Ford Hatches Preços Sedãs

Novo Ka tem aumento de preços e parte de R$ 39.990

novo-ford-ka-avaliacao-NA (2)

O Novo Ka ganhou reajuste de preços para o mês de setembro. O compacto da Ford agora parte de R$ 39.990 ante R$ 39.390. Com motor 1.5, o preço passou de R$ 43.090 para R$ 43.690 na versão SE. A topo de linha SEL pulou de R$ 48.190 para R$ 49.290.

Já o Novo Ka+ também subiu, partindo de R$ 42.990 contra R$ 42.390 anteriormente. Com motor 1.5, os preços começam em R$ 46.690 ante R$ 46.090. Por fim, o topo de linha SEL 1.5 foi de R$ 51.190 para R$ 52.290.

Agradecimentos ao Marcelo Penha.





  • leomix leo

    Que mercado engraçado esse nosso. Em meio a uma crise econômica, sem vendas expressivas, instabilidade cambial, vem a empresa e aumenta os preços. Tem mais é que comer farinha mesmo. País de tolos, troquei o meu carro velho em um usado e não compro carro novo tão cedo, 40 mil em Ka!?!?

    • Derek

      A instabilidade cambial quebrou um pouco as pernas das montadoras. Não me espantaria se elas tivessem quase tomando prejuízo agora, com o dólar do jeito que está. Estão fazendo uma política de aumento de preços progressiva para não frear as vendas de uma vez.

      Posso parecer louco ao falar isto, mas se tem dinheiro e quer comprar um carro, o momento é agora: os preços vão aumentar ao longo dos meses e a possibilidade de negociação de um valor mais baixo é muito maior agora.

      • Zoran Borut

        Essa história de dólar alto não é desculpa, porque quando o dólar baixar, ninguém vai baixar os preços. Inflação também não é desculpa, porque quando o dólar estava estável, havia montadora reajustando mais que o dobro da inflação para o mesmo período (exemplo: Onix/Prisma). E as próprias montadoras previam há anos uma queda na demanda devido ao endividamento do consumidor e à crise internacional.

    • Lucas

      Que engraçado os comentaristas do NA. No meio de uma crise econômico com as vendas despencando, eles ainda vem com teorias bobas de quem não tem noção alguma de economia, achando que abaixar os preços vai fazer o lucro da Empresa aumentar.

      • Pedro Henrique

        mas é claro que se baixar o preço ela lucra mais, quer um exemplo, você vende um uno a 1 milhão de reais, alguém vai comprar? talvez 1 AO ANO.
        agora você vende uno a 30 mil reais, alguém vai comprar? muita gente, aproximadamente 9 mil pessoas por mês. 9.000*30.000=270.000.000
        baixou preço? Sim.
        lucrou mais? Sim.
        viu como funciona?
        o problema não é o preço estar alto, o problema é o preço estar maior que o preço de reserva da demanda, Brasileiro não tem tanto dinheiro assim pra um carro desse nível, já esta esbarrando em outra categoria.

        • th!nk.t4nk

          As vendas não sobem na mesma proporção. Eles têm muitos dados pra analisar a relação entre preço, vendas e lucro. Não é algo chutado. E o custo para produzir um carro no Brasil é altíssimo.

          • Pedro Henrique

            sim isso eu sei, só que ele mencionou que “achando que abaixar os preços vai fazer o lucro da Empresa aumentar.”
            só mostrei pra ele que é possível lucrar mais, diminuindo o preço de um produto, não que o preço atual do ká diminuir vai lucrar mais, até porque as empresas trabalham com o lucro MÁXIMO POSSÍVEL, então ta aí o preço…

          • DougSampaNA

            Pra produzir qualquer coisa..Aqui tinhamos que parar tudo, zerar os sistemas e começar os impostos do zero.A tarifação que tentarão nos impor nos proximos meses será cruel; porque simplesmente não vamos pras ruas, só por isso; o Governo só entende grita e protesto.

          • Junoba

            Um cara que trabalhou na Fiat, contou que um carro de 30k, a montadora gasta entre uns 3/4k pra produzir o mesmo

            De qualquer forma o lucro aqui no Brasil é muito elevado. Enquanto a média de lucro mundial é 5% do preço do veículo, por aqui é 10%.

            • V8

              garoto… Kkkk

              Sabe qto se gasta para desenvolver um carro? Essa conta tbem precisa ser paga.. Alias so vira lucro, depois que for paga.

              Ha muitas variáveis na conta.

              Nao é tao simples assim.

              Enfim.. Versões básicas de populares no Brasil possui lucro minimo.. Compensado pelos modelos mais caros.

              • Zoran Borut

                V8, nenhum “custo” justifica que um produto (no caso que tenho em mente, eletrônicos de uso profissional) muitas vezes fabricado em países com mão de obra cara, custe várias vezes mais aqui no Brasil que em outros países, sem que dólar, imposto, frete ou qualquer outra coisa que não seja lucro justifique tal absurdo.

              • Junoba

                E as carroças da década passado, que sofrem aumento de preço até hoje !?

            • os custos de pequisa e desenvolvimento também que entrar na conta. Carro não dá em árvore, tem que desenvolver, isso custa muito dinheiro.

              • Junoba

                E o Palio Fire, da década de 90, vendido até hoje, e ainda sofrendo vários aumentos !? Pois é, o custo de pesquisa e desenvolvimento já foi ´´pago“ a muito tempo.

        • Yuri Chaves Souza

          Fatasso!

          -Que crise é essa na qual o atual lider de vendas, o Onix, teve sucessivos aumentos desde o seu lançamento até aqui e hoje é o mais vendido?
          -HR-V é o mais caro da categoria, menos equipado e com motor razoável para o porte e está no Top 10 dos mais vendidos? E com fila de espera de meses!
          – BMW e Mercedes “se popularizando” pelas ruas. Particularmente nunca vi tanto desses carros nas ruas quanto nesses últimos anos. E olha que em minha cidade sequer tem ccs delas.
          -VW Up! era um absurdo de caro em seu lançamento, patinava em vendas com risco de ser o mico da VW, só vem aumentando o valor. Seus concorrentes subiram de preço e se equivaleram, e hoje o Up está entre os 15 mais vendidos.
          -Corolla custando absurdos sem nenhum custo benefício diante da concorrência (a não ser para alguns a “grife” Toyota) e está entre os mais vendidos;

          Essa “crise” é mais midiática que pragmática. Claro, alguns setores estão em crise (só que dessa vez os que interessam a mídia) mas em toda “crise” há um terreno fértil de oportunidades para outros

          • Derek

            Olha, a crise existe sim. As demissões e diminuição da arrecadação do governo não são midiáticas. O problema é que a crise não afeta toda a sociedade da mesma maneira.

            • Yuri Chaves Souza

              Exato. Isso mesmo que eu disse. Mas ela é muito menos do que é visto na mídia. Se for comparar o mercado de automóveis “em crise” no Brasil com os europeus e demais latinos, o daqui ainda está embalado.
              Em ritmo menor que outras épocas mas está.
              Fora que, é previsível esse ciclo de altas e baixas. Tivemos ai pelo menos uns 3 ou 4 anos de vendas recordes com juros menores, IPI reduzido e tal. Agora tem muita gente comprometida com prestação desses carros 36/40/60 meses. Obvio que haveria essa baixa.

