Finanças Mercado

Renave promete reduzir custo de aquisição de carro usado para concessionário – Economia pode beneficiar o consumidor

concessionaria12

Com objetivo de aquecer o mercado de automóveis novos, o governo criou um sistema eletrônico de registro de veículos chamado Renave, que promete reduzir os custos de aquisição de um carro usado por parte de um concessionário.

Isso deverá significar uma economia média de R$ 980 por carro adquirido. De acordo com a Anfavea, a promessa é de repassar o desconto obtido com o Renave para o consumidor, que assim teria um atrativo a mais para trocar o usado por um novo.

A entidade que reúne as montadoras acredita que os lojistas repassarão o benefício, pois com as vendas em baixa, a concorrência ficou ainda maior e qualquer vantagem oferecida ao consumidor pode significar uma venda a mais.

A Renave elimina a obrigatoriedade de registro em cartório do veículo que está entrando na loja, que passa a ser identificado como “veículo em estoque”, dispensando a necessidade de transferência. Denatran e Receita Federal fazem parte do sistema, facilitando assim o processo.

A emissão de nota fiscal de entrada será suficiente para dar a entrada do veículo na loja. Na saída, bastará o vendedor emitir uma nota de saída. Nesse caso, a redução no custo será de quase R$ 1.000, caindo de R$ 1.500 para R$ 520. Se for repassado ao consumidor, será um incentivo a mais para quem procura um usado.

[Fonte: Valor Econômico]





  • Tosca16

    O ruim é repassar ao consumidor …

    • Artur

      Acho que a única coisa que pode ocorrer é pagarem um pouco a mais no usado na troca por um novo, já que terão menos despesa para manter o usado em estoque até que ele seja vendido.
      Mas nunca que vão repassar esse valor na integralidade. Uns R$ 500,00 e olha lá…

    • shdn2010

      Eu acho que não passara nadinha para o consumidor.

    • Renato Duarte

      acho que vai apenas ser usado como “Barganha”, as vezes aparece um cliente exigente e, dai terão uma carta na manga.

      • Tosca16

        eu acho que se vier algo é no valor do seu usado como entrada pra um novo, por quê já vão lucrar horrores com a venda de outro modelo dá pra perder um pouco no usado …

  • Pablo

    Nem vendo eu acredito que vao repassar hahahah

  • Paulinho Monteiro

    SE for repassado ao consumidor…acho que vão repassar da mesma forma que repassaram o desconto no IPI, sentiu no primeiro momento mas depois as lojas o embolsaram.

  • Sergio

    elimina a obrigatoriedade de registro em cartório do veículo que está entrando na loja
    elimina a obrigatoriedade de registro em cartório do veículo que está entrando na loja
    elimina a obrigatoriedade de registro em cartório do veículo que está entrando na loja

    Bem que falam, República Cartorial. PQP. Mas antes tarde do que nunca, e claro, estão fazendo isto por causa da crise, mas enfim, menos mal. E sei lá, pode ser que repassem sim o desconto, e até falam porque está tendo o tal desconto, haja vista as baixas vendas.

    • Marcelo Nascimento

      E temos que torcer para que quando a crise acabar o sistema não saia do ar por “problemas operacionais”…

  • RCX05

    É…sem dúvida, já estou até vendo o preço de todos os carros usados baixarem quase R$1000.

    • Ramom Alencar

      kkkkkkkkkkkkkkkk

  • Philomeno

    Sem sentido

    Eles dão entrada oficial em uma mixaria de carros… geralmente só de quem exige a transferência

    A maioria entra com recibo em branco! Aí passam direto pro novo dono quando vendem o carro, com procuração do antigo dono

    E outra… as concessionárias ganham mais dinheiro vendendo carro usado que carro novo.

    Os carros usados entram como merreca nas negociações e, estando em boas condições, são vendidos sempre pela Fipe no pátio de “usados premium selection revisados com garantia higienizados única dona”

    • Mr. Car

      Eu exijo. Aqui ó, que vou deixar carro no meu nome, he, he!

