Ford Manutenção

Procon-MG vai investigar casos de problemas com câmbio Powershift da Ford

ford-ecosport-titanium-powershift (8)

Diante da repercussão dos casos de problemas relacionados com a transmissão de dupla embreagem Powershift da Ford, o Procon-MG deverá abrir uma investigação para apurar os relatos de defeitos no dispositivo.

Os casos relatos pelo jornal Estado de Minas mencionam trocas de kits de embreagem, vibrações e ruídos excessivos, que estariam provocando reclamações de muitos proprietários de modelos da Ford.

A Ford teria alegado que pode haver vibração excessiva, mas diante do caso atual, não vai comentar sobre as ações do órgão público. No manual, outro problema relatado pelos clientes é o superaquecimento, sendo recomendado o acionamento dos freios ou redução de tempo de marcha lenta.

[Fonte: Estado de Minas]

Agradecimentos ao Diego Laguna.





  • Edson Fernandes

    Ou seja…. coloque em Neutro em paradas.

    Em parte tem a questão do brasileiro não ler manual de fato. Mas a outra é a empresa colocar como pratica esse tipo de situação. Explique que se trata de duas embreagens gerando atrito e a tal necessidade se justifica com partes moveis entrando em contato continuo e blablabla….

    Mas mesmo quem faz direitinho (pois já li em forum também) tem tido problemas. Talvez seja mais uma fabricante que abra mão da dupla embreagem (como a VW) para trazer cambios mais confiaveis?

    Para mim, dar soluções e manter um cambio moderno, seria mais interessante.

    • Marcos Souza

      Acho injustificável falar pra pessoa colocar o câmbio em neutro nas paradas, pq se o cara compra um carro automático ou automatizado, é pq ele não quer ficar mexendo no câmbio a cada semáforo. Se for pra ser assim, melhor comprar um manual que é mais barato…
      Isso é erro de projeto da Ford.

      • Milton Quadros

        Isso, é como o alfaiate fazer um paletó com a manga mais curta e querer que quem use encolha o braço.

      • Adriano

        Extamente o que eu pensei, agora a culpa do brasileiro se negar a cambiar um carro automático? Fala sério, a culpa é da marca que lança um lixo, se paga tanto em engenharia e não consegue fazer algo bom? Manda esses engenheiros embora e contrato outros.

      • Edson Fernandes

        Marcos, eu tenho um automatico e em paradas que exijam um tempo maior de espera, eu coloco em Neutro. Quando a parada é de 1, no maximo 2 minutos, eu mantenho em D.

        Mas já teve situações de ficar 5 minutos parado. Eu coloco em neutro para preservar sim. E olha que o cambio é CVT.

        • Guilherme

          Edson realmente quando eu tinha um 307 auto eu colocava o cambio em N em paradas maiores. Mas colocava por minha opção, o manual não dizia nada quanto à isso. Acho um absurdo a montadora querer exigir isso do usuário. Tivesse projetado o carro de uma forma diferente.

          • Rodrigo

            Se está orientado no manual do proprietário, não há o que questionar!

            • Guilherme

              não questionei, nem cogitei comprar carros dessa marca. Mas continuo achando um absurdo exigir isso do consumidor.

            • FocusMan

              O manual pede para não colocar em N. Pede para manter em D o cambio.

            • Ale Rossi

              Ah muito legal, então vc compra um carro e depois descobre que lá no meio daquele manual gigante está escrito em letras minúsculas que vc deve colocar o cambio em N em paradas no semáforo? Sim, pq sabemos que ninguém chega na loja e pede o manual pro vendedor e o lê inteiro antes de comprar um carro e que não é usual esse procedimento em câmbios automaticos. Isso é uma desculpa esfarrapada da ford que lesa os consumidores e dá no mínimo o direito à uma indenização ou a devolução do bem. Eu já tive vários automáticos e sempre usei-os da mesma forma, mas meu festa powershift com 4.000km começou a ter vibrações recorrentes. Vendi porque a Ford não solucionou o problema.

          • É aquela coisa, como opção é interessante. Eu mesmo peguei o hábito de colocar em N nas paradas um pouco maiores: é mais cômodo (me incomoda aquela coisa de ter que segurar o carro no freio e aquela “vibração”, mesmo que mínima, do carro querendo iniciar o movimento), economiza combustível (estudos apontam de 3 a 5% de economia)…
            Mas obrigar o usuário a fazer isso não vale, em minha opinião.

          • Edson Fernandes

            Olha, o Fluence tem sim a informação de que pode existir sobreaquecimento em determinadas situações, principalmente em uso prolongado e regime severo de uso.

            Mas eu tenho pego transito e te digo que não tenho tido problemas. E espero que continue assim…rs

        • Rodrigo

          Eu sempre fiz isso. Um dia até me questionaram por que eu mudava o cambio para N quando parado, mas acabei por dizer que era costume.

          • Edson Fernandes

            Teve um taxi com uma Zafira que qualquer parada o cara jogava em N em movimento. Eu só não faria isso porque pode dar sobretorque (sobretudo em antecipação a uma parada) porém se necessário eu também o faço.

        • FocusMan

          mas no Powershift esse n é o procedimento padrão. O normal é deixar em D. O que não pode é nego fazer o que eu ja vi fazer, meia embreagem. Tem que aprender a usar o HLS e parar o carro e sair cada vez que o transito parar. Nego quer segurar o carro no acelerador e ai ele aquece mesmo.

          Isso foi explicado para mim por um engenheiro da empresa que fabrica o cambio. Tive durante 1 ano um Focus Powershift e só tive mensagem de aquecimento uma vez e foi nessa situação.

          • Ken

            O problema maior do Fracus é que o Golf dá um toco violento nele em pista, incliusive até o punto é mais rápido que ele.

            • Ou seja, o câmbio dele superaquece, o que é até perigoso, mas o maior problema é que em racha ele fica para trás de outros carros?

              • Ken

                Olha, em rachas eu não sei, mas em track days é este o problema.

                • Acho que o foco do Focus deveria ser no dia a dia, não em track day.

                  • radiobrasil

                    Pois é, a princípio ele é vendido como veículo de PASSEIO. rss

                  • Ken

                    Concordo com vc, é que gosto de carros rápidos. Só isso.

                    • Clark Kent

                      Então você deve ter um Golf GTI, presumo… porque o 1.4 até anda bem, mas para o dia a dia… nada espetacular

                    • Ken

                      Gostaria de ter grana para um GTI, mas não tenho, Eu tenho uma BMW 330i velha.

                • Linkera

                  Você é moleque zero dois!!!
                  Hahaha

            • Lucas Mendanha

              ta vendo muito acelerados hein?

              • Linkera

                Muito velozes e furiosos! Hahahah
                Afinal hoje em dia todo mundo só compra carro para usar em track days, e não nas ruas pra se locomover hahaha
                Logo logo vai falar que toma pau de AP… só faltou isso pra ficar perfeito o comment rsrs

                • Lucas Mendanha

                  De AP nao, mas do Up TSI que da pau até em Lambo Aventador nao tenho duvidas!

                  kkkkkkkkk

            • Ricardo

              Tão violento que no 0-400m o Golf faz em 16s e o Focus em 16,2s. Bem violento…

              • Ken

                Então o que deve fazer a diferença é o moderno sistema de suspensão traseira do Punto, que é mais veloz que o Fracus no autódromo Velo Citta, isso pq o Golf o humilhou com 2s em uma volta, poderíamos comparar com a diferença entre Mercedes AMG F1 e a Manor

                • Ricardo

                  Ô amigo, experimenta colocar 200kg de lastro no golf pra ver como ele se sai. E tem mais, na volta que o Rubinho deu com o Focus ele passou um pouco do ponto em uma curva e beliscou a grama noutra. Fora que era o modelo antigo, sem as borboletas para conduzir melhor o motor. O mérito todo é da caixa DSG do VW. Espera o modelo nacional com o tiptronic e eixo de torção pra ver como ele vai se sair tb. E outra: o Focus não foi mais lento que o Punto T-JET não Sr., foi exatos 1 décimo mais rápido. Ah, e sabe quem humilhou seu golfinho na mesma pista? O escorpião Fiat 500 Abarth! Abs.

                  • Ken

                    Eu não tenho um Golf, mas seria feliz em tê-lo. Eu só estou dizendo que no quesito desempenho, o conjunto do Golf é massacrante contra o Fracus.

            • FocusMan

              Então volta para o vídeo game que continuarei rodando macio com o meu!

              • Ken

                Eu gosto de carros rápidos, é só isso, frequento track days regularmente, se vc gosta de carros macios talvez o Fracus seja ideal para vc. Eu não curtiria muito um carro que faz menos curvas que um Fiat com eixo de torção.

                • FocusMan

                  Então beleza.

                  Lembre-se que o Fiat é o modelo esportivo e o Focus não é o modelo esportivo. Se a Ford vendesse o Sport Package que disponibiliza nos EUA e na Argentina por aqui, óbvio que o Focus andaria melhor no autódromo.

                  Um abraço caro personagem de vídeo game.

                  • Ken

                    E o Golf 1.4 não é esportivo e foi 2s mais rápido que o Fracus, uma diferença equivalente a Mecedes AMG F1 e a Manor. Não precisa querer dar desculpes pelos 180cv mais mancos da história uatomotiva mundial. Contra fatos não há argumentos.

                    • FocusMan

                      Bom, na estrada eu me divertia muito com o meu. Não teve carro da cateogoria dele que andou na minha frente, mesmo o Golf 1.4.

                      Na estrada, nem THP andou em minha frente, logo depois dos escandalos da VW, não acredito nem um pouco nos 140 dos modelos de imprensa da VW.

                      O Golf tomou um pau feio meu, não foi pouco não, foi muito. Eu abri muito dele.

                      Meu atual Focus é 1.6 e na estrada eu já dei pau em Civic EXR 2.0 e Corolla 2.0.

                      Então fiquei com seu video game que fico com minha realidade.

                      Enquanto vc comenta aqui em blog, eu trabalho e compro os carros que eu gosto :-:-)

                      Inveja? Ummmmhhh Recalque de VW fã não me incomoda!

                    • Ken

                      Então só o seu mesmo, pq toda imprensa especializada concluiu que o Golf anda mais.

