_Destaque Chevrolet Lançamentos Pickups Test Drive zslider

Nova Chevrolet S10 2017: Impressões ao dirigir

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (23)

A Chevrolet S10 2017 chega ao mercado nacional com manutenção de preços, mudanças no visual, acabamento, mecânica, conectividade e segurança. Agora sem o motor 2.4 Flex, a picape da GM mantém o propulsor 2.5 SIDI Flex de 197/206 cv e 26,3/27,3 kgfm, respectivamente com gasolina e etanol.

No caso do diesel, o 2.8 CDTI também preserva os ótimos 200 cv com 44,9 ou 51,0 kgfm, respectivamente com transmissão manual ou automática, ambas com seis velocidades. A versão 2.5 mantém apenas a opção manual. A S10 2017 também tem opção de tração 4×2 ou 4×4 com reduzida.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (28)

Disponível nas versões LS, LT, LTZ e High Country, a Chevrolet S10 2017 tem preços entre R$ 97.890 e R$ 167.490. Ela é oferecida em configuração chassi-cabine, cabine simples ou cabine dupla. As mudanças também foram estendidas à Trailblazer 2017, que você confere as impressões logo mais.

A picape média da Chevrolet agora adota um visual mais robusto, inspirado na Colorado americana, tendo como destaque a grade dupla redesenhada, novos faróis com LEDs diurnos, para-choque revisados e lanternas traseiras de LED na versão High Country. Rodas atualizadas aros 16 ou 18 polegadas também fazem parte das novidades.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (11)

Por dentro, o ambiente ficou mais sofisticado com o painel inspirado na picape vendida nos EUA, tendo como destaque acabamento soft touch, quadro de instrumentos remodelado, ar-condicionado digital com comandos horizontais, difusores de ar verticais e painéis de portas totalmente novos. Além disso, o S10 2017 ganhou multimídia MyLink 2 com Car Play, Android Auto, OnStar (também presente no retrovisor interno), comandos de voz e navegador com mapas em 3D.

As alterações também se estenderam aos coxins, freios, suspensão, sistema elétrico, entre outros. Com partes mais leves, a Chevrolet S10 na linha 2017 agora ficou 5% mais econômica, tendo ainda melhor aerodinâmica e conforto ao dirigir, já que também recebeu direção elétrica. Em segurança, destaque para os alertas de colisão e mudança de faixa. Câmera de ré e sensor de estacionamento dianteiro também são novidades.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (3)

Impressões ao dirigir

Ribeirão Preto/SP – Com frente e interior novos, a Nova S10 apresenta uma boa impressão visual, tendo discretos LEDs diurnos, assim como nas lanternas. Esses itens estão presentes na versão High Country, que agora também dispõe de vistosas rodas de liga leve aro 18, devidamente redesenhas. O santantônio personalizado e as molduras da caçamba, aliada ao protetor frontal exclusivo e o rack no teto, dão um ar mais sofisticado ao modelo.

Por dentro, a impressão geral é melhor que a do modelo anterior, que não era ruim. O material soft touch com difusores centrais metalizadas, além de comandos horizontais na parte central, remetem totalmente ao equivalente americano da S10, a Colorado. O quadro de instrumentos tem melhor apresentação, além de computador de bordo mais completo.

A multimídia MyLink 2 é mais intuitiva, sendo o sistema Android Auto fácil de usar e rapidamente introduzido no sistema, carregando não só o smartphone, mas possibilitando controlar várias funções por comandos de voz. O mapa 3D é interessante, mas precisa de atenção ao tocar na tela, pois a centralização é complicada.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (1)

A câmera de ré com linhas de orientação é muito útil, assim como o sistema OnStar operado também a partir do MyLink 2. O ar-condicionado continua eficiente, enquanto o sistema de som ganhou em sonoridade, inclusive com um potente alto-falante sobre o painel.

