India Mercado Sedãs Volkswagen

Volkswagen Jetta não terá nova geração na Índia

volkswagen-jetta-2015-oficiais-1

O Volkswagen Jetta terá nova geração a partir de 2017. O tradicional sedã médio da marca alemã será mais sofisticado, porém, terá seu preço elevado. Por conta disso, o modelo não deverá ser atualizado no mercado indiano, onde é montado em CKD.

A ideia é manter o modelo atual com peças importadas, o que indica a produção do Jetta da sexta geração por mais algum tempo em outras regiões do mundo. O Novo Jetta terá plataforma MQB e será mais eficiente. Na Índia, o sedã é o segundo mais vendido do grupo no segmento médio, tendo o Skoda Octavia como líder.

[Fonte: Autocar Índia]





  • Fabio Marquez

    Por aqui deve rolar a mesma coisa. A produção no México é modernizada para ser enviada ao mercado americano, e nós ficamos com o maquinário inutilizado deles. Mas eu sinceramente acho que o Jetta atual ainda da um caldo na maioria dos concorrrentes. Teria um 2.0 TSi facilmente, mesmo “obsoleto”.

    • Gustavo73

      Não teria lógica. O daqui é feito no sistema CKD e só uma versão a Confortline com as peças vindas do México. A Trendline e Highline são importadas do México.

      • Franco da Silva

        O que será que teremos no Brasil?! A tendência é alongar um pouco a vida dele e esperar o Voyage realmente novo, que será maior. Falaram em “Santana” mas não saiu…

        • Gustavo73

          Esse Santana já virou lenda. Mas só teria sentido se ele fosse um compacto grande (Cobalt) e o Voyage só com a nova geração do Gol 18/19 provavelmente. Já o Jetta como o México concentra a produção mundial saindo lá não deve demorar para chegar aqui. Até porque os sedans vendem bem é só a VW acertar o passo. Inclusive ela deveria montar a Tiguan aqui já que os SUV são os queridinhos. Um SIV compacto deveria chegar antes do novo Fox.

          • André

            Os indianos já tem o Skoda Octavia, não precisam de Jetta de nova geração.

          • Pacheco

            A VW deveria lançar seus SUV só como Audi, até mesmo o concorrente do Renegade e HR-V.

            E em breve o Fox deve ficar mais Polo que Fox e o Voyage assumir melhor como concorrente do Cobalt e Versa.

            • Gustavo73

              Já falamos sobre isso acho mais fácil o VW na faixa do HRV e cia r o Audi loho acima já que esse seguindo a linha da Audi sempre será completo nos itens de segurança com um TSi no cofre. O VW começaria vom o 1.6 MSi na versão de entrada usando o 1.0 Tsi no top. Se o 1.6 tivesse preço de 2008 Allure com lista de equipamentos parecida chegando nos 90 k com o 1.0 Tsi no cofre(muito bem equipado. E o Audi Q2 na faixa dos 95, mas com menos equipamentos de conveniência como é hoje as versões do A3 sedan já não seria ruim. A VWB não vai abrir mão desse mercado que cresce tanto.

              • Pacheco

                Eu já acho que o Audi Q2 com 1.0 Turbo e bem equipado na faixa dos 89 mil reais iria vender mais de 5 mil unidades por mês.

                • Gustavo73

                  Não sei se venderia tanto pelo tamanho da rede da Audi mas sem dúvida faria barulho. Acho que a questão é atingir uma relação cxb relevante na categoria tanto para o VW quanto para o Audi. Um altinho da VW com preços entre 70 e 90 mil equipados como se deve e o Audi logo acima 95/105 também com uma lista polpuda de equipamentos nesse caso de conveniência aonde a Audi peca nos modelos mais baratos. Poderia mexer na categoria.

                  • Pacheco

                    A Hyundai HB e a Jeep tem poucas concessionárias e olha o estrago que estão fazendo amigo.

                    A Audi só precisava fechar revisões tabeladas e disponibilizar o carro. Iria vender até outros modelos com o aumento da marca.