                    • FocusMan

                      Carro de imprensa da VW…

                      Bom, pegue um Golf cívil com 140 cv de verdade e ande com ele na estrada. Depois de 120 km/h o Focus abre e some.

                      Quando eu passo nas ondulações eu não tiro o pé, com o mesmo rolling do Golf e o Golf tira o pé, não tem jeito, na estrada o Focus é melhor.

                      Também gosto do Golf, compraria um fácil, mas prefiro o Focus no uso diário, pelo conforto em ordem de marcha em uso normal.

                      Onde eu moro não tem autodromo então eu jogo bola na rua mesmo e nas ruas, ainda não encontrei melhor.

                    • Ken

                      Nas ruas não sei responder, vc deve ter razão poque tem mais experiência. Mas se pegar uma pista livre, tipo a Bandeirantes vai comer poeira.

                    • FocusMan

                      Foi em pista livre mesmo. O Golf anda perto até os 120, depois ele fica para trás. O motor dele não gira, ele morre nos 4000 RPM e nessa rotação o Focus estárá em quarta marcha a mais de 160 km/h já.

                      Na estrada só tomei couro de Jetta TSI. Nem BMW 320 nem Audi A4 andou mais.

                    • Ricardo

                      Aí vc exagerou um pouco. A 320 até acredito se for o modelo até 2012, que tinha um mero 2.0 16v aspirado. Mas os Turbo, não. Ali o desempenho é parelho ao Jetta TSI, com diferenças insignificantes de desempenho (apesar de possuir 27cv a menos, o câmbio de 8 velocidades ajuda). Você pode até ter dado pau, mas com certeza, de duas, uma: ou o motorista do 320 estava brincando contigo, ou era uma senhora de idade que apertou o acelerador demais sem querer! Abs.

                    • FocusMan

                      O 320 é manco demais, sério mesmo! Tenho 3 amigos que possuem. Ele é voltado para economia de combustível. Um inclusive veio de um Jetta TSI e vendeu o BMW e comprou um Audi A4. Esse sim anda demais!

                      Outro dado importante: Estou no nível do mar, onde meu carro tem o desempenho muito melhor. Para carro turbo isso independe.

                      E engraçado, viajando é notável a perda de potência quando se sobre muito a altitude.

                      Não preciso mentir, nem inventar histórias para dizer que o Focus é um bom carro, mas também eu sou do tempo que teste de carro é feito na real e não por revistas.

                      Querem ver outra coisa? Cruze 1.8 anda mais que o Civic 2.0 se o Cruze for Manual e o Civic automático.

                      Tenho um amigo que tem um Cruze manual e mudou meu conceito sobre o carro. Até então eu só havia andado no automático e achava o carro uma bufa, mas ele com cambio manual anda bem demais pra um motor 1.8 velho.

                    • Ken

                      Rapaz, vc é o cara!!! Se o Golf 1.4 já bate o Fracus em todos os testes de revista especializadas, e no Circuito Velo cita que é de alta foi 2s mais rápido, imagina a 320i que só no 0-100 já deixa o Fracus 1s pra trás… Já pensou em trabalhar no lugar do Vettel?

                    • FocusMan

                      Acho que você anda lendo muita revista e dirigindo pouco. Quantos anos você tem mesmo?

                    • Ken

                      Leia os comentários dos outros e tire suas próprias conclusões de quem está alienado.

                    • FocusMan

                      Eu não estou alienado não. Eu tenho o carro e andei.

                      Como eu lhe disse e digo a todo mundo. Não acredito que os carros de imprensa da VW tenham a mesma configuração que os carros vendidos na rua.

                      Quer um exemplo? O UP TSi tem tido desempenho bem mediano em alguams revistas que não estão usando o carro de imprensa. Porque será?

                    • Ken

                      Vc disse que o Fracus anda mais que a BMW 320i III
                      Virgesantanossasenhoraaparecidadonorte

                    • FocusMan

                      Disse mesmo…. Vai aprender a dirigir quando?

                    • FocusMan

                      Não tiro conclusões através de comentários. Eu vou para a estrada. Compre seu Golf e venha aqui dar uma volta com ele no nordeste!.

                    • Ken

                      Nordeste não vou, é muito quente.

                    • FocusMan

                      Beleza!

                    • FocusMan

                      Alias, procure no Youtube. Tem vídeos de Focus dando Coro no Golf.

                    • Ken

                      Como o amigo aí de cima disse, ou o cara estava brincando com vc ou era uma velhinha de 90 anos….kkkkkkk

                    • FocusMan

                      Ande num BMW 320 2013 depois volte aqui e me conte o que achou. Eu já andei várias vezes e sei o que estou falando.

                    • FocusMan

                      Está com medo de ver a verdade? kkk Procure os vídeos. Contra fatos não há argumentos.

                      Vender carro hackeado para o consumidor pra ter desempenho surpreendente vale? Pois a Ford respeita o meio ambiente. Pegue esse Duratec e desrespeite o meio ambiente como faz a VW e ele ganhará 20 cavalos sem maiores problemas.

                    • ViniciusVS

                      Você é fã de Focus heim kkkk, já teve ou tem outros modelos? Civic tem menos torque que uma bicicleta, temos um aqui em casa…carro legal mas na cidade toma fácil de todo mundo Kkkkkkkkkkkkkkkkkk. Até gosto do Focus o segundo modelo sedan 2010 se não me engano e teria fácil em minha garagem, porém com esses motores modernos não sei mas acredito que andem muito menos que os THP e TSI se os outros acelerarem de verdade. A proposta do Focus acho que é outra. Isso não faz dele um carro ruim.

                    • FocusMan

                      kkkk eu gosto bastante do Focus, mas não sou cego em relação a outros carros. Ja tive outros modelos de carro, mas o Focus tem uma história interessante. Foi o ultimo projeto onde teve a mão do Richard Parry Jones, e ele até hoje tras no seu DNA um pouco disso. Richard foi o cara que transformou a Ford em marca preferida na Inglaterra por trazer para o cidadão comum um pouco do mundo das pistas.

                      De lá para cá, todos os carros da Ford, são ótimos para dirigir e isso faz parte do DNA Ford. Entre os 4 pilares que norteiam os produtos, temos “4 to drive”.

                      Lembre-se que esses motores modernos são ótimos para acelera, mas eles morrem acima dos 4000 RPM, quando o Focus começa realmente a mostrar todo o seu poder. Em uma pista livre, onde você pode manter a rotação lá em cima, o Focus consegue acompanhar bem esses motores turbo. Em retomada, se o motorista deixar a rotação cair demais, ele vai perder ritmo, mas sabendo usar o cambio, dá para se divertir bem.

                      Abs!

                    • Ken

                      Alguns podem morrer acima dos 4.000 RPM, menos os Bi-turbo da MB eos Twin Turbo da BMW. TAlvez daqui uns 46 anos a Ford faça um que chegue perto.

            • Clark Kent

              Ken, você está no tópico errado. Este é sobre o Focus

          • Edson Fernandes

            Entendi. Bem… nessa situação não tem cambio que suporte… e se o cara faz isso em cambio manual, ele pode pedir para trocar a embreagem bem mais cedo.

            Eu realmente nunca fiz isso. Não há necessidade de ficar impulsionando o carro para frente tendo freio de mao e em casos como o Focus o Hill Assist.

        • Fábio Dantas

          Cara, pode ser um hábito tosco meu, mas eu sempre que paro em sinal num carro automático (no caso, o mais habitual de eu dirigir é o Cruze da minha mãe e o City do meu sogro), jogo no neutro e puxo o freio de mão.

          No meu carro, mecânico, desengato e puxo o freio de mão (sem esmagar a alavanca, devagar…).

          • Edson Fernandes

            Sim, sem problemas. E vc não terá dificuldades com isso.

        • Christian Sant Ana Santos

          Acho que o AISIN que equipa o 500 coloca automaticamente em N quando parado com pé no freio. O Renegade também deve ser assim. Já nos Picanto uso bastante o cambio como se manual fosse, coloco em N nas paradas mais longas e uso bastante o freio motor e cut-off.

      • Martini Stripes

        Na vdd todo cambio AT é recomendável colocar em neutro em paradas mais longas. Repito, recomendável. Concordo que a programação deveria se virar nos Automatizados, mas por algum motivo os engenheiros ainda não resolveram esse problema que parece tão simples. Desculpar em paradas. Eu deixei de comprar um Fiesta Powershift devido ao receio. Tem gente que não tem problema, tem gente que sai da CCS com problema. Isso realmente é inadmissível.

        • Guilherme Gaúcho

          Nos câmbios mais recentes, da chevrolet o Astra já tinha e o Powershift também têm, quando se está parado com o pé no freio, eles automáticamente e internamente, mudam para Neutro. ao se soltar o freio, joga para a marcha imperceptivelmente.

          • Martini Stripes

            Entendo e concordo, dirigi um Focus 2016 nos EUA e achei excelente. Entendo tbm que é algo tão simples de se pensar, que com certeza está programado e tudo mais. Mas ainda acontecem problemas!!! Como assim!? Desgaste prematuro!? Não é possível que os atuadores são tão ruins assim. hahahah

            • Guilherme Gaúcho

              Cara, é o jogo de dupla embreagem mesmo. Trocaram do meu fiesta sedan com 50000 km, aí o mecânico me mostrou, é tipo um cartucho do tamanho de uma caixa de cereal, um pouco maior. Só não me disse se era desgaste dos discos ou molas, ou sei lá o que. Mas o carro ficou zero de novo. Aí fica a dúvida, será que daqui uns dois anos não vai ficar ruim novamente? A economia e suavidade de funcionamento são exemplares, mas tem muita falha ocorrendo.

              • Lucas Mendanha

                Por curiosidade, te disseram, na ford, qual era a durabilidade prevista desse conjunto de embreagem?

                Na IB5 do meu Fiesta, ela morreu com 90.000, sendo metade 70% de uso em estrada e os outros 30% uso beeem pesado no transito de Vitoria.

