Volkswagen Tiguan é chamado para recall por possível falha nos airbags

28/03/2016

Der neue Volkswagen Tiguan

A Volkswagen anunciou na última semana um recall para o Tiguan no Brasil. Segundo o divulgado da marca, 33 exemplares do crossover, produzidos entre 15 e 22 de janeiro de 2015, com numeração de chassi entre FW569910 e FW572560, podem apresentar falha nos airbags laterais.

A empresa constatou que as bolsas infláveis laterais dos bancos dianteiros do Tiguan podem conter um defeito de produção, que resulta em fratura do gerador de gás do airbag. Devido a esse problema, há possibilidade de formação de trincas, resultando na projeção de fragmentos no interior do veículo, com risco de danos físicos aos ocupantes.

O reparo é gratuito, com tempo estimado de quatro horas, e consiste na verificação e, se necessário, substituição dos airbags laterais. Para maiores informações, a VW disponibiliza o telefone 0800 019 8866 e o site www.vw.com.br.









  • Rodrigo

    Esse é o mesmo problema dos airbags da Denso que afetaram Honda, Subaru e Toyota, procede? Mais um modelo pra conta e se bobear outros (de outras montadoras) virão.

    • Edson Fernandes

      Não, não é. O das japonesas o Airbag pode não acionar mesmo com o sensor identificando sua necessidade. Esse o airbag no inflar, pode gerar detritos contra ocupantes.

      • Rodrigo

        Acho que pode ser sim… Consegui resgatar a descrição de uma notícia de 2014 envolvendo Honda e Toyota, sobre o mesmo motivo. Veja abaixo. Só me equivoquei com o nome do fabricante. É Takata ao invés de Denso.

        Problema envolve mais montadoras

        Entre 2013 e 2014, mais de 21 milhões de carros fabricados por montadoras japonesas foram chamados, em virtude do defeito no airbag fornecido por uma mesma empresa, a Takata.

        Lesões causadas pelos estilhaços lançados na abertura desses airbags são ligadas a 5 mortes, todas no exterior: 4 nos Estados Unidos e 1 na Malásia.

        A Honda diz que não foram registrados quaisquer incidentes com as unidades comercializadas no Brasil. Além dela, Toyota e Nissan abriram chamados no país por conta desse problema.

        • Edson Fernandes

          Rodrigo, há uma diferença no tipo:
          Desses é o estilhaço da cobertura que reveste o local de saida do air bag. O caso da VW é um pouco mais preocupante porque se trata da peça que solta o gás do air bag machucar junto do estilhaço. A depender de como esse gás irá direcionar a peça, isso pode ser ainda mais grave.