            • Zoran Borut

              O que eu vi na prática nem foi diminuição de arrecadação, mas aumento da parcela do orçamento federal destinada ao pagamento de juros da dívida pública. Basta você ir atrás de informações sobre combate à sonegação fiscal para ver o quanto o governo arrecadou a mais só com isso no ano passado. A mídia escolhe o que divulgar, o que repetir constantemente, o que esconder, afinal mídia é empresa privada e seus donos têm interesses e círculos de relações. Não são ONGs filantrópicas visando a promoção do Nobel da Paz. Qualquer jornalzinho de cidade interiorana bancado com verba de comunicação de vereadores é exemplo disso. Tem empresa fechando fábrica em SP por causa da água, tem empresa abrindo “sede” (de fachada) em outros estados para fazer manobras fiscais. E demissão em montadora… sempre lembro da Ford em 1995, dizendo que ia fechar suas fábricas no Brasil e passar a importar toda sua linha – com o único objetivo de conseguir maiores vantagens com dinheiro público via “isenções fiscais”, financiamentos do BNDES… lembram da fábrica no RS?

          • Linkera

            Crise midiatica????? Hahaha faça me rir!
            É midiatico o carro mais vendido no mês ter 11mil unidades ante as 30mil do carro mais vendido a 3 anos atrás?
            É midiatico as vendas mensais terem despencado de mais de 300mil unidades/mês para menos de 200mil unidade/mês?
            Vá ver o estoque nos pátios das montadoras e você verá onde está a crise
            É facil pegar casos isolados, é obvio que algumas marcas sentem mais e outras sentem menos e que alguns carros vendem bem enquanto outros amarguram, mas dizer que não há crise amigo… isso aí tá parecendo até discurso vermelho com estrela branca no meio.

            • Luiz K. Jr

              Parecendo discurso? hahahaha… me pareceu óbvio.

          • Thales Sobral

            Não é midiática não… É porque a crise não chegou no seu bolso ainda.

          • Zé Mundico

            Cara, a mídia não tem o poder de criar nem inventar fatos. O país tá se ferrando e você ainda acha que baixar preço é solução? Não tem nada baixando de preço,comida, energia, telefone, gás, muito pelo contrário, tá tudo subindo. E voce acha que basta baixar o preço para tudo se resolver?….kkkkkkkkkkkkkkkkkk…mas é cada um que aparece,,,,

          • Luiz K. Jr

            Seguinto amigo: A crise chega de forma diferente para as diferentes classes da população:
            Quem compra carros de R$ 100 mil reais são pessoas com investimentos variados ou que trabalham em setores de demanda contínua, portanto não há variações. Agora, digamos que uma pessoa desse nível social sempre troque de carro a cada 2 anos, ela vai se deparar com o aumento dos carros nacionais, e vai ver os importados de entrada custando quase o mesmo valor… ocorre um movimento natural nesse sentido. Por ex: Antes consumidores de Fusion e Cruze, etc, viram os aumentos chegarem no patamar de carros como BMW, Audi e Mercedes… portanto a escolha.

        • Lucas

          Cara, não vou nem responder esse teu cálculo BURRO pq foi demais pra mim.

          • Yuri Chaves Souza

            Cara, há três anos atrás peguei um Versa (modelo top 1.6) 0km por 45mil. Hoje o modelo 1.0 topo custa quase isso. E a versão mais completa está 10 mil (dez mil!!!) mais cara e é mais depenada que o modelo daqui de casa.

            • Lucas

              Blz. Mas na tabela Fipe hoje o seu carro está custando R$ 30.686,00. A mesma versão dele na Fipe está R$ 46.493,00.

              O seu carro valorizou? Não. Continuou desvalorizando.

          • Pedro Henrique

            eu só mostrei pra você que reduzindo preço se lucra mais uai,

            não falei que o preço ta alto, teria que ter muito estudo pra saber a renda dos compradores, mas se ta vendendo, aumenta uai, aumentando esse pouquinho em pouquinho além de acalmar a inflação nas contas, da pra lucrar aqueles carros que agora não vende mais.

            obs: óbvio foi um exemplo bem grotesco, mas pra se notar facilmente o aumento de lucros…

            • Lucas

              primeiro que o cálculo correto é sobre o lucro e não sobre o valor do carro.
              Imagina que o carro seja 30mil reais e que venda 9mil unidades por mês.
              Agora imagina que o lucro bruto por unidade seja de 10mil reais.
              (Lucro Bruto ) R$ 10.000,00 x 9.000 (unidades vendidas) = R$ 90.000.000 (noventa milhões de reais de lucro bruto).
              Agora imagina que eles abaixem o valor do carro em 2mil reais e que, abaixando 2mil reais, 1500 seria a redução de lucro líquido e 500 a de impostos. Logo o lucro líquido sobre o carro seria de R$ 8.500,00.
              Fazendo o cálculo inverso
              (Lucro Bruto) R$ 8.500,00 x (X) (unidades vendidas) = R$ 90.000.000 (noventa milhões de reais).
              (X) = 10588 (arredondado pra baixo).
              Ou seja, para manter o mesmo lucro bruto, abaixando somente 2mil reais do valor do carro, eles teriam que vender 1588 carros a mais.
              Daí entram os cálculos estimativos. Será que se eu diminuir 2mil reais no valor do carro eu consigo vender 1588 carros a mais?
              E olha q nem estou falando nos custos diretos e indiretos pra fábrica PRODUTIR esses 1588 carros a mais, o que diminuiria ainda mais o lucro bruto total, fora que nem estou falando de lucro líquido, apenas bruto.
              Os contadores das Empresas calculam e veem que, abaixando o valor em 2mil reais, venderiam menos que mantendo o preço, e veem tbm que, aumentando o preço em 500 reais, não impactariam em praticamente nada a curva de vendas e ganhariam ainda uma média de meio milhão a mais.
              Por isso que digo que não é tão simples assim os cálculos.

              • Pedro Henrique

                sim amigo, eu sei, eu só mostrei pra você de forma bem extrema que dá pra lucrar mais cobrando menos, em um caso EXTREMO no qual o valor de um produto era absurdo no qual não teria uma demanda.
                Não que o ká se baixar 2 mil vai lucrar mais pra ford, ou que o meu uno hipotético de 30 mil se baixar vai lucrar mais, for assim os cara tava vendendo carro a 1 real uai.. kkkkkk

                • Lucas

                  Só se o lucro bruto em cima do carro fosse acima do dobro do valor do carro pra isso aconteceu.
                  Já dei exemplo do meu Fusion que custou 110mil reais e na NF tá lá 48mil só de imposto. Sobra só 62mil do valor pra dividir entre o custo de produção, frete, lucro bruto da Montadora e Lucro bruto da CCS (depois diminuindo do lucro bruto os gastos diretos e indiretos e impostos sobre a renda para auferir o lucro líquido). No final não acredito que fique muito mais de 10mil reais de lucro líquido pra CCS e pra Montadora de um carro que custa 110mil reais, imagina de um carro que custa 30mil.

