PSA apresenta lucro e sai do vermelho

25/02/2016

PSA-Peugeot-Citroen (2)

Em dificuldades financeiras nos últimos anos, a PSA conseguiu um bom resultado ao obter lucro líquido de € 1,2 bilhão em 2015. No ano anterior, o grupo francês teve prejuízo de € 550 milhões.

Outra elevação foi do lucro operacional, que subiu de € 53,3 bilhões para € 56,3 bilhões. A divisão de automóveis foi responsável por € 37,5 bilhões, tendo alta de 4% em relação ao ano anterior. Várias operações do grupo tiveram alta, especialmente a Faurecia e o Banco PSA Finance.

Com isso, a Peugeot Citroën conclui sua reestruturação e agora pode novamente pensar em crescer, especialmente no mercado chinês. A empresa está focada no lançamento de produtos dedicados a este mercado, além de ampliação da gama de carros premium da DS.









  • Duvido que no Brasil esteja no azul. Só o Etios vende mais que toda a gama da Peugeot + Citroen.

    • invalid_pilot

      E o Etios vende bem mais ou menos kkkk

      • Jurandir Filho

        Isso faz o Etios melhor? o carro é mais feio que bater em mãe, com aquele painel no meio do carro, a toyota deveria aprender era com a psa a colocar um painel do meio decente (vide novo C4 picasso)

        • invalid_pilot

          Há rumores que na reestilização melhorarão o painel… talvez seja digital e de leitura melhor

          No mais, mecanicamente o carrinho é bem competente – já dirigiu ? Eu não compraria pelo interior desleixado e mal feito

          • Jurandir Filho

            Eu não compraria pelo exterior e interior

          • O design e o acabamento exterior também assustam, a despeito da montagem boa. Ao menos passaram a pintar totalmente as áreas sob as caixas de roda e sob o capô. Nos primeiros anos tinha só um borrão de tinta nas extremidades e o resto era só o prime.

            • invalid_pilot

              Eu acho o interior muito mal feito… Parafuso aparecendo, peça encaixada só…

              Motor e cambio tem bom acerto , por fora acho OK

              • Edson Fernandes

                A suspensão também. Mas carro não é só aspecto mecanico né?

                • invalid_pilot

                  Suspensão não tive tempo de avaliar nos Test drives que fiz… O acerto de motor e cambio me agrada.
                  Se mudarem drasticamente o interior seria uma possível compra pra mim.

          • PEDAORM

            Interior e exterior, mas mecanicamente o carrinho é acertado.

      • mauricio

        vem falar de etios aqui, so vende pq é toyota, carro com acabamento porco, visual horroroso, salva só a mecanica

        • Alessandro

          E olhe lá!

    • Gurgelando

      A questão é: como mudar essa história? Eu só compro carro usado, mesmo tendo recurso para comprar o novo, será que estou ajudando? Ou não faz diferença? Como mudar isso?

      • klaus

        continue assim

      • Problema é que o carro usado brasileiro é ainda mais caro em termos relativos que o novo (o preço residual de usados no Brasil é absurdo). E tem outra coisa: se todos pensarem assim, você irá comprar carro usado de quem no futuro?

        • Ernesto

          Penso exatamente como você, Ubaldir. Se o novo está caro, o usado também o está, pois o preço do novo acaba puxando o preço do outro.

        • Edson Fernandes

          Mas é aí que e está, ele está pedindo uma opinião para a situaçao dele, ao contrário de muitos aqui que praticamente te chamam de otario qdo vc decide comprar um 0km. Eu já penso diferente: Que as pessoas passem a enxergar os produtos e deixar de lado aenas a marca.

          Claro que sabendo balizar até que ponto o carro “mais barato” vai ser positivo depois. Só nisso, sendo 0km ou nõa, já ajuda e muito o mercado.

      • Enquanto o governo nao incentivar a exportação, e liberar a livre concorrencia, vai ser essa mafia pra sempre;

      • Daniel Galvão

        Geralmente essa pessoa vendeu esse carro vai usar o dinheiro pra comprar outro 0km. Não tem jeito. Diretamente ou indiretamente acaba ajudando

      • Vattt

        Eu sou dá sua teoria!!! E acredito que isso ajude, apesar de ter um contra nessa nossa maneira, principalmente quando o assunto é financiar, porque o Governo ajuda as montadoras a conseguir menores taxas de juros na venda do carro novo. E como aconteceu em tempos atrás dos bancos aumentarem as taxas para usados forçando o consumidor a comprar apenas carroça 0km.
        O problema é que o Governo vai contra a vontade e nescessidade do povo em favor do alto lucro de uma minoria.

