Peugeot estaria buscando uma nova picape para 2018

03/01/2016

peugeot-504-pickup

A Peugeot estaria trabalhando para ter uma nova picape no mercado europeu. O projeto teria como finalidade lançar um modelo até 2018, mas ainda não se sabe em qual segmento. No passado, a marca francesa oferecia a argentina 504 Pickup e mais recentemente a brasileira Hoggar.

Comenta-se na Europa que existem três possibilidades para a Peugeot retornar ao segmento de picapes. A primeira seria uma parceria com a Toyota, marca japonesa com a qual fabrica em conjunto os modelos Aygo, C1 e 108 na Hungria.

peugeot-hoggar-escapade

Outra opção seria buscar a igualmente nipônica Mitsubishi, tradicional parceiro na produção do modelo 4008 (ASX) e do antigo 4007 (Outlander anterior). No entanto, a montadora já fornece a Nova Triton para a Fiat, sob o nome Fullback.

Por fim, a Peugeot poderia se unir à Fiat – tradicional parceiro no segmento comercial – e compartilhar com essa a picape Toro, tendo assim uma variante com o leão estampado para o mercado europeu, sendo provavelmente importada do Brasil. Nos dois casos anteriores, a origem deve ser a Tailândia.









  • Tosca16

    A Toro com um toque da Peugeot ia ser mais confortável e melhor em acabamento, isso não teria dúvidas .

    • Rodrigo A.

      Ponto positivo da Peugeot aqui no Brasil é o acabamento e o conforto. Já tive um 208 e não tenho to que reclamar, com exceção do motor, achei fraco.
      Antes do 208 eu tive um Fox Highline, o motor era bem mais esperto.

      • Tosca16

        Motor também, os THP são ótimas opções … imagino aqui uma Toro com o motor THP na europa .

      • Tosca16

        Depende muito da proposta do carro, não vejo reclamações acho que com o 1.5 se não estiver enganado da 208, e acho que o cliente de um carro destes geralmente não está observando isso que vc falou, um cliente que vai num 208 não iria num Fox Highline por exemplo. Fora os que buscam nas marcas francesas as motorizações THP o resto só quer suavidade ao rodar, conforto e qualidade de acabamento . Eu fala marcas francesas e excluo não sei por que a Renault sem querer, acho que por ter uma enxurrada de Dacias usando do nome Renault para vender aqui; destoando de tudo que se pode pensar ou atribuir as tais marcas, como em nível de acabamento .

        • Rodrigo A.

          Para falar a verdade, é indiferente. O 208 ficava mais com a esposa mesmo. kkkk

          • Tosca16

            Mulheres gostam dos PSA; pelo design, qualidade de acabamento e conforto. Além de achar suave no rodar, vc que tem um 208 pode atestar o que eu digo aqui, não gosto do termo “compacto premium” mas se fosse colocar em um modelo seria no 208 e não no HB20 que tanto idolatram .

    • PRÉVIA Novo Peugeot Pickup 2018 @ Fiat Toro

  • Essas coisas miudas já era, agora é Oroch pra cima. Montana ja ficou para tras, e o proximo é saveiro.

    • Tosca16

      Não seria ruim não mas a Peugeot deveria por uma proposta jovem para tirar toda e qualquer vocação para trabalho, ter a caçamba para coisas simples como o que se leva para uma praia, instrumentos musicas e olhe lá . Seria como a Chevrolet SSR salve as proporções, funcionalidade nenhuma ou muito pouco, mas com estilo diferenciado .

      • Pedro Rocha

        Essa foi a ideia da Hoggar, a horrível, e não deu certo. Se eu fosse estrategista da Peugeot, apostaria numa versão picape e flex da Partner 4×4 diesel que eles tiveram na Europa. Assim, teríamos um legítimo sucessor para a Pampa 4×4, e diferente da Hoggar que não se destacava em nada perante a concorrência, a Peugeot teria um grande diferencial de mercado.

        • Tosca16

          Eu nem acho a Hoggar ruim, é um carro injustiçado, me recordo na época que entrei em uma e depois numa Strada, diferença absurda; muito bem menos “espartana” a picape francesa, e mesmo não sendo voltada ao trabalho eu vejo algumas Hoggar transportando até gás de cozinha e não vejo nenhuma em pior estado que uma “Mostrana” da vida .

          • wilsonkikawa

            concordo com vc, acho que Hoggar merecia uma sobrevida, um up para ficar maior, talvez seria ideal…e alem de aumentar a robustez mecanica pra trabalho…

  • EuMeSmObYmYsElF

    algum mestre do photoshop poderia postar aí uma Toro com a identidade da Peugeot?

    já coloco aqui a ideia a ser seguida

    • (não sou mestre, mas aqui está minha idéia)

      • EuMeSmObYmYsElF

        ficou interessante.. baixando um pouco a frente pra ficar menos reta e deve ficar bem perto do final, se a Peugeot escolher a Fiat

  • Marcos Souza

    A 504 era a diesel. Quem teve sente falta de uma a altura pró trabalho pesado

    • Junoba

      A que eu sempre via, tinha até a caçamba caída de tanta surrada que estava. É um modelo bem raro.

