_Destaque Crossovers Lançamentos Mercado Nissan Preços

Nissan Kicks SL é incluído em pré-venda no Brasil

Nissan_Kicks_SL

UPDATE: A Nissan liberou os detalhes da versão SL do Kicks. Confira no final da matéria. O Nissan Kicks SL foi incluído no programa de pré-venda online, que começou no dia 17 de junho com a série especial Rio 2016. O novo crossover da marca japonesa está disponível em novas cores e pode ser reservado através do site www.nissankicks.com.br

As reservas para a versão SL começam a partir desta quarta (22). Nesta terça (21), o apresentador Luciano Huck fará o lançamento da campanha de pré-venda em horário nobre na TV.

Kicks-Macchiato

Já a série especial Rio 2016 continua disponível para reservas com preços estimados entre R$ 89.000 e R$ 93.500. A reserva é de R$ 5.000 e a opção Branco Diamond com Sunset Orange – pintura laranja no teto – custa R$ 2.500 a mais.

Kicks-Sand

O Nissan Kicks começa a ser vendido no Brasil em 5 de agosto com motor 1.6 16V Flex de 114 cv e opção de transmissão CVT. Entre os vários itens que serão oferecidos, destaque para ar-condicionado digital, multimídia com aplicativos e espelhamento, câmeras de visão 360 graus, controles de tração e estabilidade, entrada/partida sem chave e acabamento em couro.

Kicks-Preto

O Nissan Kicks SL passa a ser oferecido na cor sólida Preto Premium e nas metálicas Prata Classic, Cinza Grafite, Branco Diamond e Cinza Rust. Já o interior pode ser adquirido nas cores Preto, Sand e Machiatto. A série Rio 2016 tem interior somente preto.





  • Alexandre Maciel

    Com esse motor, honestamente, a Nissan está apenas declarando que não se importa com o fato de ser coadjuvante no mercado. Acredito que ninguém deixe de comprar Renegade e HR-V para optar pelo Kicks.

    • Jackson A

      Motor não influencia
      ESP não influencia
      Comportamento dinâmico não influencia
      Multilink não influencia
      10 AB não influencia
      4 Disco ventilado não influencia

      Esse segmento procura outras qualidade.

      • Alexandre Maciel

        Rsrsrs… eu preciso saber diferenciar? Quem tem que ter bom senso é quem compra esses acintes automotivos. Mas entendo que, no Brasil, parecer andar numa Scania e Central Multimídia sejam, para alguns, qualidades justificáveis… rsrsrs…

        • Jackson A

          Quem compra não importa, esse não foi o foco.

          Comentei sobre o fato de vc afirmar que motor influencia esse segmento de modo decisivo, o que é errado.

          • Alexandre Maciel

            Você pode até estar correto. Só não custa lembrar que o mesmo comprador de carros que dispensa os itens de segurança que você enumerou é o que, em primeiro lugar, olha para o motor ofertado; é o mesmo que não compra 1.0T porque só enxerga a especificação do motor até o 0. Mas esperemos as vendas significativas do modelo… rsrsrs…

            • Radamanthy

              Se ele estivesse errado, o 1º seria o Honda pela fama, o 2º seria 2008 Turbo e 3º o Ecosport por ter 2.0+DCT.

              • Paulo Lustosa

                EcoSport que mais vende é o 1.6 com DCT

            • FocusMan

              Esse tipo de consumidor já era. Pouca gente pega estrada com o carro hoje em dia e essa potência é a mesma de um Bom 2.0 de 10 anos atras, logo é mais do que suficiente.

              • what_the_hell??

                Não precisamos ir muito longe no tempo! Até ano passado o Jetta trazia o motor 2.0 aspirado de 120cv! E custava, completo (com todos opcionais), bem mais de 100 mil reais!

                • Gustavo73

                  Não não custava, se.hoje o 1.4 Tsi completo custa pouco mais de 100. Ele não custava bem mais de 100mil com o 2.08v no ano passado.

                  • what_the_hell??

                    Hoje o Jetta 1..4 confortline “completo” com pintura perolizada custa 106.981 (com 4 airbags e sem os equipamentos mais avançados, como park assist e ACC).
                    Pelo que lembro, o 2.0 Comfortline partia de 80k. Com pintura perol., teto e pacote exclusive passava dos 90k! Mas realmente, não chegava nos 100k pq não trazia (nem traz hoje) a mesma lista de equipamentos que o Golf traz.
                    Só para exemplificar, o Golf Highline Tiptronic parte de 99k e chega em 132k caso adicione teto, pacote premium e pint perol.

                    • Gustavo73

                      Como eu disse hoje o Jetta Confortline passa do 100 mas antes o 2.0 não passava. Lembrando que o Confortline hoje é mais equipado que o 2.0 que não tinha ESP.

                    • what_the_hell??

                      Não sabia que ele tinha adicionado o ESP! Pensei que os antigos já tivessem!
                      Mas pelo preço pedido, creio que os lançamentos recentes tem melhor custo x benefício! Sobretudo os novos Cruze e Sentra.

                    • Gustavo73

                      O novo Cruze dança em cima do Jetta custa menos e oferece mais. Nem o diferencial do powertrain frente a ele o Jetta tem. Ele tinha controle de tração de série. Já o Sentra só ganha na versão SL.