    • Gomes

      Interessante que a maioria das pessoas pensam que volume=lucro. Vejam as notícias de resultados financeiros da Fiat, GM e Ford em 2015: todas tiveram prejuízos na América latina. A PSA teve resultado positivo….estão trabalhando numa estratégia de resultado é tentando melhorar os serviços. Muitas vezes, fazer volume e mkt share eh meio uma forma de mkt, não é ganhar dinheiro….

  • Clovislauro

    Ó aí, ta vendo, depois dizem que português é burro. Carlos Tavares, presidente mundial da PSA.

    • Lobo

      “Brasileiro” entre aspas, só nasceu aqui. Não é um brasileiro de raíz.

      • Louis

        Tem até sotaque carregado.

    • Zergling

      Mas tem que ser muito burro pra sequer considerar a possibilidade desse negócio de “português é burro” ser correto.

  • Andre Studart

    Sua linha aqui no brasil, apesar de boa, é cara e mal equipada, não é atoa que se pegar do 208 ao 2008 e somar suas vendas, não da o que um hb20 vende em um mês.

    Carros bons que a Peugeot não sabe cuidar, aliado à versões mal equipadas quando comparadas a concorrentes.. se continuar assim, no Brasil pelo menos, vai ser a próxima a sair

    • Gustavo73

      Cara e mal equipada? 2008 básico, 4airbags, rodas de liga, CMM, arcondicionado digital dual zone, teto solar 68 mil reais, Renegade 69 mil, ar condicionado manual, rodas de aço 2 ab, sem faróis de.auxiliares esp, HRV 78 mil tão pelado quanto o Renegade.

      • Vattt

        Pois é, infelizmente concordo com o André no sentido de que ANTES a Peugeot vendia o 2008 com menos itens de serie de que atualmente. Quando você descreveu esses itens, fui olhar no site e não era bem assim que eu tinha visto a um tempo atrás. Sempre a Peugeot faz isso, parece que não gostam que seus carros virem moda e caiam no gosto do mercado por que seus css cobram logo a mais por isso, dai espanta a todos e depois quer correr atras do prejuízo.
        Me lembro do caso do 208 que inicialmente boa parte dos modelos vinha com teto panorâmico e LED diurno entre outros mimos e em pouco tempo surgiu a versão pelada praticamente com o preço das antigas versões mais completas.

        • Gustavo73

          Desculpe mas o 2008 sempre teve esses equipamentos e o 208 sempre teve a versão de entrada sem o teto e com motor 1.5 , leds são exclusivos di 1.6.

          • O Gustavo tem razão: via de regra, os carros da PSA possuem ótimo custo x benefício comparados à concorrência quando avaliado o nível de equipamentos. Não é por aí, não. Talvez o pós-venda deficitário na média justifique o “pré-conceito” do brasileiro com relação aos franceses. Mas falta de equipamentos é que não é.

            • Gustavo73

              Exatamente Ubaldir, outras questões como o pós venda e algumas decisões influencia da PSA atrapalham as vendas do grupo.

            • Romualdo Vieira

              Eu não sei como anda o pós-vendas (e de fato estou curioso), se AINDA é deficitário. Ouvi falar que estavam fazendo um grande esforço para mudar esse quadro. Tem alguma informação nesse sentido, amigo?

              • Olha, hoje eu tenho em casa um Citroen (C4 Lounge THP – quase 2 anos)e um Peugeot (um 208 Griffe automático – quase 1 ano). Um está com 30 mil km e o outro com 15 mil. A informação que posso dar é que até aqui o atendimento foi ok, até melhor em alguns aspectos do que o que eu tinha na VW ou na GM, que foram outras redes que frequentei por um bom tempo.
                Os mimos que me ofereceram na Citroen: repararam em garantia o sensor de estacionamento traseiro danificado em um acidente em que uma Montana bateu na traseira do meu carro em uma faixa de pedestres e fizeram a primeira troca de bateria que adquiri fora da rede em cortesia. Também trocaram os amortecedores dianteiros em garantia, apesar de ter danificado o direito em uma queda em um gigantesco buraco. Na Peugeot ainda não tive qualquer infortúnio que gerasse visita à concessionária fora da revisão normal.
                Quanto a maiores informações, só mesmo as que vejo na mídia, que dizem que estão fazendo um esforço concentrado para melhorar o conceito da rede.

