Gadgets Veículos Comerciais

Novos concorrentes do Uber começam a operar no Brasil

taxi

O Uber ganhará dois novos concorrentes no Brasil. Esses novos aplicativos são WillGo e 99Top. O primeiro é um serviço de autogestão com pagamento direto ao motorista. Com cadastro iniciando no país, o app está disponível para Android e iOS. O serviço começa para os usuários em março.

O WillGO permite a escolha de modelo e cor do carro, assim como motoristas favoritos e agendamento da viagem com até 48 horas de antecedência. Para o condutor, o pagamento da taxa fixa é feito de forma trimestral, anual ou bianual.

De acordo com a WillGo, trata-se de uma assinatura para licença de utilização do serviço. Para o cliente, o pagamento é feito através de cartão de crédito, diretamente para o motorista. Além de carros variados, o serviço permite a contratação de motociclistas para entrega de objetos e documentos.

Os preços são fixos e não variam de acordo com o horário de utilização, a variação se dá pelo modelo de carro escolhido e quilometragem percorrida. A empresa diz que o WillGO atende as exigências da prefeitura de São Paulo. Para quem estiver interessado em trabalhar, é necessário CNH válida e antecedentes criminais. A taxa é de R$ 5,75 para pagamento bianual.

99Top

O 99Top, como o nome sugere, fazer parte do mesmo grupo que criou o app 99Táxi. Com início de operação em abril, o aplicativo pretende ter carros de luxo e cobrar até 25% a mais nas corridas em relação aos táxis.

A implantação começará por São Paulo e Belo Horizonte, onde a prefeitura vai licitar 400 carros de luxo para esse tipo de serviço. Concorrendo direto com o Uber, o 99Top pretende oferecer aos usuários carros de luxo de taxistas licenciados com Wi-Fi, ar condicionado, carregador, frigobar e até guarda-chuva.

Para atender melhor o cliente, o 99Top dará treinamento de duas horas para os taxistas, que terão aulas abordando simpatia, cordialidade, comunicação com o passageiro e sugestão de opções. Os aprovados terão de acertar 70% das questões. Em São Paulo, 1.200 já foram treinados e 50 avaliam o 99Top. O pagamento da taxa de licença ainda está sendo discutida.

[Fonte: O Tempo/Canal Tech]

Agradecimentos ao Sergio Quintela.





  • Bruno Souza

    Q venham mais…

    • Carlos Eduardo

      Só vai faltar via para tanto aventureiro… Kkkkkk

    • Blessa

      Cara isso vai virar um caos, resumindo alem de baixar a qualidade dos serviços prestados, quem trabalhar como motoristas desses aplicativos vai ganhar cada vez menos, ganhando cada vez menos a qualidade cai automaticamente, é só ver os taxistas, ganham cada vez menos e andam em carros detonados e mau conservados.

      • Danilo Peluso

        POR CAUSA DESSE SISTEMA FALIDO EM VIGOR AQUI.

      • dCarvalho

        Baixar a qualidade dos serviços prestados com o aumento da concorrência? Tá sertinho você..

  • Cyro

    Aula de 2 horas …. kkkk

    • E isso que no dia do curso vai ter motorista chegando atrasado.

    • Renan21

      kkkk ótimo para colocar no currículo

  • Alex

    Só o Uber já causa revolta dos taxistas imagina com mais dois serviços..kkk

    • Minerius Valioso

      Agora eles estão perdidos… a festa da mafiazinha está com os dias contados.

  • Ailton

    Os taxistas piram kkkk. Mas a concorrência é isso aí. Que os taxistas tradicionais procurem sempre melhorar sua prestação de serviço, pois é a única forma de competir.

  • Fábio

    De que adiantou aquele chilique todo na frente da prefeitura de São Paulo? Chegaram mais 2 concorrente e mais virão hahaha.

  • fbl

    Vai ter S550 tb?

    • Humberto Ghirardello

      hahahahahahaha

    • Zergling

      Em Alphaville, talvez.

  • Abrahao Figueiredo

    É necessário antecedentes criminais? Droga, vou ter que cometer um crime!

    • Allan Victor Kaiser da Silva

      Cara, notei isso também KKKK

  • Rafael Yashiro

    É incrível como o Ar Condicionado é citado como item requerido.
    Isso não deveria nem ser citado, pois é algo tão normal, que se eu pegar um taxi hoje, sem ar eu não fico.