        • Peraldiano

          Desculpe, mas sua argumentação não se sustenta.
          Você parte do princípio de que uma montadora tem que vender mais, como se fosse uma “obrigação”.
          Acontece que o objetivo da montadora não é vender mais e sim LUCRAR mais com o objeto que fabrica, dentro de limites e previsões que ela estabelece.
          Em época de crise TODOS aumentam preços.
          Baixar preço na ilusão de que vai lucrar mais é raciocínio de quem vende pastel na feira, pois tem que queimar a mercadoria para não ter prejuízo no fim do dia.
          Mas é isso.

          • Zoran Borut

            Exemplos práticos: Fiesta Rocam, Corsa Classic, Mégane Grand Tour. Foram abaixando o preço, foram aumentando as vendas. Enquanto isso, os modelos Kia…

            • Peraldiano

              Não tem nada a ver uma coisa com a outra. Esses carros que você falou ficaram baratos para desovar o estoque e sair de linha. Fim de carreira.

              • Zoran Borut

                “Desovar o estoque e sair de linha”? São carros que assim como o antigo Mille na época do lançamento do Palio, já tinham os custos de investimento pagos quando foram reposicionados e continuaram sendo produzidos por muito tempo, não apenas para “desovar estoque”. Porque davam lucro. A Ford não tinha capacidade em Camaçari para continuar produzindo o Rocam juntamente com o novo Fiesta e EcoSport, e no caso da Mégane GT o fator principal de encerrarem a produção foi liberar espaço para o novo produto low cost – alto lucro Duster.

        • V8

          Tem q vender (muito) mais primeiro.. Né santa inteligência!

          E nao temos a principal variável para falar alguma coisa.

          Os custos da montadora!

          Perceba que mundo afora as notícias sao que a America Latina vem dando prejuízo para varias marcas.

          • Zoran Borut

            E não faz muito tempo, era o Braziu que mandava lucros para sustentar os bônus dos presidentes das matrizes que quase faliram, esqueceu?

      • Ramom Alencar

        claro, tadinha das montadoras…

        • Lucas

          Tadinhas mesmo, com o número de vendas, preço do dólar e aumento de impostos, não me admira eles estarem tomando prejuízo aqui.

          • William

            Prejuízo JAMAIS! No máximo não estão conseguindo lucros exorbitantes como sempre conseguiram em nosso País.

      • Antonio Falm

        O mercado automobilístico é complexo, e no Brasil, talvez mais ainda. Que o lucro das montadoras no Brasil é exorbitante, é verdade. Vide o caso do Honda Fit, feito no Brasil, e exportado para o México até recentemente. Em 2009 era vendido aqui por 56.210, enquanto lá custava 25.800, mesmo viajando de navio, pagando seguros e taxas (sem contar que o deles ia melhor equipado). Diminuir preços para estimular as vendas seria uma opção viável, pois há gordura para queimar, mas essa opção jamais será feita. Existe o conceito que os economistas chamam de Memória de Preços: estamos acostumados a pagar caro e por isso, continuamos a pagar caro. Quando aparece um carro mais barato, como foram os chineses no começo, a rejeição é grande: desconfia-se menos por ser chinês e mais por ser barato. As montadoras não vão deixar essa Memória de Preço ficar desfavorável a eles, seria como matar a galinha dos ovos de ouro. Contam também com a cultura do brasileiro em relação ao carro, um objeto de afirmação social, capital simbólico. Na crise, comprar um carro novo é para poucos, e esses poucos, vão querer ostentar seu poder, ainda que comprando carros piores do que comprariam em tempos melhores. Tem também a sazonalidade, que funciona igual o mercado de picolé: no inverno, o preço de picolé aumenta, pois quem compra, quer demais o picolé e não tá nem aí para clima. Se a pessoa vai comprar mesmo, para que diminuir a margem de lucro por unidade vendida? Não esqueçamos também que o oligopólio das montadoras é muito protegido pelos governos, tem grande poder (por isso que o financiamento empresarial de campanha tem que acabar) junto aos políticos, e tem o apoio da CUT. Brigam juntos pelos seus interesses e sempre contam com os pacotes de bondades quando a coisa fica ruim. É mais ou menos isso.

    • DougSampaNA

      Pois é, e semofertar um power tranco descente, que não dê problemas…eu passo..bem longe.

  • Fanjos

    É aqui que está rolando altos aumentos?

    • charles nascimento

      Kkkkkkkkkkkkk

    • Gabriel M. Vieira

      É aqui mesmo, é só chegar! Puxa uma cadeira, pega uma gelada, bota o óculos 3D e vamos acompanhar. Todos fazendo a OLA!

    • dallebu

      Ka foi lançado por 34.990. Um ano depois ta 39.990
      To pensando em comprar 02 Ka como investimento de baixo risco.
      Compro 02 Ka, cada um por 40.000, e daqui um ano vendo por 45.000.
      Gasto 80.000,00 revendo por 90.000,00 ou seja 12,5% a mais.
      Considerando a inflação em 6,5% aa, da 85.200 R$, lucro 4.800 R$.
      Lógico que foi só um exemplo, que não considera desvalorização por ano/modelo, nem quanto eu ganharia de juros com 80.000, mas só pra mostrar que no ultimo ano, os carros subiram o dobro da inflação.

      • Adriano

        Melhor mesmo é pegar o corolla, vai lucrar mais ainda rs, é um MEGA BLASTER ULTRA TOYOTAAAA rsss

        • leomix leo

          O onix foi o campeão em valorização. E é feio que dói.

          • Jackson A

            “feio que doi” isso é somente etios e up.
            Onix é no maximo “normal”

      • DougSampaNA

        se vender o usado acima do preço que pagou o governo taxa o seu “lucro”…kkkkk

    • what_the_hell??

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Não tem jeito, rolou aumento eu só fico esperando o comentário do Fanjos!!!

      • Gustavo73

        Quem não…

      • leomix leo

        Ainda profetizei na segunda, Fanjos, cadê os aumentos??? Kkkkkk ele veio na quarta…

        • Fanjos

          O pessoal fica me summonando, não tem o que fazer.

    • Foxtrot

      Ri litros aqui kkkkkkk
      Desculpa Fanjos, mas eu tive que fazer isso XD

    • Foxtrot

      Ri litros aqui kkkkkkk

      Desculpa Fanjos, mas eu tive que fazer isso XD https://uploads.disquscdn.com/images/32e8e5a59bdaac3a06d1b06aa0cedf47a59768a7a7851129d4b718ef4990315d.jpg

  • charles nascimento

    Acho que carro 0km barato, só os chineses! Rs

    • Tosca16

      Quando eu escuto a propaganda da Chery no boletim do trânsito na RB até me surpreendo mesmo sabendo do preço do Celer ” A Chery está completando um ano de fábrica no Brasil, Novo Celer 1.5 à partir de R$ 34.990,00 e com IPVA grátis, acesse … para mais informações sobre condições de ofertas .

