fim não troquei de carro na época, fiquei com o meu. kkkkkk

            • Junior_Gyn

              Ah então vc quiz dizer dos modelos mais antigos. Não estes recentes sendo o 2.0 Ecoboost e o 2.5 Flex

            • CharlesAle

              Desculpe mas não acho a manutenção de Focus tão alta como diz. Se pesquisar itens como embreagem, pastilhas, velas, filtros.. ou seja, peças de manutenção corriqueira, verá que é no mesmo nível de seus concorrentes(lógico, não dá para comparar com preços de peças de carros populares) como Astra, Golf, stilo, 307… E Focus tem manutenção bem mais barata que Azera…

          • CharlesAle

            Eu também discordo Junior. No Milan leilões, vi os carros da frota da Ford, Fusion, Focus e demais modelos sindo com preços que, sinceramente, só sendo burro para arrematar!!! Para pagar barato em carro de leilão, só alguns modelos PSA, Chinês e sinistrados. Focus e Fusion, bonitos na foto, esquece…

        • Edson Fernandes

          Mas sabe que eu ainda fico desconfiado? Só compraria carros perto de ser 0km. Não me parece bom negocio pegar um carro mais rodado porque vc tem o risco do ex dono ter rodado com ele da mesma forma como deixou de paga-lo.

      • CharlesAle

        Tive uma época na minha vida que comprava carros em leilões para revender. Mais no leilão Freitas de SAndré. Mas ai ficando caro demais, com sistemas como checkauto(que avisam que o carro é de leilão, desvalorizando-o) e para piorar, entrou os lances on-line e ai foi a pá de cal.
        Hoje, vejo o pessoal pagar absurdo em carros nos leilões on-line, principalmente no Superbid e Sodré Santoro…

        • Reparei nisso quando procurei essa opção. O preço é muito próximo de lojas. Não vale o risco.

    • Marcelo Henrique

      No DF os carros populares e de boa revenda nem compensam comprar pois o valor acaba sendo praticamente o mesmo que é aplicado no mercado.
      O pessoal que vem de Goiânia para comprar fica sempre decepcionado.

      Lembro de um Mille que no leilão foi vendido por R$ 12.000,00 mas se procurar um de particular sem débitos, bom estado e em Goiânia era R$ 9.000,00.

      • Eng Turbo

        Ja vi de tudo em leilão, desde carros 10% acima da tabela FIPE (Tem louco pra tudo) como tb carros sendo vendidos pela oferta minima, coisa de 20% do valor de mercado (modelos que são ruim de revenda). No inicio dos anos 2000 Escorte Zetec 1.8 16v 115cv era um carro e tanto, porém NINGUEM queria….esse modelo saia por menos de 5k….mas um Uno Mille pelado, do mesmo ano, saia por 8k

  • Pedro Henrique

    vo aproveitar o post e mostrar uma noticia da minha cidade pra vocês, minha cidade era conhecida por ter muitos, muitos radares (aprox. a cada 1.000m ou em alguns lugares, menos)
    porém hoje, saiu uma noticia no jornal local da cidade, noticia essa inacreditável dado a situação do país atualmente…
    E digo mais senhores, se a minha cidade consegue, a sua também consegue, divulgue essa informação a seus vereadores!

    • CorsarioViajante

      Se não me engano, esta é a “lombada” prevista pela lei. Ou seja, apenas esta poderia ser construída.

      • V12 for life

        Não as permitidas por lei tem que ter 1,5 e 2,5 de comprimento com no máximo 10 cm de altura sem prever faixa de pedestre, essa passagem de nível elevada tem a área da faixa totalmente plana, oque a deixa bem maior que a lombada padrão, mas a proposta é ótima já que obriga os carros a frearem mesmo que não haja pedestres atravessando.

        • CorsarioViajante

          Obrigado pela informação, em alguns lugares de SP tem esta faixa elevada e acho uma solução ótima. Outra coisa que seria ótima seria adequarem as lombadas À norma técnica.

          • V12 for life

            Realmente tem algumas que parecem postes caídos na rua.

        • Michel
    • Ramom Alencar

      prefiro um radar do que essa monstruosidade, aqui na minha cidade está infestado disso ai…

      • Lucas

        só quem acha isso monstruosidade é manolão que anda com carro socado no chão.

        • Bruno Wendel Marcolino

          é verdade, tenho que concordar, salvo alguns casos de carros mais baixos de fábrica, mas é bem mais difícil.

