Home Manutenção Revise o Seu Carro: Líquido de Arrefecimento




Promovido pelo Notícias Automotivas, vamos orientar você para que revise o seu carro de uma maneira simples e descomplicada. Essa orientação tem por objetivo fazer com que você entenda melhor o seu veículo, e que antes de qualquer viagem você mesmo verifique a situação de seu veículo.

Hoje vamos falar sobre o Líquido de Arrefecimento, a sua importância, como verificar o nível e também como verificar a temperatura no painel de instrumentos.

Na maioria dos carros você observará que há um reservatório de água, com exceção de alguns veículos. A cor característica na maioria das vezes é rosa, mas pode-se encontrar também o líquido na cor verde.

O líquido de arrefecimento tem por função arrefecer o motor, ou seja, mantê-lo na temperatura de trabalho ideal, que no caso é 90 °C. Se a água passar dos 100 °C evaporará, e a alta temperatura fundirá o motor. Portanto o líquido de arrefecimento evita a ebulição precoce da água e também evita o congelamento da água.

É importante que você sempre mantenha o líquido de arrefecimento no nível do reservatório, entre o mínimo e o máximo. Se ficar acima da marca máxima, haverá uma sobre pressão no sistema de arrefecimento, e se você deixar abaixo do nível, elevará a temperatura do motor, que fundirá o mesmo.

O líquido de arrefecimento é caracterizado por ser “Long Life”, ou seja, “nunca precisará ser substituído”. Mas com o tempo o líquido de arrefecimento vai sujando, devido aos minerais da água. Um conselho que dou é substituir o líquido de arrefecimento do sistema completo a cada 2 anos ou 40.000 km.

A proporção correta do líquido de arrefecimento você encontrará no manual do seu veículo. Caso você não tenha o manual, você poderá colocar na seguinte proporção: mínimo de 40% de aditivo do líquido de arrefecimento e 60% de água, ou no máximo 60% de aditivo do líquido de arrefecimento e 40% de água. Para equilibrar coloque 50% cada. Para saber a proporção correta, ao esgotar toda a água do sistema de arrefecimento, veja quantos litros de água circula no sistema. Assim você terá uma base para fazer o cálculo. Ao colocar o aditivo do líquido de arrefecimento, sempre coloque da mesma marca, para não misturar o composto químico.

Caso você preciso completar a água do líquido de arrefecimento, sempre que possível coloque água destilada, porque a água destilada não contém os sais minerais que enferrujam o líquido do sistema de arrefecimento, e ainda cria crostas que podem entupir os dutos do sistema de arrefecimento, podendo nesse caso fundir o motor.

Se precisar abrir a tampa do reservatório do líquido de arrefecimento, abra apenas quando o motor estiver frio, pois com o motor quente a pressão é grande, e ao abrir a tampa poderá espirrar água e queimar quem estiver por perto. Cada veículo possui um design diferente do reservatório. Ao fechar, verifique se está bem vedado.

Naturalmente, com o tempo, o líquido de arrefecimento vai abaixando o nível. Isso é normal. Porém, se estiver muito abaixo do nível mínimo, depois de ter completado recentemente, pode haver vazamentos, ou passando pela junta do cabeçote. Nesse caso leve imediatamente a um mecânico e fique atento ao marcador de temperatura.

Caso não haja água destilada por perto para completar o nível, coloque água filtrada, pois terá impurezas reduzidas e não contaminará o sistema de arrefecimento.

Nos veículos que contém marcador de temperatura analógico, a escala poderá variar de 50 a 130 °C. O líquido de arrefecimento trabalhará sempre na faixa dos 90 °C, podendo variar conforme a altitude que você estiver. Se o ponteiro passar dos 90 °C fique atento. Pare em um lugar seguro, desligue o motor, espere esfriar um pouco. Prossiga sua viagem até um mecânico mais próximo e verifique o que está acontecendo. Se você prosseguir com temperatura alta por muito tempo poderá fundir o motor, e causar prejuízos maiores.

Espero que você tenha entendido com clareza. Não quis fazer uma abordagem muito técnica, e tentei expressar de maneira simples.

Qualquer dúvida ou sugestão entre em contato com o NA. Até a próxima.

Fique atento ao seu carro.

Vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=z5JrpzhpJoQ



Se você não está vendo os comentários, desabilite extensões do tipo Adblock (que impedem a exibição dos comentários), ou adicione nosso site como exceção.