    • Junoba

      Que nada. Com QQ custando mais de 30k, espero qualquer coisa do mercado brasileiro.

      • Zoran Borut

        Ainda tem bicicleta elétrica por 2.700,00. Comecei a simpatizar com o prefeito Ciclovia.

        • Junoba

          Melhor ir de cinquentinha por 3k, ainda vale a pena.

  • Tosca16

    Quando eu pensei que a FORD ia fazer algo pra peitar a VW com o UP ela simplesmente aumenta os preços; fica difícil né Ford ?

    • Robinho

      ai vai a VW e aumnenta o preço do Up também…ai fica dificil…para nos

      • Tosca16

        Foi só eu ler aqui quê o UP teve aumentos e pensei na FORD fazer algo, mas na matéria seguinte olhe aqui o resultado, aumenta também kkkkk .

    • Ramom Alencar

      tem que aumentar mesmo, eles compreendem a cabeça do brasileiro = quanto mais caro melhor é o produto…

  • silencebass

    E depois dizem que é em Portugal que tem burro…

    • Nismo

      São tão burros que exploraram o Brasil durante séculos. Quem é mais burro aí?

      • Adriano

        Burro é quem paga rs

  • Autofahrer!

    Falando em Ka, quando virá o duas portas?

  • Eduardo Campos

    Precisava ter um Ka Titanium com o que já tem no SEL + 6 airbags, EcoBoost 1.0, PowerShift e 5 estrelas no Latin NCAP.

    • Adriano

      Ai vc reviveu da queda do avião?!? rs

    • what_the_hell??

      Se o Ka+ SEL custa 52k, esse seu custaria 65k!

    • Ramom Alencar

      ai seria um fiesta

      • Gustavo73

        Ou o Ka europeu.

        • Zoran Borut

          Ou o Lincoln Ka.

          • Gustavo73

            Rsrsrs

  • G. Pierin

    Quem compra carro 0 hoje no Brasil está com a grana e quer perdê-la fácil fácil.

    • Como se o preço do usado fosse justo…

      • E como se manutenção de usado fosse barata e fácil de fazer em casa… =P
        Já dirigi mto carro com 30-40 mil Km com a embreagem numa situação deplorável!

        • Imagina eu que estou em uma busca que se achar um com 200 mil vai estar bom! heheh… Mas com certeza acho… Carro usado só rodou 60 mil sempre!

          • Stark

            Ano passado cheguei a procurar por carros usados, mas ou estavam muito rodados ou muito caros, próximo do 0km. Comprar carro com 50 mil km rodados, por exemplo, não é pra mim. Passaria 5 anos com ele e fatalmente ultrapassaria os 100 mil km, onde os custos de manutenção aumentam muito.

            Sem falar que descobri alguns carros ‘maquiados’, por foto mesmo. Percebi que tinha vários carros que tiraram foto no mesmo local, fui no Google Maps e vi que era o estacionamento de uma oficina de pintura.

      • CorsarioViajante

        Perfeito, direto ao ponto. Pessoal adora comparar preço de carro novo com os EUA, mas nunca comparou preço de carro usado com os EUA… rs

      • Lucas

        Né. Hoje tá mais economicamente viável comprar um carro zero km, mais barato, do que comprar um usado de mesmo preço de categorias superiores. Pessoal acha que só preço de carro tá aumentando, não vê que serviços e peças estão aumentando tbm e numa proporção bem maior. Daí acha vantagem comprar uma BMW com 4 anos de uso, mas mal tem dinheiro pra aguentar a manutenção de um Fiat.

        • Perfeito! Exatamente isso. Acho válido o cara falar do Fusion usado como opção se ele já quisesse pegar um zero ou um Cruze Top por exemplo (Mesmo achando que a manutenção nesse caso seria de outra magnitude). Mas o famoso “Fusion de 30 mil” como opção à um Palio ou up! por exemplo? E mais: A ilusão que todos tem que esse Fusion usado é melhor do que ele mesmo quando ainda estava na concessionária. Não sei se é inocência ou.. Ah, deixa para lá.

          • Foxtrot

            Há também quem pense que carro de categoria superior é mais bem montado, tem equipamentos de melhor qualidade então não vai dar manutenção tão cedo.

            • Heheheh… Já li isso aqui… Aí perguntei qual peça seria… Silêncio…

              • Foxtrot

                O Fusion motor V6 deve ter velas de adamantium, sá p**** só deve dar manutenção depois de 300 mil km ;)

                • Já tive que ler aqui que carro usado é melhor porque os defeitos que vem no zero km o dono conserta para vender…

                  • Foxtrot

                    Oi? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

                  • Junoba

                    Essa é de doer…

              • CorsarioViajante

                E aí vem uma pedrinha e quebra o para-brisa… IMporta do E-bay! rs

          • Lucas

            Quando eu comprei o Fusion entrei no grupo do face e no grupo do whats. Eu ficava só olhando a quantidade de menino de 20 anos de fusion G1 2007~2008, e pegando as conversas eu via que a maioria fazia bico ou trabalhava ganhando salário mínimo, arrotando arrogância pra todos os lados, postando foto, falando que “humilharam” fulano no carro X ou Y. Depois chorando pq tiveram que trocar pastilha, amortecedor, cambio tava dando pau, etc, etc…

            • Eu já li isso aqui… “Muito melhor que uma carroça da Fiat” foi dito…

            • Gustavo73

              Aí depois o vemos cenas deprimentes (para quem gosta de carros) como vi outro dia. Uma M3 cum uns 15 anos nas costas. Para-choque traseiro rachado, pneus remold carecas, para-brisa rachado e retrovisor preso por fita isolante. Imagine o estado do motor. Mesmo em países de primeiro mundo não é barato manter um bichinho desse com essa idade.

            • CorsarioViajante

              O que eu ando vendo deste fusion G1 xunados…

            • Junoba

              Primeiramente. Eles devem ter ganhado o carro do pai/mãe, ou fizeram alguma cagada pra fazer um financiamento e faezr algum calote. Porque não é possível algúem recebendo um salário mínimo, ter um carro desse naipe.

          • Junoba

            A maioria dos Fusion´s de primeira geração ( 2006 a 2008 ), estão bem conservados. Tendo a maior parte abaixo de 100 mil rodados.

            Eu penso o seguinte: Por que eu deveria levar um carro pelado, que não me agrada, que na verdade é uma carroça, pelo mesmo preço de um carro usado, me agrada, e é melhor !? Sei que a manutenção é mais cara, além do consumo. Se for pra levar um carango, é melhor ir de moto mesmo.

            • Filipe Machado

              Coloca o seguro nesta equação… Fusion velho por ter saído de linha tem peças de lataria, faróis e afins mais caros

            • Junoba, quantos Fusion você conhece desse ano? Quantos foram vendidos? Não acha muita pretensão não dar um veredicto desse tão generalista por causa de um ou outro exemplar que conheça? O Lucas aqui do blog, proprietário de um e frequentador de clubes do Fusion, não pensa assim.