      • radiobrasil

        Somos 2… e olha que ja deixei de comprar um zero numa CSS que EXIGIA o recibo em branco do meu usado…

      • PrGirafales

        3…. tb só faço negocio se transferir meu carro para a css, senao nao sai negocio, ja deixei de fechar um um carro novo um tempo atras por causa disso

    • Ramom Alencar

      bem observado

    • Hugo Borges

      Verdade, carro usado não tem custo algo porque às vezes é o próprio dono do veículo que paga a procuração. Na hora de vender é só assinar o dut e entregar ao cliente. Não entendi essa também…

    • Marcello Caetano

      Recibo em branco? Em qual Estado? Concessionárias de Goiás não pegam há anos.

      • Angelo Lucca

        A grande maioria das Css realmente não fazem, mas 99% dos lojistas (multimarcas) fazem sem nenhum remorso…

    • Lucas Salina

      Sim, a maioria deixa dut assinado sem data, eles não têm custo algum com isso.

    • Franco da Silva

      Isso quando passam para o novo dono. Meu sogro recebeu o “extrato” que começou a ser enviado pelo governo estadual (RS) neste ano na hora de pagar o IPVA e viu que tem 5 carros no nome dele, mas ele só tem 2. Os três últimos ainda rodam no nome dele! Isso que dá negociar com picareta!

  • Fábio S

    Não sei em outra cidades, mas aqui na minha é prática comum o lojista ficar com procuração e dai não paga a transferência para ele. Então revende direto. Ou seja, fica mais ou menos na mesma se esse Renave for posto em funcionamento. Só as concessionárias aqui passam para o nome da empresa.

  • Anderson Trajano

    Não acredito que haverá repasse … Nunca o fazem e não é agora que farão. O mercado já está se acomodando. Em poucos meses, o sistema já estará adaptado ao “vender pouco com mais lucro”. Assim em poucos casos isolados isso pode fazer diferença, como alguns encalhes por exemplo. Não vejo montadoras como a Honda dando algum desconto por conta dessa manobra …

  • Foxtrot

    “De acordo com a Anfavea, a PROMESSA é de repassar o desconto obtido com o Renave para o consumidor”
    Na mesma hora me vem uma tonelada de políticos na cabeça.

  • danielgermano lopesmoreira

    Deveria ter incentivo do governo a pessoas que pretende comprar o seu primeiro carro na vida, seja ele 0Km , seminovo ou usado de no máximo 13 anos de fabricação !!.

    • Philomeno

      Deveria também ter incentivo pra quem quer comprar seu primeiro esportivo na vida
      Faz anos que quero um Porsche, mas o governo não ajuda
      #ForaDilma

      • danielgermano lopesmoreira

        kkkkkkkkkkkkkk!!!! . Eu quero uma BMW aí tbm .

    • Bruno Wendel Marcolino

      meu carro minha vida?

      • radiobrasil

        Não dá idéia… pq 2018 vem aí… rss

        • Bruno Wendel Marcolino

          kkkkkkkkk

      • danielgermano lopesmoreira

        Tipo isto !!!. Pq ninguém merece pegar onibus lotado de segunda a sexta , ter que acordar cedo as 5:20 da manhã e correr para não perder o ônibus, e na maioria das vezes o onibus sempre chega atrasado e posso esquecer que pegar 4 passagens todo dia no valor de 3,40 raeis não é nada agradável.

        • Bruno Wendel Marcolino

          realmente, pegar ônibus no Brasil é complicado.

          Porém nesse programa “meu carro minha vida” tem que ter também “meu seguro minha vida”, “minha manutenção minha vida” e claro, “minha gasolina minha vida”.

          Porque no fim das contas, andar de ônibus ainda é mais barato, só é um saco.

          • danielgermano lopesmoreira

            Ohhh Bruno na minha opinião andar de ônibus não estava valendo muito a pena . Para vc ter ideia eu pego ônibus de 3,40 , mas tem ônibus de 3,75 ate 7,00 reais . Eu acho um absurdo, vc paga super caro pelo serviço de péssima qualidade , com onibus velhos , sujos , vive estragando e sempre lotados . Obs : semana passada indo para o curso as 5:20 da manhã, o onibus não estava cabendo nem um pernilongo . Eu fui assentando no motor do ônibus praticamente . Carro da gasto sim , mas com tudo isto ainda esta saindo vantajoso ter o seu carro e ir para o trabalho ou curso . Sinceramente quando tiver os meus filhos não faço questão nenhuma que ande de ônibus. Ahhh antes que eu esqueça, outro raiva é o pessoal que depreda o ônibus ou entra pelas portas pra não pagar passagem, aí como vc chega numa pessoa dessa para cobrar pq vc vê que são maus elementos e fica apreensivo pensando que será roubado a qualquer momento . Na minha opinião , com todos os gastos de um carro eu prefiro ir de carro mas infelizmente não tenho $$ para comprar ainda .

