Europa História Montadoras/Fábricas

Morgan, a fabricante inglesa dos clássicos de três e quatro rodas

morgan-runabout-prototype

Morgan Runabout Prototype

Poucos fabricantes de veículos de longa data ainda permanecem nas mãos de seus fundadores. Uma delas é a Morgan Motor Company, uma das clássicas marcas britânicas que sobre viveram a falências, fusões e incorporações.

Fundada em 1910 por Henry Frederick Stanley Morgan, em Malvern, condado de Worcestershire. Morgan havia adquirido seu primeiro automóvel aos 21 anos em 1902 e após passar por uma companhia ferroviária, decidiu fabricar seu próprio carro e logo em seguida, fundou a montadora.

henry-frederick-stanley-morgan

Henry Frederick Stanley Morgan

De início, a Morgan focou nos chamados cyclecars ou triciclos motorizados, tendo dois ou quatro lugares. Eles pagavam imposto menor por serem considerados motocicletas pelo governo britânico.

A Morgan começou a ganhar reputação ao vencer provas de cyclecars no Reino Unido e na França. Os modelos Grand Prix, Aero e Sports foram muito populares com as conquistas nas pistas, sendo parte da família de modelos V-Twin, que foi produzida até 1939, quando o país entrou na Segunda Guerra Mundial.

morgan-f4-chassi

Morgan F4 (chassi)

O único modelo de três rodas que sobreviveu ao conflito e durou até 1952, foi o modelo F4, que utilizava motor da Ford. Antes da guerra, a Morgan fez seu único carro com quatro rodas até então, o 4-4, que foi lançado em 1936 e durou até 1952. A Morgan decidiu focar suas atenções em carros de quatro rodas e por isso lançou o Morgan 4 em 1950. Ele foi sucedido pelo 4/4 – feito até hoje – e ainda teve o +4+.

morgan-plus-4

Morgan Plus 4

O roadster clássico chegou ao modelo Morgan 8 nos anos 60 com motor V8 Rover, substituído nos anos 90 pelos Triumph e Land Rover. Seus carros sempre foram produzidos respeitando os estilos vigentes nos anos 30, mas houve evoluções recentes, tais como Aero Sports, Aeromax, Eva GT, Aero 8 (lançado em 2015), entre outros. Um destaque em elegância foi o Roadster de 2004, apresentado em Genebra.

morgan-3-wheeler

Morgan 3 Wheeler

De volta às três rodas

Em 2011, a Morgan acenou com a produção do 3 Wheeler, que utilizava motor V-Twin da Harley-Davidson e mantinha o estilo dos anos 20 e 30 no cyclecar atual. Pesando menos de 500 kg e com 115 cv, o triciclo vai de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos e atinge 185 km/h.

O 3 Wheeler foi eleito o melhor “não é um carro” do Top Gear em 2011. Ele é um dos destaques atuais da Morgan, que ainda conta com os modelos 4/4, Plus 4, Roadster, Plus 8 e Aero 8, sendo basicamente três linhas ao todo.

morgan-3-wheele1

Morgan 3 Wheeler

Apesar de seus 105 anos, a Morgan continua a pertencer à família de Henry Frederick Stanley Morgan, que esteve à frente da empresa até 1959, quando faleceu aos 77 anos, embora tenha nomeado seu filho Henry George Morgan como presidente de 1910 a 1933, assumindo o cargo desde então.

Quando HFS Morgan morreu em 1959, a presidência da empresa, que esteva com George foi repassada para seu outro filho, Peter Morgan, que chefiou a companhia até 2003, quando faleceu.

morgan-roadster

Morgan Roadster

A família nomeou Alan Garnett como presidente até 2006, quando um conselho dirigiu a empresa, tendo entre eles Charles Morgan, filho de Peter. Este chegou a ser demitido e retirado do conselho de administração em 2013, quando assumiu Andrew Duncan, um advogado amigo de Peter Morgan.





  • PEDAORM

    Minha imagem de exibição fala por si. Acho esse 3 Wheeler sensacional.

  • Rafael Wilson Braido Verly

    Na verdade o Morgan ThreeWheeler atual usa motor S&S e não Harley Davidson, a S&S também fabrica peças de reposição para os motores Harley Davidson

  • Em 1902 , aos 21 anos ele comprou seu primeiro carro. Deveria ser bem rico para conseguir isso naquela época.

  • Gustavo Brait

    Um 3 Wheeler numa versão com motor maior cairia bem, pelo menos eu acho, um V8 de litragem pequena