              “..Sei que a manutenção é mais cara, além do consumo. Se for pra levar um carango, é melhor ir de moto mesmo…”

              Mas essa é a sua realidade, e isso passa longe de ser uma verdade universal. Tem gente que só quer algo de ir de A para B. E o mais importante: Essa manutenção a mais, a pessoa tem condições de manter? Sabia que a manutenção de um câmbio de Audi A4, Passat e Fusion é mais do que pretendo gastar para comprar meu próximo carro?

              • zekinha71

                O meu patrão teve vários Passats e o último deu problema nos freios, a brincadeira ficou em apensa 16K, fora esperar 3 mêses as peças virem da Alemanha, depois dessa, nunca mais comprou Passat, agora está de Jetta e Classe C.

                • Agora fala para um representante de vendas ficar 3 meses sem salário para gastar metade do que o carro dele custa em manutenção.

    • netovski

      Quem compra carro 0 no Brasil geralmente tem um usado pra dar de entrada como 60% a 80% do valor e financia os outros 20% a 40% em 24 ou 36x com taxa 0…

  • Philomeno

    mas bah

  • DevXav

    Passo.

  • Fernando S.

    Esse carro foi lançado há 12-13 meses a 35.490,00, salvo engano. Conseguiu subir 4.500,00 nesse período, sem acrescentar NENHUM ITEM dos que já vinham. Se ainda fosse um 1.0 EcoBoost, seria um bom negócio, mas motor 1.0 aspirado? Onde vamos parar?

    • Angelo Lucca

      Problema é ver o que tem no mercado na mesma faixa de preço dele que seja melhor…
      O Up! é tão “bom negócio” quanto, porém tem um desenho controverso e isso conta muito, embora o Ka não seja um primor de design ainda assim é mais harmonioso que o Up… e o Up só melhorou as vendas após a VW reposicionar os preços e equipamentos… o resto da concorrência é defasado tanto em mecânica quanto estrutura e tem preço próximo… Assim fica fácil aumentar e continuar vendendo..

      • Gustavo73

        O Hb20 tem 4 estrelas (estrutura) o Ka nem foi testado. O motor 3 cilindros está na mesma do 3 cilindros da Hyundai ou o do Fox. Todos estão caros por “N” motivos infelizmente.

        • Angelo Lucca

          Pois é, tinha esquecido do HB20 e dentre os 3, acho o melhor acabado, mas ainda considero o motor do Ford e da VW um pouco mais eficientes… Pouquinho melhor dizendo….

  • Peraldiano

    Eu já venho latindo por aqui faz mêses:
    CARRO NOVO NÃO BAIXA DE PREÇO!!!
    Esqueçam isso e parem de delirar achando que “se baixar vai vender mais”!
    VAI NÃO!
    Vai é subir pra compensar a queda na vendas e manter a rentabilidade do negócio!
    Gente, isso é básico! Vão ver se o Manuel da padaria está baixando o pãozinho dele para vender mais.
    Vão ver se o mercado da esquina baixou o leite para vender mais.
    Vão ver se o viadinho cabeleireiro baixou o preço do corte de cabelo para vender mais.
    Se a montadora tem custos fixos, impostos, recolhimentos, mão de obra, etc.etc,e as vendas estão caindo, NUNCA, JAMAIS, ela vai baixar o preço, sob pena de tomar prejuízo até o talo.
    Quando muito pode dar um desconto malandro para enganar os bestas.
    “Ah, mas ela lucra muito”. Lucra e tem que lucrar mais, pois nosso sistema econômico privilegia quem vende mais caro, pois os governos estadual e federal são “sócios” das montadoras. Basta ver os impostos e taxas que incidem sobre carro zero. Quanto mais caro, mais o governo arrecada!!
    Sem falar no sistema financeiro ( bancos, seguradoras,etc) que vivem desse mercado com seus juros celestiais.
    Pronto!

    • Fernando S.

      Exato. A conta é simples: esse carro vende em média 7.500 carros/mês. Coloque 600 reais a mais em cada um nessa venda e observe a nova margem de lucro que a montadora vai receber, sem precisar abaixar o preço e aumentar a demanda de peças para produzir carros.

      • Lucas

        Pois é. Se aumentar 600 reais no preço vai vender o mesmo tanto, se abaixar 2mil reais no preço, vai vender pouca coisa a mais, que talvez nem dê lucro e sim prejuízo. Mas o pessoal acha aí que se abaixar o preço do carro pra 20mil reais as Empresas vão ficar multibilionárias… santa ignorância.

    • RyanSX

      Só com os aumentos da conta de luz não tem empresa que aguente. 48% em menos de um ano é de matar qualquer empresa. Se aqui em casa o consumo pulou de 100 reais para quase 145,00 (isso porque passamos o dia fora e chegamos por volta das 16:00 e sem crianças em casa) imagine uma empresa grande, com contas de luz milionárias como é que fica. Isso porque estou falando somente de energia elétrica, imaginem então com tudo o que aumentou nesse pais. Não tem jeito mesmo, ja nem comento mais sobre aumentos.

    • Eduardo Campos

      Amigo, poderia corrigir o termo pejorativo referente aos cabeleireiros?

      • Franklin Diego

        UHEAUEHAUEHHAUAHEUHAE

        • Eduardo Campos

          Qual a graça?

          • Franklin Diego

            Você, que aparentemente levou a sério essa parada dos cabeleireiros.

            • Fico imaginando o mal-humor exalado por pessoas que reclamam de tudo por ser “politicamente incorreto”, HIAUSHAHUSHUSAUASA

              Devem ser as mesmas pessoas que reclamam da placa do banheiro feminino ter um bonequinho usando vestido…

              • Eduardo Campos

                Fico imaginando a ignorância exalada por quem acha normal discriminar uma pessoa por algo que ela não pode mudar e que é absolutamente normal.

                Devem ser os mesmos que votam no Bolsonaro.

                E não é politicamente incorreto, é burro mesmo. E inconsequente, já que pessoas são xingadas, agredidas e mortas pela perpetuação dessa sua forma de pensar.

                • Zé Mundico

                  Quem está falando em xingar, agredir e matar é voce. Não meça os outros com a sua régua.
                  Menos, menos……

                  • Eduardo Campos

                    EU? Em que mundico você vive? Vai ler jornal, amigo!

                • Junoba

                  E você deve ser mais um daqueles que vota no PT ! O bolsonaro sempre diz a verdade, ele me representa !

      • radiobrasil

        Concordo, desnecessário.

      • Peraldiano

        Porque, você aumentou o preço do corte?

        • Eduardo Campos

          Me espanta você saber mexer num computador

        • Junoba

          kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        • Banido por dar a entender que o leitor Eduardo é o viadinho do seu outro comentário.

      • Ramom Alencar

        quanto custa o corte?

        • Eduardo Campos

          Quer na barriga? Nas costas? Num braço? Com faca de cozinha ou lâmpada fluorescente?

