Home CN Auto Modelos com GNV: Eles ganham “gás extra” de fábrica

grand-siena-tetrafuel-1

Popular em muitos países do mundo, o gás natural (GNV) é largamente utilizado em frotas públicas e particulares, incluindo também versões com Metano e GLP. Na Europa, por exemplo, alguns países dão incentivos para o uso do gás e as montadoras não perdem tempo em lançar modelos de fábrica com a adaptação.

Aqui, o GNV é o tipo utilizado e mais difundido em grandes centros, especialmente Rio de Janeiro e São Paulo. Mas mesmo com a demanda, as montadoras locais pouco fazem no sentido de oferecer opções de fábrica. Atualmente, entre os automóveis, apenas a Fiat ainda dá alguma importância para o combustível (que possui emissões de poluentes mais reduzidas) com o Grand Siena Tetrafuel.

jinbei-topic-gnv-1

Outra marca que também aposta no GNV é a CN Auto com a Topic, importada da China. Já tivemos outras opções em passado recente, tais como Astra Multipower e Ranger, por exemplo. No mercado, existem várias empresas certificadas pelo Inmetro que fazem a adaptação de veículos a gasolina/flex para GNV, mas veículos em garantia a perdem imediatamente.

O Fiat Grand Siena Tetrafuel é a opção desejável se você quer ter um carro de passeio com GNV ou mesmo para frotistas e taxistas, que se utilizam do gás para reduzir os custos com combustíveis durante o serviço. Ele utiliza motor 1.4 com 85/88/75 cv e 12,4/12,5/10,7 kgfm, respectivamente com gasolina, etanol e GNV. Além destes três combustíveis, ainda pode utilizar gasolina pura, sem adição de álcool.

grand-siena-tetrafuel

Com GNV, o desempenho é menor, fazendo de 0 a 100 km/h em 15,1 segundos contra 13,8 e 12,9 segundos com gasolina e etanol. A máxima é a mesma para todas as opções: 175 km/h. Além disso, o Fiat Grand Siena Tetrafuel perde muito do espaço no porta-malas, caindo de 520 para 390 litros. Preço? R$ 46.510. Completo, o modelo chega a R$ 56.105 com pintura metálica.

Já a CN Auto Topic é importada da China, onde é feita pela Jinbei, divisão comercial da Brilliance. A van asiática tem versões Passageiro, Furgão, Escolar e Ambulância, todas com opção de GNV, que segundo a empresa é de 5ª geração e não registra perda de rendimento quando no uso do gás.

jinbei-topic-gnv-2

Com amplo espaço interno, o modelo utiliza motor 2.0 16V a gasolina/GNV com 123 cv e transmissão manual. Medindo 5,07 metros e pesando 1.680 kg (versão Passageiro), a CN Auto Jinbei Topic tem preços a partir de R$ 43.700, mas dependendo da versão pode alcançar até R$ 60.000. Se a opção for GNV de fábrica, estas duas opções podem entrar em sua lista, dependendo é claro, do uso que se deseja fazer.



  • Tosca16

    GNV de fábrica sempre é melhor mesmo fazendo a adaptação numa oficina de confiança, veículos originais no GNV respondem melhor e tem mais torque que adaptações, além da garantia da fabricante ter feito testes e homologado o kit gás … Agora num compensa infelizmente hoje , nem taxistas hoje usam muito GNV entretanto seria bom se o país investisse mais sobretudo no gás metano que desperdiçamos horrores na atmosfera , mas aqui é Brasil e moda é Flex mesmo que o álcool nunca seja vantajoso .

    • danieldourado_2

      Maior produtor de Metano no mundo é arroto de vaca, e o Brasil tem mais de 200 milhões de cabeças de gado. kkk

      • Tosca16

        Eu sou estudante de medicina veterinária, uma coisa eu sei as vacas e qualquer outro animal num faz 1% do estrago do ser (des)Humano .

