_Destaque Japão Suzuki

Suzuki admite irregularidades em testes de emissões no Japão

suzuki baleno s 2016

Outra montadora acaba de se declarar envolvida em fraudes de emissões de poluentes. Desta vez, a japonesa Suzuki Motor admitiu que os níveis de emissão e consumo de seus 16 modelos vendidos atualmente no Japão foram medidos com métodos não homologados. Todavia, a marca insistiu em dizer eu os novos testes não mostraram nenhuma necessidade de alterar os dados.

Ao analisar o processo de medição, a Suzuki detectou o problema. Em vez de submeter os veículos a testes em movimento, a marca obteve os dados a partir de componentes individuais durante a laminagem, testes de resistência e testes de resistência do ar em tuneis de vento.

Além disso, parte do problema deve-se a localização do campo de provas da Suzuki, no topo de uma colina, nas proximidades do mar. As condições do tempo, em especial o vento, são capazes de afetar os resultados dos testes.

“Qualquer irregularidade, tais como manipulação de dados de eficiência de combustível, não foram encontradas”, disse o divulgado da fabricante. Esse método de teste vem sido usado pela Suzuki desde de 2010 e aproximadamente 2,1 milhões de veículos foram afetados.

A respeito da relação entre o método de teste exigido pelo governo e o usado pela Suzuki, a empresa declarou que “algumas discrepâncias foram encontradas nos processos de testes de emissões de automóveis e consumo de combustível”, mas acredita que se trata de algo pequeno, que não deve apresentar um problema significativo.

A lista de modelos envolvidos inclui o Alto, Alto Lapin, Wagon R, Hustler, Spacia, Every, Carry, Jimny, Solio, Ignis, Baleno, SX4 S-Cross, Swift, Escudo e Jimny Sierra.

Após o divulgado, as ações da Suzuki caíram em até 15%, mas parte já foi recuperada, mostrando uma queda de 9 por cento, chegando a 2.613 ienes. Trata-se da maior queda única no preço das ações da empresa em sete anos.





  • Pedro Henrique

    “adulteração de testes”
    eu não diria isso, apenas métodos diferentes de homologação, adulteração seria pegar o teste (de qualquer tipo de método) e adulterar os números ou colocar algum equipamento que adultere os números do motor (caso vw)
    é pra isso que serve os “testes de homologação do governo” que é pra por todo mundo no mesmo saco, no mesmo teste e aí o consumidor ver a diferença dos motores em condições idênticas, mas não necessariamente o carro vai se comportar igual ao teste do governo dado que o consumidor pode estar utilizando o veículo em condições diferentes.

    • Pacheco

      Concordo… esse não foi adulterado e sim dentro de metodos diferente. O da VW sim adulterava o sistema do carro e realmente era sacanagem.

      • th!nk.t4nk

        Aham, então vou fazer o teste num dia em que estiver soprando um bom vento a favor, e aí vou dizer que não tenho culpa alguma porque “simplesmente o método que usei é diferente”. Tá certinho mesmo :) Não tem a ver com o método, e sim com o quão conveniente os testes realizados nessas condições eram pra montadora. Se valer tudo, então daqui a pouco vai ter montadora testando carro no vácuo, e tá tudo beleza.

        • Pacheco

          Então… é exatamente isso que está errado. Ela usar condições climaticas, tecnologia exclusiva e até um dado errado para obter resultados.
          Vc pega um carro e testa ele no nivel do mar e depois testa ele em Campos do Jordão e vai sentir a diferença.

    • celso

      Manchete sensacionalista.

    • ViniciusVS

      Método diferente sem base que favorecem seus modelos ou será que ninguém pensou em tudo antes? Se fossem parâmetros prejudiciais será que seria o método utilizado? pois é.

      Não preciso criar um software para fraudar, se eu usar um método com condições surreais por exemplo consigo um falso resultado de carro “perfeito”

      Seja grande ou pequena a diferença a montadora é responsável pelos dados divulgados

