Governamental/Legal Veículos Comerciais

Taxistas terão novas normas de conduta em São Paulo

prius-sp

Foi publicada no Diário Oficial do município de São Paulo, no último dia 18, uma portaria com novas normas de conduta para taxistas, criando assim um curso de etiqueta para os condutores profissionais, a fim de recepcionarem melhor seus clientes.

Os taxistas terão aulas de higiene, discas de conforto para o passageiro e postura no serviço. A ideia é evitar que os condutores se comportem de forma inadequada na presença dos clientes, por exemplo, evitar piadas constrangedoras, não falar palavrões, não praticar atos de preconceito ou outras situações que possam incomodar os passageiros.

As novas normas de conduta estimulam o taxista a recepcionar o passageiro com “alegria e otimismo”. A portaria ainda recomenda que o motorista fique em silêncio, manifestando-se apenas quando o passageiro puxar conversa, mas limitando-se no assunto que ele abordou.

Caso queira conversar, o condutor também deve limitar-se, nesse caso, abordando apenas o trajeto ou pontos turísticos. Falar sobre religião, politica, comportamentos pessoais, esporte, problemas pessoais ou da categoria deve ser evitado. A conduta dos taxistas será inspecionada pela prefeitura em vistorias e haverá multas para o não cumprimento.

chevrolet-cobalt-avaliacao-interior-34

Higiene

As novas normas de conduta dos taxistas não falam apenas do comportamento, mas também da aparência e higiene. A portaria proíbe o uso de bermudas, tênis, chapéu e camiseta regata. O permitido é um visual social ou esporte chique, que no caso inclui calça jeans, camisa social, sapato social ou sapatênis.

Barba e cabelo devem estar arrumados e as unhas limpas. Além disso, a higiene pessoal deverá ser acompanhada de uma boa limpeza do veículo, que não poderá ter odores de cigarro, suor, bebida alcoólica ou perfume forte. Para ampliar os negócios, os taxistas serão obrigados a portar máquinas para pagamento eletrônico a partir de março de 2016, bem como terão aulas de como utilizar aplicativos de smartphone e dispositivos Wi-Fi.

No caso dos carros, todos serão obrigados a ter ar condicionado, direção hidráulica ou elétrica e freios ABS. Até mesmo o tamanho dos veículos será regulamentada para os táxis comuns. A largura mínima será de 1,65 m e o entre-eixos não pode ser menor que 2,45 m. Ou seja, alguns modelos ficarão fora do serviço.

Mas a alteração só será obrigatória para quem trocar de veículo após a entrada em vigor da nova lei. Caso contrário, continuam utilizando os carros atuais. A portaria deve entrar em vigor em 90 dias. A lei é válida para os taxistas atuais e para quem quer obter o Condutax, que é a licença para trabalhar. O curso para taxista vai subir de 32 para 46 horas/aula e atualmente custa R$ 200.

[Fonte: Folha]

Agradecimentos ao Daniel Caldeira.





  • Alexandre

    Precisou o Uber para pensarem nisto. Eita Brasil!

    • Pacheco

      Pois é… foi o Uber aparecer para começar a mudar/exigir um monte de coisas dos Taxistas.

      Uma coisa que reduziu absurdos foi os ataques ao Uber… eles finalmente entenderam que atacar, protestar e tentar impedir, só dava mais marketing ao Uber e consequentemente aumentava o faturamento da empresa/motoristas.

      • Cyro

        Eu por exemplo, tomei partido contra os taxistas… sempre que posso evito usar esse “des”serviço.

        • Pacheco

          Eu tbm… acredito que o Uber nunca vai eliminar o Taxi e sim melhorar a qualidade e retirar os pessimos profissionais e reduzir o poder das mafias.

          Por ex… o motorista que usava carro de frota e pagava aquela taxa abusiva diariamente, percebeu que no Uber ele tem mais flexibilidade e alem de tudo ganhos mais solidos.
          E são essas mafias que sairam para o ataque, porem entenderam que destruiram a imagem dos taxistas e melhoraram do Uber.