        • Cruz

          Até hoje não entendo o despautério de tentar acusar as vacas de causarem aquecimento global… deve ser coisa de vegetariano. :p

          Também criminalizam demais os carros como se eles fossem a causa de toda a poluição, esquecendo que os principais vilões são as motos

          Ainda mais considerando o enxame de motos que se vê nos grandes centros. Uma moto, que carrega no máximo duas pessoas, polui até sete vezes mais do que um carro.
          http://www.ciclovivo.com.br/noticia/motos_poluem_

          • Tosca16

            nem dos vegetarianos, por que segundo essas pesquisas é a respiração que libera os gases na atmosfera, sendo assim teríamos que deixa de criar ou exterminar a raça completamente… Eu poderia está aqui servindo de google mas não, vou simplificar tudo esqueça essa de aquecimento global na verdade é o aquecimento normal do planeta que sempre tem fases de aquecimento e esfriamento, agora num sou ruralista pelo contrário temos que aumentar as áreas verdes o máximo possível…preservar a diversidade de espécies e melhorar os níveis de emissões na atmosfera, mesmo sabendo que os tais gases não afetam a camada de ozônio como dizem aê num quero eu respirar um ar poluído e que causa doenças na população .

            • danieldourado_2

              Não sei se se aprende isso em veterinária, mas em biologia, mostra-se que vacas produzem altíssimas quantidades de metano no seu ciclo digestivo. e isso conta como uma grande fonte de emissões de gases que colaboram com o efeito estufa, mais que a frota de carros e motos do mundo inteiro. Claro que não é culpa das vacas, é culpa dos humanos que usam vacas. Variação do clima no planeta é normal, mas não como causado nos últimos 50 anos. Ninguém nunca disse que tais gases ( creio que esteja se referindo ao metano e CO2) afetam a camada de ozônio. Se você leu isso, quem disse está enganado.

          • danieldourado_2

            Na verdade, é por que durante a digestão, as vacas produzem gás metano, que é liberado na atmosfera através de arrotos (pode parecer cômico, mas é verdade) e isso conta como uma grande fonte de emissões de gases que colaboram com o efeito estufa, mais que a frota de carros e motos do mundo inteiro. Claro que não é culpa das vacas, é culpa dos humanos que usam vacas. Só para ter uma idéia, existem mais vacas no Brasil que pessoas, e é claro, muito mais vacas, que "funcionam" 24 horas por dia, que motores.

            • Cruz

              Nem tanto… estima-se que sejam 150 milhões de cabeças de gado no Brasil. Mesmo assim, bastante.
              http://www.portais.ws/?page=art_det&ida=4976

              Já vi algumas notícias sobre estudos do metano do gado, mas pra mim continua sendo uma falácia, porque aquecimento e esfriamento global é algo cíclico no planeta.

              Além do mais, o gado no Brasil é criado essencialmente com pastagens, que retiram CO2 da atmosfera, equilibrando as coisas.

              • danieldourado_2

                Não é falácia nenhuma, é ciência:
                Moss, Angela R., Jean-Pierre Jouany, and John Newbold. "Methane production by ruminants: its contribution to global warming." Annales de Zootechnie. Vol. 49. No. 3. Paris: Institut national de la recherche agronomique, 1960-2000., 2000.

                Johnson, Kristen A., and De E. Johnson. "Methane emissions from cattle." Journal of animal science 73.8 (1995): 2483-2492.

                Apenas dois para citar. O aquecimento do planeta é algo cíclico, mas não como presenciado nos últimos tempos. Sobre a pastagem equilibrar ou não, na minha opnião, eu discordaria, pois acho que a quantidade de co2 que pastagem retira da atmosfera é muito pouca, mas não tenho nenhum artigo científico para afirmar.

                • Cruz

                  Acho que me expressei mal. Quis dizer que é uma falácia a questão toda do aquecimento global ser causado por nós.

                  Não duvido que as vacas tenham sua contribuição com o metano, apenas que o conjunto todo da obra é absolutamente desprezível para o aquecimento global.

                  Não precisamos de carros, motos, vacas ou aerosol. Um único vulcão acaba com a vida no planeta, da mesma forma que esfria ou aquece levemente. Dos ~600 vulcões que entraram em erupção na história registrada, cerca de 50 a 70 estão na ativa. Mas a culpa convenientemente acaba caindo sobre determinados produtos.

                  Conhece a história do CFC? Sabe porque "de repente" ele passou a ser vilão? Poisé.