Ruim é o volante multifuncional em couro do modelo antigo ter sido mantido, mas nele temos o alerta de colisão, que pode ser ajustado em três níveis. Um alerta visual no para-brisa e sonoro são acionados quando há iminência de colisão. Há também o alerta de invasão de faixa, acionado no painel, que consegue ver até as faixas mais desgastadas da estrada, avisando no painel e por alarme a ação.

As portas apresentam melhor ergonomia, tendo agora comandos dos retrovisores junto aos dos vidros, além de melhor acabamento e aplique personalizado de acordo com a versão. O acabamento geral em couro é bom e o banco do motorista tem útil ajuste elétrico, mas sem memória.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (2)

Na High Country é marrom, enquanto a LTZ tem tonalidade cinza (fotos da S10 2.5 LTZ 4×4 – usada no apoio do evento – podem ser vistas na galeria). Estribos e alças continuam ajudam muito no acesso ao interior. O bom espaço foi mantido. Assim como a capacidade de carga, que chega a 1.049 kg na opção diesel.

Sem mudanças em motor e transmissão, a Chevrolet S10 2017 ficou mais gostosa de dirigir. A nova calibração do conjunto mecânico, deixou o veículo mais confortável na estrada, mas não o fez perder a capacidade off-road já conhecida. O propulsor 2.8 CDTI da High Country (versão testada) entrega bom torque em baixas rotações e disposição nas acelerações e retomadas.

Com pouco esforço, ele coloca a S10 2017 em movimento com desenvoltura. O isolamento acústico melhorado, faz com que o ruído do motor seja bastante atenuado na estrada, sendo mais ouvido no anda e para das cidades. A vibração foi reduzida com os novos coxins hidráulicos. A transmissão oferece engates suaves e escalonamento mais do que adequado para o veículo.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (9)

Rodando a 110 km/h, a rotação fica em 1.700 rpm e o conforto ao dirigir é ampliado. A direção elétrica deixou a S10 mais leve em manobras, tendo progressividade razoável em estrada. O ajuste da coluna ainda é apenas vertical. Os freios agora estão mais atuantes, graças aos discos maiores. Já o comportamento dinâmico melhor com as alterações. A Nova S10 2017 ficou mais estável e comportada na estrada. A suspensão filtra as irregularidades de forma mais eficiente que a anterior.

No fora de estrada, a tendência da traseira de pular foi atenuada com os ajustes da suspensão. Mesmo a cabine recebeu coxins recalibrados, a fim de proporcionar mais conforto e estabilidade. Controles de tração e estabilidade estão devidamente presentes e atuantes, assim como assistente de partida em rampa e controle de descida, útil em declives bem íngremes.

chevrolet-s10-2017-impressões-NA (6)

A capacidade de tração é muito boa nos diversos tipos de terreno. No teste em um hotel fazenda, a S10 2017 mostrou novamente sua boa aptidão para o fora de estrada, passando inclusive por um trecho de meio metro de água apenas em primeira marcha e com a reduzida acionada, nem precisando acelerar para o veículo transpor o curso de água.

A primeira impressão da Chevrolet S10 2017 foi muito boa. Várias mudanças fizeram o veículo ficar mais eficiente em consumo, bem como em segurança, conforto, conectividade, entre outros. Os preços mantidos mostram que a picape da GM quer novamente bater de frente com a rival Hilux. Atributos ela tem de sobra para voltar à liderança.

Galeria de fotos da Chevrolet S10 LTZ e High Country 2017:

Viagem a convite da GM.





  • Maçaranduba o Porradeiro.

    É bom saber que o passageiro que vai sentado no meio do banco traseiro, não tem cabeça…
    Agora eu posso convidar o cavaleiro sem cabeça para visitar o meu sítio nos finais de semana para domar as minhas mulas sem cabeça….

    • Filipe El Kadri Lafuente

      HAUHAUAHUAHAUHAUHA melhor comentário! Inadmissível não ter esse terceiro encosto!

      • E com apenas 2 airbags em todas as versões. Todos os ocupantes desse carro é preciso ter capacetes. kkkkkkkkk

        • leomix leo

          Absurdo isso, um carro desse porte, com apenas 2AB.