                E quando tava morrendo era tremedeira, engate ruim, patinação, varios dos problemas que relatam na powershift

                • Guilherme Gaúcho

                  No lançamento aqui no Brasil, o material de divulgação citava a estimativa de 240000 km para o kit de embreagem, já que eram 2 discos e menos sujeitos a manolagem de motorista. Meu carro roda 85% em estrada, por isso fiquei preocupado, se fosse só cidade não chegava a 30mil. A mecânica é acima da média, suspensão e acabamento são muito bons, mas o câmbio, que tinha tudo pra fechar com chave de ouro deixa é preocupação pros proprietários. Mas trocaram na garantia de boas, não posso reclamar quanto à isso. O que a Ford poderia fazer é entender a garantia do câmbio pra 6 anos, bancando a dúvida e gerando confiabilidade.

                  • Lucas Mendanha

                    Também acho..

                    Por hora, sigo satisfeito com a 4F27E do meu Focus.. Já peguei o jeito dela e me atende muito bem..

                    Percebo que ainda não encontram um meio de lidar com o atrito das embreagens a fim de funcionar tao suave quanto um conversor de torque, mas sem gerar desgaste excessivo.. Dai gera todos esses problemas..

      • V12aero

        Você não está errado, mas as pessoas não tem costume de ler manual ou de ter a pratica de colocar o câmbio em neutro quando para, uma vês andei com um motorista japonês, e ele estava em um Passat alemão, em todas as paradas ele colocava o câmbio automático do carro em neutro, isso faz muitos anos já. Brasileiro acha que entende muito de carro, mas na verdade só sabe engatar a primeira e acelerar.

    • Ken

      O que que a Ford aprender a fazer carros, não vão precisar de tantos mimimis

    • O lance é que realmente há falhas na programação do câmbio… Há relatos de que uma nova reprogramação e novos discos de embreagem (uma tal de série F, não me recordo) tenham amenizado o problema, mas não eliminado… E no caso do PowerShift, é relacionado à esse câmbio especificamente, os outros câmbios automatizados de dupla-embreagem no mercado funcionam de forma mais satisfatória…

      Além do mais, acho estranho recomendar que se coloque no N ao parar no semáforo… O câmbio deverá ser inteligente o suficiente para manter os discos fora do atrito quando o carro está parado com o freio acionado…

      Mas de qualquer forma, acho que se a Ford tirar o PowerShift do mercado será extremismo demais, terão que dar soluções! A não ser que a imagem do PowerShift por aqui já esteja tão comprometida quanto parece (fazendo as pessoas optarem pelo manual ou gerar desconfiança)…

      • ..

      • Daniel Bezerra

        Eu tinho muita vontade de comprar um Focus para minha esposa e ainda não tive coragem justamente pelo PowerShift. A Ford deve ter bons câmbios automáticos na prateleira para resolver esse problema de vez.

        • Lucas de Lucca

          O câmbio automático 6F usado no Fusion também deu uns paus loucos. Será que arrumaram?

          • Advinha o motivo???

            Superaquecimento! Mas isso aconteceu nos V6. Curiosamente, o mesmo problema acontece na Captiva V6

            • Lucas Mendanha

              Justamente porque os dois usam o mesmo cambio…

            • radiobrasil

              O motivo na verdade do at6 dos v6 quebrarem é que uma MOLA quebra com “certa” facilidade depois de uns 50 mil km… ja os at4 do Captiva 2.4 tem problemas na planetária

          • Martini Stripes

            Como colega disse, o V6 não acoplava legal nessa caixa.

      • Edson Fernandes

        Eu também acho. Mas se está havendo um grande desgaste, ela poderia automatizar o desacoplamento da embreagem enquanto parado.

        Se já tem o recurso hill assist, não há nem necessidade de estar engatado em “meia” embreagem até soltar o pé do freio.

        • Felipe

          Então, pelos seus comentários vc já ta partindo do princípio que a causa do problema é o desacoplamento da embreagem quando parado mas na boa, ninguém tem como afirmar que a causa é essa mesmo. Vc mesmo disse no comentário mais aí em cima de gente que sempre coloca no ponto morto e mesmo assim deu problema. Minha mãe tem um fiesta powershift que também teve a embreagem trocada por causa da trepidação e eu dirigindo o carro não acho que é essa a causa. Se fosse, dava pra sentir minimamente o carro tentando se mover com o freio acionado, variações na marcha lenta, e na minha opinião nada disso acontece. Inclusive, quando se solta o freio no plano da pra perceber um pequeno delay pro carro se movimentar, ou seja, o disco da embreagem ainda não está acoplado. Aliás, vou aproveitar que vc falou do manual e chegando em casa vou ver qual é a orientação.

          • Edson Fernandes

            Estou supondo literalmente.

            Mas se fosse aquecimento, no minimo deveria aparecer no painel alguma indicação a respeito. Não acredito que de fato seja a culpa de aquecimento. Creio que nesse caso seja uma caixa não bem tropicalizada para nosso país. (e não me refiro a apenas aquecimento, mas robustez das peças também contam).

        • FocusMan

          Mas o cambio já é assim. Só que tem usuário que teima em fazer meia embreagem.

        • Guilherme Gaúcho

          O powershift, tal qual outros automáticos têm há muito tempo no Brasil, Neutro automático. Quando parado com o pé no freio, internamente vai para neutro. O astra já tinha isso há dez anos atrás.

        • Thales Sobral

          Ele desacopla automático. No D ou S, carro parado e pé no freio, desacopla. Carro parado e freio de mão puxado, desacopla.

      • FocusMan

        O cambio quando detecta velocidade=0 desacopla a embreagem automáticamente e mantem a bomba hidráulica acionada, refrigerando o sistema.

      • PEDAORM

        Apesar do câmbio ser o mesmo, essa palavra (powershift) não existe mais no site da Ford nacional.

    • Guilherme

      Seria muito difícil desenvolver algo que ao parar o veículo desengrenasse o carro e deixasse em N até pisar no acelerador sei lá.
      Porque por mais que esteja no manual acho no mínimo chato toda vez que parar o carro ter que colocar em N por conta. Com tanta modernidade acredito que o carro poderia fazer isso.

      • Triton

        O câmbio automático velho de 4 marchas da AISIN, usado nos Vectras C, colocava o câmbio em N automaticamente quando o veículo parava e o motorista mantinha o pé no freio, mesmo a alavanca permanecendo em D. Ao soltar o pé do freio, o câmbio engatava a marca em fração de segundos.

        • Guilherme Gaúcho

          No lançamento do Fiesta sedan, constava na apresentação que o powershift também possui esse princípio.

      • Edson Fernandes

        Como assim dificil?

        Os cambios monoembreagens fazem isso o tempo todo. Eles são exemplo de que desengatam quando imobilizado. Tanto que vc precisa acelerar e então ele engata a marcha e vc consegue sair. (parte da culpa de “trancos” é por culpa disso, pois vc precisa acelerar e já tem a entrada de marcha que pode sim a depender da sua pisada dar um tranco no arranque).

        • Thales Sobral

          O monoembreagem não desengata a marcha, ele só “pisa na embreagem”. O dualogic plus tem “creeping” tal qual o powershift (e todos os automáticos).

          • Edson Fernandes

            Thales,
            Funcionalmente falando, vc pisar no pedal da embreagem e desengatar uma marcha daria na mesma certo? Porque o desgaste será anulado nessas condições.

    • Dorcas Luca

      É pegadinha do malandro… comprar um carro automático e ter que ficar colocando o carro em neutro!

      Pior custo/benefício de todos. Depois da garantia haverá custos anuais na ordem de R$ 10.000,00 apenas para manutenção do sistema lixo de dupla embreagem. Volkswagen e Mercedes-Benz também já iniciaram a despedida dos câmbios de dupla embreagem. A ZF avisou que não iria funcionar.

      Melhor custo/benefício da categoria, levando em conta confiabilidade e custos futuros, se chama: Peugeot 308 THP.

      **aos abest@ados fanboys da volkswagen, eu NÃO escrevi melhor carro, escrevi melhor custo/benefício.

      • FocusMan

        Caramba… qualqueer cois atem custo benefício melhor que um 308. Até um Fiat Bravo!

        • Linkera

          THP my friend! Coração de BMW!

          • FocusMan

            Tão bom quanto Tiptronic By Porsche que tinha no 307 kkkk.

            Olha um motor n faz um carro. O 308 é péssimo em todo o resto. É um arremendo do já péssimo 307. Dê uma volta num Golf o Focus, ou mesmo num i30 que está num patamar inferior de engenharia de chassis e veja se o 308 ainda tem um bom CB.

            • Linkera

              Engraçado que o mesmo motor é excelente no Mini e na BMW ne? Mas num Peugeot é pessimo.
              Se um conjunto excelente de motor e cambio que tem o 308 THP alinhado à boa ergonomia, a um pacote recheado de itens de serie e a um design agradavel não fazem um bom carro, creio que somente o emblema na grade e no volante deva fazer né?
              Comentário tipo de hater e de quem tem preconceito com marca X ou Y esse seu colega…

              • FocusMan

                Não falei isso não.

                Eu apenas achei engraçado você achar que o motor BMW faz dele um ótimo carro.

                O motor é só um acessório do carro. Por exemplo, eu me divirto muito mais hoje com meu Focus 1.6 do que com o Focus 2.0 que eu tinha até 4 meses atrás.

                Porque? Porque trocar as marchas é muito mais diverido para mim, freiar fazendo punta-taco é muito mais gratificante para mim e o trambulador do Focus está quase no nível dos VW agora, então está uma delícia.

                Fora que TiVCT dele é tipo o dos Honda mais antigos, vc sente entrando acima dos 4500 RPM, é como se entrasse um Booster, é bem gostoso mesmo.

                No 2.0 ela atua de forma bem linear, vc quase não sente.

                Nada paga eu viajar 1 hora e meia dando tudo que o carro dava junto com outra pessoa que eu não conhecia na estrada e quando paramos para abastecer ele virar para você e falar: Porra, achava que esse Focus 2.0 andasse mais! E ai você responde, mas esse é 1.6!

                O cara estava num Civic EXR 2.0, automático e isso impactava muito. Viemos brigando junto a estrada toda. Uma delicia.