                • Raone

                  Participo de um grupo de proprietarios de Lounge, quer participar?

                • Daniel

                  Bom, tenho um C4 hatch e uma longa historia de insatisfação com o atendimento da Citroen que se iniciou em 11/12/15. De lá pra ca fiquei qse 2 meses sem o carro, tendo um prejuizo de mais de 9mil reais com locação de carros, passagem aereas e etc.
                  O Carro é excelente, confortável, seguro, equipado, etc… Mas, a PSA parece que se esforça ao maximo pra deixar o cliente insatisfeito. Nessa brincadeirinha ela já perdeu a venda de um Aircross ou 2008 (que eram fortes candidatos para a vaga da Meriva daqui de casa)

                  • Vinicius

                    Não sei se na sua cidade vc tem opções, mas nunca leve seu Citroen em concessionária do grupo SHC – que infelizmente são a maioria.

                  • Acho que aí é que está o problema da rede da PSA: a falta de um padrão de atendimento. Existem concessionárias boas e existem outras muito ruins, o que acaba por contaminar a rede como um todo.
                    Aí passa a ser meio que “loteria”. Eu, como uso somente uma da Citroen e uma da Peugeot, acho que dei sorte… ao menos até agora.

                    • Daniel

                      É problema da PSA mesmo. Algumas concessionarias podem resolver problemas pequenos e atender melhor que as outras… Mas, quando vc depende de uma posição da PSA, se lascou!
                      Eu tomei um prejuizo de 9mil reais entre carro alugado e passagens de avião pra ir e vir buscar o carro nos qse 2 meses que meu carro ficou nas concessionarias. Se quiser o dinheiro de volta, vou ter que acionar a Justiça (e é o que eu vou ter que fazer)

          • Bruno Wendel Marcolino

            exatamente, não sei de onde ele tirou isso…

            O problema foi o aumento de preços, pois a versão mais básica partia de 39k no lançamento e a intermediaria(allure) que já vinha com teto panorâmico custava 45k, lembro bem foi fui testa-lo alguns meses após o lançamento. Hoje a versão básica custa os 45k da allure na época e a Allure está custando em média uns 54k. Mais ou menos 9k de aumento é pra ferrar. Mas deve ser por isso que estou vendo mais 208 sem teto panorâmico ultimamente hehe

            • oscar.fr

              Não existe um carro que não tenha aumentado de preço nos últimos três anos. Infelizmente.

        • edbil

          Todas montadoras fazem isto. Lançam menos equipados e depois vão melhorando com o passar os anos/modelo . Se valem do furor causado por ser lançamento para ganhar e depois, para manter o modelo atrativo, vão melhorando os equipamentos.

        • mauricio

          falta de equipamentos? kkkk psa da um banho na concorrencia em relaçao a equipamentos

          • Andre Studart

            Banho? O 208 top de linha, que beira os 60mil, nao tem esp/tcs.. Mas led diurnos tem, entende onde quero chegar? O cambio at é defasado e a motorização também, eu gosto do carro, mas com os preços e formas atuais, nao me desce

            • Rafaelprado

              o que é melhor o at4 ou um automotizado?

              O at6 nao cabe no cofre do motor juntamente com o 1.6 nacional. na europa o 16é o hdi e nos menores os motores tabem sao outros.

              qual outro concorrente do 208 que tem acho que só o fiesta e topo que tem um cambio pior.

            • Atley jackson

              O 208 de fato, peca pela falta do ESP/TCS, mas compensa com CMM, teto panorâmico, Ar dual zone, acabamento extremamente superior, sensores dianteiros e traseiros de estacionamento, Leds diurnos e fora design que na minha opinião mata a pau.
              Sobre motor e câmbio, reconheço que poderia ser um 6 marchas, sim, mas o at4 não atrapalha e tem um funcionamento “honesto” e o motor não da para reclamar, pois 122cv e 16,5 de torque dão conta do recado.
              O NF foi uma das minhas opções quando estava vendo carro p minha esposa, mas depois de comparativos, preços e test drive ( ficamos assustados com inumeras reclamações do powershift ) ficamos com o 208 Griffe at, este vendido a poucos dias com quase 2 anos de uso, que só nos deu alegria, e agora pela falta de opções, estamos até pensando em comprar outro..
              abraço

              • Andre Studart

                Sem dúvidas o NF com PS é algo para se correr, pois nao são unidades localizadas, aparentemente, todas unidades equipadas com esse câmbio aparentam problemas de trepidação relacionada ao kit de embreagem.. Tipo de problema por falta de “tropicalização”..