    • invalid_pilot

      Duro que as vezes na pressa não rola de esperar outro… Quando uso taxi geralmente é pago pela empresa, logo menos mal pra mim

    • Acredite, nao faz muito tempo embarquei num Ford Ka da geração antiga, aquele carro pequenininho de duas portas e, sem ar condicionado. Imagina ficar parado no trânsito de São Paulo debaixo de sol dentro de um carro sem ar. Foi a ultima vez que cometi esse erro. Agora sempre que paro um taxi pergunto se tem ar, se nao tiver eu dispenso sem cerimonia alguma.

      • ViniciusVS

        Aqui em São Paulo capital faz uns 20 anos que não pode mais Táxi 2 portas ( O Ká nem existia ainda), os últimos que tenho memória foram Gol quadrado. Se uma cidade de interior aceita carro duas portas só mostra o quanto atrasado é o sistema lá.

        • Então era um taxi irregular, pq isso foi na capital, nao deve ter 3 anos. Foi no Terminal Santana, na zona norte.

          • wagner

            Provavelmente era geladeira!

          • ViniciusVS

            Se foi em São Paulo com certeza é sim.

          • Hélio

            só o fato de ser um ford Ka é um indício de irregular…
            típica economia porca

    • Guilherme Batista

      Em BH eu ainda vejo muito taxis sem ar e os que tem ar não utilizam pra economizar.
      Um dia desses eu vi o cara num taxi corolla desse novo, modelo xei, com aqueles quebra-chuvas e janela um pouco aberta debaixo de uma tempestade.
      Incrível isso. Molhava o carro todo mas não ligava o ar

  • Minerius Valioso

    Fantástico. Bom que com essa entrega, não fica totalmente refém só dos Correios e de mais alguns poucos concorrentes.

  • M_13

    “E até guarda-chuva” como se fosse coisa de outro mundo ter um guarda-chuva no carro kk

    • Igor Lima

      E pq nesse caso o Guarda chuva vem com um Rolls Royce imbutido…

      • Eduardo Santos

        kkkkkkkkkkk

  • Eduardo Santos

    Eu não sei bem como funciona esse tipo de serviço, mas de quem são os carros de luxo? Dos próprios candidatos que se oferecem para prestar o serviço ou da empresa? Sério, não consigo imaginar alguém que tenha um carro de mais de 100 mil reais (que deve ter se matado de trabalhar, estudar, ou os 2), ou mesmo já cresceu em ambiente favorável financeiramente, se prestando a dar caronas remuneradas. Acho isso meio contra o senso da sociedade hodierna.
    Sério, sejam sinceros e lógicos, se você tivesse ótimas condições econômicas e um carro caro, além, claro, de um bom emprego, quais os motivos que te levariam a prestar “caronas remuneradas” e chegar a levar porrada de taxista pra isso? Se alguém puder me explicar melhor como funciona o serviço, agradeço. Aqui em Recife o serviço não chegou ainda e, previamente, editaram uma lei confusa que deixa controversa a possibilidade de atuação desse ramo.

    • ViniciusVS

      Eduardo, o carro é do motorista porém financiado. Taxistas que trabalham em frota e pagam diária de R$150,00 a R$200,00 por um carro popular ( pagam por volta de R$ 3.500 por mês para a frota) preferem pagar bem menos que isso para comprar um carro que em teoria será dele e assumir todos os custos de financiamento, seguro e manutenção. sendo o mais barato que o Uber aceita o Toyota Corolla que custa 70 mil Reais e não é tão “luxuoso” assim.
      Na prática não sei se conseguem ganhar mais que trabalhando em frota, pelo menos não a longo prazo, mas isso é problema do motorista. o que importa mesmo é ele prestar um serviço de qualidade para o usuário seja o sistema que for.

    • wagner

      O “motorista” compra o carro financiado, não sei o quanto eles estão conseguindo tirar por mês atualmente, mas já trabalhei nesse ramo de inicio de 2010 até inicio de 2013, antes de Uber e outros aplicativos, e tirava por quinzena uma média de R$ 6.500….se fizer as contas por mês dava média de R$ 13 mil já descontados 30% que era do “dono do contrato com o cliente”, nós “motoristas” eramos apenas os “funcionários” sem vinculo empregatício dessa pessoa “dona do contrato”….Detalhe que atendia somente 01 empresa multinacional em Alphaville.

      Dos R$ 13 mil descontava o combustível (gasolina, pois o meu veículo no caso era um Jetta 2.5 2009 e um Fusion SEL 2012) que dava por mês algo em torno de R$ 2.200, descontava o almoço que era R$ 15,00 por dia (R$ 300 por mês) lá em Osasco, descontava o SEM PARAR por volta de R$ R$ 400,00 mês, descontava manutenção do veículo (troca de oleo e filtro) cerca de R$ 400,00 por mês pois rodava cerca de 10 mil KM por mês, sendo 80% em rodovias boas, colocava mais umas despesas como lavagem, um lanche ou guloseimas durante o mês algo em torno de R$ 300….então sobrava cerca de R$ 9.500 mês! pagava o seguro do veículo + APP e ainda sobrava cerca de R$ 5.000 mês.