                Com o 2.0 era meio chato, ninguém andava comigo, o único carro que conseguiu brincar comigo uma vez foi um Jetta TSi e óbvio eu perdi! kkkkk

              • Angelo Lucca

                Acho que ele foi bem claro que o MOTOR do carro é muito bom, porém o resto do carro não está a altura da mecânica que possui. Eu considero o acabamento do 308 muito bom, embora ache aquele volante de 1999 horrível. Mas a verdadeira questão desse carro é a má fama generalizada da Peugeot em questão de durabilidade de seus componentes, some-se à isso a falta de concessionárias com preparo para lidar com essa mecânica e o fechamento recente de diversas delas. Aí temos uma fórmula perfeita para manchar a reputação de um bom produto. Nunca os médios de Peugeot/Citroen tiveram boa fama aqui no BR, tem alguns que gostam, mas a grande maioria “torce o nariz”… Perdem muito valor de mercado, em alguns casos a fama pode até ser infundada, mas em boa parte são verdadeiras.

                • Linkera

                  Engraçado que eu não li nenhuma frase dele em que diz que o “MOTOR do carro é muito bom”… acho que vc não leu direito e entendeu o que quis entender… então não, não está claro.
                  E seu comentário é infundado visto que o mote do assunto é a qualidade de construção do carro, afinal como ele disse o 308 é inferior até a i30 (cada uma!) não pós-venda, ccs, desvalorização e mimimi… este é outro assunto.
                  O CxB que está sendo discutido é acerca do carro e se vc comparar os carros do mesmo segmento, com os mesmos equipamentos, verá que o 308 THP entrega mais por menos.
                  Conheço o carro, por isso o defendo, mas quanto à marca… esta sim tem deixado a desejar por aqui.

                  • Angelo Lucca

                    Bom talvez eu seja algum burro que não consiga interpretar texto… Mas tudo bem, me esforçando, quem sabe um dia eu aprendo…
                    Eu conheço o 308, conheço o 307, conheço o Golf antigo e novo, conheço o Cruze e o I30 antigo (já andei em todos) e tenho um Focus MK2,5 e afirmo: o 308 não tem melhor acerto que nem Focus e nem Golf. Quanto à “entregar mais por menos” pra mim só tem sentido se for pra comprar usado, pois 0km eu não compro nem Peugeot e nem Citroen, poderia comprar se fosse usado, mas tenho MUITO medo da manutenção desses carros com as incertezas da rede autorizada…

        • SóNomimimi

          Do que um THP? Kkkkkk… não caro amigo. É srm dúvida o melhor custo/benefício. As outras versões realmente são fracas.

          • FocusMan

            O carro é fraco. Pode colocar o motor que for que ele ainda será uma geringonça desengonçada. O 308 é um arremendo do já ruim 307. Ande num Golf ou num Focus, com os motores mais fracos, faça umas curvas com buracos, passe numas costelinhas, e pegue umas ondulações, coisas que temos em nossas ruas, já que não andamos em autódromos, e veja o refinamento que falta no velho PUG 308.

            Quando trouxerem o novo ai a briga vai ser boa, mas o vendido aqui hoje é um carro muito ruim.

            • Dorcas Luca

              308 não é um 307. Apenas utilizam a mesma plataforma, mas com diferenças gritantes em todos os aspectos. Nunca tive um 308, mas já tive um Civic, um i30 (modelo antigo) e hoje tenho um corolla (modelo antigo) e posso te dizer com base nos meus tests drivers (já fiz 3), que não perde em nada: passando em buraco, ondulações, curva etc. Além de ter um dos melhores powertrain do mercado, o carro é grudado no chão. Gostei muito. Perde um pouco em dirigibilidade para o Focus e para o Cruze, mas nada que desabone o carro. Sem dúvida nenhuma, a minha próxima compra será um 308 THP (modelo antigo). Eu não compraria os seguintes modelos devido aos seguintes motivos: Golf – caro demais; Cruze – manco demais; Focus – câmbio lixo Powershit.

              • FocusMan

                Eu acho ele o pior carro da categoria. O motor salva o carro? Não. É como um Up TSI. O motor é muito bom, o carro não agrada o público e continua sem vender.

                O 308 bate todo passando em buracos.

                Uma época pensei em comprar um, pois estavam bem baratos e meu meu mecânico que mexe no C3 que temos e só trabalha com PSA disse: Você chato do jeito que é vai odiar esse carro.

        • Dorcas Luca

          FocusMan, sem chance. 308 THP é o melhor custo/benefício… disparado.

          • FocusMan

            Se você quer comprar um motor sem um carro ele é ótimo. Em todo o resto ele é péssimo. Falta muito refinamento para ele ser mediano, dos médios ele só n é pior que o antigo Cerato, o pior carro médio que já dirigi.

      • Também acho, o melhor custo x benefício dos três (Focus / Golf)

      • Edson Fernandes

        Complicado mesmo. Mas na minha opinião, apenas o cambio de 8 marchas da ZF ou similares em funcionamento para substituir a altura o cambio DSG.

        No caso da Ford, ela poderia fazer isso para ganho em eficiencia, já que o Powershift é igualmente economico quanto o DSG. (não rouba potencia do motor ainda que seja mais lento nas trocas).

    • FocusMan

      Esse cambio não foi feito para colocar em neutro nas paradas. Ele precisa estar em D para se refrigerar.

      • Edson Fernandes

        Mas o principio do funcionamento da dupla embreagem é que existam discos e platos que se desacoplam entre eles certo? Se é dessa forma, deveria ser comum, uma vez que não estamos falando de um cambio que use oleo como composição refrigeradora e muito menos conversor de torque.

        Além do mais, a refrigeração deveria ser na composição do sistema de arrefecimento do veiculo. O Powershift é diferente disso?

        • FocusMan

          Apenas os discos não são emergido em óleo, todo o resto é refrigerado. Não sei qual a estratégia direito, vou me informar.

          Abs!

    • ViniciusVS

      O cambio é um “manual gambiarra” de baixo custo e cheio de erro de projeto, por pior que seja o cambio nem os Easytranco que até os funcionários não recomendavam quebravam em menos de um mês de uso como em alguns casos do Powershift. A Ford está virando as costas para o consumidor, é por essas que o mercado não muda e a Toyota nada de braçadas na frente da concorrência vendendo carro pelado mais caro que a concorrência.

      • Linkera

        Até mesmo porque o Etios é um sucesso absurdo de vendas né?

        • ViniciusVS

          Com certeza, um carro emergente, com poucos itens e que vendeu mais de 60 mil unidades em 2014 custando o que custa e com design duvidoso… Sem dúvidas é um sucesso de vendas.

          • Linkera

            Compare com os números de Onix e HB20 que são do mesmo segmento e que foram lançados na mesma época que vc vai ter um parametro do que é um sucesso de vendas

      • Edson Fernandes

        Bem…. mas se a Toyota oferta um CVT superior e que consegue conciliar economia e bom desempenho, realmente ela sai ganhando.

        Eu mesmo prefiro um cambio confiavel como da Toyota a ter um cambio moderno que tbm evite a perda de desempenho e economia, mas tenha problemas em sue funcionamento.

        • ViniciusVS

          Sem dúvidas, a montadora tem que fazer a parte dela em primeiro lugar.

    • Thales Sobral

      Não precisa colocar em neutro nas paradas… Mesmo puxando o freio de mão com o câmbio em D já desacopla a embreagem.

      • Edson Fernandes

        Olha…. então é o primeiro tipo d ecambio que vejo esse tipo de inteligencia. Porque em qualquer carro (inclusive os DSGs) se vc estiver no freio de mão, ele vai ficar acoplado.

  • Marcos Souza

    Esperavam o que de um câmbio automatizado barato? Contenção de custos acaba dando nisso.
    Por isso o fusion usa outro câmbio.

    • Daniel Bezerra

      Que eu saiba, o Fusion é automático convencional. O pessoal aqui não vive reclamarndo que automático com conversor de toque é ultrapassado? Eu ainda prefiro eles. Melhor duas turbina girando dentro de óleo que dois discos se gastando por atrito. Meu carro tem um câmbio ZF, com conversor de torque, e estou super satisfeito.

      • Sim, o Fusion usa um câmbio convencional, de conversor de torque…

        Apesar da ligeira perda de potência e do maior consumo, ainda prefiro esses câmbios… Na minha opinião, os automatizados ainda não chegaram no mesmo patamar de funcionamento à prova de falhas dos automáticos de conversor de torque (que já passaram por décadas de aperfeiçoamentos)… Os DSG são muito bons e suaves (apesar dos barulhos em alguns casos), mas veja que o DSG é uma raridade em meio a tantos…

        • Lucas de Lucca

          O câmbio do Fusion deu muito problema também na geração passada (até 2012) e é automático convencional…

          • Yuri Ravitz

            Sim, porque tudo nesse nundo está sujeito a falhas; ninguém é perfeito ou faz coisas perfeitas. Ele quis dizer que os automáticos convencionais são bem menos sujeitos a falhas em comparação aos automatizados.

          • Teste

            Geração passada com motor V6 diga-se de passagem. Os 2.5, que eram 90% do mercado não apresentaram qualquer problema

            • radiobrasil

              Nos Fusion V6 parece que é o mesmo problema do At6 das Captiva V6…. ah, e os at4 do Captiva também tão dando BASTANTE problema, na planetária…

              • FocusMan

                É o mesmo cambio.

          • FocusMan

            Esse cambio do Fusion antigo era um cambio compartilhado com a GM. O mesmo cambio pode ser encontrado na Capitiva. Realmente há muitos casos de problemas.

          • radiobrasil

            Só nos v6… que é o mesmo cambio usado no Captiva que SEMPRE vai pro pau perto dos 100k ou MENOS

        • FocusMan

          Concordo plenamente.

          Cambio de dupla embreagem para mim só em carro esportivo. Eles são aspero demais para o transito pesado.

  • Cléber_V

    Será o fim do câmbio de dupla-embreagem?
    Será que é algo que foi criado para dar errado?
    É um câmbio que desperta amor e ódio desde sua concepção como mono-embreagem.
    Agora me pergunto se com tantos problemas as montadoras continuarão investindo no mesmo…

    • Daniel P.

      o problema nao e a dupla embreagem, o problema que é na verdade o powershift é um cambio automatizado… uma solução de baixo custo, com nome de gente grande. – mas infinitamente inferior aos verdadeiros dupla-embreagem dos Audis, BMWs, e afins…

      vc nao ve o cambio de dupla embreagem de 8 marchas da BMW acontecendo isso..