                    • Gustavo73

                      En tempo o Jetta não tem Park Assist ou ACC nem no Highline.

        • Gustavo73

          Ele está pensando como vendedor e não como consumidor. Essa talvez seja a questão. Eu também comento como quem compra.

      • Evandro

        é uma piadinha que vc fez né?

        • Radamanthy

          é só interpretar.

          • Jackson A

            Exato.

          • Evandro

            Eu achei o carro bonito, até pensei em uma futura compra, qdo vi o motor desisti na hora…

      • duhehe

        Já podemos encerrar a discussão, temos um ganhador !

      • Franco da Silva

        Não achei o motor ruim. É adequado… MAS para versões de entrada. Ter só o 1.6 será problema. E começa a aparecer isso agora: versão inicial por 80 mangos, não vai rolar! Até o “manco” Renegade 1.8 vai sambar na cara dele pq a diferença de preço é grande a favor do Jeep (tem negociação boa na loja), e nem vou falar do queridinho da Honda…

        • DougSampaNA

          Honda, ao contrário, não tem negócio, é o preço dele e se não quiser por favor libere a cadeira que tem outro aí atrás pra comprar.. Mas tenho lido sobre problemas de suspensão no HR pela web, mais uma mancada da Honda?

          • ViniciusVS

            Entra na pagina da Honda no Facebook e verá os donos “elogiando” o pós venda e a “qualidade” ( no caso a falta de) de seus carros… principalmente o City que é uma escola de samba.

            Honda morreu faz tempo.

      • Luis_Zo

        Quais seriam, na tua opinião, os fatores que mais influenciam o consumidor na compra de um carro desse segmento (as outras qualidades que tu mencionou)?

        • Jackson A

          Marca, pos venda, revenda, visual, cambio at, altura.
          Pelo que vejo, é isso que os compradores desse segmento em maioria procuram.

          • alexandre

            Vou mais além: nesse segmento, os principais fatores são o visual e o efeito manada, digo, efeito carro da moda.

            • Luis_Zo

              Sim, e acho e efeito manda válido, nada muito diferente de quem gosta de vestir roupa da moda/coleção atual.

              Sendo sarcástico, afinal de contas sem uma varanda gourmet, uma SUV e uma bicicleta cara não tem como ser classe média coxinha/caviar né??? hehaeaeh

          • Luis_Zo

            Entendo e concordo com teus pontos, interessante que tu citou 4 pontos “subjetivos” e 2 “técnicos” (cambio e altura). Tipo, é como se fosse a piramide de maslow dos carros :)

            Eu faria um contra-ponto só em relação ao teu primeiro post. Acredito que motor é sim um detalhe na hora da compra. Deixe-me explicar melhor, tendo por base a experiencia do meu pai que recentemente comprou um Renegade (categoria que estamos falando).

            Ele levou em consideração todos os itens que tu comentou acima, inclusive relevando o fato da CCS estar a 80km de distancia da cidade onde mora.

            Sobre o motor: o fator “performance” não é algo que ele estava procurando. Entretanto, o fato do motor (não foi ó isso mas foi levado em conta) ser 1.8 fez com que ele tendesse pela compra em detrimento de uma Ecosport (que ele chegou a cogitar pois era bem “conhecida” de mercado), por exemplo, que seria 1.6. Simplesmente pelo fato do número ser maior (independente da performance). Depois quando olhou a versão 2.0 dela e da Duster, achou que isso seria um fator “melhor”. Sem fazer test drive.

            Agora, mesmo que ele tivesse feito o test drive: eu tinha uma preocupação de ele achar o carro “manco” (Renegade) igual comentaristas de internet falam, especialmente pq ele tinha um Civic antes, mas ele achou “a mesma coisa”. Aposto que seria o mesmo veredito em Duster/Eco 2.0.

            Nesse ponto, eu acredito que sim o “Motor” faz diferença na hora da compra. (ou seja, o número). É mais ou menos a mesma logica de quem mora no andar mais alto achar o apartamento melhor (inclusive costuma ser mais caro mesmo).

            Me apoio também no que acontecia há alguns anos na briga Civic x Corolla. Como trabalho no meio automotivo, uma das coisas que mais ouvia é que o cliente levava sim em consideração a legenda 2.0 do Corolla como “melhor” que a 1.8 do Civic, mesmo que ele nunca sinta a real diferença de performance. Tanto que depois de um tempo a Honda passou a ofertar o motor 2.0 também.

            Edit: considerando tudo isso, acredito sim o fato de um cliente ao querer gastar 90k, ver Renegade, HRV e Kicks e ter um peso maior pelos dois primeiros pois a legenda é 1.8 que é “melhor” que 1.6. A base de do comparação do Kicks seria (nessa logica) com Eco/Duster, porem ambos com preços bem menores, influenciando a decisão de compra…

            Enfim, são minhas observações empíricas, aberto a entender teu ponto de vista em relação a isso que escrevi.

            • Jackson A

              é um bom ponto de vista.

      • Mario

        Eu achei que o motor fosse fator de desagrado, haja vista os comentários sobre o motor 1.8 do Renegade. Esse motorzinho ai, é muito fraco pelo valor que é cobrado.

