Crossovers SsangYong Vídeos

VÍDEO: SsangYong Korando 2016





  • Leonardo F J

    Não mostrou nada do interior…

  • Vattt

    Um carro bonito que quando estava mais forte no Brasil, poderia ter alcançado grandes voos, mas sumiu e muitas lojas fecharam. Seria uma fábrica bem mais interessante que a Chery e Jac juntas.

    • Lord Saboteaur

      O que faz vc pensar isso? A SsangYong já vai pela segunda vez que pidiu concordata na Koreia do Sul, Chery e JAC estão em posições mais sólidas. Porém, se essas duas tivessem trazido os carros mais “pá” (que nem SsangYong fez aqui) com certeza sua opinião seria outra.

      • Vattt

        “se” e apenas “se”, como não trazem nada de bom e com preço pra chinês abrir os olhos, vão ficar só na beirada mesmo. Claro que não poderiam fazer isso ou o Brasil fecharia as portas para eles, mas poderiam sim trazer alguns clones melhores e até projetos melhores.

      • A SsangYong pediu concordata duas vezes sim, uma quando era 100% coreana, em épocas de crise e outra quando pertenceu a chinesa SAIC, que só “xupinhava” a fabricante e sequer fazia qualquer investimento relevante. Ao ser assumida pelo governo coreano e posteriormente tendo seu controle adquirido pela Mahindra, a montadora deu um salto de qualidade, criou identidade própria (antes era inspirada na Mercedes-Benz) e figura com grande destaque em seu país, bem como em vários países do mundo. O SaangYong Tivoli e o atual Korando são expoentes de qualidade e fenomenos de venda, em especial o primeiro atualmente, e a nova geração do Korando, baseada em dos carros-conceitos recentemente apresentados, mostra que a marca agora tem um bom rumo, que é ser referência em SUV Crossovers.

        Hoje ela tem um forte potencial, e creio que a Mahindra só está esperando a Districar terminar seu contrato ou entregar a operação, bem como os novos lançamentos de linhas, para entrar com força no mercado latino americano, já com outro status.

        • Lord Saboteaur

          Não que queira discutir “gosto”, mas vc chama isso de sucesso?

          SSangYong
          All Models – Europe
          * 2015 *
          713
          689
          1.276
          994
          1.059
          1.389
          1.527
          876

          Acho a Korando muito bonita.

          • Para uma marca com um line-up antigo e recém recomeçando na Europa, está indo muito bem. Com seu line-up renovado, iniciado pelo Tivoli, a tendência é que a montadora em poucos anos a montadora chegue a posição de destaque no mercado mais competitivo. Na Coréia do Sul, o Tivoli já figura sempre entre os 10 ou 20 mais vendidos do país, mês a mês.

        • Junoba

          Só lembrando que a Mahindra fechou a fábrica por aqui a pouco tempo. É pra ficar de pé atrás deles também…

          • Na verdade quem fechou a fábrica foi a Bramont. A Mahindra só tinha representação própria por aqui e contratava a Bramont para que a mesma realizasse a montagem de seu veículo, e a carroceria era fabricada pela Acesita (Atual Aperam ArcelorMittal South América), em Pouso Alegre/MG… tinha toda uma logística e logística reversa para fazerem os veículos serem comercializados, que encareciam demais o produto (carroceria saia de MG, ia para o belém do Pará, pegava balsa até Manaus/AM, era montada sob o chassi, voltando o veículo pronto de balsa até Belém/PA e de lá ia para o CD em Uberlândia/MG, para então ser distribuído no Brasil).

            Não fico com o pé atrás, pois a Mahindra só tinha a representação no Brasil feita pela própria indiana, e os três veículos ofertados por aqui, que eram variantes de um só, arcaico – quase de nicho, não possuindo mercado para que a companhia passasse a importá-lo da Índia após o encerramento das operações da Bramont em Manaus/AM.

            • Junoba

              E com certeza não devem voltar ao mercado em relação a utilitários. Eles fazem tratores por aqui ( confirma isso ? ), mas com a crise no mercado, devem manter distância por um bom tempo.

              • Procede quanto aos tratores. A Bramont não fechou a fábrica de Dois Irmãos/RS, mas esta operação sempre foi representada pela chilena, sem responsabilidade direta da Mahindra Brasil, que encomendava os carros da Bramont, mas era a comercializadora.

                A indiana estuda vir a assumir a SsangYong no Brasil, e até mesmo utilizar a marca Mahindra na nova linha (iniciada pelo Tivoli), num recomeço das operações… mas tudo isto, após a crise.

  • Vini

    piorou.. o vendido aqui em 2013 era muito mais bonito.

  • Higo Belchior

    Não sei na cidade de vocês mas aqui em Fortaleza o Korando é relativamente fácil de ver nas ruas.

  • Fábio

    Uma pena que a Inovar-Auto quebrou as pernas da Ssangyong. O grupo que representa a marca tb é muito fraco, não investe em divulgação, parecem moscas mortas. É uma marca que tem muito potencial, mecânica confiável (alguns modelos usam mecânica Mercedes) e robustez. Em Goiânia tinha muita pick-up Actyon, dizem que quem tem é só elogios.

  • Garuda

    muito bonito

  • DINEIROO

    O nome da marca (“Ssangyong”) não tem apelo comercial…. aí complica

    • Claudio Abreu

      Nem essa?..

      • Junoba

        Não entendi a imagem…

        • Claudio Abreu

          Nada, foi só uma piada ‘cazalbé’ com o nome da moça (Syang).

  • Anderson

    tai um suv que eu queria ter…muito bonito



Send this to friend