            • Bruno Wendel Marcolino

              ai depende do deslocamento diário até o serviço ou faculdade.

              Pense em Pneus, Amortecedores, Suspensão, Discos de Freios e vários outros itens de desgaste natural de um carro, claro que não é do dia pra noite que se gasta com isso, mas quando a conta chega é alta.

              Gasolina a 3,29 mais ou menos, IPVA(se for carro 0km, normalmente não baixa de 1.000), seguro(para pessoas abaixo de 26, fica caro) e as revisões e troca de óleo, filtro, etc. Tem que se colocar no lápis e ver se realmente vale a pena ter um carro.

              Carros mais antigos tendem a ter mais manutenção, porém carro mais novos existem as revisões obrigatórias na garantia, ou fica sem garantia por conta e risco de haver algum defeito oculto no veículo.

              Não é fácil manter um carro, por experiencia própria, que ando geralmente 60 km por dia, gasto um tanque por semana mais ou menos, uso seguro, troco óleo de 5k em 5k, por experiencia própria adotei essa km, revisões a cada 10k, que no caso, normalmente são duas por ano, fora claro, a parcela do carro, que no meu caso termina em novembro de 2016 pois não tive como adquirir o veiculo a vista(pelo menos foi em 24x).

              Enfim, é gasto pra caramba, pergunte se eu trocaria isso por Ônibus, SIM, trocaria todo conforto de ir para o trabalho de carro por menor custo, já que a empresa que trabalho paga passagem, porém infelizmente minha rotina não permite, pois tenho que levar meu filho para a escolinha, que fica perto do meu serviço em POA-RS, moro em Gravataí, cidade vizinha, pago pedágio(ida e volta) todo dia em meio ao deslocamento e não é fácil, mas não tenho como ir de ônibus nesse caso, infelizmente.

              • danielgermano lopesmoreira

                Realmente !! . Tem que colocar tudo na ponta do lápis mesmo , mas deixar de comprar hj ou futuramente um carrinho não mesmo . Um carro para o final de semana ou viagem é bom de mais !!. E não ficar dependo das pessoas para levar e buscar é melhor ainda kkkkk

                • Bruno Wendel Marcolino

                  claro que é bom ter um carro, ele te dará prazer e certa mordomia, mas antes de adquirir tem que ver se tem condições de sustentar esse “filho”.

                  Meu primeiro carro foi um Corsa Super 98 1.0, carro não dava manutenção, adquiri ele em 2011, mas eu sei que se andasse como hoje certamente a manutenção ia ser forte, já que um carro mais antigo tende a ter alguns problemas maiores, já que não sei como os “30” donos anteriores cuidavam. Enfim, da uma saudade nostalgica, pois mesmo sendo peladaço foi meu primeiro carro e sempre será.

                  Abs.

                  • danielgermano lopesmoreira

                    Verdade !! . Quando eu comprar vou colocar tudo na ponta do lápis sobre os gastos etc . Vc falando sobre o primeiro carro , o meu pai tbm fica assim . O primeiro carro dele foi o 147 Racing, que hj é super raridade mas o meu fundiu o motor de tanto desce a lenha kkk .

  • Cyro

    NA PRÁTICA = CARTEL = SEM REPASSE AO CONSUMIDOR = MONTADORAS EMBOLSANDO

    • Montadoras embolsando? Você entendeu a notícia? Leu pelo menos?

    • Junoba

      Na verdade é a CSS que estaria embolsando.

  • Adriano

    Pode beneficiar o consumidor? Se estivessem preocupado com isso não teria carro dando 27% de lucro a ccs. Essa piada ai é igual o tal do IPI.

    • Lucas

      27% de lucro a CCS? E a montadora fica com quanto? Pq meu Fusion custou 110mil e foram 48mil de imposto. Se só a CCS ficam com 27%, sobram 32mil reais pra dividir entre transporte, custo de operação e lucro da fábrica. O carro é fabricado por 5mil reais é? Só pode.