        • Jackson A

          É motivo de desagrado, mas só pra comentaristas… as pessoas que não participam de sites não se importam muito com o motor do renegade.

          • what_the_hell??

            Uma prima e a esposa de um amigo que compraram Renegades estão arrependidas da compra! Dizem que parece 1.0 pra subir as ladeiras! Só para citar duas mulheres que compraram o carro. Deveriam ter feito um test drive melhor antes de comprar!
            Por outro lado, conheço pessoas que compraram e não sentem falta de força!

        • DougSampaNA

          Pois é, já vi vídeo de teste drive onde o motorista sentiu que o jeep não passava de um jeep com um motor 1.0 bom.. Comprar carro de 80k com desempenho de 1.0 é amaldiçoar a montadora até morrer.

    • GUETAO

      To nem aí pro motor. Pesa pouco e 1.6 atende perfeitamente. Mais econômico categoria e mais sofisticado. Quer correr compra outro. Galera tá reclamando pq não saiu preço das versões mais simples… Tem versão S ainda.. Espero uns 75000 … Aí sim..

      • Alexandre Maciel

        Não é questão de correr. Cuida-se de oferta de benefícios em razão do preço cobrado. Nada mais.

      • Evandro

        mesmo assim, com 114cv até mille bota das cias telefônicas vão dar farol pedindo passagem….

      • Ailton

        Essa Nissan é lerda demais, porquê já não lança o pacote de versões completo!?

      • Lucas Furtado

        Pesa pouco? Como sabe? Pelo que sei ainda não saiu essa informação. Estão escondendo o peso e o volume do porta-mala. Por que será? Se fossem bons já tinham falado.

      • Gustavo73

        Quer correr compra outro? Se quiser ultrapassar com a família dentro com segurança? Há sim aí e problema de outros produtos de outras marcas.

        • Alexandre Maciel

          Comentei aqui logo quando saiu a notícia e já percebi que a tônica da defesa é o peso “reduzido” do veículo e, parece-me, ninguém considera que, diferentemente do uso que se dá a sub-compactos como Up, o Kicks tem uma proposta bem familiar. Aliás, o tipo de comprador desse carro, aquele mesmo que, segundo dizem, não se importa com a motorização, geralmente é membro de família, desloca-se em viagens no veículo e carrega bagagem considerável.

          A Nissan jogou esse motor insuficiente no mercado achando que o design do carro o fará se vender. Só que a Nissan é coadjuvante, uma a mais e nada além disso.

          O ideal, considerando sue posicionamento acanhado e, em termos de Brasil, sua pequenez, seria oferecer mais por menos. Não adianta ofertar itens de segurança e se esquecer do motor, elemento principal e que, queiram ou não, também contribui na segurança dos ocupantes.

          • ViniciusVS

            Tem o motor 1.8 guardado e não usa por simples economia de palito, e o 1.8 do livina não é nada de outro mundo nesse carro.

            • Gustavo73

              Tem o 2.0 do Sentra já conhecido e com peças aqui.

              • ViniciusVS

                Verdade, e eu nem sou tão exigente assim de pedir o 2.0 heim.

                O 1.8 ficaria equivalente a concorrência somente, o 2.0 ficaria perfeito no carro mas…

                provavelmente quando vier o facelift desse carro daqui uns 3 anos já vem com opção 1.6 Turbo ou outro motor Turbo se a Nissan desenvolver e não escolher ficar como terceira ou quarta opção.

                • Gustavo73

                  A questão de usar o 1.8 é que ele teria um motor exclusivo diferente de todos os outros moda venda hoje. O 2.0 já é usado com o CVT e teria facilidade de peças compartilhafas.

          • Gustavo73

            Nem acho que o motor seja insuficiente, ele nas versões de entrada e intermediária estaria tranquilo. Vide 2008 e EcoSport com o 1.6 que pelo visto tem lista de equipamentos parecida. Mas assim como no Renegade com o 1.8 tet só essa motorização com os preços que eles alcançam não dá. Já acho que o HRV pot beirar os 100 deveria ter outro motor. Pra mim é o seguinte qualquer carro custando acima de 70 mil deve ter pacote full de airbags além de esp/tc(isofix deveria ser de série em qualquer projeto), logo isso não seria destaque. Ardigital (dual zone de preferência) uma CMM moderna, além de outros gadgets em carros acima de 80k também e em compactos imprescindível por esses valores. Mas aí vem alguém dizer que o Hatch e SW médios estão caros…

          • Ander33x

            Perfeito Maciel, perfeito!
            Concordo com tudo que disse.

        • Eduardo Brito

          Ah cara, tem que ver o peso pra saber se vai andar bem ou não. Renegate tem 1400 quilos, esse dai deve ter uns 1100Kg(segundo algumas fontes). Se o cambio for bem ajustado, capaz até de andar mais que o Renegate.

          • Gustavo73

            Andar mais que o Renegade não é lá grandes coisas. Esse Kicks deve ter desempenho na faixa do 2008 aspirado. Para a versão de entrada e intermediária não é ruim. Mas para a topcom esses preços acho cara.

