Renault Kwid pode ganhar variantes SUV, sedã e picape

09/02/2016

kwid-climber-racer-1

O Renault Kwid pode ganhar mais adiante versões sedã, picape e SUV no mercado indiano. A marca francesa busca se firmar no país, onde carros populares representam uma enorme parcela das vendas.

Graças à plataforma modular CMF-A, a Renault garante que pode fazer vários modelos diferentes e espera ter alguns até 2020, quando quer ter emplacado um milhão de exemplares. De sedã à minivan, o Kwid pode receber várias aplicações diferentes.

renault-kwid-scoop-2

A meta da Renault é pular de 2% para 5% em 2017, algo ambicioso para um fabricante sem histórico entre os indianos. A empresa reconhece que, no entanto, vender o Kwid na Índia é um desafio maior, dada a reputação dos concorrentes.

Para a Renault, é mais fácil vender o Kwid no Brasil do que na Índia. Aqui, a empresa já tem presença consolidada no mercado e a concorrência não é tão grande quanto no mercado indiano.

Ainda assim, com 98% de conteúdo local, o modelo tem um custo muito menor por lá, o que dá margem para refinar o produto ao longo do tempo, algo que o consumidor local espera no segmento abaixo de 4 metros.

[Fonte: IAB]









  • Pacheco

    Esse é aquele que a Renault pretende colocar no lugar do Clio?

    • Lobo

      Sim.

    • Otoni

      É sim.

    • Denis

      Na verdade, ele vem para colocar a sola do sapato do Clio também!!!!! kkkkk.

      Mas falando sério, o Kwid será o sucessor do Clio em mercados em que ele não progrediu (vide Brasil e Argentina). O novo compacto é mais um fruto de projeto da Dacia, na qual estão Sandero, Logan, Duster e Oroch, que usam a bandeira Renault. O Kwid será o quinto modelo composto desta linha, que vai disputar a faixa de preço dos R$ 30.000, na qual a sua mira será o VW Up! e o futuro Fiat Mobi. O novo Renault terá ainda dois tipos de motores já confirmados pela marca: O inédito 0.8 de 3 cilindros e 12 válvulas, que será flex e o atual 1.0 de 4 cilindros e 16 válvulas já usando na dupla Logan e Sandero. O Kwid tem data prevista para chegar em outubro do ano.

      • automotivo

        Andou estudando, hein?

        • Denis

          Eu adoro ESTUDAR!!!!! kkkkk.

        • Leonardo

          Andou copiando kkkk seria o mais certo

          • Denis

            Hum, devo….. mas não nego!!!!! kkkkk

            • Clovislauro

              Todas as pessoas que se interessam por cultura geral pegam seu conhecimento de algum lugar, seja por livros, internet, palestras, aulas etc…( Salvo cientistas e pesquisadores de uma área especifica) Então, não deve nada, apenas continue e compartilhe.

        • arzanette

          ctrl ( c ) ctrl ( v ) nada mais kkkkk

      • th!nk.t4nk

        Nao faz sentido usarem um motor 0.8 no Brasil. A Nissan já tem o novo 1.0 tricilíndrico pro March. É a mesma empresa, basta compartilhar o motor regionalmente.

        • pedro rt

          e isso ai, os velhos 1.0 16v e 1.6 8v da renault vao sair de linha e quem vai entrar no lugar vao ser os 1.0 e 1.6 da nissan e um inedito 1.3 16v turbo com injecao direta q a propria renault esta desenvolvendo

      • Me lembro de ter lido em algum site, que o KWID não era da bandeira da Dacia, e sim, da própria Renault.
        Seria necessário jogar no google “Renault Kwid, Dacias project?” Ou qualquer variação com essa dúvida.
        E alguns sites irão aparecer e informar que o Kwid é Renault, e que poderia ser vendido na Europa como Dacia.

        • pedro rt

          e um dacia pois e derivado do sandero, de plataforma, mas nao sera vendido na europa, somente em paises emergentes como brasil, argentina, india, africa do sul, marrocos, argelia…

          • Nostress

            Plataforma CMF-A, do Kwid, é a mesma L90 do Sandero? Tirou essa de onde?

      • pedro rt

        o motor do kwid no brasil sera o 1.0 3cil. usado no march

      • Pacheco

        Legal… gostei das informações, obrigado.

        E fiquei mais curioso com o 0.8 flex. E curti o estilo off-road do carro.

      • Edilson

        Errou na motorização ,inicialmente utilizarão o 1.0 3cil. Do march!

  • Denis

    Será que a Renault do Brasil vai querer entrar de cabeça em Kwid Sedan, Kwid SUV e Kwid Pick-up????? Estou pressentindo uma subida na vida para Sandero, Logan, Duster e Oroch daqui nos próximos anos…..

    • pedro rt

      a partir do final desse ano o LOGAN e SANDERO serao feitos na argentina, a renault quer abrir mais espaço na fabrica brasileira pra producao do KWID e por enquanto ele tera somente a versao hatch por aqui, futuramente caso tenha derivado e visando nos lucros tera somente o SUV

    • invalid_pilot

      Pois é a moda agora é carro indiano, nem os refugos da Europa servem mais para serem os de entrada no Brasil.

      Esse KWID na Índia me parecer ser bem mais ou menos, espero que nossa versão tenha qualidade superior ao Indiano

      • pedro rt

        o etios e tmb o modelo indiano e o nosso e melhor q o deles, tem estrutura 25% mais rigida e recebeu uma serie de aperfeicoamentos em outras partes do carro tmb, com o kwid sera o msm, dizem q o painel do nosso sera diferente

        • invalid_pilot

          Pelo que li pela internet o Indiano pesa cerca de 700kg, se for isso mesmo o de lá deve ser feito de papel cartão e alumínio de latinha de cerveja kkkk

          Como disse, espero que tenha pelo menos 4 estrelas no LatinNcap e achos mais nobres

    • DiMais

      sabe o Fiat Aegea/Tipo? então, o que a imprensa coloca ele como veículo médio (compacto para Europa) e não é, assim será o futuro do Logan/Sandero por aqui.

  • Airplane

    Esta nova plataforma modular CMF-A vai dar muitos frutos e espero que venha realmente para o Brasil.

  • Tom Costa

    Esse carrinho aqui com um motor 1.2 turbo, pneus um pouco mais largos e maiores, rodas bonitinhas de 4 furos(mais para inserir no padrão, visto que o mercado paralelo de 3 furos inexiste), ficaria muito interessante.
    O 0.8 turbo também, na faixa de 75cv o consumo deve ser ótimo.

    • pedro rt

      a renault ja esta desenvolvendo um inedito 1.3 16v turbo com injecao direta pra substituir os velhos 1.6 8v, ele sera lançado ano q vem

  • Jorge Osório Cortese Magalhães

    Prevejo que o Kwid fará história no Brasil. Algo como quando a Ford lançou o Ecosport.

  • DiMais

    o hatch é até simpático, mas aí vão querer inventar aquelas aberrações de menos de 4,0m que a Índia tem..

  • Felipe

    Ok, Renault… Mas não se empolgue. Por aqui esse estilo Uno Way College não cola mais.

  • Marcelo SR

    Uno, versão Resault.