                  • danieldourado_2

                    Bom, seria ótimo se realmente não fosse nossa culpa, e que fosse desprezível a nossa contribuição, mas infelizmente não é. Vulcões podem arrasar a vida no planeta, assim como um meteoro, mas ninguém disse que aquecimento global vai acabar com a vida no planeta. O CFC foi proibido por que foi demonstrado cientificamente que ela prejudicava a camada de ozônio. Claro que sempre vão ter as teorias da conspiração, dizendo que foi pra trocar por um produto mais caro, ou que o homem não foi à lua… Mas infelizmente são todas reais. O clima do planeta está mudando, e nós somos os responsáveis.

                    • Cruz

                      Espero que um dia você entenda como funciona o processo de patentes.

                      Depois que entender, procure saber as "coincidências" da DuPont no caso do CFC.

                      Até lá, boa viagem! :)

                    • danieldourado_2

                      Ah sim, claro! Tudo foi por causa disso aí. O Protocolo de Montreal e toda a reviravolta que fizeram, inclusive "inventaram" dados para mostrar que era extremamente danosa à camada de ozônio.
                      Olha só até onde foi a imaginação dos caras:
                      <img src="http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/1/16/Ozone_cfc_trends.png/517px-Ozone_cfc_trends.png"/&gt;

                    • Cruz

                      Uma imagem do Wikipedia mostrando as variações nos componentes, é isso?

                      Se for pra corroborar, nada contra, apesar da fonte não ser das mais confiáveis.

                      Como disse antes e repito, bons estudos sobre patentes e boa viagem! :)

                    • danieldourado_2

                      Muito bem apontado…. Sempre se deve desconfiar das fontes. Nesse caso:
                      ^ Günter Siegemund, Werner Schwertfeger, Andrew Feiring, Bruce Smart, Fred Behr, Herward Vogel, Blaine McKusick "Fluorine Compounds, Organic" Ullmann's Encyclopedia of Industrial Chemistry, Wiley-VCH, Weinheim, 2002. doi:10.1002/14356007.a11_349
                      ^ M. Rossberg et al. "Chlorinated Hydrocarbons" in Ullmann's Encyclopedia of Industrial Chemistry 2006, Wiley-VCH, Weinheim. doi:10.1002/14356007.a06_233.pub2
                      ^ Inventors accessed December 21, 2007
                      ^ Carlisle, Rodney (2004). Scientific American Inventions and Discoveries, p. 351. John Wiley & Songs, Inc., New Jersey. ISBN 0-471-24410-4.
                      ^ McNeill, J. R. Something New Under the Sun: An Environmental History of the Twentieth-Century World (2001) New York: Norton, xxvi, 421 pp. (as reviewed in the Journal of Political Ecology)
                      ^ "Illegal Trade in Ozone Depleting Substances" UNEP, 2007. Web. 3 Apr. 2011.
                      ^ IPCC/TEAP Special Report on Ozone and Climate
                      ^ Chlorofluorocarbons: An Overlooked Climate Threat, EESI Congressional Briefing. Eesi.org. Retrieved on 2011-09-24.
                      ^ a b "Ethics of Du Pont's CFC Strategy 1975–1995", Smith B. Journal of Business Ethics, Volume 17, Number 5, April 1998, pp. 557–568(12)
                      ^ "Ozone Layer Depletion", U.S. Environmental Protection Agency June 25, 2008

                    • Tosca16

                      Eu não discuto em nada a produção dos gases mas sou mesmo ambientalista a favor dos pensamentos da geologia, muitas teses do efeito estufa são alarmantes mas não são unanimidade entre os pesquisadores, a cada ano as teses contrárias crescem e com dados irredutíveis . http://agfdag.wordpress.com/
                      alguns textos sobre as teses contrárias, outra também é a questão mercadológica tipo a amazônia não é e nunca foi o pulmão do mundo por exemplo, regular o ar e temperatura é puramente questão oceânica mas não é por isso que temos que derrubar nada pelo contrário, qualidade do ar depende muito das florestas entretanto a nível mundial é inexpressivo . Pesquise as vertentes pró e contra aquecimento global, no mínimo confuso vc ficará …

                    • danieldourado_2

                      Eu cito artigos científicos e você me responde com um Blog?
                      Sinto muito, mas aquecimento global é real. 90% do que você vê aí nos seus blogs e vídeos do youtube são má interpretações de estudos científicos. Cite alguns exemplos e eu, nobremente te mostrarei a confusão, baseado na sua própria fonte. Claro. Sempre vão ter os do contra, e isso é ótimo, afinal o método científico é composto por falsificação. Contra "teses", pode-se sim, discutir, mas contra números, fatos, temperaturas históricas e reações químicas, evidências no geral, não há como ir contra.
                      Achar que o aquecimento global, tal como vemos hoje, não é culpa do homem, mesmo com 99% das evidências apontando o contrário, é o mesmo que dizer que o homem não foi à lua, ou que ETs que construíram as pirâmides do egito.