          • Cuidado pois com comentários desse tipo você está perto de ser banido.

            • Eduardo Campos

              Oi?!? Por acaso você leu os comentários anteriores? Vai fazer algo a respeito deles?

              O meu foi claramente em referência aos inúmeros atentados que homossexuais sofreram e sofrem todos os dias e não uma ofensa ou ameaça pessoal.

    • netovski

      ‘Se a montadora tem custos fixos, impostos, recolhimentos, mão de obra,
      etc.etc,e as vendas estão caindo, NUNCA, JAMAIS, ela vai baixar o preço,
      sob pena de tomar prejuízo até o talo.

      “Ah, mas ela lucra muito”. Lucra e tem que lucrar mais, pois nosso
      sistema econômico privilegia quem vende mais caro, pois os governos
      estadual e federal são “sócios” das montadoras. Basta ver os impostos e
      taxas que incidem sobre carro zero. Quanto mais caro, mais o governo
      arrecada!!’

      ISSO

  • Mr. Bola de FOGO!

    Deve estar vendendo muito bem.

  • Boris

    O preço da cola do forro subiu em dólar………..

    • th!nk.t4nk

      Ah se fosse. Tem coisa importada pra caramba nos carros brasileiros.

      • CorsarioViajante

        tem idéia mais anacrônica e atrasada que essa de achar que “carro nacional” é feito de cabo a rabo no Brasil? Ou pior ainda, querer, como o governo, que seja assim? Dureza!
        PS: não estou me referindo especificamente ao Boris acima, ok?

        • th!nk.t4nk

          Pois é. A única chance de ter um carro > 90% brasileiro de fato, seria se não tivessem matado a Gurgel.

          • CorsarioViajante

            Acho que hoje a “nacionalidade” das coisas diz respeito mais ao país onde são projetadas do que ao país onde são construídas / fabricadas.

  • Bruno Wendel Marcolino

    aumenta mais que ta pouco!!!

  • HugoCT

    Esse pais ta uma piada mesmo. Não se compra mais carro bom 0 km por menos de 40.000, que absurdo. Me lembro em 2007, quando meu pai comprou um Fox 1.6 plus por 40 mil completão. Agora os 1.0 custa isso, que absurdo. Mas o mercado e comandado pelo povo, é so não comprar, eu nunca mais compro 0km, o meu ultimo foi em 2014, mas eu consegui um preço ótimo.

    • Junoba

      Lembro é em 2010, quando meu avô comprou um Astra 2.0 completo, por 44k. Fiquei sabendo que em 2011 estava a mesmo e anda levava Airbags.

      • Stark

        A inflação no período foi de 30%, de acordo com o IPCA e o INPC. Então, esses 44 mil de 2010 equivalem a 57 mil de hoje.

        Não dá para comparar valores soltos assim. Daqui a pouco chega alguém dizendo que em 1996 comprava Uno por, sei lá, uns 10 mil reais.

    • Stark

      Mas tem que levar em conta a inflação, que de agosto de 2007 a agosto de 2015 foi de 64%, segundo o IPCA e o INPC. Então esses 40 mil de 2007 equivalem hoje a 65 mil reais.

  • Bugrezilla

    Isso não é nada, anotem aí o que vou dizer: ano que vem os preços dos carros no brasil vão aumentar cerca de 50%. Esse populares vão pular pra faixa de 60k, os civics e corollas da vida vao pra faixa de 130k, e esses audi e bmw de entrada vão pra faixa de 170k. Quem viver verá. Vamos voltar a ser o país das latas velhas, carro 0km vai ser coisa de rico.

    • Franklin Diego

      Rapaz, acho que você precisa por mais os pés no chão. Não precisa exagerar tanto pra tentar bancar a Mãe Dináh do mercado automotivo.

      • Bugrezilla

        As pessoas ainda não estão se dando conta do que fizeram com o nosso país. Não é adivinhação, é inflação mesmo (a verdadeira, não a divulgada)

        • Junoba

          Hoje o dólar chegou a R$3,80. E aa inflação que o IBGE divulga, é pura enganação. É no mínimo o dobro do divulgado.

    • Fernando S.

      Que vão chegar a esse valor, é inegável. Mas acredito que nesses valores citados, só lá para 2020.

    • radiobrasil

      Com o dolar a quase 4,00, impossivel carros PREMIUM não subirem tanto mesmo!

    • CorsarioViajante

      Se fosse só nos carros ainda estaria bom. Vamos voltar a ser o país do arroz-feijão-ovo, qualquer coisa acima disso é “luxo”.

      • Junoba

        Né. Minha conta de internet chegou ontem, e adivinha. Absurdos R$600. Estão comentando que é por ausa da crise, então as operadoras estão repassando os custos para o consumidor, incluíndo serviços que não pedimos. Pra quem pagava R$220 em Março, é uma facada entanto. Liguei pra lá, e fiquei a tarde INTEIRA negociando com a operadora OI. Só reduziram R$100, mas vou continuar tentando daqui a alguns dias, e enrolar eles.

        • CorsarioViajante

          Boa sorte, minha irmã foi para a Oi e se arrependeu amargamente!

    • Júlio Câmara

      Rapaz, infelizmente vc está correto. Se vc compara com os EUA e a Europa, não só os carros, os manufaturados em geral estão mais baratos no Brasil agora. Monte um Fiesta Hatch Titanium na FORD dos EUA e o vai ver que custa 4-5 mil reais a mais que aqui. Isso nunca aconteceu. BMW a 130 mil reais: isso não existe em lugar nenhum. Os manufaturados tem preços fortemente atrelados a commodities como aço e resinas cotadas em dólar. A realidade, a triste realidade, é que a inflação ainda não chegou plenamente. As montadoras estão vendendo com margem quase nula ou até no prejuízo apostando numa melhora da economia. As matrizes estão transferindo dinheiro para socorrê-las. A situação é muito grave e ficará pior.

      • Junoba

        Já falei e mantenho a minha palavra. A verdadeira crise ainda não chegou. Só digo uma coisa: aperte os cintos.

  • Mauro Moraes

    Esse carro abriu setembro na liderança do mercado brasileiro. Mesmo com todos esses aumentos. O up! por sua vez, não decola nem se custasse 20.000.

  • radiobrasil

    Não só o Ka… Fusion básico era 106.000, agora tá 108.400

    • Lucas

      E pensar que comprei o meu em outubro passado por 110mil, Titanium com Teto Solar.

  • CorsarioViajante

    O pessoal aqui está vendo a questão de trás pra frente.
    Não é que com o tempo a crise vai fazer os preços baixarem. É o oposto. A crise existe JUSTAMENTE porque os preços não param de subir e ninguém consegue comprar mais nada.
    Antes os preços já eram altos, mas o crédito fácil mascarava o problema real, que é o imenso custo Brasil. Em 2015 o crédito acabou, o dólar subiu, TODOS os impostos subiram expressivamente, e TODAS as tarifas públicas subiram, desde energia elétrica, pedágios, combustíveis, água, até tarifas do BB e dos Correios. E com tudo isso a inflação volta com força, criando um círculo vicioso. Para piorar o país está numa sinuca política imensa, com total falta de credibilidade e mesmo de liderança.
    Não adianta gente, quem trabalha na indústria e no comércio sabe: quando acabarem de queimar estoques antigos os preços vão decolar. Se preparem.