          • Vattt

            Ai onde tá, antes cobrava a mais por isso, hoje mudou!!! Dai cria uma visão contraria do produto. E eu acho a 2008 show. E digo isso pq tenho uma 207 SW e gosto muito dela e gostaria até de substituir a minha “peruinha” pela 2008, mas a desvalorização do meu carro faz com que eu prefira tocar fogo nela a vender pelo que pedem por ai!!!
            Tenho um Honda Fit de mesmo ano (2009) que na época custava uns 11 mil a mais de diferença na época, como usados hoje o Honda bem mais rodado (107000km) que a 207 SW (51000km) vale uns R$12000 a mais como usado.

            • oscar.fr

              Se o Fit custou 11 mil a mais e hoje vale 12 mil a mais que o 207, praticamente, tu manteve a mesma relação que na hora da compra.

              • Vattt

                Mas se a minha 207 SW XRS fosse uma XS automática, estaria custanto esses mesmo 12 mil a menos e uma versão dessas na época custava seus 53, 57 mil.

      • Andre Studart

        Concordo que o 2008 é um bom cxb, principalmente na versão thp.. Mas acredito que as vendas baixas faz que seja um “mico” comprar ele..

        Compradores de seminovos agradecem, em um curto período de tempo, o preço deles devem despencar, mas de fato, é um belo carro..

        A Peugeot tem uma excelente linha, mas os preços/equipamentos do 208/308, por exemplo, estão mal dimensionados, e com a fama que ela tem, faz que os carros “empaquem”..

        • Jurandir Filho

          Mas o “mico” se dá porquê? preconceito bobo dos brasileiros, que só compram das grandes marcas, tenho um 408 há 3 anos e meio, a css (pelo menos a daqui – DF), é muito boa, nunca tive problemas, bem melhor do que a da VW, Ford (esta é a pior) e GM que já tive oportunidade de experimentar.. Os carros tem um excelente cxb só peca na desvalorização, com exceção do 208, aqui em BSB quero comprar um usado pra minha esposa e tô achando caro :)

          • Andre Studart

            Para voce ver como varia, tenho um NF e ate hoje nada também, mas um amigo que possui um 208 1.6 AT, coitado..

            Ja levou 7x na css e vai levar de novo por que o carro ta morrendo frequentemente ao pisar para passar cruzamento, um carro at morrendo..

            Eu, particulamente, gosto muito do 208, mas as vezes parece que os carros da Pug são sorte, tem uns que nao acontecem absolutamente nada e outros que era melhor a pessoa andar de bike, vai entender..

            • Daniel

              Não precisava dizer que você tem um “NF”… Já estava implícito.

              • Andre Studart

                Cara, sou imparcial, o NF tem seus defeitos como um cambio manual com péssima relação, vide buracos entre as marchas.. Se quiser, enumero todos eles, e a ford que deveria fazer logo o bendito recall do PS

                Nao sou fanboy, e acho o 208 um grande pequeno carro, so nao cogitaria sua compra por conta da Pug em si, nao do carro.. Ja viajei com ambos e ambos sao ótimos carros, sem duvidas os melhores na faixa de preço

                • Jurandir Filho

                  Carro zero não compraria nenhum hoje em dia, mas um 208 usado, tô tentando garimpar um pra minha esposa e mais pra frente pegar um 408 thp pra mim, já se foi aquele tempo de peças frágeis e caras, tá na média do seguimento, o que pega é a desvalorização (do 408 no caso, no 208 nem tanto), mas se pegar um usado e ficar mais de 3 anos acaba compensando…

                  • Andre Studart

                    A cesta de peças do 208 é inclusive mais barata que os concorrentes, e de fato, ótimo carro para se pegar, ainda mais de 2 mão!