                    • Tosca16

                      é por que eu não achei agora, mas é só pesquisar e verás muitas coisas contraditórias . Vc nunca acho que presenciou como eu fóruns de defesa do meio ambiente onde foram confrontadas teses , sabe por muitas divergências geólogos e ambientalistas(geralmente biólogos) entram em desacordo .

                    • Tosca16

                      Digite o texto aqui![youtube WQrEFj56Xfw http://www.youtube.com/watch?v=WQrEFj56Xfw youtube]

                    • Tosca16

                      Digite o texto aqui![youtube Pqz4yMzbwF0 http://www.youtube.com/watch?v=Pqz4yMzbwF0 youtube]

                    • danieldourado_2

                      Legal, já havia visto esse professor da USP. Só que é o seguinte… Ciência é feita de artigos científicos, não um biólogo ou geólogo que conseguiu um diploma e sai escrevendo e falando o que quer. Isso não vale de ABSOLUTAMENTE nada na Ciência. Tendo dito isso, vamos ao que realmente importa: Artigos científicos que demonstram que o aquecimento global, tal como vemos hoje, é uma coisa normal.

                    • Pedro_Rocha

                      Você e eu sabemos também que há muito lobby e apadrinhamento nesses artigos científicos. A questão é criar/analisar e produzir provas/contra-provas convincentes com base em uma metodologia coesa. MAS, tem "aqueles" que são "mais iguais do que os outros" que não podem ser questionados. Por exemplo:

                      "The break will then be rendered wider, for it will intervene between man in a more civilized state, as we may hope, than the Caucasian, and some ape as low as a baboon, instead of as present between the Negro or Australian and the gorilla" (Charles Darwin, in The Descent of Man, Chapter 6, "On the affinities and genealogy of man").

                      Uma tradução, para facilitar: "A distância entre o homem e seus parceiros inferiores será maior, pois mediará entre o homem num estado ainda mais civilizado, esperamos, do que o caucasiano, e algum macaco tão baixo quanto o babuíno, em vez de, como agora, entre o negro ou o australiano e o gorila.”

                    • danieldourado_2

                      Sim, divergencias entre opniões sempre existem. Mas não há como ter divergências com dados coletados utilizando método científico. Gostaria muito de ver tais dados que demonstram de forma satisfatória que aquecimento global, tal como vemos hoje, é algo natural ( não causado pelo homem )

                    • Cruz

                      Caramba!! Meus parabéns! Você chegou ao ponto muito antes do que eu esperava!!!

                      E eu nem procurei por um dos artigos que você mencionou, falei apenas a partir do conhecimento que tenho por conta do local onde trabalho.

                      "Ethics of Du Pont's CFC Strategy 1975–1995", Smith B. Journal of Business Ethics, Volume 17, Number 5, April 1998, pp. 557–568(12)

                      Mas repare que essa não é toda a história.

                      Ainda falta a compreensão por parte das patentes, o que é normal, pois no Brasil não se tem o hábito de disseminar o conhecimento de como funciona de fato o ato de patentear. Resumindo em uma linha: ainda somos e sempre seremos colônia.

    • CharlesAle

      Como tudo que é bom nesse País,sempre dão um jeito de estragar,digo sempre no caso do governo…

  • rogerrosato

    É louvável a iniciativa da Fiat com o Grand Siena Tetrafuel. Espero que esteja sendo um sucesso comercial para incentivar a montadora (e outras tbm) a lançarem mais modelos com a opção e com maior cilindrada. Se a Fiat tivesse adaptado o 1.6 etorq com a tecnologia, acho que seria um sucesso estrondoso, principalmente entre taxistas, uma vez que o 1.4 é um tanto fraco para um carro do porte do Grand Siena…

  • Juniorfillingam

    Esse motor flex não sei mesmo como virou esse febre, pq o álcool não está lá esse preço e o carro consume muito mais q a gasolina ficam tudo igual, deveria sim term mais opção de motores no Brasil, devido a diversos fatores políticos e financeiros o Diesel não e colocado a disposição para os carros de passeios o já deixa nosso mercado muito atrás do resto do planeta pq esses motores são muito melhores.