      • Cléber_V

        Mas os da Audi não são os mesmo da VW? Que também estão apresentando problemas como já tem alguns relatos.
        E a de se considerar também que essas marcas Premiuns vendem muito menos que Ford e VW…

        • Vitor Barcellos

          Sim, tanto que a Audi vai substituir o DSG pelo AT6 tiptronic

          • Teste

            Sim e não, existem câmbios de dupla embreagem que são compartilhados, como o dsg de 7 marchas a seco que equipa o golf e os audis 1.4. Os outros câmbios tanto do Golf quanto da audi são mais caros e melhores construídos, não se vê notícias de problemas. Em tempos, PDK manda um abraço.

            • FocusMan

              PDK dá muito defeito viu amigo. Tenho um amigo que trabalha com Porsches nos EUA e ele diz que dá pau também.

          • jjmarcio2

            A Vokswagen tem dois câmbios de dupla embreagem, o de 6 machas que é a oleo e o 7 machas a seco, o de 7 marchas que estão dando problemas.

            • Clayton Martins

              Essa questão de câmbio de dupla embreagem banhada a óleo ser mais confiável caiu por água abaixo faz tempo. Basta consultar os donos de VW Golf e Jetta com motor 2.0 turbo com os mesmíssimos problemas do DSG de embreagem à seco.
              Esses câmbios estão no mercado a mais de uma década, não havendo nenhuma lógica de não terem aplicado uma solução tão simples para que os fabricantes preservem suas próprias imagens. NA China, tem um processo gigantesco contra a VW por causa dos defeitos do seu câmbio DSG.

              • FocusMan

                Mas as pessoas dizem que só tem problema nos da Ford…

            • FocusMan

              O de 6 marchas também dá problema. Procure por Passat DCT gearbox issue.

      • duduEAS

        O cambio da BMW não é de dupla embreagem…

        • Junior

          Correto! Cambio da BMW desde 2013 salvo engano é o ZF

        • Lucas Mendanha

          Apenas nas M, que usam DCT 7 marchas da Getrag, familia Powershift

      • felipe

        Acho interessante que o fabricante do Powershift é a Getrag, marca alemã de cambios, algumas BMW utilizam cambio desta marca como a M5 Dct, M3 Dct. O focus 1.6, Eco 1.6 e Fiesta utilizam o modelo 6DCT150, já o Focus 2.0 6DCT250, talvez o 6DCT150 possua peças inferiores, ai tem que investigar…

        • FocusMan

          Esses cambios dão problemas em todos os carros de todas as fabricantes. Dá uma pesquisada que vai descobrir.

      • Daniel Bezerra

        Que eu saiba, todo câmbio de dupla embreagem é automatizado.

      • FocusMan

        Todo cambio de dupla embreagem é automatizado.

      • Bruno Silva

        Não sabia que a BMW usava câmbio de dupla embreagem, ao meu saber, o câmbio de 8 marchas que equipa toda a linha é ZF.

    • Thales Sobral

      Um dos problemas pode ser a galera querendo fazer meia embreagem com ele, como falado acima. Pra mim, a estratégia da ford de chamar o fiesta de “automático” puro e simplesmente pode ter servido pra vender o carro, mas era bom explicar pra galera que ali tem uma embreagem e portanto tem de ter cuidado com ela (assim como se tem em carro manual).

  • ARENANB

    Lembrando que esse problema é apenas nos motores 1.6. Solução: Motor fraco bota um automático normal e motor forte deixa o Powershift.

    • Rafael

      A é? Os 2.0 não apresentam o problema? Bom saber, pois já tinha tirado da lista de aquisições o Eco 2.0 Powershifts usado.

      • Marcos Souza

        Os 2.0 apresentam o problema também… O problema é o câmbio, nesse aspecto o eco ta perdendo pró duster at4.

        • ARENANB

          Não sei quanto ao ECO, mas sei que Focus não existe problema nenhum no câmbio, e já estou no segundo. Tenho vários conhecidos que também possuem e não passaram pelo problema de trepidação. Não se pode falar coisas que você não tem certeza.

          • Ken

            O problema do Ecaespsorte, não é só o cambio, é o carro todo, veio o HRV e cortou-lhe a jugular, o renegade fechou a porta do caixão

          • Boris

            existe sim. mas com menos frequência

          • MMM

            O Focus 2.0 apresentou muitos problemas também e alguns deles foram definidos como “características” pela Ford. Desde 2013 eu tenho ouvido e tenho 2 colegas de trabalho que reclamavam demais desses problemas.

            http://www.focusfanatics.com/forum/mk3-focus/306863-fords-letter-regarding-powershift-6-speed-operating-characteristics.html

          • Robinho

            tem uma Eco powershift na familia, sem nenhum problema.

          • Thiago Porto

            Existe sim amigão, procure em Foruns que pois tem um bocado de gente reclamando.

        • ARENANB

          Aliás, pode procurar na internet que você também não encontrará proprietário de Focus reclamando do câmbio, talvez um ou dois mas relativo a outra coisa.

          • Adriano

            Meu irmão tem um tbm e nenhum problema em relação a isso, mais de um ano com o carro.
            Esqueceram de lembrar que a eco leva o velho duratec na 2.0, diferente do focus novo.

            • Lucas Mendanha

              Basicamente o mesmo motor, muda apenas a injeção..

        • FocusMan

          O problema acontece mais nos 1.6. Nos 2.0 acontece também, mas bem menos.

      • Junior

        Rafael está tendo problema no Focus 2.0 também, sou de BH e uma concessionária está tendo muitas reclamações. Esse cara que diz que não tem problema, só pode ser fanboy. Se vc pesquisar em sites gringos vai ver que isso estão rolando no mundo todo, principalmente na Austrália.

        • Lucas Mendanha

          Em BH dar problema em cambio eu nao acho dificil…principalmente pra quem roda muito na região central com arranca e para nas ladeiras…

          • Em BH até câmbio manual sofre. Tive que trocar a embreagem do meu Onix com 63.000km.

    • Bikudin

      Sem fundamento, todos estão dando problemas

      • ARENANB

        Credo, esse povo de Internet é muito tosco, igual quando se discute política, ouve alguém falar e algo e já sai transmitindo como se fosse uma verdade absoluta, é só pesquisar colega, só o Fiesta dá problema, e vi alguns do antigo Focus 1.6 Powershift. Focus 2.0 você não vai encontrar sequer UM com problema de câmbio.

        • FocusMan

          Eu tive problema com o meu. Mas foi resolvido e a pessoa que comprou disse que está atá agora perfeito.

      • ARENANB

        Ou se encontrar, será um ou dois, como disse em outro comentário ali em cima, coisa rara. Diferente do Fiesta, que está ocorrendo com todos.

        • Zeca Piroto

          Na sua maioria são os 1.6 mesmo, tanto é que foi um dos motivos da ford ter retirado a opção 1.6 powershift do focus, mas tem 2.0 dando problema também, pois o problema é no cambio, pra ser mais específico, tem relação com a quantidade de tempo em que se passa com ele engatado em marcha lenta, ou seja, transito pesado…

          • ARENANB

            Finalmente uma resposta não arrogante. Então colega, eu tive o anterior (14/15) e troquei agora há pouco pelo 2016. O 14/15 nunca tive problema, mas lembro que o câmbio era um pouco mais ‘burro’ e dava um pouco mais de trancos, principalmente após os quebra-molas. Esse novo ele está bem diferente, mais suave e tal. Conversei com um amigo que trabalha na concessionária daqui e ele me informou que a Ford trocou o ‘fornecedor’ do câmbio, e por isso ele está diferente. Disse também que isso resolveu o problema dos novos Powershifts em motores 1.6, que todos os Fiestas que estão indo lá com problema já estão colocando o câmbio novo. Essa alteração foi feita há pouco tempo, por isso acho que só começaremos a ver o resultado efetivo em alaguns meses, dos proprietários de Fiesta comentando quanto a sua satisfação no novo câmbio. Agora é esperar pra ver. Baseado na diferença que eu notei pro novo câmbio no Focus, imagino que possa sim ter ficado muito melhor também nos fiestas. Valeu!

            • Rafael

              Com qual quilometragem estava seu Focus antigo? Normalmente eu rodo com um carro até 100 mil km. Se ele não apresentar problemas até lá beleza. Dizem que a troca da embreagem é caríssima, mas não tenho conhecimento de causa.

              • FocusMan

                Olha a embreagem não desgasta. Nos carros que foram trocadas, a embreagem se impregnou com oleo que vazou por um retentor que estraga.

                • Daniel

                  Os vw a ar tiveram bastante problemas com isso. Embreagem melada de óleo por conta do retentor do volante do motor.

            • Zeca Piroto

              Exato! soube que isso estaria acontecendo, inclusive a ford não deve ter feito o recall ainda, pois nos casos de desgaste de embreagem, as mesmas eram trocadas nas revisões, juntamente com a manutenção de câmbio… Fiz o teste no novo Focus Powershift, realmente, é bastante notável a melhora no câmbio, principalmente nesses casos de marcha lenta e Ladeiras , agora é esperar mais um tempo para confirmar os relatos acerca dos novos modelos.

            • FocusMan

              É mentira do cara da concessionária.

              O cambio continua sendo o Getrag DCT6. O que melhorou foi a programação.

              Esse soquinho que dava após passar pelo quebra molas que é o defeito que muitos reclamam.

            • Lucas Mendanha

              Se houve troca, provavelmente foi de modelo de caixa, pois as Powershift são fabricadas pela ‘Getrag Ford Transmissions’.. Já li em algum lugar (agora nao lembro onde) que tinha feito modificações na parte da embreagem, de modo a resolver esses problemas e tornar a caixa mais confiável.

          • FocusMan

            O motivo da retirada do Focus 1.6 poweshift foi a baixa procura e a necessidade de ter uma caixa de direção diferente só para ele.