            • Jurandir Filho

              Cambio por cambio, prefiro um 4 marchas que funcione do que um powershift que só dá pau e a D. Ford insiste em não fazer um recall oficial…
              o meu 408 é com 4 marchas, como disse antes, 3 anos e meio e só manutenção preventiva, antes tive um Focus (modelo anterior) também 4 marchas, não teve problema algum com o cambio, mas tinha um barulho na suspensão dianteira que as css não conseguiu resolver…
              Ah, que eu saiba o 208 é 1.6 16 v e dá uma olhada no canal acelerados do youtube, vê o desempenho dele e o Titanium powershift tão amado e idolatrado…

              • Andre Studart

                Cara, tempo em pista nao condiz com a forma que guiamos no dia a dia, na pratica, o fiesta é de fato mais rápido que o 208, nao que esse nao ande bem, mas o Fiesta anda mais.. Mas sim, na pista, o 208 anda bem mais.

                Digo isso nao por que tenho um fiesta, mas por que ja viajei com ambos e convivi com ambos (manuais 1.6), o 208 é um belo carro, principalmente por dentro, mas prefiro o fiesta..

                Eu compraria o 208? Nao por causa da Peugeot, eu, hoje, teria medo em assumir um carro de sua marca, mas isso nao muda o fato que ele é um ótimo carro, mas a Peugeot nao sabe dar assistência para seus próprios carros (isso é diferente de o carro dar problemas ou nao)

                Track day a parte, de fato a Ford era para assumir logo um recall do PS, ela tenta a muito tempo consertar fazendo recall branco, mas ate agora nao surgiu efeito, e enquanto isso, a bola de neve aumenta.. E sinceramente, com os preços do fiesta agora, é absurdo.. 56mil no 1.6se, e pensar que peguei o meu por 47.. Na época de lançamento o titanium manual era 51..

                Nosso mercado está muito inflacionado, infelizmente, os preços estão la em cima, e os carros nem tanto, poucos carros, hoje, apresentam de fato um bom cxb.. Como jetta 1.4tsi

          • Ernesto

            Sua informação de que os brasileiros só compram das grandes marcas não procede. Se fosse assim, Toyota Honda e Hyundai não venderiam o que vendem.

        • Gustavo73

          A PSA toma algumas decisões qur não ajudam na venda dos seus produtos o pós venda parece ser outro problema.

          • Andre Studart

            Sem dúvidas..

    • Navaman

      O problema deles não é preço ou equipamentos. O problema é a quantidade de pessoas que já tiveram um Peugeot/Citroen e resolvem nunca mais comprar um de novo, por questões de qualidade, aliada a problemas e preço da manutenção.
      Eles são obrigados a vender os carros com preços mais competitivos, para superar a má fama no mercado. Marcas com boa fama, por sua vez, cobram mais caro.
      O “preconceito” ou a “burrice em não comprar um”, como alguns dizem aqui, não surgem do nada.
      Não quero dizer que não existam consumidores satisfeitos com carros da PSA, mas sim que é uma reclamação que escuto numa proporção muito maior que outras marcas. Tenho colegas de trabalho e amigos que já tiveram e me disseram isso.

      • th!nk.t4nk

        Na minha experiência os carros das outras montadoras grandes no mercado dão quantidade similar de problemas. A diferença é a reaçao, pois se um PUG apresenta um problema, isso tem um efeito psicológico bem mais forte. O dono meio que “espera” que isso aconteça por já ter ouvido falar mal, e o ciclo se perpetua.

      • Rafaelprado

        tive um 207 nunca tive um problema grave com ele, 208 idem.
        Meu irmão tem um c4 está beirando os 200.000km nenhum problema grave.

        Meu pai ja teve duas Xsara picasso, cerca de 100.000km em cada, também sem problemas graves.. Agora ele tem um VTR desde 0km. também quase 200.000 nenhum problema grave.

        É só fazer a manutenção preventiva que não dá problema.

        Brasileiro tem mania de comprar já pensando em vender o carro, isso é ridículo.

        Sempre levo em consideração o fator satisfação e prazer de dirigir, para mim isso vale muito mais do que 3 ou 4% de desvalorização.

        Jamais deixaria de comprar um 208 para comprar um onix ou um gol apenas pelo fato de ele desvaloriza mais.

        **em tempo em grave pretendi dizer algo fora da manutenção preventiva…

    • Durval Lucas

      Mal equipado? Pode até dizer que a fama é ruim, o pós venda é ruim, não tem um marketing bom para os produtos, mas dizer que o carro é mal equipado? Diga um, apenas um carro, da categoria e faixa de preço, que é mais equipado que o 208 ou 2008?

      Na moral

      • Andre Studart

        Fiesta titanium.. E nessa categoria so tem o fiesta, 208 e c3.

