Conversíveis Mercedes Benz

Mercedes-Benz SL 2016 aparece com atualização no visual

mercedes-sl-2016-1

O Mercedes-Benz SL 2016 foi apresentado com mudanças no visual. O tradicional conversível da marca germânica chega com mudanças na grade, agora em novo formato e mais dinâmica.

Além disso, os faróis de LED passam a ter o mesmo estilo visto no AMG GT, enquanto o para-choque dianteiro ganhou novas entradas de ar, maiores. As lanternas foram atualizadas, assim como o protetor traseiro, o novo difusor de ar e os escapes cromados.

mercedes-sl-2016-2

No SL63 AMG, a principal mudança é a grade em fibra de carbono, bem como entradas de ar adicionais revistas e soleiras laterais pretas. As rodas também foram atualizadas e agora vêm com pneus Continental ContiSportContact.

Por dentro, as mudanças também são perceptíveis. O cluster tem display maior, enquanto o painel ganha um novo relógio analógico. Há mais detalhes em fibra de carbono, assim como novos modos de condução: Individual, Comfort, Sport, Sport+ e Race. Um novo controlador de ESP e suspensão foi introduzido.

mercedes-sl-2016-5

A Mercedes não divulgou os detalhes dos motores, que diz serem “mais potentes”, mas revelou que a transmissão automática agora é a novas 9G-Tronic de nove marchas. Além disso, divulgou que o SL 2016 vem com o Active Body Control com função de inclinação em curvas. O modelo será destaque em Los Angeles.

Galeria de fotos do Mercedes-Benz SL 2016:





  • PEDAORM

    Bem melhor que o patinho feio que é a geração atual, podiam ter dado uma mudada maior na traseira… Essa linha de design da daimler esta bem amadurecida.

  • Eduardo Brito

    É praticamente um Mercedes GT conversível. Gostei.

  • Eduardo

    Melhorou bastante, não gostava muito da SL atual e definitivamente não gosto da SLK atual (vamos ver como essa ficará quando virar SLC).

  • Vini

    o SL é um dos carros que mais gosto desde sempre, especialmente o modelo vendido há uns 8 anos mais ou menos. Achei esse com alguns pontos de perfeição rs como o interior (o volante é primoroso). A traseira está muito bonita (gosto muitos dessas lanternas). A frente está bonita, mas com alguns detalhes que pelas fotos me pareceram estranhos no para-choque. E esteticamente preferiria a lanterna dianteira com algum vinco a mais, mais cortada.

    • lheu

      A que eu mais gosto é a 500SL de 1990
      Lembro que quando abriram as importações esse era o sonho de consumo de muita gente.

      • Thiago

        Esse carro era o top dos tops da época, lembro quando 1995 lançaram o SL600 que era equipado com V12 6.0. O nome dessa geração era denominada 129 (1989-2001).
        Esse motor é usado até hoje no Pagani Zonda, com a litragem aumentada para 7.3 chegando a 603 cv com coletores de admissão e de escape avançados e um ECU revisado.
        Embora a litragem fosse maior, esse não foi o propulsor mais potente que equipou o Zonda, sendo o motor 6,0 L V12 M120 de origem AMG a partir da versão de corrida da Mercedes -Benz CLK- GTR.
        Na Europa a rara (apenas 85 unidades) SL73 era vendida com 525cv. Para ter uma necessário comprar uma SL600, mandá-la à AMG e pagar a assustadora quantia de 50.000 marcos alemães (muito para a época).Não se tem notícia de nenhuma no Brasil.

        O Maluf tinha na sua coleção uma MB rara que foi mandada à AMG para um tipo de serviço como esse da SL73. Dizem que ela foi um de um pedido especial do Sultão de Brunei (aquele que pediu para que Pininfarina criasse a Ferrari 456 Venice – perua).

  • Bittencourt

    Na minha opinião, essa traseira nunca conversou com o restante do carro, nessa geração.
    A geração anterior manda lembranças!

  • Regina Campos

    Perdeu a cara de salamandra… mas esse bigode no pára-choque.. urgh!

    • Arthur Lima

      Eu tbm não gostei, aliás não gostei desta frente como um todo.
      Um carro com esta potência deveria ter um visual mais agressivo. Os farois deixaram o carro com cara de bobo.

      • Regina Campos

        Ficou…… estranho……

  • Edson Fernandes

    Mas ao menos até agora, foi o primeiro Mercedes a abandonar o tablet na parte central.

    Todos deveriam seguir essas linhas!

    • lheu

      A SL nunca teve o tablet

      • Edson Fernandes

        Bem eu nao acompanho exatamente o mercado de carros premium, mas para mim, os demais carros da linha da Mercedes teriam que ter esse tipo de interior que casa mais com o painel.

  • GPE

    É mais bonito que o AMG GT! Porém, o interior precisa de uma atualização

  • Cassio

    SL era um carro sensacional até 2008, depois os designers da MB perderam a mão, totalmente.

  • CanalhaRS

    Mercedes precisando de um designer urgente.

  • Kadu

    O SL tá meio esquecido ultimamente, né? Ninguém fala mais dele desde que lançaram o SLS, e depois o AMG-GT. Com o Classe S conversível sendo lançado eu acho que esse carro vai ficar ainda mais esquecido.



Send this to friend