        • rafael

          Se na reportangem o carro em destaque é o novo Focus que não aguentou e esquentou!! Passem a se informar. Pois o problema é do câmbio ( todos ) 1.6 ou 2.0. Mas como tem um porém, MG = Belo Horizonte, temos muitos morros e vários fortes mesmo, ou seja, é bom ou não. Aqui porcaria não tem vez, carro ferve, embreagem não guenta, freio chia ( Corolla ). Então tem sim problema, em varios carros da Ford com esse câmbio. E também são vários os outros carros que aqui em BH não aguenta ( seja câmbio, feio, embreagem, suspensão ), Novo Siena, Corolla, todos chineses etc….

          • Lucas Mendanha

            Corolla de pai ta com os discos empenados com pouco mais de 1 ano de BH…

    • BillyTheKid

      Se você der uma pesquisada na Internet, encontrará relatos de Focus 2.0 com problemas também, apesar de que em menor quantidade.

      Suponho que isso se deva pelo fato do Fiesta vender entre o dobro e triplo do Focus, e automaticamente as reclamações sobre esse modelo se tornam mais comuns.

    • Lucas

      Tenho um Focus Sedan 2.0 2014 e infelizmente apresentou o problema, já foi ate solicitada a troca da embreagem, não é exclusividade do 1.6 não

    • Tiago Watanabe

      Não é bem assim não. Um colega de trabalho possui uma Ecosport 2.0 Powershift e com menos de 5000 km teve que trocar as embreagens.

  • Louis

    E agora, quem tem coragem de comprar powershift usado ? Eu to fora.

    • Iran Borges

      Nem novo e muito menos usado! Pegou má fama, se queimou, já era. Vai desvalorizar muito e ser difícil revender. Ninguém quer bomba. Já pensou comprar um usado fora da garantia com o câmbio pra consertar? Conheço bem a Ford… arrumar esse powershift deve ser muuuuito caro.

      • radiobrasil

        A má fama só saberá quem entende de carro, visita sites como esse… Agora tem muito tiozinho que vai comprar um seminovo desses sem saber de nada.

        • Iran Borges

          Má fama é algo que se espalha rápido mesmo entre os leigos… e ainda tem os revendedores que tem tendência a evitar certos tipos de carros pra não ter dor de cabeça depois com cliente…. com o tempo o público geral evita certos carros por “ouvir falar” isso ou aquilo dos mesmos.

          Mas sim claro, sempre vai ter alguém pra comprar…

    • Lobo

      Verdade amigo, estava pensando nisso, ou a Ford arruma uma solução pra isso JÁ, ou será uma bomba, e ninguém irá comprar usado. Eu tbm to fora.

      • duhehe

        Se ganhar fama de mico no mercado, ai já era.

        • CharlesAle

          Que nada.. Quer mais fama que os “trancologic” da Fiat. E a galera compra usado de boa…

    • Boris

      e tá cheio de carros à venda

    • Dorcas Luca

      Fria. Pior custo/benefício da categoria, considerando o pós-garantia.
      Melhor custo/benefício/confiabilidade, é sem dúvida nenhuma o Peugeot 308 THP.

      • Angelo Lucca

        A manutenção do Peugeot em autorizada é cara e sempre foi um carro pra se comprar usado, justamente pela alta desvalorização. Concessionárias Peugeot estão fechando em todos os cantos… Creio que seria minha última opção nesse segmento. Até um Cruze Sport, mesmo sendo beberrão é mais negócio que o 308.

  • Vinicius Dantas

    DSG barulhento, nem pensar…

    • Ken

      Antes barulho que perda de funcção

  • Bikudin

    Demorou… kd o recall??? O pessoal anda reclamando, a Honda ta com um monte de recall… mas ao menos estão fazendo, enquanto não só a Ford mas muitas outras montadoras se esquivam. É incrivel a safadeza, tá vendo q esse cambio é um FIASCO e continuam vendendo assim mesmo.

  • Léo

    Maioria que reclama aqui nem tem powershift, é só especulação, meu fiestinha ta com 30 mil km rodado e nunca aconteceu nada disso.. Feliz da vida com o q tem de melhor em automático, rápido e sem trancos

    • Iran Borges

      Sem desmerecer teu carro, mas tem que ver como vai ser a revenda depois.

    • Dorcas Luca

      Lixo. Você ta é enrolado. Essa notícia já está propagando. Eu mesmo desisti de comprar um Focus PowerSHIT depois de pesquisar. A manutenção da embreagem fica na ordem de R$ 10.000,00.

      • FocusMan

        A embreagem é lifetime. Ela não necessita troca. Quando trocou foi porque a Ford fez alguam manutenção e trocou logo tudo por precaução. Você desistiu e comprou o que? Um golf? Ou foi seu pai?

        • Robinho

          kkkkk

        • CharlesAle

          Pois é. Para variar, a turma do outro blog hater Ford estão em peso por aqui…

          • FocusMan

            Tem até nego mentindo sobre trepidação em alavanca, sendo que a alavanca do cambio n tem ligação física com caixa… rs

          • Depois da VW, a Ford é a mais odiada por aqui. Ganha até da Fiat que completa o pódio. Queria entender isso…

      • Stark

        Pra que essa grosseria toda? O cara só contestou educadamente sobre alguns acharem que todos os Powershift apresentam problema, e o dele não. Fato é que as reclamações acabam se sobrepondo aos elogios.

        Ainda assim, hoje ainda não arriscaria comprar um carro com DCT, o câmbio manual tem me servido muito bem.

      • Léo

        Todo mundo tem medo, mas nunca teve um… Inclusive maioria q reclama aqui nunca teve nenhum automático, a troca completa da embreagem na autorizada fica por 2800 reais na pisa Ford BH q eu olhei antes de comprar, pelo q li na internet mesmo preço de iMotion e Dualogic…
        Agora se vc deixa de comprar carro por medo de manutenção vai andar resto da vida de Pálio Fire, usando pneu rechaçado e óleo 40

  • Ken

    Todos os câmbios podem dar problemas, mas, chegar ao ponto de uma investigação é que a coisa esta acima da média, mais uma prova de que:
    Ford, o mais barato que sai caro!

    • Bittencourt

      Ken, esqueça essa ideia de “acima da média” por aqui.
      A maioria dos membros desse fórum não entende de estatística e acha que Corolla vende o que vende só por alienação da população; é irrelevante o número infinitamente menor de reclamações dele, ou seja, ou estatística não existe ou não serve para nada.
      Um abraço.

      • Ken

        kkkkkk, Boa!!!
        O pior é que é verdade, cara, já viu o video do acelerados do Punto dando toco no Fracus?

        • Bittencourt

          Não vi, mas temos dois Puntos 1.6 (um manual e um Dualogic) na família e sei do que ele é capaz!
          Um abraço.

        • Iran Borges

          Difícil um carro dar toco no focus 2.0 depois que ele atinge 3000 RPM, mas antes disso é possível. Se o focus for manual, aí já acho que não é tão fácil assim.

          • THE GUNSLINGER

            Mas agora o Focus 2.0 só com o câmbio Powershift, não tem opção de manual.

          • Ken

            Cara, procura no youtube, acelerados fracus x golf x punto, e o velo citta é um circuito de média pra alta, até o punto com seu eixo de torção foi mais rápido que o fracus, o golf o humilhou.

            • Iran Borges

              Po, não achei… só vi Bravo x Golf x Focus. Mesmo assim, no fim do vídeo tem um ranking de volta mais rápida e o Punto Tjet e o Bravo Tjet estão atrás do Focus powershift. Pra um carro sem turbo, com um câmbio estranho sem paddleshifters, até que foi bem.

              Mas reitero… acho que um focus manual se sairia melhor.

            • CharlesAle

              Eu só vi vi Focus x Golf x Bravo.. E o Bravo foi uma porcaria!!!!

        • Stark

          O Punto T-Jet manual ficou bem pertinho do Focus 2.0 Powershift. O que prejudicou o Focus foi a demora nas trocas de marchas, o Rubinho também criticou esse ponto na redução do DSG, mas ele é mais rápido que o Powershift.

          • FocusMan

            Caramba, O punto pesa 200 kg a menos e é turbo! Deveria andar mais!

            • Artur

              Na verdade são 169kg a diferença entre os dois (Focus 1399kg e Punto 1230kg). O Punto TJet é turbo, mas fornece 152cv a 5500rpm e 21,1kgfm de torque a 2250rpm (com gasolina), enquanto que o Focus 178cv a 6500rpm e 22,5kgfm a 4500rpm (com etanol). Acho que a única vantagem do Punto é o torque vir mais cedo. Apesar disso, o Focus deveria ter desempenho no mínimo parelho, na minha opinião, devido à diferença de potência e o torque superior.

              • Guilherme Eduardo

                Tem a questão de relação de marchas e diferencial (mais curto, mais longo), acerto os acelerador eletrônico (mais esporte, mais economico), suspensão, eletrônica (controle de tração, estabilidade, etc)…….

              • FocusMan

                São quase 200 kg Arthur. Eu sei a diferença que isso causa num carro e justifica sim.

              • Angelo Lucca

                Então Artur, o problema é o torque linear do Punto por ser turbo, o Focus embora tenha mais torque e mais potência, em saídas de curva (que é onde se ganha tempo numa pista, ao contrário do que muitos pensam, não é em retas!) ele tem mais ação, pela cuva de torque ser mais plana, daí essa suposta superioridade. Fora que o Punto por si só já é um carro muito bem acertado dinamicamente, o T-Jet deve ter um acerto ainda melhor.

        • CharlesAle

          Engraçado, não sabia que o semi morto Punto concorria com Focus, e se perdeu, talvez seja porque é 200 kg mais pesado né?? Já o Bravo foi uma porcaria contra Focus e Golf né criança!!!

          • Ken

            Desculpe se a realidade te deixa decepcionado, o Golf colocou 2s no Fracus em uma volta, uma diferença semelhante a Merrcedes AMG F1 e a Manor.

            • Você fala de um vídeo que você viu… Você já guiou qualquer um desses carros em pista?

              • Ken

                Já diriji o Golf, não tenho um, mas na categoria até 200cv Audi 1.8T e Golf 1.4T reinam absolutos.

            • CharlesAle

              Hà sim . Um turbo contra um aspirado! Deixa o Golf aspirado também, ai a gente conversa!!

              • Ken

                Eles não são concorrentes? É como dar desculpas para querer justificar a derrota.