    • Foxtrot

      O mesmo já é aplicado em Lagoa Santa – MG e os motoristas de lá respeitam, mas não muito, a passagem do pedestre. Já a vizinha Belo Horizonte vem tentando educar os motoristas com o programa “Pedestre eu respeito” que muito lentamente esta apresentando algum pequeno resultado, mas muuuito longe do esperado.
      https://www.youtube.com/watch?v=-J4CFwQgCkg

      • Thiago

        Só que tem que ensinar os pedestres também que quando existe sinaleira eles não possuem essa prerrogativa e têm que respeitar o sinal, da mesma forma que os carros. Só para citar o exemplo da modelo gaúcha em SP que estava de bicicleta e foi atropelada pelo ônibus porque atravessou no vermelho.

        • Mas pelo que sei essa regra não vale ao adentrar num cruzamento. Exemplo você vem numa avenida e no sinal verde dobra a direita e encontra um pedestre , a preferência é do pedestre. Até porque nesses casos se não tiver sinal específico para pedestre ele nunca vai ter vez.

          • Pedro Henrique

            lendo seu comentário lembrei que na cidade vizinha aqui (São josé-SC) tem muitos cruzamentos de ruas em que o meio do cruzamento é elevado (não muito, é bem suave) e ele meio que “obriga” porque mesmo que de pra passar você inconscientemente reduz por causa do “pulinho” que dá… acho a ideia fantástica principalmente quando se quer entrar em uma avenida e fica complicado porque ninguém dá vez.

        • Foxtrot
      • Pedro Henrique

        acredito que essa mudança da prefeitura é meio caminho andado, falta agora além dos motoristas começarem a respeitar, os pedestres aprenderem a atravessar pela faixa, se o carro tem sua estrada, os pedestres também tem sua estrada e os ciclistas também (ou deveriam), afinal é ilegal carro andando na calçada mas pedestre andando no meio da rua fica complicado né…

    • Khusller

      O problema é que colocam as lombadas sem rampa e ainda a 20cm do chão. Subir no passeio é mais fácil que passar pela lombada.

      • Pedro Henrique

        as faixas elevadas serão iguais as da foto, com rampinha e sinalizadas (até porque é uma empresa contratada da prefeitura quem faz o asfalto da cidade)

        mas é bom sempre a população ficar de olho e ajudar a fiscalizar também, se ver uma dessas faixas elevadas sem rampinha, tem que ir lá na prefeitura e reclamar (ou para algum vereador)

        • Khusller

          O que tô dizendo é que das milhares de prefeituras que existem a maioria prefere jogar bolo de cimento na pista a contratar uma empresa.

          • Pedro Henrique

            aqui a prefeitura ainda faz aqueles “recapeamentos” que mais parece areia, só dura até a próxima chuva forte kkkkkkkk mas como medida provisória até que é legal kkkk

    • Bruno Wendel Marcolino

      show.

    • Astron

      Parabéns pela sua cidade, mas em SP o PT fudeu legal.

      Aqui é uma mafia absurda, só quem mora ou transita constantemente entende.

      Os funconarios da CET, já denunciaram que eles são forçados a cumprir metas de multa e guincho.

      Aqui nada se conscientiza, não houve melhorias para pedestres, motoristas etc.

      Para um professor da USP igual o Haddad, deveria ser o contrario, dizem alguns que é pra incentivar o transporte publico, que não atende a demanda com qualidade.

  • CorsarioViajante

    MUito bom, mas acho que o maior entrave aí é a burocracia não? Digo para fazer o leilão e tal. Mas espero que desafogue esta questão.

  • V12 for life

    100 mil nos pátios do DETRAN e mais uns 150 mil nas delegacias.

  • Nismo

    Vai movimentar bem o mercado de peças!

  • Mak Mak

    Podiam é apreender os carros dos motoristas que se recusam a fazer o teste do bafômetro e esses carros ir para o leilão em 24 horas.

  • Pablo Lourenço

    Aí vc compra o carro no leilão do detran/RJ e fica 2 anos pra pegar o documento do carro porque simplesmente o processo administrativo não anda. Hauahaha. Ou seja. Fria.

  • LoganVB

    Eu acho interessante a lei, só que deveria verificar a constitucionalidade da lei de apreensão do veículo. O assunto extenso para se discutir aqui, mas ao meu tem muito furo na aplicação da lei, principalmente na forma.

  • Rafael Ribeiro

    Ja pensou um 911 ou até esse camaro mesmo sendo leiloados como sucatas? hahaha