  • Landrutt

    A Fiat deveria usar o motor 1.6 ou 1.8 no Siena Tetrafuel e tentar arranjar um jeito de o cilindro não roubar tanto espaço no porta-malas…para taxistas espaço para bagagem pode significar levar o passageiro ou não, especialmente aqueles que cobrem aeroportos.

  • http://twitter.com/roger_abdulack @roger_abdulack

    antigamente as Topic tinham motor a diesel, muito melhor q versão a gasolina/GNV

    • Tosca16

      Antigamente era da marca Asia e não chinesas da Jinbei , bem melhores que as de hoje

  • msouza91

    sinceramente, se a mijolina no BraZiU continuar subindo do jeito que tá, eu penso seriamente em converter meu carro pra GNV, pra quem roda tanto que nem eu, compensaria e muito

    • CharlesAle

      Muitos já pensaram nisto,e viram que é melhor partir para um modelo econômico,devido ao custo de colocar o gás,e alguns carros viram uma porcaria quando estão com gás instalado,perde espaço no porta malas e muitos defeitos…

  • yuri calmon

    Qual o consumo destes veículos com gasolina e com gás no ciclo urbano???B)

    • KawasakiNinja

      Minha Ecosport faz uns 8Km/l na cidade com gasolina(R$3/litro). No gás ela faz de 9 a 10 Km/m&sup3;(R$1.5/m&sup3;)

      • yuri calmon

        Muito bom!!!

    • janduir

      Meu Astra Elite At 2005 faz 4.0kml no alcool e 7km/l na gasolina, no gnv faz 10,5 cidade e fica com muito torque pois uso o kit injetado e o motor 2.0 Familia 2 fica muito bom no gnv. Discordo quanto a perder potencia, porque mesmo de fábrica perde por volta de 15%. Já vi dizerem que o injetado fica igual ao comb original, não é. Perde pouco, mas perde. Rodo 25.000km por ano, gastaria quase 10.000 por ano com gasolina, já no gnv por volta de 3600,00. Sem contar que o meu kit injetado eu retiro quando vendo o carro e reinstalo no próximo. Para quem roda muito, compensa.

  • camillo SP

    Esse siena é sim muito bacana. mas nao sei o porque dele se chamar Tetrafuel. Deveria se chamar Trifuel.(Gasolina,Alcool,Gas) pois citam na materia que gasolina PURA é diferente da gasolina comum. tecnicamente é sim diferente. mas nao deixa de ser gasolina!!!sendo assim meu carro que é flex tambem anda com gasolina pura (Podium)…entao ele seria Trifuel tambem? Alguem me explica ?

    • Sias

      É tetra pois é possivel usar gasolina pura nele. Já foi dito que usar gasolina pura nos nossos, que são calibrados pra esta porcaria que nos vendem, traz prejuízos. E a Podium não é gasolina pura, tem a mesma quantidade de álcool que a comum.

    • João Vitor Couto

      Creio eu (preciso de confirmação) que a gasolina Podium não é totalmente pura….

      • kitonorat

        Gasolina pura é aquela que não é misturada com alcool. Não brasil não existe. Temos uma lei que determina a mistura. A gasolina pura é vendida nos outros países da america latina, e o siena é vendido por lá tb.

        • Mr. Potato

          Exatamente. Você pode viajar de carro pra outros países da América Latina e abastecer esse Siena Tetrafuel que ele vai se adaptar perfeitamente, sem stress. Agora imagina um Voyage com aquele motor que já reclama quando o conteúdo de álcool baixa de 25 pra 22% na gasolina… Iria bater tanto pino que iria furar o pistão :)

      • CharlesAle

        A podium não é gasolina pura,tem uma proporção de álcool…..

