Home Crossovers Novo Honda CR-V chegará ao mercado europeu em outubro

Honda CR V 2012 europeu Novo Honda CR V chegará ao mercado europeu em outubro




Apesar de ter sido lançada há tempos, a nova geração do japonês Honda CR-V chegará somente agora na Europa. O modelo destinado aos consumidores do velho-continente é praticamente o mesmo vendido no restante do mundo, como nos Estados Unidos e no Brasil, com pequenas alterações no visual e uma gama de motores mais ampla, incluindo blocos a diesel.

O novo Honda CR-V europeu traz um novo para-choque dianteiro, faróis com luzes diurnas em LEDs, lanternas com iluminação em LEDs e novas rodas, além de novos espelhos retrovisores. Sua chegada ao mercado europeu, porém, acontecerá somente em outubro, um mês após sua apresentação oficial no Salão de Paris.

A quarta geração do utilitário-esportivo será oferecida com três opções de motores, que inclui um a gasolina, o 2.0 litros i-VTEC, e dois a diesel, o 1.6 litro turbo e o 2.2 litros i-DTEC. O primeiro entrega 155 cv de potência e 19,5 kgfm de torque. De acordo com a Honda, o CR-V a gasolina, apesar de ter ficado mais potente, apresenta menores emissões de poluentes, de 174 g/km na versão manual 4×4 e 176 g/km na automática 4×4. O modelo equipado com tração dianteira emite 170 gramas por quilômetro rodado.

Honda CR V 2012 europeu 2 Novo Honda CR V chegará ao mercado europeu em outubro

O CR-V tem uma capacidade de inicialização de 589 litros ou 1.648 litros com os bancos traseiros rebatidos, um aumento de 148 litros sobre o modelo anterior. Comprimento de carga do carregador foi aumentado em 140 mm a 1, 570 mm, enquanto a altura do lábio carga foi reduzida em 25 mm. Além disso, há uma porta traseira de poder, que a Honda diz que é exclusivo para o modelo do mercado europeu.

Já o segundo, o 1.6 turbo, tem 120 cv de potência, que aparece aos 4.000 rpm, e 30,5 kgfm de torque, a 2.000 rotações, que chegará ao mercado somente no ano que vem. Já o 2.2 tem os mesmos 150 cv e 35,6 kgfm de torque, porém, agora mais “amigo do meio ambiente”, com emissões de CO2 de 153 g/km para o modelo manual e 175 g/km para a versão com câmbio automático, de cinco marchas.

Entre os novos equipamentos eletrônicos, destaque para o Hill Start Assist (HSA) e para o Hill Descent Control (HDC).


  • oliveirajc

    Chegou tarde porque lá preferem peruas, questão de bom senso… e de gostar um pouquinho de automóveis, dirigir, etc…

    • EuropaBambaataa

      Não é por causa disso. Eles estavam à espera que o motor 1.6 Diesel estivesse pronto.

      • cavevolution

        Esse motor diesel 1.6 turbo parece ser melhor que o nosso 2.0 I-VTEC com pouco mais de 150cv. Graças ao belo torque de 30,5kgfm, dando mais força para empurrar o seu peso. Também tinha que ter uma versão V6, igual ao do sedã Accord. Dai ficaria show de bola.

  • Edson Roberto

    Muito interessante esse motor 1.6 turbo diesel. Mas eu fiquei em duvida em relação ao parametro de poluição. Ao que eu entendi se trata do modelo diesel 2.2 certo?

    E quanto polui o 1.6 diesel?

    Entretanto, a minha escolha se estivesse naquele mercado e fosse optar por um CR-V, seria o diesel 1.6. Acredito que por ser um propulsor menor inclusive, auxilie no desempenho (pois o motor deve ser mais leve) e ainda mais barato na manutenção.

    Agora, CUSTA a Honda oferecer como opcional esse interior claro? Além disso, eu acho um absurdo em pleno 2012, estarmos com cambios automatico como desse modelo sem opção de trocas sequenciais. Sei que o pessoal que compra um produto assim não tem costume de ficar cambeando, mas seria um atrativo a mais para o produto. E considere ainda, que os demais rivais já possuem tal item.

  • rogerw31

    Que má vontade para postar uma noticia, traduzir no google e nem ao menos corrigir NADA, deixando coisas bizarras como capacidade de inicialização, comprimento do carregador, lábio, não sei QUEM postou isso, se foi algum redator e fosse meu o site estava demitido pela preguiça, se foi o Eber, por ser o dono devia se preocupar mais com a qualidade, são coisas pequenas assim que demonstram o quanto está dedicado ao que faz..

  • Mak06

    A ergonomia interna dos carros da Honda são ótimos.
    Depois que você acostuma com a visão de dirigir e espaço interno dos carros da Honda,quando você entra em outras marcas de carros tudo parece apertado,você se sente um elefante numa loja de porcelana.

  • projetoscol

    É… a coisa tá feia na europa, teve época que os lançamentos eram lá e demoravam 5 nos para adaptar e lançar aqui…. agora é o contrário.

  • dudupruvinelli

    A diferença é que lá o carro já vem equipado com itens de segurança, 6 airbags, esp, tc e até o farol de neblina que tiraram da nossa!