_Destaque Antigos Europa Volkswagen

Volkswagen Fusca 1974 com menos de 100 km será leiloado na Europa

volkswagen fusca 1974 europa leilao 1

Se você está em busca de um Fusca, sabe muito bem que a missão de encontrar um exemplar do “besouro” em bom estado é bastante complicada. Porém, se grana não for problema, saiba que a casa de leilão Silverstone Auctions na Dinamarca vai anunciar no próximo dia 28 um Volkswagen Fusca ano 1974 com apenas (acredite se quiser) 60 milhas no painel, o que equivale a aproximadamente 96 quilômetros.

O raro Fusca 1974 foi adquirido em Gênova, na Itália, por um senhor idoso, sendo seu primeiro veículo. O automóvel foi utilizado pelo proprietário apenas para viagens curtas aos domingos, de sua casa para a igreja. Porém, com o passar do tempo, a ida do homem até a igreja começou a ficar menos frequente. O carro foi usado pela última vez em 1978 e, desde então, por quase quatro décadas, permaneceu armazenado em um celeiro.

volkswagen fusca 1974 europa leilao 5

O exemplar do Volkswagen Fusca tem pintura da carroceria na cor azul, interior com acabamento em couro preto, rodas calçadas com pneus originais e motor com óleo original. Além disso, o veículo mantém seus manuais e faturas originais.

“O Fusca é um dos carros mais bem-sucedidos e amados em todo o mundo”, disse Nick Whale, diretor administrativo da Silverstone Auctions. “Este é um exemplar muito especial e algo raro de se ver. Com uma quilometragem incrivelmente baixa, ele está em estado de novo, 42 anos após ter sido comprado”.

Ainda não se sabe o preço do Fusca, mas estima-se algo entre 35 mil e 40 mil euros.

Galeria de fotos do Volkswagen Fusca 1974





  • leandro

    Muito legal de ver, mas prefiro dirigir um carro 0 km 2016.

    • Rafael

      Quem comprar esse Fusca já terá alguns carros 0km pro dia a dia. Acho que a maioria dos colecionadores que pretendem comprar esse Fusca nem andarão com ele para manter o estado de 0km.

      • leandro

        Aqui em casa TB tem um fusca 76 que somos o 3° dono dele, tem chave reserva original, nota fiscal e manual. Tirei o platinado e coloquei ignição eletrônica. Excelente carro.

        Funciona exatamente como vc falou, ninguém anda nele, só quando alguém acha q seu carro ta ruim aí pega o fusca p dar uma voltinha, então percebe que estava numa Ferrari reclamando e não sabia.

        • Pacheco

          Só o manual original, nota fiscal e chave reserva já sobe o valor desse carro para acima dos 25 mil reais,

          Minha tia vendeu um 77 com manual, chave reserva, estepe original, nota de 0km (unica dona) e todos os documentos desde 0km por 45 mil reais. O cara comprou e colocou num cavalete. O carro tinha uns 40 mil km e dava uma volta no quarteirão a cada 10 dias para não estragar.

          • leandro

            Ah difícil sair daqui de casa, não por carinho, mas sim por preguiça de dar uma melhorada nele… Já ta com umas ferrugens precisando de funilaria, também já foi ‘engavetado’ uma vez e os dois pará choques e um paralamas não são originais e a diferença tá nítida.. Também já reformei os bancos que sol rasgou tudo.
            Acho q vale uns 10 mil depois de dar um tapa nele.. É muito bom mecanicamente, mas lata ta médio pra fraco

            • Pacheco

              Ah ta… então o carro tem coisas pra fazer. Achei que ele ainda estava original e inteirão. Porem, só de documentos vc tem os 10 mil ai. Se reformar e deixar inteiro e bem proximo do original, pode valer um dinheiro.

              Oh carro que o povo gosta de pagar caro viu.

          • Cris Dorneles

            Que otário esse cara que pagou esse valor, cruzes, tem louco pra tudo. Sem desmerecer, mas não vale 10 mil Temers, isso se bem cuidado. O Reginaldo de Campinas (outro mongol), tava vendendo um 1985 0 KM (à gasolina, um carburador, modelo extremamente raro), por 55 mil. Em vista do preço desse citado por ti, tá uma pechincha.

      • vicegag

        “interior com acabamento em couro preto”
        Aonde?

    • Ítalo Figueirôa

      AUheuaheuaheuae verdade kkkkkkkkk

  • Tosca16

    Recentemente eu ví um vídeo no Youtube do 1° Fiat fabricado no Brasil, o primeiro 147 rodando no RJ, o mesmo está com 112km rodados, algo assim … pertencente a uma revenda da FIAT.