          • th!nk.t4nk

            GM fazendo GMice, mais uma vez. Segurança é a última coisa com que se preocupam.

        • Alexandre

          Rachei! kkkkk

      • Maçaranduba o Porradeiro.

        Com 5 ocupantes, deveriam ter pensado nesse aspecto desde o início do projeto.

      • pedro rt

        ate etios 1.3 tem isso hj pq nao uma s10

    • Lucas086

      Kkkkkkk colocam tanta coisa, e esquecem do mais simples, até um uno já tem isso. Pior é no cobalt, que foi feito para ser espaçoso e também não tem encosto de cabeça central.

      • Wellington Myph13

        Mas o pior é que tem o cinto de 3 pontos pra quem vai no meio, mas não tem o encosto de cabeça…

      • Maçaranduba o Porradeiro.

        Acho que em qualquer carro que, conste que a capacidade é para até 5 ocupantes, deveria ter de praxe esse item…
        A não ser que a GM queira vender como opcional para encarecer o veículo.

    • Wellington Myph13

      Cinto de 3 pontos ele tem, pelo menos seu amigo Cavaleiro sem Cabeça vai estar bem seguro… Só se colocar alguém com cabeça ali que complica… Tem que escolher só os sem cabeça pra por ali.

  • Filipo

    Custava algo oferecer o câmbio automático também com motor a gasolina? E a mesma pergunta se faz para a falta do terceiro apoio de cabeça.

  • Pipo pipo

    Na minha montana também não tem encosto de cabeça para ninguém.
    Só para descontrair. Kkkkkk

  • Martini Stripes

    Esperando comparativo com a Toro Volcano, Ranger e companhia…

    • Gerson Luiz

      COM A HILUX E COM A RANGER SAIU NA REVISTA 4 RODAS DESSE MÊS E A S10 GANHOU !

      • Martini Stripes

        Eu vi em algum outro lugar comparando a Toro com uma outra média. A Toro venceu, mas ele ressaltou, que se fosse pra uso mais pesada não dava, pra mortal que vira e mexe precisa de uma caçamba a toro apresenta melhor comportamento dinâmico (suspensao independente), e mais prático na cidade.

  • leomix leo

    AB de cortina e lateral que é bom nada, a Hilux e Ranger mandam um abraço…

    • Lucas Vilanova

      Absurdo um carro ganhar tanto recurso tecnológico e não vir com esses itens. E o mais absurdo ainda é a Trailblazer ter (6AB).

  • DINEI ribeiro

    Por isso que a Toro dominou tudo!!!!

  • V12 for life

    Até que enfim o velho Família II se aposentou, agora falta o outro mas esse ainda vai uma sobre vida, lamentável.

    • pedro rt

      o 2.4 familia 2 continua em linha na versao LS e LT

      • G.Alonso

        Acho que você não leu o início da matéria e de outras que dizem que o 2.4 não está mais na linha da S10. Agora somente os motores 2.5 SIDI e 2.8 CTDI. Agora é LT 2.5, LS 2.8, LTZ 2.5, LT 2.8, LTZ 2.8 e High Cowntry 2.8. 2.4 fora de linha.

  • The Monster Man

    Quero uma.

  • Andre

    Essa S10 e a Riluque perto das picapes americanas são umas carroças

    Até a VW Maloque é mais picape que essas duas

    • Jaspion

      ??????????????

  • WALTER oCAFAJESTE

    essa cor prata é batida viu… kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Thales De Paula

    Achei muito feia, agora fico na dúvida de qual é mais feia, ela ou a Amarok, até as ultrapassadas l200 e frontier são mais bonitas

  • Dricks

    esse povo reclamando da frente de cobalt kkkkkkkkkk melhor se acostumar pq vao todos por esse caminho… eu to achando lindo

  • lpdec

    Mudou mas não inovou. Por isso vai comer poeira no ranking!

  • carlos rodrigues

    Será se continua com o motor mais barulhento da categoria??? 2 ABS e faltando apoio de cabeça central é lamentável, dona GM…