      • Pedro_Rocha

        Leva tanto álcool como qualquer outra. A vantagem é a octanagem superior e menor quantidade de coque, tendo-se assim uma gasolina com maior capacidade de combustão, deixando-a ligeiramente mais econômica (uns 10 a 15% pela minha experiência) e o motor mais limpo.

    • @yagogabriell

      A Podium não é uma gasolina pura, é uma gasolina de maior octanagem (95 contra 87 da comum). Ela contém a mesma porcentagem obrigatória de Alcool Anidro 25%.

  • Mr. Car

    Eu preferia que fizessem carros como eram feitos antes: para usar só álcool, ou para usar só gasolina (se bem que neste caso, acaba não sendo só gasolina). Abaixo a gambiarra "flex", e abaixo também aquele trambolho do cilindro tomando espaço no porta-malas. De fábrica é menos mau, pois não precisa fazer furações posteriores para fixação, passagem de mangueiras, mexer na tapeçaria do carro…Pior que neguinho coloca essa bagaça até em carros super econômicos como o Peugeot 106, isso sem falar, obviamente, em Omegas de qualquer motorização, Vectras, Astras, Monzas, Mareas, Tempras, Grand Cherokees, Rangers, Dakotas… enfim, se não tem dinheiro para sustentar um carro desses na gasolina, que ande de ônibus, ao invés de estragar os carros.

    • KawasakiNinja

      Tava demorando pra aparecer um falando besteira… O fato de alguém colocar gnv em seu carro não quer dizer q ela não tem $ pra rodar na gasolina. Apenas significa q ela decidiu inteligentemente economizar. Tem pessoas q rodam muito e chegam a economizar mais de R$10mil por ano em combustível. E outra coisa, o carro é dela e se ela quiser enfiá-lo em um poste, o problema é dela.

      • Filipe_GTS

        "E outra coisa, o carro é dela e se ela quiser enfiá-lo em um poste, o problema é dela."
        Boa! Também sou contra o chororô (mimimi para os guris da internet) de ficar se lamentando porque alguém estragou "X" carro.

        • Sias

          Também não entendi o porque da reclamação. Não gosta de GNV? Não compra carro que tem adaptação. Simples.

          • Mr. Car

            Aos três: a reclamação é pelo fato de que quando se vai procurar um carro desses para preservar, para salvar de terminar sendo usado por um zé orelha que não pode com seu consumo e com sua manutenção, a imensa maioria já está com gás, que é para o mané poder arcar pelo menos com o consumo, até o carro se desmanchar por falta de manutenção. Que compre então um popular em 60 prestações, e instale gás. Pelo menos não detonam um carro bacana em vias de se tornar colecionável.

            • Sias

              Eu já acho que quem instala GNV é minoria, pelo menos por aqui a grande maioria dos consumidores são taxistas, lembrando que aqui não existe diferença no IPVA pra quem usa ou não GNV.

              • Mr. Car

                Procure por anúncios dos carros citados, e verá que não são tão minoria assim. Já vi até em Alfa-Romeo 164. Chega a ser uma heresia.

              • Mr. Car

                Procure por anúncios destes carros e vai ver que não são tão minoria assim. Já vi até Alfa-Romeo 164 com gás. Uma heresia absoluta.

            • Cruz

              Tirando taxistas, muito poucos que conheço têm GNV no carro.

              Perde mala, desempenho, além de aumentar a manutenção, porque toda hora tem que regular alguma bobagem.

              GNV pra mim não serve, pois uso muito pouco o carro. Mas pra alguns deve ser vantagem, mesmo com os contras, cada um tem suas razões.

              • Mr. Car

                Você conhece muito poucos particulares com GNV em carros novos, mas vá procurar pelos carros que citei, nas mãos de quem não podia nem sonhar em comprá-los quando novos e agora podem, embora continuem não conseguindo bancar o consumo desses carros, e sua manutenção. Tudo na base do gás e da gambiarra na manutenção.Tudo sendo estragado.