      No meu caso o Jetta 2.5 era 2009 e comprei ele financiado em 2010. Dei entrada de R$ 8 mil + 36 prestações de R$ 1.800 que conseguia pagar tranquilo, quitava cerca de 04 prestações por mês e tinha um bom desconto nas ulltimas….quitei o jetta em 07 meses e depois comprei o Fusion que não foi financiado, consegui comprar 0KM no final de 2012( peguei um bom desconto pois já estava vindo o modelo 2013 totalmente novo ) a vista vendendo o Jetta e colocando mais um quantia em R$.

      Gastos com itens mais caros como pneus, pastilhas, amortecedores, etc….nós motoristas sempre que precisa juntava 03 ou 04 e comprava no mesmo lugar com um bom desconto….mas isso ocorria a cada 07 meses mais ou menos…..

      Em 2013 eram 19 motoristas fixos, o modelo mais comum era o corollas Xei automático (cerca de uns 10 veículos), depois o Jetta 2.0 flex automático (cerca de 04), Jetta 2.5 tinha 02 e mais 02 Fusion SEL e apenas 01 C4 Pallas.

      As vezes, conforme a demanda, existia alguns motoristas FREE, que na grande maioria das vezes estavam com corolla.

    • Guilherme Batista

      Acho que o wagner já deu um bom exemplo aqui embaixo. É tudo uma questão de fazer dinheiro, é bem parecido com o processo de abrir uma pequena empresa e tal.
      E outro detalhe é que não precisa ser um carro de 100 mil.
      Vocë pode muito bem comprar um corolla, um 408 e qualquer outro carro desses usados por cerca de 50-60 mil

  • Pierre

    Plot twist: o Uber pega e faz lobby pra proibir os épes.

  • Chama o velho que vem…

    Isso ainda é pouco. Quero ver taxista passando fome!

    • Carlos Eduardo

      Tadinho!!!! Nunca teve táxi… Kkkkk

  • kravmaga

    Por um lado esse tipo de serviços pode ser uma boa hora para os taxistas pressionarem os prefeitos para acabarem com o sistema atual de concessão de licenças para táxis, que gera grandes distorções e cria coisas absurdas como taxistas que cedem seus carros a outros em troca de diárias.

    Se eu fosse prefeito:

    – Qualquer um poderia fazer corridas de táxi, bastando estar registrado na prefeitura, pagar uma anuidade ou mensalidade de licença à prefeitura, fazer uma rigorosa vistoria anual do carro para ter condições decentes de segurança e limpeza e ter um taxímetro instalado nos carros. Não precisaria nem pintar o carro com uma cor específica. Bastaria colocar algum adesivo ou outra forma temporária de sinalizar que o carro está sendo usado como táxi. Não haveria um número fixo ou limite para as licenças. A lei da oferta e demanda equilibraria o número de táxis.

    – Somente o dono do carro (conforme o registro do carro) pudesse estar dirigindo o carro como táxi, para impedir a exploração.

    – Com o dinheiro das licenças que os taxistas pagariam à prefeitura, criaria um sistema informatizado para que os clientes pudessem pegar os táxis usando smartphones ou computadores e que também pudessem avaliar os motoristas. Os motoristas que fossem mal avaliados pela maior parte dos clientes perderiam o direito de continuarem a trabalhar como taxistas.

    – A prefeitura estabeleceria apenas um valor máximo para a bandeirada, mas os taxistas poderiam cobrar preços menores se quisessem, estabelecendo uma concorrência entre eles.

    – Os taxistas de serviços privados como Uber e cia seriam obrigados a estarem também registrados na prefeitura como taxistas e a se submeterem aos mesmos critérios.

  • Danilo Peluso

    MUITO BOM. PASSOU DA HORA DE TOLERARMOS TAXISTAS SEM NENHUMA CONDICÃO.

  • Senhora Liberdade

    so nao aceito a regulamentação das prefeituras em cima desses dois apps, o Uber veio para quebrar com o monopólio estatal

  • Marcos

    quero ver o motorista uber fazer 1 corrida por dia…100.000 carros da uber em Sp

  • Marcos

    motorista uber …aprende fazer contas…pega a calculadora vc esta trabalhando de graca !!!

  • mauricio

    taxis serao extintos?