Volvo quer eliminar a chave de seus carros a partir de 2017

19/02/2016

novo-volvo-s90-12

Na MWC (Mobile World Congress), evento de tecnologia realizado em Barcelona, a Volvo anunciou que pretende substituir a chave física de seus carros por uma digital, ativada através do smartphone.

Para a marca sueca, o smartphone pode substituir perfeitamente a chave do carro, permitindo que o proprietário acesse o veículo e dê a partida. Além disso, outras funcionalidades serão disponibilizadas através do aparelho móvel, entre elas o compartilhamento do automóvel.

Tudo é feito através de conexão Bluetooth. Com essa tecnologia, será possível permitir que outras pessoas utilizem o modelo da Volvo, assim como o proprietário também poderá acessar outro veículo quando necessitar. No ano passado, a empresa revelou uma pulseira eletrônica que também dá acesso ao carro.









  • Hélio

    existem uns programas na tv de restauração de coisas velhas…
    hoje já tomam um couro para reformar algo e deixar funcional…
    fico imaginando como serão esses mesmos programas no futuro

    • Lenon Slater

      Já me perguntei a mesma coisa kkkk mas pensando bem, acho que a tecnologia avança para todos os lados, hoje resolver um problema de algo deste nível é surreal, mas logo se tornará banal… ACHO !

    • ObservadorCWB

      Parece ser o destino. Tudo fica descartável. Sei que motores pequenos e turbinados são mais leves, mais eficientes , menos poluidores e geram desempenho semelhante (com o carro vazio), mas acho difícil vê-los rodando dentro de 30 ou 40 anos como das “barcas V6” americanas, que muitas vezes estão prontas para o trabalho, mesmo abandonados por anos. E olhe que bloco e cabeçotes eram de ferro fundido na época, sofrendo com corrosão interna e externa. E o que falar de toda a eletrônica embarcada ? Como substituir ? A meu ver somente carros “fora de série” valerão a pena serem RESTAURADA. A grande maioria será mesmo RECICLADA. Voltando a reportagem……não sei não, aqui no Brasil onde te roubam o celular em qualquer lugar, a questão da bateria e outras….por que não fazer então um sistema por digital do dono (nos iphones funciona a contento), mas na banânia iriam cortar o dedo do condutor rsrsrsr.

  • truco

    e quantas vezes ja me faltou bateria!!
    Acho que 2017 ainda muito cedo.

    • ÓQUEI

      Mas acho que devam fazer algo que reconheça a presença do celular próximo do carro, tal qual as chaves presenciais atuais.

      • radiobrasil

        Solução seria deixar acesso por codigo na coluna, como acontece no Fusion. Acabou a bateria do celular? Digita a senha e entra no carro para carregar rsss
        Falando nesses codigos, usei 1 ou 2 vezes na vida só pra ver como funciona e nunca mais.

      • Luiz

        Mas a chave presencial necessita de pilhas, se não ter pilha você tem que usar a parte física da chave.

        • Yan Oliveira

          Mas a chave do carro eu não tenho que colocar no carregador todo dia quando chego em casa.

  • zekinha71

    É melhor colocaram 4 rodas nos celulares e pararem de fazer carros.

    • ÓQUEI

      kkakakakaka

    • David Diniz

      Nissan Leaf e os modelo das tesla já são smartphones com rodas.

  • FocusMan

    Ja pensaram esse tipo de carro no brasil?

    Há duas semanas atrás por exemplo eu fui assaltado enquanto caminhava e levaram meu celular. Ficaria eu sem abrir o carro depois disso?

    • radiobrasil

      Solução seria deixar acesso por codigo na coluna, como acontece no
      Fusion. Ta sem celular? Um sistema com senhas de emergencia para ligar o carro

      • FocusMan

        Boa idéia. Assim acredito ser interessante.
        +

    • leitor

      Aqui no Brasil precisa mesmo de outras soluções. Na terra deles, como não tem ladrões como aqui nem precisa. E o mercado deles é mais interessante pra eles. O problema seria a troca de celular e ficar com o mesmo carro. Que poderia servir de razão pra trocar de carro também.

    • ESouza

      Arruma outro celular, baixa o app, entra com user/senha e pronto..

      • FocusMan

        Hoje em dia eu apenas pegaria um taxi e iria até minha casa pegar a chave reserva. Ou pediria para alguma pessoa de casa trazer para mim. Muito mais simples.

  • Fabio Marquez

    Ai a bateria do celular, que com os aplicativos atuais tem durado cada vez menos, acaba, você fica na rua sem carro.

    • radiobrasil

      Os que mais DETONAM a bateria: Skype e FB Messenger.

      • Fabio Marquez

        Mesmo no carregador o Waze gasta bateria…rs

  • Luciano

    E qtas vezes eu já quis sair sem meu cel!!!

  • EuMeSmObYmYsElF

    aí acaba a bateria do celular e você fica a pé..

  • MG

    E se o cara bebe e perde o smartphone, como que fica?

    • Lucas Pellizon

      Daí ele não deveria partir com o carro :D

  • leitor

    Poderia ser algo como um chaveiro, mesmo sem chave. E ser aplicado em outro dispositivo. Se o celular estiver sem carga bastante devido outro uso recente vai ser ruim pra funcionar e pior ainda pra encontrar um serviço de socorro.

  • leitor

    Poderia ser algo como um chaveiro, mesmo sem chave e ser aplicado em outro dispositivo também. Se o celular estiver sem carga bastante devido outro uso recente vai ser ruim pra funcionar e pior ainda pra encontrar um serviço de socorro. E na troca do celular por um mais novo aquele protocolo para passar o comando.

  • V12 for life

    Legal depois disso é só criarem um app para hackear o carro e o ladrão leva embora mais rápido que nos anos 80.

  • Felipe

    Aí você está sem bateria e sem um cabo pra recarregá-la.

    Agora você tem 3 problemas.

  • Lauro Agrizzi

    O pior é que os projetistas não tem a menor ideia do que vai acontecer no futuro. E se acabar o celular? mudar a tecnologia? Vai ab rir o carro com o que?

  • Lucas Mattos Azevedo

    Aí a bateria do celular acaba e você precisa voltar pra casa de ônibus.
    Ótimo.

  • KOWALSKI

    Ao invés de chave micha, o ladrão pode usar um ‘hack’ para roubar seu carro, muito refinado, não?

  • GPE

    Desnecessário. POderia até ser usado como alternativa, mas retirar a chave implica numa série de coisas.