    • kitonorat

      No meu atual carro (Linea), eu tenho que abastecer R$50,00 de gasolina, POR DIA para ir e voltar do trabalho. (tem um posto de gasolina na esquina do quarteirão da minha casa. Abasteço R$50,00, e vou para a Promotoria de Justiça. Estaciono lá. Quando termina o horário, pego o carro e volto, paro o carro na calçada de casa e a gasolina já está na reserva!)
      No mesmo carro, utilizando GNV, gasto em média R$18,00, fazendo o mesmo percurso, andando na mesma velocidade, utilizando o mesmo arcondicionado.
      (Será mesmo que é por pobreza que eu prefiro utilizar o GNV para ir trabalhar? Será que eu preciso pagar R$50,00 de gasolina, por dia de trabalho, só para que eu pareça ser mais inteligente?)

      • Castle_Bravo

        A mentalidade do brasileiro é estranha, sujeito paga na maioria das vezes um dos valores mais altos do mundo para comprar um carro (na maior parte das vezes por não ter opção) e é trouxa, otário, "consumista", entre outros adjetivos.

        Quando instala uma opção para economizar combustível, é também otário, sovina, mão-de-vaca, "pobre", "miserável", etc.

        Vai entender?

    • CharlesAle

      Instalar GNV em carros muito econômicos como o old Ka e peugeot 106 também acho um pouco demais….

      • Wow02

        A 4 anos atrás, quando estudava no centro do RJ (moro na Barra) tinha um celtinha 1.0. Gastava cerca de 5 tanques por mês (uma fortuna), coloquei um kit gás, na época estava custando 1,09 o M&sup3;, passei a gastar R$ 16,00 para encher o cilindro… (2 cilindros de 7,5m&sup3;).
        Valeu muito a pena tanto na economia com o combustível, com o ipva (no RJ a alíquota para carros com GNV é de 1%). Fiquei 3 anos com o carro e nunca tive nenhum problema com ele…
        Com o dinheiro economizado deu pra levar muita mulher ao motel… e ô no celtinha com Gás…. hahahahaha

        • Wow02

          Ah, antes que falem… Perdeu um pouco de potência sim o motor, mas não fez muita diferença, uma vez que nos horários de pico em que ia pra facu era congestionamento puro… era primeira e segunda marchas…
          Outra coisa, o espaço no porta malas ficou pela metade, o que não fez nenhuma diferença para mim, já que não utilizava mesmo… solteiro na facu, usava mais os bancos de trás do que o porta malas…

  • lsguaranikaiowa

    fora o ipva que barateia bastante e vc ainda sente, mas com KY ante o seco do ipva cheio…

  • KawasakiNinja

    Não sei como até agora não apareceu nenhum idiota, completamente ignorante no assunto, falando mal do gnv. Coloco gnv em todos os carros q uso no dia a dia. Comprei minha Ecosport 1.6 95 há 5 anos, já com gnv instalado. Rodei 100 mil kms e até agora economizei R$25mil entre desconto no IPVA e economia de combustível em relação à gasolina e nunca tive problema nenhum no motor do carro, aliás, já tive vários carros com gnv e nunca tive problemas em nenhum motor.

    • DougSampaNA

      Ninja se vc estiver no RJ vale muito a pena, e em SP vale a pena..a diferencça em reais é significativa de um estado para outro.

      • KawasakiNinja

        Pois é, a gasolina aí em SP é uns 10% mais barata d q aqui mas a economia com gnv é impressionante, uns 66%. Além disso acaba a preocupação com fraude nas bombas dos postos e adulteração da gasosa. E limpeza nos bicos injetores então, talvez a cada 5 ou 6 anos…

    • Landrutt

      Já ouvi falar que o GNV estraga o motor, não sei se é verdade. Acho que não, um vizinho meu aqui do condomínio usa GNV a ANOS e nunca teve um problema com o carro…ele mora aqui em Natal mas trabalha embarcado na Petrobras em Mossoró, cidade a quase 300 km da capital e faz o trajeto constantemente com um Corsa Sedan 1.8 2003 com GNV, comprado zero e que roda tranquilamente a dez anos…ele tem um Grand Vitara novo também e diz a todo mundo que só não gasta os tubos com gasolina por causa do Corsinha guerreiro e que se depender dele vai ficar mais dez anos com o carrinho…antes ele possuía um Monza 1994 com GNV, comprado zero também, usando nas mesmas circunstâncias. rsrsrs

      • Sias

        Minha única restrição é a perda de espaço no porta malas, porque no consumo só se tem ganho. Uma coisa que os taxistas comentam é que é preciso usar gasolina de vez em quando, pois o GNV resseca alguns componentes, mas não sei se é assim de fato.