            • Eduardo Brito

              Tbm achei caro. Esse SL tinha que vir por no máximo 79K para ficar interessante. A Nissan vai usar a desculpa de vir importado do México(por ter cota) para lucrar mais por por unidade. Acredito que o nacional vai ser mais barato, quando começar a ser fabricado aqui no ano que vem.

              • Gustavo73

                Exatamente, já o nacional será mais barato nas versões mais simples mas duvido que a SL caia o preço.

                • Eduardo Brito

                  Então, vamos ver né. Acho que essas versão SL deve encalhar nas lojas. Pelo menos um desconto eles devem dar na concessionaria, sem mexer no preço de tabela.

      • HenriqueHJ

        70 mil é bem possivel, pois tirando o painel com tela e colocar do versa, tirar a camera 360, ar digital, couro, ESP e só colocar CVT (pois o chefão da nissan no brasil já falou que não quer Kicks manual) mais kit diginidade 2 Air bags, ABS, trio e som básico do versa. tem ai uma receita para venda em volume do Kicks e além do mais atenderia os PNE. seria mais ou menos o que a toyota faz com corolla GLI básico.

    • Lucas Furtado

      Esse preço é sem noção. Nessa faixa de preço tem muitos motor turbo. E quem aceita um motor modesto vai de hrv e renegade.

      Nissan vai continuar coadjuvante, pois até versa e match estão caros e a consequência são as vendas pífias.

      • Alfredo Araujo

        Sério ?
        Diga um SUV com motor turbo… não precisa nem se ater na faixa de preços do Kicks… rsrs

        • mauricio

          2008

          • Jackson A

            Logo ver-se que deu certo.

          • Alfredo Araujo

            Exato… somente esse.

        • Lucas Furtado

          C4 Picasso e 3008.

          • Alfredo Araujo

            3008 está fora de linha… C4 Picasso é mini-van.
            Somente o 2008 mesmo. Ai para além 200 mil reais, LR Evoque, Porche Macan e Panamera.

            • Lucas Furtado

              Como se o kicks fosse um legítimo SUV. Na verdade numa faixa de preço todos todo carro é concorrente. É nessa faixa tem os sedans turbo. esqueci também do renegade diesel. Esse SUV de verdade.

    • Yuri Lima

      Calma aí, mano, que, antes de menosprezar o motor, é preciso observar o peso que esse carro vai ter.
      Isso ainda não foi declarado, mas, a plataforma desse carro é muitíssimo leve (veja o caso do Versa que pesa o mesmo que um Ka hatch e, pessoalmente falando, anda mais que o atual Cruze 1,8 – que se arrasta numa subida de serra). O Renegade 1.8 também é bem pesado.
      Acredito que o Kicks não vai ser nenhum foguete e esteja longe de ser tão agil quanto o Versa, mas não fará feio diante dos concorrentes com motores maiores e de carroceria mais pesada.

    • ‘Eduardo Oliveira

      São carros somente para as madames irem ao supermercado, nada de mais.

    • Freaky Boss

      “a Nissan está apenas declarando que não se importa com o fato de ser coadjuvante no mercado”.
      Eu enxergo isso desde que a nissan chegou aqui na banânia.

  • Rzonta

    1.6 114cv por 90 mil? Com cvt ainda?

    Não, obrigado!

    • Alexandre Maciel

      Dirão que o comprador que queria ter uma Scania não se importa com isso… mas ok… vai vender igual a água #sqn.

      • Igor Lima

        Só que a Scania tem mais de 400 cavalos e mais de 200 kgf de torque…

      • Paulo Lustosa

        Só que o Scania tem mais de 200kgfm de torque e mais de 420 cv, e ainda anda a mais de 160 km/h se tiver sem o reboque

    • Evandro

      nada cara, cvt é top, a batedeira pelo menos vai ser mais silenciosa….rsss

  • Bruno Gomes

    Voltou atrás diante de tantas críticas para a versão limitada que remete às olimpíadas.
    O kicks era um forte candidato a substituir meu Fiesta, mas com a política gananciosa da Nissan, prefiro um semi novo de outra categoria ou até mesmo de categoria superior a essa. Bola fora da Nissan…

    • Alexandre Maciel

      Guarde seu dinheiro e, se não quiser sair de hatches e/ou monovolumes, procure um Fit usado. Já tive e recomendo.

      • Bruno Gomes

        Já estou pesquisando sedans e hatch’s médios pra substituir meu carro. Tive uma decepção tremenda com a versão nacional do Fiesta e fiquei encantado com o Kicks, mas depois desse pré lançamento, desanimei.

        • Alexandre Maciel

          Fiesta PS?

          • Bruno Gomes

            Manual, mas ele veio com uma série de defeitos!

            • Alexandre Maciel

              Putz… pelo visto você deve ter sido uma das vítimas do 13/14. De toda sorte, um sedã ou hatch médio usado já é uma boa pedida. Pode-se comprar algo bom, pouco rodado, sem pagar nem perto do preço desse veículo da Nissan.