      • Pedro Henrique

        vamos supor que a fiat usa um método, a vw outro.
        digamos que ambos deem números diferentes do divulgado pelo teste do gov. foi adulteração? NÃO! foi apenas métodos diferentes realizados nos testes (talvez um em local mais alto ou com vento a favor…)
        como o consumidor vai saber a diferença deles? pra não ser levado pela diferença dos testes, que existem os testes do governo (tanto é que não é proibido as montadoras exibirem os seus testes) pra que sejam avaliados em condições idênticas e o consumidor ver a diferença deles nessas condições, não que se o cara comprar o carro vai da oque os números do gov. ou das montadoras deu.. isso é muito relativo.
        a adulteração esta em pegar o resultado do teste (de qualquer tipo, em qualquer condição)e mudar os números dele ou como no caso da vw, um equipamento que identificava o teste e aí mudava parâmetros do carro ESPECÍFICOS PARA O TESTE, ou seja, independente do tipo de teste realizado (em altitude ou a favor do vento)
        as montadoras sempre vão tentar realizar testes nas condições mais favoráveis possíveis.
        o governo vai realizar os testes sempre idênticos, independente da condição ser favorável a um ou outro.
        mas, desde que sejam esclarecidos os métodos de avaliação(pressão do ar, temperatura, velocidade do vento, umidade relativa, inclinação, bla bla bla…), eu não vejo problema algum em diferentes tipos de testes.

        • Ah, mas isso é jeitinho brasileiro. Nao é adulteração como voce disse, mas é sacanagem. Igual a Fiat que testa a velocidade de 0 a 100 numa ladeira morro a baixo. kkkkk. Pior mesmo é a Peugeot, cada ano o 308 ganhava forças divinas, e chegou a ser anunciado o 0 a 100 em 8,9s no motor aspirado. Ahan, sei !!

          • Pedro Henrique

            se é socialmente aceito é outra história…
            vai do consumidor interpretar o resultado da maneira que quiser
            é tipo as letrinhas miúdas, o desatento que não lê, só bate o olho, vai ficar irritado por ser “feito de bobo” kkkkkk

            • Edson Fernandes

              O problema é que cada fabricante faz o teste por si só e ninguem acaba sabendo se há ou não interesse em mascarar os dados. Ainda que, não se trate nesse caso de software adulterador.

  • CanalhaRS

    Coincidência (ou não), parte das ações da suzuki pertenciam a VW.

  • V12 for life

    Passa boi passa boiada, a VW pelo jeito só puxou a fila.

    • Pacheco

      Olha… que puxou a fila eu não duvido. Mas igual a safadeza que ela fez, nenhuma conseguiu. KKKKK

      • Então devia estudar sobre chumbo na gasolina.

        • Pacheco

          Não entendi.

          • Você não sabe quem é Clair Patterson, correto? E se eu disser que o maior escândalo de poluição de um fabricante de carros não é da VW, mas de uma marca americana?

            • FocusMan

              Lead free Gas forever!

            • Pacheco

              Olha… esse caso eu não ouvi falar. Sinceramente não sei. Se houve uma maior que essa da VW, a empresa merece as trevas viu.

              • Heheh… Se soubesse como morreu o fundador da Renault e o que aconteceu com o filho de Ford então…
                Vamos dizer assim: A falta de ética da VW é fora de questão. Isso não tem que ser discutido e a empresa tem que ser condenada. Segundo ponto: Poluição mata. Quantos a atitude da VW matou? Difícil de dizer. Milhares de pessoas? Centenas? Uma, nenhuma? Bom, a VW matou com certeza menos que as inocentes vaquinhas que cedem o couro para seus bancos, que nós comemos nos churrascos…. Menos que os aviões que levam seus executivos…
                Já essa americana não… Mortes diretas comprovadas… Processo que acabou com a vida de um cientista (Aliás, sabia que muitos creditam a derrocada do império romano ao uso de chumbo nos seus encanamentos de água? Pior que eles sabiam o perigo do uso do metal, mas não se sabe porque insistiam em seu uso. E é por isso que Encanador é plumber em inglês) e danos gravíssimos para natureza. Acredite, perto disso o que a VW fez foi só uma mal criação.
                E não, a empresa quase foi as trevas, mas o governo do seu país a salvou (De novo, diga-se) e segundo Bill Gates é a maior empresa da história. É a General Motors, representada em nosso território pela Chevrolet.

                • Pacheco

                  Olha… não sabia. Obrigado pela aula. Parece que já existiram coisas muito piores na industria.

                  • Não só na indústria automobilística. A própria VW mesmo começou com apoio de Hitler. Mas aí há de se considerar que ela era uma empresa alemã que estava recebendo uma ajuda estatal para oferecer seus produtos ao exército e população. Já a Ford e a Renault alegam que suas plantas foram invadidas pelo nazistas que assumiram o controle das mesmas. Pois é, nem só Monsantos são vidraças hoje…

                    • Pacheco

                      Sim, a história de todo grupo VW é baseado no Nazismo. O proprio Fusca é um pedido pessoal ao Porsche. Existem fotos da apresentação do modelo ao Hitler.