    • CignusRJ

      Das que dirigi, Strada( e tb a fiorino picup), chevy500, Saveiro, Montana e Pampa esta 504 foi a melhor que já dirigi, depois dela só a Pampa. Isto para trabalho pesado.
      Nota, todas estas citadas eram modelos dos anos 80 e 90. já modelos dos anos 2000 foram só as Strada e saveiro.
      Courrier e Hoggar nunca cheguei perto :) por isos nada posso falar sobre elas.

  • pedro rt

    acho mais provavel a peugeot fzer uma copia da fiat toro ja q a uniao entre ambas em veiculos comerciais e de longa data, começou no inicio dos anos 80

    • Pedro Rocha

      A Strada, por incrível que pareça, também é vendida na Europa. A PSA poderia aumentar o acesso da FCA nos outros países europeus vendendo Strada e Toro sob o símbolo da Citroen, já que a Peugeot por lá está tentando se vender como uma marca semi-premium.

  • Junoba

    Agora que fiquei sabendo que essa picape se chama 504. A um tempo atrás eu sempre via uma toda surrada. Só por aqui também, por que não vi mais em nenhum lugar.

    • oscar.fr

      O 504 foi um modelo campeão de vendas da Peugeot. A picape fez bastante sucesso na Argentina.

  • Rodrigo

    Tenho uma Hoggar 2012, comprei porque precisei para uma casa que estava construindo, a picape foi muito injustiçada no Brasil, tem uma caçamba enorme, bom acabamento, bebe pouco e tem um motor muito acertado, a minha está com 60mil/km sem ter dado nenhum problema( e nem as revisões eu fiz). Espero um melhor planejamento da próxima picape, pois resistência de mercado e alguns erros estratégicos fizeram com que a Hoggar vendesse muito pouco no mercado nacional.

    • Pedro Rocha

      O melhor que a Peugeot faria seria trazer a Partner 4×4 para o Brasil e não reiventar a roda criando mais uma picape.
      Em 2011, cogitei comprar uma picape compacta e a Hoggar, a horrível, ficou em último lugar em minha preferência, pois não se destacou em nada para mim:
      * apenas cabine simples (Strada e Saveiro tinha cabine estendida);
      * caçamba menor que a concorrência (Courier);
      * nenhum sistema especial de tração (Strada tinha locker opcional);
      * não oferecia ABS (nem como opcional).
      No final, acabei por escolher a Strada, mas com o preço absurdo cobrado por uma Adventure CE (a única que tinha o locker opcional à época), comprei um Corolla e adiei meus planos de comprar uma picape nova para o sítio. Com o tempo, começaram a aparecer rumores interessantes sobre a picape Duster e hoje estou aguardando a Toro diesel 4×4 para avaliar.

      • Marcelo Venssa

        Concordo na parte de não trazer nenhuma inovação e querer abocanhar uma fatia do mercado já consolidada, ainda com um design duvidoso, desse modo fica difícil. Meu pai tem uma 2011/2012 e a escolha dele foi por ser a mais barata da categoria, ter bom acabamento, de ele não precisar de modos de tração especiais( é engenheiro), muito menos de cabine dupla pois para isso tem um sedan e ela tem a caçamba com mais capacidade de carga( a courrier jurássica ele nem cogitou e tem bagageiro maior porém com menos capacidade de carga). O ABS é uma falha lamentável, mas de resto a picape teria futuro caso a Peugeot soubesse comer pelas beiradas com bom marketing e um design traseiro melhor, o que não foi o caso.

        • Pedro Rocha

          Vejo ao menos uma vantagem: exclusividade.
          =D

    • Mumm Rá

      Eu acho esse carro muito maneiro

      Felicidades para você com esse carro

  • guestlouco666

    Tive uma, e era uma picape muito boa, diesel, aguentava peso sem reclamar

  • guestlouco666

    Era tao boa que a peugeot parou de vender, parece fogem de bons produtos e que gostam de vender porcaria.
    Pra me desfazer nao precisei de nem 1 semana

  • Luís Gustavo de Barros

    Nunca esqueci do dia que meu padrasto apareceu em casa com uma 504 e minha mãe fez ele voltar de ré buscar o dinheiro de volta.

  • Vattt

    Com Fiat e Renault no pareo não vai sobrar muito espaço pra ela não!!! A Peugeot precisa crescer em termo de concessionárias e e tirar ao máximo a fama de produtos de manutenção cara. Como fazer isso, não sei!?! e gosto muito de seus carros.

  • wilsonkikawa

    A Hoggar era uma pickup legal, se a Peugeot pegasse a Saveiro ou Fiat Strada como referencia para retocar algumas partes da hoggar talvez ela vingaria, ms ao invés disso preferiram descontinuar o modelo…O lema no Brasil é siga o Lider…

  • wilsonkikawa

    Existem dois veiculos descontinuados injustamente, uma foi a Hoggar, a outra era Courier