            • Guilherme Batista

              Vixe deu azar hein.
              No meu eu só tenho elogios, aliás ta indo para o terceiro ano de uso e até agora sem barulhos de acabamento

  • 1945_DE

    Infelizmente a Nissan exagerou. Deveria começar em 65K a max. 85K. Ai ela tinha alguma chance de tomar o lugar do Ecosport. Eu até estava pensando em dar uma olhada nesse carro, mas nesse preço, sem chance.

    • Radamanthy

      Mas como ia ficar por 85K com esse tanto de equipamentos ?

      • Fábio Rezende

        Concordo. Mas poderiam parar nos 85 mil ao invés de lançar co faixa de preço. Totalmente contra o direito do consumidor

      • Daniel

        2008 THP é tão ou mais equipado e custa isso. Qual o problema?

        • Radamanthy

          Tão ou mais ? vc realmente viu a mesma ficha que eu ?

          Começa pelo cambio manual, uma coisa atrasada a meu ver, nisso já vai uns 5000.

          • Daniel

            Ah sim… O câmbio! Pena que você se esqueceu do motor…

            • Radamanthy

              E vc só ver o motor.

              Nem vai adiantar eu postar todos os equipamentos que o Kicks tem a mais, vc vai simplesmente dizer que são inúteis.

              • Daniel

                Ainda bem que você sabe.

                • Joe

                  kkkkkkkkkk

                • Radamanthy

                  Claro, vejo muito seu tipo no carblog.

                • Jackson A

                  Vc realmente acha que são inúteis ? cara… tem algo de errado com vc.

                  Eu pretendo nunca mais voltar pra um carro sem chave por presença e partida por botão, é muito comodo.

                  Eu só não gosto mais ainda do meu carro, pq ele não tem park assist, era só o que faltava pra min.

                  • Frescuras, fescuras.
                    O que que custa girar uma chave? as montadoras criam umas “necessitadades” tolas que as pessoas tomam como se fossem essenciais.

                    Outra coisa inútil pra mim é “ascendimento autmático de farol”; “limpador parabrisa automático”.

                    Como será que as pessoas viviam sem isso antes?

      • Gustavo73

        Que tanto de equipamentos?

    • Fábio Rezende

      As versões lançadas agora são as too top de linha. Espere ano que vem pela versão pelada nacional a 70 mil.

      O que não concordo da política da nissan é lançar a top de linha sem preço definido. Vão usar o pre lançamento pra especulação de preços. Como as 1000 da versão Rio já venderam então espere custar 92,5 mil a versão SL que será a próxima em pré venda

  • Eduardo Forneck

    Se tivesse o 2.0 do Sentra, daria pra considerar, mas com esse 1.6… pfff

    • Diogo Oliveira

      ♫♫ Pôneis malditos, Pôneis malditos, venham com a gente atolaaaar!! ♫♫

  • Diogo Oliveira

    É um carro bom mas com esse motor… puts Nissan, ai não dá, depois fica aí fazendo propaganda dos Pôneis Malditos.

  • Wolfpack

    Infelizmente chegamos aos 100.000 temers para um carro médio. Estamos vivendo dias difíceis, uma época onde comprar um carro competia com a compra de um imóvel. Somente a concorrência de carros importados pode melhorar esta situação. Custo Brasil + Lucro Brasil.

    • PEDAORM

      Pior, já conseguem beirar os R$ 100.000,00 esses compactos como Kicks, HRV, EcoSport ou SpaceCross.

    • Gustavo73

      Médio? Esse é compacto.

    • Eduardo Brito

      É difícil achar uma casa boa com 100K heim. Isso dai compra o terreno e olha lá…

  • Fico pensando qual o valor do cache do apresentador Luciano Hulk para estrelar esse comercial. Afora o custo do minuto em horário nobre na globo não deve ser barato. Talvez por tal motivo o alto preço do produto.

    • Radamanthy

      Sem duvida, é algo bem, bem $$$$$$$$.

    • Louis

      Pra mim, propagando do Luciano Hulk e associação às olimpíadas “queima o filme” do carro.

      • Licergico

        queima x 2 de uma vez só ! alem de ja estar queimado pelos 93k …

        coitados querendo aumentar participação de mercado assim …

      • Rodrigo Martins

        E a Renault, com Wesley Safadão? Queima filme, câmera e todo o resto… kkkk pelo menos deve sair mais barato! HAHaha

    • Rodrigo Martins

      E a Renault, com Wesley Safadão? Queima filme, câmera e todo o resto… kkkkk pelo menos deve sair mais barato! kkk

  • Huffelz

    Comprei um Golf Highline 0km porem 2015/2015, mexicano (tsi, dsg7 e multilink), R$82.000. Por esse preço a outra opção era um HRV pelado, só pra dizer que tava num “carrão”. Não faz o menor sentido…Mas como disseram aí, acho que o público que compra esses carros só quer saber da carcaça mesmo, o resto nada importa…

    • PEDAORM

      Bela compra! Parabéns pelo carro e pela escolha acertada!

    • Evandro

      caramba 2015/2015? E a VW no lançamento escolhendo pra quem vender o carro, agora deu pra perceber que realmente o que se vende hj em dia é muito pouco em relação a demanda…. Mas é um carro interessante, dane-se o ano…

    • Evandro

      vale lembrar que em 2011 eu comprei um Jetta TSI e paguei 78k, de fato carro nesse país virou algo surreal para se comprar…

    • Anderson Trajano

      Amigo, com 82k hoje você não compra nem um HRV pelado. Fui ver para a minha esposa e a versão de entrada já chegou aos 86k na pintura sólida. Quer o mínimo de equipamentos ? Suba o preço para 93k na versão EX.

