Home Etc Usar silicone nos plásticos e partes pretas do carro resseca os componentes?

silicone automotivo 3m Usar silicone nos plásticos e partes pretas do carro resseca os componentes?




Antes de mais nada, uma pequena explicação sobre os silicones. Os silicones são polímeros formados por um núcleo de silício. Pela variação no tamanho da cadeia, podemos manipular as características do material, deixando ele desde sólido até um líquido viscoso.

Geralmente o silicone é resistente ao calor e outras coisas, então servem como agentes de vedação, proteção, etc. Aí vem a pergunta. Será que usar silicone em componentes plásticos do carro resseca eles? Será que as peças irão sofrer algum tipo de transformação, mudança de cor, etc?

Já presenciamos vários carros que regularmente eram levados a lava-rápidos, e silicone era passado nas partes de plástico de seu exterior. Com o tempo, nota-se que o plástico do carro começa a ficar esbranquiçado, ou queimado de branco.

Muitas vezes isso acontece já um dia depois da aplicação do silicone. Não sabemos se isso acontece com todo tipo de produto a base de silicone. Pode ser que os leitores do NA tenham tido uma boa experiência com algum produto específico. Se for o caso, pode citar nos comentários.

Agora vamos para o interior. O que dizer de aplicação de silicone no painel e outras partes plásticas? Eu pessoalmente não gosto, pois fica um pouco engordurado o local. Aí acabam retendo poeira, e fica uma meleca só.

Um pouco do produto acaba evaporando quando o carro fica em sol forte por várias horas. Aí, um efeito indesejado vai acontecer. O parabrisa ficará engordurado, por causa do silicone, e embaçará muito mais facilmente, gerando uma situação de perigo sob chuvas fortes.

Qual foi a sua experiência com este tipo de produto? Usa silicone ou prefere outro tipo de limpeza?



Se você não está vendo os comentários, desabilite extensões do tipo Adblock (que impedem a exibição dos comentários), ou adicione nosso site como exceção.