        208 ainda utiliza motor 8v e cambio at4 da década de 90.. Esp/tcs que é bom.. E ate pouco tempo atrás, nao tinha os airbags laterais (que são a maior parte dos 208 na rua..) o cambio manual dele é longo e os engates sao imprecisos, mas a dinâmica do carro e o interior é ótimo

        E sim, concordo que o 2008 é “exceção”, o qual so cogitaria na versão thp

        • Leonardo C.

          Cara, eu tenho um Fiesta Titanium Powershift, troquei um C3 Solaris AT nele, e não vejo a hora de trocá-lo e voltar pra PSA, de onde não deveria ter saído, nunca me deu problemas, rodava muito com ele. O câmbio dele (FIESTA) deu o problema da trepidação e o kit de embreagens foi trocado, mas esse foi o menor dos problemas. Suspensão dura e bate seco, portas desalinhadas, alto consumo de combustível (mas isso eu assumo a culpa, pois gosto de usar o modo S do câmbio).

          • Andre Studart

            Cara, realmente o PS da muita dor de cabeça, ja passou da hora da Ford assumir o erro e convocar um recall..

            E realmente a suspensão dele é dura, e o meu é o 1.6 SE, que vem com aro 16, imagine com o 17 do titanium.. Sou inclusive doido pra trocar pelo jogo de aro do titanium por achar ele lindo demais, mas algo que me faz segurar, alem do custo “desnecessário”, seria as “porradas” mais duras, principalmente em estradas e quando pegamos algumas “panelas”.

            Os franceses sao bons carros, problema é o suporte (ou a falta dele) pelas marcas, mas sao ótimos carros

    • Atley jackson

      Amigo, você esta completamente enganado, sugiro que você pesquise se informe, pois se você fizer um comparativo, vai ver que a dupla 208 e 2008 são bem mais equipados e completos que seus concorrentes, isso desde as versões de entrada.

      E acho completamente incoerente, comparar o volume de vendas de 208 e 2008 com o HB20…

      • Andre Studart

        Atley, não quis comparar o volume de vendas do hb20 com 2008, o que quis dizer foi que se você pegar toda a linha da peugeot, 208, 308, 2008, rcz e somar o que eles vendem em um mês, nao da o que o hb20 vende em um mês..

        O 208 melhorou nos últimos meses por ter ganhado os airbags laterais, mas na maior parte de seu tempo por aqui, ele foi vendido sem os mesmos e com preço para versão topo por 55mil, isso com um cambio defasado AT4, dois airbags e nada de esp/tcs..

        Ainda hoje ele continua sem o esp/tcs, com mecânica defasada, é um bom carro com um grande potencial, mas a Peugeot nao sabe aproveitar..

        Em sua categoria são três: C3, 208, NF.. O Nf é de longe o mais equipado (titanium vs griffe), mas pelo preço, nao compensa dar 60mil em um Fiesta.. Titanium manual chegou a custar 51mil, nem carros de segmentos superiores (corolla, por ex) sao tão bem equipados quanto..

        A questão é que todos carros estao absurdamente caros, com poucos deles realmente valendo a pena (como jetta 1.4tsi).. 208 é um grande pequeno carro que foi capado nas vendas pela má administração da Pug.

    • Eduardo Alencar

      Tenho um 208 griffe 1.6 at, e não tenho do que reclamar o carro é excelente em design conforto e dirigibilidade. Ao meu ver ganha em diversos pontos da concorrência. piloto automático, limitador de velocidade 6 airbags, acendimento automático dos faróis detector de chuva( não sei o nome correto) ar digital dual zone, projetor no farol, leds diurnos, etc. Fora o acabamento, que está acima de qualquer um da categoria dele.

      • Andre Studart

        Sim, como disse, o carro em si é excelente, problema é que a Peugeot nao sabe como dar suporte ao seu próprio produto

        Nao que eles quebrem muito, mas quando quebram, a Peugeot se enrola pra consertar e muitas vezes pela metade, daí sua fama..