    • Freaky Boss

      Vc fez uma ótima compra. A não ser que o cara seja fanático (mesmo) por SUV, Golf turbo DSG não tem comparação com HRV.

  • Poperon

    Rapaz, 93.500?

    Realmente, esse é Kicks mesmo hein…. Kicks in the Buttis, cacildis!

  • Tosoobservando

    Kd os suvs chineses baratos? Ja quero a Haval no Brejil vendendo com preços entre 59 e 79 mil, pra acabar com a farra destas “nacionais” supervalorizadas. Mds pq foram criar o tal Desinovar Auto?

    • Marco Antônio

      A se as chinesas tivessem vida fácil por aqui. As “nacionais” ficariam com o fiofó na mão!

    • EuMeSmObYmYsElF

      tem que proteger os cumpanheiros

    • Redpeak77

      Se fosse assim, a Chery e a JAC já estavam lá na ponta de cima.
      Infelizmente, não é assim que funciona com as chinesas…

      • Tosoobservando

        Entao o erro de estrategia delas foi exatamente esse.

  • Lucas086

    Nunca, em hipótese nenhuma, deixaria de estar em um Hr-v para andar em um Kickis. Nissan aprendeu direitinho com as outras. Vai ser o “sucesso” de vendas dos outros Nissans.

    • Marcos

      Interessante como tem gente preocupada com o motor.
      Mas esquece que
      em outros modelos, quanto é cobrado pelos airbags laterais, pelo ar cond
      digital, pelo revestimento em couro, pelas câmeras diferenciadas, botão
      start, multimidea de 7″ (em vez de 5″), e por aí vai.

      Daí vem
      aquele papo de que SUV é este ou aquele, que só é um popular de salto
      alto…mas sempre andou com sedan ou compara com carros de linha muito
      mais cara (120, 130, 150…ou mais).
      Quem já teve um carro de “sapato
      alto” apenas quer ter mais versatilidade em estradas mistas, com
      lajota, paralelo, terra, etc……e não ficar confortável apenas no
      asfalto como a maioria dos sedans.

      Outra questão é reclamar do
      custo revisões obrigatórias, mas esquece que um bom consumo vai baixar o
      custo de 800 a 1.000 reais para cada 10.000 ou 12.000km
      rodados…….ou seja, a manutenção vai sair de graça.

      Este motor
      tem muita folga para o March, ou seja, vai dar conta do peso proposto, a
      relação PesoxPotência vai ser plenamente atendida (nivelado aos
      concorrentes).

      Daí vem aquela reclamação de pequenos confortos,
      apoio de braço, piloto automático, etc…..mas os itens de conforto
      principais são adicionais na maioria dos carros, encarecendo bastante.

      Outra
      questão é o custo….”absurdo pagar isto, não vale tanto, etc”….mas
      esquece que a carga tributária é pra todos, vá nas concessionárias
      atualizar o preço dos modelos pra ver o que está acontecendo.
      Boa parte dos equipamentos é dolarizado, daí isso não conta, querem comparar preço com veículos estrangeiros fora do país.

      Cada um paga aquilo que lhe interessa.
      Se você quer um carro beberrão, mas que é uma máquina de comer dinheiro e multas, a escolha é sua.

      Quem
      quer um veículo que atende as necessidades de conforto e tem bom custo
      benefício, sem aquela potência toda extra e por vezes desnecessária, a
      escolha é de cada um.

      • Evandro

        eu abriria mão dos “airbags laterais, pelo ar cond
        digital, pelo revestimento em couro, pelas câmeras diferenciadas, botão
        start, multimidea de 7″ (em vez de 5″), e por aí vai” por um motor descente….

        • Logia

          Eu não.

          • Radamanthy

            Tbm não, totalmente descabível.

            • Jackson A

              Acho uma loucura o que ele falou, mas cada um cada um, não trocaria.

          • Evandro

            amigão, com essa potencia, com o ac ligado, com o carro carregado, nem precisa de ab, se bater, vai ser a 40km/h que vai ser a velocidade máxima nessa ocasião….

        • invalid_pilot

          Queria saber o que faz a camera 360 e o banco em couro zero gravity pra pedirem esse absurdo.

        • Cleidson

          Eu não. Na hora do acidente, o banco de couro e a telinha colorida não te salvam. O airbag lateral sim.

          • EuMeSmObYmYsElF

            aaah mas ninguém compra carro pra bater!

            – Troll back to 70’s

      • Rzonta

        Quero ver falar que a potência extra é desnecessária quando precisar fazer ultrapassagens em rodovia de pista simples.
        Não vejo problema nas versões de entrada usarem esse motor. Mas na mais cara? De quase 100 mil?? É um absurdo!