                    O A3 mesmo iria aumentar muito as vendas. Gente procurando um carro e gostando do outro. Indicando, dando resultados.

                    Pode ver como as vendas de outros Jeep’s subiram com a procura maior pelo Renegade.

                    Fui numa concessionária ver a Grand Cherokee e um casal começou no Renegade e deu uma olhada em toda linha. A mulher do cara pirou na Grand, desistiram por causa do preço.

                    • Gustavo73

                      Hyundai e Jeep tem poucas CSS frente as 4 grandes, mas tem bem mais que a Audi.

                    • Pacheco

                      A Jeep tbm não tinha. Abriu mais de 100 em menos de 6 meses. Só estimular e colocar o carro no preço.

                    • Gustavo73

                      Concordo que podem investir nesse sentido. Mas o preço do Renegade flex com pacote de segurança e equipamentos além do básico é 105 mil. Por 90 k ele tem só 2ab, bancos em tecido e Ar-condicionado manual.

                    • Pacheco

                      Lança o Q2 assim… coloca ele por 89 mil com um pacote interessante e outra versão por 110 mil e a top por 135 mil. Pronto, já tem o mercado pra moder.

    • Matthew

      Devemos lembrar também que a Índia tributa carro por metro, os que ultrapassam os 4 metros de comprimento pagam mais imposto, assim como acontece aqui na Bananaia para os motores de até 1 litro. O nosso Ka+ teve de ser encurtado para se enquadrar nessa alíquota de tributação do mercado local. Talvez esse aspecto tenha pesado na decisão.
      Se chegar ao nosso mercado a nova geração, com certeza será promovido à categoria superior, tal como aconteceu com o Civic X.

    • Franco da Silva

      Eu também. Ainda não saiu geração de concorrentes que seja melhor, no máximo igual. A única coisa que “mata” é o painel curto, aquilo ali denuncia a idade do projeto. Mas os motores 1.4 e 2.0 são muito bons, quem quiser tem versão bem equipada… é um carro muito bom.

    • Cesar Oliveira

      O pior é que parece que a Volks se arrependeu de fazer o novo Golf aqui. Pra eles era melhor ter trazido o novo Santana chinês.

      • Pacheco

        Olha… se arrepender eu não sei, mas que ela perceber que estragou o carro capando ele, ela percebeu.

        O carro é totalmente diferente daquele Golf Alemão que chegou aqui a 2 anos atras.

  • LLace

    Será mais sofisticado como propriamente dito pela reportagem, e também, parece que vai ser cupê. Acredito que será mais caro que o Civic Touring se bobear..

  • Speed Racer

    Tenho um 2.0T Higline e digo fácil que é o melhor carro que já tive. Acelerações violentas e uma estabilidade sem igual na categoria, dinamicamente é páreo para Audi e BMW podem acreditar.

    • Rbs

      Com esse nome de Speed Racer quem é doido de duvidar?

    • Pacheco

      É a unica versão que presta.

      • Eduardo Perrone Barbosa

        O 1.4T anda razoavelmente bem, mais que Corolla 2.0.

        • Pacheco

          O problema é que vem pelado igual o Corolla XE-I.

          • Eduardo Perrone Barbosa

            Vem com ESC, ASR na Trendline e mais Hill Assist na Confortline.

            • Pacheco

              Opa… parece que aprenderam e rechearam o carro. Ai sim.

    • Freaky Boss

      esse carro é um audi, só que com símbolo da VW.

  • Tadeu GF

    Eu gosto muito desse modelo do Jetta. Não trocaria ele por nenhum outro sedan do mercado brasileiro (nem pelo “espetacular” new new new Civc). Acho que ainda aguenta fácil mais uns anos sem mudar, ainda mais agora que extinguiram aquela porcaria de versão 2.0 aspirada.

  • Fabão Rocky

    Juro q pensei q fosse um Voyage c/ faróis de led.

  • CanalhaRS

    A cada geração o Jetta fica maior e mais caro. Vai acabar abrindo uma lacuna para a volta do Golf sedã (ou Vento)