        Mas que o 208 é um ótimo carro, isso é inegável

    • Andre Luiz Melo

      Amigo , meus filhos tem um HB20 1.0 e o outro um Citroen C3 1.5, ambos de versão intermediária. Gostaria de entender , pois no varejo os 2 tem o preço próximos aqui em Campinas (e olhe que o HB20 é 1.0), como é que o HB 20 pode vender bem mais , pois o C3 é melhor. Desvalorização? Papo furado , basta ver os índices da FIPE , não estou com eles aqui , mas são próximos (menos de 3% de diferença) , NADA QUE JUSTIFIQUE, além do 208 está nesta faixa. Manutenção? Papo furado, pois o gasto dos 2 estão sendo equivalentes, alias, que mais deu problema foi o HB20, felizmente cobertos pela garantia.

      • oscar.fr

        Também não entendo como C3 e 208 1.5 não vendem. Tenho um 208 1.5 há três anos e é só alegria.

      • kravmaga

        Tem gente que só gosta de carro 1.0 porque acha que vai gastar menos com gasolina por ser de litragem menor, o que nem sempre é verdade.

        Além disso, no inconsciente popular ignorante de muitos brasileiros, o HB20 é um “carrão” por ser Hyundai e ser uma marca “japa” (a maioria nem sabe a diferença de japonês para coreano ou chinês; é tudo de olho puxado).

        Houve aqui no Rio até um incidente com a polícia que mandou bala num HB20 cheio de jovens achando que era suspeito jovens andar com um “carrão” daqueles. E os jovens nem eram bandidos.

  • Pedro Evandro Montini

    Ótima notícia! Só acho que o tal “lucro operacional” citado na matéria deva se referir à receita (líquida ou bruta), pois o valor está muito alto para tanto.

  • Bartolomeu

    Boa notícia, pois quanto mais marcas há mais concorrência, ganha o consumidor. Tive dois 307, não tenho o que reclamar.

  • Vitor C

    A peugeot e citroen tem excelentes produtos, mas aqui essa estratégia não da certo, a marca tem que fazer o mesmo que a renault e todas as outras, se adaptar ao nosso mercado e criar produtos focados para eles. O consumidor aqui gosta de carroça então tragam as carroças.

    • wagner

      …Peugeot e Citroen tem modelos muito bonitos e só!!!, peca no pós venda….”eles” mesmos depreciam seus produtos, pagam menos que a concorrência na troca….oficinas mal treinadas e com a famosa prática da “empuroterapia”, cobrando por serviços desnecessários…..

      • JCosta

        Exatamente… o grande mal destas marcas no Brasil é o pós venda. Os carros até são bons e, de certa forma, bem construídos, mas a manutenção e especialmente esta prática das revendas não aceitarem sequer os veículos da própria marca, matou a reputação dos seus carros.

      • Daniel

        Nunca vi câmbio que desce.

        • wagner

          Obrigado “Prof.Pasquale”…..já corrigido no texto acima!

      • Vitor C

        Concordo em partes, o câmbio at4 hoje apesar de ter poucas marchas é um câmbio até que razoável, hyundai e Renault usavam até pouquíssimo tempo e não tinha esse drama, acho melhor que a porcaria o i-motion e o dualogic.
        Quanto ao pós venda não sei as outras concessionárias, mas aqui em casa temos Citroën, mitsubishi e chevrolet. Nunca vi atendimento pior que na chevrolet, até porque saiu um pesquisa de fonte confiável onde Citroën ficava na frente de algumas marcas tradicionais. Para mim pós venda bom apenas Toyota e Honda, o resto é tudo a mesma porcaria. Fiat e volkswagen nem comento então.
        Concordo com a desvalorização, mas não é nada de terrível como muitos dizem e não em todos os modelos, até porque todas as marcas tem carros de desvalorizam mais, as marcas premium então tem uma desvalorização muito pior.

        • wagner

          O cambio em questão é o AL4 equipava os C4(Pallas e Hatc), C3, C5 e os modelos 207, 307/308, 408….. esse cambio é problemático, tem data de validade de aprox. 40/50 mil km…..as eletroválvulas dão muito problema….tenho amigos que trabalham com revenda de veículos e quando surge um Citroen ou Peugeot automático eles desvalorizam ainda mais o veículo….a vezes nem pegam para revender….é muito difícil achar um comprador rápido e ainda terão que dar garantia de motor/cambio (justamente aonde o bicho pega).
          recentemente em uma concessionaria Citroen, aqui em SP na Eng.Caetano Alvares, estava com uma “promoção” para as eletroválvulas do AL4 + mão de obra por R$ 1.400,00 com garantia. Nas oficinas especializadas esse serviço não sai por menos de R$ 4 mil…..