      • Lucas086

        Então, cada um escolhe conforme a sua necessidade, eu acho caro um carro que está chegando agora, com a uma motorização usada em um modelo de quase a metade do preço, e eu penso também que não se pode olhar só o peso, tem que olhar coeficiente aerodinâmico tambem, área frontal e tudo mais. EU acho caro, Hr-v vai te entrega espaço um maior, motor maior consumo maior também, mas infelizmente o nome Honda “pesa”. Agora, quem não busca muito desempenho, que é nosso caso, pode ir de Renegade, carro muito sólido, confortável, consumo razoável e desempenho satisfatório.

    • Paulo Lustosa

      Sou mais pagar 102 num Renegade Diesel ou partir pra uma picape média flex

  • Luis LC

    1.6 por 1.6 vai de S-Cross, mais leve, CVT bem eficiente e de quebra leva o Allgrip, vai fazer curva como um A1

    • Lucas Furtado

      Bem lembrado. o S-cross 4×2 não tem alguns recursos do Kicks, mas sai por 88k. E mesmo sendo um carro bem completo e econômico vende 80 unidades mês. Passado o lançamento, vai ser difícil a Nissan sustentar 300 Kicks por mês com esse preço.

      • Luis LC

        Por 93K leva o 4X4 e ai não tem pro Kicks

  • SDS SP

    Caro, o povo vai continuar comprando HRV e Renegade, mesmo o Kicks sendo mais equipado.

    • Evandro

      só esqueceram de colocar um motor no Kicks….rssss

      • SDS SP

        Para o público desse tipo de carro, o motor nem é o maior dos problemas. Ok, o carro é bem equipado, com bons itens de conveniência, mas tudo isso não vai convencer o cara sair de uma concessionária da Honda para ir até a Nissan.

        Off…Tem um comentarista com um fake respondendo para ele mesmo aqui rs, não sei se é paranoia minha rs

      • invalid_pilot

        Daqui a pouco aparecem os que dizem que esse 1.6 anda junto de 1.8 e 2.0… Nego iludido é o que mais tem

        • Evandro

          é verdade…rss

    • Marcos

      Interessante esta lógica.

      A Nissan, marca mundial que briga nos mercados pelo mundo lança um carro que não testou, não avaliou desempenho, não avaliou os demais concorrentes e nem o perfil dos consumidores.

      Até o mercado americano está se rendendo aos modelos mais econômicos.

      Daí os concorrentes cobram uns 10.000 mais caro por um carro “top” deles e o povo vai que nem boi de manada continuar comprando o mais caro.

      Assim fica fácil…..com certeza a Nissan enlouqueceu.

      • SDS SP

        O mercado brasileiro, mesmo que seja essa bagunça que vemos, evoluiu. Contudo, a concorrência está muito maior hoje e não está fácil ganhar algumas migalhas na fatia do mercado. Se a Nissan tivesse entrado em nosso mercado com força na época em que a Toyota e Honda vieram com tudo, ela estaria melhor posicionada. Mas pelo jeito vai continuar sendo uma mera coadjuvante no mercado, o que é uma pena…

  • Gustavo73

    Sério Nissan?! Por esses preços merecia sim um motor mais vivo digamos. Ter o 1.6 não é problema,mas não por esses valores independente dos equipamentos.

    • invalid_pilot

      Exato!

      Mas tem gente que acha esse 1.6 com 15kgfm de torque mais forte que qualquer 1.8 dos concorrentes.

      Se for pra pegar um carro desses 1.6 prefiro o 2008 aspirado que apesar do cambio de 4 marchas, custa uns 12 k a menos que o Kicks inflacionado.

      • Gustavo73

        Eu me decepcionei com o Kicks. Desde que fecharam que er o 1.6 eu esperava preços maos parecidos com o 2008 1.6 aspirado top, poderia custar um pouco mais pelo CVT e algum equipamento extra como ESP que no PUG só existe no THP. Se fosse o 1.6 Tgdi ou até o 2.0 do Sentra, pelos preços de HRV que é menos equipado não estaria fora mas não tiraria as vendas do seu primo japonês.

        • invalid_pilot

          Sim! A Nissan perdeu a chance de ter pego a galera que curte o 2008 THP mas torce nariz por ele ser apenas manual.

          1.6T com CVT ia arregaçar de vender

          • Freaky Boss

            “1.6T com CVT ia arregaçar de vender”.
            Concordo. Mesmo por uns 5mil a mais ia vender muito. Creio que venderia mais nessa configuração que vc sugeriu do que na vão lançar, mesmo mais caro.
            Moda agora é turbo, gostem ou não (eu vejo muitas vantagens no turbo, mas cada um tira sua conclusão), e a Nissan COMO DE COSTUME está dormindo no ponto.

  • Edu.ch

    O carro na cor preta e sem o teto laranja definitivamente ficou sem graça. Parece que ficou mais antiquado.

  • Raphael Pereira

    Nissan, quem te viu quem te ve…anos atraz vc fez uma campanha dos poneis malditos lembra? e agora vende um carro 1.6 com 114 cv sendo que tem motor 2.0 e ate 1.8 do finado tiida pra usar, e mais, lembra quando pegou um focus e fez a campanha com rappers colocando o carro concorrente ao lado so tiida e dizendo que o povo pagava caro pelo focus 1.6 pelo preço do tiida 1.8…e agora faz igual

  • Mr Andrey

    1.6 da Ford e mais potente e custa 20k a menos, daí só colocar um banco de couro e charlar.