    • ObservadorCWB

      É que ainda não terminaram o conserto…rsrsrs

      • Tosca16

        kkk …

      • Pacheco

        Eu riii.. kkkk

  • Racer

    Show de bola o Fusquinha….o parabrisa já era o maior mesmo em 74, coisa que aqui nunca colocaram. Até a posição do estepe é diferente.

    • Darlon Anacleto

      Sim. Incrível que em 74 já tinha muito mais conteúdo que o nosso, vendido até 86. O painel, os bancos, os tapetes, a forração do porta-malas… e continuou melhorando, vide os modelos 78.

    • Osni Duarte

      A posição do estepe é diferente porque o modelo alemão usava suspensão McPherson, enquanto aqui era por barra de torção.

      • ricmoriah

        Käfer Cabrio

        • Racer

          Muito legal. Assim eu queria um.

      • Racer

        Mais uma diferença. Então era igual a da Variant II.

    • Pacheco

      Uma vez me falaram que na Europa ele teve opção de cambio automatico… e existe 2 no Brasil.

  • Henrique Bedetti

    Muito legal. Como sempre acontece, os carros da Europa são sempre mais acabados que os nossos. Este painel me fez lembrar o painel do atual Up!

  • zekinha71

    Em 74 o Fusca de lá tinha um painel que nunca teve aqui, e os VWs daqui só tiveram nos anos 80.
    Agora deu pra ver como aqui era atrasado.

    • leandro

      Aquele painel das imagens nunca tivemos aqui.. O da década de 80 era o do final da de 70 porém de plástico. Quando lançaram o Itamar só adicionaram um relógio a esquerda como opcional e mudaram a cor pra cinza

    • Pacheco

      A VW não investia no carro, mesmo sendo o mais vendido e procurado.

  • Redpeak77

    Que lindo!
    Imagine para tirar o mofo do bichinho, fechado durante anos… o meu ficou alguns 3-4 meses e o mofo dominou todo o interior!
    Será que deram um trato antes de religar tudo? Se for os pneus originais, devem já estar “quadrados”.

  • Gran RS 78

    Olha a diferença de acabamento desse Fusca que era destinado aos mercados de primeiro mundo, como era superior ao modelo vendido no Brasil, sem mencionar que esse carro custava quase nada para eles.

  • JJ

    tem dois fuscas 0km ainda na concessionária da Volkswagen em Nova Petrópolis/RS um ano 86 e outro 96, ainda com os plásticos, bem bacana

  • Alexandre

    onde fica o tanque de combustível nesse modelo das fotos? parece que fica nos pes dos passageiros da frente.. mas nao sei a posiçao

    • gustavo

      O tanque e na frente no primeiro quadrado com carpete antes da coluna para lama.

  • Wagner Lopes

    Ofereço R$ 1,00 e a gasolina………………………..pra tocar fogo!…………….kkkkkkkkkkkkkk

  • Mr. Car

    Para nós, por este preço, pelo menos teria algo de exclusividade, seria um Fusca diferente. Já vi neguinho pedindo R$ 170.000,00 por um Fusca 1500 1975, he, he!

  • Jackson

    Olhem os vidros laterais maiores, pára-brisa arredondado, painel muito mais eficiente e baixo garantindo melhor visibilidade, porta-malas parece maior, ou seja, mesmo sendo de 74 era superior ao nosso de 86. Brasil sempre atrasado.

  • Cris Dorneles

    óleo original? que belezura deve estar.

  • The Monster Man

    Seria perfeito para minha coleção.

  • Moisés Nunes

    Interessante observar que desde aquela época os carros produzidos fora do Brasil já possuíam acabamento superior. Basta observar o painel diferente, protetor de assoalho, forração do porta malas. Lamentável…

    • meneghelli1972

      Pois é…, gostei do estepe deitado aproveitando melhor o espaço no porta malas, cor metálica linda, já tinha lanternas Fafa de Belem, item que só chegaria aqui 5 anos depois, o motor pelas fotos já dispunha de altenador e não mais o gerador “dinamo” que vivia dando problema junto com a bendita caixinha de voltagem, bancos altos em COURO, aqui era aquela porcaria do courvin, realmente um FUSCA….

  • Leandro

    E eu achava que andava pouco com meu carro, depois dessa, não mais….

  • Autofahrer!

    É uma pena que esta geração do Fusca não foi produzida aqui. Aqui encalhou em 1962 e foram “tapeando” com cosmética. O 1303 tem um perfil esportivo interessante.



Send this to friend