        • Henrique

          Eu também evito usar o desserviço dos taxistas aqui.

    • Pedro Rocha

      “Viva a concorrência!” = “Fora PT!”

  • Luis_Zo

    Ótima iniciativa. A unica coisa que o poder publico ainda não entende é que sua eficiência de cumprir com a sua contraparte no médio prazo é muito pequena.

    Leia-se, “A conduta dos taxistas será inspecionada pela prefeitura em vistorias e haverá multas para o não cumprimento”. Grande chance de funcionar pra inglês ver, no curto prazo, e depois desandar.

    Nesse sentido a tecnologia (leia-se uber) é muito mais eficiente.

    Mas novamente, ótima iniciativa, há espaço pros dois serviços, confirmado inclusive pela pesquisa do CADE em que mostrou que o uber não afetou o mercado de taxis, somente criou um novo nicho de mercado.

    • Pacheco

      Claro que não mexeu… qm usa Taxi diariamente já tem seu motorista de confiança e um contrato (paga por mês, tem o telefone pessoal do cara e confia).
      Quem usa os aplicativos exporadicamente, não é perfil que migra para o Uber.

      O Uber abriu uma nova categoria… acredito mais ter feito muito motorista particular ser demitido… o fizeram eles migrar para o Uber usando um veiculo que já possuiam (UberX aceita sedans populares fora da cor preta).

      • Luis_Zo

        Pacheco, apos o estudo que ficou claro… antes ainda era muito cedo pra afirmar, apesar de tudo indicar que seria isso mesmo.

        Eu mesmo uso taxi constantemente tanto pra uso pessoal quanto da empresa, mas não tenho fidelidade com nenhum motorista. Prefiro a comodidade/disponibilidade imediata, e as vezes pago o preço por isso (carros ruins ou motoristas menos educados que eu gostaria).

        Assim que vier uber aqui pra Recife vou ser usuário com certeza, pois a qualidade é regulada pelo mercado, não pelo estado. Assim ainda vou ter a comodidade/disponibilidade mas com garantia de qualidade (mesmo que pague mais caro por isso).

        Tem uma ressalva, do estudo do Uber vale a conclusão pra categoria Black. Ja pro uber “mais barato” ainda não se tem estudos suficiente pra afirmar se ele esta substituindo ou abrindo mais um nicho.

        • Pacheco

          Eu concordo contigo… Vc faz parte daquele pequeno grupo que migrou.
          O UberX em SP sai menos do que o Black, até pq o preço do Black é proximo dos Taxis.

          Porem acredito que em breve o UberX deve ganhar cada vez mais adeptos e consequentemente se transformar numa opção viavel a todos.

      • Mayck Colares

        Eu e vários amigos usavamos os aplicativos de táxi esporadicamente (uns usavam aplicativos diferentes dos outros) e TODOS mudamos pro Uber. Eu inclusive passei a usar mais Uber do que usava o taxi.

    • Rodrigo Monteiro

      Só para ingles ver, nunca vai funcionar…

      Motorista te atende mal:

      Caso do taxi: Voce nao é fiscal da preifeitura e nao pode fazer nada, Voce nao sabe com quem reclamar, nao tem telefone, liga na central ninguem se importa, muita burocracia.

      Caso do uber: Manda uma nota ruim pelo proprio aplicativo, instantaneamente a empresa toma uma acao, te liga e faz tudo funcionar.

      • Henrique

        Concordo, o UBER é bem melhor

      • Pacheco

        Nem mesmo os aplicativos de táxi te exigem uma nota ou simples avaliação do taxista.

        No Uber alem de avaliar o carro/motorista, eles tbm te avaliam. Ate pq o Uber quer pessoas pra ganhar e não pra causar e atrapalhar.

