Toyota RAV4 tem 11,1 mil unidades envolvidas em recall

23/02/2016

toyota rav4 2006

A Toyota anunciou nesta semana um recall para 11.184 unidades do RAV4 no Brasil. De acordo com a marca, 11.184 unidades do utilitário-esportiva estão envolvidas no chamado, produzidas entre 2 agosto de 2005 e 6 de agosto de 2012, devido a um problema que afeta os cintos de segurança laterais traseiros, de três pontas.

Os modelos envolvidos, devido ao formato da estrutura metálica do assento traseiro do veículo, em uma colisão severa, principalmente na direção frontal, podem apresentar a possibilidade do rompimento do cinto de segurança, em razão do contato com a estrutura. Tal defeito pode oferecer risco de lesões físicas gravas ou até mesmo fatais aos ocupantes do veículo.

Para reparar as unidades do RAV4, a Toyota vai instalar uma capa plástica protetora em cada uma das laterais da estrutura metálica do assento traseiro do carro, a fim de evitar o contato com o cinto de segurança. O serviço será realizado mediante agendamento nas concessionárias da marca a partir do dia 31 de março de 2016. Mais informações poderão ser obtidas pelo telefone 0800 703 0206 ou pelo site www.toyota.com.br.

Confira os códigos alfanuméricos e os chassis envolvidos do Toyota RAV4:

JTMBD31V – de 5005722 a 5297276
JTMZD31V – de 5164460 a 5239926









  • Zé Mundico

    Mês passado estive vendo um RAV4 2010 cujo proprietário pedia 55 mil. Super conservado, com apenas 56 mil km rodados. Fiquei até tentado a comprar, mas o alto consumo ( por volta de 8 km/l na gasolina na cidade) e o câmbio automático de apenas 4 velocidades me fez baixar a bola. Mas ainda estou com o telefone dele aqui.

    • Lucas Irrthum

      É um ótimo carro, dificilmente se arrependerá da compra. Quanto ao câmbio, apesar de ter apenas 4 marchas, é muito bem escalonado, não obstante o tempo que a Toyota equipou seus modelos com esta transmissão.

    • Louis

      Achei meio caro para um carro com 6 anos de uso, mas não sei se este é o valor de mercado…

    • Esse carro ainda é atual no Japao. 0km.

    • Darwin Luis Hardt

      ano passado vi uma rav do mesmo tipo só que era ano 2008 e custava 40 ou 45 mil, deu vontade de comprar mesmo… só nao troquei porque não tinha dinheiro na época. Mas li que é um carro bem bom, o câmbio é excelente além de velho e não é tão beberrão assim, parece que em média ele faz 10,5km/l (cidade e estrada). Coisa normal de um suv compacto hoje em dia, só que sem motor 2.0 e qualidade toyota

  • Lucas Irrthum

    A Toyota tem se envolvido em diversos recall’s nos últimos tempos. Já perdi as contas de quantas vezes li matérias aqui no NA, avisando os proprietários sobre o chamado da montadora.

    • Rodrigo

      Acho que a questão tem de ser vista sob um ângulo diferente.
      Desde os mega-recalls de Toyota e GM em 2008 e 2012 (acho), vejo que as montadoras como um todo têm se preocupado mais na correção de falhas pós-produção. Tanto que quase toda semana temos anúncio de recall de uma montadora (algumas mais, como a Chevrolet). Por um lado isso é positivo pois demonstra compromisso em sanar um determinado vício de produto ou de processo (será que antes existia esse compromisso?), por outro fica a preocupação com relação àquelas montadoras que não fazem (tanto) recall: não fazem porque efetivamente não precisam ou porque não foram capazes de detectar? Essa resposta só quem tem é a própria montadora.
      De qualquer forma, lembro-me de ter lido já há algum tempo que os proprietários de veículos envolvidos em recall não conseguiriam fazer o licenciamento ou transferência de propriedade caso não houvessem submetido seus carros ao procedimento. Sabe se isso já virou lei?

      • Lucas Irrthum

        Até onde tenho conhecimento, essa lei ainda não existe. Teria que ser criada uma forma para o proprietário comprovar que fez o recall, menos burocrática possível. Quanto aos recall’s, também vejo como ponto positivo a preocupação que a montadora tem em corrigir falhas, principalmente de modelos que já nem se encontram mais em linha. Vale lembrar do “recall branco”, que é feito sem que o consumidor saiba, durante as revisões na autorizada, por exemplo. Essa prática é comum, e apenas os funcionários têm conhecimento.

  • SOS-amazonia

    RAV 4 hibrida nos EUA vende bem,na europa não
    todas montadoras tem air bag takata,inclusive ford,gm,fiat e volks