    • Lucas

      Ninguém reparou que o dólar aumentou em 1 mês mais de 20 centavos né? Achei normal esses aumentos dessa semana, na faixa de 500~800 reais. Tudo tá aumentando, não tem como não repassar pro consumidor.

      • CorsarioViajante

        O pior não é nem o dólar aumentar, é o governo não dizer de forma clara em qual patamar o dólar vai ficar. Como uma empresa pode se planejar? Não se sabe se o governo quer manter o dólar a R$3,00, R$4,00, ou R$10,00 ou se simplesmente vai deixar flutuar à vontade, livre leve e solto. Aí pergunto, como uma empresa pode se planejar? Não pode, e o que ela faz? Trabalha com uma cotação de dólar mais alto para compensar o risco.

    • Peraldiano

      Isso mesmo! Sábias palavras!
      Infelizmente a maioria das pessoas confunde causa com consequencia.

      • CorsarioViajante

        Peraldiano, ia até comentar coisa similar no seu ótimo comentário abaixo, mas achei que ia ficar repetitivo.

    • Leonardo César

      Se os comerciantes esperassem os estoques acabaram para subir o preço ainda estaria bom. Salvo uma minoria que tem essa honestidade.
      Eu particularmente não acho que o dólar feche o ano a menos de 3,80, sendo muito otimista, e os preços não apenas dos automóveis, irão subir mais ainda.

      • CorsarioViajante

        Depende do setor. Por exemplo, passei por algo engraçado. Na Luigi Bertolli vi uma camisa que custava 119,00. Alguns meses depois, ela passou a custar 89,90. Daí chegou a hora de trocar a coleção, o preço caiu para 29,90 (!!!!!!). Agora, na nova coleção, uma camisa similar está por 189,00! Lógico, varia de cada setor e da política de cada empresa, mas já deu para ter idéia do drama.

        • Leonardo César

          Sim. Setor depende, na área de Calçados acontece o mesmo do seu exemplo.

          Na area de hardwares, geralmente quando está próximo de lançar uma nova geração do produto, citar com exemplo uma placa de video, no exterior (no caso de onde é importado) o produto que custa 500 dolares, reduzem para 400 dolares para desovar os estoques de produtos velhos, quando esse produto vem pro brasil, as empresas não abaixam os preços, simplesmente vendem como se não houvessem redução nos custos da importação. E a nova geração vem custando mais caro que a passada, porque alegam que houve aumento nos custos de importação. O boicote não funciona, pois a maioria não vai vai deixar de querer ter o carro do ano, a roupa que está na moda, o tenis que lançou ontem, o notebook de ultima geração, aquele celular do momento.

          Chega a ser um drama bem engraçado esse nosso Brasil.

          Espero que tenha entendido meu comentário :)

          • CorsarioViajante

            Entendi sim! Complicado, vale lembrar também que o Brasil é um país que vive com um abismo tecnológico muito grande, o que faz com que a gente continue pagando preço de ouro por refugo. E o caminho que o governo atual tomou, de super-taxar e aumentar impostos, só aumenta ainda mais este abismo e nossa carência.

            • Leonardo César

              pois é, para nosso governos a solução para tudo são impostos e mais taxas super abusivas.

  • Louis

    Isso não é nada, há 3 meses comprei dólar a R$ 3,08, hoje está R$ 3,80 !!! Mais de 20% de aumento em 3 meses !

    • what_the_hell??

      Na verdade, o comercial está passando de 3.80. Se for comprar acho q não se consegue mais dolar abaixo de r$4!!!

      • Louis

        Sim, estou comparando apenas a cotação oficial, pois era cotado a R$ 3,08 e paguei R$ 3,22… Hoje certeza é mais de R$ 4,00 para compra.

        • Junoba

          Mas qual é o motivo de você comprar, e pagar mais caro que o ´´tabelado“!?

          • Louis

            Estou comprando para uma viagem, e casa de câmbio sempre é mais caro que cotação oficial, pois tem a “margem de lucro” de quem comercializa dólares.

            • Alexandre Maciel

              E o seu avatar explica o motivo disso tudo. Se esse governinho de larápios não tivesse empurrado a faca no IOF dos cartões, certamente esses especuladores de vida fácil donos de casa de câmbio, os quais exercem a ridícula atividade de lucrar sobre a conversão de moeda, estariam até então chorando… exatamente como já fizeram porque quase não havia razão para comprar essa porcaria de moeda em papel (a não ser uma quantidade pequena).

              • Louis

                Realmente, pagar mais de 6% a mais no cartão é f…., além de não saber qual será a cotação no fechamento da fatura.

          • Stark

            O dólar que está a aproximadamente R$ 3,80 é o comercial, que é o utilizado pelas empresas para exportação e importação.

            O que está a R$4,00, podendo chegar a R$4,20 é o dólar turismo, que acompanha a flutuação do dólar comercial, e é o valor cobrado para o consumidor comum pelas casas de câmbio e pelos cartões de crédito. Assim, se você precisar viajar, você obrigatoriamente compra dólar por esse valor mais elevado.

    • Junoba

      E pensar que em 2013 estava a R$1,90. Dá pra render muito dinheiro com isso.

  • ALVIN_1982

    O problema não é o aumento do preço das coisas em números… o problema é que o salário não acompanha os aumentos…

    • dogmarley

      aleluia um comentário decente!!

  • Magnus Lincoln

    Com o preço da versão top de linha mais 9 mil se compra o Sandero RS . . . . . .hummmmmm . . . . . . . . como 90% compra financiado , esses 9000 diluido em 60x não vai fz muita diferença no bolso da galera por aí . . . . . .

    • dogmarley

      claro que faz
      vai ver as taxas de juros

  • HENRY ME

    Dollar R$3,80 .

  • Jaderson

    Ééééééééééééé pessoal e eu que achava que só a VW com o Up estava ficando doida, agora chega a FORD e aumenta o preço do Ka. “TÁ DE BRINQUEIXON OF ME”.

  • Jaderson
  • Antonio Pacheco

    No site de ofertas da Ford já consta o valor novo de 39990. Porém, promocionalmente, o carro “baixou” para 37990. O ka e toda a linha está com descontos. Ford usando a tática da Chevrolet, aumenta depois dá descontos generosos…

  • Leonardo

    è impressão minha ou não temos mais carros abaixo dos 30 mil

    • dogmarley

      só chinas

  • julio

    Já vi esse filme antes no tempo da hiperinflação. As fabricas aumentam os preços para forçar a compra. Funciona assim: se eu não comprar agora, no mês q. bem tá mais caro, então compro logo. Vai dar certo essa política perigosa e perversa das fábricas? Depende consumidor. Se cair na armadilha…

  • LoganVB

    Se levar em consideração que moeda mundial é o Dólar e com certeza quando o lucro é mandado para as matrizes é convertido para esta moeda, imagino que os preços estão quase condizentes com o valor “normal” cobrado. O problema é que se o dólar cair eles não vão repassar.