    • Pedro Rocha

      Já faz tempo que não vou a São Paulo/SP, mas da última vez que fui aprendi com um taxista muitas piadas “politicamente incorretas”. No Rio eu nunca vi isso, porque aqui é o centro irradiador do preconceito “politicamente correto” e não faltaria um maconheiro da UFRJ ou da UERJ para fazer video escondido, denunciar o cara, fazer protesto na casa dele e ameaças de morte.

      Ser taxista é uma profissão e por isso o condutor deve ter compostura e respeito para atender a todos. Táxi limpo, discrição e cumprimento rigoroso das leis de trânsito é o mínimo que se espera de um profissional.

      • Luis_Zo

        Olha, concordo com o que tu falou no segundo paragrafo e acrescentaria que isso é valido pra qualquer profissão…

  • Eduardo Brito

    O que o Uber não faz heim?

    • Pacheco

      Isso por que nem chegou os concorrentes dele ainda.

    • Pedro Rocha

      Mais do que isso: o quê a concorrência não faz!

  • CorsarioViajante

    AChei legal, mas não entendi, esta portaria é um manual ou terão cursos presenciais e tal? Porque se for só um texto vai ser letra morta, até porque a coisa mais comum é o “dono da licença” do táxi terceirizar.
    Seria bacana que os taxistas tivessem que ter aulas conscientizando destes assuntos e depois provas práticas e tal, ou mesmo que houvesse uma fiscalização mais intensa.
    De qualquer forma, é uma iniciativa muito necessária para padronizar o péssimo e muitas vezes amador serviço de táxi.

    • Pacheco

      O problema do Taxi são com as mafias e aqueles que entram pra simplismente ter um trabalho.

      Tem muito taxista trabalhador que aluga o Alvará, acorda cedo e trata bem o cliente.

      Eu ja atravessei SP de táxi de qualidade e ja peguei taxista safado tbm.

      O Uber tem a vantagem de eliminar os ruins por causa das notas.
      Se o motorista tiver media abaixo de 4,5 ele perde dinheiro e pode ser eliminado.

  • Macro

    Ah, a maravilha da competição.

  • Felipe Rezende

    Efeito Uber…

  • duhehe

    Quanto ao comportamento só digo que lei para afirmar o obvio é coisa de brasil.
    Acho bom a definição de tamanho minimo do veiculo.
    Esses taxistas que compram Classic e Siena para taxi é o fim da picada, tem que proibir mesmo.

    • Pacheco

      É q muito taxista só olha o custo do carro e esquece que ele é seu meio de trabalho e qnto maior, melhor.

    • “Perguntador”

      No interior do RS já vi em Ford Ka modelo antigo, duas portas, emplacado e identificado como táxi, Classic e Siena são luxos… kkkkk

  • Pedro Henrique

    nem precisava de curso pra saber se portar diante de um cliente…
    isso é bom senso.

    • Henrique

      Pedro, concordo com você.
      Infelizmente, pela que muitos taxistas fizeram, atacando o UBER, e, até o clientes do serviço, o bom senso é algo raro entre os “profissionais” desta área.

  • BorisAWD

    Pra que tanta regulamentação?

  • Magnus Lincoln

    bermuda,regata e chapéu sempre foi proibido . Fumar dentro de taxi idem .

    • Pacheco

      Bermuda e regata é raro de ver… Mas boné é comum.

    • sepchampions

      Eu peguei um taxi que o cara era fumante e fumava dentro do carro( não comigo mas provavelmente sem clientes sim) e isso faz o carro ficar fedendo.

  • João Cagnoni

    Tarde demais… Tenho usado o Uber até no lugar do meu próprio carro, pois aqui em SP os estacionamentos estão viabilizando isso.

  • pedro rt

    por melhor q fique o serviço ainda nao e pareo para o UBER, kd o direito de escolha do consumidor? monopolio de um serviço ao consumidor deveria ser CRIME