                • CharlesAle

                  Não, não é desculpa! È que todos sabem que o Turbo faz o motor render mais que só aspirado! Mas o Golf terá sua versão nacional aspirada, ai você verá a beleza que é…

      • Iran Borges

        Apesar de não ser fã da Toyota BR, tenho que concordar contigo.

  • Bittencourt

    É por isso que eu sigo feliz com meu AT4, um pouquinho indeciso nas marchas em algumas situações, mas econômico, robusto e confiável.

    • rafael

      Econômico!!! KKKK. Compre um Honda, e seja feliz até no posto de gasolina. Quem pode sair da toyota e andar de honda vai ver o quanto é mais econômico. Até o inmetro sabe disso. Mas se quiser pode continuar Toyoteando.

      • Iran Borges

        Afinal quem é mais econômico? Corolla 2.0 at4 ou Civic 2.0 at5? Sempre ouvi que Corolla era econômico e Civic era beberrão.

        • Bittencourt

          Se o Civic estiver com a função “ECO” ligada, fica tão econômico quanto, mas sacrifica a desenvoltura do carro; algo que não me agrada.
          Um abraço.

          • Rodrigo

            Acho que a diferença de desempenho do botão ECON acionado para ele desligado é imperceptível no anda-e-para do trânsito urbano, perto do que ele representa em termos de consumo (cerca de 10% menos). Em compensação, na estrada é muito mais vantajoso andar com ele desligado. Inclusive, ele acabará gastando mais se a estrada em que você estiver trafegando for íngreme (subida) e você estiver com o carro carregado. Eu sempre desligo nessas condições.
            Agora em estradas planas e retas talvez seja melhor deixa-lo acionado, pois a combinação ECON + Piloto Automático deixa o carro ainda mais econômico.

        • Marcos Lopes

          tenho o civic 14/15 2.0 lxr (at5) faz 11 na cidade e 16,5 na estrada com gasolina . O mesmo que o coralla com cvt 7 novo faz.

          Medidas andando normal ( 110-120 – na estrada com picos de 140/150 ) ( cidade media de 25k/h) .

          Acho ele extremamente econômico.
          No Álcool estou fazenda na cidade 7,9k/l ( media 23-25km/h) com álcool só fiz uma pequena viagem ( 180km ida e volta rj/angra/rj) e fiz 11,92km/l.

          • Iran Borges

            Interessante… pois estou sondando Corolla, Civic e Elantra todos usados e a partir de 2012. Preciso de um sedã que tenha consumo igual ou menor que o focus 2.0 duratec e tenha seguro não muito mais caro que este.

            • Lucas

              Não vai na do cara aí não, civic não faz 12km/l na cidade nem pelo cacete. Com muita sorte tu faz 9 na gasolina.

          • Lucas

            NUNCA no Brasil fio. Eu ano no do meu pai e nem nas medições dele ele faz perto disso e olha q ele dirige igual um velhinho.

            • Marcos Lopes

              faço media semanal e por tanque sempre da isso. O civic é espantosamente econômico ( pelo menos os 2.0 auto de 2014 pra cá) . No trabalho tem mais 2 (particular) e fazem medias parecidas e até melhores as vezes . Talvez o do seu pai esteja com problemas. Leva o carro pra uma ccs .moro no RJ.

              • Lucas

                Deve ser mesmo, meu pai e o resto de toda a comunidade do Civic que eu conheço.

      • Bittencourt

        Feliz com a função “ECO” ligada.
        Andar com o motor/câmbio de meu carro sub-utilizado para ser “econômico” não faz parte da minha “felicidade automotiva”.
        Se você estiver se referindo ao Civic sem essa função, me perdoe, mas não sabes o que estás falando.

        • rafael

          Sim, clara que é sem função, afinal em 2011 não existia. E depois deste anos todossem essa função e consumo muito baixo, estou me controlando para não comprar um novo com mais uma função, e melhorar ainda mais o baixo consumo do civic, que o meu 2011.

          • Bittencourt

            Se é um carro que te agrada, você deve comprar outro sim, da mesma formo que eu faço; se gosto, não troco por outro.

        • rafael

          Além do mais não quero ter que usar o kit corolla a cada 10 mil km, ( Óleo, Filtros, pastilha e disco de freio ). Ou seja, não existe Super carro .

          • Bittencourt

            10.000 km para pastilha e disco é mito, te garanto por experiência própria.
            Nunca falei que ele é perfeito, mas o considero melhor que a concorrência sim.

      • FocusMan

        Desculpe Rafael, mas Honda mais econômico que Powershift?

        Fazia 17 km/l no meu Focus 2.0 e hoje faço 15 no meu 1.6. O Corolla do meu amigo faz por ai também. Já os que tem Civic não fazem mais de 13.5

      • Lucas

        Daonde? Civic do meu pai gasta mais que meu Fusion Ecoboost 2.0 Turbo.

    • Colorado

      meu Pug 307 AT ta fazendo 4,5 com alcool, haja coração quando apita e acende a luzinha do tanque reserva

      • Bittencourt

        Estava falando do AT4 do Corolla…
        Um abraço.

  • Vitor Barcellos

    Então devido a queima de imagem dos dupla embreagem, será que a GM vai rever seus planos e ao invés de lança o Cruze dupla embreagem 7 marchas, vai manter o AT6?

    • oloko

      Talvez ela lance o dupla embreagem deles por justamente o powershift estar dando problema, e eles podem dizer que o deles é melhor kkk

      • Rogério

        E pra não perder o costume.. Fazer um recall em seguida. Hehe

  • Freaky Boss

    Basta a FORD fazer um recall. Custa muito? Custa mais uma imagem arranhada

    • Alexandre Maciel

      Recall para colocar o que no lugar? A Ford precisa desenvolver a solução primeiro.

      • Freaky Boss

        Se eles não estarão varando 24horas trabalhando nisso, deveriam. A solução já deveria existir ,para ontem.

        • Alexandre Maciel

          É… mas não existe e, acredito, não existirá. No link abaixo, de um serviço de acompanhamento de ações nos EUA, há a descrição de uma ação coletiva em que é levantada a questão de a Ford vir abreviando a continuidade do programa Powershift. Se está fazendo isso realmente, com certeza isso se deve aos problemas verificados e insanáveis.

          http://www.law360.com/articles/634914/ford-sued-over-faulty-transmissions-in-fiestas-focuses

  • Vinicius

    E minha AL4, hoje de uso secundário, com 103.700km e sempre manutenida continua perfeita. Em todo esse tempo, se deu dois trancos, foi muito. Um 307 2.0 2004/05 que só roda em viagens e voltas de fim de semana, mas aguentou muito como daily car. Acreditar em óleo vitalício é burrice, lógico.

    • Yuri Ravitz

      Meu 307 é 2007 e manual, mas quase cheguei a pegar um automático na época da compra. Essa AL4 é do tipo ame ou odeie; já ouvi coisas tenebrosas bem como coisas comuns de manutenção rotineira, mas o medo fala mais alto pra mim. Moro no RJ e um automático é perfeito pra esse trânsito extremo que temos (muito congestionamento + altas temperaturas, ainda mais agora com a proximidade da Primavera/Verão), mas meu carro é “daily driver” e não pode parar. Eu vejo os donos/entusiastas de carros franceses dizerem que basta respeitar os tempos de trocas de óleo e solenoides que ela não vai dar dor de cabeça. O que pode me dizer da manutenção dela?

      • Vinicius

        Yuri, moro no Rio também. Este carro foi daily driver até ano passado. Estou com ele há exatos sete anos hoje, dos 20.000km para frente. Sou segundo dono.

        Utilizei muito este carro. Não vendo em virtude do ótimo estado dele, impecável e por pagarem pouco. E o valor que conseguiria nele, me seria mais útil tendo ele como segundo carro aqui em casa.

        Tem todas as revisões no manual (até acabou o espaço e anotam atrás) e recentemente, EM GARANTIA, a Peugeot consertou uma infiltração na folha de teto (entre a folha de teto e a travessa acima do para-brisa, bem na junção) pelo fato da garantia da carroceria ser de 12 anos.

        Quanto ao câmbio, não precisei trocar as solenoides e só realizei uma troca de óleo com 60.000km. Mas foram com três ou quatro enxagues (não lembro), para não ficar nada do óleo velho e, ainda, resetando o contador, etc. Enfim, trabalho com o preço de acordo com a qualidade.

        Então, quanto a esta caixa, nem reclamo do seu comportamento às vezes hesitante, pois é característica dela. Mas supre o que necessito e precisava no dia a dia.

        Mas como o brasileiro é movido a disse me disse, (meu tio teve um, o amigo do colega do meu primo teve um, etc. que quebrou, que deu tranco e parou, etc.), e este mesmo brasileiro que se diz apaixonado por carros é arredio à manutenção preventiva com peças de qualidade, fica difícil para alguns carros e marcas.

        Então, o que eu aconselho é trocar o óleo em local de confiança. Procure aqui no Rio o Francês (perto da Av. Brasil) ou uma casa de câmbios bem conceituada (com garantia) e troque o óleo preventivamente. Quanto às solenoides, somente se forem as incluídas no “recall branco”, pois não precisa jogar dinheiro fora.

        E quanto ao seu carro, só fazer a manutenção preventiva e cuidar.

    • Minerius Valioso

      Algumas pessoas dirão que sua experiência com o AL4 é uma exceção à regra.

      • Vinicius

        Bem, é verdade! Mas é válida! Haveriam mais exceções se as pessoas esquecessem o mito do óleo vitalício!

  • Boris

    quase comprei um powershift. e quem diria, um AT4 supriu perfeitamente minha necessidade

    • radiobrasil

      Se está satisfeito com um at4, quando pegar um 6 ou mais marchas estará no paraíso! kkk
      Experiência própria.

      • Boris

        só de nao passar marcha ( e tb nao ter problema com carro novo) ja estoy no paraiso.
        ps ja tive outros AT5 e acho que o carro se confunde mais nas reduzidas. com o AT4 é bem previsivel dizer ao carro se quer que reduza ou nao só na variação do acelerador

        • radiobrasil

          Na cidade o at4 não me incomodava… agora em viagens era um SACO usar o at4 + cruise control… Qualquer subidinha a 100 km/h o carro ja perdia força e descia uma marcha se esguelando todo.