      • Adriano

        Eu disse que tem carro dando isso, não generalizei, como leitor do NA vc deveria saber disso, afinal veiculou.

        • Wilian

          Queria ver o carro que deu isso de lucro, ia dar os parabéns ao vendedor. Hoje pra concessionária ganhar 10% “limpo” já é praticamente impossível. Agora a fábrica pode ser que ganhe isso, mas calcular custo é mt difícil pra dizer o lucro unitário, pq tem o P&D, ferramentaria, etc… Ou seja, quanto mais unidades se vende, menor costuma ser o custo unitário. Então só depois de anos é que se pode concluir quanto cada carro efetivamente “deu de lucro”. Já a Css paga cerca de 15% a 20% a menos que o valor de revenda, mas tem q se ratear os custos mensais da Css mais os custos por venda (comissão, benefícios concedidos, custo do capital investido dependendo de quanto tempo o carro tá no estoque, etc). E para se ganhar mais de R$3000,00 limpo em cima de um seminovo tbm é muito difícil, sem falar na garantia q sempre pode voltar e no caso do seminovo é arcado pela Css. Pessoal vilanisa demais. As fábricas deveriam ganhar menos, mas as Css sofrem com a concorrência, então o próprio mercado as regulam. As montadoras é que parecem que estão num Cartel.

        • Qual carro? De onde tirou essa informação?

  • V12 for life

    Talvez aquela lojinha minúscula que tem 4ou 5 carros repasse isso, as css duvido.

  • GCR

    Parei de ler quando falou de repassar desconto ao consumidor…

    • Luiz

      Hahaha foi exatamente o que pensei.

  • Rodrigo

    Daí pra vender para a loja: 30% abaixo da tabela FIPE, mais R$200 da vistoria naquelas empresas que fuçam toda a vida pregressa do seu carro, etc. No fim a economia acaba indo para o vinagre.

  • ARENANB

    Mais uma oportunidade de lucro ainda maior pra eles.

  • Vattt

    Repassar??? Lojista só não tira sangue de consumidor porque não é hospital!!!

    • Hiboria

      Quem vai ditar a regra é o mercado, basta 1 lojista repassar em uma região que os outros terão que seguir. (ou cravar o danado na bala :-P)

      • Lucas

        Mais fácil a segunda opção kkkk

        • Luiz

          Fácil não, é mais provável

    • Wilian

      Claro, pq vc trabalha por filantropia imagino eu? Procure a loja que cobre menos. O mercado hoje é amplo, pode pesquisar quem “tira menos seu sangue”.

      • Vattt

        Não sei porque falar de filantropia. Vida reprimida no mundo real!?!
        Mas concordo e compartilho com você, quando fala em procurar quem “tira menos meu sangue”. Prefiro esquecer sua primeira parte do texto.
        Atirar menos pedras e compartilhar boas idéias, já é um bom ato de filantropia.

  • Marcello Caetano

    O mais importante é que simplifica a aquisição do veículo pelos revendedores. Muito boa essa medida.

  • Louis

    Não vai ser por causa disso que vou animar a trocar meu carro. Chupa desgoverno, tá quebradim, adora não dá mais pra esconder!
    A conta chegou.

    • beto

      Enquanto vc manda um “chupa governo” quem paga a conta é vc.

      • Louis

        Pago sim, não tem como escapar… Mas não troco de carro porque não quero dar milhares de R$$ de mão beijada para o desgoverno. Aliás, quem mais vai pagar a conta são os mais pobres.
        E parte do que pago está voltando em forma de juros que o desgoverno vai ter que me pagar KKKK 14% a.a., tá razoável KKK

  • mariostefa

    Até papai noel e o saci perere, acreditaram kkkkkkk

  • PrGirafales

    cartorios reclamando em 3,2,1 …..

  • Mr MR8

    Sem contar que, além dessa despesa desnecessária, pra vender um carro usado, vc perde uma manhã inteira na fila do cartório. Só no Brasil!!!

  • jrgarde

    Com certeza irão repassar a economia para o consumidor, o Papai Noel me disse!

  • Antonio Falm

    Tinha é que acabar com essa história de cartórios. Ô atraso para o país!

  • Romulo Moreira

    Huahsuahuahs