Coréia Samsung Sedãs

Renault Samsung SM6 2017 apresenta novos motores na Coreia do Sul

samsung-sm6-44

O Renault Samsung SM6 2017 surge na Coreia do Sul, sendo um equivalente do Talisman francês, também conhecido como Latitude. O modelo passa a ser um intermediário entre o SM5 e o SM7. Entre os equipamentos, destaque para multimídia R-Link, mas as rodas traseiras direcionais não estão disponíveis.

samsung-sm6-22

No entanto, a novidade é que os motores disponíveis são diferentes daqueles usados normalmente pela Renault. Trata-se de um 1.6 Turbo GDe, que é acompanhado também por um 2.0 GDe. Além disso, a oferta é completada por um diesel 1.5 dCi e um 2.0 LPi movido por gás natural.

samsung-sm6-3

O Renault Samsung SM6 2017 com motor 1.6 Turbo GDe entrega 190 cv e 26,5 kgfm. O 2.0 GDe dispõe de 150 cv e 20,6 kgfm. Nos dois casos a transmissão pode ser manual ou de dupla embreagem com sete marchas. Os dois possuem injeção direta de combustível. Já o 2.0 LPi oferece 140 cv. O diesel não teve a potência revelada.

samsung-sm6-4





  • HENRY ME

    Alguem sabe se este carro é vendido na Korea Do Sul como Samsung ?

    • Pedro Henrique

      sim, o carro é vendido como samsung, e sim na Coréia do sul, na outra é que eu me espantaria se vendessem…

    • Felipe

      A última imagem da matéria é um print do site da Renault-Samsung na Korea.

    • Davi Millan

      Sim, é vendido na Coréia do Sul como Samsung assim como o Fluence (SM3) também é.

    • th!nk.t4nk

      E já vem com TouchWiz e tudo cara.

      • Ângelo Coppo

        mas será que trava? “o aplicativo car.apk parou de responder” e vc fica no prego.

  • pedro rt

    bem q a samsung poderia vir pro brasil e trazer o SM5, SM6 e fzer o fluence mudar de nome e passar a se chamar SM3

    • Davi Millan

      Seria interessante trazer a Samsung. Quem sabe assim ela vende os modelos da Renault como Samsung.

    • Edson Fernandes

      E porque a mudança de nome? Eu prefiro que o carro continue a se chamar Fluence com atualizações/renovações.

      Seria muito bom termos esse motor 1.6 e o cambio de dupla embreagem por aqui tbm.

      • 0terceiro

        Talvcez sugiram a mudança de nome para ter alguém vendendo os Renault “de verdade”,
        já que a Renault por aqui vende muitos Dacia atualmente.

        Aí, a galera deve pensar assim:
        Já que a Renault vende Dacia, a Samsung poderia vir e vender Renault.

        Daí, depois de alguns anos, alguém ia reclamar que a Samsung
        não vende carros Samsung “de verdade”, e a história começa de novo,
        com parte da galera dizendo que ela deveria vender carros Samsung,
        e a outra parte querendo que venha outra marca vender os Samsung =P

        • Edson Fernandes

          Nada…. isso não tem problema. Ela só mudou para Fluence no nosso mercado porque a mesma sujou o nome Megane. Caso contrario seria um “novo” megane.

          O Fluence pelo numero de vendas (que não é o que foi planejado) ao menos se mantem sempre no meio das vendas.

    • Newton Freitas

      Smartphones Samsung, televisores Samsung e Carros Samsung.
      Será que daria certo no Brasil? Na Coréia do Sul dá certo pois a divisão de veiculos da samsung é bem estabelecida por lá. A maioria dos táxis são samsung isso nas grandes cidades.

      • Ore Sama

        A Samsung faz de blindados militares a cargueiros e somente as empresas que formam a samsung geram 17% do PIB da Coreia do Sul.
        Mas apesar disso a Samsung só tem 19.9% da Samsung Motor

        • Newton Freitas

          Sim o Grupo Samsung junto com o Grupo Hyundai e daewoo são os maiores conglomerados da Coréia do sul

      • zekinha71

        Deu certo com a Mit, antes de liberarem as importação brasileiro só conhecia a Mit pelas TV com garantia até a copa, foi chegar as Pajeros e L200 a coisa mudou totalmente.

        • Newton Freitas

          Compreendo.
          Mas a Renault não tem chances de implementar a samsung motors aqui. A marca é mais exclusiva da Coréia do sul

    • Raul Godiano

      SM5 => Fluence SM6 => Era o Latitude , agora deve ser o Talisma, nao tem o porque trocar o nome.

  • Ricardo

    Será que não inverteram os dados do 1,6 com o 2,0?

    • Gio

      Aparentemente, o 1.6 é Turbo, e o 2.0 é aspirado.

      • Edson Fernandes

        Tomara que seja uma nova linha de motores, porque até o momento as configurações são muito proximas ao que temos aqui. Se ao menos houver injeção direta… pq o motor tem muita coisa moderna… faltaria de fato um turbo e a injeção direta.

        • Thiago Porto

          Edson, vc ainda é moderador do NA, ainda há moderação?

          • Edson Fernandes

            Sou sim.

            Ainda há sim. Aconteceu alguma coisa?

            • Thiago Porto

              posso pedir para fazermos contato por email?

              portowf@gmail.com

              • Edson Fernandes

                Claro que sim! vou te enviar um email.

                Abs!

    • Rudson I

      O 2.0 além de aspirado é a gás, os motores a gás geralmente costumar a ter cerca de 10% a menos de potência que os convencionais a gasolina.

    • th!nk.t4nk

      O 2.0 é pra conservador, tipo brasileiro. Vai beber mais, andar menos, e custar parecido com o 1.6 turbo, pode apostar. Mas sempre tem consumidor pra antiguidade.

  • Leandro Lima

    Só faltou ser Samsung Galaxy sm7 kkkkkkkkkkk

  • Raul Godiano

    Fluence mude em 2017 !!!! E mande esse motor 1.6 + DCT para o Brasil.

  • Túlio Leal

    Grupo Renault: lá eles têm motor bom, aqui temos o Inovarauto e só velharia.

    • Raul Godiano

      Sao os mesmo da Europa 1.6 e da nissan que equipa uma boa gama na europa, aqui nao vem mesmo o povo nao sabe comprar geladeira, imagina carro.

  • Peter Bishop

    Melhor trocar o feio Fluente por este correndo…

  • Gabriel Oliveira

    se a nova geração do fluence vier assim, já que la fora ele é samsung, seria foda

  • André Borges

    Nem adianta esperar q chegue aqui. Na faixa de preço em q seria colocado, não teria como competir sob o emblema da Renault.