                    • Eu não diria baseado no nazismo. Ela era uma fornecedora do exército alemão, como empresa alemã que era. Tentando traçar um paralelo, imagine que você faça uniformes profissionais. De repente recebe um projeto do governo, uma grana violenta do governo federal para fazer uniformes de soldados. Você faz, e com eles teme veste um exército que resolve invadir e escravizar a Bolívia alegando que os Aimarás são inferiores aos brasileiros. O que você fez foi fornecer seu produto à um cliente, foi pago por ele e ele disse como queria o produto. Para você ter uma idéia, se vende VW em Israel. Bem, surgida do Nazismo foram as 4 empresas que vieram do ministério da ciência Nazista (Bayer, Basf e.. Ajuda aí gente!), que fizeram e fazem muitos produtos que consumimos hoje. E que custaram milhões de vidas.

                    • Pacheco

                      Sim, vc entendeu quando eu disse que ela foi um grande fornecedor, mas não culpado pelos atos terriveis que eles comenteram.

      • V12 for life

        Ainda. Não duvido de mais nada.

  • edgar__rj

    As ações caem, a Renault-Nissan vai lá e compra umas cotas, assim como fez com a Mitsubishi…

  • Gilberto Silva

    Gente, nenhum brasuca cheio de $$$$ para comprar uma dessas e embarcar tecnologia para termos uma montadora brasileira??? e a pergunta que não vai parar, e agora quem irá comprar Nissan e Suzuki? e todas as outras que também adulteram mas ainda não assumiram???

    Aliás isso abre um ponto interessante de reflexão, o Japão só é quem é hoje, muito por isso, se fizeram errado, ao menos estão assumindo o erro, (Exceto Nissan que nega), as outras da Europa estão caladinhas esperando o barco afundar e então ganharem prazo pra pagar possíveis multas e afins, lamentável !!

    • carroair33

      A NISSAN ja
      pertence ao grupo RENAULT comoasim quem vai comprar a NISSAN?

    • Louis

      Chama o Eike, aquele que disse que passaria o Carlos Slim no ranking mundial de fortunas KKKK

    • Deadlock

      Montadora brasileira? Os primeiros a detonarem serão os próprios brasileiros, inclusive os políticos. Alguém confia em algo nacional? Eu não confio. A malemolência do povo brasileiro não pode ser exaltada porque não é produtivo.

  • Cidadão

    Até os japas estão com essa picaretagem?! Será que algum executivo vai enfiar a katana na barriga?

  • Doccar

    Mais uma…agora sera uma por semana..

    • Danilo

      Não leu o texto? a suzuki Não adulterou/manipulou nada, ela fez a homologação de uma forma não oficial, é o mesmo que fazer um teste de consumo subindo a serra e outro descendo a serra, os dois estes estarão certos mas o resultado será diferente pelas condições do teste, foi o que aconteceu com a suzuki, o titulo da matéria é sensacionalista.

      • thi

        Estao diga a susuki que ela foi bist@ pq suas ações caíram

        • Danilo

          Consequência apenas, mas não foi feito nada de ilegal, não nesse caso em questão

  • FocusMan

    O Título da matéria está errado e injusto com a Suzuki.

    Adulteração é mostrar resultados diferentes do obtidos. Pelo que entendi a Suzuki fez as medições seguindo uma norma errada e por isso não podem ser acreditados como corretos.

    Após novos testes, seguindo a metodologia correta, fizeram a re- homologação.

    • Edson Fernandes

      Já fizeram?

  • Diogo Oliveira

    Parece que virou Modinha adulterar tudo, daqui a pouco vai aparecer ”Chevrolet Brasil é acusada de Manipular Crash Test”

    • Danilo

      Não leu o texto? a suzuki Não adulterou/manipulou nada, ela fez a homologação de uma forma não oficial, é o mesmo que fazer um teste de consumo subindo a serra e outro descendo a serra, os dois estes estarão certos mas o resultado será diferente pelas condições do teste, foi o que aconteceu com a suzuki, o titulo da matéria é sensacionalista

  • Airplane

    Xi, mais uma !
    Será que a Nissan vai comprar também ?

  • thi

    Está bem claro : a Suzuki admitiu fraude ! … Nao atoa suas acoes ja cairam . Se a VW fez um chip , prova q foi ” mais ” inteligente . se ela não adulterou nada no motor OK ,mas fez meios pra enganar TB nos testes .



Send this to friend