          • Boris

            eu acho q isso depende do carro. porem o meu nao tem Cruise control

  • Rodrigo

    Acredito que este câmbio tenha sido projetado para motores 2.0, recebendo adaptações para utilização nos motores 1.6.
    Por isso não se vê estes tipos de reclamações em Eco 2.0 e nem em Focus 2.0 com o câmbio Powershift.
    Claro que sempre há reclamações, não existe produto perfeito, mas nos 2.0 não há as reclamações que se repetem nos 1.6.
    Mas há também o povo que não lê o manual do proprietário e depois reclama… está indicado lá como preservar seu câmbio.
    Mas que pepino pra Ford!

    • Martini Stripes

      Tem reclamações no 2.0 tbm sim, menos mas tem.

  • Lucas Irrthum

    Duvido que essa investigação do Procon vai dar em alguma coisa. A nossa legislação protege as multinacionais, pois teme que elas saiam do mercado ou comecem a demitir em massa. As nossas agências reguladoras não servem de praticamente nada.

  • Milton Quadros

    Power “shit”. Como esse assunto em dois anos não chegou aos blogs? Como um jornal de ultra direita é o primeiro a quebrar o “silêncio”?. Claro que há re$posta a e$$a pergunta está na cara.

    • Freaky Boss

      fiquei curioso agora : O que vem a ser um jornal de ultra direita?

  • CarlosChl

    Mesma coisa no Focus 2.0. É só procurar, por exemplo no carrosnaweb:

    “Agrada aos olhos, mas faz crescer sua orelhas.” – Ford Focus Sedan G3 SE 2.0 AT 2013/2014
    Contras:
    Barulhos
    eternos no painel, portas, bancos e na suspensão, problemas no câmbio o
    qual estou esperando para ser trocado a 60 dias, tive que realizar o
    escaneamento do sistema duas vezes e não adiantou pior é os atendentes
    tentando dizer que é normal o carro trepidar e ficar sem torque nas
    arrancadas, isso sabendo que vc anda no carro todos os dias por horas e
    conhece cada ruido do mesmo claro que se vc entende algo de carro. Além
    disso, o step do carro é horrível e deixa p carro instável, sem falar
    do macaco, que após sua utilização vc tem que jogar tetris.

    “Problema crônico no câmbio automático” – Ford Focus Sedan G3 Titanium 2.0 AT 2014/2014
    Contras:
    Sem dúvida o câmbio automático. Uma decepção. Trepida nas retomadas, dar
    trancos, engasga, faz barulhos nas primeiras marchas. Um verdadeiro
    tormento. Muito desconfortável.

    Lá tem uma lista muito grande de pessoas reclamando do câmbio. Só não enxerga quem quer ser enganado. Eu ia comprar um Focus 2.0 AT mas depois de tudo que li, de tanta reclamação eu descartei. Sem chance jogar quase 90k no lixo.

    • FocusMan

      Os 2015 ficaram bons.

      • CarlosChl

        O que eles mudaram ?

        • Alexandre Maciel

          Nada… nem a revisão F do câmbio soluciona definitivamente os problemas do câmbio.

        • FocusMan

          N sei…

    • Alexandre Maciel

      Eu deixei de pegar um Ford automatizado exatamente por ter pesquisado sobre esse câmbio e verificado que ele é problemático e de reparo custoso.

  • Triton

    O câmbio automático velho de 4 marchas da AISIN, usado nos Vectras C, colocava o câmbio em N automaticamente quando o veículo parava e o motorista mantinha o pé no freio, mesmo a alavanca permanecendo em D. Ao soltar o pé do freio, o câmbio engatava a marcha em fração de segundos. Essa programação foi feita com o intuito de reduzir emissões e consumo de combustível, visto que o câmbio possuía conversor de torque. Será que o Powershift não possui essa mesma função para reduzir o desgaste das embreagens?

    • Tygra

      Sim, o powershift possui esse sistema. O problema é que as vezes falta bom senso e responsabilidade em alguns comentários postados pelos internautas. Tipo: “o powershift dá tranco”; “o powershift é uma porcaria” ; “a manutenção do powershift é cara”. Primeiro: o powershift não dá tranco, somente alguém que só faz comentário e nunca andou com um pode fazer esse tipo de observação. pelo contrário, ele é mais rápido e mais confortável que boa parte dos câmbio com conversor de torque, além de consumir menos combustível. A proposta de dos câmbios de dupla embreagem é aliar esportividade com economia de combustível, caso a pessoa queira conforto extremo (a ponto de não perceber em nenhum momento a troca de marcha) compre um câmbio CVT, porque a proposta dele é essa – conforto e economia. Segundo: o powershift apresentou problemas pontuais de trepidação em algumas unidades (os mais entusiasmados dizem 1200 casos relatados na internet, quando na verdade são 1200 comentários). Mas não é um problema crônico do câmbio – uma vez que só no Brasil foram vendidos mais de 150 mil unidades com esse câmbio -, a Ford não colocaria um câmbio com um problema crônico no seu produto de maior sucesso no mundo: o Focus. O erro da Ford está na demora em substituir os câmbios com defeito (independentemente do número de clientes afetados é responsabilidade da montadora resolver o problema). Terceiro: o câmbio powershift não requer manutenção, está prevista apenas uma revisão preventiva com 12 anos ou 240 mil km. Ou seja, é tão duradouro quanto uma caixa automática convencional.

      • Alexandre Maciel

        Pois dê uma olhada em fóruns internacionais. Eu mesmo deixei de comprar um Ford com esse câmbio quando, com sua chegada aqui, li as reclamações e pesquisei o custo das peças no Ford Parts. Em acréscimo, há ação coletiva nos EUA contra a Ford exatamente por conta dos problemas no PS e, na Califórnia, há pessoas recorrendo à lemon laws para buscar ressarcimento.

        Bom senso falta à Ford por saber que seu câmbio é problemático e ainda insistir nele.

        • Thiago Porto

          Ele disse Casos Pontuais? kkkkk

          • Alexandre Maciel

            Você está tendo problemas com o seu câmbio, Thiago? Ou já passou o carro para frente?

            • Thiago Porto

              Vendi em Junho e comprei um 208

  • Fernando Coelho

    Até em carro manual da Ford o câmbio não aguenta. Tive um que perdeu as 5 marchas para a frente com 40 mil km rodados. O carro era zero, desde então, nunca mais Ford.

  • shdn2010

    Se a ford tivesse o minimo de vergonha na cara, ela resolveria estes problemas sem questionar, nao interessa o quanto de gasto iriam ter.

  • carlos rodrigues

    Pode ser que dessa vez a Ford se manque e faça logo esse recall do powershift, que já tá passando hora…

  • Alexandre Maciel

    Espero que a atuação do MP/MG seja eficiente e, pela via administrativa, mediante ajustamento de conduta, ou pela judicial, resulte em benefícios para os consumidores lesados pelo desrespeito da Ford.

    No mais, apesar de muitos dizerem que querem, hoje, um recall, a Ford não parece ter a solução para o problema. Então, assim, o recall seria uma medida sem sentido.

  • Fábio

    Esses câmbios dupla embragem não são confiáveis, e mesmo se fossem a manutenção é absurdamente cara. Já vi gente pagando 10k pela manutenção do Powershift, e já vi um pagando monstruosos 60k no DSG de um Audi. Sessenta Mil reais!!!
    E nem venham os fanboys da VW zoarem o Powershift, pq se o DSG fosse confiável a VW não teria tanta reclamação dos chineses e o Golf seria vendido nos EUA com DSG e não o Tiptronic (e que provavelmente será assim aqui tb).
    O convencional com conversor de torque ainda se mostra a opção mais robusta.

    • Robinho

      verdade !

    • Vagnerclp

      Aqui será o tiptronic, já foi anunciado. Não sabia que nos EUA também era.

  • Lucas

    Cade o Ministério Público trabalhando? Engraçado que tem Promotor de Justiça que quer ganhar o mesmo que Juiz, ter os mesmos benefícios, etc, etc, etc, mas trabalhar o mesmo tanto que trabalha o Juiz não quer né?

  • Lucas Mendanha

    Aparentemente o problema começa aqui:

    “Ela conta também com duas funções automáticas que aumentam a eficiência do seu desempenho. O “Neutral Coast Down” desacopla a a embreagem quando o veículo se aproxima da parada total, aumentando a durabilidade e a economia. Já o “Creep Mode” simula o controle em baixa velocidade e regula a entrega de torque gradativamente.”

    Creditos “Mecanica Online”

  • João Carlos

    Por enquanto, carros de dois pedais pra mim só os epicíclicos ou Hondamatic. São bem mais robustos e confiáveis.

    Talvez por virem se aperfeiçoando desde os anos 40 no maior mercado do mundo.

    Curioso é que um dupla ou mono embreagem tem muito menos itens para dar problema que um automático.

  • Ricardo

    Tá cheio de gente entendida por aí que ainda fica minorando o problema, arrotando que são casos isolados, que os problemas são dos modelos 1.6, que a internet propaga muito a informação e que dá a impressão de que os problemas são generalizados, que isso, que aquilo… Veremos!

  • Vagnerclp

    No manual também? Aí é de matar hein.

  • wanderson

    Seria meu próximo carro. Um New Fiesta automático!

  • Corvo

    Já estava na hora de alguém começar a investigar os problemas do Powershift. Há inúmeros relatos (tem até petição pública) de problemas desse cambio. Sobre tudo do Fiesta e versões 1.6 da Ecosport e Focus

  • Matheus

    Tem muito piloto de vídeo game aqui pqp… os caras falando de dar pau em estrada, o outro falando em pau em trackday(quem é o gênio que vai em track day com um carro de cambio automatizado e original e ainda que um desempenho monstro sem superaquecer nada e dar pau?) carro automatico/automatizado vai ser assim mesmo… 2 voltas no pau e 1 de cooldown pra n derreter a parada… até os superesportivos são assim… o mais comedia foi o cara comparar um golf com 100kg a menos e relação peso/torque 15kgfm a mais que o focus num trackday, onde isso vai fazer o carro virar mais rápido….