        • KawasakiNinja

          É bom ligar o carro sempre na gasolina, rodar pelo menos 1km com ela e daí passar pro gas, e rodar tb pelo menos mais 1km na gasolina antes de parar o carro ao final do dia.

          • Mr. Potato

            O tal Siena Tetralfuel automatiza parte disso aí… Fora poder manter a garantia de fábrica do motor. O duro é a pagar a facada que a Fiat pede, e ter poucas opções de modelo (cadê a concorrência?).

      • KawasakiNinja

        Em matéria de economia de combustível, nunca vi nada parecido com gnv. A economia é uns 30% maior até mesmo em relação ao diesel. Em 14 anos q uso carros com gnv já devo ter poupado uns R$80mil.

  • Felipe

    Esse treco chinês faz quantos quilometros por litro, e quantos quilometros por metro cubico?

  • kitonorat

    No meu atual carro (Linea), eu tenho que abastecer R$50,00 de gasolina, POR DIA para ir e voltar do trabalho. (tem um posto de gasolina na esquina do quarteirão da minha casa. Abasteço R$50,00, e vou para a Promotoria de Justiça. Estaciono lá. Quando termina o horário, pego o carro e volto, paro o carro na calçada de casa e a gasolina já está na reserva!)
    No mesmo carro, utilizando GNV, gasto em média R$18,00, fazendo o mesmo percurso, andando na mesma velocidade, utilizando o mesmo arcondicionado.
    Economia de, em média, 64%.

  • Absinthe666

    Como anda os GNV hoje em dia? meu pai já teve um carro com GNV assim que saiu, era 1ª geração ainda e era uma bomba, mas mesmo quebrando direto por culpa do gás ainda valia a pena, era cerca de 30 centavos o m&sup3;, ele colocava uns 8 ou 9 reais e rodava 3 4 dias tranquilo
    hoje em dia o GNV tá custando quase 2 reais e acho que não compensa se continuar dando tantos defeitos
    os de fábricas devem ser bons, evita adaptações porcas e mantém a garantia, uma pena que desistiram do GNV para empurrar o ''FREX PAUWER"

  • Castle_Bravo

    Aqui em Porto Alegre pelo que me informou um taxista recentemente, o custo por quilômetro é em média a metade do que rodando com gasolina, o que para quem roda bastante é uma opção interessante.

    A parte ruim são os custos de revisão anual, bem como o preço de instalação para quem ainda não tem e a perda de espaço no porta-malas, que dificulta seu uso em carros menores.

    • Sias

      Pra eu ter carro com GNV, só se fosse uma pickup. Uma certa vez, a empresa onde trabalho comprou duas F250 e colocou GNV. Ficou tão ruim, mas tão ruim, que ninguém queria sair com elas…se arrastavam. Mandaram pra frente bem cedo.

      • Castle_Bravo

        Pensei que motores maiores não perdiam tanta potência!

        É algo a se pensar, embora que, há hoje pelo que li, centrais que injetam gasolina quando os motores demandam mais força que minimizam a perda de desempenho, além de atrasar o ponto de ignição ao limite, para se aproveitar mais da energia menor do gás. Pode ser interessante pois não é o tempo inteiro que precisamos de tanta potência, ainda mais em trânsito urbano.

        • Sias

          Também pode ser isto. Eram os primeiros "kit's" que apareceram, de lá pra cá houve muita evolução.

  • epa

    Na boa, a solução é o turbo diesel.

    Etanol só serve pra político fazer média no estrangeiro.

    Turbo gasolina também ajudaria. Dizem que vai entrar com tudo a partir de 2014/15/16/17 ( sabe se lá quando)

    • Joel Pereira

      Ja' esta' com tudo desde ha' um tempo, em todos os segmentos de mercado: clio 0.9Tce e 1.2Tce, fiat 500 0.9T, smart, focus 1.0, megane 1.2Tce e 1.4Tce, peugeots 1.2thp e 1.6thp, chevrolets 1.4T, mercedes, etc, etc…

  • Felipe

    O problema é que o GNV faz o carro perder muito desempenho, isso é viável para frotistas e taxistas. Mas por que ele pode usar gasolina pura e os nossos não? Né governo brasileiro?