  • Zé Mundico

    Quer dizer, o Ka está custando por volta de 50 salários mínimos. Como quem compra carro ganha no mínimo 2 a 3 salários minimos, esse carro tá muito super caríssimo demais.

    • dogmarley

      só esse, os outros estão uma pechincha

  • Hiboria

    1.0 passando de 40 mil, é isso mesmo?

    • Junoba

      E o Up 1.0 ( não é o TSI ), ta passando dos 50k com todos os opcionais.

  • Gabriel

    50mil em um ká?? não sei se é de rir ou chorarkkkk e de pensar q um tempo atras com 50mil comprava um astra 2.0 0km kkkkkkk

    • dogmarley

      o motor do Ka dá pau nesse 2.0
      os controles TCS, ESP e HLA te auxiliam e salvam mtas vidas em momentos de tensão, coisa que nenhum astra sonhou em ter

      as coisas se modernizam, e no caso o nome do carro poderia ser Pênisvaldo, mas preferiram colocar Ka. Nao tem nada a ver com o antigo Ka

      • Gabriel

        Nem em sonho que esse ká da pau no astra 2.0.

        Ká 1.0 pesa 1007kg 85 cv e 10,7 kgfm (11,84 kg/cv)
        Ká 1.5 pesa 1018kg 110cv e 14,8 kgfm (9.25 kg/cv)
        Astra 2.0 pesa 1180kg 140cv e 19,7kgfm (8,42kg/cv)

        Sem falar que o ká ainda tem um maior arrasto aerodinâmico. O motor do ká é muito bom, o melhor 1.0 que se tem no BR, mas querer dizer que “da pau” no 2.0 do astra, é muita ignorância, só pode que comprou um ká e acha q é o melhor carro do mundo. NÃO DA PARA COMPARA UM 1.0/1.5 COM UM 2.0 (ah menos que seje bem antigo) O motor do ká é melhor sim q o 2.0 do astra, muito mais moderno, mais eficiente etc. mas “dar pau” não mesmo.

        O Astra mais completo tinha ABS nas 4 com EBD, e contava com airbags(nao sei quantos) nessa parte o ka ganha sim. Aqui no BR não foi investido nesses itens no astra para rebaixá-lo perante o Vectra(Astra g3) para não competirem.

        Sim, o ká só manteram o nome, mas isso não muda o fato dele ser de um patamar bem inferior, é nivel gol palio onix. modelos popular. 1.0 . o Astra concorria com carros mto melhor (golf, focus, até mesmo com o irmão vectra) Não tem como negar isso, o astra tem mais conforto e classe que qualquer Ká.

        O fato é que se o astra seguisse no mercado (em nova versão) estaria bem mais caro tbm.

        Já andei nesse novo ká, e para mim é o melhor da categoria. Mas ta caro.

        • dogmarley

          … vc citou tanta coisa, de tanto assunto; se empolgou, ein? pelo visto doeu a minha cutucada no Astrão velho de guerra. mas ok, então vamos lá!

          cara, números das cartinhas do Super-Trunfo? vc pode decorar todos, ou simplesmente dar um Google (como aparenta ter feito); mas a realidade é sempre outra. E eu sinceramente quero acreditar que vc tenha considerado o motor 1.5 na minha citação, pois se considerou o 1.0, vc realmente foi bem juvenil.

          resumindo a obra do desempenho: põe do lado esse bloco de ferro fundido 8v aí…que o de alumínio 16v deixa falando..já vi ao vivo. depois da terceira marcha, então….

          uma rápida ressalva que o nome Ka não tem acento (Ká está errado).

          o Vectra nosso o qual vc se referiu nunca foi o Astra 3 da gringa.. apenas o facelift imitando foi aplicado, de resto só mesmo a gravata Chevrolet de igual.

          o fato é que todos carros estão caros, inclusive o Ka; porém como você mesmo assumiu na categoria não tem pra ninguém.
          não podemos que a cada geração totalmente nova os carros sempre encarecem, sempre aumentam de dimensões e de tecnologia embarcada. raras são as excessões. logo, comparar um sedan dito médio nos anos 90 com um sedan compacto de hj em dia é meio descabido… até pq o compacto de hj talvez só perca na categoria denomianda Conforto de Rodar. mas isso é outro assunto, no qual os carros dos anos 90 num geral têm e os novos perderam…

          • Gabriel

            Empolguei? não , é que no trampo fico entediado kkk.
            Eu considerei o 1.5 é logico.
            0 a 100 do ka é em torno de 10 11 seg, astra faz entre 9 e 10 seg, e atinge mais de 210km/h . Já o ka mal passa de 200km.

            Você ja viu os 2 carros? o vectra nacional e o opel astra 3? tanto interior como exterior são iguais (com diferenças minimas), só q o Vectra BR é pior, de menor qualidade e sem a mesma mecanica do opel astra 3.

            Na categoria ele é o melhor mesmo não tem nem o q discutir disso, mas ainda assim não é o que mais vende, onix ainda é lider.

            Voltando a questão original, é que os preço de carro subiu muito desde a ultima(2011) vez que comprei um 0km.

            • dogmarley

              graças a deus que o Ka nao passa de 200, ate pq nao eh esse o proposito dele! Eu duvido mt do Astra passar! a topspeed deles deve ser bem parecida, contando que a versão GSI do Astra, de bloco com 16v, chegava aos 201km/h de máxima. o 8v deve fzr seus 180.

              já vi os dois sim, muda bastante coisa, principalmente os miúdos como acabamento, plataforma, motorização e segurança passiva!

              falando em segurança passiva, o Ka SEL ainda vem com TCS/ESP/HLA..

              o Astra foi um ótimo carro ao seu tempo,. inclusive lá pros anos de 2010 quando era vendido ainda, ainda era um bom negócio com excelente custo-benefício.. mas igual a ele tem mais uma porrada de carros para serem citados; mas que nem por isso deveriam voltar a serem fabricados ou comparados com os atuais; muita coisa mudou! melhor guardar como uma lembrança boa!

              abraço

  • Pedro Cunha

    Mais de R$50k num k-sedã….
    Isso não pode ser sério.

  • Zazula

    Tá virando rotina o aumento de preço todo mês…
    Que absurdo!

  • danlaradd .

    E pensar que por 52K se comprava Fiesta Titanium há pouco tempo atrás.

  • Silvio Valentim

    E pensar que compramos um new fiesta 1.6 SE por 48k e já achei caro.. triste nosso destino. (Out/14)

  • André Maia

    Outrora o carro mais barato do Brasil. agora está mais caro que o Fiesta no lançamento.

  • Mayck Colares

    E pensar q esse era o valor da versão completa no lançamento. (39990)

  • Agnaldo Gastaldi

    39990 era o preço do Ford New Fiesta, assim que ele começou a ser feito no México…



Send this to friend