          • MAGRAO

            engraçado vc falar que esse cambio tem data de validade de 40/50 mil km eu tenho um pug 307 sedan grife com esse cambio e o mesmo esta com 155000 mil km rodados e nunca apresentou defeito…

            • wagner

              …vc é um exemplo tipico de que toda regra tem sua exceção!…

  • Darlon Anacleto

    Taí o efeito novo 308, 2008 e 208, que são campeões de vendas em diversos mercados.

  • Carlos

    Com quase 3 anos de mercado, o que dá pra dizer que melhorou no 208 em relação ao 206/207 em relação a manutenção, peças, suspensão? Algum problema ou vício mais comum nesse tempo?

    • oscar.fr

      Não tem nada a ver com os anteriores. É outro carro, até mesmo em nível de durabilidade. Agora em termos de rede ninguém faz milagres no Brasil. TODAS marcas investem muito pouco nisso.

      • Rafaelprado

        faço das suas palavras as minhas, ex-dono de um 207 passion e ex-done de um 208 allure

  • Thiago Lamim Matos

    Muita boa noticia para a região sul fluminense.

  • Gabriel Oliveira

    só aqui que não tá mostrando as notícias?

    • BMAlves83

      Também estou vendo apenas o título e os comentários…

  • Clovislauro

    Leia de novo, o português é Carlos Tavares da presidente PSA.

    • edbil

      Por ser um mesmo texto eu achei que sua ideia seguia um contexto. Não sendo ou sendo para mim não faz a mínima diferença. Até coloquei uma risadinha ali para você não levar a sério. Fica tranquilo.

  • Túlio Leal

    Bom. Quanto mais concorrência melhor.

  • Carlos

    Olha, eu moro no Rio Grande do Sul, e digo para voces que neste verao as estradas daqui ficaram abarrotadas de argentinos, muitos indo para Santa Catarina e poucos aqui no litoral do RS, e nunca vi tanto carros peugeot 308 e 408 na vida. De cada dois carros argentinos que eu enxergava, um era destes modelos. Os argentinos sao tarados pelo 408. Se tiver mais gaucho aqui no forum, me corrija se nao teve esta impressao.

    • Rafaelprado

      Eu fique 1 mes a trabalho na argentina no final do ano passado e realmente a quantidade de pug que tem por lá é incrivel.

      • Gustavo73

        Chama atenção a quantidade de 308 nas ruas.

    • MarcioMaster

      Diesel, praticamente todos.

  • Felipe S. Rangel

    Se eu fosse da direção da Peugeot no Brasil deixava os 408 e 308 só com motor THP. Variava o conteúdo (uma versão mais básica e outra mais completa) e deixava os valores bem mais em conta. Quem pegaria um Golf 1.6, Focus 1.6, Cruze 1.8 LT ao invés de um defasado 308, mas com um ótimo conjunto motor-cambio? O carro é antigo, já amortizou grande parte do investimento… quer aumentar vendas? está aí um bom caminho… tipo como a Hyundai fez com o antigo Azera…

  • Fernando Gonçalves da Costa

    No Brasil só leva fumo …não vende, pós venda um lixo, desvalorização dos veículos acima dos concorrentes, crescimento a onde ??? Vai vender um Peugeot ou Citroen pra ver que é bom…

    • Leonardo C.

      Vendi meu C3 Solaris Automático 10/11 em menos de uma semana, ao contrário de um Celta, que fiquei quase 3 meses para vender.

      • Ernesto

        Ambos nas mesmas condições? Km, conservação, preço de mercado?

        • Leonardo C.

          C3 estava com 51.200 kms rodados, 4 pneus novos e recém revisado. Celta 12/13 estava com 28.800 kms e era completo, e também recém revisado.

    • Atley jackson

      Entre Citroen e Peugeot, já tivemos em casa 7 carros dessas marcas, e afirmo que todos venderam de forma fácil e desvalorização na média das demais montadoras, isso aqui em Curitiba, que a aceitação dessas marcas é muito grande.

  • Danilo Fernandes

    A PSA Brasil deve ter uma parte da culpa pelos números ruins. Mas também, parece que a empresa é administrada por crianças ou drogados. Só assim para justificar o festival de burradas. Uma pena, pois os carros são muito bons.

  • Diogo Oliveira

    Naum falo nada…

  • Edson Fernandes

    O que me surge é… como a empresa pode declarar lucro se teve prejuizo? Essa é uma das coisas mais estranhas que leio aqui…rs