  • Vinny

    “A reserva é de R$ 5.000 e a opção Branco Diamond com Sunset Orange – pintura laranja no teto – custa R$ 2.500 a mais.”

    Pronto. A Nissan aprendeu como tratar o consumidor otár… quer dizer, brasileiro.

  • Marco Antônio

    acho que 1.6 não é o problema, o problema é o 1.6 custar 90 mil. Totalmente fora da realidade!

    • Freaky Boss

      concordo.
      1.6 aspirado por 90 mil não vai cheirar bem, a não ser que o peso potência esteja excepcional, mas não sei se investiriam muito em materiais nobres para fazer esse carro leve não.

      • Marco Antônio

        E isso que penso. Talvez esse carro terá um bom custo benefício nas versões mais básicas. Mesmo que 90 mil seja o preço da versão intermediária de Renegade e HR-V eles possuem motores de maior litragem, e sim: Isso conta muito na hora da compra. 1,6 com preço de 1,8. Não vou fazer previsões se vai micar ou não, porque acho isso torcida idiota, mas não vejo a tal “competitividade” que a nissan disse que ia colocar nesse carro! Esperar pra ver!

  • Fábio Rezende

    O problema é mesmo nessa faixa de 89 a 93,5 mil tá mais barato que o top de linha dos concorrentes. O Peugeot 2008 não tem versão CVT ou ao menos um automático descente pra ser considerado no:comparativo.

  • SDS SP

    Se estamos falando do mesmo comentarista, o mais engraçado é ver os dois fakes criados por ele respondendo os comentários…Não sei se percebeu, mas quase toda vez que ele comenta aparecem as duas peças rs

    • Gustavo73

      Vou prestar atenção.

  • FocusMan

    Esse carrinho parece que está muito bom. Vamos esperar análises sobre espaço interno e acabamento. Aposto que vai andar mais e beber menos que o Renegade.

  • Louis

    O interior claro ficou bacana! Mas eu mudaria 1 coisa, essas saídas de ar redondas, eu acho horríveis.

  • GABRIELCSFLORIPA .

    HR-V EX não tem bancos em couro, não tem central multimídia, não tem câmeras de visão 360 graus, não tem ar condicionado digital, não tem air-bags laterais, não tem controle de tração e estabilidade, não tem entrada/partida sem chave e custa R$ 90.600,00.
    Por isso eu acho que o Kicks está dentro do preço de mercado.

    • SDS SP

      Uma vergonha, mas como disse o colega abaixo, esses itens não faz vender…

      Eu considero partida sem chave e CMM firúlas frente aos itens de segurança, mas isso sou eu.

      PS: Todas as versões do HRV são equipadas com os controles de estabilidade e tração…

    • Artur

      Controle de tração e estabilidade o HR-V tem sim amigo. Aliás, até na versão de entrada!

  • Artur

    Gostei desse interior marrom (“Machiatto”). Mas realmente com esse motor e preço não acho que vá chegar a incomodar HR-V e Renegade. Se viesse com o 2.0 do Sentra acho que ficaria de bom tamanho.

    • Fábio Rezende

      Pra mim, o Kicks pode incomodar o HR-V e Renegade sim, pelo menos até a chegada do novo Jeep Projeto 551 (possível Compass). Vocês estão se atendo muito ao fato do motor ser 1.6. O motor 1.8 fraco do Renegade não foi motivo pra perder vendas.

      • Sim, não perde venda por conta da ignorância da grande massa, que compra carro pro vizinho.
        Só percebe depois quando tiver viajando, numa ultrapassagem. Aí, já era.

    • HenriqueHJ

      Pessoal fala do motor 2.0 do sentra sem conhecer. tá loco, esse motor para estrada é ok, mas no anda e para da cidade, bebe com vontade.

      1.8 do sentra americano pela potencia oferecida seria o ideal
      mas se o 1.6 será o suficiente só no test drive para saber mesmo.

      creio que para saida de semaforo não deve ser problema pois esse CVT tem acoplado uma embreagem faz com que a resposta seja mais imediato. o sentra é com conversor de torque e por isso que a saida dele é meio xoxo.

      • Artur

        Pelo INMETRO o Sentra faz 9,8 km/l na cidade e 13,1 km/l na estrada. Não considero uma média ruim. Está dentro da categoria.
        O Kicks deve ser mais leve que o Sentra e a potência e torque a mais pode pesar a favor do SUV.
        Aliás, acho que nessa categoria o consumidor não liga muito pra consumo, já que HR-V e Renegade não podem ser considerados exemplos de economia e vendem bem.

        • Cesar Mora

          Sim, no transito de São Paulo fazia 9.5 na cidade e 12.5 na estrada sem sacrifício nenhum…

          embora não ache ruim essa opção de motor 1.6 ….

  • Moises Sousa

    Ou da propaganda, “Eu sou um carro velho… (troca-se para choque)… Eu sou um carro novo”. Ela deve ter esquecido disso quando lançou o “New” March kkkk

  • Eduardo Brito

    Gostei do Interior marrom.

  • Dii Nascimento

    Creio que o principal atrativo seria um preço menor .